Romance da raposa

Click here to load reader

  • date post

    24-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    261
  • download

    18

Embed Size (px)

description

excerto do Romance da raposa de Aquilino Ribeiro

Transcript of Romance da raposa

  • Havia trs dias e trs

    noites que a

    Salta-Pocinhas, raposa

    matreira, fagueira e

    lambisqueira, corria

    os bosques

  • Romance da raposaHavia trs dias e trs noites que a raposa Salta-

    Pocinhas, raposa matreira, fagueira e lambisqueira corria os bosques sem conseguir deitar a unha a outra caa alm de uns mseros gafanhotos, nem atinar com abrigo em que pudesse dormir, um soninho descansado.

    Desesperada de to pouca sorte, vinham-lhe tentaes de tornar a casa dos pais. Pois, embora subterrnea, a cama era mais quente e segura que em castelo de rei. L, no faltava galinha ou coelho bravo. Todavia, a Salta-Pocinhas temia a sua me.

    (excerto do Romance da raposa de Aquilino Ribeiro )

  • Desafio:

    Imagine o Vizo Rei

    Dom Brutamontes e

    faa a sua descrio

    fsica e psicolgica

  • Com base na

    prancha retire

    elementos que o

    ajudem a

    completar a

    caracterizao

    fsica do lobo.

  • Carto

    raposa___ ___ ___

    __ __ __ __ __ __

    A raposa vivia na mata.

    O av do Telmo era uma velha raposa.

    A Carlota apanhou uma raposa no final do ano lectivo.

  • Salta-Pocinhas,

    a me Raposelha

    e o pai Raposo.