Boletim 76

Click here to load reader

  • date post

    02-Apr-2016
  • Category

    Documents

  • view

    214
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Boletim semanal da Igreja Batista Liberdade, em Araraquara

Transcript of Boletim 76

  • Rua Dorival Alves, 39 Vila Xavier (16) 9963-2524

    Reunies aos domingos: 10h Escola Bblica Dominical19h Culto de adorao e louvor

    Pastor Wilson Porte Junior

    [email protected] Boletim 31/08/2014

    Segurana

    31/08 Geni

    07/09 Paulo

    Recepo

    31/08 Jos Valdir e Neiva

    07/09 Saulo e Vanessa

    Sonoplastia

    31/08 Mateus (M); Rodrigo (N)

    07/09 No Informado

    Escala

  • -la para casa durante a semana. Lembre-se que seu alvo chegar ao ideal do nomina-lismo cristo, que a capacidade de cultuar a Deus sem Bblia. Com o passar do tempo e persistncia voc conseguir e muitos ad-miraro a sua memria.

    Em quarto lugar, no evangelize. Assu-ma uma postura neutra, assim voc no so-frer oposio dos mpios, pelo contrrio, eles aprovaro seu comportamento e acha-ro voc uma pessoa legal por ser igual a eles e fazer as coisas que eles fazem. Is-so bom, principalmente porque voc no ter a necessidade de dar testemunho atra-vs de seu comportamento estando, assim, livre para viver a vida crist do seu jeito.

    Em quinto lugar, no frequente a Esco-la Dominical. Matricule-se para manter seu nome no rol dos cristos, mas no freqen-te. Aproveite o domingo com outras pro-gramaes mais importantes que a f crist. Passeios, viagens, baladas de sbado noi-te e at estudos como o vestibular so boas justificativas para voc no se sentir culpa-do. No se preocupe com a necessidade in-dicada pelos seus lderes de se ter conheci-mento bblico e doutrinrio. Voc pode at aprender algumas doutrinas, o que voc no deve fazer pratic-las. Encha seu intelecto de verdades da Escritura, mas lembre-se so apenas idias, convena-se que so teorias, e que na prtica no funcionam.

    Em sexto lugar, no desenvolva rela-cionamento com outros membros da igre-ja. Saia logo do culto assim que ele termi-

    Pastoral

    Por Jer Corra Batista

    Primeiro, v igreja apenas uma vez por semana. Se voc for ao culto matuti-no, no v ao noturno, se for ao culto no-turno ignore o matutino. Escolha um dia da semana, os domingos so os preferveis, mas pode-se optar por outro trabalho du-rante a semana, o importante no ir mais que uma vez. Ao longo de sua carreira cris-t nominal voc conseguir passar sema-nas ou talvez meses sem frequentar os cul-tos, perceber que eles se tornaro cada vez menos necessrios sua f nominal.

    Em segundo lugar, abandone o hbi-to de orar sempre. Ore nos cultos, nas reu-nies da igreja, ore quando algum estiver perto de voc, ore nos momentos de afli-es e principalmente nas reunies de ora-o, quando ocasionalmente voc partici-par de uma delas. Mas abandone o hbi-to de orar em secreto e orar diariamente. A orao gera em ns um senso de dependn-cia, nos leva a considerar a presena invis-vel e real de Deus, e esta concepo de uma realidade espiritual prejudica a carreira de um cristo nominal.

    Em terceiro lugar, no leia a Bblia. Es-quea esse hbito de preservar horas tran-quilas compostas de orao e leitura bbli-ca. Leia a Bblia nos cultos, a quantidade de leitura que temos nos cultos deve ser su-ficiente para manter o sentimento de que somos cristos. Deixe sua Bblia no car-ro, assim voc no ter o trabalho de lev-

    Como se tornar um cristo nominal?

  • nar. No se demore conversando com os ir-mos ou algum visitante. Eles chamam isso de comunho, e voc pode achar esses mo-mentos muito agradveis. Se for obrigado a ficar, no aprofunde seu relacionamento e mantenha distncia dos grupos de servi-os da igreja.

    Em stimo lugar, batize-se e participe da ceia regularmente. Nada melhor que os sacramentos para nos fazer sentir cristos. Professe sua f, mas lembre-se que os com-promissos assumidos naquele dia, so me-ros atos religiosos. No tome a ceia com f, nem envolva a f nessas cerimnias, caso contrrio elas podero se tornar mais que cerimnias, podendo at mesmo ser meio de graa em sua vida, e isto nocivo pa-

    ra a carreira de um cristo que quer se tor-nar nominal.

    Acima de tudo, se voc realmente pre-tende se tornar um cristo nominal, consi-dere que a grande diferena entre os nomi-nais e os cristos verdadeiros a f. No a f qualquer, mas aquela que, segundo uma de-finio de um autor cristo... o que se rece-be de Deus; no uma mera aceitao do que revelado em Sua Palavra, mas um princ-pio sobrenatural de graa que existe no Deus das Escrituras. Devo dizer ainda que a f indispensvel somente para ler a Palavra de Deus (Jo 20.31), para ouvir a pregao (Gl 3.2), para a orao (Tg 1.6), para a vida diria (2Co 5.7, Gl 2.20) e para a nossa par-tida deste mundo (Hb 11.13).

    Cantina Liberdade

    Como se tornar um cristo nominal?