Child Survival Program, Angola, FASA Health Tool

Click here to load reader

  • date post

    24-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    215
  • download

    2

Embed Size (px)

description

Facilitation tool used by local women trainers, within self-organized women's groups, to build awareness and behavior change around health issues.

Transcript of Child Survival Program, Angola, FASA Health Tool

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Unio das Mes

    em parceria com

    Comunho Anglicana em Angola Diocese de Angola Secretariado Geral da Unio das Mes

    Projecto Sobrevivencia da Criana

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Projecto Sobrevivencia da Criana O objectivo do projecto de Sobrevivncia da Criana de Unio das Mes contribuir para a mudana de comportamento e a reduo da mortalidade e morbidade infantil. Com reconhecimento necessidade de uma resposta integrada que corrige vulnerabilidades de infncia como doenas contagiosas, m nutrio e assistncia pr-natal limitada, o projecto de Sobrevivncia da Criana foi lanado em 2010 para capacitar (educar e habilitar) mulheres para melhorar a sade das crianas em suas famlias, bem como de suas comunidades.

    Trabalhando com e atravs de membros de Unio das Mes a nvel comunitrio, o programa mobilizou 26 Agentes Comunitrios que servem como formadoras para mais de 1.000 Activistas Voluntrias (membros de Unio das Mes), que por sua vez, iniciaram Grupos de Aprendizagem dentro de seus bairros.

    A metodologia do projecto de Sobrevivncia da Criana baseia-se na crena de que a informao (educao) sozinha no criar mudana comportamental. Em vez disso, para a mudana de comportamento ocorra tem de haver auto-descoberta, motivao pessoal, e possibilidade atravs do apoio do grupo.

    Este livro contm imagens (adaptado do livro chamado: Where there is no artist Petra Rhr-Rouendaal 2007) e mensagens chaves de sade materno infantil (adaptado do livro chamado: A guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios). Lderes de Grupos de Aprendizagem so incentivados a usar essas mensagens para criar os dilogos de descoberta, aprendizagem e aco com seus membros do grupo. Lderes de Grupos de Aprendizagem tambm so encorajadas a usar a tcnica de facilitao FASA para provocar discusses e debates sobre cada imagem.

    FASA usa padro de perguntas como: Factos: Perguntas que apresentam os aspectos fsicos e sensacionais do cdigo e permitem aos participantes Estimularem a sua observao e entrarem em discusso facilmente. Associao: Perguntas que se referem as experincias pessoais dos participantes individuais e experincias compartilhadas

    do grupo. Significado: Perguntas que ajudam os participantes a compreenderem os princpios, ideias e valores representados no

    cdigo. Aco: Perguntas que encorajam os participantes a aplicarem o dilogo na sua vida

    A aprendizagem efectiva quando os participantes expressam livremente as suas ideias, pensamentos e experincias. A participao pode estimular uma compreenso dos conceitos discutidos e inspira aco e mudana. Usarem os desenhos temticos, seguindo a sequncia de perguntas e encorajando respostas abertas e o dilogo, mesmo um novo facilitador pode estimular um dilogo que conduza a um entendimento e prtica desenvolvida. Para receber mais informaes a respeito deste manual ou projecto, pode contactar: Sra. Kikala Isabel Tomas, Cordenadora de Projecto - Unio das Mes em Angola. Cell:+244 931561842 ou Email: [email protected]

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Necessidades de Todas as Crianas

    Categoria

    Mensagens-Chave

    Crianas precisam de amor e ateno de um cuidador constante para superar desafios e crescer para ser adultos bem sucedidos. As crianas que no tenham um cuidador constante podem ter problemas emocionais, comportamentais e de aprendizagem.

    Aces para o Cuidador

    Cuidador Responsivo e Consistente

    Tratar todas as crianas da mesma maneira

    Incentivar crianas a brincar com os outros Mostrar afeito para a criana em cada

    idade Constatar as necessidades da criana:

    fome, doente, frio, triste, feliz e responder

    Seqncia da FASA Perguntas para Incentivar o Dilogo e a Descoberta

    ------------------------------------------------------------------------------------------

    Factos: O que voc v na imagem? Qual a histria? Como que achas que as pessoas

    esto a se sentir nas figuras?

    Associao: Alguma vez j tiveste uma experincia em que voc sentiste como as pessoas da figura? Voc pode compartilhar sua histria?

    Significado: Por qu o atendimento responsivo e consistente importante?

    Qual a mensagem chave?

    Aco: O qu que voc, sua famlia, e/ou seu grupo podem fazer?

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Necessidades de Todas as Crianas

    Categoria

    Mensagens-Chave

    Crianas precisam de amor e ateno de um cuidador constante para superar desafios e crescer para ser adultos bem sucedidos. As crianas que no tenham um cuidador constante podem ter problemas emocionais, comportamentais e de aprendizagem.

    Aces para o Cuidador

    Cuidador Responsivo e Consistente

    Tratar todas as crianas da mesma maneira

    Incentivar crianas a brincar com os outros Mostrar afeito para a criana em cada

    idade Constatar as necessidades da criana:

    fome, doente, frio, triste, feliz e responder

    Seqncia da FASA Perguntas para Incentivar o Dilogo e a Descoberta

    ------------------------------------------------------------------------------------------

    Factos: O que voc v na imagem? Qual a histria? Como que achas que as pessoas

    esto a se sentir nas figuras?

    Associao: Alguma vez j tiveste uma experincia em que voc sentiste como as pessoas da figura? Voc pode compartilhar sua histria?

    Significado: Por qu o atendimento responsivo e consistente importante?

    Qual a mensagem chave?

    Aco: O qu que voc, sua famlia, e/ou seu grupo podem fazer?

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Necessidades de Todas as Crianas

    Categoria

    Mensagens-Chave

    Diarria, febre, vmitos e calafrios podem ser sinais de doenas potencialmente fatais como a malaria ou a clera. Crianas afectadas pelo HIV / SIDA esto em maior risco de doena, porque podem no ter cuidadores que podem lev-los aos servios de saude.

    Aces para o Cuidador

    Acesso aos Servios de Sade

    Leve as crianas que mostram sinais da doena (febre, vmitos, diarreia, calafrios) imediatamente ao posto de sade/socorrista mais prximo

    Se as crianas nasceram de uma me HIV+, incentivar a testagem

    Quando as crianas esto doentes, incentiv-los a comer mais vezes

    Seqncia da FASA Perguntas para Incentivar o Dilogo e a Descoberta

    ------------------------------------------------------------------------------------------

    Factos: O que voc v na imagem? Qual a histria? Como que achas que as pessoas

    esto a se sentir nas figuras?

    Associao: Alguma vez j tiveste uma experincia em que voc sentiste como as pessoas da figura? Voc pode compartilhar sua histria?

    Significado: Por qu o acesso aos servios de sade importante?

    Qual a mensagem chave?

    Aco: O qu que voc, sua famlia, e/ou seu grupo podem fazer?

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Necessidades de Todas as Crianas

    Categoria

    Mensagens-Chave

    Diarria, febre, vmitos e calafrios podem ser sinais de doenas potencialmente fatais como a malaria ou a clera. Crianas afectadas pelo HIV / SIDA esto em maior risco de doena, porque podem no ter cuidadores que podem lev-los aos servios de saude.

    Aces para o Cuidador

    Acesso aos Servios de Sade

    Leve as crianas que mostram sinais da doena (febre, vmitos, diarreia, calafrios) imediatamente ao posto de sade/socorrista mais prximo

    Se as crianas nasceram de uma me HIV+, incentivar a testagem

    Quando as crianas esto doentes, incentiv-los a comer mais vezes

    Seqncia da FASA Perguntas para Incentivar o Dilogo e a Descoberta

    ------------------------------------------------------------------------------------------

    Factos: O que voc v na imagem? Qual a histria? Como que achas que as pessoas

    esto a se sentir nas figuras?

    Associao: Alguma vez j tiveste uma experincia em que voc sentiste como as pessoas da figura? Voc pode compartilhar sua histria?

    Significado: Por qu o acesso aos servios de sade importante?

    Qual a mesagem chave?

    Aco: O qu que voc, sua famlia, e/ou seu grupo podem fazer?

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

  • Imagem: Petra Rhr-Rouendaal 2007 Lio: A Guia Visual Para Voluntrios de Cuidados Domicilirios

    Necessidades de Todas as Crianas

    Categoria

    Mensagens-Chave

    Crianas que no recebem nutrients suficientes no conseguem aprender e crescer. Elas podem ficar doentes de outras infeces, como pneumonia. A malnutrio pode ser um sintoma de HIV porque o virus torna dificil para o corpo a absorver vitaminas.

    Aces para o Cuidador

    Acesso imediato a service medicos para crianas severamente / moderadamente malnutridas

    Aprende sobre as necessidades nutricionais

    Grupo pode identificar o acesso aos