Ciclones Extratropicais

of 86 /86
Ciclones Extratropicais Michel Nobre Muza – [email protected]

Embed Size (px)

description

Ciclones Extratropicais. Michel Nobre Muza – [email protected] Ciclones Extratropicais. SUMÁRIO. Visão Global Pressão a superfície e ao nível do mar Contornos em níveis de pressão Temperatura média atmosférica Cristas e Cavados associados Ondas atmosféricas Ciclogênese - PowerPoint PPT Presentation

Transcript of Ciclones Extratropicais

  • Ciclones ExtratropicaisMichel Nobre Muza [email protected]

  • Ciclones ExtratropicaisMichel Nobre Muza [email protected] GlobalPresso a superfcie e ao nvel do marContornos em nveis de pressoTemperatura mdia atmosfricaCristas e Cavados associadosOndas atmosfricasCiclogneseSistema de baixa presso, gradientes e cizalhamentoBalano de forcas horizontais e verticaisVentos associados

    SUMRIO

  • Sistemas meteorolgicos com estruturas e ciclos de vida bem definidos.Uma parte destes sistemas contm tempestades potencialmente causadoras de desastres naturais.So sistemas profundos presentes na troposferaCaracterizado pela presena de um sistema de baixa presso superfcie.Relacionado a temperatura da troposfera em baixos nveis.Governa mais fortes movimentos ascendentes dos extra-trpicos. Trs elementos fundamentais: escoamento atmosfrico; disponibilidade de umidade; fatores da superfcie.http://www.mrsciguy.com/weather.html

  • Slide 4

  • Variveis utilizadasPresso superfcie versos presso ao nvel do marNveis de presso; Espessura da camada como mdia da temperatura na baixa atmosfera.

  • CICLOGNESE: processo de abaixamento da presso atmosfrica em superfcie com conseguente formao de circulao ciclnica. Refere-se a formao ou intensificao de um sistema de baixa presso.

    Aspectos observacionais e dinmicos:Mais frequente sobre o oceano no verao (Instabilidade hidrodinamica)Mais frequente sobre o continente no inverno (gradiente de temperatura)Mais frequente durante o verao.Suprimento de umidade tropical.Referencia: Ferreira (1989)

  • CicloneBaixa pressaoAR

  • AnticloneAlta pressaoAR

  • CicloneBaixa pressaoAR

  • AnticloneAlta pressaoAR

  • CiclonesSentido anti-horrioSentido horrioMeteorologia Sintica 1.4 Ciclones e Anticiclones

  • AnticiclonesSentido horrioSentido anti-horrioMeteorologia Sintica 1.4 Ciclones e Anticiclones

  • Conclusao:Sistemas de baixa pressao (isto e, ciclones) tem o movimento do ar para o centro de baixa pressao por causa da forca devido ao gradiente de pressao, que leva o ar da maior pressao para a menor.Tem rotacao no sentido horario devido a forca de coriolis que atua de forma a deslocar o ar para a esquerda do movimento NO HEMISFERIO SUL.

  • Conclusao:Sistemas de alta pressao (isto e, anti-ciclones) tem o movimento do ar para o fora do centro de alta pressao por causa da forca devido ao gradiente de pressao.Tem rotacao no sentido anti-horario devido a forca de coriolis que atua de forma a deslocar o ar para esquerda do movimento NO HEMISFERIO SUL.

  • Linha do equadorLBaixa pressaoou ciclones(Low pressure)HAlta pressao ou anticiclones(High pressure)

  • No hemisferio norte:Sistemas de baixa pressao (isto e, ciclones) tem rotacao no sentido anti-horario.Alta pressao (isto e, anti-ciclones) tem rotacao no sentido horario devido a forca de coriolis.que atua levando o ar a DIREITA do movimento NO HEMISFERIO NORTE.

  • Linha do equador

  • Linha do equador

  • Relao entre vento e o gradiente de presso:O vento o ar em movimento devido a diferena de presso. Ou seja, a variao da presso. O gradiente de presso (Pa m) uma quantidade dimensional que expressa a direo e a taxa de variao ao redor de um determinado local. Vetor quantidade

  • Meteorologia Sintica 1.5 Convergncia e Divergncia

  • Meteorologia Sintica 1.5 Convergncia e Divergncia

  • Estrutura Vertical de Ciclones e anticilones

  • Onde ocorre a convergncia em um sistema de baixa presso? Por qu?Na vanguarda do sistema de baixa pressao.Porque e nesta regiao que notamos a reducao da densidade devido ao aquecimento e reducao da pressao.

  • A convergencia do ar esta na vanguarda do cicloneLocal de aquecimento e reducao da pressoLow (L) = baixa pressao

  • Convergncia e Divergncia do arConceito a medida de expanso de um campo de vento/escoamento do ar (unidade 10-5 s-1) associado s variaes de movimento vertical e presso. Convergncia o negativo de divergncia, sendo a contrao do campo.

  • Nuvens associadas a ciclones e anticiclones

    Os ciclones e anticiclones so sistemas sinticos e o seu posicionamento e evoluo geralmente condicionam o estado do tempo num determinado local. - Os anticiclones so associados a condies meteorolgicas estveis, sem precipitao ou com pouco precipitao.

    - Os ciclones ssss so associadas a situaes com precipitao sendo muitas vezes intensa.

  • Bandas de nuvens com topos frios na vanguarda do ciclone

  • Desenvolvimento de ciclones

  • CiclogeneseNebulosidade em forma de gancho

  • Cavados e cristas

  • Z 500Meteorologia Sintica Cavado e cristasSinticaCavadosCrista

  • CARTA SINTICA DAS 12 UTCCavados invertido

  • CARTA SINTICA DAS 12 UTC

  • INTRODUOSistema Frontal Faixa de encontro entre massas de ar distintas(quente e fria e um centro de baixa presso).

  • 1. frente fria 2. frente quente 3. frente oclusa 4. frente estacionria.

  • FRENTE FRIA

  • FRENTE FRIA

  • TIPOS DE NUVENS

  • FRENTE QUENTE

  • FRENTE QUENTE

  • TIPOS DE NUVENS

  • FRENTE OCLUSA

  • FRENTE OCLUSA

  • FRENTE ESTACIONRIA

  • FRENTE ESTACIONARIA

  • ESTUDO DE CASO06 ao 09 de maio de 2007

    07 de Maio

  • Precipitao

  • Espessura da camada 1000-500 hPa e circulao em 850hPa dia 1

  • Ar frioAr quenteSuperfcie frontalYZFQBVarejo e Silva, 2005.

  • Ocluso do tipo frioOcluso do tipo quente

  • Meteorologia Sintica Estrutura de Altas e Baixas pressesAtmosfera com Estrutura Barotrpica-Estrutura vertical; -densidade depende apenas da presso = (p);-sistemas presentes em praticamente todos os nveis da atmosfera. -ex. bloqueios

  • Meteorologia Sintica Estrutura de Altas e Baixas pressesEstrutura Baroclnica-sistemas inclinados na vertical-presso depende apenas da densidade e temperatura = (p,T); -ex. sistemas frontais

  • Aplicaes da HidrostticaDevido a uma diferena de altura, a presso e a densidade vo diminuindo com o aumento da altitude, ou seja, a presso se equilibra com o peso e diretamente proporcional a densidade.p=p.R.T

  • Em um certo referencial, considera-se o trabalho para deslocar 1 Kg de massa a partir do nvel do mar at um outro ponto, sendo que o trabalho contra a fora de gravidade.A altura geopotencial a razo entre o geopotencial e a gravidade, sendo que a altura inversamente proporcional em relaco a gravidade, isso porque a altura atua contra a gravidade.Equao hipsomtrica (hipsometria: medio de altura)Tv temperatura que o ar seco poderia ter a mesma densidade do ar mido considerando a mesma presso.

  • Qual a temperatura da camada considerando H mdio = 8 km?8000=R.T/9,8287.T=78400T=78400/287 T=273,170KSendo H mdio = 8 km e sabendo a temperatura da camada. Calcule a altura geopotencial de 1000 hPa se a presso ao nvel do mar de 1014 hPa?Z2-Z1=H.In (p1/p2)Z2-0=8000.In(1014/1000)Z2= 8000.0,013Z2= 111,2 metros

  • Calcule a espessura entre 1000 e 500 hPa para: (a) uma regio tropical (Tv = 15 C) e (b) uma regio polar (Tv = - 40 C). Rd= 287 J/K.kgDiscuta se o resultado coerente.1-Tv=15C=288K 2- Tv= -40C=233K H=Rd.Tv/g H=Rd.Tv/g H=287.288/9,81 H=287.233/9,81 H=8425,68 metros H=6816,61metros Z2-Z1=H.In p1/p2 Z2-Z1=H.In p1/p2 Z2-Z1=8425,68.In(1000/500) Z2-Z1=6816,61.In(1000/500) Z2-Z1=8425,68. 0,69 Z2-Z1=6816,61.0,69 Z2-Z1=5813,71metros Z2-Z1=4706,46metros coerente, porque quanto menor a temperatura menor a espessura.

  • A cor vermelha representa espessura maior, e a azul espessura menor.a- o ar prximo do centro do ciclone mais quente que o ar vizinho. Os ventos prximo ao centro de baixa quente possuem maior intensidade em baixos nveis prximo a superfcie e diminuem com o aumento da altura.b- alguns ciclones no se estendem at a superfcie. Essas baixas vo possuir um centro frio prximo a superfcie.

  • Z500 Z1000Z1000Z500Meteorologia Sintica Aplicaes da Hidrosttica

  • Obrigado!