Quartier 05

Click here to load reader

  • date post

    27-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    236
  • download

    6

Embed Size (px)

description

edição de Natal da revista Quartier

Transcript of Quartier 05

  • Tempo de

    exem

    plar

    gra

    tuit

    o - v

    enda

    pro

    ibid

    a

    E d i t o r a

    SE7Eano 2 / edio 5

    A sua referncia nos Jardinsquartier

    47 dicas de moda, acessrios e presentes para o seu fim de ano

    celso kAmurA, renAtA vAnzetto, ceciliA dAle e Joo cArlos cAmArgofalam sobre carreira, sucesso e o que esperam de 2012

  • 4 Revista QuaRtieR

    Walquiria Botaro [email protected]/revistaquartierwww.facebook.com/quartier

    AUM ANO DeDiCaDO a vOC

    CaRta DO eDitOR

    revista Quartier completa com esta edio um ano de vida e, no decorrer dos ltimos nmeros, quisemos levar at voc o que os Jardins tm de melhor. O Parque Trianon e a nova Estao Paulista do metr foram usados como pano de fundo em nosso primeiro editorial de moda, clicado pelo consagrado fotgrafo

    Klaus Mitteldorf; comemoramos os 30 anos do Ritz, os 85 da Casa Santa Luzia e os 40 do Ballet Stagium, marcos da regio; conversamos com o comediante Rafinha Bastos, que na poca havia acabado de abrir, no Baixo Augusta, sua casa de stand-up comedy. Depois disso, trouxemos um bate-papo descontrado com Dan Stulbach, que brilhantemente tem feito a direo artstica do Teatro Eva Herz, e tambm com a estilista Adriana Barra, que criou uma marca brasileira de muita personalidade. Alm disso, a cada nmero, levamos servios aos moradores e frequentadores da regio, apresentando a gastronomia que se experimenta aqui, a diverso que se tem e as compras que se podem fazer de maneira prazerosa, tudo a p, caminhando por nossos boulevards. Ficam aqui registrados ainda os nossos agradecimentos a todos os parceiros que se envolveram at ento com a Quartier e fizeram sua a nossa vontade em levar uma publicao diferenciada.

    Nesta edio de fim de ano, trazemos nossa coluna Gourmet inspirada no Natal e no Rveillon. H opes para quem quer brindar as festas em um lugar diferente, para aqueles que buscam praticidade e optam por encomendar os pratos que reuniro a famlia em torno da mesa e, ainda, para quem vai juntar os amigos para uma confraternizao. Como tempo de fazer brindes, entra em cena o espumante. Conhecido como o vinho dos reis, essa bebida cheia de histria e glamour um cone das celebraes e dedicamos algumas pginas desta edio comemorativa a ele. Conhea tambm algumas figuras ilustres de nosso Quartier que tm sobressado em suas reas de atuao e participe de suas conquistas.

    Ainda, aqui, selecionamos dezenas de objetos de decorao, moda, acessrios e presentes para facilitar a sua busca frentica nesse perodo de compras. E, depois dessa correria, nada melhor do que se dar um tempo e tirar alguns dias de frias. Preparamos uma programao com alguns passeios pelas redondezas e tambm dicas de livros e filmes para levar na viagem.

    Nosso Quartier est em festa por nos ter recebido, e, ns, por tratarmos dele com todo o charme e elegncia que ele merece. Que venha 2012!

    RedaoDiretora De reDao

    WALQUIRIA BOTARO ([email protected])

    Diretor De arte DOUgLAs MARQUes

    ([email protected])

    eDitor especial cARLOs cOsTA

    ([email protected])

    criatiVe retoUcHFURIA

    Designer LygIA LyRA

    Jornalistas AnDReA ROMAnOV, FeLIPe HenT

    e RODRIgO FAVRe

    assistente-execUtiVa BeATRIz DOs sAnTOs sILVA

    colaboraDores eDUARDO IsOLA (ceI - RePResenTAnTe

    cOMeRcIAL), JAnAInA PeReIRA, JAQUeLIne JAnUzzI e MARcUs TRInDADe

    stYlistMeLIssA THOM

    agraDecimentosLOJAs cecILIA DALe

    Publicidadegerente De noVos negcios

    ROBeRTO MULLeR([email protected])

    ncleo De VenDas ARTHUR zAMPOLLI LUcAs geRALDeLI

    para anUnciar LIgUe (11) 2614-4710 / 2613-6140

    e-MAIL ([email protected])

    para se corresponDer com a reDao

    ([email protected])

    grfica RIcARgRAF

    Voc quer receber a Quartier em casa ou no trabalho, gratuitamente? mande um e-mail com seu endereo

    para [email protected]

    Quartier uma publicao bimestral da editora se7e (www.editorase7e.net) - av. paulista 2.006, cj. 1108, bela vista,

    so paulo (sp), cep 01310-200 - tel. (11) 2614-4710

    Diretor execUtiVoDOUgLAs MARQUes

    Diretora eDitorialWALQUIRIA BOTARO

    E d i t o r a

    SE7EE d i t o r a

    A sua referncia nos Jardins

  • anca

    r

    sumrio

    46

    CONVERSA 16

    BORBU-LHANTES

    poca de celebrao pede espumante, o vinho dos reis!

    34

    gOURmET 10

    mANUAL 25

    41diVERSO

    SUA CARREiRA

    Em 2012

    A ceia de Natal e a virada do ano no Emiliano

    O menu exclusivo para as festividades do Quattrino

    Os pratos impecveis e o servio completo do Bistr Charl

    A diversidade do Gran Buffet Fiesta do Baby Beef Rubaiyat

    As personalidades ilustres que se destacam em nosso Quartier

    Joias, sapatos, roupas, objetos de decorao, presentes para

    seu amigo secreto... A temporada de compras a cu aberto chegou!

    Livros: obras de rico Verssimo so redescobertas e ganham coleo

    Filmes: Quando Voam as Cegonhase O Caador de Pipas

    Arte e Cultura: Casa das Rosas, Masp e Ita Cultural de portas abertas

    para o perodo das friasShoppings: oficinas de arte e decoraes

    natalinas atraem o pblico para a regio

    Conhea a tcnica do Eneagrama e como ele pode ajud-lo (a) a aprimorar seu

    comportamento no ambiente de trabalho

  • PratosrequintadosA chef Ilda Vinagre, do restaurante A Bela Sintra, criou para as festividades um menu fechado a R$ 350 por pessoa, que inclui uma entrada, um prato principal e uma sobremesa, exceto bebidas e servios. O cardpio especial estar disponvel na ceia de Natal e Ano-Novo (dias 24 e 31/12, respectivamente, a partir das 21 horas) e no almoo dos dias 25/12 e 1/1 (a partir das 12 horas), mediante reserva antecipada. Na entrada, um creme de abacate com lulas dor ao pesto de tomate. Entre os pratos principais esto bacalhau em posta confitado com molho de lagosta e o peito de peru assado com cerejas e nozes com molho de vinho do porto, substitudo no Ano-Novo por leito assado. Para a sobremesa, bombom de baunilha e frutas vermelhas ao chocolate. A casa disponibiliza ainda, excepcionalmente, possvel troca de algum item sugerido por qualquer prato do cardpio la carte do restaurante./ Reservas | Por telefone: (11) 3891-0740 / A Bela Sintra | R. Bela Cintra, 2325 | Tel. (11) 3891-0740

    sofisticado

    MENU ELABORADODiversidade de pratos e mix de temperos tornam o cardpio do Baby Beef

    Rubaiyat uma grande festa de fim de ano POR Janaina Pereira

    Para celebrar a noite do natal e a do ano-novo com a famlia e os amigos, o restaurante Baby Beef Rubaiyat criou o magnfico Gran Buffet Fiesta Natal e Rveillon, composto de pratos frios que trazem aspargos frescos, mexilhes cozidos, salada de endvias, entre outras opes; j os pratos quentes so compostos da tradicional paella de frutos do mar, peru recheado com po italiano, parmeso e alecrim, cabrito braseado etc.; alm de acompanhamentos tpicos e deliciosas sobremesas. Bebidas e uma garrafa de vinho a cada duas pessoas fazem parte do pacote. No Natal, o buf custa R$ 280 por pessoa e, no Ano-Novo, R$ 380. Se a opo for cear em casa, a sugesto o Baby pork, que pode ser encomendado. / Reservas | Por telefone: (11) 3170-5100 | Reservas de fim de ano somente com pagamento antecipado. / Baby Beef Rubayiat | Al. Santos, 86 | Tel. (11) 3170-5100

    d o c e r i a s / / c a f s / / r e s tau r a n t e s / / Ba r e s / / pa da r i a s

    tradicional

    Ceias

    ElIS

    ANgE

    lA A

    NDRA

    DE

    10 Revista QuaRtieR

  • FIM DE ANO EM GRANDE ESTILO

    luxuoso

    o emiliano PreParou um clima aconchegante e festi-vo para as festas de fim de ano. No Natal, o cliente ser recep-cionado com uma taa de champa-nhe Perrier Jout Blason Ros e o saboroso menu elaborado pelo chef Jos Barattino: salada de vegetais crus com emulso de amndoas, ovo poch de codorna com tor-rada, tomate em conserva e sardinha assada, ravili de camaro com pimenta-de--cheiro e feijo-de-corda, roba-lo ao salmoriglio com vngoles frescos e crostini de aspargos ou peru recheado ao molho de mel de laranjeira, uvas passas e cenouras com especiarias. De sobremesa, contraste de chocolate caramelia e maca com sorvete de cumaru. A ceia inclui tam-bm caf espresso, petit-fours artesanais, bebidas no alcolicas e estacionamento. Tudo por R$ 290 por pessoa, mais 12% de

    taxa de servio. Taxa de rolha: R$ 80 para vinhos e R$ 100

    para destilados. J o rveillon foi programado para oferecer um mo-

    mento nico. Por R$ 986 por pessoa, com todas as taxas inclusas e estacionamento, o cliente saboreia uma ceia para l de in-crementada, e, a cada duas pessoas, uma garrafa de champanhe Perrier Jout Belle poque Safra 2002. Aps o jantar, a vira-da do ano exclusiva acontece no Lounge Emiliano e a festa open bar, na Sala Emi-liano, com vinho importado, espumante

    Mumm, usque Chivas Regal, vodca Ab-solut e refrigerantes, alm de uma Estao Gourmet com variedade de canaps e finger foods. Para brindar o momento da virada, cada pessoa ser presenteada com uma garrafa de champanhe Perrier Jout de 200 ml. A noite termina s 3 horas com um risoto de champanhe e aspargos, para comear 2012 em grande estilo. / Reservas | Por e-mail: [email protected] | Por telefone: (11) 3069-4369 | As reservas sero aceitas median-te o pagamento antecipado do valor integral / Emi-liano | R. Oscar Freire, 384 | Tel. (11) 3069-4369

    cosmopolita

    Cardpio exclusivoO tradicional restaurante Quattrino oferece cardpio especial de jantar no dia 24/12, criado pela chef Mary Nigri, pelo preo fechado de R$ 89 por pessoa. Entre os destaques da ceia esto o mix de verdes, lentilhas e palmito fresco, peru fatiado com molho de shiitake, arroz jasmin com amndoas, farofa e carambola caramelizada (foto), alm de sobremesas como o manjar de coco com calda de frutas secas e amndoas. H outras opes de prato e o menu inclui panetone e caf. necessrio fazer reserva. A casa estar fechada nos dias 25 e 31 de dezembro de 2011 e 1 de janeiro de 2012. / Reservas | Por telefone: (11) 3068-0319 / Quattrino | R. Oscar Freire, 506 | Tel. (11) 3068-0319

    tucA

    REI

    NES

    RAfA

    El w

    EINB

    ERg

  • elegante

    Opes saborosasSalada aromtica de legumes e camares ou salada de batata com bacalhau? Peito de peru bolinha com molho de prosec-co e raspas de limo-siciliano ou pernil de vitela com molho de vinho branco e cogumelo selvagem? Voc pode escolher es-ses e outros pratos deliciosos do Emprio Santa Maria para sua ceia de Natal ou de Ano-Novo. A casa no vai abrir para as festas de fim de ano, mas aceita encomendas. So vrias opes de entradas, pratos principais, molhos, acompanhamentos e sobremesas, com preos que variam de R$ 22 a R$ 145 o qui-

    lo. s fazer o checklist, montar o seu cardpio e encomendar. / Como encomendar Por e-mail: [email protected]

    Por telefone: (11) 3706-5211 - de segunda a sbado, das 8 s 20 horas; domingo, das 9 s 17 horas. Datas-limites para encomendas: Natal at 19/12 e Ano-Novo at 26/12. Condies de pagamento: Compras acima de R$ 1.000,00 podem ser parceladas com carto de crdito em at 3 vezes sem juros. / Emprio Santa Maria | Av. Cidade Jardim,

    790 | Tel. (11) 3643-1010

    artesanal

    Se a ideia no se preocupar com os preparativos da ceia de Natal e preparar a mesa de maneira elegante, o Buffet Charl oferece servios que podem surpreender voc e seus convidados. Copos, pratos, talheres, baixelas e guardanapos de jantar de linho com-pem a proposta de proporcionar um fim de ano rico em detalhes e repleto de pratos elaborados. Entre as delcias do menu esto mini-quiche de gouda com cebola caramelada, pat de queijo de cabra com chutney de laranja, salmo defumado com po preto, peru tradicional com farofa especial, cremona de frutas caseiras e fios de ovos, bche de castanhas portuguesas, bolo de nozes com

    baba de moa, caf e mini-ptisserie, gua, gua com gs, refri-gerantes e gelo. H tambm o prato opcional, camaro com mo-lho suave de curry e gengibre. Os preos variam entre R$ 7.700 (20 pessoas) e R$ 11.550 (40 pessoas), para a ceia sem camaro, e R$ 9.000 (20 pessoas) e R$ 14.050 (40 pessoas), para o buf com camaro. O servio de garons e ajudantes de cozinha, que op-cional, custa R$ 700 (cada um). / Como encomendar | Por telefone: (11) 3723-6677 | Data-limite para encomendas: 20/12. Condies de pagamento: 50% no aceite e o saldo com cheque pr-datado para o dia 5/1/2012. / Bistr Charl | R. Baro de Capanema, 440 | Tel. (11) 3087-4444

    NATAL REQUINTADO

    Faa o seu

    pedido

    gourmet

  • celebrao

    PARA CONFRATERNIZARReunir os amigos em um local agradvel para uma confraterniza-o, realizar a festa da empresa ou divertir-se com o amigo secre-to: para todas essas ocasies, o Rubi Wine Bar oferece, at o dia 23 de dezembro, um menu especial de fim de ano para o almoo e jantar. E para cada prato h uma sugesto de vinho ou espuman-te. Para o almoo, as mesas so reservadas at as 13 horas. Para o jantar, a reserva at as 21h30. A forma de pagamento 20% no ato da reserva; o restante, os extras e a taxa de servio, no dia. A quantidade mnima de pessoas para esse menu especial de 10 pessoas e, a mxima, de 40. / Reservas por telefone: (11) 4323-1667 / Rubi Wine Bar | Al. Ja, 1595 | Tel. (11) 4323-1667

    Happy

    Hour

  • DOCE TEMPORADA

    Junto com o final de ano, chegam os doces tpicos dessa poca festiva em verses para l de incrementadasPOR Janaina Pereira

    nem s de Peru vive a ceia de natal. Panetone e rabanadas tambm marcam presena e mantm a tradio das comidas tpicas do final de ano. Mas para quem acha que todo panetone tem de ter frutas cristalizadas, docerias e padarias do nosso Quartier quebram essa regra dando um toque criativo e muito saboroso a esta receita, que se une a outros doces para fazer a alegria das famlias paulistanas.

    Panetone PersonalizadoJ pensou em decorar um panetone do jeito que voc quiser? Sim, isso possvel com a novidade que a Amor aos Pedaos traz: o panetone personalizado, nas verses bicho-de-p (foto) e brigadeiro. Eles vm acompanhados de bisnagas com seus respectivos recheios, sach de acar ou granulado e esptula, para voc mont-lo como quiser! Para personalizar, basta seguir as instrues da embalagem e colocar a criatividade em prtica, dosando a aplicao dos doces ou usando todos os ingredientes. / Amor aos Pedaos | Av. Paulista, 2001

    loja 42 | Tel. (11) 3287-6129

    gourmet

    14 Revista QuaRtieR

  • Trufa de LimoPara quem gosta de um panetone diferente, a padaria Bella Paulista aposta no saboroso trufa de limo decorado com raspas da fruta e gotas de chocolate, disponvel em 100 g, 500 g e 1 kg. grandes encomendas podem ser feitas at 22/12. / Bella Paulista | R. Haddock Lobo, 354 | Tel. (11) 3214-3347/4520

    Bunches de NelA ptisserie do le Vin traz para o Natal brasileiro as bunches de Nel, sobremesa tpica francesa que tem formato inspirado nos troncos levados lareira. So trs sabores: a l esprit de Nol, de frutas cristalizadas; chocolat noisette, de musse de chocolate meio amargo com crocante de pralin de avel; e a bunche de pistache, com musse de pistache com geleia de framboesa. / Le Vin | Al. Tiet, 184 | Tel: (11) 3063-1094

    RabanadasA chef carole crema, do la Vie en Douce, preparou uma srie de delcias para servir na ceia, como as irresistveis rabanadas, crocantes por fora e cremosas por dentro. Elas podem ser compradas individualmente ou na charmosa embalagem para viagem. / La Vie en Douce | R. da Consolao, 3161 | Tel. (11) 3088-7172

    PalitoneA Benjamin Abraho criou o palitone, um panetone de palito em verses com gotas e cobertura de chocolate (branco ou preto) e com gotas de chocolate e cobertura de fondant, nos formatos de uma mini-rvore natalina, de bolinhas ou com o gorro do Papai Noel. / Benjamin Abraho | R. Jos Maria Lisboa, 1397 | Tel. (11) 3061-4004

    Frutas e TrufaImpossvel resistir ao panetone de frutas da cacau Show. com recheio de trufa tradicional, coberto com chocolate ao leite e decorado artesanalmente, ele sucesso garantido em todas as ceias natalinas./ Cacau Show | R. Augusta, 2349 | Tel. (11) 3083-4225

    ChocolattoneNem panetone, nem chocotone. A doceria cristallo oferece o chocolattone, um bolo feito com a receita da massa do Panettone cristallo, recheado e salpicado com gotas de chocolate belga. Irresistvel! / Cristallo | R. Oscar Freire, 914 | Tel. (11) 3082-1783

    Dulce de LecheA linha de panetones da Havanna inclui a verso caixa nos sabores dulce de leche e dulce de leche com gotas de chocolate, nos tamanhos 700 g e 130 g, e a verso lata, somente no sabor dulce de leche. / Havanna | R. Bela Cintra, 1829 | Tel. (11) 2808-6895

    CupcakesA wondercakes celebra o fim do ano com os diminutos bolinhos em verses inspiradas na poca, como o caramelo com frutas, tmara, cereja e o tradicional cupcake de Reis. Os cupcakes tradicionais de brigadeiro e chocolate ao leite ganham confeitos e decorao temtica para a ocasio. / Wondercakes | R. Augusta, 2542, loja 1 | Tel: (11) 3063-1209

    Revista QuaRtieR 15

    OSNy

    P. g

    AMBA

    JuNI

    OR

  • Por Walquiria Botaro fotos Joene Knaus

    16 Revista QuaRtieR

    CONveRsa

    Beleza BadaladaCelsO KamuRa dispensa apresentaes. um dos segredos para ser bem-sucedido naquilo que faz so seu bom humor e seu talento nato para captar o que cada cliente quer e precisa, de acordo com o estilo de vida que tem. esse hair stylist possui a prpria marca de beleza, a C.Kamura, que responsvel pelo make das beldades que desfilam para conceituadas marcas da so Paulo Fashion Week, como alexandre Herchcovitch e maria Bonita, e agora completa 30 anos de uma carreira bem-sucedida, rodeada de celebridades e uma agenda mega-cheia.

    Voc est comemorando 30 anos de car-reira. Quais foram os maiores desafios que passou de l para c? O maior desafio de todos se estabelecer no mercado, cons-truir um nome, uma marca e a credibili-dade. Fidelizar as clientes tambm um caminho rduo, bem como treinar profis-sionais e gerenciar pessoas, porque, alm de cabeleireiro e maquiador, sou tambm empresrio. Pode no parecer, mas sou um business man bem exigente! Construir a nova imagem da presidente Dilma tam-bm foi um delicioso desafio, fiquei con-tente com a repercusso que teve na mdia.

    Como voc pesquisa as referncias para criar looks com sua identidade? Estou sempre conectado e tambm fao algumas viagens para obter boas referncias. Sou muito observador, gosto de ver o estilo das pessoas, como elas se vestem, pois a moda outro combustvel que, alm de me ins-pirar, ainda permite que eu tenha muito material para trabalhar.

    Quais so as principais caractersticas dos trabalhos que faz e que denotam ser Celso Kamura? Eu no tenho um estilo pr-es-tabelecido. Para fazer o meu melhor traba-lho, preciso conhecer minhas clientes, sua personalidade, o que elas fazem da vida... S assim posso criar uma identidade, um look nico, respeitando o gosto e o desejo de cada uma delas.

    Em que momento voc viu a oportunidade de criar a prpria marca? Sempre quis criar minha marca prpria. O bacana que foi acontecendo naturalmente.

    Qual o principal segredo ao lidar com ce-lebridades? Como no errar num corte ou em um make, por exemplo? necessrio ter respeito! Em algumas ocasies, a cele-bridade est vivendo uma personagem na qual no cabem mudanas, e, em outras, elas me chamam para, juntos, criarmos o look da personagem. Quanto mais eu as conheo, melhor fica o resultado do meu trabalho. claro que s vezes fico palpi-tando: muda a cor!, corta esse cabelo!, mas nem sempre consigo [risos]. Para no errar, preciso conversar, no ? No adianta for-ar a barra nem tentar uma mudana que no combina. Isso vale para todas as mu-lheres, no s quelas que so celebridade.

    O que profissionais que entram para sua equipe precisam ter? Talento, dedicao e amar a profisso.

    Quais os desafios que a beleza enfrenta atualmente? Arrumar o cabelo que sofreu escova definitiva tem sido meu maior de-safio no salo [risos].

    Por que voc elegeu os Jardins para mon-tar seu salo? Localizao tudo, e aqui que a maioria das minhas clientes est!

    Onde voc costuma ir na regio e no que acredita ser imperdvel quando est por aqui? Gosto de passear nos Jardins, de ob-servar o povo nas ruas. Adoro o Rodeio e o Dalva e Dito. Alm disso, vou muito Osklen... tudo pertinho, no ?

    Como foi para voc o ano de 2011 e o que espera de 2012? O ano de 2011 foi in-tenso e, em 2012, muitas novidades viro. Aguardem!

    CONveRsa

  • Revista QuaRtieR 17

  • CONveRsa

    mistura refinadaReNata vaNzettO est frente de um dos restaurantes mais agradveis dos Jardins, o marakuthai, a jovem chef despontou na carreira gastronmica, pouco tempo depois de ter vivido ao p do fogo de sua av, que a ensinou a fazer bolo de fub, gemada e brigadeiro. em junho deste ano, Renata pde estagiar em um dos melhores restaurantes do mundo, o dinamarqus Noma, sendo a primeira brasileira a trabalhar na cozinha do chef Ren Redzepi.

    Voc se lembra qual foi o primeiro prato que elaborou como chef? No me lembro exatamente qual foi, mas eu comecei cozi-nhando doces e massas com a minha av. O que faz com que o Marakuthai se di-ferencie das demais casas dos Jardins?Acredito que o que diferencia o Marakuthai dos outros restaurantes nos Jardins a infor-malidade, essa histria de ter vindo da praia deixa o clima mais descontrado. E pela decorao colorida, os mveis diferentes.Voc vivencia o bairro? Quais so seus lugares prediletos?Sim, toda tarde vou tomar um caf em algum lugar, como La Vie en Douce, Oscar Caf. noite, eu vou muito ao Paris 6, por ficar aberto at tarde, ou na Temakeria, na Oscar Freire. De todas as elaboraes que fez at hoje, qual delas voc mantm no cardpio e que representa o seu estilo? Eu mudo bastante o cardpio. Sempre tem novidade, porm, os mais pedidos continuam, como o boli-nho de camaro em crosta de castanha-de--caju, a lotus (salada de macarro de arroz com hortalias, frango agridoce, gengibre e gergelim). Acho que essas duas entra-dasrepresentam bem o estilo do Maraku-thai, tem esse ar mais asitico e colorido. Para seguir a carreira como chef, o que foi crucial em sua vida? Meus estgios, sem dvida, foram a base de tudo, alm de ter minha av praticamente como uma professora de cozinha desde muito cedo. Quais os temperos que no podem faltar em sua cozinha? Limo, pimenta, azei-te, ervas, vixe, muitos! Eu amo temperos.

    Como voc se divide entre as duas unida-des do restaurante (So Paulo e Ilhabela)?Agora temos tambm o buf Marakuthai, ento me divido entre os trs. As equipes esto bem treinadas, por isso costumo pas-sar a semana em So Paulo, algumas sextas em Ilhabela e, quando temos evento gran-de, conto com a ajuda de minha prima Ali-ne, que tambm chef e me auxilia no buf. Ao elaborar pratos ou cardpios diferen-tes, quais so seus pontos de partida?Eu no tenho muita regra, busco aprovei-tar o que aprendi em meus estgios, nas viagens, e as ideias acabam surgindo. Posso estar em Ilhabela, em So Paulo, em outro restaurante ou ter lido alguma matria so-bre gastronomia.Voc costuma viajar muito para reciclar os sabores e as criaes que faz? De quais lugares mais busca inspirao? Neste ano eu viajei bastante, fui a muitos restaurantes. No tenho preferncia por um lugar espe-cfico, mas Nova York onde tem restau-rantes incrveis e muita informao. Tam-bm estive na Frana, Londres, Dinamarca, Canad, sempre a trabalho, mas apro-veitando para conhecer os restaurantes.Com 2011 chegando ao fim, qual o seu de-sejo para 2012? Eu espero que os restau-rantes continuem indo bem e que venham muitas noivas para nosso buf! E lgico: muita sade e paz para minha famlia, que a coisa mais importante da minha vida.

    Por Walquiria Botaro fotos Joene Knaus

    18 Revista QuaRtieR

    CONveRsa

  • Revista QuaRtieR 19

  • CONveRsa

    Rainha do natalCeCilia Dale possui nove lojas de mveis e objetos de decorao uma delas localizada em nosso Quartier , trs filhas, j av e tem um lado B: cantar. essa carioca vive em meio a fitas, tecidos e muito brilho para exercer, anualmente, sua criatividade em torno do Natal. seus laos, guirlandas, rvores, ursos, entre outros ornamentos, somados ao bom gosto e elegncia que tem, tornaram Cecilia referncia quando temas natalinos despontam pela capital paulistana.

    Como foi a deciso de abrir sua primeira loja? Antes de eu ter loja prpria, trabalhava em um pequeno ateli, no qual atendia lojistas, mas tambm vendia para clientes de varejo, alm de receber fornecedores. O espao muito apertado e a falta de um showroom foram os motivos que me impulsionaram. O primeiro ponto, foi na Atilio Innocenti, no Itaim, e dois anos depois, resolvemos, eu e meu marido, que era hora de mudar para os Jardins, o que realmente fez diferena e alavancou o negcio.

    Por que os Jardins para abrir uma de suas filiais e o que mais gosta na regio? Na verdade, consideramos os Jardins nossa Flagship Store. Uma loja impor-tante, onde tudo chega primeiro. Adoro a regio, morei nos Jardins por 12 anos e acho uma delcia poder fazer tudo a p, ter um shopping de luxo a cu aberto.

    Voc j disse em outras entrevistas que o seu negcio a criao. Quais so as fer-ramentas que voc usa para estimular sua criatividade, fazer o inusitado, j que todo ano Natal Natal? Eu me inspiro em tudo que vivo e vejo... As viagens que fao, os fil-mes a que assisto, os livros que leio, as hist-rias que compartilho com meus netos, tudo!

    Como o seu ritmo de vida nessa poca do ano? Alucinante. Com a montagem das de-coraes de shoppings que acontece noite, passo muitas vezes trocando o dia pela noite para acompanhar tudo de perto. S consigo desacelerar l pelo comeo de dezembro.

    Voc tem uma relao forte com a msica, conte-nos sobre isso. Minha me e meu pai adoravam msica. Assim, desde pe-quena, canto e tive aulas de violo. Quando vim para So Paulo, no fim dos anos 1970,

    CONveRsa

    no conhecia ningum, mas tinha uma vontade louca de ouvir boa msica. Nessa procura acabei encontrando o The Gallery, que logo nos seus primeiros anos contava com uma orquestra maravilhosa, daquelas de filmes antigos de Hollywood. Uma tar-de eu estava l ouvindo um ensaio e acabei cantando uma msica e outra, o que me rendeu uma temporada como crooner. Ah, foi uma farra! Em 1999, meu marido teve a ideia de convidar o Menescal para produzir um disco com msicas cantadas por mim, e, de l para c, j gravamos mais quatro.

    Como o fim de ano em sua casa? Uma delcia! Com a famlia toda e amigos que-ridos. Gosto de passar um tempo especial dedicado s crianas. Acho que no tem nada mais gostoso do que ver o brilho nos olhos delas quando o Papai Noel final-mente deixa os presentes, e por isso fao questo de que momentos como esses se-jam muito especiais para elas. Temos um saco enorme de presentes que deixado em um lugar inusitado: no terrao, no jar-dim... E, sempre antes de o saco aparecer, peo aos adultos que toquem guizos pela casa, deixando as crianas malucas procu-rando de onde vem o som, guiando-as para onde esto os presentes.

    Em sua opinio, o que jamais pode faltar no Natal?Amor, famlia unida, paz e har-monia. Para mim, estas so as verdadeiras joias do Natal.

    O que voc far de diferente em 2012 em relao a este ano que est chegando ao fim? Em 2012, eu espero poder curtir mais meus netos, ter mais tempo para desenvolver novos projetos e, principal-mente, cantar.

    Por Walquiria Botaro fotos Joene Knaus

    20 Revista QuaRtieR

  • Revista QuaRtieR 21

  • CONveRsa

    estilo sob medidaJOO CaRlOs CamaRgO trabalhava como estoquista com o pai e com o passar do tempo, fez cursos de personal stylist, tecnologia txtil e h cinco anos criou a prpria marca, a Camargo alfaiataria. tecidos italianos e ingleses, fios de ouro e fragmentos de diamantes compem os ternos masculinos que vestem celebridades e executivos famosos. Joo Camargo um nome que cada vez mais se consolida na alfaiataria brasileira, por seus clientes bem vestidos e elegantes.

    No mundo do fast food, do delivery, da internet, da produo de moda em srie, como voc enxerga a alfaiataria? nisso que a alfaiataria se difere, trazer de volta o personalizado, e a moda estava deixando de ser exclusiva. O que um homem precisa saber para se vestir bem com um terno? Saber escolher principalmente uma roupa que esteja no seu tamanho. Nem maior, nem menor.Como voc define sua moda? Atemporal.Quais os maiores erros que os homens cometem ao comprar um terno de pronta entrega? Eu diria o tamanho. Ao errar nesse quesito, consequentemente erra em todas as outras medidas. Se o tamanho for menor do que deve ser, ficam faltando frente e costas, e o ombro fica menor. Caso o equvoco seja adquirir um terno maior, o comprimento fica fora do padro, a pea no veste bem e d a impresso de que a pessoa fica maior do que ela realmente .Existem regras bsicas de combinao de gravatas, cintos e meias? O cinto tem de combinar com os sapatos; a gravata com a camisa e a personalidade de cada um; e a meia, com a cala.

    CONveRsa

    Como timo alfaiate que , voc tambm deve ser um bom observador, e os Jardins, at por estar localizado no polo financei-ro da cidade, uma regio que rene uma srie de executivos. Se fosse estabelecer um nico estilo a esses homens, qual seria ele? Acredito que o homem executivo de nosso Quartier seja ainda um pouco sbrio, discreto e moderado nas suas opes. No escolhe um tecido com padronagem cha-mativa nem exagera nas combinaes.O que os Jardins tm de diferente das de-mais regies paulistanas? Os Jardins so um dos poucos lugares de So Paulo em que as pessoas andam a p. Acho isso sen-sacional!

    Como o homem que veste terno, que pea fundamental de seu dress code, pode ame-nizar o calor quando o sol est a pino? Pro-curando os tecidos 100% naturais, como a l, que serve como bloqueador solar. De-senvolvemos um tecido com a Dormeuil, o Amadeus 365, cuja tecnologia permite que seja usado o ano inteiro.Se fosse para relacionar tipos de corte com shapes de corpos, como seria essa com-parao? Blazer jaqueto transpassado, s para homens com mais de 1,80 metro; para os mais baixos e os mais cheios, dois botes sempre favorecem.O que foi 2011 para voc e o que espera de 2012? Foi um ano em que a Camargo Alfaiataria cresceu bastante, mesmo com consequncias arriscadas, que servem sem-pre como reflexo para o prximo ano. Em 2012, continuarei buscando meu sonho, que a Camargo Alfaiataria se tornar uma das maiores grifes do pas.

    Por Walquiria Botaro fotos Joene Knaus

    22 Revista QuaRtieR

  • Revista QuaRtieR 23

  • Manual M o da & ac e s s r i o s / / c a s a & d e c o r a o / / B e M -v i v e r

    No iMporta o taMaNho, o valor NeM a utilidade: Nosso Quartier reserva iNMeras opes de coMpras, Que podeM ser feitas a p, aproveitaNdo

    o cliMa agradvel dos JardiNs. iNspire-se eM suas aNdaNas!

    A CU ABERTO

    Revista QuaRtieR 25

  • Relgio MaRc by MaRc Jacobs

    NK store(11) 3897-2600

    R$ 1.404

    bolsa pythonatelier Moretti

    (11) 3081-7400R$ 828

    anel eM ouRo bRanco

    Cris Porto Joalheira(11) 3051-8385R$ 18.500

    pulseiRa MoMents Pandora

    (11) 3081-3301preo sob consulta

    colaRCris Barros

    (11) 3082-3621R$ 874

    abotoaduRasDryzun

    (11) 3823-4100R$ 490

    26 Revista QuaRtieR

    Manual acessrios

  • culos aviadoR calvin Klein

    ticas Wanny(11) 3088-9309

    R$ 520

    caneta edio liMitada caRlo

    collodiMontblanc

    (11) 3068-8811R$ 2.750

    Relgio patRiMony conteMpoRaine

    vacheRon constantin

    Frattina(11) 3062-3244R$ 28.659

    Mala pixel veRMelha

    samsonite(11) 3288-5025

    R$ 849

    bRinco Jade nefRita

    e esMeRaldaCarla amorim

    (11) 2146-1250R$ 16.630

    anel topzio london azul

    emar Batalha(11) 3081-4589R$ 17.010,88

    Revista QuaRtieR 27

  • peliKan chaiR

    scandinavia Designs(11) 3081-5158a partir de R$ 18.500

    cabideiRo de MadeiRa

    MaciaDpot

    (11) 3082-9513R$ 3.900

    luMinRia sMall

    fRuitlaMpBenedixt

    (11) 3081-5606 R$ 7.141

    bRinquedo tenista

    secrets de Famille(11) 3083-7949

    R$ 710

    Mandala thai Bali express

    (11) 3062-6061 R$ 4.980

    Manual casa e decorao

    luMinRia cheRRy by niKa

    zupancLa Lampe,

    (11) 3069-3949 R$ 15.986

    28 Revista QuaRtieR

  • biRd feedeR scandinavia

    Designs (11) 3081-5158

    R$ 199

    dRopp scandinavia

    Designs (11) 3081-5158

    R$ 229

    Mesa flaMboyant

    skitsch (11) 3068-8891 R$ 5.200,00

    cadeiRa v Judith

    a Lot Of(11) 3068-8891

    R$ 1.070

    cModa RoMntico

    Kare(11) 3061-3777

    R$ 7.450

    Revista QuaRtieR 29

  • sungagua de Coco

    (11) 3061-3367R$ 109

    tnis new balance lifestyle

    surface to air(11) 3063-4206

    R$ 129

    cala Jeanstommy Hilfiger(11) 3064-0953

    R$ 390

    blazeR de abotoaMento

    duploLita Mortari

    (11) 3064-3021 R$1.250

    Macaco gRavat

    uMa(11) 2476-7060

    R$ 396

    30 Revista QuaRtieR

    Manual moda

  • calasiberian

    (11) 3086-2109R$ 219,90

    sandlia by isabela capeto

    ana Capri(11) 2366-1387

    R$ 140

    Maigua de Coco

    (11) 3061-3367R$ 329

    caMisa xadRez eleMentBillabong

    (11) 3081-2798R$ 220

    beRMudaCrawford

    (11) 3083-7888R$ 219,90

    havaianassliM

    Havaianas(11) 3082-4688

    R$ 29,90

    Revista QuaRtieR 31

  • sleeve case paRa tablet golla

    Papel Magia(11) 3251-3008

    a partir de R$ 70

    gaRRafa booble

    spcy(11) 3062-8377

    R$ 58

    MolesKine linha staR waRs

    Livraria Cultura(11) 3170-4033

    R$ 78

    Rob usbsaLa

    (11) 3081-3184R$ 75

    ncessaiRePuket

    (11) 3062-4897R$ 59,90

    32 Revista QuaRtieR

    Manual amiGo secreTo

  • livRo uM diaFnac

    (11) 2123-2000R$ 29,90

    caixa de sabonetes deseJos

    emprio Body store(11) 3266-6484

    R$ 49

    vinho MaRques cabeRnet sauvignon Casa do Porto

    (11) 3061-3003 R$ 89,90

    dvd a eRa do gelo especial de natal

    saraiva(11) 3082-9415

    R$ 19,90

    cesto caRRybag

    Pule Puxe(11) 3081-0606R$ 299,99

    copos fancysergio K.

    (11) 3083-1789R$ 29

    Mp4 v8 de 4gb da dl eletRnicos

    Lojas americanas(11) 3253-3906

    R$ 129

    blu-Ray bonequinha

    de luxo saraiva

    (11) 3082-9415R$ 59,90

    Revista QuaRtieR 33

  • COFFEE BREAKESPUMANTES

    34 REVISTA QUARTIER

    Nada combina mais com a celebrao do que uma taa de vinho borbulhante! por excelncia a be-bida da festa e do rveillon. Espumante a desig-nao genrica para os vinhos com bom nvel de dixido de carbono que faz com que borbulhe ao ser servido. Esse gs resultado de uma segunda fermentao natural, seja dentro da garrafa [mto-do champenoise] seja fora dela [mtodo charmat]. O nome que se d s borbulhas formadas ao depositar o lquido na taa perlage. Quanto mais intensas essas agulhas, melhor a qualidade do espumante.

    At pouco tempo atrs, em alguns pases a palavra champanhe era empregada como sinnimo de espu-mante, mas esse uso hoje proibido por lei, pois ape-nas o espumante produzido na regio de Champag-ne (pernay), na Frana, pode empregar o ttulo (leia quadro). Mesmo os espumantes da Alscia, na Frana, passaram a usar a designao de crmant, enquanto os espumantes italianos levam nomes como lambrus-

    co, prosecco, asti e os espanhis tm as suas cavas.Um dos motivos que elevaram a fama desse vi-

    nho foi o fato de que em Reims, a cidade mais impor-tante de Champagne, foram coroados quase todos os grandes reis da Frana. A coroao acontecia na cate-dral de Notre-Dame de Reims, construda em 1225, e nas comemoraes era servido champanhe. Por este motivo, ficou conhecido como o vinho dos reis.

    Mas o que faz a diferena de um espumante? a dupla fermentao. Seu processo de elaborao de-morado e custoso, mantendo-se quase o mesmo des-de os tempos em que reis eram coroados. Um bom espumante leva cerca de dois anos para ser elaborado e os especiais, at cinco. Ficam estocadas nos subter-rneos das adegas, que no caso de marcas mais tra-dicionais chegam a ser tneis de muitos quilmetros, como os da Mot et Chandon: 30 km de labirintos ar-mazenam milhes de garrafas, desenvolvendo o lento processo da segunda fermentao e sedimentao.

    O vinho dos Reis a Alma

    da Festa!O ESPUMANTE COMBINA COM AS COMEMORAES,

    MAS GANHA MAIOR DESTAQUE NA PASSAGEM DO ANOPOR CARLOS COSTA

  • REVISTA QUARTIER 35

  • CSI:MIAMI

    Clima quente na nova temporada no Sony Entertainment Television.

    Toda quarta, s 21h.

    CSI Miami 2010 CBS Studios, Inc. All rights [email protected] CanalSonyBR

    30866_022_An.CSI Miami_202x266.indd 1 10/18/11 3:21 PM

  • Diverso E x p o s i E s / / C a s a s N o t u r Na s / / t E at ro s / / s h ow s / / E v E N t o s

    Se no foi poSSvel viajar, hora de se programar para aproveitar os passeios culturais que a regio dos jardins oferece. por aqui, museus e centros culturais esto de portas abertas esperando a visita de pessoas vidas por entretenimento.

    Msica, exposies e recitais so algumas das atraes que podem ser encontradas em nosso Quartier Por Janaina Pereira

    CULTURA NA PAULISTA

    VarieDaDes

    Casa das RosasA Casa das rosas Espao Haroldo de Campos de Poesia e Literatura comemora 20 anos de atuao como espao cultural e traz uma srie de eventos especiais dentro de sua programao. Destaque para a rave Cultural que chega stima edio mesclando poesia, msica, teatro e performances culturais. outra atrao o recital de msica idealizado pelo pianista Jos Vieira, com canes brasileiras das dcadas de 1930 a 1960, contempladas com pequenos textos de Florbela Espanca e Manuel Bandeira, e apresentadas em formato de cabar. outra novidade que as oficinas ministradas pela Casa passam a ser gratuitas. / Casa das Rosas | Av. Paulista, 37 (prximo Estao Brigadeiro do Metr) | Tels. (11) 3285-6986 / 3288-9447 | Horrio de funcionamento: de tera-feira a sbado, das 10 s 22 horas; domingos e feriados, das 10 s 18 horas | Onde estacionar? Patropi (Al. Santos, 74) | www.casadasrosas-sp.org.br

    Ita CulturalAt 22 de janeiro, o Ita Cultural apresenta a Ocupao Ballet Stagium, em comemorao aos 40 anos da companhia dirigida por Dcio otero e Marika Gidali. A histria do grupo retratada em 48 monitores, que exibem trechos de peas, registros de aulas, momentos de criao e testemunhos dos lugares pelos quais o Stagium passou. Todos os vdeos esto em uma instalao desenvolvida pelos curadores Edgard Duprat e Carlos Gardin. / Ita Cultural | Av. Paulista, 149 | Tel. (11) 2168-1777 | www.itaucultural.com.br

    MaspA vasta programao do Museu de Arte de So Paulo inclui palestras, cursos e debates com temas relacionados arte e educao. o Grande Auditrio recebe, todos os meses, atraes variadas de artes cnicas. No Projeto Letras em Cena, todas as segundas-feiras h leituras dramticas, alm de espetculos de dana e teatro gratuitos ao pblico. / Masp Museu de Arte de So Paulo | Av. Paulista, 1578 | Tel. (11) 3251-5644 | Horrio de funcionamento: de tera a domingo, das 11 s 18 horas; Quinta-feira, das 11 s 20 horas | Ingressos: R$ 15 (inteira) e R$ 7 (estudante); Gratuito s teras-feiras e diariamente para menores de 10 anos e maiores de 60 anos

    CSI:MIAMI

    Clima quente na nova temporada no Sony Entertainment Television.

    Toda quarta, s 21h.

    CSI Miami 2010 CBS Studios, Inc. All rights [email protected] CanalSonyBR

    30866_022_An.CSI Miami_202x266.indd 1 10/18/11 3:21 PM

    Revista QuaRtieR 41

  • espao aberto

    Shopping Ptio Paulista Foi instalado no cho do shopping um piano de cauda gigante, com teclas que emitem o som das notas musicais quando pisadas pelos clientes. Com 17 metros de altura e quatro andares, o cenrio principal, localizado na Praa de Eventos, foi decorado com instrumentos musicais, anjos e caixas de presente. Bandas de jazz fazem apresentaes itinerantes dirias pelos corredores e a fachada do shopping, com um show de luzes sincronizadas, outra atrao. / Shopping Ptio Paulista | R. Treze de Maio, 1947 | Tel: (11) 3191-1100

    Shoppings promovem decoraes natalinas e atraes sobre o tema, que mexem com a imaginao dos pequenos

    NATAL LDICO

    Top Centero tema do Top Center Natal dos Presentes, por isso o shopping apostou em diversos elementos ldicos como soldadinhos de chumbo em torres de domin, trenzinho de madeira e cubos coloridos para estimular a criatividade da crianada. os clientes tambm podem enviar mensagens (via SMS para o nmero 28595 e internet) que, aps moderao, sero postadas num painel de LED de 4 m por 3 m na fachada do shopping. o quarteto de Nois cantores, prespio vivo e os trovadores urbanos mirins formando um coral de anjos tambm so destaque. / Top Center Shopping | Av. Paulista, 569 | Tel. (11) 3171-3973

    a avenida pauliSta Se torna no natal o ponto turstico que atrai uma multido de paulistanos. Mais de uma dezena de instalaes de ponta a ponta transforma a avenida em um enorme postal da cidade de So paulo. Bancos, parques e principalmente shoppings do entorno chamam ateno com suas decoraes ldicas e convidam, sobretudo, as crianas a retomarem o esprito divertido dessa poca do ano.

    Center 3 A decorao Natal Vitoriano do Shopping Center 3 inspirada no esplendor e na prosperidade vividos na Inglaterra do sculo XIX. A fachada est iluminada por estrelas grandes e pequenas, em tons dgrads de rosa. o shopping ainda tem a rvore de Natal de 9 m Papai Noel e um coreto para abrigar as atraes natalinas do Festival de Corais. / Shopping Center 3 | Av. Paulista, 2064 | Tel. (11) 3285-2458

    Diverso

    42 Revista QuaRtieR

  • Algumas pessoas nascem para ser assassinas.E algumas crescem para captur-las.

    Cri

    min

    al M

    ind

    s

    201

    1 A

    BC

    Stu

    dio

    s. A

    ll R

    ight

    s R

    eser

    ved

    . AX

    N is

    a r

    egis

    tere

    d t

    rad

    emar

    k o

    f So

    ny P

    ictu

    res

    Ent

    erta

    inm

    ent

    Inc.

    CriminalMinds

    Nova temporada. Toda segunda, s 22h.

    30854_021_An Criminal Minds_202x266 1 10/26/11 3:43 PM

    Revista QuaRtieR 43

  • literatura

    H uma redescoberta dos livros de rico Verssimo, um dos autores brasileiros mais populares do sculo passado. A criao, em 1968, da Fundao rico Verssimo em sua cidade natal, Cruz Alta, na casa onde nasceu, em 1905, na rua Felipe de oliveira, 380, foi o primeiro passo. Desde 1982, professores e alunos da PUC de Porto Alegre comearam o trabalho de resgate de manuscritos, livros autografados, fotografias. E h pouco tempo a edio de 36 ttulos de sua obra, pela Companhia das Letras, um dos bons sintomas dessa redescoberta. Por Carlos Costa

    LEoN

    ID S

    TrEL

    IAEV

    rico naSceu nuMa faMlia de posses e seu pai era farmacutico, mas, como era muito dado bomia, os verssi-mo acabaram ficando em situao crtica e com dvidas, o que levou os pais a se separar quando ele tinha 17 anos (separaes eram raras naquele incio do sculo). teve de deixar os estudos e ganhar a vida, tocando uma farmcia com um antigo scio do pai;

    como balconista no armazm de um tio, depois bancrio. em 1929, ele publica seu primeiro texto, Chico, um conto natalino numa revista de cruz alta, alm de outros contos no jornal Correio do Povo e na Revis-ta do Globo, editora de que se tornou secre-trio de redao. comeava uma fase de es-tabilidade financeira e muito trabalho extra como tradutor. foi naquela tradicional edi-

    tora gacha, o Globo, que ele publicou em 1932 seu primeiro livro, Fantoches, uma co-letnea de contos. Mas o grande ano dessa fase inicial foi 1933, com a publicao do romance Clarissa e de sua traduo do Contraponto, de aldous Huxley, de quem se tornaria grande amigo anos depois. em 1935, verssimo vira motivo de contro-vrsia com sua obra Caminhos Cruzados, considerado subversivo pela igreja cat-lica e pelo estado novo. em 1936, dois romances fazem sucesso: Msica ao Longe, que ganhou o prmio Machado de assis da academia de letras, e Um Lugar ao Sol. Olhai o Lrio dos Campos, livro de 1938, foi logo traduzido para diversos idiomas e encabea a lista de seus grandes sucessos.

    como responsvel pelas obras lan-adas pela editora o Globo, de porto alegre, verssimo teve importante papel na divulgao de autores como Thomas Mann, virginia Woolf, Marcel proust e Balzac, depois de escrever O Resto Siln-cio e passar uma longa temporada dando conferncia e aulas nos estados unidos (l escreveu Gato Preto em Campo de Neve, em 1941, e A Volta do Gato Preto, de 1947).

    foi a partir dessa poca que ele ini-ciou sua obra-prima, a trilogia O Tempo e o Vento. a ideia inicial era contar 200 anos da histria do rio Grande do Sul (1745 a 1945) em um nico volume; no fim, rico escreveu trs volumes, soman-do 2.200 pginas. o primeiro volume, O Continente, publicado em 1949, marca o auge do rico romancista, com a criao de personagens bastante populares, como ana terra e o capito rodrigo cambar. O Retrato, o segundo volume, foi publica-do no ano seguinte. a ltima parte da tri-logia, O Arquiplago, sai apenas em 1962, doze anos depois. nesse meio tempo, ele publicou Noite (1954) e Mxico (1957). O Senhor Embaixador, de 1965, ganha o prmio jabuti, e Incidente em Antares, de 1971, seu ltimo romance. a seguir, verssimo comea a escrever sua autobio-grafia Solo de Clarineta, ampliao de um livro anterior, O Escritor Diante do Espelho (1966). o que seria uma trilogia teve seu segundo volume publicado postumamen-te em 1976, pois rico no sobreviveu ao segundo infarto, morrendo em 1975.

    RICO VeRSSImO NA mODA

    Diverso

    44 Revista QuaRtieR

  • 16sO Os idiOmas em que livrOs de ricO

    verssimO fOram traduzidOs (alemO, espanhOl, finlands, francs, hOlands, hngarO, indOnsiO,

    ingls, italianO, japOns, nOruegus, pOlOns, rOmenO,

    russO, suecO e tchecO)

    1933 O anO de publicaO de seu primeirO

    rOmance, clarissa

    5fOram seus livrOs de

    cOntOs (fantoches; as mos de meu filho; o ataque; os devaneios

    do general; e chico)

    13sO seus rOmances,

    cOm a srie iniciandO cOm clarissa, de 1933, e fechandO cOm incidente

    em antares, de 1971

    12sO seus livrOs infantO juvenis

    5filmes fOram baseadOs em sua Obra:

    mirad los lirios del campo (argentina, 1947); o sobrado (brasil, 1956). um certo capito rodrigo (1970), ana terra (1971), todos baseados em o tempo e o vento;

    e noite (brasil, 1985)

    7sO as nOvelas e minissries para a televisO, baseadas

    em sua Obra: O tempo e o vento, tv excelsiOr, 1967; olhai os lrios

    do campo, tv glObO, 1980; o resto silncio, tv glObO, 1982;

    msica ao longe, tv cultura, 1982; o tempo e o vento, tv glObO, 1985;

    incidente em antares, tv glObO, 1994; o resto silncio, rbs tv,

    de pOrtO alegre, 2005; e a teledramaturgia especial

    da rbs tv cinco vezes rico

    veRSSIMo eM NMeRoS

    ISTAMBUL - MEMRIA E CIDADE (408 pgS.) Prmio Nobel de Literatura em 2006, o escritor turco orhan Pamuk um dos autores na moda e, pelo carter nostlgico com que fala de sua cidade natal, Istambul, a antiga Constantinopla, onde ele nasceu, em 1952, um lbum sentimental (com belas imagens) de uma das cidades mais fascinantes do mundo. / Livraria Cultura | Av. Paulista, 2073 | Tel. (11) 3170-4033 | R$ 55

    Cult

    liVros

    filmes

    PARA VeR e LeR NAS fRIASLendas, contos e histrias inspiradas na vida real fazem dos filmes e da leitura timos companheiros quando as frias, enfim, chegam Por Carlos Costa

    nada coMo uMa Boa HiStria BeM contada, que prende a ateno do comeo ao fim. e depois nos deixa melhores do que quando comeamos, por ter trazido reflexes, novos modos de entender ou interpretar a realidade. essa a proposta destas indicaes.

    O CAADOR DE pIpAS (128 MIn)Baseado no livro do afego Khaled Hosseini, este filme dirigido pelo suo-alemo Marc Forster de um lirismo surpreendente ao contar a histria dos amigos Amir e Hassan, numa Cabul que no mais existe. Com as reviravoltas da vida (o livro meio autobiogrfico), j adulto, Amir, recm-casado e vivendo nos EUA, no hesita em voltar e enfrentar perigos para redimir erros do passado. / Livraria Cultura | Av. Paulista, 2073 | Tel. (11) 3170-4033 | R$ 19,90

    QUAnDO VOAM AS CEgOnHAS (95 MIn)Um filme clssico do diretor russo Mikahil Kalatozov (o mesmo de Soy Cuba), Letyat Juravli (ttulo original), lanado em 1957, venceu a Palma de ouro no Festival de Cannes do ano seguinte. Um belo exemplar do cinema sovitico, tem ousadias de montagem e efeitos visuais, e, no entanto, um roteiro muito simples, a histria de um rapaz, Bris, prestes a noivar que se alista para ir para o front da Segunda Guerra Mundial, combater o nazismo. Veronika, a namorada abandonada, acaba se casando com Mark, um primo do heri, jovem pianista aproveitador. Se a histria simples, a narrativa visual uma aula de enquadramentos, com destaque para cenas de multido, como a da partida dos voluntrios ou a volta dos sobreviventes. Em preto e branco restaurado, o idioma original russo, com legendas em portugus. / Livraria Cultura | Av. Paulista, 2073 | Tel. (11) 3170-4033 | R$ 44,90

    A CIDADE DAS pALAVRAS (As Histrias que Contamos para Saber Quem Somos) (152 pgs.)Um intelectual de mo-cheia, o argentino Alberto Manguel tem muitos e excelentes livros lanados entre ns como Todos os Homens so Mentirosos, Mesa com o Chapeleiro Maluco ou Uma Histria da Leitura. Este A Cidade das Palavras um belo exemplar do gnero ensastico, com o autor discutindo algumas propostas, como por que vivemos juntos e para onde nos encaminhamos? Para ele, a linguagem, a fico e a literatura ocupam lugar decisivo na experincia humana. A linguagem tem o dom de impor uma ordem ao mundo, e a narrativa nos permite constituir nossa identidade. / Fnac | Av. Paulista, 901 | Tel. (11) 2123-2000 | R$ 38

    Revista QuaRtieR 45

  • A maneira como voc se comporta no ambiente de trabalho pode ser um fator decisivo no futuro de sua carreira na empresa. Descubra como manter a postura Por Rodrigo Favre

    carreira

    46 revista Quartier

    oVoc cara

  • O autOcOnhecimentO aliadO a um prOcessO de cOaching cOm essa tcnica milenar nOs ajuda a cOmpreender aOnde se Quer chegar e ter certeza de Que as metas escOlhidas serO alcanadas

    revista Quartier 47

    No mundo corporativo, as caractersticas pessoais do profissional em seu ambiente de trabalho passaram a ter peso significativo quando se trata de promoo ou at mesmo de demisso. De acordo com pesquisa realizada pela Catho, empresa de recursos humanos, mais de 40% das demisses esto relacionadas s caractersticas pessoais do profissional, como no ter bom relacionamento (17,8%), falta de dinamismo (13%) e falta de capacidade de superviso (11,3%). Afinal, qual seu perfil profissional? E hoje qual desses perfis as empresas do mercado brasileiro buscam?

    Entra em cena a tcnica milenar chamada Eneagrama, mtodo que permite reconhecer os aspectos fortes e fracos da personalidade humana e que tem auxiliado corporaes a entender as caractersticas comportamentais de seus colaboradores, formando equipes mais harmoniosas, com profissionais que tenham perfis com maior afinidade. O filsofo, escritor e consultor de empresas Khristian Paterhan desenvolveu uma dinmica de coaching, anlise e mapeamento de perfis com base no Eneagrama. O autoconhecimento aliado a um processo de coaching com essa tcnica milenar nos ajuda a compreender aonde se quer chegar e ter certeza de que as metas escolhidas sero alcanadas. preciso ainda ter equilbrio para identificar seus valores e aspiraes pessoais, que so fundamentais para qualquer tomada de deciso, explica o filsofo.

    Desde os anos 1970, a relao entre o espao de trabalho e o comportamento do indivduo tem despertado o interesse

    de alguns pesquisadores. Sabe-se que a personalidade de uma pessoa depende de inmeras experincias adquiridas ao longo da formao pessoal e profissional, como o meio social em que vive, educao e conceitos sobre determinadas posturas no ambiente corporativo. Um estudo da consultoria americana Hodge-Cronin & Associates apontou que 98% de 737 altos executivos contratariam ou promoveriam o boa-praa no lugar do carrancudo, por exemplo. Mas como identificar os aspectos fortes e fracos da personalidade profissional?

    Se um dos seus objetivos para 2012 conseguir uma promoo ou uma oportunidade no mercado de trabalho, ns da Quartier, com a expertise de Paterhan, vamos lhe dar uma forcinha. Responda ao teste elaborado pelo consultor (www.escolaeneagrama.com.br), que, alm de definir trs fases da sua personalidade: como voc sente, como pensa em relao aos outros e como atua, lhe dar subsdios para ampliar os aspectos positivos de seus traos tpicos e minimizar ou at mesmo excluir os negativos e, dessa forma, ter uma vida pessoal e profissional mais equilibrada.

    ORgANizADO, iNDiviDUAliStA, P R E S tAt i v O , SiStEMtiCO...

  • carreira

    48 revista Quartier

    1- Em qual situao voc se enquadra? a Sinto minha vida como uma busca incessante daquilo que julgo perfeito B Sou o tipo de pessoa que adora ser reconhecido e bajulado c Tenho compulso pelo trabalho D Tenho a sensao permanente de falta. Simplesmente algo ainda no aconteceu na minha vida E Gosto de estar sozinho, pensando e meditando no meu canto em silncio F Sou muito inseguro, tenho medo de qualquer situao nova ou perigosa, pois pode no dar certo e me machucar G Sempre acho um significado positivo em tudo. Sou idealista e otimista inveterado H Tenho dificuldade em aceitar opinies contrrias s minhas I s vezes, protelo o que tenho para fazer de mais importante, inventando um monte de desculpas

    2- concordo que... a Primeiro a obrigao, depois a diverso B Toda minha vida foi uma constante entrega de amor c Gosto de criar uma imagem positiva de mim mesmo D Sou extremamente sensvel E Ter de ir a uma festa um sofrimento para mim, especialmente por ter de ouvir tanta bobagem F Sempre demoro a concretizar algo, pois fico imaginando as possveis consequncias G Adoro explorar territrios novos. Gostaria de poder voar ou de colocar uma mochila nas costas e sair viajando pelo mundo H Para mim no existem obstculos, sou capaz de qualquer esforo para conseguir o que quero I Tenho procurado pensar mais em mim, no meu bem-estar, mas confesso que difcil

    3- Em geral... a Meu dia a dia tenso, cheio de cobranas e exigncias

    B Agradar aos outros bom, porque desse modo recebo o que quero c Tenho grandes dificuldades para expressar meus sentimentos D Nada no presente me faz feliz: a lembrana do passado muito forte E Somente com as pessoas do meu nvel intelectual me sinto mais vontade F Minha imaginao poderosa e me provoca uma grande ansiedade G Sou uma pessoa muito verstil, sei fazer vrias coisas diferentes H A vida uma luta constante, s me aparecem desafios, s entro em complicaes, mas no fundo at que gosto I Demoro a fazer as coisas, mas sempre as fao benfeitas

    4- Sinto que... a Estou sempre dizendo: eu tenho de..., eu deveria... B Com jeitinho, consigo tudo o que quero c Tenho grande dificuldade para ficar quieto, meditando D No posso ser feliz em um mundo to cego e insensvel E Gosto de ser reconhecido pelos meus conhecimentos especializados F Tomar decises algo que no gosto e tento evitar sempre que possvel G Considero-me uma pessoa muito criativa e audaciosa. Gosto de planejar, executar nem sempre H Abrao com muita determinao as causas que considero justas e verdadeiras I Estou sempre disposto a ajudar os outros

    5- Percebo que... a Se no pode ser benfeito, melhor no fazer B Fico zangado quando as pessoas das quais espero reconhecimento me ignoram ou me fazem sentir em segundo plano c Quando fracasso, recupero-me rapidamente D Ningum compreende meus sentimentos E Meu quarto o nico local da casa no qual

    posso ficar mais livre, sem ter de falar com ningum F No aceito ser controlado nem obrigado a fazer algo G Tento manter sempre o alto-astral H Preciso controlar tudo, mesmo percebendo quanto isso me faz mal no sentido de gastar muita energia I fcil me adaptar a qualquer tipo de pessoa

    6- Sei que... a Desde muito cedo, me foi incutido um senso de responsabilidade, no sentido de que deveria dar o exemplo B Ajudar as pessoas maravilhoso c difcil ter tempo para minhas prprias necessidades D Melancolia, esse meu estado permanente E Tenho dificuldade de viver relacionamentos amorosos F Sentir-me seguro essencial G Minhas grandes paixes so as ideias, os novos conhecimentos e desafios H Nunca estou satisfeito, sempre desejo conquistar mais e mais I Costumo adiar muitas coisas importantes para mim

    7- Na verdade... a Sempre fao tudo benfeito B Adoro aplausos! A vida um espetculo c Modestamente, sou o melhor na minha rea D Sinto-me diferente dos demais, sinto o que ningum capaz de sentir E Sou capaz de ter momentos privados de lazer; sozinho melhor F No gosto de falar de mim. Alm de no gostar, no tenho a menor vontade G Sou um pouco (ou muito) narcisista, simplesmente me adoro H Sinto que posso conquistar o mundo I Procuro me ajustar ao mundo, dividindo-me entre todos os que me rodeiam, facilitando-lhes ou resolvendo a vida

    Qual O seu traO dentrO dO eneagrama?Nas questes a seguir, escolha a alternativa que mais tem a ver com voc. Para cada pergunta, marque apenas uma resposta e descubra o seu tipo.

  • Some quantas vezes voc respondeu a mes-ma letra. Exemplo: se respondeu mais vezes a letra A, voc ter tendncia ao Tipo 1.

    a _ _ _ _ B _ _ _ _ c _ _ _ _ D _ _ _ _ _ E _ _ _ _ F _ _ _ _ G _ _ _ _ _ H _ _ _ _ _ _ I _ _ _ _ _

    Maioria Tipo a 1 - DIScIPlINaDo B 2 - PrEStatIvo c 3 - EFIcIENtE D 4 - SENSvEl E 5 - racIoNal F 6 - cautEloSo G 7 - avENturEIro H 8 - EmPrEENDEDor I 9 - PacIENtE

    No caso de empateVoc pode ter tendncia a mais de um tipo, o que normal, pois os nove se dividem em trs grupos: centro fsico, emocional e intelectual. Veja a se-guir em qual deles voc se enquadra:

    tIPo 1 - DIScIPlINaDoPossui um perfil sistemtico, disciplinado e organizado. Prioriza rotinas, ordem e limpeza. Senso esttico e beleza so sua marca registrada. D importncia ao territrio: minha mesa de trabalho, minha ordem. Fica irritado com erros, com invaso do seu territrio, com mudana repentinas de rotinas ou de atividades. o perfeccionismo excessivo que acaba impedindo a adaptao rpida a mudanas. / Conselho: Mantenha-se encorajado a ser flexvel, evitando o olhar excessivamente crtico e polarizado entre certo e errado. tIPo 3 - EFIcIENtE

    focado no trabalho, competitivo e almeja o sucesso. Em geral, comunicativo, gosta de ser admirado pelo que faz. Evita conflitos, diplomtico e trabalha bem em equipe. reconhecimento em forma de ascenso profissional fundamental para este tipo eneagramtico. / Conselho: Evite cair na sndrome do workaholic e no excessivo estrelismo cultivando uma autoestima que no dependa apenas dos seus resultados e logros profissionais.

    tIPo 4 - SENSvElIdealista, busca constantemente ser compreendido e notado pelo seu diferencial. Possui o perfil ideal para trabalhos humanitrios e causas sociais. Evita aes e comentrios que possam ser considerados insensveis. / Conselho: Deixe de lado o exagero em suas manifestaes emocionais, cultivando, assim, maior equilbrio emocional.

    resultadO

    tIPo 2 - PrEStatIvoEst sempre disposto a colaborar, atencioso. D importncia aos demais e precisa sentir que suas aes agradam e so bem recebidas pelos outros. sensvel s necessidades alheias e gosta de se sentir til. No tolera ser ignorados e se importa com a comunicao e relacionamentos. / Conselho: Evite ficar demasiadamente refm do reconhecimento alheio e reconhea em si prprio o valor de suas aes.

    revista Quartier 49

  • tIPo 7 - avENturEIroTende a realizar suas atividades de forma prazerosa. criativo e gosta de trabalhar livre de presso e de rotinas. Aceita imprevistos e desafios que provoquem sua capacidade de inventar e inovar. Trabalha bem em equipes cuja liderana participativa e de troca. / Conselho: Fique atento falta de compro-misso, j que, s vezes, melhor dedicar-se primeiro ao dever e depois ao prazer.

    tIPo 8 - EmPrEENDEDorDesbravador, perseverante e ativo. Possui natural incli-nao para liderar, porm no gosta de burocracia nem de demoras. Essas caractersticas o tornam impulsivo

    ou agressivo em algumas ocasies. Aparentemente duro, sensvel e se importa com as necessidades alheias. / Conselho: Deve evitar a agressividade na

    comunicao e aprender a arte de ouvir ativamente.

    tIPo 5 - racIoNalMetdico, sistemtico e objetivo, precisa de certo isolamento para se sentir seguro. Possui comportamento introvertido, prioriza a lgica e o conhecimento. Evita o contato direto em situaes que envolvam manifestaes emocionais, j que tem dificuldade para expressar senti-mentos. Quando subordinado, gosta que as razes das ordens recebidas sejam esclarecidas, e sempre questiona o por qu do que ser feito. / Conselho: Deve cultivar a comunicao e o inter-relacio-namento, evitando o isolamento.

    tIPo 6 - cautEloSoGosta de trabalhar em equipe e precisa de ambientes que garantam segurana. Evita situaes desconhecidas, s vezes se estressa por motivos imaginrios e pode manifestar medos infundados. Extremamente leal, cuidadoso e crtico, capaz de ler a letra pequena e descobrir detalhes que passam despercebidos pe-los outros. / Conselho: Evite ficar refm do imaginrio e cultive a autossegurana.

    tIPo 9 - PacIENtEDiplomtico, calmo e amistoso. Gosta de se relacionar e estar em grupos. Evita situaes de conflitos e atritos. Como lder democr-tico e sabe interagir com seus colaboradores. trabalhador e conhecido como pau para toda obra, porm no deve ser sobrecarregado. / Conselho: Ateno ao esquecimento das suas necessidades pessoais e profissionais.

    2+2=4carreira

    50 revista Quartier

  • Av. Paulista, 2006, Cj. 1108 - So Paulo - SP | Tel. (11) 2614-4710 | www.editorase7e.net | [email protected]

    O que voc tem feito para se relacionar com seu cliente?A Editora Se7e desenvolve revistas customizadas e pode oferecer sua empresa a oportunidade de promover sua identidade, seus produtos ou os seus servios junto ao seu pblico-alvo de modo direcionado. Construa relaes mais fortes com seus clientes e oferea a eles experincias.

  • Visite nossa loja. Estacionamento exclusivo.Horrio de funcionamento de seg. a sex. das 8h s 19h

    e nos sbados das 8h s 14h. Aceitamos todos os cartes.

    Av. Brigadeiro Luis Antonio, 2460 - Jd. Paulista - CEP 01402-000 - Tel. (11) 3214 3355