Caderno avaliação ACRE - · PDF file Del Bianco Tour Operator Claudio Del Bianco...

Click here to load reader

  • date post

    26-Jan-2019
  • Category

    Documents

  • view

    213
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Caderno avaliação ACRE - · PDF file Del Bianco Tour Operator Claudio Del Bianco...

Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem PI

CADERNO DE AVALIAO

CARAVANA BRASIL

RIO BRANCO e VALE DO ACRE ACRE

01 a 05 de abril de 2009

2 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

MINISTRIO DO TURISMO Luiz Eduardo Pereira Barretto Filho, Ministro de Estado

Secretaria Nacional de Polticas de Turismo Airton Nogueira Pereira Jnior, Secretrio

Departamento de Promoo e Marketing Nacional Mrcio Nascimento, Jurema Monteiro, Coordenadora-geral de Apoio Comercializao

SEBRAE NACIONAL Servio Brasileiro de Apoio s Micro e Pequenas Empresas Paulo Tarciso Okamotto,

Diretoria de Administrao e Finanas Carlos Alberto dos Santos,

Diretoria Tcnica Luiz Carlos Barboza, Diretor

Gerncia da Unidade de Atendimento Coletivo, Comrcio e Servios Ricardo Guedes, Aryanna Nery Dival Schmidt Germana Magalhes Lara Franco Valria Barros

BRAZTOA Associao Brasileira das Operadoras de Turismo Jos Eduardo Barbosa Monica Eliza Samia Diretora Executiva

Coordenadora GeralLeandro Queiroz Roberta Giglio Marina Telles Nivea Lima

Eduardo Cecchini Jos Cordeiro Rafael Andreguetto Rosier Saraiva Oficina de Hospitalidade Alessandro Rodrigues Pinto Ana Laura Ravagnani Simone Scorsato

Calebe Queiroz

3 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

NDICE

Caravana Brasil_____________________________________05

Rio Branco e Vale do Acre ____________________________06

Oficina de Capacitao ______________________________07

Viagem Tcnica ____________________________________10

Avaliao Destino __________________________________13

Hospitalidade __________________________________16

Produtos e Servios _____________________________22

Pblico Alvo ___________________________________25

Promoo e Comercializao _____________________27

Encontro de Negcios ______________________________31

Consideraes Finais ________________________________35

4 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

CARAVANA BRASIL O projeto Caravana Brasil, realizado pela Embratur desde 2003, tem como principal meta incentivar a comercializao de novos produtos tursticos brasileiros no mercado internacional. Com isso, de forma geral, ampliou-se tambm a oferta turstica brasileira. Foram realizadas 100 caravanas para quase 450 destinos, com a participao de cerca de 900 profissionais formadores de opinio, operadoras de turismo nacional e internacional, alm da imprensa. A partir de 2007, o Ministrio do Turismo SEBRAE

Caravana Brasil Nacional, que segue as mesmas linhas conceituais do projeto original. Busca, no entanto, incorporar novas caractersticas a fim de se adaptar com mais eficincia ao mercado atual. Dessa forma, o projeto realiza: 1- Viagens com Agentes de Viagem,

tambm visitam feiras e/ou eventos comerciais de destaque do setor; 2- Viagens com Agentes de Viagem e Operadoras de Turismo,os destinos j comercializados; 3- Viagens com Operadoras de Turismo, nas quais os participantes conhecem novos destinos com a finalidade de diversificar sua cesta de produtos. A promove ainda: 1- Capacitao

Viagem e Operadoras de Turismo, bem como adequar seus produtos s necessidades do mercado. Esta ao acontece durante a viagem precursora em que representantes do projeto visitam o destino para a validao do roteiro final. 2- Encontros de Negcios, que so encontros entre Operadoras de Turismo, Representantes Institucionais e Fornecedores Locais, e possibilitam a convergncia de interesses e o estabelecimento de negcios. Esta ao acontece durante as viagens com Operadoras de Turismo.

5 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

3- Encontros de Conhecimento, que propem a apresentao do destino de forma diferenciada para Operadoras e Agentes. Esta ao acontece durante as viagens entre Operadoras de Turismo e Agentes de Viagem. 4- Encontros para Apresentao dos Resultados das Avaliaes,avaliaes feitas pelos Agentes de Viagem e Operadoras de Turismo. Esta ao acontece em um evento previsto para aproximadamente um ms depois da viagem. O projeto Caravana Brasil Nacional pretende, com suas aes, desenvolver o mercado turstico nacional de forma geral. As aes realizadas, ento, constituem uma importante ferramenta para acompanhar essas mudanas e proporcionar conhecimento qualificado aos profissionais envolvidos nesse setor, um importante gerador de divisas do pas.

6 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

Fonte: Viagem Tecnica Rio Branco e Vale do Acre. Fotgrafo Adonay Melo.

ACRE RIO BRANCO E VALE DO ACRE

7 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

Fonte: Viagem Tcnica Rio Branco e Vale do Acre. Fotgrafo: Adonay Melo. Durante a viagem precursora ao destino foi realizada a Oficina de Capacitao para os empresrios locais. O foco central da oficina a preparao dos fornecedores locais para o encontro de negcio, bem como, propiciar a todos os participantes por meio de exerccios e dinmicas de integrao, reflexo sobre a hospitalidade do destino, o turista e suas expectativas, produtos e segmentos e as possveis ferramentas de promoo, comercializao e distribuio do produto turstico. A Oficina de Capacitao foi realizada na cidade de Rio Branco na Secretaria de Turismo, tendo a participao de representantes de empresas e de instncias de governana local. Ao todo participaram 32 pessoas de diferentes setores empresariais conforme tabela abaixo:

Empresas e Instituies - Oficina de Capacitao

Nome da Empresa Representante

1 ABRASEL Ari Junior

2 ATENAS TURISMO Cley Rone Freitas

3 ATENAS TURISMO Vinicius Cruz

OFICINA DE CAPACITAO

13 de fevereiro de 2009

8 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

4 FAAO Luciana Rufino

5 FAAO Camila Souza

6 FUND. GARIBALD BRASIL Maria Rosa Lopes

7 FUND. GARIBALD BRASIL Silmara Alves

8 HOTEL IMPERADOR GALVEZ -

9 HOTEL IMPERADOR GALVEZ -

10 HOTEL LOUREIRO Octavia Moura

11 INKA TURISMO Juana Villassane

12 INSTITUTO DOM MOACIR Luiz Ailil

13 INSTITUTO DOM MOACIR Victor Ferreira

14 INSTITUTO DOM MOACIR Genilson Silva

15 KAMPA TURISMO Janete Franke

16 KAMPA TURISMO Calebe Queiroz

17 MAANAIN AMAZONIA Analu Knochel

18 MAANAIN AMAZONIA Joo Bosco Nunes

19 MORAES TUR Jos Raimundo Morais

20 MORAES TUR Carlos Afonso

21 POUSADA AYSHAWA Victor Pones

22 PREFEITURA DE RIO BRANCO Jos Felizardo da Silva

23 PREFEITURA DE RIO BRANCO Alan Cartaxo

24 SEBRAE Elton Pantoja

25 SEBRAE Luiz Fernando

26 SEC EDUC BUJARI Vanessa Dantas Lins

27 SENAC Elisete Machado

28 SENAC Hirlete Pinto

29 SERRAS TURISMO Ana Caroline

30 SETUL Luana Prado

31 SINATUR Ana Lucia

32 SINGTUR Ronie Jarude Na Oficina de Capacitao foram desenvolvidos trs tipos de exerccios:

Exerccio 1: Anlise do destino nos aspectos da Hospitalidade. De preenchimento individual, este exerccio possui o objetivo de avaliar elementos e caractersticas do destino que possam

9 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

representar indicadores de hospitalidade do lugar. Cada participante avaliou por meio de notas o nvel de excelncia para elementos/situaes e/ou servios que representem a grau de hospitalidade do lugar.

Exerccio 2: Anlise de produto, mercado e segmento.

Exerccio em grupo que tem por objetivo identificar na percepo dos empresrios locais quais so os produtos mais importantes no destino e para qual pblico oferecido. Os grupos devem avaliar por meio de valores de referncia o grau de excelncia do produto.

Exerccio 3: Elaborao de tarifrio.

Ao final da oficina orienta-se que os empresrios da hotelaria e de receptivos locais se renam para debater a construo de um roteiro com preos de tarifa operadora. Os resultados destes exerccios so analisados de maneira comparativa com a avaliao dos operadores ao final da Viagem Tcnica, conforme demonstrado neste caderno no item avaliao do destino.

Valores de referncia 3 Indicadores na mdia considerados excelentes (timo). 2 Indicadores na mdia considerados satisfatrios (bom). 1 Indicadores na mdia considerados pouco adequados (regular). 0 Indicadores na mdia considerados insuficientes, inexistentes ou ruins. (ruim).

3 Excelente: tima qualidade de servios e estrutura ofertada ao turista, superando a expectativa do cliente. 2 Bom: estrutura e servios funcionais e de qualidade no atendimento das necessidades dos turistas. 1 - Regular: estrutura e servios atendem de maneira regular as expectativas dos turistas. 0 Precrio: insuficincia e/ou deficincia nos servios prestados/apresentados para seu uso tursticos.

10 Caravana Brasil Nacional Caderno de Viagem ACRE

A viagem tcnica aconteceu seguindo o seguinte roteiro: 01 de abril (quarta-feira) Rio Branco - Recepo no Aeroporto e almoo - City tour panormico (Usina de Arte, Parque Tucum, Av. Cear e Parque da Maternidade, com visitas a Casa dos Povos da Floresta e Biblioteca Marina Silva). - Visitao aos atrativos: Caminhada Praa da Revoluo, Biblioteca Pblica, Memorial Autonomistas e Theatro Hlio Melo, visita ao Palcio do Governo, Praa Povos da Floresta, Mercado Velho, travessia da passarela Joaquim Macedo e Gameleira (com visita a Galeria de Arte) Juvenal Antunes. Check-in Hotel Imperador Galvez Jantar: Restaurante O Pao

Fonte: Viagem Tcnica Rio Branco e Vale do Acre. Fotgrafo: Adonay Melo.

2 de abril (quinta-feira) Rio Branco - Encontro de Negcios - Hote