DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a...

of 26 /26
Desempenho de Modelo de Infiltração... Oliveira & Soares Revista Diálogos N. 18 set./out. 2017 519 DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO TRIDIMENSIONAL DE ÁGUA NO SOLO d.o.i. 10.13115/2236-1499v2n18p519 Diogo Botelho Correa de Oliveira 1 - UPE Willames de Albuquerque Soares 2 - UPE Resumo: A água é um recurso natural substancial para as atividades antrópicas em diversos âmbitos. Os processos que compõem o ciclo hidrológico, como a infiltração, a evapotranspiração e o escoamento superficial são dependentes diretos do meio físico ao qual se encontram. Logo é relevante conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo e quais são os meios necessários para isto. Em uma região relevante da cidade do Recife, objetivou-se analisar o desempenho de dois modelos numéricos de infiltração tridimensional da água no solo: O de Haverkamp e o de Lassabatère (BEST). Os testes de infiltração em campo foram realizados com a utilização do infiltrômetro a simples anel. Junto a este, também foram realizados ensaios de granulometria, para classificação do solo estudado e para utilização de um dos métodos, os ensaios de densidade aparente através do trado de Uhland - e de umidades natural e saturada. Como parâmetro estatístico de análise de desempenho, utilizou-se o coeficiente de determinação e o teste de Tukey. Os dois modelos mostraram-se altamente eficientes para o tipo de solo encontrado na região. Os resultados obtidos com as curvas de infiltração podem ser utilizados em diversos estudos de previsão 1 Graduando do curso de Eng. Civil pela Universidade de Pernambuco - Campus Benfica [email protected] 2 Professor Adjunto da Universidade de Pernambuco Campus Benfica [email protected]

Embed Size (px)

Transcript of DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a...

Page 1: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelo de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 519

DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO

TRIDIMENSIONAL DE ÁGUA NO SOLO

d.o.i. 10.13115/2236-1499v2n18p519

Diogo Botelho Correa de Oliveira1 - UPE

Willames de Albuquerque Soares2 - UPE

Resumo: A água é um recurso natural substancial para as

atividades antrópicas em diversos âmbitos. Os processos que

compõem o ciclo hidrológico, como a infiltração, a

evapotranspiração e o escoamento superficial são dependentes

diretos do meio físico ao qual se encontram. Logo é relevante

conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo

e quais são os meios necessários para isto. Em uma região

relevante da cidade do Recife, objetivou-se analisar o desempenho

de dois modelos numéricos de infiltração tridimensional da água

no solo: O de Haverkamp e o de Lassabatère (BEST). Os testes de

infiltração em campo foram realizados com a utilização do

infiltrômetro a simples anel. Junto a este, também foram realizados

ensaios de granulometria, para classificação do solo estudado e

para utilização de um dos métodos, os ensaios de densidade

aparente – através do trado de Uhland - e de umidades natural e

saturada. Como parâmetro estatístico de análise de desempenho,

utilizou-se o coeficiente de determinação e o teste de Tukey. Os

dois modelos mostraram-se altamente eficientes para o tipo de solo

encontrado na região. Os resultados obtidos com as curvas de

infiltração podem ser utilizados em diversos estudos de previsão

1 Graduando do curso de Eng. Civil pela Universidade de Pernambuco -

Campus Benfica [email protected]

2 Professor Adjunto da Universidade de Pernambuco – Campus Benfica

[email protected]

Page 2: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelo de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 520

que visem estimar eventos como o balanço hídrico na localidade,

a capacidade acumulativa de água no solo t ainda no seu

desempenho na contribuição da drenagem urbana.

Palavras-Chave: Infiltração de água no solo, modelos numéricos

de infiltração, análise Estatística, drenagem urbana.

Abstract: Water is a substantial natural resource for anthropogenic

activities in a variety of settings. The processes that compose the

hydrological cycle, such as infiltration, evapotranspiration and

surface runoff are directly dependent on the physical environment

to which they are located. It is therefore important to know how it

is possible to characterize the infiltration of water into the soil and

what the necessary means are for this. In a relevant region of the

city of Recife, the objective was to analyze the performance of two

numerical models of water infiltration in the soil: Haverkamp and

Lassabatère (BEST). Field infiltration tests were performed using

the simple ring infiltrometer. In addition to this, granulometry tests

were also carried out to classify the studied soil and to use one of

the methods, the tests of apparent density - through Uhland - and

natural and saturated moistures. As a statistical parameter of

performance analysis, the coefficient of determination and the

Tukey test was used. The two models were highly efficient for the

type of soil found in the region. The results obtained with the

infiltration curves can be used in several prediction studies to

estimate events such as water balance in the locality, cumulative

water capacity in the soil and still its performance in the contribution

of urban drainage.

Keywords: Infiltration of soil water, numerical models of

infiltration, statistical analysis, urban drainage.

Page 3: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 521

1. Introdução

A água é um recurso natural substancial para as atividades

antrópicas em diversos âmbitos. Seu ciclo possui componentes

indispensáveis para a manutenção do equilíbrio passivo entre a

urbanização e a natureza. Os processos que compõem o ciclo

hidrológico, como a infiltração, a evapotranspiração e o escoamento

superficial são dependentes diretos do meio físico ao qual se

encontram. Atualmente, várias cidades sofrem com problemas

como as cheias e alagamentos, decorrentes da descaracterização

natural do solo. As áreas mais afetadas geralmente se encontra em

localidades próximas aos cursos d’água, já que são locais de baixa

cota topográfica. (OLIVEIRA et al., 2017).

O volume pluvial de água que atinge o solo segue diversos

caminhos. Como o solo é um meio poroso, há infiltração de toda

precipitação que chega ao solo, enquanto a superfície do solo não é

saturada. A partir do momento da saturação superficial, à medida

que o solo vai sendo encharcado a maiores profundidades, a

infiltração decresce até uma taxa residual, com o excesso não

infiltrado da precipitação gerando escoamento superficial. A

infiltração e a percolação no interior do solo são comandadas pelas

tensões capilares nos poros e pela gravidade (TUCCI, 2007).

Page 4: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 522

Para Melo et al. (2013), a expansão das áreas urbanas tem

influência direta no equilíbrio natural do ciclo da água. É sabido que

a impermeabilização do solo interfere diretamente em fatores como

a vazão dos rios e consequentemente no abastecimento de água da

população, visto que a fonte destes são as águas subterrâneas. O

abastecimento desta última é proveniente da água que percola da

superfície para as camadas mais internas do solo. Este processo tem

grande variabilidade de tempo para ocorrer por completo, podendo

levar dias ou anos.

O conhecimento do comportamento hidrodinâmico da água

no solo pode ser utilizados em diversas áreas da ciência, como a

agricultura, já que este processo acrescenta em projetos de irrigação;

na construção civil, em projetos de drenagem urbana e de fundações

(efeitos de recalque e plastificação do terreno de fundação); a área

ambiental, já que o reabastecimento do lençol freático e a

contaminação do mesmo e do solo são diretamente afetados por este

processo. Para estes efeitos, também é possível estimar a

profundidade da frente de molhamento (até que profundidade a água

penetra efetivamente) no solo através da curva de infiltração

(PREVEDELLO, 1999). A caracterização da infiltração da água no

solo pode ser realizada através de modelos empíricos, que visam

facilitar este tipo de estudo, reduzindo o tempo e custo de execução

de outros tipos de ensaios. Estes modelos têm aplicação direta e

Page 5: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 523

precisa na simulação desse fenômeno, sendo possível realizar

previsões para diversas situações extremas (PAIXÃO et al., 2009).

Na literatura, Existem diversos modelos empíricos de

infiltração de água no solo e diversos tipos de ensaios utilizados para

caracterizá-los. Silva et al. (2017) mostram que é possível obter uma

correspondência muito próxima da realidade através de modelos

relativamente simples de serem utilizados. A simulação de

fenômenos hidrológicos é uma ferramenta de importância assídua,

já que diversas informações relevantes podem ser geradas através

desse utensílio, como vazões de projetos de drenagem, outorga e

irrigação. A utilização de modelos pouco confiáveis pode resultar

em múltiplos problemas gerados por falsos dados de saída dessas

modelagens (PEREIRA et al., 2016).

Para esta caracterização, é necessário a estimativa de dois

parâmetros essenciais neste processo: a sorvidade e a condutividade

hidráulica saturada. Existem algoritmos que podem determinar a

infiltração de maneira unidimensional e tridimensional, sendo este

último mais próximo dos eventos reais. Os objetivos deste estudo

é analisar o desempenho de dois modelos de infiltração

tridimensional da água no solo em uma área suscetível à

alagamentos na cidade do Recife; caracterizar o solo desta região

para aplicações futuras aos modelos e analisar a eficiência do ensaio

utilizado e a correspondência deste com os modelos adotados.

Page 6: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 524

2. Material e Métodos

O estudo foi realizado no bairro da Madalena, um dos mais

importantes da capital pernambucana, pois encontra-se diversos

pontos relevantes da cidade, como o campi benfica da Universidade

de Pernambuco, Estádio de Futebol, o Museu da Abolição,

Supermercados entre outros; além de servir como principal acesso

para outras localizações importantes como a Universidade Federal

de Pernambuco e o terminal integrado de passageiros do Recife.

A região que foi estudada é demarcada de acordo com a

Figura 1, com linha externa de coloração preta. A área tem,

aproximadamente, 228.000 m2, sendo cerca de 17% deste de solo

natural. As subregiões delimitadas em amarelo, identificadas de 1 a

9 são os principais pontos de ocorrência de terreno natural

permeável, onde foram os pontos alvos de execução dos ensaios e

recolhimento das amostras. A partir destas localidades foram

coletadas amostras para realização de ensaios de granulometria,

densidade aparente, umidade natural e saturada e realização dos

ensaios de infiltração. O ensaio de densidade aparente foi realizado

de acordo com o trado de Uhland, que serve para coletar amostras

indeformadas do solo em campo, pois tem fácil aplicação em

campo, é de simples uso e pode ser transportado sem maiores

complicações.

Page 7: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 525

Figura 1. Mapa do local de estudo no bairro da Madalena, Recife-PE,

delimitado por linha preta, indicando os principais pontos de ocorrência

de solo natural, marcados em vermelho.

Para caracterizar os valores que de fato ocorrem no solo,

acerca das diversas propriedades que são inerentes a ele, são

necessários ensaios diversos que disponibilizem a obtenção dessas

informações. Para descrever a dinâmica da água no solo são

necessários ensaios em laboratório e em campo que necessitam de

investimento considerável de recursos financeiros e bastante tempo

para sua execução (Souza et al., 2008). Por essas razões, diversos

pesquisadores optam por utilizarem modelos matemáticos ou

Page 8: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 526

métodos indiretos que tem embasamento em dados pré-

determinados do solo e têm baixo custo de utilização e aquisição.

Silva Júnior et al. (2016) destacam a simplicidade e

eficiência do ensaio de infiltrômetro a anel simples para determinar

a infiltração em modelos chuva-vazão, com o objetivo de obter os

principais parâmetros que influenciam diretamente no escoamento

superficial de uma região. Como mostrado na Figura 2, o ensaio

consiste em infiltrômetro de anel simples, cravado a 1cm de

profundidade da superfície, visando minimizar a interferência de

fatores estruturais e externos, garantindo fluxo vertical na superfície

do solo. Os tempos são cronometrados para que ocorra a infiltração

total de volumes constantes de água no interior do anel até atingir a

saturação do solo, onde o fluxo se torna praticamente constante,

determinando-se a vazão da água no solo.

O ensaio de Granulometria foi realizado de acordo com o

manual de métodos de análise do solo, elaborado pela EMBRAPA

(1997).

Page 9: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 527

Figura 2. Ensaio de Infiltrômetro a anel simples, realizado dentro da área

de estudo.

Para determinar as umidades natural e saturada foram

coletadas amostras deformadas antes e após a realização do ensaio

de infiltração. Estas amostras foram pesadas antes e depois de 24h

na estufa, em balança de precisão de centésimo de grama, para

obtenção da umidade gravimétrica. Para a determinação da

densidade aparente, utilizou-se o trado de Uhland e foram coletados

corpos de prova indeformados do solo em um recipiente de volume

conhecido, para posterior realização da pesagem e determinação de

sua massa específica aparente.

Page 10: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 528

Os modelos de infiltração avaliados neste estudo estão

apresentados a seguir.

Método de Haverkamp

A Equação proposta por Harverkamp et al. (1994), propõe

estimar a infiltração tridimensional da água.

𝐼 = (𝐾 +𝛾𝑆2

𝑟𝑑(𝜃𝑓−𝜃𝑖)) 𝑡 +

𝑆2

2𝐾𝑠(1−𝜀)𝑙𝑛 (

1

𝜀) (1)

onde γ é um parâmetro que traduz os efeitos da gravidade na

geometria tridimensional da infiltração, dentro do intervalo de 0,6 a

0,8; para Smettem et al. (1994) o valor de 0,75 é o mais adequado;

ε uma constante dentro do intervalo 0 < 𝜀 < 1; 𝑟𝑑 é o raio do disco,

𝜃𝑓 e 𝜃𝑖, são as umidades volumétricas final e inicial,

respectivamente.

Modelo de Lassabatère - BEST

O modelo de Lassabatère – BEST (Beerkan Estimation of

Soil Transfer Parameters through Infiltration Experiments, 2006) é

o mais moderno e mais complexo modelo empírico de infiltração

Page 11: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 529

até o momento já que ele utiliza o ensaio a anel simples e o resultado

da granulometria do solo estudado para estimar os parâmetros

necessários para seu desenvolvimento. Este modelo utilizou-se

especificamente do proposto por Van Genuchten, com o objetivo de

determinar os parâmetros θr, θs, n, α, com a equação descrita em 16

(Van Genuchten, 1980):

𝜃 = 𝜃𝑟 +𝜃0−𝜃𝑛

[1+|𝑎𝛹|𝑛]1−

1𝑛

(2)

𝑚 = 1 −2

𝑛 (3)

onde 𝑛, 𝑚 e 𝑎 são os parâmetros de forma ajustados.

De Haverkamp et al. (1994), foram utilizadas as equações de

infiltração tridimensional acumulada e da taxa de infiltração,

descritas por:

𝐼 = 𝑆𝑡1

2 + (𝐴𝑆2 + 𝐵𝐾𝑠)𝑡 (4)

𝑞 =𝑆

2√𝑡+ (𝐴𝑆2 + 𝐵𝐾𝑠) (5)

Considerando grandes variações de tempo, temos:

Page 12: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 530

𝐼+∞(𝑡) = (𝐴𝑆2 + 𝐾𝑠)𝑡 + 𝐶𝑆2

𝐾𝑠 (6)

𝑞+∞ = 𝐴𝑆2 + 𝐾𝑠 (7)

Onde as constantes A, B e C são dependentes das condições iniciais:

𝐴 =𝛾

𝑟𝑑(𝜃0−𝜃𝑛) (8)

𝐵 =1,4

3[1 − (

𝜃𝑛

𝜃0)𝜂] + (

𝜃𝑛

𝜃0)𝜂

(9)

𝐶 =1

0,8[1−(𝜃𝑛𝜃0

)𝜂]ln(

1

0,6) (10)

onde 𝛾 é 0,75 para a maioria dos solos onde 𝜃𝑛 < 0,25𝜃0 (Smetten

et al., 1994; Haverkamp et al., 1994),𝜂, é um parâmetro de forma,

𝑟𝑑 é o raio do anel utilizado.

A sorvidade pode ser estimada a partir da condutividade

hidráulica saturada, considerando as umidades inicial e final pela

equação 17:

Page 13: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 531

𝑆2(𝜃𝑛, 𝜃0) = −𝑐𝑝𝜃0𝐾𝑠ℎ𝑔 (1 −𝜃𝑛

𝜃0) [1 − (

𝜃𝑛

𝜃0)𝜂] (11)

Para 𝑐𝑝 e ℎ𝑔 como parâmetros de escala, define-se por:

𝑐𝑝 = 𝛤 (1 +1

𝑛) [

𝛤(𝑚𝜂−1

𝑛)

𝛤(𝑚𝜂)+

𝛤(𝑚𝜂+𝑚−1

𝑛)

𝛤(𝑚𝜂+𝑚)] (12)

ℎ𝑔 = −𝑆2

𝑐𝑝(𝜃0−𝜃𝑛)[1−(𝜃𝑛𝜃0

)𝜂]𝐾𝑠

(13)

onde 𝛤 é a função gama.

O modelo de Haverkamp estima determina a condutividade

hidráulica em função da umidade do solo, possibilitando a

modelagem da infiltração da água do solo através deste parâmetro

hidrodinâmico e em função da sorvidade. Já o modelo de

Lassabatère utiliza de mesmo artifício, acrescido da modelagem da

pressão da água em função da umidade do solo, pela equação (2) de

Van Genuchten, possibilitando a caracterização hidrodinâmica

deste mesmo solo estudado, através das curvas de retenção

hidráulica. Ainda acrescenta-se que o modelo de Haverkamp

diferencia-se do outro na descrição do efeito da sorvidade, onde a

do método mais antigo superestima este parâmetro, já que utiliza

Page 14: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 532

uma relação linear para descrever o efeito estudado no solo. Tal

efeito pode ser observado na Tabela 2, que descreve os parâmetros

hidrodinâmicos obtidos em cada metodologia.

3. Resultados

Com os resultados obtidos através do ensaio de

granulometria do solo, é possível classifica-lo de acordo com o

manual da EMBRAPA (1999), indicando o tipo de solo apropriado

para cada modelo de infiltração. A Tabela 1 expõe os teores, em

percentual, de cada fração do solo, assim como sua subclassificação.

Todas as localidades são classificadas como arenosas e

subdivididas em areia, areia franca e franco-arenosa. O triângulo

textural apresentado na Figura 3 propõe situar essas

subclassificações de maneira gráfica. Essas subclassificações são

importantes para referenciar o desempenho dos métodos para esta

tipologia de solo, logo, o ensaio de granulometria teve

funcionalidade duplicada, visto que é possível rotular o meio

estudado a partir dos resultados desse ensaio e também para

determinar os parâmetros de forma ajustados do método de

Lassabatère, que correspondem aos parâmetros 𝑛, 𝑚 e o 𝑎.

Page 15: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 533

Tabela 1. Percentuais das frações granulométricas dos nove pontos

estudadas.

Local Areia Silte Argila Classificação

%

1 78,60 19,00 2,40 Areia Franca

2 82,38 15,22 2,40 Areia Franca

3 91,16 3,23 5,60 Areia

4 71,80 22,59 5,60 Franco-Arenosa

5 93,88 3,72 2,40 Areia

6 80,20 14,19 5,60 Areia Franca

7 78,64 15,75 5,60 Areia Franca

8 84,80 12,80 2,40 Areia Franca

9 92,96 4,64 2,40 Areia

Os parâmetros hidrodinâmicos do solo obtidos por cada

metodologia podem ser observados na Tabela 2. Os resultados

encontrados foram bastantes distintos considerando a mesma escala

numérica. A sorvidade bastante superior encontrada no método de

Haverkamp se deve ao coeficiente independente da equação do

primeiro grau proposta pelo mesmo, destoando-se sensivelmente da

realidade, logo as sorvidades encontradas no método de Lassabatère

são mais confiáveis. O mesmo ocorre com as condutividades

hidráulicas saturadas. Os valores destoaram entre si devido às

Page 16: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 534

equações propostas, sendo o a condutividade de Haverkamp

correspondente ao coeficiente linear de sua equação. Logo pode-se

concluir que os valores encontrados no modelo de Lassabatère são

mais confiáveis em termos de descrição do fenômeno estudado.

O teste estatístico de Tukey avaliou a existência de

diferenças estatisticamente relevantes entre os modelos e os

experimento. Todas as 9 amostras não mostraram diferenças

estatisticamente significativas entre si.

Figura 3. Triângulo textural e amostras

Page 17: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 535

Para a análise estatística dos modelos utilizou-se o

coeficiente de determinação R2, que indica o nível de

associabilidade, neste caso, entre o modelo numérico e os valores

obtidos nos ensaios de campo da infiltração acumulada em relação

ao tempo total decorrido à ela correspondente, ou seja, a análise é

realizada a partir da correlação entre os dados ensaiados em campo

e os simulados a partir do modelo de infiltração. A Tabela 3 expõe

os resultados obtidos dos coeficientes de determinação do gráfico

de dispersão das localidades estudadas entre os dois modelos.

Os dois modelos apresentados mostraram resultados

estatísticos excepcionais, a partir do coeficiente de determinação,

para todas as localidades e amostras estudadas com relação à

modelagem numérica do solo.

Tabela 2. Resultados obtidospara os parâmetros hidrodinâmicos do solo

– Sorvidade (mm/s) e Condutividade hidráulica saturada (mm/s).

Local

Haverkamp Lassabatère

Sorvidade

(mm/s1/2)

Condutividade

Hidráulica

Saturada (mm/s)

Sorvidade

(mm/ s1/2)

Condutividade

Hidráulica

Saturada (mm/s)

1 1,491 0,631 0,492 0,045

2 1,614 0,292 0,465 0,025

Page 18: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 536

3 1,637 0,223 0,708 0,035

4 1,375 0,176 0,000 0,030

5 1,343 0,219 0,000 0,072

6 1,389 0,131 0,499 0,015

7 1,201 0,190 0,506 0,022

8 0,892 0,182 0,000 0,035

9 1,391 0,161 0,454 0,009

A sorvidade é considerada em ambos modelos, mas melhor

descrita no algoritmo de Lassabatère, já que é possível perceber

claramente seu efeito nos menores valores numéricos do tempo na

curva de infiltração acumulada, tendo em vista que o modelo

Haverkamp, por ser representado como uma função do primeiro

grau, superestima esse parâmetro como o termo independente da

reta correspondente. Ela é um parâmetro crucial, pois descreve os

fenômenos da infiltração que ocorrem nos seus momentos iniciais.

Para o modelo mais recente, que considera duas situações quanto ao

tempo de escoamento (Uma para tempos curtos e outra para

períodos mais longos), as duas situações foram bem caracterizadas,

mas em todos os locais modelados, a equação para tempos mais

curtos obteve desempenho sensivelmente superior. Isto pode ser

justificado pela granulometria geral de todos os locais analisado,

identificadas pela Tabela 1, já que todas as sub-regiões são

Page 19: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 537

classificadas como arenosas. Este modelo obteve desempenho

estatístico pouco inferior ao de Haverkamp, considerando-se a

média aritmética dos resultados obtidos, embora seja o mais

confiável para previsões em larga escala temporal, tendo em vista

que o modelo Haverkamp simula a curva de infiltração do solo

como uma equação do primeiro grau (reta), enquanto o de

Lassabatère modela a curva de infiltração propriamente dita,

aproximando-se mais fielmente do fenômeno ocorrido na natureza.

O diagrama de caixas apresentado na Figura 4 é composto

pelos erros (em mm) pelo método de Haverkamp (4a) e pelo método

de Lassabatére (4b). Os pontos isolados extremos superiores da

Figura 4a mostram o erro inicial associado à superestimação do

valor da sorvidade, aumentando o erro dos demais pontos analisados

ao longo do tempo do experimento.

Entre as amostras dos locais 1 a 8, os maiores desvios

encontrados são próximos de 2mm. Já na localidade 9, o método

obteve desempenho inferior aos demais em todos os quartis, e

chegando à 4mm no quartil superior. No modelo de Lassabatère

apenas os locais 1, 3 e 7 possuem indicadores que fogem à análise

de erro dos quartis. Desconsiderando a localidade 9, os indicadores

restantes apresentam erros de inferiores à 3mm.

Page 20: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 538

0

2

4

6

8

10

12

14

16

18

20

1 2 3 4 5 6 7 8 9

Err

o

Local

0

2

4

6

8

10

12

14

16

18

20

1 2 3 4 5 6 7 8 9

Err

o

Local

b)

a)

Page 21: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 539

Figura 4. a) Diagrama de caixas para o modelo de Haverkamp. b)

Diagrama de caixas para o modelo de Lassabatère.

Apesar deste indicador ser maior que o do outro método,

percebe-se que não houveram extrapolamentos semelhantes ao

anterior, logo, considerando este estudo, pode-se inferir que o

modelo de Lassabatère obteve desempenho superior para este tipo

de análise estatística.

Desconsiderando-se os erros associados ao efeito da

sorvidade, o método de Haverkamp possui desempenho superior ao

outro. Isto se deve ao desempenho de tempos curtos de infiltração

das duas metodologias, já que Lassabatère considera as duas

possibilidades (tempos curtos e tempos longos).

O modelo de Haverkamp fora desenvolvido para tempos

longos, onde os erros associados ao efeito da sorvidade são

reduzidos para grandes períodos de infiltração acumulada. Ainda

assim, os dois métodos possuem desempenhos satisfatórios,

considerando-se os dois indicadores estatísticos analisados, já que

um erro de 3mm em simulações desta magnitude são inerentes, vide

valores obtidos para os coeficientes de determinação indicados na

Tabela 3.

Page 22: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 540

Tabela 3. Valores encontrados para os coeficientes de

determinação entre os métodos e os locais estudados.

Local R²

Harverkamp Lassabatère

1 0,996 0,991

2 0,979 0,996

3 0,950 0,984

4 0,963 0,990

5 0,980 0,996

6 0,927 0,976

7 0,977 0,989

8 0,995 0,995

9 0,879 0,954

Média 0,961 0,986

4. Conclusão

Os dois modelos analisados neste estudo obtiveram ótimos

desempenhos estatísticos na simulação da infiltração da água no

solo em localidades sujeitas a enchentes na cidade do Recife. O solo

estudado possui características arenosas, variando suas

subclassificações em areia, areia-franca e franco-arenosa. O ensaio

de infiltrômetro a anel simples foi uma excelente alternativa

considerando atribuições como custo para sua confecção e

Page 23: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 541

realização dos ensaios, no tempo desprendido para sua execução e

em relação ao desempenho para fins científicos. As análises

estatísticas realizadas através do coeficiente de determinação e pelo

teste de Tukey comprovaram a eficiência dos dois métodos para as

considerações deste estudo, mesmo em períodos curtos de

infiltração de água no solo. Os resultados obtidos com as curvas de

infiltração podem ser utilizados em diversos estudos de modelagem

ou previsão, em períodos de curta ou longa duração que visem

estimar o balanço hídrico na localidade (chuva X infiltração), a

capacidade acumulativa de água no solo e ainda no seu desempenho

na contribuição da drenagem urbana.

5. Agradecimentos

O primeiro autor deste trabalho agradece à FACEPE

(Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de

Pernambuco) pelo financiamento da Bolsa de Iniciação Científica

(BIC-0669-1) e à Escola Politécnica de Pernambuco.

6. Referências

ALMEIDA, C. X.; CENTURION, J. F.; JORGE, R. F.;

BARBOSA, J. C.; ANDRIOLI, I. 2012. Funções de

pedotransferência para a curva de resistência do solo à penetração.

Revista Brasileira de Ciência do Solo, v.36, n.3, p.1745-1755.

Page 24: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 542

CECÍLIO, R. A.; MARTINEZ, M. A.; PRUSKI, F. F.; SILVA, D.

D. 2013. Modelo para estimativa da infiltração de água e perfil de

umidade do solo. Revista Brasileira de Ciência do solo, v.37, n.2,

p.411-421.

EMBRAPA – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. 1997.

Centro Nacional de Pesquisa de Solos. Manual de Métodos de

Análise de Solo. Rio de Janeiro, Embrapa Solos, 212p.

HAVERKAMP, R.; RPSS, P. J.; SMETTEM, K. R. J.;

PARLANGE, J. Y. 1994. Three dimensional analysis of

infiltration from the disc infiltrometer. 2. Phisically based

infiltration equation. Water Resources Research, v.30, p.2931-

2935.

LASSABARÈRE, L.; ÂNGULO-JARAMILLO, R.; UGALDE,

J.M.S.; CUENCA, R.; BRAUD, I.; HAVERKAMP, R.; Beerkan

Estimation of Soil Transfer Parameters through Infiltration

Experiments – BEST. Soil Sci., v.70, p.521-532, 2006.

MELO, T. A. T.; COUTINHO, A. P.; CABRAL, J. J. S. P.;

CIRILO, J. A.; ANTONINO, A. C. D. 2013. Desafios para o

manejo das águas pluviais na cidade do Recife – A contribuição da

UFPE. Anais do XX Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos.

Bento Gonçalves (RS).

MACIEL NETTO, A. M.; LIMA, L. J. S.; ANTONINO, A. C. D.;

SOUZA, E. S.; JARAMILLO, R. A. 2013. Caracterização

hidrodinâmica e hidrodispersível de um latossolo amarelo na

microrregião do brejo paraibano. Revista Brasileira de Ciências do

Solo, v.37, n.1, p.86-96.

Page 25: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 543

OLIVEIRA, A. H.; NETO, G. K.; PEREIRA, S. Y. Análise do

Relevo para o mapeamento de áreas favoráveis ao processo de

infiltração. XIX Congresso brasileiro de águas subterrâneas, 2017.

PAIXÃO, F.J.R.; ANDRADE, A.R.S.; AZEVEDO, C.A.V.;

COSTA, T.L.; GUERRA, H.O.C.; Ajuste de curva de infiltração

por meio de diferentes modelos empíricos. Pesquisa aplicada &

agrotecnologia, v.2, n.1, 2009.

PEREIRA, D. R.; ULIANA, E. M.; MATINEZ, M. A.; SILVA, D.

D. 2016. Desempenho de um modelo hidrológico concentrado e de

um semidistribuído na predição de vazões diárias. Irriga-Brazilian

Journal of irrigation and drainage, v.21, n.2, p.409-424.

PREVEDELLO, C.L.; Estimativa da profundidade da frente de

molhamento a partir da curva de infiltração. Revista Brasileira de

Recursos Hídricos, v.4, n.3, p. 17-21, 1999.

SANTOS, T. E. M.; SOUZA, E. R.; MONTENEGRO, A. A. A.

2016. Modeling of soil water infiltration with rainfall simulator in

different agricultural systems. Revista Brasileira de Engenharia

Agrícola e Ambiental, v.20, n.6, p.513-518. 2016.

SILVA, N. F.; CUNHA, F. N.; FILHO, F. R. C.; MORAIS, W. A.;

CUNHA, E. S.; ROQUE, R. C.; ALVES, D. K. M.; TEIXEIRA,

M. B. 2017. Métodos para estimative da infiltração de água em um

latossolo sob plantio direto e convencional. Global Science

Technology, v.10, n.1, p.169-176.

SILVA JÚNIOR, M. A. B.; SILVA, S. R.; SOARES, W. A. 2016.

Parâmetros de infiltrabilidade em solo urbano para modelo chuva-

vazão. Fórum Ambiental da Alta Paulista, v.12, n.3, p.135-143.

Page 26: DESEMPENHO DE MODELOS DE INFILTRAÇÃO … · conhecer como é possível caracterizar a infiltração da água no solo ... influência direta no equilíbrio natural do ... a infiltração

Desempenho de Modelos de Infiltração... – Oliveira & Soares

Revista Diálogos N. 18 – set./out. – 2017 544

SOUZA, E. S.; ANTONINO, A. C. D.; JARAMILLO, R. A.;

MACIEL NETTO, A. M. 2008. Caracterização hidrodinâmica de

solo: Aplicação do método Beerkan. Revista Brasileira de

Engenharia Agrícola e Ambiental, v.12, n.2, p.128-135.

SMETTEM, K. R. J.; PARLANGE, J. Y.; ROSS, P. J.;

HAVERKAMP, R. 1994. Three-dimensional analysis of

infiltration from the disc infiltrometer. Part I. A capillary-based

theory. Water Resource Research, v.30, p.2925-2929.

TUCCI, C. E. M. 2007. Hidrologia: Ciência e Aplicação, Porto

Alegre, ABRH.

VAN GENUTCHEN, M. T. H. 1980. A closed-form equation for

predicting the hydraulic conductivity of unsaturated soils. Soil

Sci., v.44, p.892-898.