Calculos Quimicos Questoes Objetivas

download Calculos Quimicos Questoes Objetivas

of 12

  • date post

    12-Jul-2015
  • Category

    Documents

  • view

    3.678
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Calculos Quimicos Questoes Objetivas

Prof. Alexandre Oliveira

www.alexquimica.com.br

Clculos Qumicos - Questes ObjetivasTEXTO PARA A PRXIMA QUESTO (Unb) Linus Pauling desenvolveu o conhecimento relativo a princpios fundamentais relacionados natureza das ligaes qumicas e estrutura das molculas, propiciando explicaes em torno das propriedades da matria. A partir de 1936, juntamente com assistentes e colegas, dedicou-se ao estudo das propriedades de sistemas vivos. Em 1960, introduziu a Medicina Ortomolecular, termo utilizado por Pauling para denominar uma nova rea do conhecimento, que consiste no estudo do s racional de nutrientes, que inclui a administrao de megadoses de minerais e vitaminas. Pauling assegurou, em 1972, que a vitamina C poderia aliviar, prevenir e, em certos casos, curar o cncer, o que gerou uma polmica que dura at hoje. Tanto as vitaminas quanto os sais minerais agem nos diferentes ciclos metablicos do organismo, ajudando na produo de trifosfato de adenosina (ATP), fonte mais comum de energia nos sistemas biolgicos. 1. Trabalhos pioneiros, relacionados a enzimas que participam da converso do ATP, cuja frmula estrutural apresentada a seguir, foram realizados por trs cientistas laureados com o Prmio Nobel de qumica, em 1997 - Boyer (EUA), Walker (Inglaterra) e Skou (Dinamarca). interrelacionado com bioqumica, biologia, etc. O conhecimento da linguagem qumica e da simbologia, em seus enunciados fundamentais, imprescindvel para a compreenso das explicaes propostas para os fenmenos estudados. A esse respeito, julgue os seguintes itens. (1) Na frmula estrutural do ATP, possvel identificar a presena de trs anis. (2) A partir da frmula apresentada, conclui-se que o ATP uma substncia composta. (3) Em cinco mols de molculas de ATP, existiro vinte e cinco mols de tomos de nitrognio e quinze mols de tomos de fsforo. (4) Em sua atividade no laboratrio, um qumico pode medir diretamente, por meio de balanas ou frascos volumtricos, massas ou volumes, mas no existe maneira de se medir diretamente a quantidade de matria de uma amostra de ATP ou de qualquer outra substncia estudada. 2. (Ufpr) Os tomos de um elemento qumico no so exatamente iguais. O cloro apresenta-se na natureza como C e C e sua abundncia isotpica mostrada no quadro a seguir.

Esse Prmio Nobel, pela natureza das pesquisas envolvidas, ressalta a interdisciplinaridade nos processos de produo de conhecimento, pois est

Entretanto, na Classificao Peridica dos Elementos, o cloro (nmero atmico=17) apresentase com massa molar igual a 35,50g/mol. A respeito do exposto acima, correto afirmar:

Clculos Qumicos - Questes objetivas

pag.1

Prof. Alexandre Oliveira (01) Na representao do tipo X, as letras X, Y e A so, respectivamente, o smbolo do elemento qumico, o nmero de massa e o nmero atmico. (02) O C apresenta sete eltrons em sua camada de valncia. (04) O C possui somente dois eltrons que podem ser compartilhados formando ligaes covalentes com outros elementos. (08) O valor 35,50g/mol obtido por meio da mdia ponderada entre as massas atmicas de C e C, levando-se em considerao suas abundncias isotpicas. (16) A configurao eletrnica de C 1s 2s 2p 3s 3p. (32) O tomo de C no neutro porque possui 17 prtons e 18 eltrons. Soma ( ) 3. (Cesgranrio) Durante este ano, os jornais noticiaram que a populao de baixa renda fez uso de leo encontrado em um depsito junto a transformadores de alta tenso. Este leo, denominado ASCAREL, uma mistura de compostos do tipo policloreto de bifenilo (PCB). Tais substncias sintticas contm entre 20% e 70% de cloro e, no homem, podem causar doenas irreversveis no fgado, bronquites crnicas e irritao da pele. Suas snteses podem ser feitas atravs da clorao do bifenilo, como demonstra na equao a seguir:

www.alexquimica.com.br em um PCB de massa molecular = 361, que contenha 59% em massa de cloro, Dado: Massa Atmica C = 35,5 a) 3 b) 4 c) 5 d) 6 e) 7 4. (Fgv) O cloro encontrado na natureza em duas formas isotpicas de 35 e 37 unidades de massa atmica. Dado que a massa atmica mdia do cloro de 35,45 uma, qual a percentagem dos dois istopos na natureza? a) 86,7% C + 13,3% C b) 66,7% C + 33,3% C c) 80,0% C + 20,0% C d) 72,2% C + 27,8% C e) 77,5% C + 22,5% C 5. (Fuvest) O minrio usado na fabricao de ferro em algumas siderrgicas brasileiras contm cerca de 80% de xido de ferro (III). Quantas toneladas de ferro podem ser obtidas pela reduo de 20 toneladas desse minrio? (Dados: Massas molares: Fe = 56g/mol; O = 16g/mol) a) 11,2. b) 11,6. c) 12,4. d) 14,0. e) 16,0. 6. (Fuvest) O Brasil produz, por ano, aproximadamente, 5,0 x 10 toneladas de cido sulfrico, 1,2 x 10 toneladas de amnia e 1,0 x 10 toneladas de soda custica. Transformando-se toneladas em mols, a ordem decrescente de produo dessas substncias ser: Dados: massas molares em g/mol HSO = 98, NaOH = 40 e NH = 17 a) HSO > NH > NaOH b) HSO > NaOH > NH c) NH > HSO > NaOH d) NH > NaOH > HSO e) NaOH > NH > HSO

O nmero de tomos de cloro por molcula existente

Clculos Qumicos - Questes objetivas

pag.2

Prof. Alexandre Oliveira 7. (Fuvest) Linus Pauling, prmio Nobel de Qumica e da Paz, faleceu em 1994 aos 93 anos. Era um ferrenho defensor das propriedades teraputicas da vitamina C. Ingeria diariamente cerca de 2,1 10 mol dessa vitamina. Dose diria recomendada de vitamina (CHO)............ 62 mg Quantas vezes, aproximadamente, a dose ingerida por Pauling maior que a recomendada? (Dados: H = 1, C = 12, O = 16.) a) 10. b) 60. c) 1,0 10. d) 1,0 10. e) 6,0 10. 8. (Fuvest) A dosagem de etanol no sangue de um indivduo mostrou o valor de 0,080 g por 100 mL de sangue. Supondo que o volume total de sangue desse indivduo seja 6,0 L e admitindo que 12% do lcool ingerido se encontra no seu sangue, quantas doses de bebida alcolica ele deve ter tomado? * 1 dose de bebida alcolica = 20 mL. * Porcentagem aproximada, em volume, de etanol na bebida = 50%. * densidade do etanol = 0,80 g/ml. a) 2 b) 4 c) 5 d) 6 e) 7 9. (Fuvest) A embalagem de um sal de cozinha comercial com reduzido teor de sdio, o chamado "sal light", traz a seguinte informao: "Cada 100g contm 20g de sdio...". Isto significa que a porcentagem (em massa) de NaC nesse sal aproximadamente igual a Massas molares (g/mol) Na = 23 NaC = 58 a) 20 b) 40 c) 50 d) 60 e) 80

www.alexquimica.com.br 10. (Fuvest) A dose diria recomendada do elemento clcio para um adulto de 800mg. Suponha certo suplemento nutricional a base de casca de ostras que seja 100% CaCO. Se um adulto tomar diariamente dois tabletes desse suplemento de 500mg cada, qual porcentagem de clcio da quantidade recomendada essa pessoa est ingerindo? massas molares (g/mol) Ca ........................... 40 O ............................. 16 C ............................. 12 a) 25% b) 40% c) 50% d) 80% e) 125% 11. (Fuvest) Recentemente, na Blgica, descobriu-se que frangos estavam contaminados com uma dioxina contendo 44%, em massa, do elemento cloro. Esses frangos apresentavam, por kg, 2,010mol desse composto, altamente txico. Supondo que um adulto possa ingerir, por dia, sem perigo, no mximo 3,2310g desse composto, a massa mxima diria, em kg de frango contaminado, que tal pessoa poderia consumir seria igual a: Dados: 1 mol da dioxina contm 4 mols de tomos de cloro. massa molar do cloro (C) = 35,5 g/mol a) 0,2 b) 0,5 c) 1 d) 2 e) 3 12. (Fuvest) O aspartame, um adoante artificial, pode ser utilizado para substituir o acar de cana. Bastam 42 miligramas de aspartame para produzir a mesma sensao de doura que 6,8 gramas de acar de cana. Sendo assim, quantas vezes, aproximadamente, o nmero de molculas de acar de cana deve ser maior do que o nmero de molculas de aspartame para que tenha o mesmo efeito sobre o paladar?

Clculos Qumicos - Questes objetivas

pag.3

Prof. Alexandre Oliveira Dados: massas molares aproximadas (g/mol) acar de cana: 340 adoante artificial: 300 a) 30 b) 50 c) 100 d) 140 e) 200 13. (Ita) Considere as afirmaes de I a V feitas em relao a um mol de HO: I. Contm 2 tomos de hidrognio. II. Contm 1 tomo de oxignio. III. Contm 16g de oxignio. IV. Contm um total de 10mols de prtons nos ncleos. V. Pode ser obtido a partir de 0,5 mol de oxignio molecular. Destas afirmaes esto CORRETAS: a) Apenas I e II. b) Apenas I, II e III. c) Apenas III e V. d) Apenas III, IV e V. e) Todas. 14. (Ita) Atravs da fuso de misturas de SiO(s) e AO(s) em forno suficientemente aquecido possvel produzir aluminossilicatos. Considere que seja produzido um aluminossilicato com a relao de massa (g de AO) / (g de SiO) igual a 2,6. Qual alternativa corresponde ao valor da relao de quantidade (mol de AO) / (mol de SiO) neste aluminossilicato? Dados: Massas molares AO=101,96g/mol SiO=60,09g/mol a) 0,59 b) 1,0 c) 1,5 d) 2,6 e) 4,4 15. (Mackenzie) Estudos apontam que a amnia (NH) adicionada ao tabaco aumenta os nveis de absoro de nicotina pelo organismo. Os cigarros canadenses tm, em mdia, 8,5mg de amnia por

www.alexquimica.com.br cigarro, valor bem mais baixo do que a mdia nacional. Veja 29/05/96 A quantidade de mols de molculas existentes em 8,5mg de amnia igual a: Dadas as massas molares (g/mol): N = 14; H = 1 a) 2,0 .10 mol de molculas. b) 5,0 . 10 mol de molculas. c) 5,1 . 10 mol de molculas. d) 8,5 . 10 mol de molculas. e) 3,0 . 10 mol de molculas. 16. (Pucsp) A presena de Oznio na troposfera (baixa atmosfera) altamente indesejvel, e seu limite permitido por lei de 160 microgramas por mde ar. No dia 30/07/95, na cidade de So Paulo, foi registrado um ndice de 760 microgramas de O por m de ar. Assinale a alternativa que indica quantos mols de O por m de ar, foram encontrados acima do limite permitido por lei, no dia considerado. (Dado:1 micrograma = 10g) a) 1,25.10 mol b) 1,25.10 mol c) 1,87.10 mol d) 1,87.10 mol e) 2,50.10 mol 17. (Uece) As porcentagens aproximadas, em massa, de MoO e KO, existentes no dimolibdato de potssio, KMoO, so respectivamente iguais a: Dados: Mo = 96 O = 16 K