1º SEMESTRE - 2013‡ÃO UNIFICADA 2017 PEDAGOGIA/6ºPERÍODO CADERNO DE QUESTÕES INSTRUÇÕES...

of 18/18
AVALIAÇÃO UNIFICADA 2017 PEDAGOGIA/6ºPERÍODO CADERNO DE QUESTÕES Nome CURSO/PERIODO PEDAGOGIA - 6º PERÍODO - DATA: 25/09/2017 INSTRUÇÕES Você está recebendo o CADERNO DE QUESTÕES e a FOLHA DE RESPOSTA. Para cada questão há somente uma alternativa correta. Assinale na folha de respostas a alternativa que julgar correta. Não é permitido nenhum tipo de consulta, incluindo Calculadoras e Códigos Jurídicos. O cartão de resposta não será substituído em hipótese alguma. Tempo máximo para entrega da prova: 3 horas Tempo mínimo para entrega da prova: 1 hora
  • date post

    09-Nov-2018
  • Category

    Documents

  • view

    216
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of 1º SEMESTRE - 2013‡ÃO UNIFICADA 2017 PEDAGOGIA/6ºPERÍODO CADERNO DE QUESTÕES INSTRUÇÕES...

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    CADERNO DE QUESTES

    Nome

    CURSO/PERIODO

    PEDAGOGIA - 6 PERODO - DATA: 25/09/2017

    1 SEMESTRE - 2013

    INSTRUES

    Voc est recebendo o CADERNO DE QUESTES e a FOLHA DE

    RESPOSTA.

    Para cada questo h somente uma alternativa correta. Assinale na folha de

    respostas a alternativa que julgar correta.

    No permitido nenhum tipo de consulta, incluindo Calculadoras e Cdigos

    Jurdicos.

    O carto de resposta no ser substitudo em hiptese alguma.

    Tempo mximo para entrega da prova: 3 horas

    Tempo mnimo para entrega da prova: 1 hora

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    GABARITO RASCUNHO

    01 A B C D

    02 A B C D

    03 A B C D

    04 A B C D

    05 A B C D

    06 A B C D

    07 A B C D

    08 A B C D

    09 A B C D

    10 A B C D

    11 A B C D

    12 A B C D

    13 A B C D

    14 A B C D

    15 A B C D

    16 A B C D

    17 A B C D

    18 A B C D

    19 A B C D

    20 A B C D

    21 A B C D

    22 A B C D

    23 A B C D

    24 A B C D

    25 A B C D

    26 A B C D

    27 A B C D

    28 A B C D

    29 A B C D

    30 A B C D

    31 A B C D

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Disciplina: Educao ambiental

    Prof: Carla Magioni Fracasso

    Questo 01 No que se refere ao entendimento da Educao Ambiental e da Poltica Nacional de

    Educao Ambiental, analise:

    I. A primeira deve ter como base o pensamento crtico e inovador, em qualquer

    tempo ou lugar, em seus modos formal, no formal e informal, promovendo a

    transformao e a construo da sociedade.

    II. A primeira pode ser entendida como os processos por meio dos quais o

    indivduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades,

    atitudes e competncias voltadas para a conservao do meio ambiente.

    III. A primeira um componente essencial e permanente da educao nacional,

    devendo estar presente de forma articulada e, segundo a Constituio Federal, restrita a

    todos os nveis e modalidades do processo educativo de carter formal.

    IV. A segunda tem sua esfera de ao restrita aos rgos e entidades integrantes do

    Sistema Nacional de Meio Ambiente e instituies educacionais pblicas e privadas dos

    sistemas de ensino.

    V. A segunda coordenada por um rgo gestor que define as diretrizes para sua

    implementao e articula, coordena e supervisiona os planos, programas e projetos na

    rea de educao ambiental em mbito nacional.

    correto o que consta APENAS em:

    a) I, II e IV.

    b) I, II e V.

    c) I, IV e V.

    d) II, III, IV e V.

    Questo 02

    Ao incluirmos a espcie humana como parte integrada da natureza, entende-se que uma

    viso socioambiental exige:

    a) que o meio ambiente seja preservado o mais intocado possvel, possibilitando a

    sobrevivncia das espcies existentes, inclusive a humana;

    b) a interpretao do meio ambiente como um campo de interaes entre a cultura, a

    sociedade e as bases fsica e biolgica dos processos vitais;

    c) o reconhecimento da separao entre aspectos culturais e sociais daqueles ditos

    naturais para possibilitar a manuteno da vida na Terra;

    d) interpretaes das intervenes humanas no ambiente, baseadas mais em valores

    socioculturais e menos nos aspectos ecolgicos.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Questo 03

    Sobre o problema ambiental retratado na tirinha, podemos afirmar que seu principal

    causador

    a) metano (CH4), contribuindo com a maior parte dos gases de efeito estufa; alm disso, considerado um biogs, pois pode ser produzido pela digesto de animais ou pela

    decomposio de material orgnico.

    b) dixido de carbono (CO2) ou gs carbonico contribuindo com cerca de 50% dos

    gases de efeito estufa, tendo como principais fontes antropognicas a queima de

    combustveis fsseis e o desmatamento.

    c) enxofre e seus compostos (SOx), que provocam a acidificao do vapor de gua na

    atmosfera, causando adensamento das nuvens, o que diminui a liberao de calor para o

    espao.

    d) enxofre e seus compostos (SOx), que provocam a acidificao do vapor de gua na

    atmosfera, causando adensamento das nuvens, o que diminui a liberao de calor para o

    espao.

    Disciplina: Estatstica Aplicada a Educao II

    Prof.: Flvio Silva Rezende

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Questo 04 (ENADE/2011)

    A tabela a seguir mostra dados de matrculas no Brasil, por etapas e modalidades, entre

    2008 e 2010.

    Matrculas (em mil), por etapas e modalidades de ensino, 2008 a 2010

    Ano Total Educao

    Infantil

    Ensino

    Fundamental

    Ensino

    Mdio

    Educao

    Especial (1)

    Educao de

    Jovens e

    Adultos

    Educao

    Profissional (2)

    2008 53.232 6.719 32.087 8.366 320 4.945 795

    2009 52.581 6.763 31.706 8.337 253 4.661 861

    2010 51.550 7.757 31.005 8.358 218 4.287 925

    (1) Educao Especial: inclui matrculas de escolas exclusivamente especializadas e/ou

    classes especiais do ensino regular e/ou educao de jovens e adultos.

    (2) Educao Profissional: no inclui matrculas de educao profissional integrada ao

    ensino mdio.

    Disponvel em: . Acesso em: 09 out. 2011

    (com adaptaes)

    A partir das informaes da tabela e considerando o disposto na Lei n. 9.394/1996

    (LDB), avalie as afirmaes que se seguem.

    I. Em 2010, a Educao Bsica totalizou 46.120 matrculas.

    II. Nos dados da Educao Infantil, esto includos estudantes matriculados em creches

    (ou entidades equivalentes) e pr-escolas.

    III. A diminuio do nmero de matrculas em escolas e classes exclusivas para

    Educao Especial pode ser explicada pela adoo de polticas pblicas que priorizam a

    educao inclusiva para estudantes que requerem atendimento educacional

    especializado.

    IV. No trinio 2008-2010, a Educao de Jovens de Adultos apresentou, em termos

    percentuais, o maior decrscimo do nmero de matrculas entre as etapas e modalidades

    de ensino mostradas na tabela.

    V. No perodo mostrado na tabela, houve crescimento de mais de 15% nas matrculas da

    Educao Profissional.

    incorreto apenas o que se afirma em:

    a) I e IV.

    b) I, II e IV.

    c) I, III e IV.

    e) I, III, IV e V.

    Questo 05 (FGV/2013 - Modificado)

    Na edio da Prova Brasil de 2011, foi perguntado aos diretores das escolas, como o

    Projeto Poltico Pedaggico havia sido desenvolvido naquele ano. A tabela abaixo

    apresenta o percentual vlido das respostas dos diretores para o estado de So Paulo.

    O modelo encaminhado pela Secretaria da Educao. 18,4%

    Foi elaborado por mim. 0,2%

    Elaborei uma proposta de projeto, apresentei-a aos professores para sugestes e s depois 7,0%

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    escrevi a verso final.

    Os professores elaboraram uma proposta e, com base nela, escrevi uma verso final. 4,2%

    Uma equipe de professores e eu elaboramos o projeto. 15,0%

    Professores, pais, outros servidores, estudantes e eu montamos o projeto. 44,3%

    Foi elaborado de outra maneira. 8,8%

    No sei como foi desenvolvido. 1,3%

    No existe Projeto Pedaggico. 0,8%

    (Fonte: Questionrio do Diretor Prova Brasil, 2011).

    correto afirmar que:

    a) A participao dos professores constatada em apenas 4 respostas e percentual total

    de sua presena corresponde mais de 70% das respostas.

    b) Em apenas 60,5% das respostas apresentadas demonstram que os professores

    participaram diretamente da escrita do projeto pedaggico.

    c) As respostas que no demonstra participao direta ou indireta dos professores

    chegam a aproximadamente 32%.

    d) A sociedade organizada participa da elaborao do projeto pedaggico conforme

    mais de 59% das respostas apresentadas no Questionrio do Diretor.

    Questo 06

    O Plano de Desenvolvimento da Educao estabelece, como meta, que em 2021 o IDEB

    do Brasil seja 6,0 mdia que corresponde a um sistema educacional de qualidade

    comparvel dos pases desenvolvidos. (http://portal.inep.gov.br)

    Analise o quadro que contm os dados de uma escola fictcia.

    Brasil UF Municpio Escola

    Aprovao 84,6 85,4 80,7 79,7

    Distoro idade-srie 24,6 28,1 30,6 34,4

    Prova Brasil (Portugus) 189,14 176,62 163,86 178,99

    Prova Brasil (Matemtica) 171,40 192,79 178,18 194,82

    IDEB 4,0 4,1 3,5 3,9

    Aps a divulgao desses resultados, a escola se reorganizou, traou novas metas e

    estratgias e, posteriormente, o IDEB dessa escola passou a ser 4,3. Assinale a

    alternativa que apresenta as razes que explicam a melhoria apresentada pela escola.

    a) Aumento da reprovao dos maus alunos e melhor desempenho em Matemtica.

    b) Aumento da reprovao dos maus alunos e melhor desempenho em Lngua

    Portuguesa.

    c) Aumento da aprovao dos alunos e melhor desempenho em Matemtica e em

    Lngua Portuguesa.

    d) Aumento da aprovao dos alunos e aumento na distoro idade srie.

    Questo 07

    Em um concurso pblico para o cargo de Supervisor(a) de uma escola da rede pblica,

    quatro candidatos apresentaram os seguintes resultados para nmero de acertos de

    Portugus, Legislao e Conhecimentos Especficos.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Concurso Pblico Acertos

    Portugus

    Acertos

    Legislao

    Acertos

    Conhecimentos Especficos

    Vinicius 12 5 15

    Roberta 9 7 11

    Tailini 14 10 15

    Helenita 11 8 13

    correto afirmar que:

    a) A mdia de acertos de Helenita menor que de Roberta.

    b) A mdia de acertos de Roberta maior que de Tailini.

    c) A mdia de acertos de Tailini igual a de Vinicius.

    d) Apenas dois candidatos tem mdia de acertos iguais.

    Disciplina: Informtica educacional

    Prof: Luci Aparecida Souza Borges de Faria

    Questo 08

    Nas ltimas dcadas do sculo XX e incio do sculo XXI, o mundo vem assistindo a

    um vertiginoso avano das tecnologias da informao e da comunicao com srias

    implicaes para as sociedades. Dentre essas implicaes, podemos assinalar a:

    a) perda de importncia dos setores econmicos ligados ao lazer, aos servios e

    comunicao.

    b) consolidao dos modos de produo fundados no paradigma organizacional

    taylorista-fordista.

    c) alterao da estrutura de interesses, do carter dos smbolos e da natureza da

    comunidade.

    d) diminuio da fadiga, principalmente para o grupo de trabalhadores do chamado

    trabalho imaterial.

    Questo 09

    A palavra tecnologia usada a todo momento por pessoas das mais diversas

    qualificaes e com propsitos divergentes. Sua importncia na compreenso dos

    problemas da realidade atual agiganta-se, em razo justamente do largo e

    indiscriminado emprego, que a torna ao mesmo tempo uma noo essencial e confusa.

    (VIEIRA PINTO, lvaro. O conceito de tecnologia. Rio de Janeiro: Contraponto,

    2005, p. 219.)

    Sobre alguns significados existentes do termo tecnologia, leia as proposies dadas e,

    em seguida, assinale a opo correta.

    I A tecnologia aparece como a teoria, a cincia, o estudo, a discusso da tcnica, abrangida

    nesta ltima uma noo de artes, as habilidades do fazer, as profisses e, generalizadamente,

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    os modos de produzir alguma coisa.

    II A tecnologia equivale, pura e simplesmente, tcnica. Indiscutivelmente constitui esse o

    sentido mais frequente e popular da palavra.

    III Tecnologia diz respeito ao conjunto de todas as tcnicas de que dispe uma determinada

    sociedade em qualquer fase de seu desenvolvimento.

    IV O termo tecnologia usado tambm condensadamente como a ideologia da tcnica.

    a) As afirmativas I, II, III e IV esto corretas.

    b) Apenas as alternativas I e IV esto corretas.

    c) Apenas as afirmativas I, II e III esto corretas.

    d) Apenas as afirmativas II, III e IV esto corretas.

    Questo 10

    Mesmo que os recursos no estejam fisicamente instalados nos espaos escolares, a

    mdia audiovisual invade a sala de aula. A linguagem produzida pela integrao entre

    imagens, movimentos e sons atrai e toma conta das geraes mais jovens [...]. Criar

    espaos para a identificao e o dilogo entre essas formas de linguagem e permitir que

    os alunos se expressem de diferentes maneiras favorecem o desenvolvimento da

    conscincia crtica sobre a influncia da mdia [...].

    (ALMEIDA. M.E.B. Integrao de tecnologias educao: novas formas de expresso

    do pensamento, produo escrita e leitura. In Formao de educadores a distncia e

    Integrao de mdias. So Paulo: Avercamp, 2007, p.161.)

    Com base nessa premissa, julgue verdadeiro ou falso as afirmativas seguintes e, depois,

    assinale a opo correta.

    ( ) necessrio que o professor crie oportunidades para que os alunos articulem os

    conceitos a serem estudados com temas que possam ser aprofundados em informaes

    oriundas das mdias audiovisuais, a fim de que os estudantes desenvolvam

    representaes diversas que entrelacem forma e contedo nos significados que eles

    (re)elaboram.

    ( ) O fundamental para o trabalho com a integrao das mdias investir em infraestrutura

    tecnolgica para que o professor familiarize-se com essas mdias e possa incorpor-las

    sua prtica educativa de forma a desenvolver nos alunos a percepo crtica dos

    significados implcitos que se pretende impor por meio dessas mdias.

    ( ) O fundamental para o uso das mdias audiovisuais em sala de aula superar a

    concepo de mera distribuio de informaes de um centro emissor para receptores

    passivos e considerar todos os envolvidos como sujeitos ativos de um processo de

    aprendizagem, comunicao e interao multidirecional.

    ( ) necessrio que o professor compreenda as caractersticas constitutivas, bem como as

    potencialidades e as limitaes das mdias audiovisuais em relao s formas de

    interao e construo de significados para que possa incorpor-las ao processo

    educativo de forma significativa para os estudantes.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    a) V V F F.

    b) V F V V.

    c) F F V V.

    d) F V F F.

    Questo 11

    As transformaes decorrentes do avano das TIC tm cada vez mais exigido a

    formao de um professor com capacidades de mediar o processo de descoberta,

    assimilao e construo de novos conhecimentos. Esse professor seria o que inmeros

    autores classificam como mediador. Sobre mediao pedaggica, leia os postulados

    dados e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Uma prtica, verdadeiramente mediadora, depende fundamentalmente dos meios

    tecnolgicos, sem os quais se torna invivel o processo de interao.

    II A mediao a caracterstica da interao especialmente na experincia de aprendizagem e

    na transmisso cultural.

    III A mediao pedaggica no possvel em situaes em que o professor utiliza tcnicas

    didtico-pedaggicas tradicionais.

    IV O uso das TIC no garante a qualificao da prtica docente mediadora, podendo at

    mesmo ser um obstculo a essa realizao.

    a) Apenas as afirmativas II e IV esto corretas.

    b) Apenas as afirmativas II e III esto corretas.

    c) Apenas as afirmativas I e III esto corretas.

    d) Apenas as afirmativas III e IV esto corretas.

    Disciplina: Gesto Educacional

    Prof: Neila Maria de Oliveira

    Questo 12

    Um dos objetivos da gesto democrtica participativa a articulao entre as polticas

    educacionais atuais e as demandas socioculturais. Considerando essa finalidade, avalie

    quais das aes educacionais abaixo se relacionam a essa concepo.

    I. Compartilhar valores em prol da prpria escola, reconhecendo a impossibilidade de

    se incluir ideais de justia, solidariedade e tica humana, que transcendem os limites do

    processo educativo.

    II. Utilizar os ndices educacionais da escola como subsdios de gesto para aprimorar o

    processo ensino-aprendizagem.

    III. Elaborar coletivamente o projeto poltico pedaggico que reflita a filosofia da escola

    e apresente as bases terico-metodolgicas da prtica pedaggica.

    IV. Planejar aes descentralizando poderes, para realizar uma gesto focada nos

    diferentes aspectos da aprendizagem e nas questes macroestruturais da sociedade.

    correto apenas o que se afirma em:

    a) I e II.

    b) I e IV.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    c) III e IV.

    d) II, III e IV

    Questo 13

    (ENADE/08) A elaborao do projeto poltico-pedaggico um processo de

    consolidao da democracia e da autonomia da escola, com vistas construo de sua

    identidade. uma ao intencional, com um compromisso definido coletivamente, que

    reflete a realidade, busca a superao do presente e aponta as possibilidades para o

    futuro. O projeto poltico-pedaggico um documento que no se reduz dimenso

    didtico-pedaggica. Nesse texto, o projeto poltico-pedaggico se constitui como

    a) instrumento legitimador das aes normativas da equipe gestora.

    b) desenvolvimento de aes espontneas da comunidade escolar.

    c) definio de princpios e diretrizes que projetam o vir a ser da escola.

    d) implementao de estrutura organizacional visando administrao interna da escola.

    Questo 14

    (CPGE/Bauru) Vitor Paro considera que toda vez que se prope uma gesto

    democrtica na escola que tenha efetiva participao dos pais, educadores, alunos e

    funcionrios, isso acaba sendo considerado como:

    a) Uma proposta que consta apenas no Plano de Gesto, mas no se efetiva na prtica.

    b) Uma condio que exige determinaes oficiais superiores para que se possa efetivar.

    c) Uma coisa utpica. No quer dizer que no possa vir a existir, mas que ao mesmo

    tempo se coloca como algo de valor, algo desejvel do ponto de vista da soluo dos

    problemas da escola.

    d) Pouco adequada realidade brasileira, uma vez que a legislao educacional define

    os papeis de cada ente no processo educacional no interior da escola.

    Disciplina: Orientao Sexual na Escola

    Prof: Ana Paula Baslio

    Questo 15 (ENADE adapt)

    Na sociedade atual, o Pedagogo, ao organizar e/ou mediar o planejamento das aes

    pedaggicas nas instituies de ensino, seja na gesto administrativa escolar, na

    coordenao, superviso, orientao educacional ou na docncia, deve promover aes

    que contemplem as discusses propostas pelos Temas Transversais, devido sua

    relevncia na vida social dos sujeitos. Ao fazer isso, o pedagogo dever:

    a) limitar a atuao dos professores, que no devero abordar os temas transversais

    enquanto ministram disciplinas da rea de exatas.

    b) utilizar estratgias pedaggicas centradas em um currculo disciplinar e

    homogeneizante, que desconsidera as relaes entre as diversas reas do conhecimento.

    c) priorizar os contedos especficos em detrimento de temticas scio-culturais, pois

    essas no possuem relevncia nos processos avaliativos para ingresso em universidades.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    d) estabelecer objetivos pedaggicos e orientaes didticas capazes de desenvolver

    atitudes e valores que transcendam o mbito especfico das disciplinas, com a finalidade

    de promover a formao crtica e reflexiva do cidado.

    Questo 16 (ENADE Adapt)

    A discusso sobre a incluso da temtica da sexualidade no currculo das escolas de

    ensino fundamental e mdio vem se intensificando desde a dcada de 70, provavelmente

    em funo das mudanas comportamentais dos jovens dos anos 60, dos movimentos

    feministas e de grupos que pregavam o controle da natalidade. Com diferentes enfoques

    e nfases, h registros de discusses e de trabalhos em escolas desde a dcada de 20. A

    retomada contempornea dessa questo deu-se juntamente com os movimentos sociais

    que se propunham, com a abertura poltica, repensar o papel da escola e dos contedos

    por ela trabalhados. Mesmo assim no foram muitas as iniciativas tanto na rede pblica

    como na rede privada de ensino (PCN, Brasil).

    Faz parte do campo da orientao sexual e devem ser adotadas pelos professores as

    seguintes abordagens, exceto:

    a) estimular que os alunos pratiquem o auto cuidado, buscando a sade fsica e bons

    hbitos de higiene.

    b) intervir em situaes de descriminao por gnero, machismo e homofobia, com

    abordagens que visem sempre a conscientizao e reduo desses episdios.

    c) utilizar um discurso de cunho punitivo, excludente e preconceituoso em relao s

    temticas do campo da sexualidade.

    d) orientar os alunos, sempre que necessrio, sobre temas como mtodos

    anticoncepcionais e preveno de DSTs.

    Questo 17 (ENADE adapt)

    A educao dever visar plena expanso da personalidade humana e ao reforo dos

    direitos do homem e das liberdades fundamentais e deve favorecer a compreenso, a

    tolerncia e a amizade entre todas as naes e todos os grupos raciais ou religiosos, bem

    como o desenvolvimento das atividades das Naes Unidas para a manuteno da paz

    (Declarao Universal dos Direitos do Homem. UNESCO, 2006, art. 26).

    Correlacionando as premissas contidas no artigo 26 da Declarao Universal dos

    Direitos do Homem, ao contedo apreendido na disciplina de Orientao Sexual na

    Escola, assinale a opo incorreta:

    a) a escola pode e deve colaborar para que a sexualidade seja vista como algo natural e

    inerente vida humana.

    b) no cabe ao professor informar a escola e autoridades responsveis os casos em que

    suspeite que um aluno vtima de violncia fsica, psicolgica ou sexual.

    c) faz-se necessrio (re)pensar a formao docente, com maior foco para a compreenso

    e respeito da diversidade em cada sociedade.

    d) se a escola deseja ter uma viso integrada das experincias vividas pelos alunos,

    buscando desenvolver o prazer pelo conhecimento, necessrio reconhecer que

    desempenha um papel importante na educao para uma sexualidade ligada vida,

    sade, ao prazer e ao bem-estar e que englobe as diversas dimenses do ser humano.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Questo 18 (ENADE adapt)

    O projeto pedaggico deve contemplar a realidade que o aluno vive ou vai viver: as

    mudanas e exigncias tecnolgicas, os valores e prticas, a necessidade de construir

    um mundo solidrio e humano em que todos tenham lugar, sem excluses e

    preconceitos. Para projeto de tal envergadura, necessria a parceria de universidades,

    de entidades de classes, empresrios, gestores educacionais e escolares, professores,

    tcnicos e, tambm, da cpula dos rgos administrativos e tcnicos do sistema de

    ensino. Todos tm saberes, experincias e expectativas que no aparecem em

    questionrios e enquetes. necessrio, sobretudo, deixar o aluno falar, manifestar suas

    angstias, desejos, anseios, o que pode contribuir para a elaborao de um projeto

    pedaggico situado e contextualizado (SANTOS, C. R. A Gesto Educacional e Escolar

    para a Modernidade. So Paulo: Cengage Learning, 2008, p. 61).

    Considerando o texto acima, e os contedos discutidos durante as aulas, correto

    afirmar que:

    a) ao professor cabe mediar a aquisio de conhecimentos tcnicos e tericos, apenas.

    b) o professor no deve promover ou participar de discusses que abordem temas como

    valores, cultura ou sexualidade, pois isso compete famlia.

    c) uma vez que seja necessrio orientar os alunos sobre sexualidade, isso deve ser feito

    apenas pelos professores de cincias e/ou biologia, e pelo psiclogo escolar.

    d) o professor que cria espaos para reflexo e debate, auxilia os jovens alunos a passar

    pela adolescncia com menos angstias e turbulncias, e construir sua sexualidade de

    forma menos punitiva e repressora.

    Disciplina: Leitura e Interpretao Textual

    Prof: Gislaine de Cssia Damasceno

    Questo 19:

    Em uma conversa ou leitura de um texto, corre-se o risco de atribuir um

    significado inadequado a um termo ou expresso, e isso pode levar a certos resultados

    inesperados, como se v nos quadrinhos abaixo.

    Nessa historinha, o efeito humorstico origina-se de uma situao criada pela

    fala da Rosinha no primeiro quadrinho, que :

    a) Faz uma pose bonita!

    b) Quer tirar um retrato?

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    c) Olha o passarinho!

    d) Cuidado com o flash!

    Questo 20:

    As estratgias de leitura dizem respeito s formas utilizadas pelo leitor para

    facilitar a compreenso dos dados informativos de um texto. Assim, os procedimentos

    adotados por cada um se diferenciam, uma vez que nem todos assimilam conhecimento

    da mesma forma. So algumas tticas de leitura que podem despertar interesse e ser um

    incentivo leitura, exceto:

    a) Identificao dos fatores chaves.

    b) Segmentao textual.

    c) Representao visual dos acontecimentos.

    d) Antecipao das informaes.

    Disciplina: Trabalho de Curso I

    Prof: Janaina de Fatima Castro Caneguim

    Questo 21

    No que diz respeito a realizao de uma pesquisa, podemos pensar em trs

    grandes processos: a elaborao do projeto de pesquisa, sua execuo e por fim sua

    divulgao. Sobre esses trs processos, incorreto afirmar que:

    a) Na elaborao do projeto de pesquisa, o pesquisador planeja o seu trabalho,

    organizando seus objetivos, metodologia e buscando na literatura trabalhos que o ajude

    a organizar o projeto, bem como na posterior execuo do mesmo.

    b) A divulgao da pesquisa ocorre apenas atravs de artigos cientficos.

    c) Na pesquisa bibliogrfica o pesquisador se utiliza de artigos, livros, entre outros, para

    responder sua pergunta de pesquisa e atingir seus objetivos.

    d) O projeto de pesquisa precisa ser elaborado cuidadosamente, uma vez que nele que

    o pesquisador vai planejar o que ser e como ser realizada sua pesquisa.

    Questo 22

    Analise os itens na sequncia e assinale a alternativa correta:

    I. A pretenso proposta maximizar a participao dos alunos nas discusses sobre

    suas prprias vidas e a realidade social, econmica e cultural que os cercam por meio de

    um vasto rol de textos, imagens, previso do tempo, anncios, histrias em quadrinhos,

    cartuns, charges, grficos, fotografias, tabelas, entre outros. (DINIZ; VINHOLI

    JUNIOR, 2017, p. 134).

    II. de que forma o jornal pode ser utilizado como instrumento de alfabetizao e

    letramento, alm de corroborar para a formulao de um tipo especfico de jornal, no

    caso o Jornal Mural, que atenda as necessidades de toda a comunidade escolar a partir

    da temtica ambiental em uma escola que adota os pressupostos relacionados

    Educao do Campo? (DINIZ; VINHOLI JUNIOR, 2017, p. 134).

    III. obtivemos que, a partir desse estudo, quanto mais o aluno vai aprendendo e

    conhecendo a estrutura de um jornal, mais rapidamente passa a identificar as referncias

    que despertaro o seu gosto pela leitura, efetivando-a em seu cotidiano. Sem contar que

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    o leitor habitual de jornal identifica rapidamente a diagramao das pginas, suas

    ilustraes, os elementos grficos, e os demais smbolos, siglas, logomarcas, as

    linguagens e contedos apresentados. O prprio leitor torna-se capacitado a editar a

    leitura, escolher e adotar uma postura crtica diante das informaes e contedos

    (DINIZ; VINHOLI JUNIOR, 2017, p. 134).

    a) Na item 1 temos a pergunta de pesquisa, ou seja, aquilo que o pesquisador pretendia

    responder no decorrer do seu trabalho.

    b) No item 2 temos uma das concluses da pesquisa realizada.

    c) No item 3 temos os objetivos da pesquisa.

    d) No item 1 temos os objetivos da pesquisa.

    Questo 23

    Segundo Cervo, Bervian e Silva (2007) a investigao nasce de um problema que ainda

    no se tenha a resoluo e que tenha relevncia para ser pesquisado. Tal problema ser o

    guia para a elaborao dos objetivos da pesquisa e das metodologias que sero adotadas

    para alcanar tais objetivos.

    A partir dessa ideia do que seja o problema de pesquisa, avalie as assertivas que so

    apresentadas na sequncia:

    I. O seguinte problema/ pergunta de pesquisa Quais os efeitos relao afetuosa

    professor-aluno na aprendizagem dos alunos de uma turma de 1 ano do ensino

    fundamental? poderia ter o seguinte objetivo dele decorrente identificar os efeitos de

    uma relao afetuosa professor-aluno na aprendizagem de alunos de uma turma de 1

    ano do ensino fundamental.

    II. Os objetivos devem ser formulados antes da pergunta de pesquisa e em nada tem

    relao com a mesma.

    possvel afirmar que:

    a) I e II esto corretas.

    b) I e II esto incorretas.

    c) Apenas II est correta.

    d) Apenas I est correta.

    Referncias bibliogrficas:

    CERVO, Amado Luiz; BERVIAN, Pedro Alcino; SILVA, Roberto da. Metodologia

    cientfica. 6. ed. So Paulo, SP: Pearson, 2007.

    DINIZ, M. G.; VINHOLI JUNIOR, A. J. Jornal ambiental como experincia de

    aprendizagem: um estudo de caso em uma escola de campo. Pedagogia em Foco,

    Iturama (MG), v.12, n.7, jan./jun., p.102-116, 2017. Disponvel em:

    http://revista.facfama.edu.br/index.php/PedF/article/view/261/212. Acesso em

    12.agosto.2017

    http://revista.facfama.edu.br/index.php/PedF/article/view/261/212.%20Acesso%20em%2012.agosto.2017http://revista.facfama.edu.br/index.php/PedF/article/view/261/212.%20Acesso%20em%2012.agosto.2017

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Disciplina: Histria e Cultura Afro-Brasileira

    Prof: Maria de Lourdes Pinheiro

    Questo 24

    O que sabemos sobre a frica se resume ao lado extico de sua fauna, ao seu real

    estado de misria e a uma ou outra curiosidade. Essa imagem que temos vem sendo

    delineada ao longo dos anos em documentrios, filmes e telejornais. Entretanto, no

    podemos resumir a riqueza tnica e cultural africana apenas a essas ideias. Nesse

    sentido, considere os enunciados abaixo:

    I No continente africano, h uma variedade de culturas e lnguas, pois sempre houve

    uma pluralidade tnico-cultural. Porm, no h modernos centros urbanos, devido aos

    baixos ndices de desenvolvimento econmico existentes em todo o continente.

    II A regio localizada geograficamente ao norte do continente africano composta por

    pases islmicos, ou seja, naes cuja maior parte da populao mulumana e falante

    das lnguas rabes.

    III Outra questo que no podemos ignorar se refere ligao da histria do Brasil

    com a da frica, pois foi desse continente que os colonizadores e traficantes retiraram

    homens, mulheres e crianas para serem submetidos condio de escravos na Amrica.

    - Est(o) INCORRETO(S):

    a) Apenas o enunciado I.

    b) Apenas o enunciado II.

    c) Apenas o enunciado III.

    d) Apenas os enunciados I e II.

    Questo 25

    A ideia de que o homem moderno e todos os seres vivos esto constantemente se

    adaptando ao mundo sua volta surge no sculo 19, com a publicao do livro A

    evoluo das espcies (1859), de Charles Darwin (1809-1882). O naturalista britnico

    afirmava que todas as espcies que conhecemos - inclusive ns mesmos - esto em um

    constante estado de evoluo biolgica, adaptando-se s condies que a relao com o

    mundo oferece, em um processo que ele chamou de seleo natural. As ideias de

    Darwin foram apropriadas e interpretadas no prprio sculo 19 para explicar tambm a

    diferena entre as sociedades humanas. Sobre as consequncias dessas interpretaes,

    assinale a alternativa CORRETA:

    a) Surgiu o evolucionismo social, teoria pela qual os grupos sociais comeam num

    estado animalesco e vo alcanando o mesmo desenvolvimento, tornando-se todos mais

    civilizados.

    b) O evolucionismo social ajudou a propagar ideias de igualdade, liberdade e

    fraternidade entre os variados grupos sociais e tnicos.

    c) No que ficou conhecido como evolucionismo social, a civilizao europeia foi

    colocada no auge do estgio evolutivo e os demais povos (leia-se no brancos) em

    estgios inferiores.

    d) O evolucionismo social acreditava que as sociedades humanas eram iguais, tanto em

    conhecimento quanto em desenvolvimento.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    Questo 26

    A frica, desde tempos remotos, povoada por povos de lnguas, tradies culturais,

    religiosas e sociais diferentes. Em relao lngua, os historiadores e linguistas dividem

    os povos africanos em grandes lnguas matrizes; dentro destes grandes grupos h ainda

    subdivises. A esse respeito, avalie as afirmaes a seguir.

    I A comunidade dos povos falantes de lnguas afro-asiticas no apresenta

    necessariamente uma unidade tnica e cultural, embora suas lnguas faam parte de uma

    matriz comum.

    II A maior e mais influente matriz lingustica no continente africano so as lnguas dos

    povos nger-congo e banto.

    III O povo banto era composto por apenas uma etnia, vivel de ser delineada por

    razes lingusticas comuns.

    INCORRETO o que se afirma em:

    a) I, II e III.

    b) I.

    c) II.

    d) III.

    Questo 27

    Para a melhor compreenso do continente africano, necessrio conhecer os seus

    aspectos geogrficos e fsicos, dado que ambos incidem substancialmente sobre o

    aspecto histrico e at o determinam. Em funo disso, a frica foi palco de uma

    multiplicidade de etnias ricas e diversificadas em termos de crenas e religiosidades.

    Sobre os aspectos comuns da religiosidade africana, assinale a alternativa correta:

    a) No continente africano, foi uma tendncia comum no primeiro e praticamente durante

    todo o segundo milnio a crena em um nico deus, Al.

    b) Suas divindades se aproximavam das caractersticas humanas e, geralmente,

    compunham um panteo politesta.

    c) Os africanos foram um dos primeiros povos a cultuar um nico deus, isto , eram

    monotestas.

    d) Alm de ser um dos primeiros povos a adotar o monotesmo, eles mantinham uma

    forte crena nos profetas.

    Disciplina: Avaliao Educacional

    Prof: Neila Maria de Oliveira

    Questo 28

    Segundo Luckesi (2011:263), a Avaliao da aprendizagem um recurso disponvel ao

    educador para que auxilie o educando na busca de sua autoconstruo e de seu modo de

    estar na vida mediante aprendizagens bem sucedidas. Nesse sentido, no que concerne

    avaliao numa tica operacional, correto afirmar:

    a) O educador deve alertar os seus educandos de que devem estudar porque as provas

    so para valer.

    b) A avaliao deve ser utilizada para disciplinar os alunos, controlando-os e

    obrigando-os a assumir atitudes das quais ainda no esto convencidos ou que ainda no

    so capazes de assumir, submetendo-os autoridade do educador.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    c) O educador, no ato avaliativo, deve investigar a qualidade do desempenho dos

    educandos, tendo por base dados relevantes, decorrentes de sua aprendizagem e, se

    necessrio, numa interveno, a fim de corrigir os rumos da ao.

    d) A avaliao da aprendizagem, para cumprir o seu papel, no exige disposio de

    acolher a realidade como ela se apresenta, uma vez que sua inteno no subsidiar a

    busca por melhor resultado possvel luz do planejado.

    Questo 29

    A avaliao tema de muita conversa e discusso na escola e nos cursos de formao de

    professores. Tem-se a sensao, por vezes, de que dominamos contedos, temos

    disposio para as inovaes, somos criativos, mas quando chega a hora de avaliar,

    parece que todo o domnio, inovao e criatividade desaparecem. Sobre a avaliao,

    correto afirmar:

    I. A avaliao se realiza atravs de um ato rigoroso e diagnstico e reorientao da

    aprendizagem tendo em vista a obteno dos melhores resultados possveis, frente aos

    objetivos que se tenha frente.

    II. Trabalhar com avaliao implica em ter um olhar excludente.

    III. A avaliao exige um ritual de procedimentos, que inclui desde o estabelecimento

    de momentos no tempo, construo, aplicao e contestao dos resultados expressos

    nos instrumentos; devoluo e reorientao das aprendizagens ainda no efetuadas.

    IV. A avaliao tem como finalidade servir ao, seja ela qual for; os projetos de ao

    buscam a construo de determinados resultados e a avaliao os acompanha, serve-os.

    V. A avaliao um instrumento de disciplinamento do educando.

    Esto corretas apenas as afirmativas:

    a) I, II, III e IV

    b) II, III e IV

    c) II e V

    d) I, III e IV

    Questo 30

    O que pretendo introduzir a perspectiva da ao avaliativa como uma das aes pela

    qual se encorajaria a reorganizao do saber. Ao, movimento, provocao, na

    tentativa de reciprocidade intelectual entre os elementos da ao educativa. Professor e

    aluno buscando coordenar seus pontos de vista, trocando ideias, reorganizando-as.

    HOFFMANN, Jussara M.L. Avaliao: mito e desafio - uma perspectiva construtivista.

    Porto Alegre: Educao e realidade. 1991.

    De acordo com Jussara Hoffmann, os fundamentos de uma ao avaliativa mediadora

    a) repousam no estudo das teorias de medidas educacionais e tratamentos estatsticos.

    b) priorizam a elaborao de instrumentos e registros de avaliao que devem ser o

    ponto de partida dessa discusso.

    c) ultrapassam os estudos sobre teorias de avaliao e demandam o aprofundamento em

    teorias do conhecimento e reas especficas de trabalho dos professores.

  • AVALIAO UNIFICADA 2017

    PEDAGOGIA/6PERODO

    d) valorizam o significado da avaliao que ocorre nas escolas em detrimento da

    avaliao que se processa em nosso dia a dia, dos atos dirios.

    Questo 31

    Observe a charge para responder a questo abaixo.

    Mafalda

    A avaliao da aprendizagem cumpre funo diagnstica quando:

    a) possui espao destacado no projeto poltico-pedaggico da escola.

    b) est inserida no planejamento do ensino, na sua execuo e nos resultados da

    aprendizagem.

    c) possui capacidade de classificao hierarquizada do conhecimento.

    d) constitui um subsdio para melhoria de resultados.