Princípios Éticos

of 25/25
COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) 24/09/2014 PROF. MS. AGNES ARRUDA | ÉTICA E LEGISLAÇÃO PUBLICITÁRIAS 1
  • date post

    23-Jun-2015
  • Category

    Education

  • view

    123
  • download

    1

Embed Size (px)

description

Slides da disciplina Ética e Legislação Publicitária, ministrada pela prof. ms. Agnes Arruda aos alunos do 2º período de Publicidade e Propaganda da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC).

Transcript of Princípios Éticos

  • 1. COMUNICAO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDAUniversidade de Mogi das Cruzes (UMC)24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS1

2. TICADefinio:Formas humanas individuais de resolver as contradies entre necessidade e possibilidade, entre tempo e eternidade, entre o individual e o social, entre o econmico e o moral, entre o corporal e o psquico, entre o natural e o cultural e entre a inteligncia e a vontade.Postura a adotar de modo que a balana social esteja equilibrada, no pesando nem para um lado, nem para o outro. Regida por uma ideologiaInstrumento de dominao na luta de classes24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS2 3. TICADiretamente relacionada normatizaes e regrasLIBERDADEBem maiorMoralValores e convenes estabelecidos coletivamente por cada cultura ou por cada sociedade a partir da conscincia individualVarivelReligiosidadeMoral vs. Moralismo24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS3 4. TICAtica vs. Ideologia tica vs. Alienao24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS4 5. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaFalncia do Sentido Vazio ticoMorte das IdeologiasTriunfo do IndividualismoNovas Tecnologias= Poderes do Homem24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS5 6. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaFalncia do Sentido Vazio ticoPoucas ou nulas referncias tradicionaisCrise dos fundamentosNiilismo NADATodas as referncias ou normas da obrigao se dissipam; os valores superiores se depreciam.No seio do vazio, como agir? A partir de onde?24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS6 7. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaMorte das IdeologiasDescrena nos grandes sistemasReligio, Iluminismo, Cartesianismo, Marxismo etc.Incerteza24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS7 8. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaIndividualismoSem ideologias dominantes, novas regras de condutaPrivilegia indivduo em relao coletividadeO individualismo uma variante modesta e ainda inconsciente da vontade de poder; aqui o indivduo se contenta em se libertar da dominao da sociedade (quer seja Estado ou da Igreja). Nietzsche A vontade de poder.24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS8 9. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaIndividualismoSc. XIX conquista libertaoContemporneo:Realizao de indivduos estranhos s disciplinas, s regras, aos constrangimentos diversos, s uniformizaesNarcisismo, hedonismo, culto da descontrao, particularidades idiossincrticas...Mas e a balana social?24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS9 10. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaNovas tecnologiasBiologiaMedicinaEnergia nuclearComunicaes...Novas formulaes ticas24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS10 11. TICA CONTEMPORNEARetomada da ticaEra do VazioDeontologia (cdigos e normas de conduta)tica aplicadaReflexo terica24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS11 12. PRINCPIOComeo, ponto de partida de um processo Na ticaProposies bsicas que vo reger a posturaHipteses que governam o campo reflexivoQUESTOEm poca de niilismos, quais princpios governam a tica contempornea?24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS12 13. AUTONOMIA DO SUJEITOO sujeito responsvel por seus atos Nenhuma circunstncia pode arranc-lo desta condioIndependente das ideologias e das alienaes, homem ainda capaz de discernir24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS13 14. AUTONOMIA DO SUJEITO24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS14 15. RELIGIOSOQuadro tradicional para o bem e o mal Regula os comportamentos humanos procurando agradar a Deus MoralEx.: 10 mandamentos24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS15 16. REALIDADEAquilo que existe efetivamente Felicidade (bem maior) efmera Bem maior relativo Lucidez Real como tal24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS16 17. DIFERENADesigualdade social Justia social24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS17 18. DIFERENA24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS18 19. CULTURA ESTTICABelo e bom esto unidos Plato: Progredindo at a ideia do Belo o homem se eleva acima de sua condio terrestre, descobre o mundo das Essncias e se acha, assim, em condies de chegar a uma Sabedoria. Quando se encontra a recordao da Verdadeira Beleza, ento a alma se reveste de asas: ento pode-se engendrar no fantasmas de virtude, mas a virtude verdadeira.24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS19 20. CULTURA ESTTICA24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS20 21. CULTURA ESTTICA24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS21 22. RESPEITO VIDAEssncia biolgica Qualidade de vida Corpo vivido24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS22 23. RESPEITO VIDA24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS23 24. RESPEITO VIDA24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS24 25. ATIVIDADE COMUNICATIVANovo princpioRacionalidade comunicativaEntendimento entre os sujeitos Signos lingusticosFunes da linguagem Jogos de linguagem - Wittgenstein24/09/2014PROF. MS. AGNES ARRUDA | TICA E LEGISLAO PUBLICITRIAS25