EROSO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS NA .2016-10-19  EROSƒO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS

download EROSO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS NA .2016-10-19  EROSƒO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS

of 21

  • date post

    05-Jan-2019
  • Category

    Documents

  • view

    215
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of EROSO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS NA .2016-10-19  EROSƒO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS

EROSO ACELERADA E SUAS INTERFERNCIAS NA QUALIDADE DE VIDA:

O EXEMPLO DA ALTA BACIA DO RIO DAS ANTAS NA REA URBANA DE ANPOLIS

(GO)1

Andrelisa Santos de Jesus

Mestre em Geografia - Programa de Ps-graduao em Geografia IESA/UFG Doutoranda do Programa de Ps-Graduao em Geotecnia - UnB

andrelisa_jesus@yahoo.com.br

Luciana Maria Lopes Professora Adjunta do Programa de Ps-Graduao em Geografia - IESA/UFG

luciana@iesa.ufg.br

Jos Camapum de Carvalho Professor Associado do Programa de Ps-Graduao em Geotecnia - UnB

camapum@unb.br

RESUMO: A ocorrncia de processos erosivos em meio urbano resulta em inmeros prejuzos pois

implica na destruio de edificaes, equipamentos e infraestrutura que do suporte cidade. Tais

prejuzos podem ser debitados no setor econmico. Todavia, numa anlise mais detalhada, possvel

verificar que esses prejuzos afetam profundamente os setores social e ambiental influindo diretamente

nos parmetros relacionados qualidade de vida do citadino. Quando uma eroso danifica uma rua no

esta causando apenas um prejuzo econmico por ter destrudo certa estrutura que custou determinado

preo. O prejuzo vai muito alm pois sua recuperao vai despender recursos que poderiam ser

investidos em outro setor da sociedade. importante salientar que, no caso da situao mencionada,

existem ainda problemas de trafegabilidade ou de transtornos ao deslocamento. Ento, como mensurar

o prejuzo que um morador teve por no receber o auxlio mdico de uma ambulncia porque a rua

onde mora no oferece condies de trnsito? Como mensurar o prejuzo de uma pessoa que, ao

transitar numa rua sofre uma queda na inciso erosiva e se fere? Certamente esses prejuzos no podem

ser calculados pois relacionam-se a um parmetro que no tem preo, a dignidade do cidado.

Situaes como estas so comuns nas reas urbanas afetadas por eroses e processos relacionados, tais

como assoreamento, alagamentos e inundaes. Pesquisa realizada na alta bacia do rio das Antas em

Anpolis (GO) revelou situaes como as acima citadas. O objetivo inicial do trabalho era a da

abordagem fenomenolgica das diversas eroses que atingem a rea. Entretanto, a abordagem

espontnea dos moradores a fim de denunciar os problemas sofridos por causa das eroses suscitaram

a necessidade de cuidadoso exame a respeito do assunto. O presente trabalho visa discutir as

interferncias da eroso acelerada e os riscos associados na qualidade de vida da populao.

PALAVRAS-CHAVE: Eroso, risco, qualidade de vida.

1 Os resultados apresentados neste artigo so baseados na Dissertao de Mestrado produzida pela primeira autora e defendida em abril de 2007.

ABSTRACT: The occurrence of erosion processes in urban areas results in many losses, it implies the

destruction of buildings, equipment and infrastructure that support the city. Such losses can be charged

in the economic sector, however, a more detailed analysis is possible to verify that these losses deeply

affect the social and environmental sectors, influencing directly the parameters related to quality of life

of the city. When the erosion damage a street, it is not only causing economic injury to have destroyed

a structure that cost a price. The damage goes much further, because their recovery is going to spend

resources that could be invested in another sector of society. It is important to note that in the case of

the mentioned, there are still problems of traffic causing inconvenience to the movement. So how to

measure the damage that one resident was not receiving the medical aid of an ambulance because the

street where you live is not able to transit? How to measure the loss of a person who, when carried in a

street of this type, suffers a decrease in erosive incision and that hurts? Of these losses can not be

calculated because it is related to a parameter that has no price, the dignity of the citizen. These

situations are common in urban areas affected by erosion and related processes, such as siltation,

flooding and flooding. A survey conducted in the high basin of the river Antas in Anpolis (GO)

revealed several situations similar to these. The initial objective of the work in this basin was

phenomenological approach of the various erosions reaching the area, however, the intense

spontaneous approach of the residents to denounce the problems suffered because of erosion caused

the need for a scientific approach more careful about that . Therefore, this paper will discuss the

interference of accelerated erosion and risks on quality of life.

KEYWORDS: Erosion, risks, quality of life.

INTRODUO

A alta bacia do rio das Antas em Anpolis (GO) intensamente afetada por processos

erosivos dos tipos sulcos, ravinas e voorocas alm de sofrer com a ocorrncia de alagamentos e

inundaes. Essa bacia de aproximadamente 17 km2 localizada na poro sudoeste da cidade de

Anpolis (Figura1) integra rea urbana em expanso. Nela a ocorrncia de tais processos interfere

diretamente no cotidiano da populao uma vez que a eroso e os processos a ela relacionados

configuram uma situao de risco ambiental aos habitantes da bacia. Esse estudo ora apresentado foi

objeto de uma dissertao de mestrado defendida em abril de 2007 por Jesus (2007).

Figura 1: Localizao da rea de estudo

O risco ambiental, sob o ponto de vista geotcnico, pode ser abordado como a possibilidade

de ocorrncia de um processo que gere prejuzos socioeconmicos (CERRI e AMARAL 1998). Castro

et al. (2005) apontam a questo do risco ambiental como uma temtica relevante, tambm, para as

abordagens geogrficas, podendo se destacar os seguintes aspectos: Quais as escalas de ocorrncia e

concentrao espacial desses processos? Qual a relao entre escalas de risco/escalas de perdas? Como

a situao de risco influencia a organizao espacial?

O presente trabalho considera estes aspectos propondo uma discusso das implicaes das

eroses sobre a qualidade de vida da populao da bacia estudada. Ao utilizar a categoria qualidade de

vida cria-se a necessidade de se apoiar em um conceito claro. Entretanto, esta tarefa extremamente

difcil pois tal termo bastante utilizado pelas mais diversas reas, tais como: na sade, onde se

destacam parmetros de satisfao e conforto dos pacientes mediante determinados tratamentos

mdicos. No mercado imobilirio, para agregar valor a imveis de alto padro construtivo. J na rea

empresarial a qualidade de vida estrategicamente avaliada para criar condies de motivao aos

funcionrios e, logo, obter maior produtividade. Percebe-se assim, que embora as diferentes reas do

conhecimento busquem valorar aspectos indicadores, particulares, da qualidade de vida, todos eles se

relacionam a busca da satisfao humana em seus anseios, voltados para o bem estar, e assim que se

deve entender a busca e satisfao da qualidade de vida.

Esse artigo leva em considerao as abordagens conceituais sobre qualidade de vida

colocados em destaque por Santos e Martins (2002), Braga (2002), GUEDES PINTO (1995), Barbosa

(1995), Fortunato e Ruscheinsky (2003), Ferro (2004), Leal (1995), Machado (2004), Murta (2006).

A maioria destes trabalhos est vinculada rea da geografia urbana ou abordagem ambiental vindo

ao encontro das aspiraes deste trabalho com temtica central voltada aos impactos ambientais

urbanos.

um consenso entre esses autores que a qualidade de vida determinada por complexas

condies onde interagem o nvel individual e coletivo, aspectos objetivos e subjetivos, elementos

scio-culturais e econmicos. Aqui a eroso ser considerada como um fator embutido nos elementos

socioeconmicos uma vez que sua gnese, em reas urbanas, pode ter causas sociais e,

necessariamente, possui conseqncias sociais e econmicas que influem diretamente na qualidade de

vida das pessoas.

MTODOS E PROCEDIMENTOS TCNICOS

A primeira etapa do trabalho foi o inventrio dos impactos ambientais que atingem a alta

bacia do rio das Antas. Na segunda etapa foram escolhidos os indicadores de qualidade de vida

pertinentes realidade da bacia. A escolha dos indicadores subsidiou a elaborao de um roteiro de

entrevistas realizadas em campo com os moradores.

O inventrio dos impactos foi feito de acordo com as seguintes etapas: interpretao da

imagem Ikonos II (2001); consulta nos arquivos do Corpo de Bombeiros para averiguar registros de

atendimento a alagamentos, inundaes e quedas de pessoas ou animais em eroses; realizao de

inmeros trabalhos de campo nos quais foram percorridas todas as ruas da bacia estudada. Os impactos

foram cadastrados, em campo, segundo sua localizao e dimenses e espacializados numa carta de

documentao. Essa espacializao foi feita a partir da criao de um banco de dados no Software

Excel. Tal banco de dados foi salvo na extenso DBF4 (arquivo de banco de dados) que pode ser

aberto pelo Software ArcMap 9.2, onde cada tipologia de impacto formou um shape. Aps a plotagem

dos pontos no ArcMap 9.2 o documento foi salvo em extenso EMF e importado no SoftWare

CorelDraw 11, onde foi feita a finalizao grfica.

Posteriormente dedicou-se delimitao de indicadores de qualidade de vida. A escolha

foi fe