Metas de Aprend CIÊNCIAS NAT

of 59 /59
1 PROJECTO METAS DE APRENDIZAGEM ÁREA DE CIÊNCIAS FÍSICAS E NATURAIS CIÊNCIAS NATURAIS 18 de Junho de 2010

Embed Size (px)

Transcript of Metas de Aprend CIÊNCIAS NAT

PROJECTO METAS DE APRENDIZAGEM

REA DE CINCIAS FSICAS E NATURAIS

CINCIAS NATURAIS

18 de Junho de 2010

1

METAS DE APRENDIZAGEM CINCIAS

A concretizao do Projecto na rea das Cincias Experimentais implicou a definio de fases / etapas escalonadas e articuladas.

1. Caracterizao das disciplinas curriculares envolvidas. As Cincias esto presentes no CNEB na Educao Pr-Escolar (rea de Conhecimento do Mundo), e nos trs Ciclos do EB atravs das Cincias Fsicas e Naturais, as quais tomam designaes prprias conforme a sua especificidade: no 1 CEB - Estudo do Meio; no 2 Ciclo Cincias da Natureza e no 3 Ciclo Cincias Fsico-Qumicas e Cincias Naturais. As Cincias so, portanto, uma rea do conhecimento presente no Currculo Nacional, a qual vai evoluindo de perspectivas integradas com as Cincias Sociais, nos primeiros anos, para perspectivas autonomizadas a partir do 2 CEB e, no caso do 3 CEB, em duas disciplinas com objecto de estudo diferenciado. 2. Anlise do CNEB Competncias Essenciais (DEB, 2001), relativamente s Competncias Especficas preconizadas para as Cincias Fsicas e Naturais (pp. 129146). Os Temas Organizadores aqui definidos foram tomados como estruturantes para a organizao das Metas de Aprendizagem de Cincias. So eles Terra no espao, Terra em transformao, Sustentabilidade na Terra e Viver melhor na Terra. 3. A definio das Metas teve em considerao o conhecimento substantivo, o conhecimento processual, o conhecimento epistemolgico e capacidades de raciocnio e de comunicao previstos como devendo ser desenvolvidas ao longo do Ensino Bsico. 4. Cada um dos quatro Temas Organizadores est organizado em sub-Temas, os quais, por sua vez, contemplam vrios Tpicos. Esta estrutura foi considerada na definio das metas de aprendizagem, estabelecendo-se trs nveis distintos. Assim, define-se: - a meta de aprendizagem transversal final, por Ciclo, para cada Tema; - a meta de aprendizagem geral final, por Ciclo, para cada sub-Tema; - as metas de aprendizagem especficas, finais e intermdias, por Tpico. 5. Para cada Tpico as metas de aprendizagem so ordenadas tendo em perspectiva as aprendizagens essenciais preconizadas, de acordo com o ponto 3, no estando a ordenao apresentada vinculada a uma estratgia de ensino particular. 6. A articulao entre Ciclos, ao nvel dos Temas Organizadores, foi considerada essencial pelo que tal deve ser espelhado na Meta de aprendizagem transversal final enunciada. Para concretizar este princpio foi necessrio reajustar, pontualmente, os sub-Temas e precisar alguns Tpicos. Assim, a apreciao das Metas de aprendizagem (transversal, geral final e especficas) por Ciclo deve ter em considerao o previsto no Ciclo anterior.

2

REA INTEGRADA de ESTUDO DO MEIO -1 Ciclo

A rea curricular de Estudo do Meio, no currculo do 1 Ciclo da Educao Bsica, configurase como a iniciao sistemtica e integrada aos campos de conhecimento cientfico que permitem analisar, interpretar e compreender a realidade do mundo natural e social que enquadra as pessoas e os grupos. Implica a passagem de um olhar de senso comum para a aquisio de conceitos e contedos bsicos, bem como mtodos de observao e experimentao que permitam uma compreenso rigorosa e fundamentada, ainda que num nvel inicial, com as dimenses do conhecimento a adquirir. Constitui-se como uma aprendizagem estruturante quer da insero da criana no universo social e natural a que pertence, quer no desenvolvimento cientfico futuro dos vrios domnios de conhecimento relativos realidade social e natural. Orientada por estas finalidades curriculares, a rea de Estudo do Meio convoca conhecimentos de vrios domnios cientficos, nomeadamente da Geografia, das Cincias Naturais e Fsico-Qumicas, que evoluem depois em especializaes mais finas nos ciclos subsequentes. No segundo ciclo, estas ltimas convergem na disciplina de Cincias da Natureza e no terceiro ciclo na rea disciplinar Cincias Fsicas e Naturais, subdividida em Cincias Naturais e Cincias Fsico-Qumicas. As reas de Histria e Geografia evoluem no 2 ciclo para a disciplina de Histria e Geografia de Portugal, e no 3 separam-se nas disciplinas autnomas de Histria e de Geografia. No sentido de traduzir a rea de Estudo do Meio em Metas de Aprendizagem esperadas dos alunos no final do 1 ciclo, procedeu-se a uma integrao destas trs disciplinas do conhecimento, dando-lhes um sentido curricular convergente, e organizando-as em trs domnios integradores, que correspondem ao que estabelece o Currculo Nacional (2001, p. 81) e que d sentido articulado aos Blocos que estruturam o Programa de Estudo do Meio (Organizao curricular e Programas, 2006: 99-131):

- Localizao no espao e no tempo; - Conhecimento do ambiente natural e social; - Dinamismo das inter-relaes natural-social.

3

No interior destes domnios estabeleceram-se diversos sub-domnios que integram as dimenses organizativas das vrias reas disciplinares envolvidas, que tm continuidade nos ciclos subsequentes. A definio das Metas teve em considerao o conhecimento substantivo, o conhecimento processual, o conhecimento epistemolgico e capacidades de raciocnio e de comunicao, elementos curriculares previstos como devendo ser desenvolvidos ao longo do ensino bsico, semelhana do que ocorre na grande maioria dos currculos de outros pases para este nvel. Os mesmos trs domnios integradores foram utilizados na organizao das Aprendizagens desejveis entrada do 1 Ciclo do Ensino Bsico, que se apresentam em documento prprio, sob a categoria: Conhecimento de si e do mundo.

4

Aprendizagens desejveis no incio do 1 ciclo da educao bsica1

VERSO FINAL

Domnio: Conhecimento de si e do mundo

Sub-domnio: Localizao no espao e no tempo

Utiliza noes espaciais relativas, a partir da sua perspectiva como observador (em cima/em baixo, dentro/fora, entre, perto/ longe, atrs/ frente, esquerda/ direita.).

Localiza elementos dos seus espaos de vivncia e movimento (sala de actividades, escola, habitao, outros) em relao a si mesmo, e uns em relao aos outros, e associaos s suas finalidades.

Reconhece uma planta (simplificada) como representao de uma realidade

Identifica elementos conhecidos numa fotografia, e confronta-os com a realidade observada.

Descreve itinerrios dirios (exemplos: casa-escola; casa ou escola-casa de familiares) e no dirios (passeios, visitas de estudo). Reconhece diferentes formas de representao da Terra e identifica nas mesmas alguns lugares.

1

Estas aprendizagens so esperveis entrada da escolaridade bsica. Podero ter sido desenvolvidas em Jardim-de-infncia ou em contextos informais. Cabe escola e professores do 1 ciclo garantir a sua consecuo prvia, no caso de no terem sido anteriormente adquiridas. Relativamente Educao PrEscolar, estas aprendizagens so referenciais, mas no esgotam nem limitam o que pode ser desenvolvido e estimulado nesse contexto educativo. Para facilitar a identificao por parte dos professores do 1 ciclo e a articulao com a Educao Pr-Escolar, as aprendizagens contempladas no domnio de Conhecimento de si e do mundo foram distribudas pelos mesmos blocos adoptados para organizar o Estudo do Meio.

5

Distingue unidades de tempo bsicas (dia e noite, manh e tarde, semana, estaes do ano, ano)

Nomeia, ordena e estabelece sequncias de diferentes momentos da rotina diria e reconhece outros momentos importantes de vida pessoal e da comunidade (ex. aniversrios e festividades).

Identifica algumas diferenas e semelhanas entre meios diversos e ao longo de tempos diferentes, (Ex. diferenas e semelhanas no vesturio e na habitao em aldeias e cidades actuais, ou na actualidade e na poca dos castelos, prncipes e princesas).

Representa (atravs de desenho ou de outros meios) lugares reais ou imaginrios e descreve-os oralmente.

Domnio: Conhecimento de si e do mundo

Sub-domnio: Conhecimento do ambiente natural e social

No incio do 1 ciclo da educao bsica, a criana:

Identifica elementos do ambiente natural (exemplos. estados de tempo, rochas, acidentes orogrficos, linhas de gua, flora) e social (exemplos. construes, vias e meios de comunicao, servios) de um lugar.

Formula questes sobre lugares e contextos e acontecimentos que observa (directa ou indirectamente) no seu quotidiano

Estabelece semelhanas e diferenas entre materiais e entre materiais e objectos, segundo algumas propriedades simples (exemplos: textura, cor, cheiro, resistncia, dureza, som que produzem)

Classifica materiais por grandes grupos (exemplos: metais, plsticos, papis) relacionando as suas propriedades com a funo de uso dos objectos feitos a partir deles. Indica, em casos particulares, que os objectos e os seres vivos podem ser afectados por foras que actuam sobre eles e podem modificar a sua posio (exemplos. o que acontece num balanc quando objectos iguais so colocados em diferentes posies 6

nos braos do mesmo; o deslocamento de objectos rolantes, revestidos com materiais distintos, largados numa rampa de inclinao varivel).

Identifica a origem de um dado material de uso corrente (animal, vegetal ou mineral) Identifica comportamentos distintos de materiais (exemplos: atraco/no atraco de materiais por um man; conservao de um cubo de gelo; separao dos componentes de uma mistura de gua com areia; tipo de imagens de um objecto em diferentes tipos de espelho).

Identifica, designa e localiza correctamente diferentes partes externas do corpo, e a sua identidade sexual. Identifica-se (nome completo, idade, nome de familiares mais prximos, localidade onde vive e nacionalidade), reconhecendo as suas caractersticas individuais. Expressa um sentido de conhecimento de si mesmo e de pertena a um lugar e a um tempo.

Reconhece que o ser humano tem necessidades fisiolgicas (sede, fome, repouso), de segurana (abrigo e proteco), sociais (pertena e afecto), de estima (reconhecimento, estatuto) e de auto-realizao e que passa por um processo de crescimento e desenvolvimento, explicando semelhanas e diferenas entre estas necessidades humanas e as de outros seres vivos

Identifica permanncia e mudana nos processos de crescimento, associando-o a diferentes fases nos seres vivos, incluindo o ser humano (beb, criana, adolescente, jovem, adulto, idoso).

Verifica que os animais apresentam caractersticas prprias e nicas e podem ser agrupados segundo diferentes critrios (exemplos: locomoo, revestimento, reproduo). Identifica as diferentes partes constituintes de vrios tipos de animais e reconhece alguns aspectos das suas caractersticas fsicas e modos de vida (exemplos: formigas, caracis, caranguejos e periquitos).

Compara o processo de germinao de sementes distintas e o crescimento de plantas, atravs de experincias, distinguindo as diferentes partes de uma planta. Identifica algumas profisses e servios no seu meio familiar e local, ou noutros que conhea

Reconstri relatos acerca de situaes do presente e do passado, pessoal, local ou outro, e distingue situaes reais (pocas antigas e modernas) de ficcionais (exemplos: contos de fadas, homem aranha) 7

Antecipa aces simples para o seu futuro prximo e mais distante, a partir de contextos presentes (exemplos: o que vou fazer logo, amanh, o que vou fazer no meu aniversrio, quando for grande)

Identifica informaes sobre o passado expressas em linguagens diversas (ex. testemunhos orais, documentos pessoais, fotografias da famlia, imagens, objectos, edifcios antigos, esttuas).

Ordena acontecimentos, momentos de um relato ou imagens com sequncia temporal construindo uma narrativa cronolgica, mobilizando linguagem oral e outras formas de expresso.

Domnio : Conhecimento de si e do mundo

Sub-domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social

No incio do 1 ciclo da educao bsica a criana:

Situa-se socialmente numa famlia (relacionando graus de parentesco simples) e tambm noutros grupos sociais de pertena, reconhecendo a sua identidade pessoal e cultural. Descreve a importncia da separao dos resduos slidos domsticos, identificando os materiais a colocar em cada um dos ecopontos

Manifesta comportamentos de preocupao com a conservao da natureza e respeito pelo ambiente, indicando algumas prticas adequadas (exemplos. no desperdiar gua e electricidade; no deitar papeis e outros resduos para o cho)

Identifica sequncias de ciclos de vida de diferentes fenmenos que esto relacionados com a sua vida diria (noite e dia, estaes do ano, estados do tempo, por ex, com a forma de vestir, com actividades a realizar)

Usa e justifica algumas razes de prticas de higiene corporal, alimentar, sade e segurana (exemplos. lavar as mos antes das refeies e sempre que necessrio, lavar os dentes, lavar os alimentos que se consomem crus, evitar o consumo excessivo de 8

doces e refrigerantes, ir periodicamente ao mdico, caminhar pelo passeio, atravessar nas passadeiras, respeitar semforos, cuidados a ter com produtos perigosos).

Reconhece a diversidade de caractersticas e hbitos de outras pessoas e grupos, manifestando atitudes de respeito pela diversidade.

9

PROJECTO METAS DE APRENDIZAGEM

1 CICLO

ESTUDO DO MEIO

10

Domnio: Localizao no espao e no tempo Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal META FINAL DE CICLO 1. O aluno localiza, em relao a um ponto de referncia, elementos naturais e humanos do meio local, utilizando diferentes processos de orientao. REFERNCIA CURRICULAR A localizao no espao e no tempo (Domnio de competncias, Currculo Nacional). descoberta de si mesmo; descoberta dos outros e das instituies; descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) . Currculo Nacional do Ensino Bsico - Competncias Essenciais (2001)- Espacialidade Metas intermdias 1.1. (2 ano) O aluno: -Localiza elementos naturais e humanos da paisagem do local onde vive, utilizando a posio do observador como elemento de referncia (por ex: perto de/longe de; em frente de/atrs de; esquerda de/ direita de). - Localiza em plantas, maquetas, mapas, e tambm em suportes informticos, espaos familiares (ex. onde mora), ligados ao seu passado prximo (ex. local de nascimento, locais onde tenha vivido ou passado frias) ou relacionados com a comunidade (ex. hospital, escolas, bombeiros, campo de jogos). Metas intermdias 1.2. (4 ano) O aluno: -Identifica os pontos cardeais e usa-os para localizar elementos naturais e humanos do meio local e da regio onde vive. - Utiliza diversos processos para referenciar os pontos cardeais (posio do Sol, bssola, estrela polar,...), na orientao, localizao e deslocao na Terra.

11

Domnio: Localizao no espao e no tempo Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal META FINAL DE CICLO 2. O aluno l formas simplificadas de representao cartogrfica, com diferentes escalas, e representa, nas mesmas, lugares, elementos naturais e humanos, utilizando o ttulo, a legenda e a orientao, como fonte para a relao da aco humana com diferentes espaos e tempos. REFERNCIA CURRICULAR A localizao no espao e no tempo (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo). Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Espacialidade. Metas intermdias 2.1. (2 ano) O aluno: - Desenha mapas mentais de espaos do seu quotidiano, utilizando smbolos na identificao de elementos de referncia. - Elabora itinerrios quotidianos e outros itinerrios, em plantas simplificadas do seu meio ou de outras localidades, assinalando elementos naturais e humanos. Metas intermdias 2.2. (4 ano) O aluno: - Utiliza representaes cartogrficas de vrias escalas, em suporte de papel ou digital, GPS, etc , para localizar a casa, a escola, o bairro, a localidade, a freguesia, o concelho em relao regio onde vive. Utiliza o globo terrestre e o planisfrio para localizar lugares ou elementos naturais e humanos no Mundo (continentes, pases, cidades, rios, cadeias montanhosas. Utiliza mapas de diferentes escalas, para localizar espao e acontecimentos escala local, nacional e mundial (ex: viagens e rotas da expanso portuguesa, eventos como os jogos olmpicos, etc.).

12

Domnio: Localizao no espao e no tempo Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal (cronologia e conceito de mudana) META FINAL DE CICLO 3. O aluno utiliza diferentes unidades/convenes temporais e situa no tempo rotinas, datas, eventos e personagens da Histria e das comunidades actuais. REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1. descoberta de si mesmo (pp. 111-113); Bloco 2. descoberta dos outros e das instituies (pp.116-119) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Temporalidade, pp. META INTERMDIA 3.1. (2 ano) O aluno: Reconhece diferentes unidades de tempo do sistema convencional de medio: hora, dia, semana, ms, ano (comum ou bissexto), estaes do ano e utiliza o relgio e o calendrio na medio do tempo. Sequencializa por ordem cronolgica relatos narrativos (reconto de uma histria), fontes icnicas e objectos, estabelecendo relaes de anterioridade, posterioridade e simultaneidade (antes de depois de, ao mesmo tempo que).

META INTERMDIA 3.2. (4 ano) O aluno: Utiliza diferentes unidades de tempo: dia, semana, ms, ano, dcada, sculo, milnio, e as referncias temporais a.C. e d. C. .

Sequencializa por ordem cronolgica datas, personagens e factos significativos associados Histria local e nacional (ex: 1143, tratado de Zamora; 1498, chegada de Vasco da Gama ndia; 1910, implantao da Repblica; 25 de Abril de 1974) Estima a durao entre acontecimentos, como intervalo de tempo e distncia temporal (ex: a implantao da Repblica ocorreu h cem anos).

13

Domnio: Localizao no espao e no tempo Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal (cronologia e conceito de mudana) META FINAL DE CICLO 4. O aluno constri linhas de tempo relacionadas com rotinas e datas significativas para a histria pessoal, local e nacional. REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1. descoberta de si mesmo (pp. 111-113); Bloco 2. descoberta dos outros e das instituies (pp.116-119) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Temporalidade. META INTERMDIA 4.1. (2 ano) O aluno: Constri diferentes tipos de linhas de tempo (circulares e/ou lineares) relacionadas com rotinas dirias e tempo cclico (ex: momentos do dia: manh, tarde e noite; o dia, a semana, as estaes do ano), e tempo linear com datas e marcos importantes da sua vida (aniversrios, festas, cerimnias, etc. ) e da comunidade (Natal, Carnaval, Pascoa, outras festas de outras culturas, dia da criana, dia da rvore, festas locais), atendendo tambm experincia de cada criana. META INTERMDIA 4.2. (4 ano) O aluno: Constri diferentes tipos de linhas de tempo (lineares: verticais ou horizontais; circulares, em espiral, em zig-zag) relacionadas com datas e factos significativos da histria pessoal, local e nacional.

14

Domnio: Localizao no espao e no tempo Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal (cronologia e conceito de mudana) META FINAL DE CICLO 5 O aluno Identifica mudanas e permanncias ao longo do tempo pessoal, local e nacional, reconhecendo mltiplas perspectivas de mudana (progresso, ciclo, permanncia, simultaneidade). REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1. descoberta de si mesmo (pp. 111-113); Bloco 2. descoberta dos outros e das instituies (pp.116-119); Bloco 4. descoberta das interrelaes entre espaos (pp. 125-127) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Temporalidade, pp. META INTERMDIA 5.1. (2 ano) O aluno: Reconhece a existncia de mudanas e permanncias nos percursos de vida, incluindo o dele, identificando as fases da vida como um processo de mudana (ex: reconhece mudanas em si prprio e caractersticas que se mantm, e tambm parecenas/semelhanas com familiares). Identifica mudanas e permanncias comparando sociedades no passado e no presente (ex. o antes e o agora nos transportes, no vesturio, na habitao, nos brinquedos e brincadeiras). Associa aspectos de mudana a um progresso linear, gradual ou de ruptura (ex: ordena imagens sobre a evoluo dos transportes; momentos chave na sua vida: a entrada na escola). META INTERMDIA 5.2. (4 ano) O aluno: Reconhece mudanas nas culturas e tradies ao longo dos tempos, ao nvel da comunidade local e nas comunidades de origem (ex: sequencializa imagens do mesmo espao em diferentes perodos). Identifica diferenas e semelhanas entre o passado e o presente quanto a recursos materiais, tecnolgicos, econmicos e sociais (ex. mudanas nos smbolos nacionais; evoluo das comunicaes; mudanas na distribuio das actividades econmicas; permanncia da importncia das cidades do litoral apesar de modificadas). Reconhece diferentes direces e ritmos de mudana associadas ao conceito de diversidade (ex: identifica num mesmo perodo a coexistncia de realidades diferentes como cidade/campo ou riqueza/pobreza).

Domnio: Localizao no espao e no tempo 15

Sub-domnio: Localizao/Compreenso espacial e temporal META FINAL DE CICLO 6. O aluno constri uma viso de espao dinmica relacionada com a aco humana ao longo dos tempos. REFERNCIA CURRICULAR Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Espacialidade. METAS INTERMDIAS 6.1. (2. ano) O aluno: Constri mapas mentais de lugares reais ou fictcios, prximos ou distantes no tempo e no espao. METAS INTERMDIAS 6.2. (4. ano) O aluno: Constri a ideia de espao associada a diferentes tempos (ex: identifica marcas de diferentes pocas numa localidade, praa, rua, monumento).

16

Domnio: A Localizao no espao e no tempo Sub-domnio - A Terra no Espao: Universo e Sistema Solar. META FINAL DE CICLO 7. O aluno descreve, em termos gerais, a constituio do Universo e a constituio do sistema solar, explicando a importncia do Sol para a vida na Terra. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Terra no Espao (tema do CNEB); descoberta do Ambiente Natural (Bloco 3 da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 7.1. - 2 anoO Aluno:

Indica o Sol como a fonte de luz e calor para a Terra e verifica as suas posies ao longo do dia. Identifica elementos que integram a constituio do universo (estrelas, galxias,...) nomeando a sua galxia. METAS INTERMDIAS 7.2. 4 ano O Aluno: Distingue estrelas de planetas e simula em modelos (fsicos e informticos) o seu posicionamento / dinmica. Descreve o movimento aparente do Sol registando o tamanho e orientao das sombras ao longo do dia, do ano e em diferentes estaes do ano.

17

Domnio: A Localizao no espao e no tempo Sub-domnio - Localizao e compreenso espacial: a Terra no Sistema Solar META FINAL DE CICLO 8 O aluno descreve a forma e os movimentos da terra e da lua, explicando fenmenos como as estaes do ano. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Terra no Espao (tema do CNEB); descoberta do Ambiente Natural (Bloco 3 da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo).

METAS INTERMDIAS 8.1.- 4 ano O aluno: - Descreve, com base em representaes, a forma do planeta Terra. - Identifica os diferentes agentes erosivos (exemplos: vento, guas correntes, ondas, precipitao, ...)., reconhecendo a forma como moldam a superfcie da Terra.

METAS INTERMDIAS 8.2. -4 ano O aluno: - Identifica os movimentos da Terra rotao e translao. Explica porque se verifica a existncia sucessiva de dia e noite e estaes do ano. Identifica e representa a lua nas diversas fases, a partir da anlise de evidncias diversificadas.

18

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Conhecimento dos lugares e das regies META FINAL DE CICLO 9 O aluno descreve e compara elementos fsicos e humanos de lugares e regies, utilizando vocabulrio adequado. REFERNCIA CURRICULAR Conhecimento do ambiente natural e social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) METAS INTERMDIAS 9.1. (2 ano) O aluno: -Refere os estados de tempo mais frequentes na regio em que vive relatando as implicaes no seu quotidiano. - Associa o comportamento conjugado da precipitao, da temperatura e da nebulosidade a estados de tempo tpicos de cada estao do ano. METAS INTERMDIAS 9.2. (4 ano) O aluno: - Compara as formas de relevo, os rios e o povoamento da regio onde vive com os de outras regies do pas, utilizando vocabulrio adequado.

19

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Conhecimento dos lugares e das regies META FINAL DE CICLO 10 O aluno distingue diversas formas de uso do solo, identificando semelhanas e diferenas entre lugares e regies. REFERNCIA CURRICULAR Conhecimento do ambiente natural e social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo). METAS INTERMDIAS 10.1. (2 ano) O aluno: -Identifica diferentes tipos de uso do solo (habitao, comrcio, lazer ), assinalados em itinerrios percorridos na sua localidade, e refere semelhanas e diferenas relativamente a usos do solo observados em itinerrios percorridos por outras pessoas. METAS INTERMDIAS 10.2. (4 ano) O aluno: -Descreve diversas formas de uso do solo da sua regio (reas agrcolas, florestais, industriais ou tursticas) e compara-as com as de outras regies do pas.

20

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Conhecimento dos lugares e das regies META FINAL DE CICLO 11. Descreve elementos naturais e humanos de lugares e regies atravs de recolha adequada de informao REFERNCIA CURRICULAR Conhecimento do ambiente natural e social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) METAS INTERMDIAS 11.1. (2 ano) O aluno: - Descreve elementos naturais e humanos do lugar atravs da recolha de informao. METAS INTERMDIAS 11.2. (4 ano) O aluno: - Mobiliza informao recolhida sobre fenmenos geogrficos (cursos de gua, serras, reas funcionais; ocupao do espao agrcola; actividades industriais; qualidade ambiental) na descrio de lugares e regies.

21

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Conhecimento dos lugares e das regies META FINAL DE CICLO 12 O aluno interpreta a realidade natural, humana, social, a partir de questes geogrficas, histricas, sociais, sobre a realidade que observa. REFERNCIA CURRICULAR Conhecimento do ambiente natural e social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo). METAS INTERMDIAS 12.1. (2 ano) O aluno: - Evidencia e desenvolve a capacidade de observar de forma analtica a realidade natural e humana . - Formula questes de natureza geogrfica, histrica e social sobre as caractersticas naturais e humanas de lugares (onde? como? porqu? Foi sempre assim?...). METAS INTERMDIAS 12.2. (4 ano) O aluno: -Selecciona informao sobre problemas ambientais e sociais (trnsito, resduos slidos urbanos, a pobreza, poluio da gua), - Formula a partir da informao obtida, questes de natureza geogrfica, histrica e social que sustentam a procura de explicaes fundamentadas para as questes suscitadas.

22

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Conhecimento dos lugares e das regies META FINAL DE CICLO 12 O aluno interpreta a realidade natural, humana, social, a partir de questes geogrficas, histricas, sociais, sobre a realidade que observa. REFERNCIA CURRICULAR Conhecimento do ambiente natural e social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo). METAS INTERMDIAS 12.1. (2 ano) O aluno: - Evidencia e desenvolve a capacidade de observar de forma analtica a realidade natural e humana . - Formula questes de natureza geogrfica, histrica e social sobre as caractersticas naturais e humanas de lugares (onde? como? porqu? Foi sempre assim?...). METAS INTERMDIAS 12.2. (4 ano) O aluno: -Selecciona informao sobre problemas ambientais e sociais (trnsito, resduos slidos urbanos, a pobreza, poluio da gua), - Formula a partir da informao obtida, questes de natureza geogrfica, histrica e social que sustentam a procura de explicaes fundamentadas para as questes suscitadas.

23

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Compreenso histrica contextualizada META FINAL DE CICLO 13. O aluno sistematiza conhecimentos de si prprio, da sua famlia, comunidade, histria local, nacional e europeia, reconhecendo mudanas relativamente ao passado prximo e ao passado mais longnquo. REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1. descoberta de si mesmo (pp. 111-113) Bloco 2. descoberta dos outros e das instituies (116-119) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Contextualizao (pp. 87-89; 95-99). METAS INTERMDIAS 13.1. (2. ano) O aluno: Revela conhecimento de si prprio ao nvel da sua identificao e filiao, relaciona graus de parentesco directo e colaterais, at terceira gerao. Descreve, de forma estruturada, aces e actividades passadas com amigos e familiares em diferentes contextos (festas, frias, no dia-a-dia) e lugares (em casa, na escola, na rua).

METAS INTERMDIAS 13.2. ( 4. ano) O aluno: Estabelece relaes de parentesco directo e colaterais, at 3. gerao, e constri rvores genealgicas (ex. rvore genealgicas de gerao, esquemas genealgicos e rvores de costados), tendo em conta diversas modalidades de famlia existentes na sociedade actual. Descreve aspectos significativos da histria pessoal e familiar, da histria local, nacional no contexto europeu (origem da povoao, concesso de forais, batalhas, lendas, figuras da histria local e nacional).

24

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Compreenso histrica contextualizada META FINAL DE CICLO 14 O aluno reconhece e respeita identidades sociais e culturais luz do passado prximo e longnquo, tendo em conta o contributo dos diversos patrimnios e culturas para a vida social, presente e futura. REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1. descoberta de si mesmo (p. 111-113) Bloco 2. descoberta dos outros e das instituies (116-120) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Contextualizao (pp. 87-89; 95-99). METAS INTERMDIAS 14.1. (2. ano) Inter-relaciona aspectos da vida em sociedade, reconhecendo regras de convivncia social, de respeito pelos outros e de dilogo. Identifica elementos do seu passado prximo pessoal, familiar e mais longnquo . Revela capacidade em projectar aces num futuro prximo (ex: o que vou fazer amanh) ou longnquo ( ex: as prximas frias ou quando for adulto).

METAS INTERMDIAS 14.2.( 4. ano) Reconhece a diversidade cultural descrevendo costumes e tradies de outros povos / ou minorias, e respeitando essa diferena (ex. minorias tnicas que possam existir na sua localidade ou bairro, ou que conhece por outras vias - media, viagens, cinema, leitura..). Descreve aces de diversos intervenientes na Histria nacional em situaes de interaco pacfica ou de tenso/conflito, distinguindo alguns dos seus motivos e identificando consequncias dessas situaes. Identifica e valoriza o patrimnio histrico - local, nacional, europeu, mundial analisando vestgios do passado (habitaes, castelos, moinhos, igrejas, monumentos pr-histricos, pontes, solares, pelourinhos), costumes, tradies, smbolos e efemrides (ex. feriados, bandeira, brases, hino regional e nacional). Relaciona o presente com o passado histrico nacional. e projecta algumas possibilidades futuras a nvel pessoal e colectivo (ex. mudanas possveis no futuro, na dimenso pessoal e profissional, a partir das condies do presente e tendo em conta o passado; imaginar a vida daqui a 10 anos em vrias dimenses -social, econmica, energtica, tecnolgica . )

25

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Compreenso histrica contextualizada (Sistematizao de conceitos em uso ) META FINAL DE CICLO 15. O aluno mobiliza e integra vocabulrio e conceitos substantivos especficos dos diferentes temas e problemas abordados e na interpretao de situaes vividas. REFERNCIA CURRICULAR Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Contextualizao (pp. 87-89; 95-98). METAS INTERMDIAS 15.1. (2 ano) O aluno: Reconhece e mobiliza em situao, de forma integrada e transversal aos contedos programticos, conceitos essenciais ao nvel requerido para a compreenso desses contedos. (Exs: Identificao; apelido; naturalidade; nacionalidade; famlia; parentesco; graus de parentesco; rvore genealgica; gerao; habitao; convivncia social; colectividade; localidade; calendrio; estaes do ano; itinerrios; servios; comrcio local; meios de transporte, profisses). Eliminei os repetidos METAS INTERMDIAS 15.2.( 4 ano) O aluno: Reconhece e mobiliza em situao, de forma integrada e transversal aos contedos programticos, conceitos essenciais ao nvel requerido para a compreenso desses contedos. (Exs: filiao; gerao; inter-geracional; toponmia; estaturia; tradies e costumes; smbolos locais, regionais e nacionais (bandeiras, brases e hinos); instituies; sectores de actividades; agricultura; silvicultura; explorao mineira; actividade piscatria; pecuria; indstria; comrcio; servios; meios de comunicao pessoal e social; aglomerados populacionais; emigrao; imigrao; migrao; culturas; minorias; pases lusfonos; feriados; vida quotidiana; descobrimentos; expanso martima; monarquia; repblica; democracia; Unio Europeia).

26

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Utilizao de fontes de informao META FINAL DE CICLO 16. O aluno interpreta fontes diversas e, com base nestas e em conhecimentos prvios, produz informao e inferncias pertinentes sobre o passado pessoal e familiar, local, nacional e europeu. REFERNCIA CURRICULAR Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001) - Tratamento de informao/utilizao de fontes (pp. 87-89; 90-92). Transversal a todo o programa. METAS INTERMDIAS 16.1. (2. ano) O aluno: Reconhece a funo de fontes documentais na identificao pessoal (ex. registo de nascimento, carto de cidado, boletim de vacinas, fotografia pessoal) e na construo do conhecimento do passado pessoal e familiar. Distingue fontes com linguagens diversas (orais, escritas, iconogrficas, outras), analisando fontes com diferentes mensagens (fotografias, imagens, objectos, documentos pessoais) para a compreenso gradual do seu passado pessoal e familiar.

METAS INTERMDIAS 16.2. (4. ano) O aluno: Constri conhecimento sobre o passado familiar, local, regional e nacional no contexto europeu, pesquisando e seleccionando fontes. (evitar a formulao de tipo estratgia) Distingue e analisa diferentes fontes de conhecimento histrico (orais, escritas, iconogrficas, grficas, patrimoniais, audio-visuais, outras), e com estatuto diferente (documentos legais, fontes privadas e pblicas). Descreve, analisa e compara fontes diversas e com diferentes mensagens, identificando aspectos consensuais nessas mensagens, assim como a existncia de diferentes vises. Realiza inferncias a partir de fontes com diferentes mensagens.

27

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Comunicao de conhecimento sobre o meio natural e social (transversal a todos os sub-domnios) META FINAL DE CICLO 17 O aluno utiliza adequadamente a comunicao escrita e oral e outras formas de comunicao e expresso para desenvolver e expressar conhecimentos e concepes relacionadas com o meio natural e social, no presente e no passado. REFERNCIA CURRICULAR Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001 - pp. 87-89; 104). Transversal ao currculo. METAS INTERMDIAS 17.1. (2. ano) O aluno: Usa adequadamente a lngua portuguesa para comunicar os seus conhecimentos, concepes e questes sobre o meio, no presente e no passado, oralmente e por escrito , em suportes diversos, produzindo pequenos textos. Identifica e manifesta conhecimentos e sentimentos relacionados com vivncias no seu meio prximo e distante, no presente e no passado, atravs de expresses diversas (desenho, pintura, dramatizao , cinema, outras).

METAS INTERMDIAS 17.2 (4. ano) O aluno: Compara conhecimentos e pontos de vistas relativamente a factos estudados, do presente e do passado, em Portugal e no mundo, participando em dilogos com outros e recorrendo a leituras e outras informaes disponveis. Identifica e comunica concepes, conhecimentos e sentimentos relacionados com culturas de lugares e tempos actuais e distantes, e com fenmenos naturais da actualidade ou do passado, atravs de expresses culturais diversas.

28

Domnio: Conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Comunicao de conhecimento sobre o meio natural e social (transversal a todos os sub-domnios) META FINAL DE CICLO 18. Utiliza as TIC como recurso para estruturar, comunicar e debater conhecimentos sobre o meio natural e social. MUDEI REFERNCIA CURRICULAR Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001 -pp. 87-89; 104). Transversal ao currculo. METAS INTERMDIAS 18.1. (2. ano) O aluno: Utiliza as TIC para comunicar por escrito, ou por imagem e som, ideias e conhecimentos relativos a lugares, regies e acontecimentos estudados. METAS INTERMDIAS 18.2. (4. ano) O aluno: Utiliza as TIC como recurso para comunicar, e participar, ao seu nvel de saber, em espaos digitais de debate e divulgao sobre questes ligadas ao meio natural e social.

29

Domnio: O conhecimento do ambiente natural e social Sub-domnio: Viver melhor na Terra (Organismo Humano) META FINAL DE CICLO 19 O aluno sistematiza as modificaes ocorridas no seu corpo, explicando as funes principais de rgos constituintes, bem como as funes vitais de sistemas humanos, e relaciona caractersticas fisionmicas de membros da mesma famlia. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das interrelaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 19.1. Identidade do Corpo (2ano) O Aluno: Reconhece modificaes do seu corpo e dos outros (exemplos: queda dos dentes de leite e nascimento da dentio definitiva e mudanas na voz). Identifica caractersticas familiares transmitidas de geraes anteriores (exemplos: cor dos olhos e do cabelo). METAS INTERMDIAS 19.2. Sistemas funo e estrutura (4 ano) O Aluno: Descreve os sistemas vitais (digesto, pulsao e respiratrio) explicando as funes que cada um deles desempenha no organismo Explica a funo dos ossos, dos msculos e da pele. Identifica a funo reprodutora/sexual.

30

Domnio: O conhecimento do meio natural e social. Sub-domnio: Viver melhor na Terra META FINAL DE CICLO 20 O aluno identifica e verifica propriedades de diferentes materiais, condies em que se manifestam e formas de alterao do seu estado fsico, e manipula pequenos dispositivos para fins especficos. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das interrelaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 20.1 Materiais (2 ano)

Distingue materiais segundo as suas propriedades (exemplos: resistncia, dureza,transparncia, decomposio natural, capacidade para ser reciclado e ou reutilizado,...).associando possibilidade de serem usados no fabrico de objectos (exemplos: utenslios de cozinha, barcos, ...). Identifica caractersticas da luz relacionadas com os objectos: propagao em linha recta, necessidade da luz para a viso dos objectos, relao luz-sombra, efeitos da incidncia de luz em diferentes materiais. Identifica a existncia do ar, do seu peso e a sua relao com o comportamento de objectos (exemplo: bales de ar quente e frio). Descreve processos laboratoriais para fornecer diferentes evidncias sobre o ar e a luz. Demonstra pensamento cientfico (prevendo, experimentando, ...) verificando o comportamento de diferentes objectos em contacto com gua (flutuao, afundamento) , com a luz e com o ar. METAS INTERMDIAS 20.2. Materiais (4 ano) O aluno: Analisa materiais e organiza-os com base em critrios de classificao diversificados (exemplos: naturais ou manufacturados; origem mineral, vegetal ou animal; estado fsico; atrados / no atrados pelo man,...), Identifica factores (variveis) que podem influenciar o comportamento (flutuao / afundamento, dissoluo) de materiais/objectos diferentes na gua e em outros lquidos e qual o efeito da variao de cada um deles. Identifica caractersticas da imagem de um objecto reflectida num espelho plano, cncavo, convexo e cilndrico, verificando a variao do nmero de imagens de um objecto em dois espelhos planos quando estes se associam de forma diferente. Indica caractersticas de diferentes amostras de solo (cor, textura, cheiro, permeabilidade),reconhecendo, em amostras de rochas existentes no ambiente prximo, algumas das suas caractersticas (cor, textura, dureza) e suas aplicaes. Descreve o ciclo da gua, identificando as mudanas de estado que ocorrem, e 31

participando em processos laboratoriais para a sua verificao. Demonstra pensamento cientfico (prevendo, planificando, experimentando,...) , explicitando os diferentes factores (variveis) que podem influenciar as caractersticas e fenmenos estudados. METAS INTERMDIAS 20.3. Equipamentos e funes de uso (4 ano) O aluno: Distingue diferentes partes constituintes de diversos dispositivos (bssolas, balanas, termmetros, cronmetros, lupa de mo e binocular) e constri alguns deles. Evidencia o uso correcto, em condies concretas, de equipamentos (exemplos: termmetro, lupa, mquina fotogrfica, gravador, de som e vdeo,...), segundo instrues fornecidas. Explica o funcionamento de roldanas, alavancas, molas e pndulos, organizando montagens adequadas. Identifica e descreve diferentes tipos de sons e suas fontes realizando actividades prticas de transmisso do som atravs de meios diferentes (slidos, lquidos e gasosos).

METAS INTERMDIAS 20.4. Fenmenos (4 ano) O aluno: Identifica em situaes do dia-a-dia ou laboratoriais fenmenos, tais como: diferentes formas de precipitao atmosfrica; deslizamento de objectos ao longo de rampas de inclinao varivel e revestidas com diferentes materiais; presso atmosfrica, .Descreve em que consiste a dissoluo de um material em gua e que este fenmeno mais rpido quando o soluto se dissolve em menos tempo naquele solvente.

32

Domnio: O conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Viver melhor na Terra META FINAL DE CICLO 21. O aluno caracteriza modificaes que ocorrem nos seres vivos e relaciona-as com manifestaes de vida. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das inter-relaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 21.1. - Mundo material Mundo natural e mundo vivo (2 ano) O aluno: Identifica manifestaes de vida (de animais e plantas, especialmente do seu meio) em diferentes fases do seu desenvolvimento e cuidados a ter ao longo da vida. Distingue a diversidade de sementes em funo de algumas das suas caractersticas (exemplos: forma, cor, tamanho, textura, massa, ...). METAS INTERMDIAS 21.2. - Mundo material Mundo natural e mundo vivo (2 ano) O aluno: Distingue a multiplicidade de formas, caractersticas e transformaes que ocorrem nos seres vivos ou parte deles (como as sementes), incluindo os que passam por metamorfoses, e tambm nos materiais. Identifica a influncia de alguns factores ambientais (gua e luz) na germinao das sementes e reconhece a variao do tempo de germinao de sementes de espcies distintas, mesmo quando sujeitas a condies ambientais semelhantes. Identifica diferentes fontes de energia numa variedade de situaes do dia-a-dia (exemplos: TV, telemvel, brinquedo de corda, calculadora solar, ...). Demonstra pensamento cientfico (prevendo, planificando, experimentando, ...) explicitando as diferentes variveis e factores ambientais que podem influenciar o crescimento de plantas e quais os efeitos da variao de cada um deles.

33

Domnio: O conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Sustentabilidade (Mudana global) META FINAL DE CICLO 22 O aluno relaciona informao que recolhe sobre as condies atmosfricas de um lugar ou regio com os estados de tempo tpicos das diferentes estaes do ano. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das inter-relaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 22.1. Tempo atmosfrico (4 ano)O Aluno:

Usa alguns instrumentos (exemplos: termmetro, higrmetro, cata-vento, pluvimetro,...) no registo dirio dos elementos atmosfricos. Caracteriza, atravs da anlise da informao recolhida, os estados de tempo tpicos das diferentes estaes .

34

Domnio: O conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Sustentabilidade (custos, benefcios e riscos) META FINAL DE CICLO 23. O aluno identifica problemas naturais e sociais associados a alteraes nos ecossistemas. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das interrelaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 23.1. - Ecossistemas e sociedade (4 ano) O Aluno: Relaciona a necessidade de preservao dos ecossistemas com a promoo da qualidade de vida da comunidade local e que esta tambm est relacionada com a possibilidade de acesso a bens e servios fundamentais. Relaciona desequilbrios de consumo, destruio das florestas e poluio com o esgotamento de recursos, a extino de espcies e alteraes profundas na qualidade do ambiente. Reconhece a existncia na Terra de grandes focos e vazios demogrficos e que h factores naturais e humanos que influenciam a distribuio observada (Exs: temperaturas muito elevadas no deserto, ou muito baixas nos continentes gelados, reas litorais ou junto a grandes rios muito povoadas.

35

Domnio: O conhecimento do meio natural e social Sub-domnio: Sustentabilidade META FINAL DE CICLO 24. O aluno reconhece a importncia da preservao da biodiversidade e dos recursos para garantir a sustentabilidade dos sistemas naturais. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das interrelaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 24.1. Dimenso cientfico-tecnolgica (4 ano) O aluno: Prope medidas e aces ao seu alcance para solucionar problemas detectados no seu ambiente prximo (exemplos: recolha selectiva de resduos, reutilizao e reciclagem dos resduos domsticos, campanhas de sensibilizao,...). Identifica o valor da sua pegada ecolgica discutindo prticas que contribuam para a diminuio desse valor. Metas intermdias 24.2. Dimenso econmica, poltica e tica (4 ano) O aluno: Analisa problemas ambientais (exemplos: incndios, poluio atmosfrica, aqutica,...) associados aco humana geradores de desequilbrios ambientais e conflitos sociais, identificando intervenes (individuais e comunitrias, em diferentes regies do planeta) reconhecidas como boas prticas com vista sustentabilidade.

36

Domnio: O conhecimento do meio natural Sub-domnio: Sustentabilidade (Recursos e Gesto Sustentvel) META FINAL DE CICLO 25. O aluno descreve o processo de explorao, transformao e aplicao dos recursos naturais, explicando a necessidade da sua gesto sustentvel. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Viver Melhor na Terra e Sustentabilidade na Terra (temas do CNEB); descoberta: de si mesmo, dos outros e das instituies, dos materiais e objectos, e das inter-relaes entre a natureza e a sociedade (Blocos 1, 2, 5 e 6, respectivamente da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 25.1.- Explorao, transformao e aplicao (4 ano) O aluno: Identifica o papel de algumas indstrias na explorao e transformao de matriasprimas, usando o petrleo como fonte e energia, e a necessidade de procura de energias alternativas, tendo em vista a sua gesto sustentvel. Descreve recursos materiais, e algumas das suas propriedades, usados na construo de casas ou de monumentos, atravs de pesquisa de diversas fontes, distinguindo os que so naturais dos transformados. Identifica objectos tecnolgicos e as suas principais utilizaes no meio familiar e em vrias actividades econmicas. Identifica a localizao das grandes reservas de gua doce no planeta, e justifica a necessidade da poupana de gua para a sua gesto sustentvel.

37

Domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: Viver melhor na Terra (Sade e segurana) META FINAL DE CICLO 26. O aluno demonstra conhecimento e aplica normas e cuidados de sade e segurana, a nvel individual e comunitrio, com vista ao equilbrio natural. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Terra em Transformao e Viver melhor na Terra (temas do CNEB); descoberta das inter-relaes entre espaos (Bloco 4 da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 26.1. - Preveno e riscos a nvel individual (2 ano) O aluno: Identifica algumas normas de higiene ao nvel da alimentao (Exemplos: importncia da gua potvel, verificao do prazo de validade dos alimentos), do vesturio, dos espaos de uso colectivo (Exemplos: habitao, escola, rua). Ilustra algumas regras a aplicar na prestao de primeiros socorros (para, por exemplo, mordeduras de animais, hemorragias, queimaduras solares, fracturas, distenses). METAS INTERMDIAS 26.2. - Preveno e riscos a nvel comunitrio (4 ano) O aluno: Reconhece os perigos do consumo de lcool, tabaco e outras drogas para a manuteno de uma vida saudvel. Identifica regras de preveno de incndios (por exemplo: nas habitaes, locais pblicos, floresta) e de segurana anti-ssmica (preveno e comportamentos a ter durante e depois de um sismo). Descreve medidas de preveno comunitrias relativas a minimizao das consequncias de alguns fenmenos naturais tais como sismos, vulces, cheias, maremotos.

38

Domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: Viver melhor na Terra (controlo e regulao)

META FINAL DE CICLO 27. O aluno descreve o funcionamento de um circuito elctrico e classifica operacionalmente os materiais como bons e maus condutores de corrente elctrica. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Terra em Transformao e Viver melhor na Terra (temas do CNEB); descoberta das inter-relaes entre espaos (Bloco 4 da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). METAS INTERMDIAS 27.1. Electricidade (4 ano) O Aluno: Explica que a energia elctrica pode ser usada de diferentes maneiras, em particular para fornecer iluminao, aquecimento e para funcionamento de dispositivos. Descreve o procedimento adequado para construir um circuito elctrico simples (com uma pilha, lmpada e fios), segundo um desenho ou fotos. Reconhece as condies que permitem que uma lmpada acenda (circuito fechado, fonte adequada e lmpada em boas condies), identificando factores que podem influenciar o brilho da lmpada num circuito elctrico . Classifica operacionalmente materiais / objectos em bons e maus condutores de electricidade . Explica como respeitar normas de segurana relativas ao uso da electricidade (no fazer cortes em pilhas, no tentar recarregar pilhas que no so recarregveis, no fazer ligaes indevidas s tomadas de parede,...).

39

Domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: O dinamismo das inter-relaes entre espaos META FINAL DE CICLO 28. O aluno reconhece a existncia de relaes entre lugares e regies (reas de produo/de consumo; reas de habitao/de trabalho; reas de residncia/de frias; reas de fornecimento de matrias-primas/ de transformao), expondo elementos que evidenciem a existncia das mesmas. REFERNCIA CURRICULAR Dinamismo das inter-relaes natural-social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) METAS INTERMDIAS 28.1. (2 ano) O aluno: -Identifica espaos de vivncia com diferentes funes, assinalando elementos que evidenciam relaes entre eles. (Ex: casa e escola)

40

Domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: O dinamismo das inter-relaes entre espaos META FINAL DE CICLO 29. O aluno detecta alteraes nas caractersticas naturais do territrio, resultantes da aco humana, e problemas, com expresso territorial, no meio local, identificando os seus aspectos positivos e negativos. REFERNCIA CURRICULAR (tema ou outro organizador; localizao nos documentos curriculares) Dinamismo das inter-relaes natural-social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) METAS INTERMDIAS 29.1. (2 ano) O aluno: - Reconhece alteraes na sua localidade e no territrio prximo, resultantes da aco humana, assinalando as diferenas observadas, identificando algumas melhorias ou eventuais problemas. - Descreve e explica a importncia das reservas e parques naturais para a preservao do equilbrio natural METAS INTERMDIAS 29.2. (4 ano) O aluno: - Refere problemas ambientais existentes na localidade ou na regio, seleccionando informao sobre possveis aces, pessoais e colectivas, que contribuam para a sua soluo. - Descreve medidas locais e globais relacionadas com a conservao e melhoria do ambiente, o uso racional dos recursos naturais e a preservao de espcies animais e vegetais.

41

Domnio: Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: O dinamismo das inter-relaes entre espaos META FINAL DE CICLO 30. O aluno refere elementos da sua identidade cultural, diferenciadores e comuns identidade de membros de outras culturas. REFERNCIA CURRICULAR (tema ou outro organizador; localizao nos documentos curriculares) Dinamismo das inter-relaes natural-social (Domnio de competncias, Currculo Nacional) descoberta do ambiente natural; descoberta das inter-relaes entre espaos; descoberta das inter-relaes entre a Natureza e a Sociedade (Temas dos contedos programticos, 1. Ciclo) METAS INTERMDIAS 30.1. (2 ano) O aluno: - Identifica elementos da sua identidade cultural (lngua; tradies; msicas; contos), participando na sua divulgao. METAS INTERMDIAS 30.2. (4 ano) O aluno: - Confronta elementos da sua identidade com a de outros membros da comunidade, desenvolvendo o seu sentido de pertena cultural, e respeitando as pertenas a outras culturas.

42

Domnio: Dinamismo das inter- relaes natural - social Sub-domnio: Compreenso histrica contextualizada META FINAL DE CICLO 31. O aluno reconhece a diversidade na organizao da vida em sociedade ao longo dos tempos e a sua relao com as condies naturais. REFERNCIA CURRICULAR Programa do Estudo do Meio, 1 CEB: Bloco 1: descoberta de si mesmo (p. 118) Bloco 4: descoberta das inter-relaes entre espaos (p. 127) Bloco 6- descoberta das inter-relaes entre a natureza e a sociedade (pp.133- 137) Currculo Nacional do Ensino Bsico- Competncias Essenciais (2001)- Contextualizao (pp. 87-89; 95-98) Metas intermdias 31.1. (2. ano) O aluno: Reconhece diferentes instituies e servios na comunidade (servios de sade, correios, bancos, autarquias, organizaes religiosas) e actividades e funes de alguns membros da comunidade (ex: profisses). Metas intermdias 31.2. (4. ano) O aluno: Identifica diferentes associadas a vrias actividades em diferentes tempos e relaciona algumas delas com os recursos naturais e a aco humana (ex. Tcnicas agrcolas, piscatrias).

43

Domnio : Dinamismo das inter-relaes natural-social Sub-domnio: Dinamismo das relaes entre espaos (Dinmica da Terra) Meta final de ciclo 32. O aluno explica a dinmica da terra tendo em conta a multiplicidade de transformaes que ocorrem no seu interior e exterior. Referncia Curricular: Estudo do Meio (CNEB); Terra em Transformao e Viver melhor na Terra (temas do CNEB); descoberta das inter-relaes entre espaos (Bloco 4 da Organizao Curricular e Programas Ensino Bsico 1 Ciclo). Metas intermdias 32.1. - dinmica interna e externa (4 ano) O aluno: Descreve os elementos e a estrutura interna da Terra analisando modelos globais. Associa alguns fenmenos naturais (exemplos: sismos, vulces,...) com manifestaes da dinmica interna da terra, de que identifica alguns elementos. Identifica minerais constituintes de rochas da sua regio considerando as suas propriedades fsicas (dureza, brilho) e qumicas (reaco em presena de cidos) e referindo algumas utilizaes dessas rochas.

44

PROJECTO DE METAS DE APRENDIZAGEM

2 CICLO

CINCIAS DA NATUREZA

18 de Junho de 2010

45

CICLO: 2 Ciclo do Ensino Bsico DISCIPLINA: Cincias da Natureza TEMA: Terra em Transformao Referncia Curricular: Terra em Transformao (tema do CNEB); Diversidade de seres vivos e suas interaces com o meio, Unidade na diversidade dos seres vivos e materiais Terrestres (Temas do Programa de Cincias da Natureza 2 Ciclo). Subtema: O que existe na Terra Meta de aprendizagem final O aluno reconhece e interpreta a diversidade de materiais e fenmenos existentes na Terra como sendo essenciais para a vida. Metas de aprendizagem especficas (5 ano) Tpico 1: Fenmenos Energia, complexidade e diversidade O Aluno: Explica que as funes vitais dos animais requerem energia. Identifica as relaes entre a diversidade de seres vivos, seus comportamentos e a diversidade ambiental. Revela pensamento cientfico (prevendo, experimentando, ...) verificando as relaes entre as caractersticas e crescimento dos organismos e plantas e a diversidade de ambientes onde vivem. Ilustra em que consiste a fotossntese descrevendo os factores intervenientes e os produtos resultantes. Relaciona os regimes alimentares e tipos de reproduo dos animais com a variedade de comportamentos que apresentam.

Tpico 2: Mundo material Mundo vivo e natural O Aluno: Explica a necessidade do uso de critrios nos sistemas de classificao dos seres vivos. Analisa materiais e seres vivos (ou parte destes como os caules ou as sementes) e organizaos com base em critrios de classificao diversificados. Investiga a importncia da classificao biolgica como modo de organizar e sistematizar a diversidade dos seres vivos. Explica a importncia das plantas na manuteno da vida. Descreve a clula como unidade estrutural da constituio dos seres vivos e estabelece semelhanas e diferenas entre as de diferentes seres vivos, nomeadamente unicelulares. Evidencia respeito pelas normas de manipulao de reagentes e materiais laboratoriais em 46

segurana e utiliza correctamente instrumentos adequados na observao de clulas. Tpico 3: Transformaes fsicas e qumicas O Aluno: Distingue transformaes fsicas de transformaes qumicas, em particular nas vrias transformaes dos alimentos ao longo do tubo digestivo. Tpico 4: Propriedades fsicas de materiais O Aluno: Explica como os materiais terrestres so considerados suportes de vida. Revela pensamento cientfico (prevendo, experimentando, ...) verificando que factores podem influenciar o tempo de dissoluo de diferentes materiais em diversos solventes e qual o efeito da variao de cada um deles. Explica o ciclo da gua, verificando, atravs de actividades prticas, as suas propriedades e processos de tratamento.

Subtema: Dinmica da Terra Meta de aprendizagem final O Aluno explica a dinmica da Terra com base na multiplicidade de transformaes que ocorrem no seu interior e exterior, especialmente na litosfera. Metas de aprendizagem especficas (5 ano) Tpico 1: Dinmica Interna O Aluno: Explica a dinmica da Terra com base em fenmenos e transformaes que ocorrem. Resume a importncia de se questionar sobre transformaes que ocorrem na Terra e de analisar as explicaes de base cientfica.

Tpico 2: Dinmica Externa O Aluno: Compara as propriedades de diferentes amostras de rochas e de solos do seu meio com as provenientes de outros meios. Explica a formao do solo a partir da alterao das rochas pelos agentes atmosfricos e biolgicos. Relaciona as propriedades do solo de uma dada regio com a natureza dos seus constituintes e suas principais utilizaes. Explica por que razo a utilizao de alguns materiais consequncia de avanos tecnolgicos (Exemplo: extraco e uso dos diferentes metais).

47

PROJECTO METAS DE APRENDIZAGEM REA: CINCIAS FSICAS E NATURAIS CICLO: 3 Ciclo do Ensino Bsico DISCIPLINA: Cincias Naturais

48

REA: CINCIAS FSICAS E NATURAIS CICLO: 3 Ciclo do Ensino Bsico DISCIPLINA: Cincias Naturais

Referncia Curricular: Currculo Nacional do Ensino Bsico Cincias Fsicas e Naturais; Orientaes Curriculares para o 3 ciclo do Ensino Bsico.

Tema Organizador Terra no Espao 7 Ano Subtema: Terra um planeta com vida Meta de aprendizagem geral final do subtema O aluno reconhece e justifica que o planeta Terra o nico no Sistema Solar exibindo uma dinmica interna que condicionou o aparecimento de vida e que a clula a unidade estrutural e funcional de toda a biodiversidade nele existente.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Condies para a existncia de vida O Aluno: Identifica caractersticas da Terra que permitem a existncia de vida e controlam as suas manifestaes e evoluo (por exemplo: posio no Sistema Solar; dinmica interna expressa na tectnica de placas, existncia de atmosfera com camada de ozono). Apresenta evidncias da biodiversidade no mundo que o rodeia, atravs de observaes macroscpicas e microscpicas de diferentes seres vivos, e relaciona-a com ambientes diversificados. Estabelece diferenas e semelhanas entre as clulas procariticas e eucariticas, observando as eucariticas (animais e vegetais) ao microscpico ptico; identifica a clula como a unidade estrutural e funcional dos seres vivos apesar da biodiversidade existente.

Tpico 2: A Terra como um sistema O Aluno: Identifica um sistema como um conjunto integrado de elementos que cumprem uma funo especfica. Aplica o conceito de sistema Terra identificando os seus componentes fundamentais (litosfera, atmosfera, hidrosfera, biosfera) e possveis influncias recprocas.

49

Tema Organizador Terra em Transformao 7 Ano Subtema: Histria da Terra Meta de aprendizagem geral final do subtema

O Aluno analisa a histria da Terra ao longo do tempo geolgico (cerca de 4,5 mil milhes de anos), reconhecendo que a sua reconstituio foi feita a partir da anlise do registo geolgico, ou seja, dos diferentes tipos de rochas que constituem a litosfera e suas inter-relaes e que o registo abundante e diversificado de vida (fsseis) corresponde aos ltimos 500 milhes de anos, isto , apenas 1/9 do tempo geolgico.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Os fsseis e a reconstituio da Histria da Terra O Aluno: Interpreta o significado de fssil, identificando as condies gerais que permitem a sua formao e conservao. Associa os diferentes processos de fossilizao s caractersticas do ambiente de fossilizao e ao tipo de ser vivo. Explica como os fsseis de idade permitem a datao das rochas que os contm e os fsseis de ambiente a identificao de paleoambientes e ambos a reconstituio da evoluo da Vida na Terra, contribuindo para a histria dos ltimos 500 milhes de anos da Terra. Utiliza o conceito de datao relativa aplicando-o a estratos sobrepostos.

Tpico 2: Grandes etapas da Histria da Terra O Aluno: Associa a histria da Terra a mudanas cclicas de ocorrncias ao nvel da litosfera, biosfera, hidrosfera e/ou atmosfera (por exemplo: orogenias, glaciaes, extino em massa de seres vivos), traduzidas em novas Eras: Pr-Cmbrico Paleozico Mesozico Cenozico. Interpreta figuras/esquemas/diagramas que representem acontecimentos que caracterizam as principais etapas da histria da Terra (Eras/Perodos) ao longo do tempo, utilizando o conceito de Escala do tempo geolgico.

Subtema: Dinmica Interna da Terra Meta de aprendizagem geral final do subtema O Aluno explica a dinmica da Terra associada ao movimento das placas litosfricas (Teoria da Tectnica de Placas) recorrendo a modelos da sua estrutura interna e identificando os vulces e os sismos como suas consequncias. Metas de aprendizagem especficas finais de tpico 50

Tpico 1: Estrutura interna da Terra O Aluno: Identifica e legenda os modelos da estrutura interna da Terra, explicitando o critrio em que cada um deles se fundamenta (o modelo crosta, manto e ncleo baseado na composio dos materiais e o modelo litosfera, astenosfera, mesosfera e endosfera (externa e interna) baseado em propriedades mecnicas, por exemplo, rigidez das rochas); diferencia mtodos directos e indirectos de recolha de informaes para a concepo dos dois modelos. Interpreta a importncia de modelos da estrutura interna da Terra para explicar fenmenos associados dinmica interna da Terra, bem como o seu contributo para a evoluo do conhecimento cientfico-tecnolgico.

Tpico 2: Deriva Continental e Tectnica de Placas O Aluno: Explica a teoria da deriva continental de Wegener e analisa os argumentos usados a favor (paleontolgicos, paleoclimticos, litolgicos e morfolgicos) e os principais argumentos que conduziram, na poca, no-aceitao desta teoria. Explica a inter-relao desenvolvimento tecnolgico desenvolvimento cientfico, aplicando-a ao conhecimento da morfologia dos fundos ocenicos, e consequente desenvolvimento da Teoria da Expanso Ocenica, o que contribuiu para a aceitao da hiptese mobilista de Wegener e a formulao posterior da Teoria da Tectnica de Placas. Interpreta a mobilidade das placas litosfricas, segundo a Teoria da Tectnica de Placas, quanto a possveis consequncias nos seus limites convergentes (formao de montanhas/destruio de litosfera/sismos e vulces) e nos seus limites divergentes (expanso dos fundos ocenicos/formao de litosfera/sismos e vulces). Identifica dobras e falhas, em figuras/esquemas, associa-as a deformaes das rochas que constituem a litosfera, em consequncia da aco de foras, dependente das caractersticas dessas rochas e do ambiente geodinmico onde se localizam.

Tpico 3: Consequncias da dinmica interna da Terra (sismos e vulces) O Aluno: Identifica e interpreta o significado dos diferentes constituintes de um vulco. Revela pensamento cientfico (prevendo, planificando, executando, ) actividades prticas para simulao de erupes vulcnicas, estabelecendo correspondncias e identificando as limitaes dessas simulaes. Relaciona a viscosidade do magma com o tipo de erupo (efusiva e explosiva), as caractersticas do aparelho vulcnico (forma e tamanho do cone) e os materiais emitidos (lquidos, slidos/piroclastos e gasosos).

51

Discute benefcios da actividade vulcnica em particular as potencialidades das manifestaes secundrias de vulcanismo. Associa sismos a uma libertao de energia acumulada nas rochas e libertada no hipocentro sob a forma de ondas ssmicas registadas em sismogramas. Diferencia, quanto aos pressupostos em que se baseiam (danos causados e quantidade de energia libertada), as escalas de Mercalli modificada e de Richter, utilizadas para avaliar um sismo. Interpreta cartas de isossistas identificando o epicentro do sismo e discute factores que determinam os estragos verificados. Identifica medidas de preveno e proteco da populao quanto actividade ssmica, em particular na rea da construo civil e das atitudes e comportamentos individuais e colectivos.

Subtema: Dinmica Externa da Terra Meta de aprendizagem geral final do subtema O Aluno relaciona as texturas, composio mineralgica e modo de ocorrncia dos diferentes tipos de rochas (magmticas, metamrficas e sedimentares) com a sua gnese; inter-relaciona as rochas sedimentares, magmticas e metamrficas de forma a construir o ciclo das rochas; compreende que so os processos da dinmica interna os responsveis pela formao das rochas magmticas e das rochas metamrficas e os processos da dinmica externa os responsveis pela formao das rochas sedimentares; explica caractersticas de paisagens de rochas sedimentares, magmticas e metamrficas.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Rochas magmticas, sedimentares e metamrficas: caractersticas e gnese O Aluno: Identifica minerais constituintes de rochas (por exemplo: calcite, feldspato, quartzo, biotite, moscovite), considerando as suas propriedades fsicas (dureza, brilho, clivagem) e qumicas (reaco entre cido e mineral). Relaciona a gnese de rochas magmticas intrusivas (granito) e extrusivas (basalto) com as suas caractersticas texturais e mineralgicas. Descreve a sequncia de acontecimentos que explicam a formao de sedimentos (areias, argilas) e, a partir destes, a formao da respectiva rocha sedimentar (arenito, argilito); explica factores que determinam o tamanho/grau de arredondamento e a deposio dos sedimentos (por exemplo: caractersticas do sedimento, caractersticas do agente de transporte). Associa os diferentes tipos de rochas sedimentares (detrticas, qumicas e 52

biognicas) sua gnese, sabendo que se formam superfcie da Terra e que se dispem, geralmente, em estratos onde se podem encontrar fsseis que nos revelam a histria da evoluo da vida, contribuindo para a histria mais recente da Terra (os ltimos 500 milhes de anos). Relaciona as caractersticas texturais de uma rocha metamrfica (por exemplo: xisto, mrmore) pr-existente (por exemplo: argilito, calcrio) e aos factores de metamorfismo responsveis pela sua formao. Identifica rochas (por exemplo: basalto, granito, calcrio, arenito, xisto), em amostras de mo, com base na textura, identificao dos minerais constituintes e na reaco entre cidos e cada um dos minerais. Revela pensamento cientfico (prevendo, planificando, executando, ) actividades prticas de simulao de processos caractersticos de ambientes magmticos e de ambientes sedimentares.

Tpico 2: Ciclo das rochas. Paisagens geolgicas O Aluno: Relaciona as rochas sedimentares, magmticas e metamrficas quanto aos processos que as transformam e constri o ciclo das rochas. Associa as diferentes paisagens geolgicas ao tipo de rocha predominante na regio e aos diversos processos geolgicos que lhe deram origem.

53

Tema Organizador Sustentabilidade na Terra 8 Ano Subtema: Ecossistema Meta de aprendizagem geral final do subtema

O aluno interpreta as interaces seres vivos-ambiente, o fluxo de energia e ciclo de matria que ocorrem ininterruptamente, como fenmenos e processos que contribuem para o equilbrio dinmico dos ecossistemas.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Interaces seres vivos - ambiente O Aluno: Apresenta o significado do conceito de ecossistema, comunidade, populao e espcie e organiza-os de modo a evidenciar que o mundo vivo se apresenta hierarquicamente estruturado (ecossistema/comunidade/populao/espcie/ organismo/clula). Identifica e interpreta a influncia de factores abiticos (por exemplo: luz, temperatura, pluviosidade) e biticos (relaes entre os seres vivos) nas comunidades que integrem ecossistemas em equilbrio dinmico. Interpreta situaes diversas (por exemplo: resultados experimentais, actividades laboratoriais planificadas e executadas, grficos) que demonstrem a influncia dos factores abiticos (fsicos e qumicos) do meio sobre os indivduos (efeitos de ordem fisiolgica e/ou comportamental) e/ou sobre as populaes (efeitos de ordem demogrfica taxa de natalidade, mortalidade, emigrao e imigrao). Revela pensamento cientfico (prevendo, planificando experimentalmente, executando, ) relativamente influncia dos factores abiticos sobre os seres vivos. Identifica e interpreta relaes intra-especficas e inter-especficas e os benefcios/prejuzos/indiferente para os seres vivos envolvidos.

Tpico 2: Fluxo de energia e ciclo de matria O Aluno: Aplica os conceitos de produtor, consumidor (primrio, secundrio, ), decompositor, autotrfico, heterotrfico e nvel trfico mediante a explorao/construo de cadeias/teias alimentares e descreve a actividade complementar (produo de matria orgnica/sntese de compostos minerais) dos seres vivos que possibilita uma reciclagem permanente de matria. Interpreta as cadeias alimentares como um ciclo de matria onde existe um fluxo de energia unidireccional, cuja fonte de energia o Sol. 54

Explica o fenmeno da sucesso ecolgica a partir da anlise de diversas situaes. Interpreta as flutuaes do nmero de indivduos de uma populao ao longo do tempo, identificando possveis causas e consequncias com base em grficos e informaes diversas.

Tpico 3: Perturbaes nos ecossistemas O Aluno: Identifica e interpreta situaes de catstrofes naturais (por exemplo: sismos, inundaes) e catstrofes provocadas pelo Ser Humano (por exemplo: poluio, desflorestao) que podem comprometer o equilbrio dos ecossistemas e a sobrevivncia das populaes humanas, identificando causas, consequncias e medidas de proteco, recorrendo s TIC para pesquisar, sistematizar e apresentar a informao. Identifica e interpreta situaes reais, nacionais e/ou mundiais, em que a poluio, nas suas mltiplas formas, pode contribuir para o desequilbrio dos ecossistemas, identificando causas e consequncias nas situaes seleccionadas.

Subtema: Gesto sustentvel de recursos Meta de aprendizagem geral final do subtema O Aluno apresenta consequncias para os ecossistemas de uma utilizao no sustentvel dos recursos naturais e indica medidas promotoras da proteco e conservao da Natureza.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Recursos naturais utilizao e consequncias O Aluno: Apresenta consequncias para os ecossistemas (por exemplo: diminuio da biodiversidade, escassez da gua potvel) da utilizao no sustentada dos recursos naturais (energticos, hdricos, biolgicos, minerais). Discute possveis solues alternativas (por exemplo: construo de barragens, centrais nucleares, centrais elicas), para minimizar a dependncia da sociedade dos combustveis fsseis, tendo em conta a velocidade/modo de consumo e as condies/tempo necessrio sua formao; analisando para cada uma das solues propostas a relao benefcios/custos para os ecossistemas.

Tpico 2: Proteco e conservao da natureza O Aluno: Justifica o facto da extraco, transformao e utilizao de recursos naturais (energticos, hdricos, biolgicos, minerais) produzir resduos e lixos, que 55

necessrio eliminar, reaproveitar e reduzir como medida de proteco e conservao da Natureza. Indica, fundamentadamente, medidas que contribuem para a sustentabilidade da Terra (por exemplo: sistemas integrados de gesto de recursos, criao de reas protegidas, tratados internacionais para a reduo de emisses de gases com efeito de estufa).

Tema Organizador Viver Melhor na Terra 9 Ano Subtema: Sade individual e comunitria Meta de aprendizagem geral final do subtema O aluno associa o conceito de sade a qualidade de vida promovida pela adopo de medidas individuais e comunitrias e interpreta indicadores que revelam o estado de sade de uma populao.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Indicadores do estado de sade de uma populao O Aluno: Caracteriza o que Organizao Mundial de Sade considera por estado de sade de um indivduo. Enumera indicadores do estado de sade da populao; explica o seu significado e interpreta esquemas/grficos/tabelas que forneam informaes sobre a evoluo do estado de sade de uma populao.

Tpico 2: Medidas para a promoo da sade O Aluno: Associa medidas de promoo para a sade a preveno de doenas individuais e comunitrias. Identifica, justificando, factores e atitudes que promovem a sade individual e comunitria.

Subtema: Transmisso da vida Meta de aprendizagem geral final do subtema O Aluno explica a transmisso das caractersticas genticas ao longo de geraes aplicando conhecimentos da morfofisiologia do sistema reprodutor e noes bsicas de hereditariedade.

56

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Sistema reprodutor O Aluno: Interpreta o organismo como um sistema organizado segundo uma hierarquia de vrios nveis (sistema, rgo, tecido, clula). Identifica no sistema reprodutor as gnadas/glndulas sexuais, as vias sexuais e rgos genitais externos, glndulas anexas, no caso do sistema reprodutor masculino, e descreve respectivas funes. Caracteriza a fisiologia do sistema reprodutor feminino (ciclo ovrico e uterino) e masculino, bem como as funes das hormonas sexuais (estrognio, progesterona, testosterona) e respectiva influncia no desenvolvimento dos caracteres sexuais secundrios. Indica condies essenciais ocorrncia de gravidez (por exemplo: formao de gmetas, fecundao, nidao) e, por outro lado, interpreta os mtodos de contracepo existentes quanto ao seu processo de actuao no organismo. Identifica infeces de transmisso sexual (por exemplo: sida, herpes genital, hepatite B), os comportamentos de risco que promovem a sua propagao e as medidas de preveno.

Tpico 2: Hereditariedade noes bsicas O Aluno: Identifica estruturas celulares (citoplasma, ncleo, membrana plasmtica) em observaes microscpicas de clulas animais (por exemplo: clulas do epitlio bucal) e localiza o material gentico na clula (ncleo, cromossomas, genes, ADN) evidenciando a sua organizao hierrquica. Explica o significado de conceitos bsicos de hereditariedade (gene dominante e recessivo, homozigtico e heterozigtico, cromossomas homlogos). Interpreta situaes concretas (cor dos olhos, sexo do beb, miopia) de transmisso de caractersticas ao longo de geraes, mediante a anlise de rvores genealgicas simples. Avalia benefcios e risco da utilizao de novas tecnologias na resoluo de problemas da sade individual e comunitria (exemplos: clonagem, organismos geneticamente modificados, reproduo medicamente assistida, produo de novos medicamentos, clulas estaminais).

57

Subtema: Organismo humano em equilbrio Meta de aprendizagem geral final do subtema O Aluno explica interaces entre os sistemas neurohormonal, crdio-vascular, respiratrio, digestivo e excretor e reconhece o funcionamento do organismo como um todo.

Metas de aprendizagem especficas finais de tpico Tpico 1: Sistemas neurohormonal, crdio-vascular e respiratrio, digestivo e excretor em interaco O Aluno: Identifica os constituintes do sistema nervoso, central e perifrico, as suas proteces e a clula especializada na transmisso do impulso nervoso (neurnio). Distingue reaces voluntrias e involuntrias do organismo, interpretando-as como respostas do sistema neurohormonal, essenciais coordenao do organismo. Identifica os constituintes do sangue e descreve as respectivas funes; diferencia sangue venoso de sangue arterial quanto quantidade relativa de dixido de carbono e oxignio que contm. Descreve a circulao pulmonar e a circulao sistmica, explicitando a respectiva funo; relaciona a estrutura dos diferentes vasos sanguneos com a sua funo. Identifica e caracteriza as fases do ciclo cardaco (distole geral, sstole auricular e sstole ventricular) quanto contraco/relaxamento das cavidades do corao e abertura/fecho das vlvulas e suas consequncias para a deslocao do sangue no corao. Explica a interveno dos msculos intercostais, do diafragma e das costelas nos movimentos respiratrios de inspirao e expirao (ventilao pulmonar). Descreve processos vitais como a hematose pulmonar (sistema respiratrio) e a absoro intestinal (sistema digestivo) identificando a sua importncia no funcionamento do organismo e na manuteno do seu equilbrio. Diferencia processos mecnicos de qumicos na digesto; associa os qumicos aco enzimtica que ocorre na boca, estmago e intestino delgado e identifica o suco digestivo que contm as enzimas em cada um desses locais. Revela pensamento cientfico (prevendo, planificando experimentalmente, executando, ) para verificar a influncia de enzimas especficas na transformao de macromolculas nas unidades bsicas (glicose, aminocidos, glicerol/cidos gordos) dos respectivos nutrientes (glcidos, 58

protenas e lpidos). Associa a funo excretora do organismo ao sistema urinrio (eliminao da urina), s glndulas sudorparas (eliminao do suor), ao sistema respiratrio (eliminao de gases provenientes de metabolismo celular) e ao sistema digestivo (eliminao das fezes). Caracteriza a fisiologia do sistema urinrio quanto aos processos de filtrao, reabsoro, excreo e secreo essenciais para eliminar do sangue os resduos do metabolismo celular. Explica a respirao celular, identificando as matrias-primas e os produtos resultantes, e reconhece a sua importncia para o organismo e o funcionamento integrado deste para a actividade celular. Distingue tcnicas de preveno (exemplo: vacinas), de diagnstico (exemplos: anlises sanguneas, TAC, radiografias, ecografias) e de tratamento (exemplo: antibiticos) de doenas e aplica-as em casos particulares (exemplos: doenas cardiovasculares, respiratrias, gstricas). Evidencia a importncia dos avanos cientfico-tecnolgicos no diagnstico, preveno e tratamento de doenas.

Tpico 2: Aces que interferem no equilbrio do organismo O Aluno: Caracteriza comportamentos de risco (exemplos: consumo, tabaco, lcool, outras drogas, alimentao desequilibrada) para a integridade fsica e/ou psquica dos indivduos e explica algumas das suas principais consequncias. Interpreta informaes nutricionais e energticas existentes nos rtulos dos alimentos comercializados e em representaes esquemticas de recomendaes alimentares (por exemplo: roda dos alimentos, pirmide dos alimentos) e reconhece factores que condicionem as necessidades energticas e nutricionais ao longo da vida.

59