A Gestao Ambiental na Instalacao De Plataformas Offshore

of 41/41
Paulo Carvalho – SPETRO 2009 A Gestão Ambiental na Instalação de Plataformas Offshore
  • date post

    26-May-2015
  • Category

    Business

  • view

    11.401
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Gestão Ambiental em Instações de Plataformas.

Transcript of A Gestao Ambiental na Instalacao De Plataformas Offshore

  • 1. A Gesto Ambiental na Instalao de PlataformasOffshorePaulo Carvalho SPETRO 2009

2. Objetivo Apresentar comoa indstria do petrleodesenvolve suas atividades offshorecomresponsabilidade ambiental e de que maneira isto feito na Repsol. 3. Sumrio Quem somos Possveis impactos ambientais da ind. de petrleo offshore Licenciamento ambiental Gesto Integrada de SMSQ O que a Repsol faz ? Tendncias Concluso 4. Quem somos Companhia integrada de leo e Gs Presena em mais de 30 pases Uma das dez maiores companhias privadas de leo e gs do mundo 35.000 empregados Produo de Hidrocarbonetos 1,2 milhes de barris/dia Reservas de leo de gs de 2,4 bilhes de barris 9 Refinarias 7.000 Postos de servios 3 maior Companhia do mundo em Gs LP 3 Plantas petroqumicas Fornecimento de gs natural para cerca de 8,7 milhes de clientes Presente no Brasil desde 1997 5. Atividades de E&P - Brasil Produo: A. Leste B. de Campos 90% Petrobras (Operadora) 10% Repsol Descobertas na Bacia de Santos Campos Carioca e Guar: 45% Petrobras (Operadora) 25% Repsol 30% BG Piracuc 63% Petrobras (Operadora) 37% Repsol Panoramix 40% Repsol (Operadora) 35% Petrobras 12,5% Vale 12,5% Woodside 6. Atividades de E&P - Brasil Operadorde11 blocos offshore Bacias de Campos, Santos e Esprito Santo. Scia em outros 13 blocos 7. Possveis impactos ambientaisPerfurao Offshore Contaminao do mar por derramamento de leo Blowout Vazamentos de tanques e/ou equipamentos Falhas em linhas de transferncia de leo Coliso de embarcaes 8. Possveis impactos ambientaisProduo Offshore Grande potencial de impactos ambientais Fluxo contnuo sob presso de petrleo por tubulaes Falhas podem causar grandes vazamentos Conseqncias graves dependendo da sensibilidade ambiental 9. Possveis impactos ambientaisTransporte Martimo Riscos de vazamentos provenientes de rompimentode cascos por abalroamentos falhas nos mangotese/ou conexes durante operaes de carga e descarga Maior conscientizao e legislao mais rgida(ex. casco duplo) acidentes de maioresdimenses diminuindo 10. Possveis impactos ambientais Transporte por Dutos Requer cuidados na manuteno e monitoramento Rompimento pode ter graves conseqncias ambientais 11. Licenciamento AmbientalIBAMA Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renovveis - RESOLUO CONAMA N 237, de 19.12.1997 Responsvel pelo licenciamento ambiental para atividades: Offshore Envolvendo mais de um Estado Envolvendo reas de interesse Federal 12. Licenciamento Ambiental ATIVIDADES DE E&P Estudos Ssmicos Licena de Pesquisa Ssmica LPSEstudos requeridos: PCAS - Plano de Controle Ambiental de SsmicaEAS - Estudo Ambiental de Ssmica RIAS - Relatrio de Impacto Ambiental de SsmicaPerfuraoLicena Previa de Perfurao - LPper Estudos requeridos: RCA Informe de Controle AmbientalEIA/RIMA Estudo de Impacto Ambiental 13. Licenciamento Ambiental ATIVIDADES DE E&PTeste Licena Previa de Produo para Pesquisa - LPpro Estudos requeridos: EVA Estudo de Viabilidade AmbientalDesenvolvimento de CampoLicena de Instalao - LI Estudos requeridos: EIA/RIMA - Estudo de Impacto AmbientalRAA - Relatrio de Avaliao AmbientalProduoLicena de Operao LO Estudos requeridos: PCA Projeto de Controle Ambiental 14. Licenciamento Ambiental PROCESSO PARA PERFURAO Solicitao de Termo de Apresentao deReferncia ao IBAMAestudos ambientais Informaes Recebimento do Termocomplementares de Referncia do IBAMAAvaliao doIBAMA Seleo de empresa deconsultoria ambiental Resposta do IBAMADesenvolvimento deestudos ambientais No OK?SimInspeo daLicena sonda pelo IBAMA AmbientalSim 15. Licenciamento Ambiental DEFINIO DA REA DE INFLUNCIA 16. Licenciamento Ambiental DIAGNSTICO AMBIENTAL Fsico Bitico Socioeconmico 17. Licenciamento Ambiental AVALIAO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS 18. Licenciamento Ambiental ANLISE E CONTROLE DE RISCOS 19. Licenciamento Ambiental PROGRAMAS AMBIENTAIS Controle da Poluio Monitoramento Ambiental Comunicao Social Programa de Educao Ambiental dos Trabalhadores 20. Licenciamento Ambiental TEMPOS MDIOS PARA RECEBIMENTO DE LICENAS TEMPO MDIO ATIVIDADE LICENA ESTUDO REQUERIDO SsmicaLPS EIA/EAS/PCAS 6 mesesPerfuraoLPperRCA6 a 12 mesesTeste LPproEVA6 mesesInstalao LIEIA/RAA 1 anoProduo LOPCA6 meses 21. Gesto Integrada de SMSQ PORTARIA CONJUNTA IBAMA/MMA N 259, DE 7 DE AGOSTO DE 2009 Art. 1 Fica obrigado o empreendedor a incluir no Estudo de Impacto Ambiental e respectivo Relatrio de ImpactoAmbiental - EIA/RIMA, captulo especfico sobre as alternativas de tecnologias mais limpas para reduzir os impactosna sade do trabalhador e no meio ambiente, incluindo poluio trmica, sonora e emisses nocivas aosistema respiratrio. Art. 2 No mbito do seu Programa Bsico Ambiental-PBA, exigido para obteno da Licena de Instalao,o empreendedor dever propor programa especfico de Segurana, Meio Ambiente e Sade-SMS dotrabalhador. Art. 3 No mbito do seu Programa de Gesto Ambiental, o empreendedor dever obrigatoriamente informare esclarecer as condicionantes estabelecidas na Licena de Instalao, referentes ao SMS, aos trabalhadores,por meio de suas representaes. Art. 4 O IBAMA dever informar a central sindical qual o sindicato da categoria majoritria no empreendimentoest filiada sobre o cumprimento das condicionantes da Licena de Instalao, referentes ao SMS, para amanifestao cabvel. Art. 5 O IBAMA dever informar a CIPA e a central sindical a qual o sindicato da categoria majoritria noempreendimento est filiada sobre os resultados das vistorias referentes aos nveis de contaminao do entorno doempreendimento para sua manifestao. 22. Gesto Integrada de SMSQPerigos e riscos para segurana e sade Produtos no- pretendidos Produtos Insumospretendidos (satisfao docliente)Produtos no- pretendidos Aspectos e Impactos Ambientais 23. Gesto Integrada de SMSQSGI = SISTEMA DE GESTO INTEGRADO Conjunto de Aes Gerenciais Integradas na GESTO de um negcio, onde todas atividades e processos da empresa so conduzidas considerando: ISO 9001 ISO 14001 OHSAS 18001 QUALIDADE MEIO AMBIENTE SEGURANA POLTICA SMSQ 24. Gesto Integrada de SMSQ SGI - ObjetivosAssegurar a satisfao dos clientes e o bom desempenho do negcio. ISO 9001 /2000 Satisfao da sociedade quanto aodesempenho ambientaldasISO 14001/2004atividades da empresa Satisfao dos funcionrios e contratados atravs da prevenoOHSAS 18001/2007 de riscos ocupacionais. 25. Gesto Integrada de SMSQ 26. Gesto Integrada de SMSQ GAMA - Gesto de Acidentes e Meio Ambiente 27. Gesto Integrada de SMSQ - SOPRY - Sistema de Observaes Preventivas 28. Gesto Integrada de SMSQ Aplicao de Parmetros Ambientais Inventrio ambiental 29. Gesto Integrada de SMSQ Gesto de Segurana e SadeAtendimento legislao Implementao de Planos de Emergncia Auditorias Gesto de indicadores Treinamentos 30. Gesto Integrada de SMSQ Planos de Emergncia MEDEVAC Plano de Resposta a Vazamentos Contingncia para Blowout (Controle de Poo & Combate a Incndio) Resposta a H2S Perda de Comunicao Manuseio de Materiais Perigosos Acidente Martimo Acidente de Helicptero Seqestro (Cdigo ISPS) Desocupao 31. Gesto Integrada de SMSQ Plano de Resposta a Vazamentos Necessria aprovao do IBAMA CONAMA 293 Diretrizes mnimas1. Identificao da instalao2. Cenrios acidentais3. Informaes e procedimentos para resposta3.1. Sistemas de alerta de derramamento de leo3.2. Comunicao do incidente3.3. Estrutura organizacional de resposta3.4. Equipamentos e materiais de resposta3.5. Procedimentos operacionais de resposta4. Encerramento das operaes 32. Gesto Integrada de SMSQDesenvolvimento Sustentvel satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das futuras geraes em satisfazer suas prprias Comisso Mundial de Meio Ambiente e Desenvolvimento (ComissoBruntland) - 1983 33. Gesto Integrada de SMSQ No passado corporaes tinham como objetivo criar valor para os acionistas Atualmente criar valor para a comunidade como um todo No poluir Ter produtos e operaes que no causem mal sade Gerar retorno social, etc. Investimentos em tecnologia, recursos e mudanas em processos produtivos 34. Gesto Integrada de SMSQAs empresas devem Atender legislao Buscar melhorias tcnicas de instalaes e produtos Relacionar-se com todas as partes interessadas (stakeholders)POLTICA SMSQ 35. O que a Repsol faz ?Atendimento legislao Todas as atividades cumprindo legislao Monitoramos propostas de novas leis 36. O que a Repsol faz ?Buscar melhorias tcnicas de instalaes e produtos Participamos dos fruns de discusso da indstria de petrleo internacional Participamos dos fruns de discusso da Companhia a nvel internacional Trabalhamos com sistemas baseados nas normas ISO 9001/14001 e OHSAS 18001 Investimos em projetos de P&D no Pas 37. O que a Repsol faz ?Relacionar-se constantemente com todas as partes interessadasCompanhia petroleira mais transparente do mundo Dow JonesPelo terceiro ano consecutivo obtm mxima qualificaoRepsol doa 300 exemplares do livro A Doce Revoluo de Oscar Niemeyer para todos os Estados do Brasil (28.10.2008) Repsol premiada por sua campanha publicitria dedicada integrao de pessoasportadoras de necessidades especiais cermi.es 2008 Uma das pioneiras no Projeto Florestas do Futuro Recuperao de reas desmatadas na regio da Mata Atlntica 2 Florestas Repsol RJ e SP 30 mil mudas de espcies nativas 38. Tendncias Companhias buscando uso mais racional dos recursos Considerando aspectos de SMSQ em todas fases de projetos Comunicao constante com partes interessadas 39. Concluso Gesto ambiental conduzida de maneira integrada com segurana, sade e qualidade Atividades iniciam muito antes de incio das operaes Integrao total com demais reas 40. Obrigado por sua ateno! www.repsol.com