JACKPOT Magazine - 16, 28 Out 2012

Click here to load reader

  • date post

    30-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    218
  • download

    0

Embed Size (px)

description

JACKPOT Magazine - 16, 28 Out 2012

Transcript of JACKPOT Magazine - 16, 28 Out 2012

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    1

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    2

    J PARTILHASTE O JACKPOT COM OS TEUS AMIGOS?

    H QUEM VIVA A RECORDAR.

    NS RECORDAMOS O QUE VIVEMOS.

    PARA PODERMOS CRESCER AINDA MAIS,... PRECISAMOS DE TI!

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    3

    ANITA E A PIDE...

    Tinha a Anita a os seus 6 anos quando, um belo dia, enquanto brincava no jardim da casa da av, foi visitada pela Pide. A Anita j tinha ouvido falar na Pide e uma amiga tinha-lhe explicado que a Pide eram uns homens maus que mandavam em toda a gente. Desconhece-se se aquela visita ter sido encomendada por Salazar uns anos antes, j que diz-se, era um homem com viso de futuro, e que poder ter antecipado a influncia nociva destas crnicas na sociedade portuguesa. Corria, ento, o ano de 1972, quando dois senhores engravatados surgiram no porto da av e abordaram a Anita, mais ou menos desta forma: - Ol pequenita! A Anita estava avisada para no dar conversa a estranhos e olhou-os desconfiada, respondendo timidamente: -Ol - Ento tu vives nesta casa com quem? perguntou o Pidoso tentando ser simptico. - Com os meus pais, os meus irmos e a minha av - Ah, muito bem. E diz-nos, tu costumas ver televiso? A palavra televiso fez soar o alarme na cabecita da Anita. Os pais tinham avisado para responder sempre que no tinha televiso caso algum lhe perguntasse isso, caso contrrio viriam uns homens maus que levariam a televiso para sempre. Ora, depois da conversa com a amiga, a Anita deduziu que esses homens maus eram da Pide.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    4

    - No respondeu a Anita No tenho televiso. - Hmm, e desenhos animados, costumas ver? Desavergonhados, exploradores de criancinhas, maquiavlicos - Sim! respondeu prontamente a Anita recordando os momentos divertidos que os desenhos lhe proporcionavam. - Ento, mas se no tens televiso, como que vs os desenhos animados? A Anita percebeu naquele momento que estava na presena dos homens maus, o seu coraozito bateu acelerado perante a ideia de lhe levarem a televiso. Ficou atrapalhada, engasgada e fez o que sabia fazer melhor Abriu a boca at trs e comeou a chorar. Mas abriu tanto a boca e desatou a chorar to alto que os dois homens olharam um para o outro, parecendo no saber o que fazer. O pai da Anita, surgiu, seguro como sempre, no cimo das escadas e dirigiu-se aos homens: - Desejam alguma coisa? Os homens responderam: - Sim, somos fiscais audiovisuais. Temos que verificar que no existe nenhuma televiso nesta casa, pois como sabe, caso exista, teremos que a levar, uma vez que no paga taxas. A Anita estava em pnico. Apetecia-lhe bater na Pide que se preparava para lhe levar a sua adorada televiso. O pai respondeu: - J c estiveram, mas estejam vontade para verificar e fez-lhes sinal para passarem sua frente. Assim, que os homens passaram, o pai da Anita olhou para ela e fez-lhe sinal para no abrir a boca, colocando o indicador verticalmente em frente boca. A Anita no percebeu grande coisa do que se passou a seguir, mas quando chegaram sala, a televiso no estava l. Em lugar dela, um paninho de renda feito pela av, decorava a mesa, sob uma jarra de hidranjas frescas. Os homens ainda quiseram ver outras divises, mas no avistando nenhuma televiso, acabaram por desistir, despediram-se e foram-se embora. Quando saram, a av e o pai explicaram Anita que a av tinha avistado os homens pela janela e apercebendo-se que perguntaram pela televiso, apressou-se a escond-la e a apagar os sinais da sua existncia. A Anita perguntou ao pai:

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    5

    - Pai, porque que a Pide no quer que as pessoas vejam televiso? O pai olhou para ela, riu-se e respondeu: - A Pide? Onde foste buscar essa ideia? V, vai l pedir av que te ligue a televiso que vai dar a Pipi. A Anita foi. Mas o pai que no pensasse que a enganou. A Anita sabia muito bem que os fiscais da televiso eram da Pide. E desenganem-se aqueles que pensavam que as funes da Pide se restringiam fiscalizao de estrangeiros, da sua entrada ou permanncia ilegal em territrio nacional, ou aos crimes de emigrao clandestina, ou at aos crimes contra a segurana exterior e interior do Estado. No! A Pide existiu em Portugal para evitar que a Anita e as outras criancinhas da mesma idade vissem a Pipi das Meias Altas. Essa que essa! Pelo menos assim pensou a Anita at ao 25 de Abril de 1974, j que depois desse dia, a televiso ficou to chata, mas to chata, que raramente passava desenhos animados ou a Pipi, e s o que se via eram homens armados e engravatados a falar e a gritar viva Portugal, viva a Liberdade! e s vezes falava devagarinho e com voz grossa um senhor com um fato cheio de medalhinhas e que estava sempre carrancudo, que mais tarde soube tratar-se do General Ramalho Eanes. A Anita at tinha gostado daquele dia 25 de Abril. No tinha havido aulas e vieram todos mais cedo da escola. As pessoas gostaram tanto de sair mais cedo das escolas e dos trabalhos que gritavam a bons pulmes Viva Portugal, viva o 25 de Abril! Mas depois disso, a televiso mudou eram to chatos aqueles polticos a falar, que um dia a Anita chocou o pai ao dizer-lhe: - Pai, tenho saudades da Pide! Se deixssemos as crianas crescerem como so, teramos somente gnios. (Goethe)

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    6

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    7

    1980

    1980para alm de ter sido o ano de nascimento deste vosso amigo, foi tambm o ano de Another Brick In The Wall dos Pink Floyd, de Crazy Little Thing Called Love dos Queen e de The Winner Takes It All dos Abba. Pronto, penso que no preciso dizer mais nada, musicalmente falando, claro, para vos dizer o quanto este ano foi importante. S com estes trs ttulos acima mencionados, penso que j chega! No?! Ainda querem mais? Pronto, ento aqui vai: Este ano foi tambm abalado pelo Grito de Alerta de Maria Bethnia e pela beleza estonteante da Lady de Kenny Rogers. Os Air Supply, coitados, estavam All Out Of Love e a Elis Regina estava obcecada com a ideia de entrar em contacto com extraterrestres! Era frequente ouvi-la dizer nos palcos Al Al Marciano em frente a milhares de pessoas. Coisas da vida 1980 foi tambm o ano em que Olivia Newton John fez Magic e que Diana Ross virou a sua vida Upside Down conta desta musica. A Blondie. por esta altura, sempre que me via quando passava por Gondomar, gritava do interior da sua limousine: Call Me!. Esqueceu-se foi de me dar o nmero Enquanto a Gal Costa anda para a frente e para trs a brincar com o seu Balanc, Rita Lee Chega Mais uma vez ao topo da msica

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    8

    brasileira com esta cano. Mas quem tinha apenas 20 E Poucos Anos e j era um artista no Brasil era Fbio Jr. H que dar valor Houve uma altura, admito, que gostava mais da msica de Leo Sayer Even More Than I Can Say e depois passou-me. Ah, e j agora: Algum hoje em dia Survive msica de Jimmy Buffet? que na altura que saiu, ela tinha um sabor amargo a Doce de Pimenta da Olivia Mas claro que nesta altura havia tambm pessoas com uma excelente Wave musical, mal era! O Joo Gilberto um bom exemplo de quem a teve e no digo que o Djavan no a tivesse! De forma alguma! Acho que a ele estava Faltando Um Pedao para alcanar esse mesmo nvel. J agora lembram-se do Gilliard? Consta-se que a msica dele, neste ano, foi um Fracasso. Mas no se pode ganhar sempre, no ? O mesmo j no se pode dizer de Irene Cara, que por esta altura s pensava mesmo em alcanar a Fame. E claro que a conseguiu Pronto mais uma vez vou-vos deixar de Corao Bobo com a minha despedida. Mas l ter de ser! Mas Desesperar Jamais como diria a Simone, no ? Por isso, meus amigos, Shine On! Por entre os vossos chorosos e soluados Please Dont Go, despeo-me de vocs com um Sol De Primavera nos olhos porque, no fundo, S Nos Resta Viver, como diria gela R R Bye!

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    9

    MATRCULAS

    Em finais da dcada de 70 e incios da dcada seguinte, havia um entretenimento infantil digno de ombrear com qualquer videojogo dos dias de hoje: coleccionar matrculas de veculos automveis. Nem mais! Bizarro? Sim, inquestionavelmente. Mas divertido, muito divertido. Reunia-mos aos 3 ou 4 e l amos a correr para o cimo da ponte que ficava por cima auto-estrada (A1, ali entre a Madalena e Vilar do Paraso) para, de caderno A4 de capa preta na mo, ter a destreza de anotar o maior nmero de matrculas dos veculos que passassem pelos nossos olhos. Isso, nem mais, vamos os carros, camies e camionetas que passavam por ns e, de gs, anotvamos as suas matrculas, as que conseguamos. O objectivo, como se imagina, era o de conseguir reunir o maior nmero de matrculas possvel no espao de tempo determinado para esse passar-do-tempo. - Quantas matrculas tens tu? (coleccionar mais de 100 matrculas era fantstico)

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    10

    - Essa no passou. A que passou terminava em 45. Inventaste! (no eram raras as vezes em que aldrabvamos nmeros ou letras, por no conseguir anotar atempadamente todo o fluxo rodovirio que nos ultrapassava, principalmente quando passavam mais do que uma viatura ao mesmo tempo) E em cerca de uma hora, l nos entretnhamos, e muito, a dar tinta s pginas do caderno que, em horrio laboral, servia para l se inscrever (tambm) o que aprendamos na primria e no ciclo preparatrio que frequentvamos nessa pr-adolescncia. Na aproximao ao secundrio, as matrculas mantiveram-se, mas com outra sofisticao. Apostvamos em conjuntos de duas letras (das matrculas) e, entre a paragem do autocarro que nos deixava a cerca de 1 km da escola de Valadares, se passasse algum carro com as letras escolhidas, l teramos que carregar com os livros e cadernos (mochilas) dos outros que, connosco, faziam esse percurso a caminho das aulas. (eu, geralmente, safava-me, porque escolhia as letras MX, as quais estavam relacionadas exclusivamente com veculos militares, os quais no faziam amidas vezes aquele nosso percurso) Nos dias que correm, sabemos, nenhum catraio se atreveria a fazer estas figurinhas, especialmente por no acreditarem no prazer que isto dava, na falta de melhor, claro.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    11

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    12

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    13

    BOY GEORGE

    Quem nunca teve dvidas quanto ao gnero sexual desta alma, lance a primeira pedra! Ambguo, muito ambguo meus senhores!! Estive anos com dvidas se aquilo que me entrava pelos ecrans dentro, durante aquele programa que dava s 18h e que agora infelizmente eu no me lembro o nome, era gajo ou gaja! p no me lixem, s no dia em que o vir em pelota que esta dvida se vai dissipar com toda a certeza! que o gajo(a) d uma gaja linda, capaz de meter num bolso muito camafeu de saias!! A tua sorte filho, que cantavas muito bem e, portanto, mesmo assim com esse arzinho de ET tiveste direito a forrar algum dos meus livros escolares. frente dos Culture Club deste vida a algumas belas canes, que eu continuo a cantarolar e, quer queiramos, quer no, s um dos grandes representantes da dcada de 80!! Muito dancei eu ao som de Karma Chameleon!!! Diz a Wikipedia que o teu grande sucesso foi "Do You Really Want to Hurt Me", eu contesto!! Apesar dessa musica ser das mais carismticas e belas que protagonizaste, nada nos punha a mexer como Karma Chameleon! com ela que vos deixo. Eu, vou ali procurar um comboio e j volto! Beijinhos, abraos e outras manifestaes de carinho, P.S. By the way, agora j tens mais ar de homenzito, mas francamente acho que prefiro a verso ambgua! Credo, que viso do Demnio, logo de manh hahahaha

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    14

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    15

    "BONECA DE PANO

    Turututu turuturu. Marmelada de banana, Bananada de goiaba Goiabada de marmelooooooo Turututu turuturu. Boneca de pano gente, Sabugo de milho gente, O sol nascente to beloooooo Sim e vamos at ao Stio do Pica-Pau Amareloooooo. No sei se posso considerar como desenho animado visto que eram pessoas que narravam estas histrias, mas que quando eu era pequena gostava, ai gostava, sim senhor. Tnhamos a Dona Benta, Tia Anastcia, Tio Barnab, Narizinho, Z Carneiro, a Emilia e a lista continua, para recordar as personagens que faziam parte deste conto. Dona Benta uma senhora com alguma idade, com ela vive a Tia Anastcia e a neta Lucia (conhecida por narizinho) no Stio do Pica-pau Amarelo. Lucia como se sente muito sozinha cria um mundo de fantasia que tem como personagem principal a sua boneca Emlia e da imaginao de narizinho desenrolam-se todas as histrias, onde a

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    16

    fantasia se mistura com a realidade ou ser a realidade que se mistura com a fantasia... Eu acho que foi com esta serie que algum que eu conheo muito bem ficou com uma grande tendncia de se vestir no Carnaval de boneca (s no posso dizer quem porque quando ler isto corro o risco de ter graves problemas). Eu acho que no tinha nenhum pica-pau amarelo (que eu me lembre) tinha um ou uma jacar a Cuca, tinha fadas, tinha boneca de pano, tios, avos e muito mais mas no havia nenhum pica-pau amarelo. O Stio do Pica-Pau Amarelo uma criao do escritor infantil brasileiro Monteiro Lobato e o primeiro livro da srie foi publicado em 1920, a primeira adaptao para TV aconteceu em 1952 e durou at 1962, a adaptao mais conhecida e exportada foi a da Globo em 1977 e chegou a Portugal em 1981. O stio onde tudo possvel, quem no queria viver num stio assim. Para relembrar ou ver pela primeira vez partilho o 1 episdio do 1 captulo de 1977. Recordar o passado bom mas criar novas recordaes ainda melhor. Vamos criar novas recordaes para o amanh, sendo felizes hoje (agora). At semana.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    17

    "... EM 1972"

    Este foi um ano normal, em que aconteceram coisas boas e outras nem por isso. Logo a abrir, a ONU declarou 1972 como Ano Internacional do Livro. E esta foi uma deciso que, no tenho dvidas, agradou a muita gente. Pelo menos l no meu Bairro, dava gosto ver como a gente falava com o Sr. Joaquim ou com o Sr. Guimares, proprietrios das duas mercearias l existentes: Quero um quartilho de azeite, ponha no livro faxavor ou a minha me pede 1 Kg de batatas, para assentar no livro. E outras frases culturais do estilo Tambm aconteceram grandes estreias no Cinema, entre outros Cabaret, com Lisa Minnelli e O Padrinho e O ltimo tango em Paris, ambos com Marlon Brando. Mas como so todos para Maiores de 18, vou deixar os comentrios para quem de direito (risos) Falando de mim, quero dizer-vos que foi neste ano que apanhei a primeira de duas faltas disciplinares de toda a minha carreira estudantil. Ora, numa interessantssima aula de Portugus, enquanto a professora falava, eu e a minha companheira de carteira estvamos muito concentrados a jogar a batalha naval. E pimba, ambos para a rua que para aprenderem. Tambm no desporto vivi uma experincia dolorosa. Eu explico: como a Escola Leonardo Coimbra Filho ficava mesmo nas traseiras do pavilho do Infante de Sagres, era frequente passar por l e ver os treinos que decorriam. Numa dessas ocasies, perguntaram-me se sabia andar de patins. Eu que andava

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    18

    razoavelmente bem de patins e que tinha muito jeito a jogar com os sticks improvisados feitos de troos das couves, ao fim de pouco tempo estava inscrito na equipa de Hquei em patins. Num dos primeiros jogos, deslocamo-nos ao pavilho das Antas para defrontar os iniciados do FCP. Um dos craques da casa achou que eu tinha ar de quem gosta do stick (salvo seja!) e, nas trs primeiras vezes que nos cruzamos, trs pauladas ele me deu nas pernas. Ora eu, com um pau na mo, no haveria de defender-me? E l levou ele com o stick no costado, para ver o que era bom. Uma cena de partir a moca. Eu que, arrependido da minha atitude, nunca mais joguei Hquei em patins Mas voltemos aos acontecimentos no mundo: - No desporto, Eddy Merckx, para mim o melhor ciclista de todos os tempos, venceu pela quarta vez consecutiva a Volta a Frana. Nunca se livrou da fama de se dopar com gemadas feitas com Cristal preta. At eu!.. - Ainda no desporto, durante os Jogos Olmpicos de Munique, onze atletas de Israel morreram, aps um atentado levado a cabo pelo grupo terrorista Setembro Negro. Foi mesmo um dia negro para o desporto e para o ideal olmpico. - Na msica, apesar dos lanamentos de lbuns de gente importante, o facto mais marcante do ano foi os Led Zeppelin terem sido impedidos de entrar em Singapura. O motivo alegado pelas autoridades foram os seus cabelos demasiado compridos. Ainda ofereci 5 escudos a cada um para cortarem o cabelo mas eles, orgulhosos, recusaram. - Na conquista do espao, foi lanada a 7 de Dezembro a Apollo 17, a ltima nave a levar homens Lua. Continua muita gente a andar na lua mas, caminhar por l, isso j no. - Na seco de diversos, last but not least, de notar que foi em 1972 que a Pide das televises visitou a Anita e tentou impedi-la de ver a Pipi das Meias Altas. Realmente No se faz! (risos) Beijos e abraos e at para a semana.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    19

    OS PARALELOS

    Costumo dizer que as ruas onde nascemos, na verdade, so o complemento e a extenso da nossa prpria assinatura, principalmente quando vivemos nelas, nas ruas. Eu traduzo. Nos meus tempos de criana a catraio, dcada de 70, muitas das primeiras experincias de vida aconteceram na Rua da Pitada (a minha rua). E isso merece destaque porque foi graas a essas experincias que me constru enquanto ser pensante. E isso, pelo menos para mim, merece destaque porque, no tal tempo, vivia-se na rua e para a rua, por ela ser o nosso palco, a nossa escola, o nosso mundo. E foram inmeras as horas ganhas a jogar futebol, a andar de bicicleta, a pedir uma moedinha para o Santo Antnio, a pr-namorar, a namorar, a ouvir os berros do: Anda para casa!, e muito mais. No fundo, nessa altura, todos crescamos entre dois paralelos, fossem eles os que, por exemplo, faziam de baliza num jogo de futebol ou os pontos de partida e de meta de tudo o que concretizmos ao longo desses anos, principalmente numa altura em que os penantes nos faziam colocar ps ao caminho, por convico, sonho ou necessidade. A rua, ou melhor, a nossa rua, e ser para sempre o ponto de partida para quem fomos, somos ou viremos a ser, se soubermos no lhe virar as costas, mesmo que j l no moremos.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    20

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    21

    Pois... em boa verdade vos digo que hesitei em trazer-vos de novo a 1980, mas acho que era inevitvel (e talvez no fiquemos por aqui...) creio que, pelo menos os leitores da minha gerao no deixaro de concordar, se derem uma olhada nos lanamentos discogrficos deste, diria musicalmente mtico, ano. Pouco depois de a RTP ter iniciado a sua emisso a cores, ficaria eu (e todos os outros fs da Guerra das Estrelas) suspenso com o contra-ataque do Imprio... suspenso ficaria tambm durante o tempo em que numa das mais histricas finais de Wimbledon , (Ice)BORG e McENROE me fizeram, pela primeira vez, passar horas em frente da televiso a ver uma partida de tnis; e muitas horas se passaram tambm, em todo o mundo, s voltas com o Cubo de Rubik quantos no parecemos ento o Rapaz do Cubo Mgico que LARA LI cantaria no ano seguinte? Sem que eu prprio saiba muito bem porqu, o disco de hoje, ainda que constantemente adiado, foi o primeiro de que me lembrei quando iniciei estes escritos; talvez porque nunca me esqueci da capa e do ttulo, ou porque, j cansado dos estrondosos sucessos do ano anterior sim, confesso que j no podia ouvir o Message in a Bottle... , foi o que me reconciliou com a banda e sim, j perceberam, trago hoje comigo THE POLICE e Zenyatta Mondatta. Por detrs de to estranho ttulo que mais no , afinal, do que algo que soa bem... esto alguns dos temas que confirmaram o planetrio sucesso da banda; o que sucede logo com a abertura, a cargo de Dont Stand So Close to Me, muito bem conseguida mistura

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    22

    de pop e reggae, onde se re-escreve a histria de Lolita, num tema que ainda hoje reconhecemos aos primeiros acordes e que nos pe a mexer de imediato... O activismo poltico pelo qual STING tambm hoje conhecido dava os seus primeiros passos nos acordes de Driven to Tears, que d voz revolta contra a fome no Biafra, que ontem como hoje, em demasiadas paragens pontuava nos ecrs das televises ante uma primeiro-mundista indiferena, a criticada mas que como que serve de refgio do caos num dos mais compridos ttulos de canes que conheo: When the World is Running Down, You Make the Best of Whats Still Around. Esse engagement voltar, alis, a marcar presena em Bombs Away, onde um som mais extico abriga a preocupao que a invaso sovitica do Afeganisto trazia ao mundo ocidental. Zenyatta tambm atravessado por uma certa crtica da contemporaneidade, seja nos acordes do reggae que se o povoa (quase) todo , marca bem presena em Man in a Suitcase, seja na ironia mais subtilmente escondida na lrica do (aparentemente) ligeiro Canary in a Coalmine, ou nos ecos mais africanos de Shadows in the Rain, que ho-de ainda reverberar no semi-instrumental Voices Inside my Head. Puramente instrumentais so The Other Way of Stopping e a (para mim) fascinante orientalidade de Behind my Camel, acerca do qual vale a pena referir que, mesmo se STING o detestava, viria a vencer um Grammy. Reservei para o final uma espcie de acto de contrio: que, mesmo gostando do tema, no deixava de me fazer sorrir a simplicidade do inconfundvel hit De Do Do Do, De Da Da Da, que serve, afinal, de veculo a considerandos sobre a linguagem e a comunicao que pode falhar quando julgamos que uma msica se faz apenas do refro... At pr semana sem falhas de comunicao, esperemos... over and out!

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    23

    SOLIDARNOSC

    Nos incios da dcada de 80, ventos de mudana comearam a soprar na Europa de Leste, para l da Cortina de Ferro. Foram ventos que sopraram to fortes que, no final dessa dcada, acabaram por derrubar o Muro de Berlim e, com ele, o bloco comunista Mas a crnica de hoje tem lugar na Polnia, mais precisamente em Gdansk, uma cidade porturia com cerca de meio milho de habitantes, Foi a que, em Agosto de 1980, surgiu o primeiro sindicato livre do mundo comunista o Solidariedade, liderado por Lech Walesa, um electricista que trabalhava nos estaleiros navais Lenine desde finais da dcada de 60. O Solidariedade foi responsvel pela organizao da maior vaga de greves da histria do movimento operrio, que reivindicava melhores condies de vida e de trabalho e exigia mais liberdade. A Polnia paralisou e o movimento assumiu propores nunca antes vistas em nenhum outro pas. O poder poltico cedeu e os muitos milhares de trabalhadores acabaram por ver satisfeitas as suas reivindicaes. Perante estes acontecimentos, a invaso sovitica esteve iminente. Ento, o Ocidente mobilizou-se para impedir a ocupao militar da Polnia e o Papa Joo Paulo II escreveu a Brejnev apelando ao recuo

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    24

    das tropas. Os soviticos recuaram, mas a chegada ao poder do general Jaruzelski, trouxe consigo a instaurao da lei marcial, a ilegalizao do Solidariedade e a priso dos seus dirigentes. Lech Walesa acabaria por ser libertado em 1982 e agraciado com o Prmio Nobel da Paz em 1983, reconhecendo, deste modo, o seu papel de activista dos direitos humanos na sua Polnia natal. No final da dcada de 80, aps negociaes com o governo, o Solidariedade saiu da clandestinidade. Nessa altura, o desmoronamento do bloco de leste e a democratizao do regime, conduziram realizao de eleies livres e Lech Walesa foi eleito presidente da Polnia, cargo que ocupou entre 1990 e 1995. Olhando para o percurso de Lech Walesa, um simples operrio dos estaleiros de Gdansk, o tanto que ele conseguiu enquanto lder do Solidariedade, no consigo deixar de pensar nas palavras de Jos Lus Peixoto: O impossvel de antes sempre foi possvel, apenas no tinha acontecido que algum tivesse sido capaz de chegar at ele. Faltava a quantidade de pessoas que acreditaram, que perseguiram o filo at o demonstrarem e construrem. Creio que, qualquer dia, novos ventos de mudana sopraro, desta feita na Europa Ocidental. Oxal, a nossa condio nos permita continuar a acreditar que o impossvel se pode tornar possvel

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    25

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    26

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    27

    PASSEIOS ESCOLARES

    Os passeios de escola, principalmente os da primria e da secundria (no me lembro de nenhum no tempo da escola preparatria.), eram marcos marcantes na nossa infanto-juventude, ao ponto de se contarem os dias que nos levariam at esse(s) dia(s). - Era ou no era giro ir visitar as fbricas de chocolates ou de lpis? (primria) - Era ou no era interessante a troca de lugares nas camionetas Auto-Pluman na tentativa de arranjar um namoro de ltima hora, depois de ver (sem ver) as Amendoeiras em Flor? (secundria) Os passeios escolares, para mim, ocupam e ocuparo um lugar interessante no poo da memria. Desde os comprimidos para o enjoo, que eu demorava uma eternidade a engolir (ainda me custa engoli-los, a todos), passando pelo ter que se seguir risca (sem se seguir) o que os profs nos diziam pelo microfone do motorista em cada partida e, claro, sem esquecer os refres gritados at exausto, em jeito de final de festa (passeio), com especial destaque para o clebre: Senhor motorista, por favor, carregue no acelerador.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    28

    Todos os (meus) passeios escolares tinham tambm uma misso que me dava especial prazer: comprar prendas para a famlia e amigos mais prximos, prendas essas que, como aconteceu com todos, julgo, eram compostas por aqueles objectos com o nome das terras que visitvamos nos itinerrios de sempre. (onde andaro esses objectos de culto que no tero ido parar ao lixo?) Os passeios escolares, sejamos honestos, por mais que os gozssemos, porque os gozvamos (por os acharmos pirosos), eram interessantssimos, principalmente por nos transportarem para outros ambientes, algo que permitia um socializar diferente e substancialmente interessante, quando comparado com o recreio. E isso o gostar-se mesmo de ir a estes passeios - comprova-se com o facto de quase no dormirmos no(s) dia(s) anteriore(s), s para no o(s) perdermos por nada, fosse em funo de um objectivo (sonho) amoroso ou, simplesmente, porque era diferente. (Quantos de ns faltaram a um destes passeios? Ningum?!) No meu caso, os passeios escolares assumiram um papel importante principalmente na secundria Antnio Srgio, ao ponto de ter organizado vrios, os quais tinham sempre profs como passageiros, j que acalmavam os pais dos outros passageiros. E na memria, so vrios os que mantenho bem vivos, com destaque para aquele em que celebrei um dos meus aniversrios (foi feito com esse propsito), terminando o percurso num bar-discoteca, j em Vila Nova de Gaia, depois de muitas emoes, principalmente depois de o motorista, a pedido, ter apagado as luzes do Auto-Pluman que conduziu ainda melhor depois de receber um chapu recheado de gorjetas.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    29

    PALCIO DE CRISTAL / PAVILHO ROSA MOTA

    Os Parques e os Jardins do Palcio de Cristal so um agradvel espao verde localizado na freguesia de Massarelos, em plena cidade do Porto, a partir do qual se desfrutam deslumbrantes panormicas do rio Douro e do mar. Estes jardins romnticos foram projectados na dcada de 1860 pelo paisagista alemo Emlio David, para envolver o ento Palcio de Cristal, actualmente substitudo pelo Pavilho Rosa Mota. A localizao deste edifcio sobre o Douro d-lhe o poder de dominar um vasto horizonte, que abrange parte da cidade, a vizinha cidade de Gaia e a maravilhosa Foz do Rio Douro, um panorama sem rival, que no se consegue descrever mas do qual os olhos no se cansam de mirar. Actualmente e preservando no corao da cidade um lugar de grande atraco turstica, o Pavilho dos Desportos um lugar de passeio das famlias Portuenses, principalmente aos domingos. Na parte inferior do parque foi construdo um parque infantil e um pr-fabricado que tem como funo receber as crianas e proporcionar-lhes momentos de alegria e divertimento em constante contacto com a natureza.

  • JACKPOT MAGAZINE

    O melhor do passado... HOJE!

    www.facebook.com/jackpot.portugal

    30

    O JACKPOT D-NOS UM PRAZER IMENSO E ESTAMOS GRATOS POR NOS LEREM, COMENTAREM, PARTILHAREM...

    E FAZEREM PARTE DE NS.

    QUEREMOS MUITO QUE O RESULTADO DAS TANTAS HORAS QUE LHE DEDICAMOS CHEGUE AO MAIOR

    NMERO DE PESSOAS POSSVEL. POR ISSO, SE APRECIA O QUE FAZEMOS TODOS OS DIAS, AJUDE-NOS A CHEGAR A

    MAIS GENTE.

    COMO?

    CONVIDE OS SEUS AMIGOS A FAZEREM GOSTO NO JACKPOT.

    Se GOSTA do JACKPOT, CONVIDE os seus amigos a visitarem-nos e a FAZEREM GOSTO.

    Para tal, BASTA estar NA PGINA JACKPOT do FACEBOOK, ir a CRIAR PBLICO (em cima, lado direito, abrir a lista dos Amigos)

    e CONVIDAR quem acharem (se acharem!) que gostaria de fazer parte desta nova FAMLIA que, todos os dias, com

    empenho e carinho, tenta dar ainda mais sabor ao PASSADO.

    Muito Obrigado... mesmo!