PRODIR - associquim.org.br · ABNT NBR ISO 9001 X ABNT NBR ISO 14001 X PRODIR X OHSAS 18001 X ABNT...

Click here to load reader

  • date post

    02-Dec-2018
  • Category

    Documents

  • view

    225
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of PRODIR - associquim.org.br · ABNT NBR ISO 9001 X ABNT NBR ISO 14001 X PRODIR X OHSAS 18001 X ABNT...

  • PRODIRPROcessO DIstRIbuIO ResPOnsvel

  • prodir processo distribuio responsvel 3

    cRIaDO Pela cacd canaDIan assOcIatIOn Of chemIcals DIstRIbutORs em 1987, ImPlantaDO

    Pela nacd natIOnal assOcIatIOn Of chemIcal DIstRIbutORs usa em 1991, aDOtaDO Pela

    associquim em 2002

    PRODIRPROcessO DIstRIbuIO ResPOnsvel

  • 4 processo distribuio responsvel prodir prodir processo distribuio responsvel 5

    O Processo Distribuio Respon-svel (PRODIR) foi criado pela Ca-nadian Association of Chemical Distributors (cacD) em 1987 e adotado nos Estados Unidos pela National Association of Chemical Distributors (nacD) em 1991. Em 2016, o PRODIR completa 14 anos de implementao pela assOcI-QuIm, fator absolutamente rele-vante na transformao da cadeia de distribuio de produtos qumi-cos e petroqumicos do Brasil.

    O PRODIR se consolidou como uma referncia qualitativa, ao imple-mentar princpios de sustentabi-lidade no setor de distribuio de produtos qumicos e petroqumicos. Prova de sua fora e reconhecimen-to se demonstra no crescente volu-me de organizaes que aplicam o PRODIR em suas operaes e, cada vez mais, na exigncia das inds-trias consumidoras para que seus fornecedores apliquem os princ-pios estabelecidos pelo PRODIR.

    cdigos do PRodiR

    Gerenciamento de risco; Atendimento a legislaes e normas; Seleo de transportadores; Manuseio e armazenagem; Procedimentos de trabalho e treinamento; Gerenciamento de resduos; Atendimento a emergncias e preparao da comunidade; Integrao com a comunidade; Gerenciamento do produto; Auditorias internas; Aes corretivas e preventivas; Controle de documentos; Proteo patrimonial Security.

    Aps cdigos e prticas implemen-tados, a empresa dever solicitar a realizao de auditoria por uma en-tidade independente.

    Isso representa que, para crescer e permanecer no mercado qumico e petroqumico em cenrios fu-turos, as organizaes dependem fundamentalmente da incorpo-rao das regras da responsabili-dade social e da sustentabilidade na organizao. Assim, torna-se garantia de tranquilidade para o produtor, confiana para o cliente e segurana para a comunidade. Desse modo, faz com que as ques-tes de sade, segurana e meio ambiente sejam prioritrias para todas as atividades, os produtos, os processos, as instalaes e a comunidade.

    Alm disso, as empresas certifica-das ficam comprometidas com a melhoria contnua das condies de sade, de segurana, de meio am-biente e de responsabilidade social; com as boas prticas comerciais e ticas dos fabricantes, de seus clien-tes e de seus parceiros; e com o res-peito comunidade e s diretrizes emanadas do Poder Pblico que re-gulam a atividade.

    PRODIR

    Reduo do nmero de auditorias pelos fornecedores; Menor risco de no atendimento s legislaes; Aumento de produtividade / eficincia; Maior segurana operacional; Diminuio do risco de acidentes e de contaminaes ao meio ambiente; Melhoria na imagem da empresa perante a sociedade e o mercado; Integrao entre colaboradores, terceiros, clientes e comunidade; Maior motivao dos colaboradores; Maior satisfao dos parceiros comerciais; Maior nvel de organizao interna; Maior controle da administrao.

    alguns benefcios de seR uma emPResa ceRtificada PRodiR:

  • 6 processo distribuio responsvel prodir prodir processo distribuio responsvel 7

    TABELA COMPARATIVA ABNT NBR ISO 9001 X ABNT NBR ISO 14001 X PRODIR X OHSAS 18001 X ABNT NBR 16001

    outubRo 2015

    ITENS

    ABNT NBR ISO 9001

    2015

    ABNT NBR ISO 14001

    2015 PRODIR

    OHSAS 180012007

    ABNT NBR

    160012012

    Sistema de gesto (Ttulo somente) 4.4 4.4Guia de Implantao,

    Regimento Interno 4 3

    Requisitos gerais 4.4 4.1 a 4.4 Guia de Implantao 4.1 3.1

    Requisitos de documentao (Ttulo somente) 7.5 - Guia de Implantao 4.4.4 -

    Generalidades 7.5.1 7.5 Guia de Implantao 4.4.4 -

    Manual do Sistema de Gesto 7.5.1 7.5.1 -3.5.13.5.2

    Controle de documentos 7.5.3 7.5.3 Cdigos XII, XIIIE 4.4.53.5.13.5.3

    Controle de registros 7.5.3 7.5.3 Cdigo XII 4.5.4 3.5.4

    Responsabilidade da direo/Autoridades Organi-zacionais (Ttulo somente) 5.3 5

    Guia de Implantao /Termo de Adeso, Cdigo IA 4.4.1

    3.2 3.3.7

    Comprometimento, Funes, Responsabilidades e Autoridades

    5.15.3

    5.15.3

    Guia de Implantao /Termo de Adeso /

    Cdigos IA, IB, VIB, XIIIA

    4.24.2

    4.4.14.6

    3.23.3.1

    Foco no cliente 5.1.26.1.26.1.3 Cdigos IC, IVD, IX

    4.3.14.3.2

    Poltica 5.2 5.2Cdigos IA, IB

    Termo de Adeso 4.2 3.2

    Planejamento /Aes para risco e oportunidades6

    6.1 6 Guia de Implantao 4.3 3.3

    Requisitos Legais e Outros Requisitos 8.5.5 6.1.3 Cdigo II 4.3.23.3.33.3.5

    Objetivos 6.2 6.2.1 Termo de Adeso 4.3.3 3.3.6

    Planejamento do sistema de gesto/Mudanas6.26.3 6.2.2

    Guia de Implantao /Termo de Adeso 4.3 3.3

    Comunicao Interna 7.4 7.4.2Termo de Adeso,

    Cdigos V, VIII, XIIIG 4.4.3 3.4.3

    Anlise crtica pela direo (ttulo somente) 9.3 9.3 - 4.6 3.3.7

    Generalidades 9.3.1 9.3 Cdigos IA, IB, XIIIA 4.6 3.6.5

    Entrada para anlise crtica 9.3.2 9.3 Cdigos IA, IX 4.6 3.6.5

    Sada da anlise crtica 9.3.3 9.3 Cdigos IA, IX 4.6 3.6.5

    Proviso de recursos 7.1 -Cdigo IA, IB, XIIIA

    Termo de Adeso 4.4.1 3.3.7

    Recursos humanos 7.1.2 4.6 - - -

    Generalidades 7.1.1 Cdigo V 4.4.2

    Competncia, conscientizao e treinamento

    7.2 7.37.4

    7.27.3 Cdigos IF, V, XIIIF 4.4.2 3.3.7

    Infraestrutura 7.1.3 - Cdigos IA, IVA, IVB, XIII 4.4.1

    Ambiente de trabalho 7.1.4 - Cdigo VB 4.4

    ITENS

    ABNT NBR ISO 9001

    2015

    ABNT NBR ISO 14001

    2015 PRODIR

    OHSAS 180012007

    ABNT NBR

    160012012

    Implementao e Operao 8 8 Cdigos III, IV 4.4.6 -

    Planejamento e controle operacionais 8.1 a 8.6 8.1 Cdigos III, IV 4.4.6 -

    Determinao de requisitos relativos a produto e servios 8.2.2 6 Cdigos I, II, IV, IX

    4.3.14.3.24.4.6

    Anlise crtica de requisitos relativos a produto e servios 8.2.3 9.3 Cdigos IC,IV,IX

    4.3.14.4.6

    Comunicao com o cliente8.2.18.5.5 7.4.3 Cdigo IX 4.4.3 3.6.5

    Mudanas nos requisitos para produtos e servios8.2.48.5.6 8.1 Cdigo IV, IE 4.4.6 3.4.3

    Projeto e desenvolvimento de produto e servios 8.3 - -

    Controle de produo e prestao de servio 8.5.1 8.1 Cdigos III, IV 4.4.6

    Identificao e rastreabilidade 8.5.2 - Cdigo IV -

    Propriedade do cliente 8.5.3 - Cdigo IX -

    Preservao do produto 8.5.4 8.1 Cdigo IV 4.4.6

    Controle de processos, produtos e servios providos externamente 8.4 8.1 Cdigo III, IV 4.4.6

    Controle de equipamento de monitoramento e medio 7.1.5.2 9.1 Cdigo III, IV 4.5.1

    Monitoramento e medio 9.1 9.1

    Indicadores ProdirCdigos IA, IB, XIIIB,

    XIIIC, XIIID 4.5.1 3.4

    Satisfao dos clientes 9.1.2 - Indicadores Prodir - 3.4.4

    Auditoria interna 9.2 9.2 Cdigos X, XIIIJ, XIIIK 4.5.5 3.6.4

    Monitoramento e medio de processos 7.1.6 9Indicadores Prodir

    Cdigos IA, IB, II, XIII4.5.14.5.2

    3.6.13.6.2

    Monitoramento e medio do produto 7.1.5.1 9 Cdigo I, II, IV, IX4.5.14.5.2

    Controle de sadas no conformes 8.7 8.2Cdigos IV, VI, VII, XI,

    XIIIH, XIIII4.4.74.5.3

    Preparao e resposta a emergncia - 8.2 Cdigo VII -

    Anlise de dados 10 9.1Indicadores Prodir

    Cdigos IA, IB, XIIIM4.5.14.5.3 3.6.5

    Melhoria contnua 10.3 10.3Termo de Adeso

    Cdigos IA, IB4.24.6

    3.3.43.6.5

    No conformidade, Ao corretiva e Ao preventiva 10.2 10.2 Cdigo XI 4.5.3 3.6.3

  • 8 processo distribuio responsvel prodir prodir processo distribuio responsvel 9

    PANORAMA DO PRODIR

    acidentes no site / tonelada de PRodutosn de acidentes / 10.000 ton de PRoduto

    2009

    2009

    2010

    2010

    2011

    2011

    2012

    2012

    2015

    2015

    2014

    2014

    2013

    2013

    acidentes no tRansPoRte / embaRquesn de acidentes / 10.000 embaRques

    0,4

    0,35

    0,3

    0,25

    0,2

    0,15

    0,1

    0,05

    2009 2010 2011 2012 2015201420130

    0,5

    0,6

    0,7

    0,4

    0,3

    0,2

    0,1

    0

    2009 2010 2011 2012 201520142013

    HoRas de tReinamento / colaboRadoR

    20

    25

    30

    15

    10

    5

    0

    2500

    2000

    3500

    3000

    4000

    1500

    1000

    500

    0

    nmeRo mdio de colaboRadoRes

  • 10 processo distribuio responsvel prodir prodir processo distribuio responsvel 11

    Braschemical Representaes Ltda. Chemtool do Brasil Produtos Qumicos Ltda. Cimental Ltda. Indukern do Brasil Qumica Ltda. Petrobras Distribuidora S/A. PQA Produtos Qumicos Aracruz Ltda. Solven Solventes e Qumicos Ltda.

    EMPRESAS CANDIDATAS CERTIFICAO JANEIRO/2016

    EMPRESAS CERTIFICADAS PRODIR JaneIRO/2016

    EMPRESAS CERTIFICADORAS CREDENCIADAS PELA assOcIQuIm PARA REALIZAR AUDITORIAS DO PRODIR

    Pantone1795

    D E S D E 1 9 7 6

    Respeito por voc. Respeito pela vida.

    QUIMESPQUMICA

  • 12 processo distribuio responsvel prodir prodir processo distribuio responsvel 13

    As empresas devem se comprometer a gerir seus negcios de acordo com estes princpios:

    Ser receptivo e sensvel s preocupaes da comunidade;

    Ter os aspectos sade, segurana, proteo e meio ambiente como prioritrios em suas operaes, produtos, processos e instalaes, bem como no planejamento e na implementao de novos sites e/ou proces-sos e operaes;

    Informar colaboradores, contratados, prestadores de servio em aten-dimento de emergncias e pblico sobre riscos qumicos ou processos relacionados a riscos para a sade ou para o meio ambiente, alm de respostas e medidas de proteo em relao aos produtos da empresa e aos processos;

    Fornecer informaes sobre perigos e riscos associados aos produ-tos qumicos e petroqumicos e dar suporte aos clientes no gerencia-mento desses produtos, permitindo-lhes armazenar, utilizar, manusear, transportar e dispor, se necessrio, de maneira responsvel;

    Participar com entidades, rgos governamentais e outros interessa-dos na elaborao de leis, regulamentos e prticas responsveis para ajudar a proteger a comunidade, o local de trabalho e o meio ambiente;

    Cumprir todos os requisitos legais que afetem suas operaes e pro-dutos e cumprir integralmente com os Cdigos e Prticas do Processo Distribuio Responsvel;

    Cooperar na resoluo de problemas criados por manuseio e disposi-o de resduos perigosos;

    Operar instalaes e armazns de forma a proteger a sade e a seguran-a da comunidade, dos funcionrios, do meio ambiente e das instalaes.

    1. ABNT CB-10 FISPQ /ROTULAGEM - GHS

    2. ABNT ONS 34 NBR 17505

    3. Transporte de PP ABTLP

    4. CRQ Comisso Meio Ambiente / Comisso de Alimentos / Comisso de Saneantes / Comisso de Cosmticos

    5. ABNT - CB-16 Transporte e Trfego

    6. ABNT - CB-23 - Embalagens

    7. ABNT - CB-24 - Segurana contra incndios

    8. PROCOMEX

    9. Secretaria dos Transportes Comisso de Anlise de Acidentes 9.1 - Subcomisso Paulnia 9.2 - Subcomisso Ribeiro Preto 9.3 - Subcomisso Metropolitana 9.4 - Subcomisso Alto do Tiet 9.5 - Subcomisso Sorocaba 9.6 - Subcomisso de Cubato

    10. MAPA Comit Clientes

    11. MAPA Cmara Temtica de Insumos Agropecurios

    12. Frum Permanente para o TRC Ministrio dos Transportes

    13. GSI Gesto de Segurana contra Incndio USP

    14. Anvisa

    15. Inmetro

    PRINCPIOS DIRETIVOS DO PRODIR

    REPRESENTATIVIDADE

  • 14 processo distribuio responsvel prodir

    A ntegra do Cdigo de tica adota-do pela ASSOCIQUIM / SINCOQUIM est disponvel no site da Entidade: www.associquim.org.br

    CDIGO DE TICA

  • 16 processo distribuio responsvel prodir

    Rua maRanhO, 598 4 anDaRceP 01240-905 sO PaulO sP

    fOne (11) 3665-3211 faX (11) 3665-3219

    [email protected]