Aula 3 princípios da economia

download Aula 3   princípios da economia

If you can't read please download the document

Embed Size (px)

Transcript of Aula 3 princípios da economia

Slide 1

1

Introduo s Cincias EconmicasUniversidade Federal de AlagoasCampus de Arapiraca Unidade Educacional PenedoSistemas de InformaoProfessora: Katiane Tavares

Disciplina:

2 Princpios da EconomiaComo as Pessoas Tomam DecisesComo as Pessoas InteragemComo Funciona a Economia

Assunto para as prximas aulas2Roteiro:

2

3Princpios da Economia

3

4ECONOMIA

Professora: Katiane TavaresA economia o estudo da forma pela qual a sociedade administra seus recursos escassos.Os economistas portanto estudam: Como as pessoas tomam decises: o quanto trabalham, o que compram, quanto poupam e como investem suas poupanas. Como as pessoas interagem umas com as outras, examinando como um grande conjunto de compradores e vendedores de um bem determinam em conjunto o preo pelo qual o bem ser vendido e a quantidade que ser vendida. Analisam as foras e tendncias que afetam a economia como um todo, incluindo o crescimento da renda mdia e a taxa qual os preos aumentam.

5PRINCPIOS DA ECONOMIAComo as Pessoas Tomam DecisesComo as Pessoas InteragemComo Funciona a EconomiaAs pessoas enfrentam tradeoffsO custo de alguma coisa aquilo de que voc desiste para obt-laAs pessoas racionais pensam na margemAs pessoas reagem a incentivosO comrcio pode ser bom para todosOs mercados so geralmente uma boa maneira de organizar a atividade econmicas vezes os governos podem melhorar os resultados dos mercadosO padro de vida de um pas depende de sua capacidade de produzir bens e serviosOs preos sobem quando o governo emite moeda demaisA sociedade enfrenta um tradeoff de curto prazo entre inflao e desemprego

Professora: Katiane Tavares

6COMO AS PESSOAS TOMAM DECISES?

Professora: Katiane Tavares

7

1- As Pessoas Enfrentam TradeoffsTradeoff uma expresso que define uma situao em que h conflitode escolha.

Para conseguirmos algo que queremos, geralmente precisamos abrir mo de outra coisa que gostamos.

Tradeoff clssico: Armas X ManteigaProfessora: Katiane Tavares

8

Lembrem do provrbio:Nada de graa.Professora: Katiane Tavares

9

TRADEOFFSProfessora: Katiane Tavares

10

Reconhecer os tradeoffs da vida importante porque as pessoas s tomam decises acertadas se entenderem as opes disponveis. Professora: Katiane Tavares(Gregory Mankiw)

11

2- O custo de alguma coisa aquilo de que voc desiste para obt-laA tomada de decises exige comparar os custos e benefcios de possibilidades alternativas de ao.

Ateno: o custo de uma ao no to claro quanto pode parecer a primeira vista.

Custo de oportunidade: qualquer coisa de que se tenha que abrir mo para obter algum item.Professora: Katiane Tavares

12

AQUILO DE QUE VOC DESISTE PARA OBT-LAProfessora: Katiane Tavares

13

3- As Pessoas Racionais Pensam Na MargemAs decises que tomamos durante nossa vida raramente so "preto no branco, elas geralmente envolvem diversos tons de cinza.

Em muitos casos, as pessoas tomam as melhores decises quando pensam na margem.

Professora: Katiane Tavares

14

Lembre-se de que "margem" pressupe a existncia de extremos, portanto, mudanas marginais so ajustes ao redor dos "extremos"daquilo que voc est fazendo.

Exemplo:Vale a pena cursar uma ps graduao?- Anlise Marginal:Benefcios Marginais: aumento do salrio e da empregabilidade.Custos Marginais: custo financeiro e tempo despendido.

Professora: Katiane Tavares

15

4- As Pessoas Reagem A IncentivosAs pessoas tomam decises por meio da comparao de custos e benefcios. Seu comportamento pode mudar quando os custos e benefcios mudam.

Em outras palavras, as pessoas reagem a incentivos. Professora: Katiane Tavares

16

Se a ma aumenta de preo as pessoas vo consumir mais perasProfessora: Katiane Tavares

17

COMO AS PESSOAS INTERAGEM?Professora: Katiane Tavares

18

5- O Comrcio Pode Ser Bom Para TodosO comrcio no uma competio esportiva, em que um lado ganha e o outro perde. Na verdade, o que acontece o contrrio: o comrcio pode ser bom para ambas as partes.Professora: Katiane Tavares

19

A existncia do comrcio permite que eles se especializem naquilo que fazem melhor e desfrutem de uma maior variedade de bens e servios. Todos so tanto parceiros quanto concorrentes na economia mundial.Professora: Katiane Tavares

20

6- Os mercados so geralmente uma boa maneira de organizar a atividade econmicaNa economia de mercado as empresas decidem quem contratar e o que produzir; as famlias decidem em que empresas trabalhar e o que comprar com seus rendimentos. Essas empresas e famlias interagem no mercado, em que os preos e os interesses prprios guiam suas decises.Professora: Katiane Tavares

21

Adam Smith e a mo invisvel: livro A Riqueza das Naes, publicado em 1776.Professora: Katiane TavaresAs famlias e as empresas, ao interagirem nos mercados, agem como se fossem guiadas por uma mo invisvel que as leva a resultados de mercado desejveis.

22

7- s Vezes Os Governos Podem Melhorar Os Resultados Dos Mercados

A mo invisvel precisa que o governo a proteja. Os mercados s funcionam bem quando os direitos de propriedade so garantidos.

Os economistas usam a expresso falha de mercado para se referir a uma situao em que o mercado, por si s, no consegue produzir uma alocao eficiente de recursos. Professora: Katiane Tavares

23

Duas razes para que o governo intervenha no mercado: promover a eficincia e a eqidade

Eficincia: aumentar o bolo econmico.Eqidade: alterar a diviso do bolo econmico.Professora: Katiane Tavares

24

COMO FUNCIONA A ECONOMIA COMO UM TODOProfessora: Katiane Tavares

25

8- O PADRO DE VIDA DE UM PAS DEPENDE DE SUA CAPACIDADE DE PRODUZIR BENS E SERVIOSQuase toda a variao nos padres de vida pode ser atribuda a diferenas na produtividade isto , a quantidade de bens e servios produzida em uma hora de trabalho.Professora: Katiane Tavares

26

9- Os Preos Sobem Quando O Governo Emite Moeda DemaisQuando um governo emite grandes quantidades de moeda, o valor da moeda diminui.

Inflao: um aumento do nvel geral de preos da economia.Professora: Katiane Tavares

27

10- A sociedade enfrenta um tradeoff de curto prazo entre inflao e desempregoTpico controverso entre os economistas, a Curva de Phillips demonstra que a sociedade enfrenta um tradeoff de curto prazo entre inflao e desemprego. Isso significa simplesmente que em perodos de um ou dois anos muitas polticas empurram a inflao e o desemprego em direes opostas.Professora: Katiane Tavares

28

Suponha que o governo reduza a quantidade de moeda na economia. A longo prazo o resultado ser apenas uma queda no nvel geral de preos. Contudo, nem todos os preos se ajustaro imediatamente. Diz-se, portanto, que os preos so rgidos a curto prazo.Quando o governo reduz a quantidade de moeda reduz o montante das despesas das pessoas: gastos menores, junto com preos que se mantm altos, reduzem a quantidade de bens e servios que as empresas vendem.Vendas menores, por sua vez, levam as empresas a demitirem trabalhadores. Assim a reduo na quantidade de moeda aumenta temporariamente o desemprego at que os preos se ajustem completamente as mudanas.Professora: Katiane TavaresO tradeoff entre inflao e desemprego temporrio, mas pode durar vrios anos.

29

Leitura e exerccio para prxima aula:

Livro: Introduo Economia / 2 edioAutor: Gregory N. MankiwCaptulo 2: Pensando Como Um Economista

Professora: Katiane Tavares

30