Jornal IMPACTO - sexta-feira -25/07/2014

of 40 /40
QUINTA-FEIRA • 12 DE JUNHO DE 2014 C M Y K CMYK SEXTA-FEIRA 25 DE JULHO DE 2014 ginoticias.com.br EDIÇÃO 1059 • ANO 17 - ADAMANTINA Mãe denúncia ao Ministério Público falta de funcionários na creche do Jardim Brasil Dia dos Pais Sem monitores, crianças atendidas pela creche do Jardim Brasil são cuidadas por faxineiras. Foi o que denunciou Ivanete Fernandes Pereira, que tem filho de três anos aten- dido pela Emei Cantinho da Criança, ao Ministério Público na terça-feira (22). Já a diretora da unidade Valéria Cristina Cardoso, informa que a falta de funcionários acontece em momentos esporádicos devido alguns servidores entrarem de licença, mas que em nenhum momento o atendimento foi prejudicado. A ExpoVerde lançou nesta semana a gincana de recolhimento de material reciclável - Recicletando. A campanha ambiental promove a doação de bici- cleta ecológica à unidade escolar que recolher 15 mil garrafas pets acima de 2 litros. A bicicleta feita com o material plástico será, posteriormente, sorteada entre seus alunos pela direção. Todas as escolas de Adamantina podem participar da gincana. O Dia dos Pais já começa a movimentar o comér- cio adamantinense. Empresários do setor varejista, como Vinícius Penha, se preparam para aquecimen- to nas vendas, já que é considerada a quarta data mais importante para os comerciantes. Em cinco anos, Adamantina formaliza 680 pequenos empresários MEI Pág. 10 Pág. 35 Empregador que não registrar doméstica será multado a partir de 8 de agosto Fique atento Pág. 13 Pág. 4 Pág. 7 Pág. 5 Pág. 9 MP investiga irregularidades na contratação de banda para a FeverFest 2014 Ônibus é novamente danificado por alunos da Helen Keller Lucélia Vandalismo

Embed Size (px)

description

 

Transcript of Jornal IMPACTO - sexta-feira -25/07/2014

  • QUINTA-FEIRA 12 DE JUNHO DE 2014

    C M

    Y K

    CMYK

    SEXTA-FEIRA 25 DE JULHO DE 2014

    ginoticias.com.br

    EDIO 1059 ANO 17 - ADAMANTINA

    Me denncia ao Ministrio Pblico falta de funcionrios na creche do Jardim Brasil

    Dia dos Pais

    Sem monitores, crianas atendidas pela creche do Jardim Brasil so cuidadas por faxineiras. Foi o que denunciou Ivanete Fernandes Pereira, que tem filho de trs anos aten-dido pela Emei Cantinho da Criana, ao Ministrio Pblico na tera-feira (22). J a diretora da unidade Valria Cristina Cardoso, informa que a falta de funcionrios acontece em momentos espordicos devido alguns servidores entrarem de licena, mas que em nenhum momento o atendimento foi prejudicado.

    A ExpoVerde lanou nesta semana a gincana de recolhimento de material reciclvel - Recicletando. A campanha ambiental promove a doao de bici-cleta ecolgica unidade escolar que recolher 15 mil garrafas pets acima de 2 litros. A bicicleta feita com o material plstico ser, posteriormente, sorteada entre seus alunos pela direo. Todas as escolas de Adamantina podem participar da gincana.

    O Dia dos Pais j comea a movimentar o comr-cio adamantinense. Empresrios do setor varejista, como Vincius Penha, se preparam para aquecimen-to nas vendas, j que considerada a quarta data mais importante para os comerciantes.

    Em cinco anos, Adamantina formaliza 680 pequenos empresrios

    MEI

    Pg. 10 Pg. 35

    Empregador que no registrar domstica ser multado a partir de 8 de agosto

    Fique atento

    Pg. 13 Pg. 4

    Pg. 7

    Pg. 5

    Pg. 9

    MP investiga irregularidades na contratao de banda para a FeverFest 2014

    nibus novamente danificado por alunos da Helen Keller

    Luclia Vandalismo

  • 2 IMPACTO

    -

    opinio sexta-feira, 25 de julho de 2014

    Diretor e Jornalista responsvelSrgio Vanderlei - 99739-7000 - MTb - 46.188/SP - [email protected]

    Gerente AdministrativoAlessandro dos Santos - 99605-5180 - [email protected]

    Departamento Comercial Rogrio Grespi - 99736-2449 - [email protected] Romo - 99715-5662 - [email protected]

    Departamento Assinaturas/Cobranas

    Diego Mateus - 99671-9775 - [email protected]

    Diagramao e CriaoMarco Aurelio Atilio - [email protected]

    RedaoJoo Vincius - [email protected]

    Tamyris Araujo - MTb - 61.233/SP - [email protected] M. Silva - [email protected]

    DistribuioDiego Mateus - 99671-9775 - [email protected]

    CirculaoAdamantina - Maripolis - Parapu - Osvaldo Cruz - Salmouro - Sagres - Inbia Paulista - Luclia - Flrida Paulista - Flora

    Rica - Irapuru - Pacaembu - Junqueirpolis - Rinpolis e Rubicea

    Tiragem - 4 mil exemplares

    Rua Dep. Salles Filho, 117 Centro - Adamantina-SP - CEP 17800-000 Telefone/Fax: (18) 3522-1199 - www.ginoticias.com.br

    IMPACTOSilva & Monarin Editora Ltda ME.

    CNPJ - 02.463.047/0001-17

    Editorial

    Foto da semana

    As razes do vandalismoCenas de vandalismo

    sempre causam estranhe-za e repulsa na grande maioria da populao. Por mais que ali esteja um brasileiro cansado de tanta corrupo e rou-balheira por parte de nossos polticos, quebrar ou atear fogo em bens p-blicos com toda certeza no a soluo.

    Mobilizar, gritar, pa-rar ou ir s ruas pacifi-camente so maneiras para sermos ouvidos por aqueles que nos repre-sentam. Mas, a melhor

    arma contra todas as ma-zelas brasileiras ainda o voto consciente.

    O que temos visto em Adamantina lament-vel. A quebradeira de nibus por alunos da rede pblica no tem nada a ver com protestos por um Brasil melhor. Tem sim a ver com a falta de educa-o e conscincia.

    Claro que toda culpa no pode ser jogada nas costas desses alunos, adolescentes rebeldes que pouco sabem da realidade que os rodeiam. Culpa dos

    pais? Culpa dos professo-res e educadores? Talvez sim, mas a culpa tambm de toda a sociedade, que pouco faz para que esses jovens tenham educao, trabalho e a garantia de um futuro melhor.

    Em relao aos aconte-cimentos de Adamantina algo precisa ser feito. Fato. Mas que todos ns tenhamos esta conscin-cia, afinal, apontar cul-pados sem olhar o prprio umbigo a maneira mais corrente de se tentar re-solver uma questo.

    Em Mateus 11.2-3 le-mos: Quando Joo ouviu, no crcere, falar das obras de Cristo mandou por seus discpulos perguntar-lhe: s tu aquele que estava para vir ou havemos de esperar outro?

    Joo Batista cuja vida apontava para avinda do Salvador, e, como mensa-geiro do Messias, tinha a incumbncia de preparar o povo de Israel para rece-ber o Ungido, estava preso num crcere. Nessa aflio, enviou dois discpulos a Jesus com a pergunta: s tu aquele que estava para vir ou haveremos de esperar ouro? De repente, o corao de Joo comeou a ser assal-tado por dvidas: esse Jesus era de fato o Messias ou eles deveriam esperar outro? Por que ele comeou a duvidar?

    Quando ainda batizava no Jordo e Jesus veio ter co ele, Joo testemunhou com toda clareza e com certeza

    inabalvel: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! (Joo 1.29b). ... eu, de fato, vi e tenho testifi-cado que ele (Jesus) Filho de Deus. Dois versculos adiante esto escrito: e, ven-do Jesus passar, disse: Eis o Cordeiro de Deus! Joo no apenas cria em Jesus, mas es-tava plenamente convicto de que esse Jesus era o Messias, o Filho de Deus, o Cordeiro de Deus sem duvidar e sem vacilar!

    Esperanas no cumpri-das... ...vm acompanhadas de dvidas. O que Joo Ba-tista esperava de Jesus? Ele, os discpulos e todo o povo de Israel esperavam o Messias chegando com poder e glria, libertando Israel do jugo dos romanos e estabelecendo o prometido reino messi-nico. Mas essa expectativa no estava se concretizando naqueles dias. Ao invs de experimentar triunfo, ale-gria e regozijo, Joo Batista foi preso, jogado no crcere, subjugado e humilhado. Por isso, em sua aflio e em suas duvidas cruis, Joo enviou dois de seus discpulos a Je-sus para perguntar se Ele era o Messias prometido.

    Seja como for, Joo diri-giu suas perguntas pessoa certa. Ele sabia que somente Jesus poderia fornecer uma resposta confivel s dvidas que assaltavam seu corao, dando nova perspectiva sua situao nada satisfatria.

    Uma resposta maravi-

    lhosa e miraculosa. Quando os dois discpulos, por ordem de Joo Batista, pergunta-ram se Jesus era o Messias prometido ou se deveriam esperar outro, Ele lhes res-pondeu: Ide e anunciai a Joo o que estais ouvindo e vendo: os cegos vem, os coxos andam, os leprosos so purificados, os surdos ouvem, os mortos so res-suscitados, e aos pobres est sendo pregado o evangelho. E bem-aventurado aquele que no achar em mim motivo de tropeo (Mateus 11.4-6).

    Certeza e confiana atravs do documento da profecia bblica. A resposta de Jesus no foi uma declara-o apenas de lbios, no foi um simples sim ou no. Sua resposta estava embasada em fatos incontestveis de Sua reivindicao de ser o Mes-sias. Essa resposta represen-tava mais do que milhares de respostas afirmativas: Sim! Eu sou o Messias!

    Quais so as nossas expectativas? Qual a nossa esperana? O que aguar-damos? Talvez voc este-ja decepcionado porque o Arrebatamento ainda no aconteceu? Voc est irado com Jesus porque continua desempregado? O que pesa o seu corao? Quais os seus questionamentos? Quais as suas dvidas?

    Jesus diz que bem-aven-turado aquele que no achar em mim motivo de tropeo

    Certeza que consola

    De quem a responsabilidade pelo vandalismo em nibus escolares?

    - Dos pais, pois no educam corretamente seus filhos- Da empresa responsvel por no ter um monitor no nibus

    - Da prefeitura que fornece os passes escolares- No h culpados

    Enquete da semana

    D a sua opinio no portal

    Alunos da Emef Teruyo Kikuta participam do lanamento da gincana da ExpoVerde Recicletando, que tem como objetivo recolher materiais reciclveis. A campanha ambiental promove a doao de uma bicicleta ecolgica unidade escolar a cada 15 mil garrafas pets

    acima de 2 litros recolhidas. desde pequeno que se incentiva prticas sustentveis!

    Pastor Samuel Pereira - [email protected]

    com.br

    Nossa MissoInformar, defender os interesses coletivos, promover a discusso de

    idias e estimular a prtica da democracia.

    RESULTADO ANTERIOR

    Voc tem hbito de buscar seus direitos como consumidor?

    Sim. Sempre que encontro alguma irregularidade exijo meus direitos (15%)As vezes. Depende do estabelecimento comercial (6%)

    No tenho hbito de buscar os meus direitos (9%)No tenho problemas (70%)

    H mais de uma dcada veem se falando muito sobre esse tal de Brics.

    Particularmente fui to-mar conhecimento dele a uns 4 anos atrs porinter-mdio de um grande mestre na faculdade, que por sinal tambmescreve para este mesmo jornal. Criado por um simples economistada Goldman Sachs (pequeno grupo financeiro criado nos EstadosUnidos em 1869), Jim O'Neil reuniu as iniciais de 5

    pases que h tempos se houve falar que esto em desenvolvi-mento ou que sero os pases do futuro, os emergentes Bra-sil, Rssia, ndia e China (a frica do Sul foi incorporada ao grupo apenas em 2011 e h quem digaque Argentina entraria nessa roda). ONeil cravou que esses pases te-riam crescimento industrial alto e que em 50 anos iriam possuir potencial econmico para superar as potncia mundiais.

    Porm apenas em 2006 o grupo passou ser um meca-nismo internacional, dando um carter diplomtico; em outras palavras, comearam a colocar o Brics para fun-cionar. Somando o PIB des-ses pases, teramos U$$ 25 trilhes de dlares; mais de 2,9 bilhes de pessoas; mdia de desemprego beirando a casa dos 5,2% (frica do Sul, desemprego de 25%).

    Nmeros que deixam qualquer pas ou associaes

    de mercados regionais (Naf-ta, Asean ou a poderosa Unio Europeia) preocupados.

    Ser que o Brics realmen-te vir se unir ao ponto de trazer benfeitorias regionais, ou ento criar uma moeda forte para competir com euro ou com o dlar? Acho muito difcil, mas s tempo dir.

    Certo mesmo que h algumas semanas foi criado um banco; O banco Brics! O banco comea com 50 bilhes de capital para financiar pro-jetos de infraestrutura dos prprios pases e de outros que se interessarem; uma espcie de BNDS interna-cional. Pode ser que isso d certo. Pois precisamos cada vez mais de alianas para nos fortalecer e chegar a um ob-jetivo nico ou coletivo. Que essa unio sirva de exemplo para toda esfera nacional, estadual e principalmente municipal.

    Caso isso no se progrida, vamos acabar brincando.

    Brinca com os Brics

    verton Piardi - Economista

  • 3IMPACTO sexta-feira, 25 de julho de 2014 informeC

    M Y

    K

    CMYK

  • 4 IMPACTOgeral sexta-feira, 25 de julho de 2014

    nibus danificado por alunos da Helen Keller

    Eduardo Carlos Castro mostra a situao em que alunos da Helen Keller deixaram o nibus da Guerino Seiscentos

    Trnsito na ponte do Caldeiras liberado at prxima etapa de melhorias

    A Prefeitura de Adamanti-na liberou o trfego na ponte do Caldeiras, no prolonga-mento da alameda Padre Nbrega. O trnsito estava interditado at a ltima se-mana, quando a Secretaria de Obras instalou guias e sargetas no local.

    Devido motoristas que utilizam o acesso entre os bairros Jardim das Accias, Mrio Covas e Residencial Eldorado I, Eldorado II, Mon-te Alegre e Parque Juliano, no respeitarem a interdio, foi liberado o trnsito at a prxima etapa que ser a ins-

    A Apae (Associo de Pais e Amigos dos Excep-cionais) foi contemplada com academia adaptada para deficientes, que se-gundo o presidente da entidade Diniz Parussolo Martins, dever ser insta-lada at o final de julho.

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Um ato que se imagi-na acontecer somente em grandes centros e com milhes de prejuzos anu-almente ao Brasil, acon-teceu mais uma vez em Adamantina. Um nibus

    talao de galerias pluviais e, posteriormente, aplicao

    Sero 10 equipamentos para uso de deficientes fsicos e mentais para tratamento instalados na unidade rural da Apae, que atende aproximada-mente 215 alunos. A en-tidade em parceria com a Prefeitura de Adaman-

    da empresa Guerino Seis-centos, responsvel pelo transporte coletivo, foi danificado por estudantes da escola estadual Helen Keller na tera-feira (22). O vandalismo ocorreupor volta das 18h, quando o ve-culo transportava alunos de volta para suas resi-

    Prefeitura libera trfego na ponte do Caldeiras

    Apae recebe academia adaptada at o final do ms

    Obras

    Melhorias

    do asfalto, que ocorrer nos prximos dias. J.V.

    tina realizou a terrapla-nagem do local, com 5 cm de concreto em uma rea de 200m.

    So investidos R$ 47 mil na academia da Secre-taria do Desenvolvimento da Criana com Deficin-cia. J.V.

    dncias nos bairros Jardim Brasil, Itamaraty e Parque do Sol.

    De acordo com informa-es da empresa, os estu-dantes rasgaram o estofado dos bancos, alm de retirar os encostos de diversos assentos, deixando jogado pelo nibus. Representante da Guerino entrou em con-tato com a direo da escola pedindo providncias sobre o ato de vandalismo. Alm de prejuzo para empresa, este vandalismo traz conse-quncias para a populao, j que o coletivo ter que ficar parado para a manu-teno por pelo menos 15 dias, afirma o encarregado Eduardo Carlos Castro.

    Desta vez, a empresa tambm informou que no acionar a polcia, j que, como nas outras oportuni-dades, no foi identificado os 'vndalos'. "So alunos que possuem, em mdia, 15 anos que fizeram essa destruio. Ao ver a bagun-a, o motorista da empresa chegou a parar o veculo pedindo que se comportas-sem, mas foi repreendido pelos jovens dizendo que sua nica funo era dirigir o nibus", conta.

    C M

    Y K

    CMYK

  • 5IMPACTO sexta-feira, 25 de julho de 2014 geral

    Me denncia ao Ministrio Pblico falta de funcionrios na creche do Jardim Brasil

    Ivanete Fernandes Pereira denuncia falta de monitores na Emei Cantinho da Criana

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Sem monitores, crianas atendidas pela creche do Jardim Brasil so cuidadas por faxineiras. Foi o que denunciou Ivanete Fernan-des Pereira, que tem filho de trs anos atendido pela unidade, ao Ministrio P-blico na tera-feira (22). "Os garotos esto ficando com as faxineiras, que deixam de limpar banheiro e cuidar da manuteno para ficar com as crianas. Essa situao acontece h praticamente trs meses".

    A me afirma que procu-rou a direo da Emei (Esco-la Municipal de Ensino In-fantil) Cantinho de Criana cobrando um parecer sobre a situao. "A diretora me informou que no tem o que fazer, j que a prefeitura no contrata funcionrios. Ela confirmou que foi solicitado outros profissionais para co-locar no lugar das monitores que esto de licena, mas at o momento nada foi feito".

    Ivanete disse que apro-ximadamente cinco moni-toras esto afastadas por problemas particulares, criando um mal estar com outros funcionrios que es-to sobrecarregados. "Outra funcionria, com problema de sade, at maltratou a diretora na frente de al-gumas mes, dizendo que estava ainda trabalhando

    para garantir a segurana das crianas, que so libe-radas sem tomar banho, j que no tem tempo e quem d o banho nos pequenos". A me informa que a unidade funciona das 7h s 18h.

    Devido a situao, a di-reo da Emei pediu ajuda aos pais para cuidarem das crianas. "Uma me quis ba-ter na diretora que solicitou aos responsveis que ficam em casa, que cuidem das crianas devido a falta de monitores. Aconteceu ainda da direo solicitar para uma me olhar a cabea do seu filho e revoltada com a situao, comeou a xingar diretora, supervisora, falar que esta tarefa obrigao da creche. Tambm ocorre uma falta de colaborao por parte de alguns respons-veis, que "jogam" os peque-nos na Emei e no querem nem saber da situao em que a escola se encontra e muito menos colaborar".

    Outro problema apon-tado por Ivanete a super lotao da unidade escolar. "A me vai Justia, que obriga a creche oferecer vaga para a criana, mas o promotor no solicita a prefeitura a contratao de mais funcionrios. No setor em que meu filho atendido, so 19 para uma monitora. Como dar conta? Est com-plicado, falta fiscalizao por parte da promotoria para saber a real situao

    da Emei".Em 10 dias se no re-

    solver a situao, j foi agendado reunio com as mes dos alunos que faro protesto na Cmara Muni-cipal.

    Outro lado - Procurado pelo IMPACTO, a diretora da Emei, Valria Cristina Cardoso, informa que a fal-ta de funcionrios acontece em momentos espordicos devido alguns servidores entrarem em licena, mas que em nenhum momento o atendimento das crian-as foi prejudicado. Em alguns perodos, como em todos os lugares, temos monitores que ficam doen-tes. Com isso, solicitamos que outros funcionrios auxiliem no servio para garantir a qualidade no atendimento. Tambm est na funo do servio geral este auxlio, assim, no h

    nada irregular.Atualmente, a creche

    atende 65 crianas de seis meses a quatro anos. Sobre a questo da super lotao, a diretora informou que, no caso da turma do filho de Ivanete, permitido at 22 crianas para cada monitor. Tambm est de acordo com determinada a legislao.

    Nesta semana, Valria informou que dois funcio-nrios esto em licena, mas que a Secretaria de Educao mandou outro servidor para auxiliar nos servios. O atendimento no comprometido. Ga-rantimos a alimentao e a higienizao que res-ponsabilidade da Emei. As crianas s so liberadas sem tomar banho, em tem-po de chuva ou frio para garantir a sade das mes-mas, informa.

    C M

    Y K

    CMYK

  • 6 IMPACTOC

    M Y

    K

    CMYK

    geral sexta-feira, 25 de julho de 2014

  • 7IMPACTO

    A equipe do Departamento de Pa-vimentao Asfltica da Secretaria de Obras e Servios da Prefeitura de Adamantina concluiu na tera-feira (22) os trabalhos de restaurao do pavimento da rua Constante Orto-lan, na Estncia Dorigo.

    A referida via, construda sem o devido sistema de captao de gale-ria pluvial, foi danificada pela ao das chuvas e recebeu, alm da limpe-za, retirada e colocao de nova base.

    No local foram construdos drenos para escoamento da gua das chuvas.

    Todas as etapas foram executadas com recursos prprios e executadas por servidores da Secretaria de Obras e Servios que tambm tem beneficiado diversos outros trechos de ruas, selecionados em levanta-mento que identificou os trechos prioritrios.

    Recentemente, segundo o diretor Welington Zerbini, trecho da rua

    Mais um acidente foi registrado na SP-294 (rodovia Comandante Joo Ribeiro de Barros), entre Ada-mantina e Flrida Paulista. Desta vez, na noite de sbado (19), trs veculos se chocaram, deixando vitmas com ferimentos diversos.

    Os carros envolvidos so de Su-mar e outros dois de Adamantina, sendo que um jovem de 21 anos, que estava em uma Saveiro, ficou preso as ferragens, sendo socorrido pelo Corpo de Bombeiros.

    Outra vitma, de 45 anos, estava em um veculo Prisma, tambm foi socorrido com ferimentos ao Pronto Socorro de Adamantina.

    A Polcia Cientfica foi acionada para investigar o acidente.

    Gi Notcias

    Walter Massaferro e a rua Angelo Stafuzza tambm foram recuperados.

    Com a finalizao dos trabalhos na rua Constante Ortolan a equipe do Departamento de Pavimentao Asfltica da Secretaria de Obras e Servios far instalao de tubulao e posterior aplicao de pavimenta-o no prolongamento da alameda Padre Nbrega, que j recebeu guias e sarjetas.

    Assessoria de Imprensa

    ExpoVerde lana Gincana Ambiental nas escolas de Adamantina

    Representantes da empresa MuzziCycle, fabricante de um novo modelo de bicicletas, ecologica-mente correto, das secretarias de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente (Saama) e de Educao e da Comisso Organizadora da ExpoVerde apresentaram na tera--feira (22) em unidades de ensino os detalhes da gincana de recolhimen-to de material reciclvel, chamada de Recicletando.

    A campanha ambiental, que integra as aes da ExpoVerde 2014, promove a doao de uma bi-cicleta ecolgica unidade escolar

    a cada 15 mil garrafas pets acima de 2 litros recolhidas. A bicicleta feita com o material plstico ser, posteriormente, sorteada entre seus alunos pela direo. Todas as escolas de Adamantina podem participar da gincana Recicletando. Os alunos tero direito a cupons a cada 50 pets arrecadados.

    O projeto, focado na conscienti-zao ambiental, tem como objetivo promover o debate da sustentabili-dade e reciclagem entre os peque-nos alunos, transformando-os em multiplicadores.

    A aluna do 5 ano da Emef

    Teruyo Kikuta, Camile Vitria dos Santos Rodrigues, de 10 anos, aprovou a campanha e aproveitou para testar a bicicleta. Vou parti-cipar da campanha e vou levar essa bicicleta para casa. muito linda, destacou.

    As MuzziCycles so feitas de garrafa PET reciclada e, alm de serem mais resistentes e flexveis que os quadros normais, custam valor inferior ao do mercado.A bicicleta no enferruja, mais leve, tem amortecimento natural e ainda pode ser reciclada completamente.

    O projeto nasceu da mente do artista plstico uruguaio Juan Muzzi, que estuda a fabricao de uma bicicleta de plstico h 12 anos. O modelo, que leva o nome do artis-ta, ficou pronto no incio dos anos 2000 e, desde ento, fabricado sob encomenda.

    Para transformar as garrafas pet nos quadros, ele mi o plstico e coloca o p em uma mquina, que faz uma mistura e injeta o produto no molde.

    A MuzziCycles tem garantia, proteo UV, no enferrujam, no so soldadas e a sua colorao feita por meio de pigmentos que so injetados j no processo de molde, ou seja, no precisam ser pintadas.

    No vendemos bicicleta, ven-demos um conceito que tem a ver com a realidade do nosso planeta. O projeto tem cunho social e ecolgico e busca transformar o problema do lixo em um produto contempor-neo, poupando recursos minerais e evitando a emisso de carbono, resume o inventor, que tambm criou a Molamania, aquelas molas coloridas que fizeram sucesso entre as crianas nas dcadas de 1980 e 1990.

    Assessoria de Imprensa

    Aluna Camile Vitria dos Santos Rodrigues experimenta e aprova a MuzziCycle

    Diretor geral da FAI, Mrcio Cardim, e vice Wendel Soares, analisam positivamente aprovao de dois projetos do ProExt/MEC

    Corpo de Bombeiros socorre vitma que ficou presa as ferragens

    Foto: Folha Regional

    DANIEL TORRESEspecial para o IMPACTO

    O Ministrio da Educao (MEC) confirmou para 2015 o envio de re-cursos da ordem de R$ 325 mil para a execuo de dois projetos das Facul-dades Adamantinenses Integradas (FAI) apresentados ao Programa de Extenso Universitria (ProExt) e aprovados pelo rgo federal.

    Segundo o vice-diretor da FAI, Prof. Dr. Wendel Clber Soares, foram aprovados os projetos A Lin-guagem Musical para Complemen-to das Necessidades Interiores, ligado rea de Educao e coorde-nado pelo Prof. Dr. Orlando Antunes Batista, e tambm Monitoramento Sanitrio e Eficincia Produtiva de Pescado na Alta Paulista, ligado rea da Medicina Veterinria e coordenado pelas professoras Dr. Jaqueline Haddad Machado e Ms. Silvana Gomes Gonzalez.

    O prazo para o incio da execu-o desses projetos o ano de 2015. Alm de recursos financeiros para a compra de material de consumo e equipamentos, esses projetos cap-taram tambm cerca de 30 bolsas de estudos que envolvero alunos dos cursos de Medicina Veterinria e da rea educacional, comentou Soares.

    De acordo com o prprio MEC, o ProExt tem o objetivo de apoiar as instituies pblicas de Ensino Superior no desenvolvimento de programas ou projetos de extenso que contribuam para a implementa-o de polticas pblicas com nfase na incluso social.

    Para o diretor geral da FAI, Prof. Dr. Mrcio Cardim, a captao de recursos junto a programas gover-namentais e rgos de fomento

    Um adolescente, de 16 anos, foi preso na quarta-feira (23), no Jar-dim Brasil, aps a Polcia Militar receber denncia annima de que um indivduo estaria praticando trfico de entorpecente na rua Mato Grosso no cruzamento com a rua Cear.

    Os policiais militares, ento, foram at o local, onde se depara-ram com o adolescente infrator que, ao perceber a presena da viatura, dispensou trs pedras de crack envoltos em papel alu-

    importante para possibilitar a prti-ca das atividades acadmicas como forma de complemento da aprendi-zagem dos alunos e a extenso do atendimento comunidade a fim de promover, assim, incluso social.

    Na realidade, a FAI j realiza v-rias atividades de extenso por meio de suas clnicas, realizando aproxi-madamente 20 mil atendimentos populao de Adamantina e regio ao longo do ano. Mas precisamos buscar recursos externos para que essas e outras atividades sejam re-alizadas. E dentro desses projetos ns conseguimos alocar bolsas de estudos para o benefcio de nossos alunos, complementou Cardim.

    Por meio de edital pblico, o MEC seleciona projetos, que te-nham necessariamente a partici-pao de estudantes universitrios, a serem financiados em mbito na-cional pelo Programa de Extenso Universitria (ProExt).

    Para participar do ProExt, pro-fessores ligados aos cursos da insti-tuio precisam elaborar projetos que integrem estudantes universi-trios em atividades que atendam a comunidade e inscrev-los no programa quando da abertura dos editais de seleo.

    Ns estamos concorrendo com as maiores instituies pblicas de Ensino Superior do Brasil e a FAI tem se destacado, mostrando que podemos avanar ainda mais por meio do nosso corpo docente, com titulao de mestres e doutores, que tem se prontificado a buscar esses recursos. A tendncia, nos prxi-mos anos, aumentarmos ainda mais essa captao de recursos para garantirmos o trip universitrio composto por Ensino, Pesquisa e Extenso, finalizou o diretor geral.

    mnio, bem como uma poro de maconha envolta em plstico branco. Aps abordagem, o menor foi questionado sobre a origem da droga vindo a confessar que era sua e para a venda.

    Diante dos fatos foi dada voz de apreenso ao indivduo e con-duzido a DIG (Delegacia de Inves-tigao Geral), onde a autoridade ratificou a voz de apreenso e elaborou o flagrante de trfico de entorpecente permanecendo disposio da Justia. Gi Notcias

    FAI conquista mais R$ 325 mil em recursos do ProExt para projetos de extenso em 2015

    Menor de 16 anos preso por trfico de drogas

    Educao

    PolciaPolcia Rodoviria registra mais um acidente na SP-294

    Prefeitura recupera pavimentao na Estncia Dorigo

    Acidente

    Obras

    sexta-feira, 25 de julho de 2014 geral

  • 8 social sexta-feira, 25 de julho de 2014 IMPACTOC

    M Y

    K

    CMYK

    A empresria Luciana Gomes com o marido Bruno Tino e o filho Lucas Gabriel

    A advogada Carol Galdino com irm Maria Jos e a filha Sarah conferem as belas praias de Porto de Galinhas

    A formanda em odontologia Denise Gutierrez ao lado de suas amigas Jssica Cabrini, Ana Paula Cassaro e Lais Maio

    Bel Guiardi, Conceio Nazari e Mariangela Castro em um bom bate-papo no Verduro

    O casal Guino e Fernanda Bonassa, saboreando um bom vinho em Campos do Jordo

    Natalie Cavalaro com o cantor Jorge da dupla Jorge & Matheus

  • FERNANDA SILVAGrupo IMPACTO

    O envelhecimento da po-Comemorado daqui duas se-manas, o Dia dos Pais movi-menta o comrcio adamanti-nense. A data considerada a quarta mais importante para os comerciantes, per-dendo apenas para o Natal, Dia das Mes e Dia dos Na-morados. Quem anda pelas ruas da cidade j notam em vitrines os artigos voltados para o pblico masculino.

    O empresrio do setor de calados e membro do Conselho Fiscal do Sinco-mercio (Sindicato do Comr-cio Varejista de Adaman-tina e Regio) Luis Carlos Stechi,acredita que a data

    IMPACTO

    Dia dos Pais vendas devem aumentar nos prximos dias

    O Dia dos Pais ser uma oportunidade para o lojista re-cuperar as vendas que foram perdidas com o fechamento de lojas durante a Copa do Mun-do, afirma Srgio Vanderlei

    deve proporcionar uma lu-cro adicional s vendas do prximo ms e que sele-cionou uma mercadoria especial para agradar os consumidores. Sempre temos as melhores expectati-vas e esperamos vendas com saldo positivo. Quem vier loja, encontrar os melhores produtos e com preos aces-sveis. Trabalhamos com linha exclusiva de calados, alm de lanamentos espe-cial para data e promoes , destaca.

    J no setor de vesturio para quem optar por um belo traje e acessrios mas-culinos ter timas opes, como afirma o empresrio Vinicius Penha. Todo pai merece andar com estilo e

    peas da moda atual. O inte-ressante que muitos filhos escolhem peas para deixar os pais com um look moder-no. Para a comemorao, j estamos com promoo de at 50% de desconto em cal-as, camisetas estampadas ou bsicas, bons e carteira. Opes o que no faltam.

    Para o presidente do Sin-comercio Srgio Vanderlei da Silva, a data traz boas ex-pectativas ao comrcio local. Temos uma diversidade de opes para presentes, e todos os setores j esto preparados para receber a data.

    Silva ainda destaca que a preparao das vitrines o auge para que os lojistas alcancem as vendas espe-radas, enfatizando a data e chamando a ateno do con-sumidor para os produtos oferecidos. O Dia dos Pais ser uma oportunidade para o lojista recuperar as vendas que foram perdidas com o fe-chamento de lojas durante a Copa do Mundo, alm de ser uma data importante para renovar o relacionamento

    cotidianoAdamantina-SP - sexta-feira, 25 de julho de 2014 www.ginoticias.com.br

    C M

    Y K

    CMYK

    com os clientes e seus fami-liares.

    Horrio especial Como em todas as datas comemo-rativas, o comrcio adaman-tinense atender em horrio especial. Na sexta-feira (8), as lojas funcionaro das 9h

    s 22h e no sbado (9), das 9h s 16h.

    Pesquisa- Segundo a CNDL(Confederao Nacio-nal de Dirigentes Lojistas) e o SPC Brasil(Servio de Proteo ao Crdito), a data deve somar um crescimento

    de 1% este ano. Em 2013, a alta de vendas foi de 3,78%, de 4,75% em 2012, 6,86% em 2011 e 10% em 2010. A soma tambm considera as com-pras parceladas realizadas na semana que antecede a data, entre 3 e 10 de agosto.

    O empresrio Vincius Penha est com boas expectativas para o Dia dos Pais

  • 10 IMPACTOcotidiano sexta-feira, 25 de julho de 2014

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    A figura jurdica do MEI (Mi-croempreendedor Individual) completa cinco anos neste ms, com a formalizao de 680 empre-srios adamantinenses. Somente no PAE (Posto Sebrae de Atendi-mento ao Empreendedor), 60% das consultas realizadas so re-ferentes a esta modalidade, o que representa que proprietrios de pequenos negcios esto buscan-do a legalidade, alm de garantir seus direitos.

    Vendedores de roupas, cabe-leireiros e pedreiros so as trs atividades que mais atraem os mi-croempreendedores - profissionais que trabalham sozinhos ou com, no mximo, um funcionrio e cuja receita anual de at R$ 60 mil. De acordo com levantamento feito pelo Sebrae (Servio de Apoio s Micro e Pequenas Empresas), es-sas trs atividades juntas somam quase 900 mil formalizaes, ou 22% do total em todo o pas.

    A agente de desenvolvimento Daiane Beneto, do PAE local, informa que para ser um mi-croempreendedor individual necessrio no ter participao em outra empresa como scio ou titular. O MEI tambm pode ter um empregado contratado que receba o salrio mnimo ou o piso da categoria.

    Entre as vantagens oferecidas pela lei est o registro no CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoas Jurdicas), o que facilita a aber-tura de conta bancria, o pedido de emprstimos e a emisso de notas fiscais. Alm disso, o MEI ser enquadrado no Simples Na-

    cional e ficar isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Assim, pagar apenas o valor fixo mensal de R$ 37,20 (comrcio ou indstria), R$ 41,20 (prestao de servios) ou R$ 42,20 (comrcio e servios), que ser destinado Previdncia Social e ao ICMS (Imposto sobre Operaes relativas Circulao de Mercadorias) ou ao ISS (Im-posto Sobre Servios de Qualquer Natureza). Essas quantias so atu-alizadas anualmente, de acordo com o salrio mnimo.

    Com essas contribuies, o Mi-croempreendedor Individual tem

    acesso a benefcios como auxlio maternidade, auxlio doena, apo-sentadoria, entre outros.

    Quem deseja se formalizar pelo MEI, pode fazer todo o pro-cedimento sozinho pelo Portal do Empreendedor [www.portaldoem-preendedor.gov.br]. No Posto, rea-lizamos orientaes e ensinamos sobre quais os procedimentos, mas todo o processo feito pela internet, informa.

    Mais informaes podem ser obtidas no PAE, que fica em anexo a ACE (Associao Comercial e Empresarial) na alameda Ferno Dias, 396. Telefone: 3521-1831.

    Em cinco anos, Adamantina formaliza 680 pequenos empresrios pelo MEI

    Desde segunda-feira (21), remdios feitos a base de 174 subtncias tiveram os preos reajustados em at 12% devido a iseno do PIS/COFINS. Mas, at est quinta-feira (24), os preos no haviam sido reajustados na maioria das farmcias de Ada-mantina.

    Segundo o gerente da Multi-Drogas Robinson Agostinho, a relao da Anvisa (Agncia Na-cional de Vigilncia Sanitria) com os remdios que fazem parte da reduo dos impostos ainda no foi fornecida. Esperamos nos prximos dias receber a lista para repassar os descontos aos nossos clientes. Mas, a partir des-ta semana, todo o medicamento que for aquirido com valor me-nor, ser vendido tambm com a reduo no preo, afirma.

    O gerente explica que medica-mentos usados para o tratamento de cncer, doenas do corao, antiinflamatrios, antibiticos, como o amoxicilina, e vacina contra a gripe fazem parte da relao que ser fornecida pelo Governo Federal. So remdios de uso continuo ento, com a re-duo, certamente a populao beneficiada.

    A iseno do PIS/COFINS para essas substncias foi decidi-da em junho, mas os novos preos valem a partir desta semana. a chamada lista positiva de medi-camentos, que inclui mais de 1,6 mil itens. A ltima atualizao foi feita h sete anos. O Ministrio da Sade informa que atualmente 75% dos remdios tm esse tipo de desconto.

    J.V.

    Descontos de at 12% devem chegar as farmcias de Adamantina nos prximos dias, afirma Robinson Agostinho

    Daiane Beneto fala dos benefcios do Microempreendedor Individual

    Reduo no preo dos medicamentos ainda no reflete no bolso dos adamantinenses

    Sebrae promove duas palestras de orientao ao empreendedor em agosto

    Reajuste

    Oportunidade

    O PAE (Posto Sebrae de Aten-dimento ao Empreendedor) pro-meve em agosto, duas palestras em Adamantina. A primeira acontece no dia 5, a partir das 19h, na ACE (Associao Comer-cial e Empresarial) com o tema Motive sua Equipe.

    Segundo Daiane Beneto, agente do Sebrae, na oficina o participante conhecer os benefcios do desenvolvimento constante das equipes e fortaleci-mento do setor pessoal, compre-endendo o papel do empresrio na conduo deste processo. Para o sucesso de uma empresa

    fundamental ter uma equipe motivada, afirma. A palestra gratuita.

    No contedo programtico contm debates sobre relaes humanas; desafios da liderana; autodesenvolvimento; promoo do trabalho em equipe; estmulo motivao; gerenciando confli-tos; e atributos para fortalecer a relao de trabalho.

    J nos dias 19 e 20, tambm na ACE, a partir das 19h, acontece a palestra Plano de Marketing. A agente de desenvolvimento do Sebrae, Juliana Auresco, explica que a oficina apoia o empresrio

    na compreenso dos principais elementos para a elaborao de um plano de marketing, refletin-do sobre a atuao da empresa na dinmica do mercado e elaboran-do um plano inicial.

    O contudo da palestra con-tm orientaes sobre marketing e anlises mercadolgicas. O investimento de R$ 50, com pr-requisito dos participantes terem uma microempresa forma-lizada com CNPJ. Informaes e inscries pelo telefone: 3521-1831, ou pelo email: [email protected]

    J.V.

    FERNANDA SILVAGrupo IMPACTO

    A mudana repentina do clima e o lanamento da coleo prima-vera-vero deixam os lojistas de Adamantina no clima de liquida-o de estoque para impulsionar as vendas. Com preos promocionais, as lojas buscam aliviar o estoque para a chegada de novas mercado-rias. Os descontos oferecidos so de at 70%

    O inverno vai at 21 de setem-bro, porm, o frio nunca se estende por este perodo, o que faz com que os comerciantes iniciem no fim de julho as promoes, oportunidade para os consumidores adquirirem bons produtos com preos acess-veis.

    A gerente de uma rede lojas,

    Rose Ceola, revela que o investimen-to no foi grande em mercadorias de inverno, pois o clima no passa muita confiana como antigamente. Teve anos que sabamos exata-mente a durao do frio em nossa cidade, por isso j preparvamos nosso estoque, mas hoje no d mais para confiar, o clima muda repentinamente deixando o lojista e o consumidor confusos na hora da compra, afirma.

    A maioria das lojas conta com setores e placas que identificam a promoo. O consumidor tambm tem a oportunidade de optar pela forma de pagamento, que vai do cre-dirio ao parcelamento no carto de crdito e cheque. Os produtos so tanto femininos como masculinos, roupa e calados, alm de cama, mesa e banho.

    A gerente Rose Ceola com peas de inverno com at 70% de desconto

    Liquidaes de inverno aquecem vendas no comrcio

    Descontos

    Vereador conquista R$ 200 mil para projeto teraputico da Apae

    Recurso

    A Apae (Associao de Pais e Amigos dos Excepcionais) con-quistou mais um recurso para o projeto teraputico da entidade. So R$ 200 mil viabilizados pelo vereador do Democratas, Agui-naldo Pires Galvo. Atravs de um trabalho desenvolvido desde fevereiro que foi possvel

    a concretizao desta emenda parlamentar de Mara Gabrilli, exemplo de deputada e de supe-rao de vida, afirma.

    O recurso, segundo infor-maes da Associao, ser utilizado para a finalizao da obra do barraco do projeto teraputico na chcara da enti-

    dade. A Apae j providncia os documentos junto DRADS (Di-retoria Regional de Assistncia e Desenvolvimento Social) para o recebimento da verba. Minha prxima meta viabilizar recur-sos para rea de mobilidade e acessibilidade urbana, finaliza.

    J.V.

  • 11IMPACTO sexta-feira, 25 de julho de 2014 cotidiano

  • C M

    Y K

    CMYK

    11aIMPACTO sexta-feira, 25 de julho de 2014 informe

  • cotidiano sexta-feira, 25 de julho de 2014 11b IMPACTOC

    M Y

    K

    CMYK

  • 12 IMPACTOinforme sexta-feira, 25 de julho de 2014

  • 13IMPACTO sexta-feira, 25 de julho de 2014 informe

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Quem no registrar o empre-gado domstico em carteira com data de admisso e remunerao estar sujeito a multa a partir de 8 de agosto, quando entra em vigor a norma que consta na Lei 12.964, sancionada em abril pela presidente Dilma Rousseff. A nova legislao previa 120 dias para os empregadores regularizarem a situao dos domsticos.

    A auxiliar de escritrio Ro-siane Aparecida Lott, do Lopes Contabilidade, explica que, para entendimento da Justia do Tra-balho, o vnculo de emprego do-mstico caracterizado quando o trabalho exercido pelo menos trs vezes por semana. Os empre-gadores devem ficar atentos aos prazos. O registro obrigatrio. Porm no se deve confundir em-pregado domstico com diarista (trabalhador eventual de no mximo duas vezes por semana), para no caracterizar o vnculo empregatcio.

    Segundo ela, desde que a nova legislao entrou em vigor, au-mentou a procura para formaliza-o. Aps legalizao da lei hou-ve um aumentou no nmero de pessoas que procuram escritrios de contabilidade para regularizar a situao de suas domsticas, ou tirarem informaes sobre a nova legislao em vigor.

    De acordo com o texto aprova-do em novembro do ano passado pela Cmara dos Deputados, a multa para ausncia de registro na carteira pode passar de R$ 724, mesmo valor do mnimo em vigor. As pessoas que desejam estar regularizando/registran-do uma empregada domstica

    podem entrar em contato com um escritrio de contabilidade para providenciar a documen-tao necessria para registro ou realizar um cadastro no site do e-Social [www.esocial.gov.br] e gerar a sua prpria folha de pagamento, explica.

    A norma estabelece como regra geral que as infraes pre-vistas na Lei 5.859/1972, que tra-ta do trabalho domstico, sero punidas com as mesmas multas previstas na CLT (Consolidao das Leis do Trabalho). No caso da falta de registro, a multa pre-vista no art. 52 da CLT, de meio salrio mnimo (R$ 362), deve

    ser dobrada, mas o valor pode ser reduzido se o empregador efetivar as anotaes e recolher as contribuies previdencirias voluntariamente.

    Outra observao que o FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Servio] para empre-gadas domsticas ainda con-tinua sendo facultativo para o empregador, pois ainda aguarda aprovao e regulamentao do governo. Porm, j est em vigor regras como jornada de trabalho de 8h por dia e 44h por semana, o pagamento de horas extras e data de pagamento limite at o 5 dia til, finaliza.

    Empregador que no registrar domstica ser multado a partir de 8 de agosto

    Rosiane Lott alerta sobre a nova legislao para empregas domsticas

    FRANCISCO NETTOEspecial para o IMPACTO

    Na quarta-feira (23), foi come-morado o Dia do Guarda Rodovi-rio. Reconhecendo a importncia da digna Corporao e o inestim-vel trabalho que presta em nosso Estado, em especial na Nova Alta Paulista, a Haddad Organizao Social lembra a data e presta aos seus valorosos integrantes uma merecida homenagem.

    O movimento nas rodovias brasileiras aumenta a cada dia. Paralelamente, tambm se multi-plicam os perigos a que se expem os milhares de usurios. Os mo-tivos so vrios e especficos em cada regio. Em nosso caso, na Nova Alta Paulista, ao expressivo aumento do volume de trfego. E este se deve a fatores como: cres-cente nmero de veculos novos em circulao; implantao de vrias penitencirias; instalao de usinas de acar e lcool; am-pliao das lavouras de cana; en-trada em atividade da ponte sobre o Rio Paran; fuga dos pedgios das rodovias Marechal Rondon e Raposo Tavares; obras na pista e outros.

    O movimento em si j justifica uma rodovia duplicada, mas ain-

    da desta vez s ser um recape. Enquanto as obras prosseguem os perigos normais ainda so au-mentados por fatores humanos, como excesso de velocidade, m conservao de veculos, ultrapas-sagem em local proibido e outras formas de direo perigosa, como embriaguez ao volante.

    Juntem-se a esses perigos o uso da via como rota para trfico de drogas, armas, mercadorias contrabandeadas e para fuga de criminosos. E nesse ambiente complexo que a figura do policial rodovirio se sobressai. Sem sua dedicao e eficincia a situao da rodovia seria catica e incon-trolvel.

    Nas 24 horas dirias a polcia rodoviria protege a populao por meio de seus agentes, usan-do recursos de logstica e aes diretas no local do evento. comum se expor ao perigo. Mas ele sempre cumpre com o dever, seja orientando, prevenindo ou autuando com justia e o devido rigor, quando necessrio, garan-tindo a ordem e a segurana. Pela bravura e dignidade que lhes so prprias, o policial rodovirio merece todo o respeito e admira-o no seu dia comemorativo, o 23 de julho.

    HOS homenageia Dia do Guarda Rodovirio

    Informe

    Ricardo Haddad entrega homenagem a Polcial Rodoviria

  • 14 IMPACTOinforme sexta-feira, 25 de julho de 2014 C

    M Y

    K

    CMYK

    H mais de duas dcadas a Sagae Formaturas e Eventos conquista a excelncia e o reconhecimento do pblico. Com mais de 400 profissionais qualificados, equipamentos digitais de ltima gerao, capacidade logstica e setorizada para cobrir eventos em todo o pas.

    Atuando em oito estados brasileiros a empresa foi premiada como a melhor em fotogrfica do pas de-vido ao acmulo de experincia ao longo do tempo.

  • IMPACTOAdamantina-SP - sexta-feira, 25 de julho de 2014 www.ginoticias.com.br

    C M

    Y K

    C M

    Y K

    CMYK

    A Comisso Organiza-dora da ExpoVerde 2014 anunciou nesta semana a promoo da 2 Cavalgada, no domingo que antecede o incio da festa, dia 31 de agosto. O evento organiza-do com apoio da associao

    Os Tropeiros e Clnica de Repouso Nosso Lar.

    Aps a cavalgada, haver churrasco preparada por voluntrios e funcionrios da Clnica de Repouso Nosso Lar e Os Tropeiros. Cavalei-ros montados e crianas me-

    2 Cavalgada da ExpoVerde ter renda destinada Clnica de Repouso Nosso Lar

    Cavalga da ExpoVerde ser realizada uma semana antes do maior evento regional com entrada franca de toda a regio

    Arquivo | Tropical Imagensnores de 12 anos no pagam o almoo. Todos os presentes tero msica ao vivo.

    Convites podem ser ad-quiridos antecipadamente na Secretaria de Assistncia e Desenvolvimento Social pelo valor de R$ 20. Os re-

    cursos obtidos com a venda dos convites e de bebidas sero revertidos entidade assistencial.

    Cavaleiros e comitivas percorrero 8 quilmetros dentro de Adamantina, sain-do s 9 horas da Avenida Marechal Castelo Branco e com chegada no clube da Aspuma.

    O trajeto ter incio na Avenida Marechal Castelo Branco (via de acesso), em frente ao Campus III da FAI e passar pela Avenida Francisco Bellusci, sentido campus II da FAI, passando posteriormente pelas aveni-das Rio Branco, Adhemar de Barros e da Saudade, e com trmino no Aspuma.

    Mais informaes sobre a 2 Cavalgada da ExpoVerde podem ser obtidas pelo tele-fone (18) 3521-1900.

    Assessoria de Imprensa

  • 16 IMPACTOcaderno2 sexta-feira, 25 de julho de 2014

    A Secretaria de Cultura e Turis-mo de Adamantina traz em agosto um grande espetculo voltado ao pblico infantil, pelo Circuito Cultural Paulista - um teatro de bonecos chamado No curso do rio, com a Cia Bonecos Urbanos. A apresentao ser no dia 10 de agosto (domingo), s 17h, no anfi-teatro da Biblioteca Municipal. A entrada gratuita.

    Encenada pelos atores Andr Maisena e Fabiana Noronha, a pea conta a histria de um mora-dor simples do interior do Brasil que mantm conversas dirias com sua grande amiga, uma canoa esperta, que faz previses quanto s mudanas de clima e sabe a poca boa para pescar.

    O fato desperta o interesse de um mdico que visita a regio e se sente motivado a trat-lo por saber de sua peculiar rotina. A trama se desenvolve a partir da, com muita interatividade com o pblico.

    O espetculo -Valendo-se da

    Com o compromisso de ensinar ingls para os brasileiros com o objetivo de tornar o Brasil uma nao bilngue, a Wizard inicia nova campanha institucional que promete ficar na histria.

    O conceito da campanha traz esse compromisso com uma pro-posta arrojada, em dois anos de curso os alunos garantem certifi-cado internacional, mas caso no consigam, a Wizard oferecer aulas gratuitas para que melhorem seu

    mgica do teatro de Bonecos, a montagem tem como objetivo aproximar o pblico do teatro de animao, incentivar a prtica da leitura e tambm a preservao da natureza.

    A pea foi inspirada no livro Rosinha Minha Canoa do escri-tor Jos Mauro Vasconcelos, autor de clssicos como Meu P de La-ranja Lima. O texto foi escolhido a partir de uma discusso com o FDE (Fundao para o Desenvol-vimento da Educao) como um estmulo a leitura, destinado a crianas de 3 10 anos.

    Z Dito, um morador simples do interior do Brasil, acaba famo-so por conversar com sua grande amiga, uma canoa esperta que pelo contato direto com a natureza con-segue prever o clima e as pocas de pesca. Quando o mdico que visita a regio ouve sobre o caso, fica curioso e decide estudar as manias desse homem to peculiar.

    Assessoria de Imprensa

    desempenho. Para isso, as unida-des, como de Admantina, tm o compromisso de ensino e os alunos o de estudo.

    Na Wizard, por meio de uma me-todologia diferenciada, os alunos aprendem ingls com a experincia de conversao desde a primeira aula. Dessa forma, o aprendizado fica mais fcil.

    Mais informaes sobre a nova campanha e metodologia da Wizard s ligar no: (18) 3522-1754. J.V.

    Cantinho das Flores oferece novos modelos de vasos em polietileno

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Voc quer fazer um jardim em sua casa ou em seu apartamen-to e est na fase de escolha dos acessrios e vasos para compor o ambiente. Certamente muitas d-vidas surgiram e, provavelmente, ao pensar em vasos, os primeiros que lhe vieram mente foram os de argila ou de concreto.

    Os vasos de polietileno surgiram no mercado como uma soluo prtica, com o bnus de serem mais bonitos que os tradicionais. Com eles, possvel combinar cores e texturas, seja no ambiente interno ou no externo.

    No Cantinho das Flores voc encontra os novos modelos da marca Verdy, que possui selo ISO 9001 de qualidade, todos com preos acessveis. Os vasos de polietileno da Verdy so as melhores opes para quem busca leveza, resis-tncia, proteo UV para que eles no desbotem, alm de um design exclusivo, comenta a empresria, Jssica Pozzetti.

    A produo dos vasos Verdy passa por um rigoroso controle de qualidade, que garante, entre ou-tras coisas, sua resistncia por um longo tempo. So cores, tamanhos e modelos dos mais variados estilos,

    Jssica Pozzetti, apresenta os modelos de vasos de polietileno

    O grupo Cia Bonecos Urbanos surgiu em 1998 e j se apresentou em grandes teatros e eventos pelo pas

    Mari Ferrari/Divulgao

    Teatro de Bonecos destaque na programao da Cultura em agosto

    Wizard quer transformar o Brasil em uma nao bilngue

    Espetculo

    Ensino

    alm de serem resistentes a chuva e sol. Os vasos de polietileno tambm possuem sistema de rodzio, onde a gua fica armazenada, evitando

    proliferao da dengue e que a gua manche o piso, alm de ser 100% ecologicamente correto, explica.

    Colaborou: Verdy

    OS VASOS DE POLIETILENO ESQUENTAM AS RAZES DAS PLANTAS

    O volume de terra colocado no interior dos vasos de polietileno age como isolante trmico, no permitindo que o calor prejudique as razes das plantas.

    OS VASOS DE POLIETILENO SO FRGEIS

    Devido tecnologia avanada do processo de frabricao, os vasos de polietileno so extre-mamente durveis, resistentes a impacto e intempries.

    OS VASOS DE POLIETILENO RESSECAM AO SOL

    Os vasos de polietileno possuem adtivos contra radiao ultravioleta, proporcionando alta resistncia aos raios solares.

    OS VASOS DE POLIETILENO SO LEVES E PRTICOS

    Devido tecnologia avanada do processo de fabricao e a matria prima de alta qualida-de, os vasos de polietileno so extremamente leves e resistentes, facilitando seu transporte e armazenamento.

    OS VASOS DE POLIETILENO SO RECICLVEIS

    Devido matria prima utilizada, os vasos de polietileno so 100% reciclveis.

  • 17IMPACTO

    JOO VINCIUS Grupo IMPACTO

    O b-boy adamantinense Fernando Henrique Perei-ra (Fernandinho), de 22 anos, e o b-boy prudentino Eduardo Chaves Cordeiro (Duh), 20 anos, representa-ro o Brasil em mais uma competio internacional, desta vez na Itlia.

    A turn se inicia nesta sexta-feira (26), quando os danarinos disputaro o '2 vs 2'. A programao conta com apresentaes em Milo e Veneza, alm de workshop sobre a mistura brasileira com a tcnica do

    Adamantinense representa o Brasil em competio internacional a partir desta sexta

    hip hop." um sonho realizado,

    primeira vez que participo de competio na Europa, que ajudar bastante no meu currculo, como expe-rincia. Alm disso, estou feliz por ter o privilgio de representar o Brasil, mun-dialmente, em um torneio deste nvel", conta Fernan-dinho, que est entre os melhores danarinos de break dance da regio e destaque pela habilidade e desenvoltura. Sua tcnica, cada vez mais aprimorada, e as coreografias prprias tambm conferem diferen-ciais que fazem do adaman-

    sexta-feira, 25 de julho de 2014 caderno2

    tinenses um dos destaques do interior paulista.

    Recentemente, o b-boy trouxe mais uma conquis-ta para Adamantina, quan-do foi bicampeo do Fih 2 - Festival Internacional de Hip Hop, em Curitiba (PR). Alm da premiao, o adamantinense conquis-tou vaga para 'Batalha na Vila 2014', que acontecer em agosto, na Capital Pau-lista.

    Nas competies, o b--boy Fer nandinho tem o apoio da Secretaria de Cultura e Turismo de Ada-mantina e da empresa Carelli Informtica.

    A Seleo Brasileira que disputar o Campeonato Mundial de Atletismo de Ju-venis em Eugene, nos Esta-dos Unidos, at o dia 27, tem dois atletas representantes da Cidade Joia, Lucas Mar-celino e Izabela Rodrigues da Silva viajaram com a de-legao brasileira no ltimo dia 16 para participar das competies da modalidade salto em distncia.

    A Seleo Brasileira formada por 23 atletas (12 homens e 11 mulheres), que j esto em processo

    Especialista no salto em distncia, Lucas Marcelino acumula uma vasta galeria de ttulos: quatro brasilei-ros, um sul-americano, me-dalha dourada no Bauhaus Jnior, na Alemanha e por fim o maior dos feitos, a vaga no Mundial da cate-goria.

    Quem o v hoje, no ima-gina o difcil comeo em Adamantina, na Nova Alta Paulista. Foi bem compli-

    Izabela Rodrigues da Silva, de apenas 18 anos, outra revelao do tcnico Domingos Carmo Roceto, comeou sua carreira pro-fissional no IEMA (Instituto Elisngela Maria Adriano), um dos ncleos de Forma-o do Clube de Atletismo BM&FBOVESPA, em So Caetano do Sul.

    Campe pan-americana

    B-boys Fernandinho e Duh iniciam disputa em competio na Itlia, a partir desta sexta

    Lucas Marcelino especialista em salto em distncia

    Izabela Rodrigues se destaca no arremesso de peso e

    lanamento de disco

    Adamantinenses disputam o Campeonato Mundial de Atletismo de Juvenis

    Lucas Marcelino

    Izabela Rodrigues

    Destaque

    de adaptao para a disputa do Campeonato Mundial de Juvenis, competio que rene cerca de 1.600 atletas, de quase 200 pases.

    As competies acon-tecem na Universidade do Oregon, em Eugene. A equipe A competio, que rene cerca de 1.600 atle-tas, de quase 200 pases, ser no tradicional Estdio Hayward Field, sede das seletivas norte-americanas de atletismo para as Olim-padas de 2008, em Pequim, e de 2012, em Londres. a

    primeira vez que o Mundial de Juvenis realizado nos Estados Unidos.

    O Mundial de Juvenis j contou com a participa-o de alguns dos princi-pais atletas da atualidade, como o jamaicano Usain Bolt, a norte-americana Allyson Felix e o queniano David Rushida. Por isso, h a expectativa de que os destaques desta competio de Eugene participem dos Jogos Olmpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

    Assessoria de Imprensa

    cado. Apenas a partir de 2012 consegui me destacar em So Paulo, onde moro hoje at. Nunca fcil ser um esportista, mas se deve ter fora de vontade, afirma. um sonho chegar nessa condio e ir at um cam-peonato mundial, com os melhores. Daqui para frente, a ideia trilhar um longo caminho at uma vaga nas Olimpadas, complementa Lucas.

    juvenil, campe sul-america-na e recordista sul-america-na juvenil no lanamento do disco, campe sul-americana juvenil e recordista sul-ame-ricana menor no arremesso do peso, foi eleita a melhor atleta do Campeonato Bra-sileiro de Juvenis Intersele-es, disputado nos dias 28 e 29 de junho no Estdio Willie Davids, em Maring (PR).

  • 18 IMPACTOcaderno2 sexta-feira, 25 de julho de 2014

    AdamantinaJoo Carlos Rodrigues

    O Rotary Club de Adamantina foi fundado em 8 de novembro de 1951. A primeira diretoria era composta por Jurandir Camargo de Godoy, como presidente; Oscar Ricardo Barbosa Romeo, vice; Jos Gambarini, secretrio; 2 secretrio era Ramon Russafa; tesoureiro: Ivo Francisco dos Santos; 2 tesoureiro: Walter Massaferro; e diretor de protocolo, Jacinto P. Xavier. A sede instalada na rua Paul Harris, 130, vila Jardim. Dar de si antes de pensar em si!

    Rotary Club de Adamantina em 1958

    lbum de Nilson Albanez-1959Foto e pesquisa: Joo Carlos Rodrigues - Tcnico em Informaes Geogrficas e Estatsticas do IBGE

    rico Ruiz e Brbara Biassi, da Drogaria Vitria

    Degal Oficina Mecnica oferece guincho de socorro aos clientes

    Drogaria Vitria oferece descontos de at 90% da Farmcia Popular

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Oferecer mais sade po-pulao. Com este objetivo, a Drogaria Vitria aderiu ao programa Farmcia Popu-lar, do Governo Federal, que oferece descontos de at 90% nos medicamentos. Alm disso, remdios para hiper-

    tenso, diabetes e asma so gratuitos.

    O Programa visa am-pliar o acesso da populao aos medicamentos consi-derados essenciais ao tra-tamento de doenas com maior ocorrncia no pas. Segundo o proprietrio ri-co Ruiz, para ter acesso o usurio deve apresentar a

    receita mdica, que pode ter sido emitida pela rede parti-cular ou pblica, o CPF e um documento com foto. "Toda a populao pode ser bene-ficiada. um programa de co-financiamento que a Dro-garia Vitria aderiu para garantir mais qualidade de vida para quem necessita destes medicamentos".

    A proprietria Brbara Biassi que, alm do Farm-cia Popular, os associados da HOS (Haddad Organi-zao Social) tambm tm descontos especiais. "Na Drogaria Vitria voc en-contra a linha completa de medicamentos, perfumaria e suplementos alimentares, com preo acessvel a popu-lao".

    O horrio de atendimen-to de segunda a sexta-feira at s 20h e sbados e domin-gos at s 12h. A Drogaria Vi-tria fica na avenida Deputa-do Cunha Bueno, 1515. Mais informaes e disk-entrega pelos telefones: 3522-8295 ou 9.9745-8457.

    Com o objetivo de promo-ver a informao e educao sobre os direitos e deveres do consumidor, o Procon de Ada-mantina promover palestra sobre os Direitos Bsicos do Consumidor, ministrada pela diretora do Ncleo Regional de Presidente Prudente da Fundao Procon-SP, Priscila Landin.

    A atividade ser realizada no dia 12, uma tera-feira, s 19h30, no anfiteatro da Biblioteca Pblica Munici-pal Cnego Joo Baptista de Aquino, e ser aberta a toda a populao.

    A palestra aborda, de ma-neira didtica, os principais pontos dos direitos e deveres dos consumidores e forne-cedores de acordo com prin-cpios contidos no Cdigo de Defesa do Consumidor. A iniciativa busca ainda de

    A Degal possui um novo servio a disposio dos clientes guincho de auto socorro. uma plataforma que serve para atendimento de carros e caminhes. O servio 24h, oferecendo mais segurana e comodida-

    reduzir conflitos e promover o necessrio equilbrio nas relaes de consumo.

    Sindec -O Procon de Ada-mantina o segundo na re-gio a se interligar ao Sindec (Sistema Nacional de Defesa do Consumidor). Depois de Presidente Prudente, Ada-mantina o primeiro muni-cpio da regio a contar com este sistema na unidade do Procon.

    Este sistema informa-tizado integra processos e procedimentos relativos ao atendimento aos consumi-dores nos Procons de todo o Pas. So classificados desde os procedimentos mais c-leres de atendimento, como os realizados por telefone ou por carta encaminhada ao fornecedor, at os processos administrativos instaurados, que so denominados Recla-

    de no momento em que voc mais precisa, sem limites de distncia.

    Alm disso, a Degal oferece servios de auto mecnica com diagnstico computadorizado e parte eltrica, funilaria, pintura

    Procon de Adamantina promove palestra sobre Direitos Bsicos do Consumidor

    Degal conta com novo servio de auto socorro

    Orientao

    Destaque

    Agenda

    maes.O processo de municipa-

    lizao do Sindec no Estado de So Paulo iniciou-se em 2012 com a incluso de cinco procons municipais. Hoje, o Sindec j foi implantado em 60 procons municipais conve-niados. Dessa forma, os dados de cada municpio so inclu-dos no Ranking Estadual e no Cadastro Estadual de Re-clamaes Fundamentadas. A meta, at o final de 2014, integrar 80 rgos munici-pais de defesa do consumidor.

    Com esta implantao, todas as consultas e reclama-es registradas na unidade de Adamantina automatica-mente estaro cadastradas no Sindec, o que ir permitir que qualquer consumidor visualize a situao de em-presas locais.

    Assessoria de Imprensa

    e borracharia. A Degal Oficina Mec-

    nica fica na avenida Jos Silveira Mendona, 1300, em Luclia. Mais informaes pelos telefones: 3551-3182 ou 3551-3288. O auto socorro no 9.9755-8075. J.V.

    Baro Vermelho Cazuza (Cover)

    26 de julhoBar do Tala

    Violada1 de agosto

    Bar do Diogo

    Festa do Peo14 a 16 de agosto

    Osvaldo Cruz

  • sexta-feira, 25 de julho de 2014

    PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

    Soluo

    www.coquetel.com.br Revistas COQUETEL

    BANCO 23

    BMB

    TENTATIVA

    MELODIAIRA

    CIANBABY

    BIS

    B

    E

    STAAR

    D

    O

    CENTEIS

    T

    O

    SSR

    E

    LE

    V

    ON

    SOSSEGADAS

    IAIAROLE

    NDEMASAN

    TEEN

    M

    A

    LIG

    N

    A

    SERRARIT

    D

    A

    T

    I

    RAHOMENS

    OCASODMA

    L

    I

    OMMAISIV

    SEMCENSURA

    Ao queprecede o

    xito

    Nilon,elastano e

    viscose

    (?), harmo-nia e ritmo:elementosda msica

    (?) Affleck,diretor eator de"Argo"

    Sucessode ZecaBaleiro(MPB)

    Soluo de(?), antis-

    spticolaranja

    Pedido daplateia aofinal deshowsCada

    membro doconselhode classe

    Letra aque se

    ape til noespanhol

    Cortar coma ferra-

    menta do marceneiro

    Diz-se da doena quepode levar

    mortePai de

    Thor, namitologianrdica

    Segmentode HQ

    publicadoem jornal

    rgomundial docomrcio

    (sigla)Detm a

    autoridadeno patriar-

    cado

    Pas afri-cano cujacapital Bamako

    O (?) davida: avelhice(pot.)

    "(?) valeastcia

    que fora"(dito)

    Programa apresenta-do por Le-da Nagle

    De (?):"black tie"(?) Bello,

    atriz

    Magro, em inglsArtigo docontrato

    Dgrafo de"passar"

    4, emromanos

    Diviso dapiscina Grito detorcidas

    Forma dolorosa deverificar se uma

    pessoa est acordadaHora cannica (Rel.)

    Piloto bra-sileiro ho-menagea-do nos 20 anos de suamorte, o-

    corrida em1/5/1994

    Aves docerradoPerodos

    geolgicos

    "Internet",em IEO AVC(Med.)

    Salincia do desenhoCidade daToscana

    EstpidoPronome demons-trativo

    Raiva;fria

    Beb, emingls

    Agncia de espiona-gem dos

    EUA (sigla)

    Que gozamde sade

    (fem.)

    Calmas;tranquilas

    Interjeiode apoioMoradorado den

    Colocar as (?) de mo-lho: tomar precaues

    Cpia do documento

    A culturados meiosde comunicao de

    massa (ing.)

    "Nada", nalinguagemda internetAdolescen-

    te, emingls

    3/noa. 4/baby odin slim teen. 9/telegrama. 10/mainstream.

    19 EntretenimentoIMPACTOLULUZINHA TEEN - Tirinha 23 Clube da Mafalda - Tirinha 679 www.clubedamafalda.blogspot.com.br

    sudoku.mundopt.comSudoku

    O objet ivo do jogo preencher um quadrado 9x9 com nmeros de 1 a 9 sem repetir em cada linha e coluna. Tambm no se pode repetir nmeros em cada quadrado 3x3.

    Sudoku - Soluo

    rachacuca.com.br Palavra Cruzada #21

    2. Unidade monetria do Japo (plural). (5)3. Pas da Amrica do Sul. (7)4. Prefixo indicativo de oito. (4)5. Alojado em acampamento. (8)6. Relativo ao osso

    1. Fatia de carne bovina. (4)

    4. Arte de falar ao pblico.

    (8)

    8. Ansiedade, agonia. (8)

    9. Surra. (4)

    10. Deteriorada pelo uso. (5)

    11. Ato de aplaudir. (7)

    13. Conhecidas como

    "papagaios coloridos". (6)

    15. Compostura, decncia.

    (6)

    18. Separadas, isoladas. (7)

    20. Arco que define um

    ngulo curvilneo. (5)

    23. Ligeiro, rpido, veloz. (4)

    24. Em que houve iterao,

    repetio (plural). (8)

    25. Pertencentes ao

    cristianismo. (8)

    26. Relativo boca. (4)

    Verticais

    Horizontais

    (feminino). (5)7. Aquele que invade. (7)10. Fruto da videira. (3)12. Que sofre de asma (feminino). (8)14. Anular, invalidar. (7)16. Parente por cognao. (7)17. Coreografia feita por

    espectadores que cria um efeito de onda. (3)19. Molusco com oito braos (plural). (5)21. Instrumento de corda parecido com o violo. (5)22. Antnimo de mal (plural). (4)

  • 20 social sexta-feira, 25 de julho de 2014 Comrcio

    O empresrio Beto, da Banca Adamantina As competentes Raquel, Lcia e Jeny, da 0 a 5Bom gosto e sofisticao podem ser conferidas na Lemon, a nova

    loja de decorao de Carol e Maria Emlia

    A gerente Dbora e as vendedoras Bruna e Tas convidam para conferir as novidades da Hering

    As clientes Fabiana e Daniele, da Stdio 54, conferem as novidades da Lemon, com as proprietrias Carol e Maria Emlia

    C M

    Y K

    CMYK

  • to e tonificao muscular, e sim trabalha com as capaci-dades fsicas, das quais um ser humano nasceu e capaz de desenvolver, como a for-a, flexibilidade, resistncia muscular, crdio-respiratria, potncia, velocidade, agilida-de, preciso, coordenao e equilbrio. O que diferencia o Crossfit da tradicional mus-culao que no trabalhado msculos isolados e sim, com exerccios para o corpo todo, com um protocolo de treino que no se repete, desta forma pode ser facilmente associado a qualquer outra prtica es-portiva.

    Daniela explica que a aula dividida em partes bsicas que vo do pr-aquecimento articular e muscular, a parte tcnicas e/ou educativa dos exerccios em que traba-lhado a especificidade dos

    IMPACTOAdamantina-SP - sexta-feira, 25 de julho de 2014 www.ginoticias.com.br

    FERNANDA SILVAGrupo IMPACTO

    Tcnica desenvolvida nos Estados Unidos e usada no exrcito americano, o Cross-fit uma prtica de exerccios para aprimorar o condiciona-mento fsico. A educadora f-sica Daniela Oliveira explica os benefcios que a prtica da modalidade traz para o corpo. "O treinamento do Crossfit baseada em trs pilares, os movimentos funcionais, exerccios constantemente variados e a alta intensidade, tendo assim como objetivo a diversidade de um programa de condicionamento fsico, geral e inclusivo que o deixa-r preparado pra qualquer eventualidade do dia dia".

    Segundo a profissional, o Crossfit no possui objetivo esttico, como emagrecimen-

    movimentos fundamentais. E por fim, a principal parte da aula, que chamamos de WOD (Workout Of The Day; o treino do dia, em portugus), que geralmente dura de 4 20 minutos, quando o Crossfitter ter uma tarefa a ser cum-prida, em menor tempo ou melhor marca, onde tentar ultrapassar o limite de sua resistncia fsica, sabendo que se conseguir alcan-la porque no chegou a ela, isso Crossfit.

    A tcninca no possui fai-xa etria exclusiva, os treinos so adaptveis para qualquer pessoa, onde os exerccios de alta intensidade sero aplica-dos a partir da considerao da realidade fsica de cada aluno, porm, a profissional ressalta a importncia de um profissional capacitado para acompanhar a prtica, para

    C M

    Y K

    CMYK

    CrossfitTcnica para desenvolver o condicionamento fsico

    sade

    que haja uma evoluo fsica sem o risco de leses.

    A aplicao desta aptido focada em condicionamento fsico tem como primrdio a promoo da sade e da capacidade fsica resulte na qualidade de vida, bem-estar, desenvolvendo as condies

    A prtica trabalha a capacidades

    fsicas, como fora, flexibilidade,

    resistncia muscular, crdio-

    respiratria, potncia,

    velocidade, agilidade, preciso,

    coordenao e equilbrio

    A educadora fsica Daniela Olivera em aula de Crossfit

    aplicadas de maneira igual, to forte quanto resistente para os praticantes, assim como completa o seu criador GredGlassman, quando diz que: 'Nosso objetivo no especializ-los em nada, mas torn-los preparados para tudo'.

    Daniela realiza as aulas de Crossfit em Adamanti-na na Academia Rosnia Gonalves, localizada na Al. Santa Cruz, 360, de segunda e quarta-feira s 7h, e tera e quinta-feira s 17h30. Mais informaes pelo telefone (18) 3522-8154.

  • 22 IMPACTOsade sexta-feira, 25 de julho de 2014

    Produtos tm teor de sdio diferente das embalagens

    Variao

    Pesquisa indita feita pelo Idec (Instituto de De-fesa do Consumidor) mos-trou que 9,2% dos produtos enviados para anlise apre-sentaram uma variao de sdio diferente do que informado no rtulo. Todos os produtos integram o acordo voluntrio firmado entre Ministrio da Sade e indstria alimentcia para reduo dos teores do nutriente. Os resultados demonstram tanto varia-o para mais quanto para menos.

    O nmero significati-vo e mostra a necessidade de se ampliar a fiscaliza-o. Se ocorre com sdio, pode ocorrer tambm com outros componentes do produto. Entre maro e abril, foram enviados para anlise 291 produtos, de 90 marcas.

    Do total, 27 apresenta-ram valores diferentes do informado na embalagem

    A Anvisa (Agncia Nacional de Vigilncia Sanitria) determina que em-balagens de produtos alimentcios tragam a tabela nutricional. Ela permite, no entanto, uma variao de 20% a mais ou para menos nas informaes da rotulagem. Essa flexibilidade adotada para compensar eventuais diferenas nos mtodos usados para fazer a anlise do contedo nutricional, para reduzir o impacto provocado por questes climticas, armazenamento e tempo de vida do produto.

    A agncia tem um programa para monitorar a quantidade de sdio de diver-sas categorias de alimentos. Quando diferenas so encontradas, empresas so notificadas para corrigir as embalagens. A Anvisa no recebeu formalmente os resultados do trabalho feito pelo Idec. Mesmo assim, a agncia poder solicitar uma fiscalizao para verificar tais incorrees e tomar aes necessrias.

    C M

    Y K

    CMYK

    - dez tiveram variao do nutriente superior aos 20% permitidos pela legislao brasileira; e em 17, a con-centrao identificada no teste foi menor do que a estampada na tabela.

    Em alguns produtos analisados, a diferena muito significativa. Sete deles apresentaram uma variao da quantidade de sdio superior a 40% da-quela informada no rtulo. A anlise da salsicha viena Frigor Hans, por exemplo, identificou uma quanti-dade do nutriente 66,3% maior do que a que havia sido informada no rtulo.

    "Diferenas como essas podem comprometer um plano alimentar. Nutri-cionistas baseiam-se nas tabelas para formar as die-tas", afirmou o diretor da Sociedade de Cardiologia de So Paulo, Rui Povoa. O consumo excessivo do sal considerado como fator

    de risco para hipertenso, doena que, por sua vez, pode levar a problemas car-dacos, distrbios renais e circulatrios.

    A Organizao Mundial da Sade recomenda inges-to de, no mximo, 6 gra-mas dirias do nutriente - o equivalente a 2,4 gramas de sdio. "O brasileiro conso-me o dobro", diz Povoa. "E boa parte dessa ingesto proveniente de produtos industrializados", com-pleta.

    O ideal, assegura, fa-zer uma dieta com frutas, verduras, carnes magras e poucos alimentos indus-trializados. "Como o sdio conservante, ele muitas vezes usado em produtos que nem imaginamos. No adianta s fugir de comidas consideradas salgadas. Muitas vezes produtos com sabor adocicado tm teor significativo do nutriente", completou.

    Uol Sade

  • 23IMPACTO

    Entre os sintomas desse problema esto dores nos olhos e na cabea, sensao de cansa-o, viso turva, olhos secos, vermelhido e ardor. As imagens na tela de tablet ou celular so formadas por pequenos pixels, que esto em constante movimento. Diferentemente daquelas em papel, nossos olhos acabam fazendo um esforo extra para focar no digital e isso prejudica a viso.

    SoluoNo ficar encarando a tela do celular ou tablet por muitas horas, nem segurar o aparelho

    muito perto dos olhos a regra nmero um para evitar possveis problemas. Alm disso, importante ajustar o brilho da tela do celular e do tablet para que ela no fique muito escura e nem muito clara. Tentar sempre ler no ambiente iluminado e descansar a viso a cada 20/30 minutos so outras dicas valiosas. Ao sentir olhos secos e ardor, use gotas de lgrimas artificiais de 4 a 5 vezes ao dia.

    A desateno e a dependncia da internet so os pontos que mais preocupam especialistas.O nosso crebro acostumado a focar em uma tarefa por vez, mas com as novas tecnologias, acaba se concentrando em vrias ao mesmo tempo, o que afeta a memria e, em alguns casos, pode levar at o desenvolvimento da doena de Alzheimer. O vcio por estar online tambm tem seus efeitos colaterais graves. Quem passa horas conectado tem mais tendncia a sofrer de taquicardia, depresso e ansiedade crnica. Muito tempo em frente a um dispositivo eletrnico causa frequentes dores de cabea e insnia. Temos uma forte exposio luminosidade da tela e um excesso de informao. Isso tudo dificulta o relaxamento necessrio do nosso crebro

    Soluo bom cortar o uso de dispositivos antes de dormir. Faa do seu sono um ritual calmo, que

    no pode ser atrapalhado por nada. Acha que no consegue resolver seu problema sozinha? Hoje em dia existem vrios programas e especialistas que combatem esse tipo de vcio. No Hospital das Clnicas de So Paulo, por exemplo, h um grupo formado por psiclogos e psiquiatras que esto abertos a ajudar ou orientar qualquer um que tenha desenvolvido a dependncia tecnolgica.

    Vcio em internet: problemas de sade de quem no fica offline nunca

    sexta-feira, 25 de julho de 2014 sadeC

    M Y

    K

    CMYK

    Ficar conectada por horas durante o dia e a noite pode prejudicar sua sade. Conhea os problemas de ficar sempre online e saiba como evit-los.

    Exagerar uma ou duas horinhas no tablet ou celular pode no parecer algo to perigoso a curto prazo, mas se isso vira parte da rotina, pode causar escoliose e tenossinovite (inflama-o dos tendes). Quem sofre mais o polegar, que acaba fazendo o trabalho de segurar o aparelho, navegar e digitar.

    SoluoDiminuir a frequncia de acesso ao tablet e smartphone a primeira coisa a ser feita. D

    preferncia a um dispositivo fixo na hora de mandar um e-mail, ler ou digitar algo. Para des-cansar o corpo, faa uma pausa a cada hora, acompanhada por alongamentos de pescoo, braos, pernas e mos. Agora, se est sentindo algum tipo de dor ou formigamento, coloque gelo nas mos e coloque uma bolsa de gua quente nos msculos. Se a situao no melhorar, marque consulta com um ortopedista.

    Uma pesquisa de Universidade de Essex, na Inglaterra, mostra que casais que checam as atualizaes das redes sociais enquanto esto juntos so menos felizes no relacionamento e na vida sexual do que aqueles que namoram com o celular desligado. Isso acontece porque nossas cabeas ficam poludas com informaes aleatrias. Temos que nos conectar com outra pessoa fisicamente e no virtualmente. No vai haver qumica alguma se a pessoa do seu lado, ao invs de olhar pra voc, fica hipnotizada com a tela do smartphone.

    SoluoUse a tecnologia a seu favor. Ao invs de deixar a internet distanci-la do seu parceiro,

    aproxime-se mandando um e-mail romntico, uma mensagem picante no WhatsApp ou pro-curem juntos por produtos erticos, que sirvam para os dois.

    1- Dores pelo corpo

    Problema extra: prejuzos ao relacionamento

    2- Viso sobrecarregada

    3- Taquicardia e at depresso

    Mdemulher

  • 24 IMPACTOsade sexta-feira, 25 de julho de 2014 C

    M Y

    K

    CMYK

  • cidadesIMPACTO

    Para quem deseja in-gressar no funcionalismo pblico, as prefeituras de Pacaembu e Maripolis abriram concurso nesta semana. As oportunida-des oferecidas so para vrios nveis de escolari-dade nas reas de sade e educao, com remune-raes que podem chegar a R$ 8 mil aos aprovados.

    Conforme edital di-vulgado, no primeiro c e r t a m e o f e re c i d o cadastro reserva para professor de educao bsica e professor de artes. Por jornadas de at 30 horas semanais de trabalho, os convoca-dos recebero entre R$

    JOO VINCIUSGrupo IMPACTO

    Os seis municpios da regio com mais de 10 mil habitantes tiveram saldo positivo na gerao de em-pregos no primeiro semes-tre de 2014, aponta o MTE (Ministrio do Trabalho e Emprego). Em junho,o des-taque foi para Luclia que alcanou a 32 posio no Estado de So Paulo, com 162 novas oportunidades de empregos.

    O Caged (Cadastro Ge-ral de Empregados e De-sempregado) apontou que a Capital da Amizade registrou saldo de 935 va-gas, sendo a primeiraem gerao de emprego na re-

    1.321,40 e R$ 1.585,68.A inscrio pode ser

    feita pela internet (www.idapdias.com.br) at do-mingo (27). Para confir-mar a participao, necessrio o pagamento de R$ 40 de taxa.

    J em Maripolis, as oportunidades so para for mao de cadastro reserva para monitor de transporte escolar, agente comunitrio de sade e mdico para ESF (Estratgia Sade da Fa-mlia). Para os dois pri-meiros cargos, exigido ao candidato possuir ensino mdio. J para o ltimo, necessrio possuir nvel superior

    gio, seguido de Adaman-tina (859 vagas) e Osvaldo Cruz (247). J Parapu teve saldo negativo com 86 desligamentos no perodo.

    Flrida Paulista, que no ano passado alcanou 1573 novas contrataes, fechou o semestre com 1130 demisses. A crise no setor sucroalcooleira a principal responsvel pela queda no nmero de trabalhadores com cartei-ra assinada no municpio. Somente em junho, foram 183 desligamentos.

    O setor de servios foi o nico em que os seis mu-nicpios registraram saldo positivo de janeiro a junho, criando 535 vagas. A in-dstria de transformao

    e registro no Cremesp (Conselho Regional de Medicina no Estado de So Paulo) para disput--los.

    Entre jornadas de 20 a 40 horas semanais, os aprovados podem rece-ber entre R$ 724 e R$ 8 mil. Para este concurso, as inscries vo at 31 de julho e tambm podem ser feitas pela in-ternet (www.cematcon-curso.com.br). As taxas so de R$ 45 a R$ 50.

    Fique atento aos pra-zos de incries

    Pacaembu - at dia 27Maripolis- at dia 31

    tambm se destacou, com 463 novas oportunidades de emprego. J o agropecu-rio, devido aos problemas em Flrida Paulista, foi o que registrou o maior nmero de demisses 524.

    No ms passado, outros dois municpios tambm registraram saldo negativo Pacaembu (-9) e Parapu (-19).

    Gerao de emprego em junho

    32 - Luclia 16276 - Adamantina 59123 - Osvaldo Cruz 23210 - Pacaembu - -9230 - Parapu - -19339 - Flrida Paulista - -183

    C M

    Y K

    CMYK

    Adamantina-SP - sexta-feira, 25 de julho de 2014 www.ginoticias.com.br

    Indstria de transformao impulsiona saldo positivo de empregos, aponta Caged

    Prefeituras abrem inscries para concurso

    pblico

  • 26 IMPACTOcidades sexta-feira, 25 de julho de 2014

    Radares vo comear a funcionar dentro de um ms nas rodovias da Nova Alta Paulista

    Com o objetivo de diminuir os acidentes nas rodovias estaduais, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) est realizando a implantao de redutores de velocidade em pontos de ateno, onde h ocorrncias de excesso de velocidade, na regio de Presidente Prudente. A estimativa de que os

    ESTELA MENDES Especial para o IMPACTO

    A Polcia Civil de Flrida Paulis-ta prossegue com as investigaes do homicdio culposo, registrado no ltimo dia 6, em um canavial, de Flrida Paulista, em que um homem morreu queimado.

    A Delegacia de Polcia Civil de Flrida Paulista solicitou informa-

    Radares comeam a funcionar dentro de um ms

    Quem descumprir as normas legais ser notificado para regularizar sua situao

    radares estejam em operao de fiscalizao at o final de agosto deste ano.

    Segundo a Assessoria de Impren-sa do DER, cada trecho de rodovia possui um limite de velocidade especfico. importante frisar que placas com o limite de velocidade e indicando a presena de fiscalizao

    es Cetesb (Companhia de Tec-nologia de Saneamento Ambiental) de Dracena, sobre a autorizao para queima de cana-de-acar pela Usina Branco Peres de Adamantina naquela localidade.

    Conforme o Boletim de Ocorrn-cias, o corpo de Joo Lima Teixeira, 48 anos, foi encontrado por um trabalhador da usina. No momento era realizada a queima da cana que

    eletrnica ainda esto em fase de implantao, salientou o rgo.

    Segundo a relao divulgada pelo DER, 29 unidades de fiscali-zao de velocidade esto sendo instaladas nas principais rodovias da regio.

    SP-294 - Na Rodovia Comandante Joo Ribeiro de Barros (SP-294), sero instalados quatro unidades de fiscalizao. De acordo com mapa divulgado pelo DER (depar-tamento de Estradas de Rodagem), os dispositivos sero instalados nos seguintes locais:

    Km 563+000m, Km 592+200m, Km 630+400m e Km 645+500m. Todos os dispositivos sero insta-

    lados no sentido Leste/Oeste.Ainda conforme a assessoria

    do rgo estadual, os redutores de velocidade esto em fase de im-plantao. Para comear a operar, os equipamentos precisaro ser homologados pelo Instituto Na-cional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) para, ento, passar a funcionar.

    Do iFronteira Com Informaes do DER

    estava dividida em vrias quadras, no stio Alto Iris, distrito de Atlnti-da. Ao fiscalizar se ainda havia foco de incndio em uma das quadras, o trabalhador se deparou com o corpo de Joo, ainda em chamas.

    Alm da Cetesb, a Polcia Civil deve ouvir, ainda, o mdico da Santa Casa de Flrida, local onde foi constatado o bito e acionar o IC (Instituto de Criminalstica).

    Polcia investiga autorizao de usina para queimar cana no dia da morte de homem em canavial

    Fiscalizao do uso das caladas por comerciantes comea em 1 de agosto

    Flrida Paulista

    Osvaldo Cruz

    DANIEL TORRESEspecial para o IMPACTO

    A nova Lei aprovada pela Cma-ra Municipal no dia 2 de junho, aps determinao do Ministrio Pblico sobre o uso das caladas em Osvaldo Cruz, afeta tanto os comerciantes de estabelecimentos comerciais fixos como tambm os ambulantes que trabalham em diversos pontos da cidade.

    Antes mesmo de a lei entrar em vigor, j comecei a deixar um espao maior nas caladas. A gente coloca as mesas porque o cliente precisa sen-tar, mas minha parte estou fazendo. No que depender de mim, a lei vai funcionar, adiantou Rute Alves da Costa, vendedora ambulante que mantm um ponto de venda de lanches no cruzamento da rua Hans Klotz com a avenida Brasil.

    A Lei n 41/2014, de autoria do Poder Executivo, regulamenta e delimita o uso das caladas para a disposio de mesas e cadeiras de estabelecimentos comerciais como bares, lanchonetes, restaurantes e hotis. Em seu artigo 6, a Lei prev que a colocao de mesas e cadeiras por bares, restaurantes e hotis so-mente ser permitida em caladas, preservada, em qualquer hiptese, uma faixa livre de obstculos para circulao de pedestres com largura

    igual ou superior a um metro e cin-quenta centmetros.

    E a fiscalizao por parte da Pre-feitura comea a se intensificar j nas prximas semanas. De acordo com o chefe do Departamento de Fiscalizao do municpio, Paulo Tripoloni, o prazo para adequao nova regra se estende at o dia 1 de agosto, quando tm incio, de fato, as autuaes.

    Por enquanto estamos cons-cientizando, orientando, tirando dvidas, mas, aps o prazo, caso haja ainda alguma rejeio [ nova regra], deveremos tomar outras providn-cias at mesmo desagradveis, alertou Tripoloni.

    Quem descumprir as normas le-gais ser notificado para regularizar sua situao e, em caso do no cum-primento, estar sujeito cassao da permisso, s sanes de multa, interdio de atividade e cassao de alvar, conforme a gravidade da infrao. As sanes previstas na Lei correspondero ao valor de 10% a 50% do salrio mnimo, segundo o Artigo 9.

    Isso vale para todos os contri-buintes que utilizam os passeios pblicos como as caladas e praas. A ideia que todos respeitem e usem os espaos pblicos, tocando seu comrcio sem problema nenhum, completou.

  • 27IMPACTO

    Aps receber denncia que uma pessoa estaria comerciali-zando drogas em seu estabele-cimento comercial, a equipe da Policia Militar se deslocou at o local, no domingo (20), onde realizaram buscas pessoais lo-calizando no bolso da bermuda de um dos indivduos um pedao de uma substncia aparentando sermaconha e outro invlucro junto ao cho, do mesmo tipo, ainda no bolso foi localizado R$ 60.

    Questionado sobre a comer-cializao de drogas o suspeito afirmou ser usurio e negou tal ato. Diante das circunstncias foi dado voz de priso por trfico de drogas.

    Em ato continuo os Policiais Militares deslocaram at a resi-

    Veculo ficou prensado entre dois caminhes

    Trecho ficou interditado das 7h s 11h

    Drogas encontradas na casa do traficante

    Foto: Polcia Militar

    dncia do autor sendo localizado mais uma poro de maconha, um objeto utilizado aparente-mente para separao, vela, e um invlucro contendo ainda

    O motorista de um veculo Gol, com placas de Promisso/SP, levou um susto aps ficar prensado entre dois caminhes em trecho da SP-294 (rodovia Comandante Joo Ribeiro de Barros), na segunda-feira (21), em Inbia Paulista.

    O coliso aconteceu enquanto os trs veculos evolvidos aguarda-vam na fila de liberao da via, o trafego foi interrompido pelo local estar recebendo recapeamento do DER (Departamento de Estradas de Rodagem)

    Segundo informaes, o condu-tor de um caminho Mercedes Bens-perdeu o freio do veculo e arrastou o Gol em marcha r at o caminho que estava na fila.

    O condutor e o passageiro do automvel no sofreram ferimentos.

    resduos da droga. Partes e ob-jetos apresentados autoridade policial,que decretou a priso em flagrante, permanecendo o autor disposio da justia.

    Veculo fica prensado aps caminho perder freio na SP-294

    Estela Mendes

    Polcia prende homem por trfico de drogas

    Rapaz acaba preso aps furtar objetos de residncia

    Rodovia fica interditada aps caminho de milho tombar na SP-294

    Entregador de lanches morre em coliso no semforo

    Homem preso aps agredir mulher

    Caminho carregado com cana tomba em vicinal

    Inbia Paulista

    Salmouro

    Osvaldo Cruz

    Parapu

    Osvaldo Cruz

    Osvaldo Cruz

    Junqueirpolis

    sexta-feira, 25 de julho de 2014 cidades

    A Polcia Rodoviria precisou in-terditar duas pistas por cinco horas, aps um acidente envolvendo dois caminhes e um carro ocorrer no Km 370, na rodovia Assis Chateau-briand, em Parapu, no sbado (19).

    Segundo a Polcia Rodoviria um caminho carregado de milho tombou aps o motorista que seguia sentido Parapu-Rinpolis tentou desviar ao perceber que um veculo Celta seguia pela pista contrria

    Um grave acidente foi registrado no centro de Osvaldo Cruz, na ma-drugada de domingo (20), deixando uma vtima fatal.

    Segundo Polcia Civil, o motoci-clista de 25 anos morreu aps atra-vessar o cruzamento das avenidas Brasil e Presidente Roosevelt e por conta do semforo estar em alerta

    Um homem foi preso no sbado (19), aps a Policia Militar ser acio-nada pela vtima que alegou ter sido agredida com socos no rosto e rece-ber vria ameaas de morte. Antes da chegada dos PMs o homem havia

    Aps furtar uma bicicleta, uma panela eltrica, 500 gramas de carne suna e derivados, 1,1 kg de coxa de frango e 300 gramas de quibe de uma residncia locali-zada no centro de Osvaldo Cruz, um rapaz de 25 anos foi preso pela Polcia Miliatr na noite de segunda-feira (21).

    A polcia recebeu denncia de

    Um caminho carregado com cana de acar que trafegava na estrada vicinal Jos Siniciato, que liga Junqueirpolis usina, tombou

    Com o caminho tombado, foi preciso interditar as duas pistas por cinco horas, at a desocupao do local. A polcia ainda investiga o motivo que teria levado o motorista do Celta a invadir a pista contrria.

    O outro veculo envolvido foi um Astra, com placas de Jacare, que bateu no caminho tombado. Os trs motoristas sofreram feri-mentos leves. A polcia investiga o caso.

    acabou colidindo com outro veculo.O acidente ocorreu por volta das

    1h30 e com o impacto o entregador de lanche foi lanado batendo a ca-bea do cho, que causou traumatis-mo craniano . O motorista do Uno envolvido no acidente, no se feriu.

    A Polcia Civil instaurou inqu-rito para apurar o caso.

    fugido do local, mas aps buscas na regio ele foi localizado e recebeu voz de priso em flagrante delito pela Lei Maria da Penha, sendo encaminha-do cadeia de Adamantina e per-manecendo disposio da Justia.

    que o indivduo estaria em uma residencia na rua Diamante e ao se deslocarem at o local foram informados que o ladro havia fu-gido em uma bicicleta. Ao realizar busca nos locais prximos locali-zaram o suspeito na esquina das ruas Esmeralda e Ferno Dias. A vtima foi acionada e reconheceu os objetos que estavam com o

    na manh de quarta-feira (23).Segundo a Polcia Militar, o

    cavalo tr