DADOS DE COPYRIGHT ?· em armas químicas, biológicas, nucleares e explosivos, pelos conselhos e...

download DADOS DE COPYRIGHT ?· em armas químicas, biológicas, nucleares e explosivos, pelos conselhos e dicas…

of 360

  • date post

    30-Nov-2018
  • Category

    Documents

  • view

    241
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of DADOS DE COPYRIGHT ?· em armas químicas, biológicas, nucleares e explosivos, pelos conselhos e...

  • DADOS DE COPYRIGHT

    Sobre a obra:

    A presente obra disponibilizada pela equipe Le Livros e seus diversos parceiros,com o objetivo de oferecer contedo para uso parcial em pesquisas e estudosacadmicos, bem como o simples teste da qualidade da obra, com o fimexclusivo de compra futura.

    expressamente proibida e totalmente repudivel a venda, aluguel, ou quaisqueruso comercial do presente contedo

    Sobre ns:

    O Le Livros e seus parceiros disponibilizam contedo de dominio publico epropriedade intelectual de forma totalmente gratuita, por acreditar que oconhecimento e a educao devem ser acessveis e livres a toda e qualquerpessoa. Voc pode encontrar mais obras em nosso site: LeLivros.site ou emqualquer um dos sites parceiros apresentados neste link.

    "Quando o mundo estiver unido na busca do conhecimento, e no mais lutandopor dinheiro e poder, ento nossa sociedade poder enfim evoluir a um novo

    nvel."

    http://lelivros.org/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=linkhttp://lelivros.site/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=linkhttp://lelivros.sitehttp://lelivros.org/parceiros/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=link

  • Traduo de

    CHRISTIAN SCHWARTZ eLILIANA NEGRELLO

  • 1 edio

    2016

  • CIP-BRASIL. CATALOGAO NA PUBLICAOSINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ

    G942vGry lls, Bear, 1974-

    Voo fantasma [recurso eletrnico] / Bear Gry lls ; traduoChristian Schwartz. - 1. ed. - Rio de Janeiro : Record, 2016.

    recurso digitalTraduo de: Ghost flightFormato: epubRequisitos do sistema: adobe digital editionsModo de acesso: world wide webISBN 978-85-01-07322-8 (recurso eletrnico)1. Fico inglesa. 2. Livros eletrnicos. I. Schwartz, Christian. II.

    Ttulo.16-31492

    CDD: 823CDU: 821.111-3

    Ttulo original:GHOST FLIGHT

    Copyright 2015 by Bear Gry lls Ventures

    Publicado originalmente na Gr-Bretanha em 2015 por Orion Books, um selo doThe Orion Publishing Group Ltd, Londres, uma empresa do grupo Hachette UK.

    Texto revisado segundo o novo Acordo Ortogrfico da Lngua Portuguesa.

    Todos os direitos reservados. Proibida a reproduo, no todo ou em parte, atravsde quaisquer meios. Os direitos morais dos autores foram assegurados.

    Todos os personagens neste livro so fictcios. Qualquer semelhana com pessoasreais, vivas ou mortas, mera coincidncia.

    Direitos exclusivos de publicao em lngua portuguesa somente para o Brasiladquiridos pelaEDITORA RECORD LTDA.Rua Argentina, 171 Rio de Janeiro, RJ 20921-380 Tel.: 2585-2000, que sereserva a propriedade literria desta traduo.Produzido no BrasilISBN 978-85-01-07322-8

    Seja um leitor preferencial Record.

  • Cadastre-se no site www.record.com.br e recebainformaes sobre nossos lanamentos e nossas promoes.

    Atendimento e venda direta ao leitor:mdireto@record.com.br ou (21) 2585-2002.

  • Este livro dedicado a meu falecido av, o brigadeiro WilliamEdward Harvey Grylls, da 15/19 cavalaria dos Kings RoyalHussars e comandante da Target Force, condecorado com a

    medalha de Oficial da Mais Excelente Ordem do Imprio Britnico.

    Falecido, mas jamais esquecido.

  • AGRADECIMENTOS

    Agradeo especialmente aos agentes literrios da PFD Caroline Michel, AnnabelMerullo e Tim Binding o apoio incondicional e os comentrios construtivos quefizeram nos primeiros rascunhos. Obrigado a Laura Williams, agente literriajnior na PFD, por seus esforos hercleos. A Jon Wood, Jemima Forrester e atodos da Orion: Susan Lamb, Sophie Painter, Malcolm Edwards, Mark Rusher,Gaby Young e todo mundo da Equipe Gry lls.

    A Hamish de Bretton-Gordon, da Avon Protection, condecorado com amedalha de Oficial da Mais Excelente Ordem do Imprio Britnico e especialistaem armas qumicas, biolgicas, nucleares e explosivos, pelos conselhos e dicas arespeito de todos esses tipos de armas e de medidas de defesa e proteo. A ChrisDaniels e a todos da Hybrid Air Vehicles, pelas informaes e orientaes sobretudo que diz respeito a um Airlander. Dra. Jacqueline Borg, especialistapioneira no estudo de doenas relacionadas ao funcionamento do crebro,incluindo o autismo. A Anne e Paul Sherrat, pelos conselhos e crticas incisivossobre tudo que se refere ao nazismo e ao bloco sovitico.

    E, por fim, o maior dos agradecimentos, claro, vai para Damien Lewis, porme ajudar a construir algo a partir do que descobrimos juntos no ba de guerrado meu av, identificado com a palavra confidencial. Dar vida a todos aquelesdocumentos da forma como voc fez foi simplesmente genial.

  • NOTA DO AUTOR

    Meu av, brigadeiro William Edward Harvey Gry lls, da 15a/19a cavalaria dosKings Royal Hussars, condecorado com a medalha de Oficial da Mais ExcelenteOrdem do Imprio Britnico, foi comandante da Target Force unidade secretaestabelecida a pedido de Winston Churchill no fim da Segunda Guerra Mundial. Aunidade foi uma das equipes de operadores mais clandestinas j reunidas peloDepartamento de Guerra, e sua tarefa era, predominantemente, rastrear eproteger tecnologias secretas, armas, cientistas e oficiais nazistas de alta patente,para servir aos Aliados contra a nova superpotncia mundial e inimiga de todos:os soviticos.

    Ningum da nossa famlia tinha conhecimento da atuao do meu av comocomandante da T-Force at muitos anos depois de sua morte e da liberao deinformaes confidenciais do governo nos termos da regra dos setenta anos doOfficial Secrets Act o que deslanchou o processo de descobertas que inspiroueste livro.

    Meu av era um homem de poucas palavras, mas tenho lembranas muitoafetuosas dele de quando eu era criana. Adepto do cachimbo, enigmtico e comum humor rascante, era adorado por aqueles a quem liderou.

    Para mim, porm, foi sempre apenas o vov Ted.

  • Sumrio

    Captulo 1Captulo 2Captulo 3Captulo 4Captulo 5Captulo 6Captulo 7Captulo 8Captulo 9Captulo 10Captulo 11Captulo 12Captulo 13Captulo 14Captulo 15Captulo 16Captulo 17Captulo 18Captulo 19Captulo 20Captulo 21Captulo 22Captulo 23Captulo 24Captulo 25Captulo 26Captulo 27Captulo 28Captulo 29Captulo 30Captulo 31Captulo 32Captulo 33Captulo 34Captulo 35Captulo 36Captulo 37Captulo 38

  • Captulo 39Captulo 40Captulo 41Captulo 42Captulo 43Captulo 44Captulo 45Captulo 46Captulo 47Captulo 48Captulo 49Captulo 50Captulo 51Captulo 52Captulo 53Captulo 54Captulo 55Captulo 56Captulo 57Captulo 58Captulo 59Captulo 60Captulo 61Captulo 62Captulo 63Captulo 64Captulo 65Captulo 66Captulo 67Captulo 68Captulo 69Captulo 70Captulo 71Captulo 72Captulo 73Captulo 74Captulo 75Captulo 76Captulo 77Captulo 78Captulo 79

  • Captulo 80Captulo 81Captulo 82Captulo 83Captulo 84Captulo 85Captulo 86Captulo 87Captulo 88Captulo 89Captulo 90Captulo 91Captulo 92Captulo 93Captulo 94Continua...

  • Harpers Magazine, outubro, 1946SEGREDOS AOS MILHARESPor C. Lester Walker

    Algum escreveu para a Base Area de Wright Field dizendo estar ciente de queo pas reunia uma considervel coleo de segredos de inimigos de guerra... eperguntou se seria possvel, por favor, receber todas as informaes relacionadasa motores de jatos alemes. A Diviso de Documentos Areos da Aeronuticarespondeu: Desculpe, mas estamos falando de cinquenta toneladas dedocumentos.

    Alm disso, essas cinquenta toneladas so apenas uma pequena parcela do quehoje , sem dvida, a maior coleo j reunida de segredos dos inimigos deguerra capturados. Se voc achava que documentos secretos de guerras cabiamem meia dzia de pastas, convm esclarecer que os desta coleo chegam aosmilhares, que formam uma massa gigantesca de documentos, e que nunca houvenada comparvel a isto.

    The Daily Mail, maro, 1988A OPERAO PAPERCLIPPor Tom Bower

    A Operao Paperclip foi o clmax de uma impressionante batalha travada entreos Aliados no ps-guerra para se apossar do esplio da Alemanha Nazista.Poucas semanas depois da derrota de Hitler, homens classificados comonazistas fervorosos foram escolhidos por oficiais do Pentgono para se tornarcidados americanos respeitveis.

    Enquanto na Gr-Bretanha uma controvrsia poltica inibiu os planos decontratar alemes incriminados, nos esforos de recuperao da economia, osfranceses e russos admitiram qualquer um, independentemente de seus crimes, eos americanos, por meio de uma rede de mentiras, deram um jeito de limpar aficha criminal de seus cientistas nazistas.

    A prova da superioridade tcnica dos alemes registrada de forma macianas centenas de relatrios escritos pelos investigadores dos Aliados, que no seeximiram de descrever as conquistas impressionantes e as invenesincrveis dos alemes.

    Hitler, enfim, riu por ltimo de seus inimigos.

    The Sunday Times, dezembro, 2014DESCOBERTO NA USTRIA O MAIOR CENTRO DE PESQ UISA DE

  • ARMAS SECRETAS DE HITLERPor Bojan Pancevski

    Uma instalao subterrnea clandestina construda pelos nazistas perto do fim daSegunda Guerra Mundial que pode ter sido usada para o desenvolvimento dearmas de destruio em massa, incluindo uma bomba atmica, foi descoberta naustria.

    A vasta instalao foi encontrada na semana passada perto da cidade de St.Georgen an der Gusen. Acredita-se que este centro estaria conectado fbricasubterrnea B8 Bergkristall, situada em local prximo, na qual foi produzido oMesserschmitt Me 262, primeiro caa a jato a entrar em uso operacional, avioque representou uma breve ameaa s foras areas aliadas nos estgios finaisda guerra. Documentos de inteligncia que vieram a pblico, assim como odepoimento de testemunhas, ajudaram os escavadores a descobrir a localizaoda entrada secreta.

    Este era um complexo industrial gigantesco e, possivelmente, a maiorinstalao secreta de produo de armas do Terceiro Reich, afirmou AndreasSulzer, documentarista austraco que est no comando das escavaes.

    Sulzer reuniu uma equipe de historiadores e encontrou provas adicionais d