L ARTROLOGIA - · PDF fileo me s l al ndo. v s p s ado . s – o, ção e a...

Click here to load reader

  • date post

    20-Mar-2019
  • Category

    Documents

  • view

    222
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of L ARTROLOGIA - · PDF fileo me s l al ndo. v s p s ado . s – o, ção e a...

ANATOMIA FUNCIONALANATOMIA FUNCIONAL

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTROLOGIA

ART. ESCPULO-UMERAL

ART. COTOVELO

ART. RDIO-CUBITAL INF.ART. PUNHO

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTICULAES SINOVIAIS - generalidadesNeste tipo de articulaes, que so completamente diferentes das articulaes no sinoviais(articulaes fibrosas e cartilagneas: sincondroses, suturas cranianas, esquindileses, gonfoses, sindesmoses e snfises), os ossos encontram-se unidos por uma cpsula fibrosa e, frequentemente, por ligamentos acessrios (dentro ou fora desta), estando as superfcies sseas em contacto revestidas por uma cartilagem hialina (fibrocartilagem). Adicionalmente, esse contacto deslizante ainda facilitado pela presena do fludo sinovial (ou sinvia), que age como um lubrificante viscoso, aumentando a eficincia articular e reduzindo a eroso das superfcies em contacto. O fludo sinovial providencia ainda um ambiente lquido que uma fonte nutritiva para as cartilagens articulares, discos e meniscos.

Normalmente, a cpsula fibrosa envolve completamente a articulao, sendo revestida interiormente por uma membrana sinovial. A cpsula fibrosa consiste em feixes paralelos e entrelaados de fibras brancas e de tecido conjuntivo, formando uma braadeira cujas extremidades se inserem em torno da extremidade articular de cada um dos ossos correspondentes. Esta cpsula perfurada por vasos e nervos articulares e pode apresentar uma ou mais aberturas atravs das quais a membrana sinovial sai para formar uma bolsa ou saco. A cpsula fibrosa mostra ainda espessamentos designados por ligamentos, sendo possvel encontrar em algumas articulaes ligamentos acessrios, separados da cpsula fibrosa, que podem estar situados fora (extracapsulares) ou dentro da cpsula (intracapsulares).

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTROLOGIA DO ARTROLOGIA DO MEMBRO SUPERIORMEMBRO SUPERIOR

- flexo/extenso

- aduo/abduo

- extrem. inferior do rdio (cavidade sigmoideia)

- faces articulares superiores do escafide, semilunar e piramidal

Condilartrose composta 2Pulso

(rdio-procrpica)

4

- pronao/supinao-extrem.inf.rdio (cavidade sigmoideia) e extrem.inf.cbito(cabea cbito)

Trocartrose-trocartrose (art. rdio-cubital inferior)

Rdio-cubital

(inferior)

3

- flexo/extenso

- pronao/supinao

- trclea umeral

- cndilo umeral

- grande cavidade sigmide cbito

- cavidade glenoideia rdio

-pequena cavidade sigmide

-contorno da cabea do rdio

Bitrcleo-cndilo-trocartrose 1

-trocleartrose (art. mero-cubital)

- condilartrose (art. mero-radial)

- trocartrose (art. rdio-cubital superior)

Cotovelo2

-flexo/extenso(ou antepulso/retropulso)

- aduo/abduo

- rotao interna/externa

- cabea do mero

- cavidade glenideia da omoplataEnartroseEscapulo-umeral

(ombro)

1

MOVIMENTOSSUPERF. ARTICULARESTIPOARTICULAO

ARTICULAARTICULAES PRINCIPAISES PRINCIPAIS

1 Trclea e cndilo umerais encontram-se separados pela goteira cndilo-troclear, que se pode considerar como uma segunda trclea. Da a designao de bitrclea na classificao da articulao do cotovelo.

2 A designao de condilartrose composta resulta do cndilo crpico ser constitudo pelas faces articulares superiores do escafide, do semilunar e do piramidal, que se encontram unidos por ligamentos intersseos.

ARTICULAARTICULAO O ESCESCPULOPULO--UMERALUMERAL

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

Flexo-Extenso Aduo-Abduo Rotao interna-externa

Eixo transversal Plano sagital

Eixo antero-posterior Plano frontal

Eixo longitudinal Plano horizontal

ARTICULAARTICULAO ESCO ESCPULOPULO--UMERALUMERAL

Classificao - ENARTROSEFaculdade de DesportoUniversidade do Porto

Classificao ENARTROSESuperfcies articulares cabea do mero, cavidade glenoideia da omoplata e debrum glenoideu (fibrocartilagem na periferia da cavidade glenoideia)

Meios de unio cpsula articular reforada por elementos passivos: ligamento craco-umeral, ligamento craco-glenoideu e os 3 ligamentos gleno-umerais. Os msculos peri-articulares constituem os ligamentos activos da articulaoCpsula articular em forma de cone, fixa-se no colo anatmico e no colo cirrgicoLigamento craco-umeral ligamento espesso extra-capsular, parte da apfise coracide e insere-se no troquino e troquiter, de cada lado da extremidade superior da goteira bicipitalLigamento craco-glenoideu ligamento muito inconstante extra-capsular, que parte da apfise coracide e se insere no debrum glenoideuLigamentos gleno-umerais so trs (ligamentos gleno-umerais superior, mdio e inferior) e localizam-se na face anterior da cpsula articular (intra-capsulares)Msculos peri-articulares os verdadeiros ligamentos activos desta articulao so os tendes dos msculos supra-espinhoso, infra-espinhoso, pequeno redondo e infra-escapular

Pontos fracos da articulao: (1) orifcio sub-coracoideu entre os ligamentos gleno-umerais mdio e inferior, situa-se o verdadeiro ponto fraco da articulao, o ponto por onde sai a cabea do mero nas luxaes antero-internas do ombro; (2) foramen oval de Weitbrecht ponto fraco de forma triangular, situado entre os ligamentos gleno-umerais superior e mdio

Sinovial reveste a superfcie interior da cpsula articularMovimentos flexo/extenso, aduo/abduo e rotao interna/externa. Os movimentos de circunduo resultam da combinao da flexo, aduo, extenso e abduo.

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTICULAARTICULAO ESCO ESCPULOPULO--UMERALUMERAL

Cabea do mero

Cpsula articular

Cavidade glenoideia

Debrum glenoideuCpsula articular

Superfcie articular do mero Superfcie articular da omoplata

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTICULAARTICULAO ESCO ESCPULOPULO--UMERALUMERAL

1. ligamento craco-umeral2. ligamento gleno-umeral superior3. ligamento gleno-umeral mdio4. ligamento gleno-umeral inferior5. ligamento umeral transverso de Gordon Brodie6. foramen oval de Weitbrecht

1. ligamento craco-glenoideu2. foramen oval de Weitbrecht3. orifcio sub-coracoideu

face anterior face anterior

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

1

2

34

5

6

7

8

9

10

11

12

13

3

1. Debrum glenoideu2. Ligamento transverso-umeral3. Ligamento craco-acromial4. Ligamento craco-clavicular5. Ligamento escapular superior transverso6. Ligamento costo-clavicular7. Ligamento gleno-umeral superior8. Ligamenro gleno-umeral mdio9. Ligamento gleno-umeral inferior (feixe anterior)10. Ligamento acrmio-clavicular11. Foramen oval de Weitbrecht12. Orifcio sub-coracoideu13. Tendo bicpite braquial (longa poro)

LIGAMENTOS INTRA-CAPSULARES

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

1 2

34

5

6

7

8

9

3

CPSULA ARTICULAR E LIGAMENTOS EXTRA-CAPSULARES

1. Cpsula articular2. Ligamento umeral-transverso3. Ligamento craco-acromial4. Ligamento craco-clavicular5. Ligamento escapular superior transverso6. Ligamento costo-clavicular7. Ligamento acrmio-clavicular8. Ligamento craco-umeral9. Tendo bicpite braquial (longa poro)

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

1

2

3

1. Supra-espinhoso2. Infra-espinhoso3. Pequeno redondo4. Infra-escapular

4

MSCULOS PERI-ARTICULARES

anterior posterior

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

4

11

1

2

3

5

6

7

8

9

10

12

34

6

7

810

11

12

5

13 14

15

17 16

9

18

1. Subscapular2. Ligamento transverso-umeral3. Ligamento craco-acromial4. Ligamento craco-clavicular5. Grande redondo6. Ligamento costo-clavicular7. Ligamento acrmio-clavicular8. Grande dentado9. Grande rombide10. Pequeno redondo11. Subclvio12. Braquial anterior13. Bicpite (curta poro)14. Bicpite (longa poro)15. Craco-braquial16. Bursa sub-escapular17. Bursa sub-coracoideia18. Bursa sub-acromial

BURSAS OU BOLSAS SEROSAS

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

ARTICULAARTICULAO DO O DO COTOVELOCOTOVELO

Bitrcleo-cndilo-trocartrose- trocleartrose (articulao mero-cubital)- condilartrose (articulao mero-radial)- trocartrose (articulao rdio-cubital sup.)

ARTICULAARTICULAO COTOVELOO COTOVELO

Faculdade de DesportoUniversidade do Porto

Classificao BITRCLEO-CNDILO-TROCARTROSEA articulao do cotovelo na realidade formada por 3 articulaes: (1) articulao mero-

cubital (trocleartrose); (2) articulao mero-radial (condilartrose); (3) articulao rdio-cubitalsuperior (trocartrose)Superfcies articulares a trclea e o cndilo umerais articulam-se, respectivamente, com a grande cavidade sigmoideia do cbito e a cavidade glenoideia do rdio (articulaes mero-cubital e mero-radial); o contorno da cabea do rdio articula-se com a pequena cavidade sigmoideia do cbito e mantm-se na posio por intermdio do ligamento anular (articulao rdio-cubital superior)Meios de unio as superfcies articulares do cotovelo so mantidas graas existncia de uma cpsula articular e de 5 ligamentos de reforo:Cpsula articular insere-se na extremidade inferior do mero e nas extremidades superiores do rdio e cbitoLigamento anterior neste ligamento salientam-se 2 feixes: o feixe oblquo interno e o feixe oblquo externoLigamento posterior constitudo por vrios feixes: feixes mero-olecranianos oblquos, feixes mero