Universidade Federal do Vale do São Francisco Campus de Juazeiro Colegiado de Engenharia de...

of 30 /30
Universidade Federal do Vale do São Franc Campus de Juazeiro Colegiado de Engenharia de Produção Apresentação da disciplina Disciplina: Engenharia de métodos Professor: Marcel de Gois Pinto

Embed Size (px)

Transcript of Universidade Federal do Vale do São Francisco Campus de Juazeiro Colegiado de Engenharia de...

  • Slide 1
  • Universidade Federal do Vale do So Francisco Campus de Juazeiro Colegiado de Engenharia de Produo Apresentao da disciplina Disciplina: Engenharia de mtodos Professor: Marcel de Gois Pinto
  • Slide 2
  • Contedo Contedo programtico da disciplina Apresentao do curso Sistema de avaliao da aprendizagem Histrico da engenharia de mtodos Definio da engenharia de mtodos Finalidade da engenharia de mtodos
  • Slide 3
  • Ementa Evoluo da Engenharia de mtodos Metodologia de resoluo de problemas Projeto de mtodos de trabalho Tcnicas para registro e anlise do trabalho Anlise das operaes e estudo dos micro-movimentos Princpios de economia dos movimentos Projeto de postos de trabalho Cronometragem
  • Slide 4
  • Objetivo da disciplina Pretende-se que, ao final da disciplina, os alunos sejam capazes de identificar, analisar, registrar, racionalizar e padronizar processos produtivos para a produo de bens e servios, bem como realizar a determinao de tempos das atividades padronizadas.
  • Slide 5
  • Meios de ensino e aprendizagem Aulas Expositivas e Prticas; Visitas tcnicas; Discusso de Textos; Elaborao de Projeto de Engenharia de Mtodos
  • Slide 6
  • Contedo programtico Definio, finalidade e histrico da engenharia de mtodos Diferenciao entre processo e operao Anlise de processos Tcnicas para o registro de processos (fluxograma, mapofluxograma) Anlise de operaes
  • Slide 7
  • Contedo programtico Tcnicas para o registro de operaes Posto de trabalho (enforque ergonmico vs. economia de movimentos) Metodologia de resoluo de problemas Estudo de tempos (Cronometragem) Estudo de tempos (Avaliao de ritmo)
  • Slide 8
  • Sistema de Avaliao InstrumentoPeso Nota 1 Prova Parcial4 Nota 2 Exerccios2 Nota 3 Projeto de Mtodos4
  • Slide 9
  • Universidade Federal do Vale do So Francisco Campus de Juazeiro Colegiado de Engenharia de Produo Engenharia de Mtodos Introduo Disciplina: Engenharia de mtodos Professor: Marcel de Gois Pinto
  • Slide 10
  • Histrico da Engenharia de Mtodos A Engenharia de Mtodos, tambm conhecida como estudo de tempos e movimentos surgiu, basicamente, do trabalho de 3 pessoas: -Frederick H. Taylor estudo de tempos -Frank e Lillian Gilbreth estudo de movimentos
  • Slide 11
  • Histrico da Engenharia de Mtodos Iniciou os estudos relativos ao trabalho em 1881 ( Midvale Steel Company ) Formao em engenharia mecnica Considerado o pai da administrao cientfica e da engenharia de produo uma das figuras mais controversas da histria da industrializao TAYLOR
  • Slide 12
  • Histrico da Engenharia de Mtodos Contribuies: ao rpido, estudo da usinagem de metais, estudo de tempos, utilizao de um mtodo cientfico para a organizao do trabalho, descanso no trabalho Estudo clssico: investigaes sobre o uso da p TAYLOR
  • Slide 13
  • Histrico da Engenharia de Mtodos Incio dos estudos: 1885 Ela era psicloga e ele engenheiro Usaram a formao complementar para compreender o fator humano, bem como materiais, ferramentas e equipamentos Estudo clssico: assentamento de tijolos CASAL GILBRETH
  • Slide 14
  • Histrico da Engenharia de Mtodos Contribuies: estudo de movimentos e micromovimentos, ciclogrfico, cronociclogrfico, grfico de fluxo do processo, estudos sobre monotonia, fadiga e transferncia de habilidade entre os profissionais CASAL GILBRETH
  • Slide 15
  • Histrico da Engenharia de Mtodos Durante muito tempo houveram discusses relativas ao que era mais importante: estudo de tempos ou de movimentos Atualmente, percebe-se que no h distino, porm complementaridade. O que se recomenda a realizao do estudo de movimentos antes do estudo de tempos Movimentos racionalizados levam a um melhor resultado em tempo
  • Slide 16
  • Histrico da Engenharia de Mtodos importante, ainda, entender que a aplicao do estudo de tempos e de movimentos de maneira rgida, pode ser contraproducente Devem ser, portanto, utilizadas as melhores idias de Taylor e dos Gilbreth A consolidao e disseminao destes trabalhos foi realizada pela ASME ( American Society of Mechanical Engineers )
  • Slide 17
  • Definio de Engenharia de Mtodos Apesar do desenvolvimento ocorrido mesma poca, os estudos de movimentos e de tempos passaram a ser utilizados conjuntamente a partir de 1930 Tal conjunto passou a ser denominado Engenharia de mtodos Sua definio comporta 4 fases distintas
  • Slide 18
  • Definio de Engenharia de Mtodos o estudo sistemtico dos sistemas de trabalho com os seguintes objetivos: -1. Desenvolver o sistema e o mtodo preferido (custo) -2. Padronizar esse sistema e mtodo -3. Determinar o tempo gasto por uma pessoa treinada, qualificada, para executar esse padro -4. Orientar o treinamento do trabalhador no mtodo
  • Slide 19
  • Definio de Engenharia de Mtodos o estudo sistemtico dos sistemas de trabalho com os seguintes objetivos: -1. Desenvolver o sistema e o mtodo preferido (custo) -2. Padronizar esse sistema e mtodo -3. Determinar o tempo gasto por uma pessoa treinada e qualificada, para executar esse padro -4. Orientar o treinamento do trabalhador no mtodo Estudo de movimentos Estudo de tempos
  • Slide 20
  • Estudo de Movimentos (mtodo) O objetivo: projeto de um sistema de produo ou de uma seqncia de operaes e procedimentos Devem ser considerados, assim, o sistema e seus elementos Deve ser utilizado um mtodo sistemtico (cientfico ou de engenharia): metodologia de resoluo de problemas O mtodo desenvolvido deve ser o mais prximo do ideal, no sendo buscada somente a melhoria do mtodo atual
  • Slide 21
  • Estudo de Tempos (medida) O objetivo: determinar o nmero-padro de minutos que uma pessoa qualificada, treinada e experiente para executar uma tarefa especfica trabalhando normalmente Mtodos mais comuns: cronometragem, tempos elementares, tempos sintticos e amostragem do trabalho Utilizao: planejamento e programao, controle dos custos de mo-de-obra, entre outras.
  • Slide 22
  • Principais utilizaes da eng. mtodos A engenharia de mtodos foi criada para a melhoria do trabalho manual Exemplos de setores industriais: AUTOMOBILSTICA
  • Slide 23
  • Principais utilizaes da eng. mtodos A engenharia de mtodos foi criada para a melhoria do trabalho manual Exemplos de setores industriais: CALADISTATXTIL
  • Slide 24
  • Principais utilizaes da eng. mtodos A engenharia de mtodos foi criada para a melhoria do trabalho manual Exemplos de setores industriais: CONSTRUO CIVIL
  • Slide 25
  • Principais utilizaes da eng. mtodos A engenharia de mtodos foi criada para a melhoria do trabalho manual Exemplos de setores industriais: AERONUTICA
  • Slide 26
  • Principais utilizaes da eng. mtodos Setores caracterizados por alta tecnologia, utilizam trabalho manual em sua fabricao No setor de servios, existem diversos outros exemplos: MANUTENO
  • Slide 27
  • Principais utilizaes da eng. mtodos Setores caracterizados por alta tecnologia, utilizam trabalho manual em sua fabricao No setor de servios, existem diversos outros exemplos: ALIMENTOS SALO DE BELEZA
  • Slide 28
  • Principais utilizaes da eng. mtodos Possibilidades de aplicao so diversas Mesmo havendo mecanizao ou automatizao, a engenharia de mtodos til para o projeto racionalizado Exemplo: Torno revlver Universal Apenas 1 ferramenta
  • Slide 29
  • Principais utilizaes da eng. mtodos Possibilidades de aplicao so diversas Mesmo havendo mecanizao ou automatizao, a engenharia de mtodos til para o projeto racionalizado Exemplo: Torno revlver
  • Slide 30
  • Sintetizando... A engenharia de mtodos o surgimento da engenharia de produo (tempos e movimentos) O trabalho de Taylor e dos Gilbreth ainda so referncia da rea Seu campo de aplicao vasto, ainda hoje Tempos e movimentos o fundamento para demais reas da engenharia de produo (PCP, layout, balanceamento, qualidade, automao e mecanizao, entre outras)