Boletim 87

of 3/3
número 87 | 1ª edição | março de 2012 MATÉRIAS América Latina e Caribe devem ficar alertas para risco de recessão mundial e insegurança alimentar. pág 02 ARTIGO >> Consumo diário de carne vermelha aumenta risco de morte. pág 03 Promover uma alimentação de qualidade nas escolas. Esta é a finalidade do Projeto de Lei n° 135/11, de autoria do deputado Betinho Gomes (PSDB), aprovado, com um substitutivo, na Comissão de Constituição, Legislação e Justiça da Alepe. A matéria prevê a presença de nutricionista nas instituições educacionais de Ensinos Fundamental e Médio. O novo texto, sugerido pelo relator, deputado Aluísio Lessa (PSB), torna a iniciativa obrigatória apenas para a rede privada. O argumento é que os bons níveis educacionais também são resultantes de alunos bem alimentados e aptos a desenvolver todo o potencial de aprendizagem. O objetivo é incentivar hábitos alimentares saudáveis. Segundo Betinho Gomes, quando Fonte: Diário Oficial do Estado de Pernambuco Já experimentou o serviço de Autoatendimento que o Conselho Regional de Nutricionistas da 6ª Região oferece através do site www.crn6.com.br? A partir dessa ferramenta on-line, é possível realizar inscrições, emissões de certidões e boletos, consulta de cadastros, negociações e parcelamento de débitos. o consumo destes nutrientes é adequado, isto é, ajustado às necessidades individuais, as crianças apresentam melhor desempenho escolar e mais facilidade de assimilar conhecimentos. Durante o encontro, realizado no último dia 6, os parlamentares também distribuíram dez proposições e aprovaram outras oito. Na opinião do presidente da Comissão, deputado Raimundo Pimentel (PSB), as proposições analisadas e acatadas são de grande relev ância. O Projeto n° 135/11 é muito importante, uma vez que, com a presença dos nutricionistas nas instituições educacionais, os alunos podem ser orientados a prevenir a obesidade. Atualmente, temos observado um crescimento epidêmico no que se refere ao número de pessoas obesas, alertou Pimentel. Presença de nutricionista pode se tornar obrigatória em colégios Matéria recebeu parecer favorável na Comissão de Constituição, Legislação e Justiça Serviço de Autoatendimento Boletim eletrônico quinzenal do Conselho Regional de Nutricionistas - 6ª região Diretoria do CRN-6 Presidente Nancy Aguiar Vice-Presidente Patrícia Santos Tesoureiro Rodrigo Silveira Secretária Ivany Amaral Redação e Projeto Gráfico Multi Comunicação Corporativa
  • date post

    07-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    220
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Boletim 87

Transcript of Boletim 87

  • nmero 87 | 1 edio | maro de 2012

    Matrias

    Amrica Latina e Caribe devem ficar alertas para risco de recesso mundial e insegurana alimentar. pg 02

    ARTIGO >> Consumo dirio de carne vermelha aumenta risco de morte. pg 03

    Promover uma alimentao de qualidade nas escolas. Esta a finalidade do Projeto de Lei n 135/11, de autoria do deputado Betinho Gomes (PSDB), aprovado, com um substitutivo, na Comisso de Constituio, Legislao e Justia da Alepe. A matria prev a presena de nutricionista nas instituies educacionais de Ensinos Fundamental e Mdio.

    O novo texto, sugerido pelo relator, deputado Alusio Lessa (PSB), torna a iniciativa obrigatria apenas para a rede privada. O argumento que os bons nveis educacionais tambm so resultantes de alunos bem alimentados e aptos a desenvolver todo o potencial de aprendizagem.

    O objetivo incentivar hbitos alimentares saudveis. Segundo Betinho Gomes, quando

    Fonte: Dirio Oficial do Estado de Pernambuco

    J experimentou o servio de Autoatendimento que o Conselho Regional de Nutricionistas da 6 Regio oferece atravs do site www.crn6.com.br? A partir dessa ferramenta on-line, possvel realizar inscries, emisses de certides e boletos, consulta de cadastros, negociaes e parcelamento de dbitos.

    o consumo destes nutrientes adequado, isto , ajustado s necessidades individuais, as crianas apresentam melhor desempenho escolar e mais facilidade de assimilar conhecimentos.

    Durante o encontro, realizado no ltimo dia 6, os parlamentares tambm distriburam dez proposies e aprovaram outras oito.

    Na opinio do presidente da Comisso, deputado Raimundo Pimentel (PSB), as proposies analisadas e acatadas so de grande relev ncia. O Projeto n 135/11 muito importante, uma vez que, com a presena dos nutricionistas nas instituies educacionais, os alunos podem ser orientados a prevenir a obesidade. Atualmente, temos observado um crescimento epidmico no que se refere ao nmero de pessoas obesas, alertou Pimentel.

    Presena de nutricionista pode se tornar obrigatria em colgiosMatria recebeu parecer favorvel na Comisso de

    Constituio, Legislao e Justia

    Servio de Autoatendimento

    Boletim eletrnicoquinzenal do Conselho Regional

    de Nutricionistas - 6 regio

    Diretoria do CRN-6Presidente

    Nancy AguiarVice-PresidentePatrcia Santos

    TesoureiroRodrigo Silveira

    SecretriaIvany Amaral

    Redao e Projeto GrficoMulti Comunicao Corporativa

  • nmero 87 | 1 edio | maro de 2012

    Amrica Latina e Caribe devem ficar alertas para risco de recesso mundial e insegurana alimentar

    A incerteza marca o cenrio econmico mundial e coloca os governos da Amrica Latina e Caribe em estado de alerta sobre a ameaa que uma recesso poderia representar para a segurana alimentar, informa o Escritrio Regional da Organizao das Naes Unidas para Agricultura e Alimentao (FAO).

    Segundo o boletim trimestral de segurana alimentar da FAO, menos postos de trabalho e gerao de renda esto afetando o acesso da populao aos alimentos. As projees de crescimento da economia mundial foram revistas para baixo em 2012. O crescimento mais lento da economia global implicar em uma reduo do ritmo do comrcio internacional, o que provavelmente ter efeitos sobre os preos dos produtos bsicos.

    Na Argentina, devido seca, a expectativa de queda na produo de cereais de cerca de 12%. No Brasil tambm se observa uma reduo significativa na safra de trigo: a queda na produo chegou a 16% entre 2011/12 e 2010/11, por causa de geadas e redues das reas plantadas.

    Tambm h previso de queda da produo de milho na Amrica Central e no Mxico, onde as geadas do ano passado causaram redues de 9% nas colheitas.

    As recentes enchentes registradas em Honduras, na Nicargua e em El Salvador tambm podem afetar a produo.

    O estoque de cereais no ano passado registrou 10 milhes de toneladas a mais do que em 2010. A produo tambm aumentou: as estimativas da FAO apontam para um nvel recorde de produo de 2,3 milhes de toneladas, 3,5% a mais do que 2010/11.

    Segundo o boletim, os governos da Amrica Latina e Caribe esto enfrentando corretamente a alta volatilidade dos preos dos alimentos. Muitos conseguiram ampliar seus programas de transferncia de renda, os quais garantem o acesso aos alimentos de boa parte da populao pobre da regio. O bloco registra inflao relativamente baixa e estvel, na casa dos 7%.

    Fonte: http://www.onu.org.br/fao-america-latina-e--caribe-devem-ficar-alertas-para-risco-de-recessao--mundial-e-inseguranca-alimentar/

    Segundo o boletim trimestral de segurana alimentar da FAO, menos postos de trabalho e gerao de renda esto afetando o acesso da populao aos alimentos.

  • nmero 87 | 1 edio | maro de 2012

    O artigo est disponvel em ingls no http://archinte.ama-assn.org/cgi/content/full/archinter-nmed.2011.2287.

    Os artigos publicados neste boletim so de responsabilidade dos autores, no representando necessariamente a opinio do Conselho Regional de Nutricionistas da 6 regio.

    Artigo

    Um estudo realizado pela Universidade de Harvard e publicado no jornal Archives of Internal Medicine, na ltima segunda-feira (12), apontou que a ingesto de uma poro diria de carne vermelha processada pode aumentar o risco de morte prematura nas pessoas em at 20%. Para quem se alimenta com frequncia das carnes vermelhas que no so processadas, o risco de bito passa a ser de 13%, segundo a publicao.

    A pesquisa norte-americana tambm divulgou que a carne vermelha aumenta o risco de doenas cardacas e do cncer. Ao todo, o levantamento se baseou em um banco de dados referentes a mais de 120 mil pessoas residentes nos Estados Unidos. Ao longo de 22 anos, os especialistas acompanharam 37.698 homens. J as 83.644 mulheres foram estudadas durante 28 anos.

    A cada quatro anos, os participantes foram observados e responderam questionrios sobre seus hbitos alimentares. A partir desse acompanhamento, os pesquisadores constataram que de sete a nove por cento das mortes contabilizadas poderiam ter sido evitadas se todos os participantes consumissem menos de 0,5 poro diria de carne vermelha.

    O estudo da Universidade de Harvard tambm apontou que a carne vermelha processada demonstrou conter ingredientes como gorduras saturadas, sdio, nitritos e outras substncias, vinculadas a muitas doenas crnicas, inclusive doenas cardacas e cncer. Assim, a pesquisa sugere que a populao substitua a carne vermelha em suas dietas por peixe e carne de aves, de forma a diminuir o risco de mortalidade.

    Outros nmeros apresentados pelo levantamento dizem respeito substituio da carne vermelha por nozes, o que representou a queda de 19% nas taxas de mortalidade, enquanto o consumo de aves e gros inteiros diminui em 14%. Por fim, os pesquisadores defenderam que a ingesto de peixes reduziu em 7% os riscos de morte.

    A pesquisa foi realizada pelos cientistas An Pan, Adam M. Bernstein, Qi Sun, Matthias B. Schulze, Joann E. Manson, Meir J. Stampfer, Walter C. Willett e Frank B. Hu.

    Consumo dirio de carne vermelha

    Departamento de Nutrio e Epidemologia da Universidade de Sade Pblica de Harvard

    aumenta risco de morte