Lei n 12.973/2014 consoLida iFRs no - crcsp.org.br GESTOR CONTBIL Revista Bimestral 12 Edio Lei n...

download Lei n 12.973/2014 consoLida iFRs no - crcsp.org.br GESTOR CONTBIL Revista Bimestral 12 Edio Lei n 12.973/2014 consoLida iFRs no BRasiL PREstao dE contas ElEitoRais dEvE sER ElaBoRada

of 24

  • date post

    24-Apr-2018
  • Category

    Documents

  • view

    216
  • download

    4

Embed Size (px)

Transcript of Lei n 12.973/2014 consoLida iFRs no - crcsp.org.br GESTOR CONTBIL Revista Bimestral 12 Edio Lei n...

  • 1 GESTOR CONTBIL

    Revista Bimestral12 Edio

    Lei n 12.973/2014 consoLida iFRs no BRasiL

    PREstao dE contas ElEitoRais dEvE sER

    ElaBoRada PElo PRofissional da

    contaBilidadE

  • 2 GESTOR CONTBIL

    Jorge Alberto da Cunha Moreira, Jos Luiz Ribeiro de Carvalho, Luis Carlos do Rego, Marcos Castilho Alexandre, Marina Marcondes da Silva Porto, Mauro Tlio Garcia, Moacir da Silva Netto, Paulo Cesar Adorno, Roberson de Medeiros, Roberto Yoshio Kuabata, Rosmary dos Santos, Sandra Regina Nogueira Pizzo Sabath, Selma do Carmo Ribeiro, Suely Gualano Bossa Serrati, Vitria Lopes da Silva, Wanderley Aparecido Justi, Wanderley Aparecido Justi Jnior, William Peterson de Andrade, Yae Okada. Gestor contbilDIRETOR: Claudio Filippi

    consElHo EditoRialClaudio FilippiAntoninho Marmo TrevisanArtur Carlos das NevesCarlos Roberto MatavelliEduardo Augusto Rocha PocettiFernando de Almeida SantosJoo Carlos Castilho GarciaJlio Linuesa PerezLuiz Fernando NbregaMaria Thereza Pompa AntunesPaulo Henrique SchoueriSebastio Luiz Gonalves dos SantosValmir Lencio da SilvaWalter Irio

    JoRnalista REsPonsvEl: Graa Ferrari - MTb 11347 JoRnalistas: Michele Mamede - MTb 44087; Thiago Benevides - MTb 68188 PRoJEto GRfico: agncia BR2 - www.agenciabr2.com.briMPREsso: grfica COANPERiodicidadE: bimestral

    A direo da entidade no se responsabiliza pelas opinies emitidas nas matrias e artigos assinados. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS proibida a reproduo total ou parcial, de qualquer forma ou qualquer meio, sem prvia autorizao.

    conselho Regional de contabilidade do

    Estado de so PauloRua Rosa e Silva, 60 Higienpolis

    01230-909 So Paulo SPTel.: 11 3824.5400

    Fax: 11 3824.5400 (ramais 1128 e 1129) E-mail: crcsp@crcsp.org.brPortal: www.crcsp.org.br

    expedientecRcsPconsElHo REGional dE contaBilidadEdo Estado dE so PaUlo

    consElHo diREtoR

    PRESIDENTE: Claudio Avelino Mac-Knight Filippi

    VICE-PRESIDENTE DE ADMINISTRAO E FINANAS: Gildo Freire de Arajo

    VICE-PRESIDENTE DE FISCALIzAO, TICA E DISCIPLINA: Marcia Ruiz Alcazar

    VICE-PRESIDENTE DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL: Jos Donizete Valentina

    VICE-PRESIDENTE DE REGISTRO: Celso Carlos Fernandes

    cMaRa dE REcURsos

    COORDENADOR: Mauro Manoel Nbrega

    VICE-COORDENADOR: Joo Carlos Castilho Garcia

    MEMBROS: Joaquim Carlos Monteiro de Carvalho, Jos Aparecido Maion e Jos Augusto Pico

    cMaRa dE contRolE intERno

    COORDENADOR: Sebastio Luiz Gonalves dos Santos

    VICE-COORDENADOR: Paulo Roberto Martinello Jnior

    MEMBRO: Bruno Roberto Kalkevicius SuPLENTES: Oswaldo Pereira, Nelmir Pereira Rosas e Jos Augusto Pico

    i cMaRa dE fiscaliZao, tica E disciPlina

    COORDENADOR: Marcelo Roberto Monello

    VICE-COORDENADOR: Walter Irio

    MEMBROS: Flvia Augusto, Nelmir Pereira Rosas e Adriano Gilioli

    ii cMaRa dE fiscaliZao, tica E disciPlina

    COORDENADOR: Valdimir Batista

    VICE-COORDENADOR: Wanderley Antnio Laporta

    MEMBROS: Jos Carlos Melchior Arnosti, Jos Carlos Duarte Leardine e Manoel do Nascimento Verssimo

    iii cMaRa dE fiscaliZao, tica E disciPlina

    COORDENADOR: umberto Jos Tedeschi

    VICE-COORDENADOR: Manasss Efraim Afonso

    MEMBROS: Carlos Roberto Matavelli e Oswaldo Pereira.

    cMaRa dE dEsEnvolviMEnto PRofissional

    COORDENADORA: ngela zechinelli Alonso

    VICE-COORDENADORA: Ana Maria Costa

    MEMBROS: Maria Thereza Pompa Antunes, Valmir Lencio da Silva e Bethel Corcoruto Lombardi

    cMaRa dE REGistRo

    COORDENADORA: Neusa Prone Teixeira da Silva

    VICE-COORDENADORA: Cibele Pereira Costa

    MEMBRO: Ari Milton Campanh

    consElHEiRos EfEtivos

    Claudio Avelino Mac-Knight Filippi, Gildo Freire de Arajo, Marcia Ruiz Alcazar, Jos Donizete Valentina, Celso Carlos Fernandes, Adriano Gilioli, Ana Maria Costa, Angela zechinelli Alonso, Ari Milton Campanh, Bethel Corcoruto Lombardi, Bruno Roberto Kalkevicius, Carlos Roberto Matavelli, Cibele Pereira Costa, Flvia Augusto, Inez Justina dos Santos (licenciada), Joo Carlos Castilho Garcia, Joaquim Carlos Monteiro de Carvalho, Jos Aparecido Maion, Jos Augusto Pico, Jos Carlos Duarte Leardine, Jos Carlos Melchior Arnosti, Manasss Efraim Afonso, Manoel do Nascimento Verssimo, Marcelo Roberto Monello, Mariano Amdio, Maria Thereza Pompa Antunes, Mauro Manoel Nbrega, Nelmir Pereira Rosas, Neusa Prone Teixeira da Silva, Oswaldo Pereira, Rita de Cssia Bolognesi (licenciada), Sebastio Luiz Gonalves dos Santos, umberto Jos Tedeschi, Valdimir Batista, Valmir Lencio da Silva, Walter Irio e Wanderley Antonio Laporta.

    consElHEiRos sUPlEntEs

    Ana Maria Galloro Laporta, Alexandre Ferezini, Alexandre Juniti Kita, Antonio Carlos Gonalves, Carlos Alberto Vieira, Claudio Gonalo Longo, Elizabeth Castro Maurenza de Oliveira, Emir Castilho, Fernando de Almeida Santos, Gilberto Freitas, Jairo Balderrama Pinto, Janaina Beatriz Pelicer Bevilacqua,

  • GESTOR CONTBIL 3

    Por Claudio Filippi Presidente da Gesto 2014-2015 do CRC SP

    Reservamos o final do ano para uma reflexo sobre as realizaes que vivemos na vida pessoal, no trabalho, no pas. Na seara da economia, sabemos que em 2015 o Brasil ter que fazer um ajuste fiscal, com forte empenho em segurar a inflao e administrar com muito critrio as contas externas.

    Todo incio de ano fazemos uma espcie de plano estratgico para os dias que viro. disso que o pas precisa, de planos a curto, mdio e longo prazos que repensem o investimento, revejam as prioridades e apliquem no capital humano brasileiro.

    Em 2015, comea a aplicao da Lei n 12.973/2014, por isso, nesta edio voltamos nossa ateno para esse tema, para que nossos leitores possam debater o assunto que de grande interesse para a Contabilidade.

    Terminamos um ano excepcionalmente agitado para os brasileiros, com Copa do Mundo e eleies, um ano muito rico para a Contabilidade, com a exi-gncia de que o profissional contbil participe da prestao de contas eleitorais.

    Ao iniciar um novo ciclo, queremos que voc receba nossos votos de muito sucesso e prosperidade na sua vida pessoal, na carreira e como cidado.

    sUcEsso E PRosPERidadE PARA 2015

    caRta do editoR

    AGREGANDO VALOR

    PROFISSO

  • 4 GESTOR CONTBIL

    sumRio

  • 5 GESTOR CONTBIL

    matRia

    9

    caRta do EditoR3

    6

    matRia

    PREstao dE contas ElEitoRais dEvE sER ElaBoRada PElo PRofissional da contaBilidadE

    lEi n 12.973 consolida ifRs na contaBilidadE BRasilEiRa

    1 5 RUBERlEi RocHa MacHadocase

    li, GostEi E REcoMEndo

    dEsEnvolviMEnto PRofissional cRonoGRaMa dE atividadEs

    2 3

    1 9estante

    aGenda

  • 6 GESTOR CONTBIL

    matRia

    As prestaes de contas das eleies de 2014 tiveram um diferencial. De acordo com a Resoluo n 23.406/2014, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a partir deste ano, esses documentos s poderiam ser entregues com as assinaturas de um profissional da Contabilidade e de um advogado.

    O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) j pleiteava essa obrigatoriedade h mais tempo,

    afirmou o vice-presidente de Desenvolvimento Profissional e Institucional do CFC, zulmir Ivnio Breda. A assinatura do profissional da Contabi-lidade estabelece a segurana de que a presta-o de contas foi feita de acordo com as normas contbeis vigentes e que segue as orientaes e determinaes da legislao eleitoral, explicou zulmir.

    6 GESTOR CONTBIL

    PREstaEs dE contas ElEitoRais EM 2014

    tRaZEM assinatURa dE PRofissional da contaBilidadE

    a assinatura do profissional da contabilidade naprestao traz mais segurana, declarou Zulmir.

  • 7 GESTOR CONTBIL

    Segundo o chefe da Seo de Contas Eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral de So Paulo (TRE-SP), Filippe Lizardo, a participao do profis-sional da Contabilidade na elaborao das prestaes de contas agilizar o processo. H uma srie de regras a serem observadas e o auxlio do profissio-nal da rea contbil aumenta a probabilidade de xito, disse.

    As regras para a prestao de contas das eleies de 2014 foram estabelecidas pela Resoluo TSE n 23.406/2014, que versa tambm sobre a arrecadao e os gastos de recursos por partidos polticos, candidatos e comits financeiros. A pres-tao de contas obrigatria para os candidatos e para os diretrios partidrios nacional e estaduais, em conjunto com os respectivos comits financeiros, caso constitudos.

    Para facilitar, este ano foi lanado o Sistema de Prestao de Contas Eleitorais (SPCE). Trata-se de um programa desenvolvido pela Justia Eleitoral para auxiliar na elaborao da prestao de contas de campanhas eleitorais dos candidatos, comits financeiros e partidos polticos.

    Neste ano, as prestaes foram geradas ele-tronicamente por meio do SPCE e enviadas via internet para a Justia Eleitoral. O extrato da prestao de contas deveria ser impresso e protocolado no Tribunal Eleitoral, assinado pelo candidato, por um profissional da Contabilidade e um advogado, junto com outros documentos, como extratos da conta bancria em nome dos candidatos, partidos ou comits financeiros, comprovante de recolhi-mento das sobras financeiras de campanha, termo de assuno de dvida, se houver, entre outros.

    GESTOR CONTBIL 7

    filippe destaca a importncia de uma boa assessoria para a elaborao da prestao de contas.

  • 8 GESTOR CONTBIL

    Caso a prestao no seja entregue ou faltem documentos que comprovem as informaes, ser considerado que as contas no foram prestadas. Os candidatos nessa situao no podero obter a certido de quitao eleitoral a