Moda e mercado palestra uva

download Moda e mercado palestra uva

of 56

  • date post

    05-Jul-2015
  • Category

    Retail

  • view

    198
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Uma abordagem do mercado de varejo de moda, passado, presente, futuro e seus desafios

Transcript of Moda e mercado palestra uva

  • 1. MODA E MERCADO UMA GESTO CONTEMPORNEATENDNCIAS DO MERCADO DE VAREJOHaroldo MonteiroPlanning & Management Consultoria

2. Haroldo MonteiroFormado em Administrao de Empresas e Engenharia Econmica pela UERJ e MBA em Business pela Ohio University EUA. Possui vasta experincia no mercado de varejo, tendo atuado como executivo em vrias empresas deste setor. Atualmente exerce o cargo de Diretor Financeiro da cadeia de varejo Folic/Checklist/Looxx, alm disto scio da Planning & Management, consultoria especializada em gesto e estudos de tendncias econmicas para o varejo. Coordenador do MBA de Finanas na UVA, e professor convidado do Coppead, onde ministra Administrao Financeira de Curto Prazo. 3. Principais TpicosAdministrador de Empresas Por que ser um?Qual a rea da Administrao de Empresas que vem ganhando mais importncia estratgicamente?Tendncias do varejo no Brasil Passado, presente e futuro;A inovao no varejo;As estratgias de maior aproximao com o consumidor e ampliao dos canais de venda;VM e Store Design Duas importantes ferramentas para atrair o consumidor;Assortment Planning como ferramenta de gesto;Vendas On-line x Vendas Lojas Fsicas Quem vencer esta batalha?O uso de franquias como estratgia de crescimento; 4. ObjetivosAnalisar as perspectivas do setor de varejo no Brasil;Possibilitar aos profissionais, uma viso das modernas ferramentas de gesto para se diferenciar da concorrncia no setor varejista;Mostrar aos participantes quais as estratgias de maior aproximao com o consumidor e ampliao dos canais de venda;Analisar as perspectivas de crescimento via estratgia de abertura de franquias; 5. Administrador de Empresas Por que ser um?Os administradores de empresas so aqueles profissionais ao quais cabe o planejamento, a organizao, gesto, e a orientao do uso dos recursos tecnolgicos, fsicos, humanos e financeiros das pessoas jurdicas, a fim de encontrar solues para toda espcie de problemas administrativos 6. Caractersticas principais de um administrador:Senso de responsabilidade;Objetividade;Iniciativa;Senso de prioridades;Empreendedorismo;Capacidade de intermediar possveis conflitos;Habilidade para trabalhar em equipes e lider-las;Pensar e agir calmamente (mesmo sob presso);Autoconfiana; capacidade de planejamento, deciso, negociao, organizao e de resolver problemas prticos; dinamismo;Administrador de Empresas Por que ser um? 7. Principal Objetivo do Administrador em sua FunoGerar valor para a empresa que ele estiver administrandoMaximizando a riqueza do acionistaAdministrador de Empresas Por que ser um? 8. Quais as Principais reas da administrao?Gerenciamento de Recursos Humanos;Gerenciamento de Marketing;Gerenciamento Financeiro;Gerenciamento da Produo;Administrador de Empresas Por que ser um? 9. Inteligncia CompetitivaIC ou Inteligncia competitiva um programa sistemtico de coleta e anlise da informao sobre atividades dos concorrentes e tendncias gerais dos negcios, visando atingir as metas da empresa, conforme definio de Larry Kahaner, membro da SCIP Society of Competitive Intelligence Professionals (www.scip.org).Nossas pesquisas confirmam que no existem empresas excelentes para sempre, da mesma maneira que no h setores excelentes o tempo todo. Conforme constatamos em nossa prpria trajetria acidentada, todos ns, como as empresas, fazemos coisas inteligentes e coisas no to inteligentes.Em A Estratgia do Oceano Azul, W.Chan Kim e Rene MauborgneQual a rea da Administrao de Empresas vem ganhando mais importncia estratgicamente? 10. Qual o mercado da Inteligncia CompetitivaAs 500 maiores empresas americanas tem uma rea ou profissional para monitorar a concorrncia e que na maioria das vezes tem o nome de Inteligncia Competitiva.No Brasil, cerca de 20% das 500 maiores empresas, tem uma rea ou profissional dedicado a acompanhar, monitorar e apresentar relatrios de Inteligncia Competitiva.No Brasil as funes podem ser: Inteligncia Competitiva, Inteligncia de Mercado, Servios de Marketing, Pesquisa e IC, entre outros, com atividades por vezes muito diferente dos colegas americanos. 11. Qual o mercado da Inteligncia CompetitivaCrescente interesse pelo tema, atravs de monografias, dissertaes, teses de doutorado, alm de eventos (cursos, palestras e seminrios), nos ltimos 3 anos, mostram o crescimento da importncia da anlise da concorrncia no Brasil. 12. Qual a Aplicao no Mundo dos Negcios?Com isso, o tema Inteligncia Competitiva j se faz cada vez mais presente, quando da elaborao de planos estratgicos, planos de marketing, planos de vendas e principalmente planos de desenvolvimento de negcios. Assim, o crescimento de uma empresa de forma sustentvel, passa cada vez mais pela anlise do mercado de atuao, de seus concorrentes e acima de tudo de seus clientes e consumidores. 13. Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e FuturoPassado at o evento do Plano RealMESBLA180 Lojas28 Mil funcionriosCaractersticas VarejoInformalidadeBaixa Qualificao ProfissionalFragmentaoEmpresas FamiliaresBaixa Concorrencia EstrangeiraMercado Fechado 14. Reformulao nos anos 80A expanso da Mesbla se fez com estratgias de mercado que logo se mostraram ultrapassadas;Quando decidiu incrementar a venda de vesturio e roupas de cama e mesa, os artigos eram expostos junto s mquinas e equipamentos, que eram as mercadorias tradicionais da empresa; A mesma mistura desorganizada se via nos catlogos;Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 15. Problemas nos anos 90 A Mesbla tinha 40 diretores, o que tornava as decises lentas.Final do Governo Sarney, em 1989, com a hiperinflao, comeou a estocar mercadorias em excesso e passou a contar basicamente com recursos gerados por sua financeira.Plano Real, com o fim da inflao alta, a empresa passou a enfrentar constantes prejuzos, que tentou resolver com fechamento de lojas e dispensa de empregados.Para agravar, tinha que enfrentar a concorrncia de lojas de departamento e hipermercados estrangeiros, com facilidade de obter capitais no exterior a juros mais baixos.Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 16. PresenteFormalizao das receitas;Forte Concorrncia com Mercados Externos (importao);Forte Concorrncia com Mercados Externos (compras viagem);Criao de Grandes Cadeias Nacionais Profissionalizadas;Melhora da Qualificao Profissional;Baixa Inflao Custos so o destaque;As cadeias de lojas familiares na vitrine para aquisio;Incio da busca pela inovao como forma de sobrevivncia;Setor ainda fragmentado gerando forte concorrncia;Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 17. Depois da C&A outra grande varejista se firma no BrasilTendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 18. A Mais Nova Ameaa Chega ao Brasil em 2014 ?Parceria Karl Lagerfeld (Chanels Designer) & H&MTendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 19. Tarpon pode comprar parte do grupo Farm e AnimaleDesfile da grife Animale na SPFW Vero 2014Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 20. Alpargatas compra 30% da Osklen, com opo para mais 30%Loja da Osklen: para Alpargatas, marca representa aposta em estilo "capaz de conquistar o mundo.Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 21. FUTUROChegada ao Brasil de cada vez mais cadeias de lojas estrangeiras;Foco no Visual Merchandise e Store Design para atrair o consumidor;Maior importncia na gesto dos setores de Inteligncia e Assortment Planning;Desenvolvimento do omnicanal como estratgia de ampliao de vendas;Produtos Sustentveis;Fuses e aquisies de grandes players;Profissionais cada vez mais qualificados;Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 22. FUTUROO link cada vez mais forte: Consumidores, Varejistas e DesignersTendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 23. FUTUROInformao: Manequins com Cameras para observar o comportamento do consumidor nas lojasTendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 24. FUTURONovas formas de compras: IntegraoOur new Hointer location in the Stanford Shopping Center, Palo Alto is now open!Escolhe o modelo e a roupa vai para a cabine em 30 segundos.Tendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 25. FUTUROModelo Escolhido Pagamento SimplificadoTendncias do Varejo - O varejo no Brasil - Passado x Presente e Futuro 26. Inteligncia do VarejoRpidas mudanas no comportamento do consumidor;Proliferao de novos canais que esto forando os varejistas a lidar com novas fontes de dados;Novas formas de olhar para a anlise;Novas capacidades de anlise + novos formatos, como tablets e smartphonesEsto derrubando o disciplina bem estabelecida de Business Intelligence no varejo.O relatrio baseado em uma pesquisa com 81 varejistas qualificados. 27. 47% dos mega-varejistas (mais de US $ 5 bilhes em vendas) tem uma estratgia de BI por mais de 2 anos;43% dos varejistas de menos de US $ 250 milhes de receita usam os dados no Excel como seu principal mtodo de vises de BI;35% dos varejistas esto orando para dar a seus funcionrios acesso mvel a dados e ferramentas de BI;Inteligncia do Varejo 28. Inteligncia do Varejo 29. Prism Skylabs de San Francisco uma startup desenvolveu tecnologia que utiliza o vdeo capturado pela segurana cmeras para rastrear os movimentos dos clientes e criar Heatmaps.As imagens representam o local preferido de todos os compradores na loja e os itens que eles tocaram;Para os varejistas, um valiosa ferramenta para a tomada de decises sobre o produto;Prism Skylabs tambm oferece timelines, mostrando nveis de atividade e mapas dos caminhos que revelam como clientes a navegam atravs do espao.Inteligncia do Varejo 30. O CEO do Prism Skylabs, Steve Russell diz que que realiza tudo com uma tecnologia avanada que inclui a viso de computador:"Isso nos permite compreender o compor