Apresentação 16001

Click here to load reader

  • date post

    05-Nov-2015
  • Category

    Documents

  • view

    7
  • download

    1

Embed Size (px)

description

Sobre as diretrizes do sistema de gestão por responsabilidade social

Transcript of Apresentação 16001

  • ABNT NBR 16001:2012

    Jos Salvador da Silva Filho Coordenador da ABNT/CEE RS

  • Breve histrico 2003 Deciso de desenvolver uma Norma nacional

    cerGcvel. 2004 Lanamento da ABNT NBR 16001 2005 Lanamento da ABNT NBR 16002

    (qualicao de auditores) 2006 - Desenvolvimento dos critrios de cerGcao

    e acreditao de organismos e realizao da primeira cerGcao

    2009 Lanamento da ABNT NBR 16003 (realizao de auditorias)

    2010 Deciso de revisar a ABNT NBR 16001

  • Minuta do TR circula para Comentrios da ABNT/CEE RS

    Deciso de desenvolver os Termos de Referncia TR para reviso da NBR 16001

    Reunio para discutir os comentrios ao TR

    30 de setembro 2010

    17 de maro 2011

    6 de abril 2011

    6 de junho 2011

    26 de julho 2011

    Finalizao da pesquisa com organizaes certificadas

    Termos de Referncia aprovado pela ABNT/CEE RS

    Processo de reviso da ABNT NBR 16001

  • 26 de julho 2011

    16 de setembro 2011 2005

    5 e 6 de outubro 2011

    24 de novembro 2012

    19 de janeiro 2012

    17 de fevereiro 2012

    16 de abril 2012

    Reunio ABNT/CEE RS 2a minuta de reviso

    Reunio ABNT/CEE RS 1 minuta de reviso

    Reunio ABNT/CEE RS 3a minuta de reviso

    Incio da consulta nacional

    Fim da consulta nacional

    Processo de reviso da ABNT NBR 16001

    ABNT NBR 16001:2012 em vigor partir de 3 de agosto

  • CerGcados SA8000:2008 (junho/2011)

    0 100 200 300 400 500 600 700 800 900

    Italy

    India

    China

    Romania

    Pakistan

    Other

    Brazil

    Vietnam

    Portugal

    Spain

    Czech Republic

    Lithuania

    Hong Kong

    Taiwan

    Greece

    Sri Lanka

    Thailand

    Bulgaria

    United Kingdom

    Israel

    2680 cerGcados mundialmente

    79 cerGcados no Brasil Cerca de 3% do total

  • CerGcados no Brasil (junho/2011)

    0

    20

    40

    60

    80

    100

    120

    1996 1998 2000 2002 2004 2006 2008 2010 2012

    NBR16001

    SA8000

  • Grandes mudanas desde 2004

  • Pol)ca da RS 3.2

    MELHORIA CONTNUA

    Recursos, regras, responsabilidade e autoridade 3.3.4

    Competncia, treinamento e conscien)zao 3.4.1

    Comunicao 3.4.2

    Controle operacional 3.4.3

    Manual do SGRS 3.5.2

    Controle de documentos 3.5.3

    Controle de registros 3.5.4

    Monitoramento e medio 3.6.1

    Avaliao da conformidade 3.6.2

    No-conformidade e AC e AP 4.6.3

    Auditoria interna 3.6.4

    Anlise pela Administrao 3.3.5

    Aspectos da RS 3.3.1

    Requisitos legais e outros 3.3.2

    K Temas 3.3.3

    Obje)vos, metas e programas 3.3.3

    3.3 Planejamento

    3.4 Implementao e Operao

    3.6 Medio, anlise e melhoria

    3.5 Requisitos de documentao

    Viso geral da ABNT NBR 16001:2004 e proposta de reviso

    Includos os princpios da ISO 26000

    Os aspectos da RS foram reGrados Foram includos:

    - IdenGcao das partes interessadas - Temas e questes da RS

    - Due diligence - Oportunidades de inovao

    ManGdo

    ReGrados K temas

    Melhorado

    ManGdo

    - Fortalecida a comunicao - Criada clusula de engajamento e tratamento de desavenas e conitos

    Melhorado Foco nos temas,

    questes da RS e

    impactos

    ManGdo

    Includo anexo

    ManGdo

  • 3.6 Medio, anlise e melhoria

    3.3 Planejamento

    3.4 Implementao e

    operao

    3.5 Requisitos de

    documentao

    Anexos: Bibliograa, IdenGcao das partes interessadas, Engajamento das partes interessadas, Comunicao, Questes da RS, Oportunidades de melhoria e inovao, Monitoramento e medio

    1. ObjeGvo 2.

    De

    nies

    A nova ABNT NBR 16001 3.2 PolGca da responsabilidade social

    IdenGcao das partes interessadas Temas e questes da RS Due diligence Oportunidades e inovao Requisitos legais e outros ObjeGvos, metas e programas Recursos, funes, responsabilidades

    Monitoramento e medio Avaliao do atendimento

    requisitos legais e outros No conformidade e ao correGva

    e prevenGva Auditoria interna Anlise pela Alta Direo

    Treinamento e conscienGzao Engajamento das partes interessadas Comunicao Tratamento de conitos e

    desavenas Controle operacional

    Manual do SGRS Controle de documentos Controle de registros

  • Ressalvas importantes da NBR 16001

    O atendimento aos requisitos da Norma no signica que a organizao socialmente responsvel, mas que possui um sistema da gesto da responsabilidade social. As comunicaes da organizao, tanto internas quanto externas, devero respeitar este preceito.

    A conformidade com esta Norma no implica, por si s, na conformidade com as diretrizes da ISO 26000. Quaisquer declaraes de que um cerKcado de conformidade com esta Norma seria uma evidncia do atendimento as diretrizes da ISO 26000 so incompaMveis com os objeKvos desta Norma. No entanto, a adoo desta Norma pode auxiliar a organizao em seu processo de implementao de algumas das diretrizes da ISO 26000."

  • Organizaes com desempenho diferentes podem atender aos requisitos

    da ABNT NBR 16001:2012

    Tempo

    Melho

    ria da

    respon

    sabilid

    ade social

  • Portaria Inmetro 407 de 2 de agosto de 2012

    As organizaes cerGcadas com base na norma ABNT NBR 16001:2004 podem, a qualquer tempo, a contar da data de publicao desta Portaria, migrar para a verso atual da norma, mediante auditoria;

    As solicitaes de cerGcao inicial podero conGnuar a ser concedidas com base na norma ABNT NBR 16001:2004 em at 12 (doze) meses contados da publicao desta Portaria;

    As solicitaes de recerGcao podero conGnuar a ser concedidas com base na norma ABNT NBR 16001:2004 em at 24 (vinte e quatro) meses contados da publicao desta Portaria;

    Todas as cerGcaes vigentes concedidas com base na norma ABNT NBR 16001:2004 devero ser migradas para a verso atual da norma ou serem canceladas no prazo de 36 (trinta e seis) meses, a contar da data de publicao desta Portaria.

  • Plano de transio

    3 de agosto de 2012

    3 de agosto de 2013

    3 de agosto de 2014

    3 de agosto de 2015

    Prazo para cerGcar na verso 2004

    Prazo para recerGcar na verso 2004

    Prazo para migrar para verso 2012

    Incio da vigncia da verso 2012

    Cer)cados na verso 2004 no sero mais vlidos

    As verses 2004 e 2012 coexis)ro

    A qualquer momento a cer)cao pode ser migrada, mediante auditoria

  • Muito Obrigado! Jos Salvador da Silva Filho

    +5511-3913-7113 [email protected]