1 Ed. Revista Polo de Inovação Teófilo Otoni

download 1 Ed. Revista Polo de Inovação Teófilo Otoni

of 15

Embed Size (px)

description

Matérias referentes aos projetos do Polo de Inovação para cidade de Teófilo Otoni e região.

Transcript of 1 Ed. Revista Polo de Inovação Teófilo Otoni

  • 1. APRESENTAO / AO LEITOR O Polo de Inovao de Tefilo Otoni est in- var parcerias, descobrindo a importncia que aserido dentro das polticas pblicas da Secre-integrao entre o Ensino Superior Empresastaria de Estado de Cincia, Tecnologia e Ensi- Governo assume na lgica para inovao eno Superior SECTES para o desenvolvimento desenvolvimento regional, principalmente emsocioeconmico do nordeste de Minas Gerais. regies menos desenvolvidas, como no nossoPara tanto, contou, substancialmente, com o caso.apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvi-Nesta Revista esto postas as aes intrn-mento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri secas aos setores como floricultura, cachaa, SEDVAN, por meio do Instituto de Desenvol-cermica e pedras preciosas, bem como aque-vimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais las ligadas popularizao da cincia e ao IDENE.projeto TEIA. Alm disso, as instituies locais com grande satisfao que apresentamos de ensino superior contriburam para essa pri-a Revista Polo de Inovao como registro de meira publicao, acrescentando informaesalgumas aes desenvolvidas at o final doreferentes a algum projeto ou pesquisa queano de 2010. Dessa forma, vale lembrar aqui estejam desenvolvendo, cujo termo inovaoos principais objetivos desse grande desafio, e esteja inerente aos trabalhos.a Inovao se tornou, estrategicamente, a pa- O mais importante, afinal, contribuir comlavra-chave desse processo. Assim, tudo que a transformao do conhecimento em infor-se articulou e se planejou durante os anos de maes teis e que podem ser aplicadas Vista panormica de Tefilo OtoniPedra da Baleia - BR 1162009 e 2010 est atrelado formao de recur-sociedade. Trabalhar com Cincia, Tecnologiasos humanos; articulao entre os setores e Inovao no nordeste mineiro tem sido umpblico e privado e entre as empresas e asgrande desafio e, dessa forma, acreditar nainstituies de ensino e pesquisa; ao fomento transformao desse espao desigual esti-a vocaes e atividades locais; e introduomulante para nossa equipe.das questes relativas ao empreendedorismoe uso de tecnologias da web 2.0, o TEIA-MG. Hilton Manoel Dias Ribeiro Coordenador doO termo learning-by-doing, utilizado por im-Polo de Inovao de Tefilo Otoniportantes economistas como Kenneth Arrowpara explicar os efeitos da inovao dentro desua teoria de crescimento econmico, podeser tambm aplicado ao nosso caso, tendo emvista que nosso grupo foi aprendendo e ama-durecendo os projetos medida que trabalh-vamos. Fomos aprendendo a articular e efeti-

2. Sumrio4.20.EspecialUFVJMEntrevista com o Secretrio - Avanos do Instituto dede Estado Alberto Duque Cincia e Tecnologia ICT.Portugal.Expediente6.22.UNIPACPolticas SECTESPesquisa e DesenvolvimentoREVISTA POLO DE INOVAOA Plataforma Polos de In- em Robtica.DE TEFILO OTONIovao.24.GESTO EDITORIAL: 8.DOCTUMOade AndradeUNITPesquisa e desenvolvimentoHilton Manoel Dias RibeiroGemas e Jias.de Aplicaes Interativaspara TV Digital.JORNALISTA / EDIO:10.Mariana Rocha Tecnologia e Criatividade 26.Inovao na Produo de Notcias SECTESREVISO:Leila Maria RodriguesMudas e Plantas Ornamen-Conquista do Prmio PMQ tais. 2010.PROJETO GRFIcO E DIAGRAmAO:Leandro Dias e Oade Andrade 12. 28.A Aguardente dasEquipeImPRESSO:Minas GeraisPolo de Inovao TefiloGrfica ModeloInovao na Cadeia Produti- Otoni.va da Cachaa Artesanal deTIRAGEm:Alambique de Cobre no Vale1.000 exemplaresdo Mucuri.PERIODIcIDADE:14.semestral Saberes e Fazeres doMucuriNovas Tecnologias Para aAGRADEcImENTOSCermica do Mucuri.Agradecemos a todos os colaboradores destapublicao, aos parceiros do Polo de Inovaode Tefilo Otoni e assessoria de comunica-16.o e equipe central da SDCT / SECTES.Teia no Vale do MucuriA Capacitao de Mil Agen-tes Jovens EmpreendedoresREDAO:polodeinovacaoto@polodeinovacaoto.com.br18.Tel: (33)3529-1050Popularizao da CinciaR. Teodolino Pereira 347, Tefilo Otoni - MGParque da Cincia ContribuiCep: 39.800-151 Para a Popularizao doConhecimento Cientficowww.polodeinovacaoto.ning.comCopyright 2010 Plo de Inovao de Tefilo Otoni 3. Inovao uma iniciati- com nfase em inovao.O Governo de Es- va da Sectes que buscatado est prepa-concentrar estruturas deQuais so as perspecti-ensino e pesquisa e mas- vas da SECTES para o futu- ESPECIAL rando Minas parase tornar lder nasa crtica de recursos hu-manos; fomentar projetosespeciais de inovao; e ro? Com o fortalecimento dacapacitar mediadores deSECTES e da FAPEMIG noseconomia do co- rede de internet, o chama- ltimos anos, o Governo denhecimento (...) do projeto TEIA-MG. DessaMinas pode aumentar suas estratgias ligadas cin-forma, o Polo de Inovaode Tefilo Otoni, nessecia, tecnologia e inovaoENTREVISTADUQUE PORTUGAL critica de recursos huma-tempo de trabalho, podepara o desenvolvimento nos, inclusive em nvel de efetivar essas propostas.do estado. As perspectivas doutorado, o que tem sidoO Polo construiu uma redefuturas so boas no que se uma prioridade. H tam-de parcerias entre institui- refere s aes da Sectes,SECRETRIO ALBERTO bm um esforo de fortale- cimento do ensino tcnico.es de ensino superior,rgos do governo e mem- principalmente por conta da consolidao da idia Recurso humano qualifica-bros da sociedade civil; fo- de que se precisa investirEM E N TR E V I S TA A O P O LO D E I NOVA O DE TEF I LO OTONI , O SE CR E TRIO DEdo abundante um pr- mentou projetos especiaisna economia do conheci-ESTA D O D E C I N C I A , T E C N O LO GI A E E N SI N O SuPER I OR DE M I N A S GE R A IS SEC- requisito fundamental. Se-TES / MG, D R . ALb E RTO D uQ uE PORTuGA L A PR ESEN TOu OS DESA F I OS E AS PRO- gunda, preciso agregar de inovao emP O S TA S G E RA I S D A S E C T E S PA R A A S R E GI E S NORTE E NOR DESTE DO E STADO. O valor a economia da regio setores consoli- (...) o investimento emSECR E T R I O E N GE N H E I R O AGR N OM O F OR M A DO PE LA uN I V E R SI DA DE FEDERAL e diversific-las atravs de dados da regio,RuR A L D O RI O D E J AN E I R O ( uF RR J) . DOuTOR E M SI STEM A S A GR COL AS PEL Aprojetos de inovao apli- como floricultu- cincia, tecnologia e inova-uNI V E R S I Ty O F R E A D I N G ( I N G L ATERRA ). E NTRE OS DIVERSOS CARGOS OCuPADOS, cados s atividades eco- ra, cachaa, ar- o, com recursos huma-ALb E RTO PO RT uGAL F O I N O M E A DO DI R E TOR Ex ECuTI V O DA E M bR A PA; AT uOu nmicas locais. Terceiro,tesanato, gemasTAM b M C O M O S E C R E TR I O E x E CuTI V O E M I N I STR O I NTE R I NO DA A GR I CuLT uRA, preciso criar o ambiente e jias. Vale des- nos qualificados, o grandePECu RI A , A b A S T E C I M E N TO. E M 1995 A SSuM I u A PR ESI D N CI A DA EM bRAPA, FI-de inovao, facilitando a tacar tambmCAND O N O C AR GO AT J AN E I R O DE 2003. A LbE RTO PORTuGA L F OI TA M bM DIRE-interao entre as univer- que foram arti-instrumento para a inter- sidades, empresas e go-culados projetosTO R DA A G N C I A D E I N O VA O DA uNI CA M P (I NOVA ) ; F OI SE CR E T R I O- ADJ uNTODE E S TA D O D E A GR I C uLT uR A, P ECu R I A E A bA STECI M EN TO DE M I N A S G ERAIS Everno e criando uma atitu- para populariza- veno do Estado.DIR E TO R E xEC uT I VO D O C O N S E LHO NA CI ONA L DO CA F (CN C) .de que valorize a inovao o da cincia e na sociedade.incluso digital, alm demento para alcanar o de-Qual a viso do GovernoNessas regies que tem so diferentes, quando O que o Senhor tem a di- alcanarem a meta para a senvolvimento, atenuandode Minas para o desenvol-um desafio de acelerar o se compara as regies do zer a respeito dos resulta-formao dos 1000 Agentesat mesmo os desequil-vimento da Cincia, Tecno- processo de desenvolvi-centro-sul mineiro com asdos do Polo de Inovao de TEIA, o que contribui para brios regionais existentes.logia e Inovao para as mento, o Governo entende regies do norte e nordes- Tefilo Otoni? a criao de uma cultura O governo dever conti-regies do norte e nordes- que, alm da infra-estru-te? de empreendedorismo, nuar inserindo Cincia ete do estado?tura fsica construda (es-A plataforma Polos de compreendendo negcios Tecnologia dentro de suas tradas, telefonia, hospitais Os grandes contrastesreas prioritrias, contri-O Governo de Estado est etc.) o investimento emsocioeconmicos obser- buindo para que a socie-preparando Minas para setornar lder na economia cincia, tecnologia e inova- o, com recursos huma-vados entre as regies deMinas, criando principal- (...) preciso criar o ambiente de dade perceba que C, T & I so fatores significativosdo conhecimento e, dessa nos qualificados, o grande mente uma clara divisoinovao, facilitando a interao en- para o desenvolvimentoforma, os investimentosinstrumento para a inter-entre o norte e o sul do das regies mineiras.feitos na rea de cincia, veno do Estado.estado, exigem uma estra-tre as universidades, empresas e go-tecnologia, inovao e en-tgia diferenciada para osino superior foram funda- As barreiras para aplica-norte e nordeste. Primeiro,verno(...)mentais nesse processo. o de polticas de C,T&I preciso adensar a massa4| POLO DE INOVAO DE TEFILO OTONI POLO DE INOVAO DE TEFILO OTONI | 5 4. derado por ser o centro onde Elaborar um Plano Di- a implantao do projetose concentram a uNIMONTES, retor visando definir em quePolos de Inovao, seguindoCentros avanados da uFMG, reas e quais investimentos as trs orientaes estratgi-uFV, faculdades particulares e seriam necessrios para que cas definidas na nota tcnicaP L ATA F O R M Acentros de pesquisa. O focoas Cidades polo se consoli- aprovada pelo governador eprincipal ser concentrar mas- dem como Polos de Inova-incorporadas pela Secretariasa critica de pesquisadores eo;de Estado de Planejamentoestruturas de pesquisa, cons-e Gesto de Minas Gerais -P O LO S D E I N O VA Otruindo bases de excelncia Atender s demandasSEPLAG - a partir do planeja-em mestrados e doutorados,de inovao identificadas nosmento de 2008. Em 2010, teveespecialmente organizados planos diretores dos Polos deinicio a consolidao da Plata-para atender as especificida- Inovao, atravs de projetosforma Polos de Inovao, in-des regionais;especiais finan