CARGO 8: PROFESSOR GEOGRAFIA - estudegratis.com.br fileEducar é mostrar a vida a quem ainda não a...

of 15 /15
NÍVEL SUPERIOR CARGO 8: PROFESSOR GEOGRAFIA CHAVE DE SEGURANÇA: bua5gW

Embed Size (px)

Transcript of CARGO 8: PROFESSOR GEOGRAFIA - estudegratis.com.br fileEducar é mostrar a vida a quem ainda não a...

  • NVEL SUPERIOR

    CARGO 8: PROFESSOR

    GEOGRAFIA

    CHAVE DE SEGURANA:

    b u a 5 g W

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 2

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    U t i l i z e e s t e e s p a o p a r a r a s c u n h o .

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 3

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    CONHECIMENTOSBSICOS

    Leia o texto abaixo para responder s questes 1 e 2.

    Educao do olhar

    Educar mostrar a vida a quem ainda no a viu. O educador diz: Veja! e, ao falar, aponta. O aluno olha na direo apontada e v o que nunca viu. Seu mundo se expande. Ele fica mais rico interiormente. E, ficando mais rico interiormente, ele pode sentir mais alegria e dar mais alegria que a razo pela qual vivemos. J li muitos livros sobre psicologia da educao, sociologia da educao, filosofia da educao mas, por mais que me esforce, no consigo me lembrar de qualquer referncia educao do olhar ou importncia do olhar na educao, em qualquer deles. A primeira tarefa da educao ensinar a ver. atravs dos olhos que as crianas tomam contato com a beleza e o fascnio do mundo. Os olhos tm de ser educados para que nossa alegria aumente. Quero ensinar as crianas. Elas ainda tm olhos encantados. Seus olhos so dotados daquela qualidade que, para os gregos, era o incio do pensamento: a capacidade de se assombrar diante do banal. Para as crianas, tudo espantoso: um ovo, uma minhoca, uma concha de caramujo, o voo dos urubus, os pulos dos gafanhotos, uma pipa no cu, um pio na terra. Coisas que os eruditos no veem. Na escola eu aprendi complicadas classificaes botnicas, taxonomias, nomes latinos mas esqueci. Mas nenhum professor, jamais, chamou a minha ateno para a beleza de uma rvore ou para o curioso das simetrias das folhas. As palavras s tm sentido se nos ajudam a ver o mundo melhor. Aprendemos palavras para melhorar os olhos. Quando a gente abre os olhos, abrem-se as janelas do corpo, e o mundo aparece refletido dentro da gente. Jardins bonitos h muitos, mas s traz alegria o jardim que nascer dentro da gente. So as crianas que, sem falar, nos ensinam as razes para viver. Elas no tm saberes a transmitir. No entanto, elas sabem o essencial da vida. Quem no muda sua maneira adulta de ver e sentir e no se torna como criana jamais ser sbio.

    Rubem Alves. Internet: www.rubemalves.com.br (com adaptaes)

    QUESTO 1

    De acordo com as estruturas lingusticas e gramaticais do texto, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A forma verbal traz (linha 32) pode ser substituda por trazem, j que, neste caso, permitida a concordncia com Jardins bonitos (linha 32).

    II As palavras Educar (linha 1) e educador (linha 2) pertencem mesma classe de palavras, ou seja, so verbos no infinitivo.

    III A palavra saberes (linha 34) est empregada no texto com o sentido de conhecimento.

    IV Em suas duas ocorrncias, o pronome ele (linhas 4 e 5) tem como referente aluno (linha 2) e, no, mundo (linha 3).

    V A orao abrem-se as janelas do corpo (linhas 30 e 31) est na voz passiva sinttica, justificada pela presena de um verbo transitivo direto na terceira pessoa do plural acompanhado de um pronome apassivador.

    A sequncia correta :

    (A) F, F, V, V, V.(B) V, F, F, F, F.(C) V, F, V, F, V.(D) F, V, F, V, F.

    QUESTO 2

    Acerca das ideias apresentadas no texto, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I O autor faz reflexes a respeito de uma educao voltada para a capacidade de se enxergar sob ngulos e referenciais diferentes, enfoques sob os quais a maioria das pessoas ainda no est habituada.

    II Infere-se do quarto pargrafo que as crianas possuem mais subjetividade, poesia e alegria na forma de olhar do que os adultos.

    III Educar, na viso do autor, encarar o processo de ensinar e de aprender com a desconstruo do olhar engessado sobre tudo.

    IV Ao mencionar que as crianas ainda tm olhos encantados (linhas 16 e 17), infere-se que ela desperta para o imaginrio e o potico, viaja atravs das palavras e capaz de se surpreender com coisas simples.

    A quantidade de itens certos igual a

    (A) 1.(B) 2.(C) 3.(D) 4.

    ____________________________________________

    Leia o texto abaixo para responder s questes de 3 a 5.

    A palavra professor deriva da palavra professar, que, alm de lecionar, significa declarar publicamente uma convico ou um compromisso de conduta. No por acaso, as duas tm a mesma raiz. Ns, mestres, somos profissionais em vrios sentidos: por ensinarmos e por nos comprometermos com condutas de trabalho em uma atividade que exige a contnua exposio de convices. Essa condio tambm envolve responsabilidades mltiplas, com conhecimentos e procedimentos, especialmente por lidarmos com muitos jovens e crianas e por um tempo longo. Precisamos nos lembrar disso, no para nos sentirmos mais importantes do que j somos, mas para termos conscincia de que, no desempenho dessa funo social, no d para ignorar limitaes pessoais e problemas, ou seja, nossa condio humana. As responsabilidades de educador, ainda mais complexas, so cumpridas em circunstncias muito especiais, sob permanente exposio a dezenas de olhares daqueles que pretendemos formar. Alis, os alunos no so passageiros e no nos consideram somente condutores de classes ou especialistas em Cincias ou Arte. Eles nos enxergam tambm como algum que est com blusa colorida e sorriso animado, cala amarrotada e olheiras ou tnis novos e expresso impaciente. Da mesma forma, a turma no v palavras e nmeros surgirem no quadro e converterem-se em sons, mas acompanham a mo firme ou trmula segurando o giz e o tom grave ou agudo da voz que explica. Ao sairmos para o trabalho, mesmo preocupados com a nova ruga flagrada no espelho ou a diferena entre o saldo bancrio e a prestao vencida, nos investimos da persona professoral. Sensvel sim, mas profissional.

    Lus Carlos de Menezes - Revista Nova Escola Edio 223 - junho 2009 (com adaptaes)

    1

    5

    10

    15

    20

    25

    30

    35

    1

    5

    10

    15

    20

    25

    30

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 4

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 3

    Com relao s ideias do texto, assinale a opo correta.

    (A) O texto rene elementos que no condizem com a realidade do professor e que sequer funcionam como objetos de avaliao por parte de alunos, como o caso, por exemplo, de cala amarrotada, olheiras (linha 23) e mo firme ou trmula (linhas 26 e 27).

    (B) O termo professoral (linha 31), que a unio de professor e natural, carrega um sentimentalismo exagerado por parte do autor e, ao mesmo tempo, revela o inconformismo do professor em relao a sua profisso.

    (C) A tese apresentada no segundo pargrafo do texto contradiz a ideia apresentada no terceiro, j que, neste ltimo, o autor afirma que os alunos veem o professor como aquele que meramente transmite conhecimento.

    (D) Ao longo do texto, o autor estabelece uma relao entre o ato de ensinar e a condio humana do professor.

    QUESTO 4

    A respeito dos aspectos lingusticos e gramaticais do texto, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I O conector que (linha 2) introduz uma orao subordinada adverbial concessiva, j que restringe um fato expresso na orao principal.

    II O emprego procltico do pronome tono em no nos consideram (linha 20) justificado por haver a atrao de uma palavra de sentido negativo.

    III A insero de uma vrgula imediatamente aps condio (linha 8) e Precisamos (linha 11) acarretaria prejuzo gramatical ao texto.

    IV A forma verbal tm (linha 4) recebe acento circunflexo por se encontrar no plural, mas, neste caso, poderia tambm receber, facultativamente, o acento agudo.

    A quantidade de itens certos igual a

    (A) 1.(B) 2.(C) 3.(D) 4.

    QUESTO 5

    Acerca das estruturas do texto, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Na linha 5, o vocbulo por, em suas duas ocorrncias, pertence mesma classe de palavras.

    II Na linha 4, a expresso as duas tem como referentes as palavras professor e professar (linha 1).

    III Caso o vocbulo a (linha 18) fosse substitudo por , seria mantida a correo gramatical, j que, neste caso, o uso do sinal indicativo de crase facultativo.

    IV No texto, o verbo lembrar (linha 11), por apresentar-se na forma pronominal, transitivo indireto.

    V A palavra sob (linha 18) pode ser substituda por sobre, sem acarretar prejuzo de sentido ao texto, j que ambas so preposies.

    Esto certos apenas os itens

    (A) I, II e IV.(B) I, III e V.(C) I e IV.(D) II, III, IV e V.

    QUESTO 6

    De acordo com a Lei Complementar n. 135/2010, mais conhecida como Lei Ficha Limpa, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A Lei polmica porque impede que apenas deputados cassados disputem a reeleio.

    II A Lei Ficha Limpa foi aprovada graas a uma campanha de mobilizao da sociedade civil brasileira, que culminou na apresentao de um Projeto de Lei de Iniciativa Popular ao Congresso Nacional.

    III O Tribunal Superior Eleitoral decidiu que a Lei passaria a ter validade j nas eleies de outubro de 2010.

    IV O impacto da Lei limitado porque permite que candidatos condenados, mas que ocupam cargos pblicos, possam concorrer s eleies de 2010.

    V Os impactos da Lei diminuram em razo dos vetos do Presidente da Repblica ao texto aprovado no Congresso Nacional.

    A sequncia correta :

    (A) V, F, F, V, F.(B) F, V, F, F, F.(C) F, V, V, F, F.(D) V, F, F, V, V.

    QUESTO 7

    Acerca do projeto de lei de iniciativa do Governo federal que trata da prtica do castigo fsico em crianas, apelidada pela mdia de Lei da Palmada, assinale a opo correta.

    (A) Seriam possveis apenas os castigos fsicos autorizados pelo projeto de lei.

    (B) Pais e cuidadores de menores ficariam proibidos de dar palmadas pedaggicas em menores de idade.

    (C) O projeto determina que pais ou responsveis podero ser presos e os menores ficaro sob a guarda do conselho tutelar.

    (D) O Brasil o primeiro pas do mundo a adotar uma medida como essa.

    QUESTO 8

    Com relao ao realizada pela Marinha de Israel, que impediu uma frota de embarcaes com ativistas pr-palestinos de chegar Faixa de Gaza, assinale a opo correta.

    (A) Israel interceptou os navios porque mantm bloqueio martimo Faixa de Gaza.

    (B) O Governo brasileiro apoiou a ao israelense, a despeito de reaes contrrias do Congresso brasileiro.

    (C) Os tripulantes dos barcos foram presos e ainda se encontram em prises de segurana mxima em Israel.

    (D) A Organizao das Naes Unidas (ONU) no se pronunciou porque o bloqueio aprovado por Resoluo do Conselho de Segurana da entidade.

    QUESTO 9

    De acordo com a proposta do trem de alta velocidade no Brasil, assinale a opo correta.

    (A) O edital veda que emprstimos pblicos sejam concedidos para o projeto.

    (B) Um ponto relevante a obrigatoriedade de que o grupo vencedor da licitao seja inteiramente nacional.

    (C) Uma das principais crticas ao projeto de que a sua execuo custaria mais de 30 bilhes de reais.

    (D) O trem-bala considerado o principal projeto de infraestrutura para a Copa do Mundo no Brasil, com concluso prevista para at o final de 2012.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 5

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 10

    Em 20 de abril de 2010, ocorreu o derramamento de petrleo aps a exploso e o afundamento da plataforma Deepwater, operada pela empresa petrolfera BP no golfo do Mxico, em um acidente que matou 11 funcionrios e afetou profundamente o meio ambiente da costa de vrios estados americanos.

    BBC Brasil. Internet: www.bbc.co.uk/portuguese (com adaptaes).

    A respeito desse acidente, assinale a opo correta.

    (A) O acidente foi resultado de sabotagem de ambientalistas que se opem explorao de petrleo.

    (B) Pelo fato de ser o poo petrolfero mais profundo do mundo, os tcnicos eram contrrios a sua explorao.

    (C) O Presidente Obama decidiu interromper a explorao de petrleo em alto mar depois do acidente.

    (D) A empresa BP desistiu de tentar fechar o vazamento aps diversas tentativas frustradas.

    QUESTO 11

    A aquisio de conhecimentos e experincias por meio da educao possui uma determinada finalidade. Para qu aprendo? O que devo aprender? So perguntas colocadas pelo homem desde a Antiguidade. Mas a resposta para essas perguntas tem variado muito conforme a poca e o pensamento dos diversos educadores. Todos concordam que a educao possui uma finalidade, porm seus objetivos so muito divergentes.

    Professor de Educao Bsica Vestcon Editora Ltda.

    Acerca dos autores e seus pensamentos a respeito da educao, relacione a primeira coluna segunda e, em seguida, assinale a opo correta.

    1 Plato2 Marx3 Durkheim4 Scrates5 Dewey6 Gramsci

    ( ) Via na educao o mecanismo bsico para a constituio de sistemas sociais e de sua manuteno e perpetuao em forma de sociedades.

    ( ) O ideal seria a conquista da virtude, que, para ele, era sinnimo de sabedoria. Para alcanar a virtude, a mente precisava ser treinada, isto , disciplinada por meio de exerccios.

    ( ) A educao um processo de contnua reconstruo da experincia, com o propsito de ampliar e aprofundar o seu contedo social, enquanto o indivduo ganha controle dos mtodos envolvidos.

    ( ) A boa educao consistia em dar ao corpo e alma toda a beleza e perfeio de que so capazes. O governo deveria ser controlado pelos filsofos, os nicos realmente capazes de solucionar os problemas sociais com sabedoria e justia.

    ( ) A classe dominante impe suas ideias como meio de controle. Teoria e prtica devem estar unidas: a prxis essencial.

    ( ) A ideologia desempenha um papel chave porque apoia a ordem social existente, mas tambm pode ser um meio de conscientizao. Em consequncia, os intelectuais podem ter importante papel na mudana, como criadores, difusores e organizadores de ideias.

    A sequncia correta :

    (A) 3, 4, 5, 1, 2, 6.(B) 6, 2, 3, 4, 1, 5.(C) 4, 5, 2, 1, 3, 6.(D) 5, 2, 3, 1, 6, 4.

    QUESTO 12

    A temtica da Pluralidade Cultural diz respeito ao

    conhecimento e valorizao das caractersticas tnicas

    e culturais dos diferentes grupos sociais que convivem no

    territrio nacional, s desigualdades socioeconmicas e

    crtica s relaes sociais discriminatrias e excludentes

    que permeiam a sociedade brasileira, oferecendo ao aluno a

    possibilidade de conhecer o Brasil como um pas complexo,

    multifacetado e algumas vezes paradoxal.

    Parmetros curriculares nacionais : pluralidade cultural, orientao sexual. Brasil. Secretaria de Educao Fundamental.

    Com relao Pluralidade Cultural, julgue os itens abaixo

    como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida,

    assinale a opo correta.

    I Busca explicitar a diversidade tnica e cultural que

    a compe, compreender suas relaes, marcadas

    por desigualdades socioeconmicas, e apontar

    transformaes necessrias.

    II Respeitar e valorizar as diferenas tnicas e culturais

    no significa aderir aos valores do outro, mas, sim,

    respeit-los como expresso da diversidade, respeito

    que , em si, devido a todo ser humano, por sua

    dignidade intrnseca, sem qualquer discriminao.

    III No almeja a diviso ou o esquadrinhamento da

    sociedade em grupos culturais fechados, mas o

    enriquecimento propiciado a cada um e a todos pela

    pluralidade de formas de vida, pelo convvio e pelas

    opes pessoais, assim como o compromisso tico

    de contribuir com as transformaes necessrias

    construo de uma sociedade mais justa.

    IV Na escola, muitas vezes, h manifestaes de

    racismo, discriminao social e tnica, por parte

    de professores, de alunos, da equipe escolar, ainda

    que de maneira involuntria ou inconsciente. Essas

    atitudes representam violao dos direitos dos alunos,

    professores e funcionrios discriminados, trazendo

    consigo obstculos ao processo educacional, pelo

    sofrimento e constrangimento a que essas pessoas se

    veem expostas.

    A sequncia correta :

    (A) V, F, F, F.

    (B) V, V, V, V.

    (C) V, F, F, V.

    (D) F, F, V, V.

    QUESTO 13

    Os principais pedagogos que atuaram de maneira

    significativa no cenrio da educao no sculo XIX

    foram

    (A) Dewey, Marx e Dilthey.

    (B) Piaget, Emlia Ferreiro e Vygotsky.

    (C) Pestalozzi, Frebel e Herbart.

    (D) Carl Rogers, Freud e Khler.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 6

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 14

    O ato de planejar faz parte da histria do ser humano, pois o desejo de transformar sonhos em realidade objetiva uma preocupao marcante de toda pessoa. Em nosso dia a dia, sempre estamos enfrentando situaes que necessitam de planejamento, mas nem sempre as nossas atividades dirias so delineadas em etapas concretas da ao, uma vez que j pertencem ao contexto de nossa rotina. Entretanto, para a realizao de atividades que no esto inseridas em nosso cotidiano, usamos os processos racionais para alcanar o que desejamos.

    Maria Adelia Teixeira Baffi. O planejamento em educao: revisando conceitos para mudar concepes e prticas. In.: Jos Luiz de Paiva Bello.

    Pedagogia em Foco, Petroplis, 2002.

    Considerando os tipos de planejamento, relacione a

    primeira coluna segunda e, em seguida, assinale a

    opo correta.

    I Planejamento

    II Planejamento Educacional

    III Planejamento Curricular

    IV Planejamento de Ensino

    V Planejamento Escolar

    ( ) o processo de busca de equilbrio entre meios e

    fins, entre recursos e objetivos, visando ao melhor

    funcionamento de empresas, instituies, setores de

    trabalho, organizaes grupais e outras atividades

    humanas (PADILHA, 2001).

    ( ) Processo contnuo que se preocupa com o para onde ir

    e quais as maneiras adequadas para chegar l, tendo

    em vista a situao presente e possibilidades futuras,

    para que o desenvolvimento da educao atenda tanto

    as necessidades da sociedade quanto as do indivduo

    (PARRA apud SANTANNA et al., 1995).

    ( ) Processo de deciso sobre atuao concreta dos

    professores, no cotidiano de seu trabalho pedaggico,

    envolvendo as aes e situaes, em constantes

    interaes entre professor e alunos e entre os prprios

    alunos (PADILHA, 2001).

    ( ) Envolve o processo de reflexo, de decises sobre a

    organizao, o funcionamento e a proposta pedaggica

    da instituio. um processo de racionalizao,

    organizao e coordenao da ao docente, articulando

    a atividade escolar e a problemtica do contexto social

    (LIBNEO, 1992).

    ( ) Processo de tomada de decises sobre a dinmica da

    ao escolar. previso sistemtica e ordenada de toda

    a vida escolar do aluno. Portanto, essa modalidade

    de planejar constitui um instrumento que orienta a

    ao educativa na escola, pois a preocupao com

    a proposta geral das experincias de aprendizagem

    que a escola deve oferecer ao estudante, atravs dos

    diversos componentes curriculares (VASCONCELLOS,

    1995).

    A sequncia correta :

    (A) I, II, IV, V, III.

    (B) IV, V, III, II, I.

    (C) III, I, II, V, IV.

    (D) I, II, III, IV, V.

    QUESTO 15

    Os resultados do Censo Escolar da Educao Bsica de 2008 apontam um crescimento significativo nas matrculas da educao especial nas classes comuns do ensino regular. O ndice de matriculados passou de 46,8% do total de alunos com deficincia, em 2007, para 54% no ano passado. Esto em classes comuns 375.772 estudantes com deficincia, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades ou superdotao. Esse crescimento reflexo da poltica implementada pelo Ministrio da Educao, que inclui programas de implantao de salas de recursos multifuncionais, de adequao de prdios escolares para a acessibilidade, de formao continuada de professores da educao especial e do Benefcio de Prestao Continuada da Assistncia Social (BPC) na escola, alm do programa Educao Inclusiva: Direito Diversidade.

    Secretaria de Educao Especial - MEC. Internet: http://portal.mec.gov.br/seesp

    De acordo com o texto acima, assinale a opo que apresenta o Benefcio de Prestao Continuada (BPC).

    (A) Apoiar os sistemas de ensino na implantao de salas de recursos multifuncionais, com materiais pedaggicos e de acessibilidade, para a realizao do atendimento educacional especializado, complementar ou suplementar escolarizao.

    (B) Contribuir para a melhoria da formao dos professores e alunos; o pblico-alvo prioritrio da rede so professores de educao bsica dos sistemas pblicos de educao.

    (C) Envolver os ministrios da Educao, da Sade e do Desenvolvimento Social e Combate Fome, alm da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, em parceria com municpios, estados e com o Distrito Federal, que realiza o acompanhamento e monitoramento do acesso e da permanncia, na escola, das pessoas com deficincia, at 18 anos, por meio da articulao das polticas de educao, sade, assistncia social e direitos humanos.

    (D) Assegurar a educao inclusiva, em todos os nveis dos sistemas educacionais de ensino.

    QUESTO 16

    O art.166 do Estatuto da Criana e do Adolescente Lei n. 8.069/1990 informa que se os pais forem falecidos, tiverem sido destitudos ou suspensos do poder familiar, ou houverem aderido expressamente ao pedido de colocao em famlia substituta, este poder ser formulado diretamente em cartrio, em petio assinada pelos prprios requerentes, dispensada a assistncia de advogado.

    O 3 desse artigo orienta, ainda, que o consentimento

    (A) dos titulares do poder familiar ser colhido pela autoridade judiciria competente em audincia, presente o Ministrio Pblico, garantida a livre manifestao de vontade e esgotados os esforos para manuteno da criana ou do adolescente na famlia natura ou extensa.

    (B) somente ter valor se for dado aps o nascimento da criana.

    (C) dos titulares do poder familiar ser precedido de orientaes e esclarecimentos prestados pela equipe interprofissional da Justia da Infncia e da Juventude, em especial, no caso de adoo, sobre a irrevogabilidade da medida.

    (D) retratvel at a data da publicao da sentena constitutiva da adoo.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 7

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 17

    De acordo com a Lei n. 11.494/2007, que regulamenta o Fundo de Manuteno e Desenvolvimento da Educao Bsica e de Valorizao dos Profissionais da Educao (Fundeb), julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Os Fundos destinam-se manuteno e ao desenvolvimento da educao bsica pblica e valorizao dos trabalhadores em educao, incluindo sua condigna remunerao, observado o disposto nesta lei.

    II A distribuio de recursos que compem os Fundos, no mbito de cada estado e do Distrito Federal, dar-se-, entre o governo estadual e seus municpios, na proporo do nmero de alunos matriculados nas respectivas redes de educao bsica pblica presencial, na forma do anexo desta lei.

    III Os recursos disponibilizados aos Fundos pela Unio, pelos estados e pelo Distrito Federal devero ser registrados de forma detalhada a fim de evidnciar as respectivas transferncias.

    IV O valor anual mnimo por aluno definido nacionalmente constitui-se em valor de referncia relativo aos anos iniciais do ensino fundamental urbano e ser determinado contabilmente em funo da complementao da Unio.

    A sequncia correta :

    (A) V, F, V, V.(B) V, V, V, V.(C) F, V, F, V.(D) V, V, V, F.

    QUESTO 18

    Vrias leis e documentos no Brasil estabelecem direitos de pessoas com deficincia. Acerca desse assunto, relacione a primeira coluna, que traz a legislao, segunda, que apresenta o que previsto na Constituio Federal, no Estatuto da Criana e do Adolescente e na Lei de Diretrizes e Bases da Educao, e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Constituio da Repblica Federativa do Brasil de 1988

    II Estatuto da Criana e do Adolescente Lei n. 8.069/1990

    III Lei de Diretrizes e Bases da Educao Lei n. 9.394/96

    ( ) Prev que o atendimento educacional ser feito em classes, escolas ou servios especializados, sempre que, em funo das condies especficas dos alunos, no for possvel a sua integrao nas classes comuns de ensino regular.

    ( ) Prev o pleno desenvolvimento dos cidados, sem preconceito de origem, raa, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminao; garante o direito escola para todos; e coloca como princpio para a Educao o acesso aos nveis mais elevados do ensino, da pesquisa e da criao artstica, segundo a capacidade de cada um.

    ( ) Garante o direito igualdade de condies para o acesso e a permanncia na escola, sendo o Ensino Fundamental obrigatrio e gratuito (tambm aos que no tiveram acesso na idade prpria); o respeito dos educadores; e atendimento educacional especializado, preferencialmente na rede regular.

    A sequncia correta :

    (A) I, II, III.(B) II, III, I.(C) III, II, I.(D) III, I, II.

    QUESTO 19

    O art. 206 da Constituio Federal de 1988 discorre sobre os princpios do ensino. De acordo com seu pargrafo nico, que foi includo pela Emenda Constitucional n. 53/2006, assinale a opo correta.

    (A) Leis complementares fixaro normas para a cooperao entre a Unio e os estados, o Distrito Federal e os municpios, tendo em vista o equilbrio do desenvolvimento e do bem-estar em mbito nacional.

    (B) A lei dispor sobre as categorias de trabalhadores considerados profissionais da educao bsica e sobre a fixao de prazo para a elaborao ou adequao de seus planos de carreira, no mbito da Unio, dos estados, do Distrito Federal e dos municpios.

    (C) Os cursos de educao profissional tcnica de nvel mdio, nas formas articulada, concomitante e subsequente, quando estruturados e organizados em etapas com terminalidade, possibilitaro a obteno de certificados de qualificao para o trabalho aps a concluso, com aproveitamento de cada etapa que caracterize uma qualificao para o trabalho.

    (D) No Distrito Federal, as instituies de educao infantil criadas e mantidas pela iniciativa privada integram seu sistema de ensino.

    QUESTO 20

    A Lei n. 11.645/2008, em seu art. 26-A, estabelece que

    (A) Considera-se criana, para os efeitos desta Lei, a pessoa at doze anos de idade incompletos, e adolescente aquela entre doze e dezoito anos de idade.

    (B) institudo, no mbito de cada Estado e do Distrito Federal, um Fundo de Manuteno e Desenvolvimento da Educao Bsica e de Valorizao dos Profissionais da Educao (Fundeb), de natureza contbil, nos termos do art. 60 do Ato das Disposies Constitucionais Transitrias (ADCT).

    (C) Nos estabelecimentos de ensino fundamental e mdio, pblicos e privados, torna-se obrigatrio o estudo da histria e cultura afro-brasileira e indgena.

    (D) A Unio, em articulao com os Estados, o Distrito Federal, os municpios e a sociedade civil, proceder a avaliaes peridicas da implementao do Plano Nacional de Educao.

    QUESTO 21

    O art. 212 da Constituio Federal de 1988 traz o seguinte: A Unio aplicar, anualmente, nunca menos de dezoito, e os estados, o Distrito Federal e os municpios vinte e cinto porcento, no mnimo, da receita resultante dos impostos, compreendida a proveniente de transferncias, na manuteno e desenvolvimento do ensino.

    De acordo com o 6 do art. 212 da Constituio Federal de 1988, includo pela Emenda Constitucional n. 53/2006, correto afirmar que

    (A) as cotas estaduais e municipais da arrecadao da contribuio social do salrio-educao sero distribudas proporcionalmente ao nmero de alunos matriculados na educao bsica nas respectivas redes pblicas de ensino.

    (B) a educao bsica pblica ter como fonte adicional de financiamento a contribuio social do salrio-educao, recolhida pelas empresas, na forma da lei.

    (C) a distribuio dos recursos pblicos assegurar prioridade ao atendimento das necessidades do ensino obrigatrio, nos termos do plano nacional de educao.

    (D) as atividades universitrias de pesquisa e extenso podero receber apoio financeiro do poder pblico.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 8

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 22

    A Lei n. 9.394/96, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educao Nacional (LDB), determina, no art. 9, que cabe Unio, a elaborao do Plano Nacional de Educao (PNE), em colaborao com os estados, o Distrito Federal e os municpios, e institui a Dcada da Educao; e no art. 87, que a Unio encaminhe o Plano Nacional de Educao (PNE) ao Congresso Nacional, um ano aps a publicao da citada lei, com diretrizes e metas para os dez anos posteriores, em sintonia com a Declarao Mundial sobre Educao para Todos.

    correto afirmar que os objetivos e prioridades do Plano Nacional de Educao NO preveem

    (A) a elevao global do nvel de escolaridade da populao e a melhoria da qualidade do ensino em todos os nveis.

    (B) a democratizao da gesto do ensino pblico, nos estabelecimentos oficiais, obedecendo aos princpios da participao dos profissionais da educao na elaborao do projeto pedaggico da escola e a participao das comunidades escolar e local em conselhos escolares ou equivalentes.

    (C) o estabelecimento em todos os municpios, no prazo de trs anos, sempre que possvel em articulao com as instituies de ensino superior que tenham experincia na rea, de um sistema de acompanhamento, controle e superviso da educao infantil, nos estabelecimentos pblicos e privados, visando ao apoio tcnico-pedaggico para a melhoria da qualidade e garantia do cumprimento dos padres mnimos estabelecidos pelas diretrizes nacionais e estaduais.

    (D) a reduo das desigualdades sociais e regionais no tocante ao acesso e permanncia, com sucesso, na educao pblica.

    QUESTO 23

    A Lei de Diretrizes e Bases da Educao (LDB) Lei 9.394/96 em seu art. 3, discorre sobre os princpios do ensino. De acordo com o art. 3, NO considerado Princpio da Educao

    (A) a igualdade de condies para o acesso e a permanncia na escola.

    (B) a garantia de padro de qualidade e a valorizao da experincia extraescolar.

    (C) o zelo pela aprendizagem dos alunos.(D) o respeito liberdade e apreo tolerncia; pluralismo

    de ideias e de concepes pedaggicas.

    QUESTO 24

    Acerca da Educao Especial, a Lei de Diretrizes e Bases da Educao n. 9.394/96, no 2 do art. 58, preceitua que o atendimento educacional ser feito em classes, escolas ou servios especializados, sempre que, em funo das condies especficas dos alunos, no for possvel a sua integrao nas classes comuns de ensino regular.

    De acordo com o texto, correto afirmar que

    (A) torna-se obrigatria a incluso de pessoas com deficincia nas escolas regulares de classes comuns, mesmo sem ter o atendimento especializado.

    (B) o atendimento especializado pode ocorrer em classes ou em escolas especiais, quando no for possvel oferec-lo na escola regular.

    (C) o acesso ao ensino um direito humano, porm, as pessoas com deficincia devem estudar unicamente em escolas ou classes especiais.

    (D) as pessoas com deficincia s podero estudar em escolas ou classes comuns.

    QUESTO 25

    De acordo com o art. 4 da Lei de Diretrizes e Bases da Educao n. 9.394/96, Ttulo III Do Direito Educao e do Dever de Educar, o dever do Estado com a educao escolar pblica ser efetivado mediante a garantia de entender.

    Com relao a esse assunto, assinale a opo que apresenta os deveres do Estado.

    (A) Promover o ensino fundamental, obrigatrio e gratuito, inclusive para os que a ele no tiveram acesso na idade prpria; universalizao do ensino mdio gratuito; atendimento gratuito em creches e pr-escolas s crianas de zero a seis anos de idade; oferta de ensino noturno regular adequado s condies do educando.

    (B) Elaborar e executar polticas e planos educacionais, em consonncia com as diretrizes e planos nacionais de educao, integrando e coordenando as suas aes e as dos seus municpios; autorizar, reconhecer, credenciar, supervisionar e avaliar, respectivamente, os cursos das instituies de educao superior e os estabelecimentos do seu sistema de ensino; baixar normas complementares para o seu sistema de ensino.

    (C) Organizar, manter e desenvolver os rgos e instituies oficiais dos seus sistemas de ensino; definir, com os municpios, formas de colaborao na oferta do ensino fundamental, as quais devem assegurar a distribuio proporcional das responsabilidades, de acordo com a populao a ser atendida e os recursos financeiros disponveis em cada uma dessas esferas do Poder Pblico.

    (D) Assegurar o ensino fundamental e oferecer, com prioridade, o ensino mdio a todos que o demandarem, respeitado o disposto no art. 38 desta lei; assumir o transporte escolar dos alunos da rede estadual.

    QUESTO 26

    A barra de ferramentas do Windows Explorer do Windows XP possui vrios botes. Acerca desses botes, relacione a primeira coluna, que apresenta imagens dos botes, segunda, que traz suas respectivas descries, e, em seguida, assinale a opo correta.

    I

    II

    III

    IV

    V

    ( ) Boto utilizado para mapear unidade de rede.( ) Boto utilizado para alterar os modos de exibio da

    lista de arquivos, podendo exibir os arquivos com seus detalhes, em listas ou miniaturas.

    ( ) Boto que exibe as propriedades dos arquivos ou pastas selecionados.

    ( ) Boto utilizado para alternar entre a exibio do Painel de Tarefas Comuns e das Pastas no Windows Explorer.

    ( ) Boto que pode ser usado para mover arquivos ou pastas selecionadas para outra pasta.

    A sequncia correta :

    (A) I, IV, II, III, V.(B) IV, V, III, II, I.(C) III, II, V, I, IV.(D) V, III, I, II, IV.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 9

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 27

    Existem diferentes formas de se apagar um arquivo no Windows XP. Ainda que todas elas produzam o efeito de apagar o arquivo, podem existir pequenas diferenas entre elas.

    A respeito dos diferentes meios de se apagar um arquivo no Windows XP, configurado em Portugus, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Ao se clicar em um arquivo e teclar Shift + Del e, ento, clicar no boto Sim, o arquivo apagado sem ir para a Lixeira.

    (B) Pode-se apagar um arquivo ao se clicar com o boto direito, escolher a opo Excluir e, ento, clicar no boto Sim.

    (C) Ao se apagar um arquivo que est em uma unidade mapeada de rede, ele vai diretamente para a Lixeira.

    (D) Ao se restaurar um arquivo da Lixeira, ele retornar para a localizao anterior a sua deleo.

    QUESTO 28

    Tabulaes so muito utilizadas para dar uma formatao clara a um documento. Elas organizam o texto de forma que fique alinhado com um determinado ponto. No Microsoft Word 2007, configurado em Portugus, possvel utilizar tabulaes de diferentes tipos.

    Acerca dos tipos de tabulao do Microsoft Word 2007, assinale a opo INCORRETA.

    (A) A tabulao Centralizada define a posio do centro do texto, ou seja, conforme o usurio digita, o texto fica centralizado na posio marcada.

    (B) A tabulao Direita marca a posio do texto, que, conforme o usurio digita, deslocado para a direita.

    (C) A tabulao Decimal define a posio do ponto decimal do nmero digitado, ou seja, conforme o usurio digita um nmero, o seu ponto decimal permanece alinhado na posio marcada.

    (D) A tabulao do tipo Barra no produz efeito no texto.

    QUESTO 29

    Considere a planilha elaborada no Microsoft Excel 2007, apresentada abaixo.

    Dados histricos indicam que a expectativa de atendimento no ms de dezembro a soma entre o maior volume do ano com 50% da mdia.

    Assinale a opo que apresenta a frmula que deve ser utilizada na clula B13 para calcular a expectativa de movimento no ms de dezembro de 2010.

    (A) =MXIMO(B2:B12)+MDIA(B2:B12)/2(B) =(MAIOR(B2:B12;2)+MDIA(B2:B12))/2(C) =MAIOR(B2:B12;1)+MOD(MDIA(B2:B12); 2)(D) =MXIMO(B2:B12)-(MDIA(B2:B12)/50%)

    QUESTO 30

    Considere a planilha abaixo, elaborada no Microsoft

    Excel 2007.

    Assinale a opo que apresenta o grfico criado a partir

    da planilha apresentada.

    (A)

    (B)

    (C)

    (D)

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 10

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    CONHECIMENTOS ESPECFICOS

    QUESTO 31

    A palavra geopoltica no uma simples contrao de geografia poltica, como pensam alguns, mas, sim, algo que diz respeito s disputas de Poder no espao mundial e que, como a noo de Poder j o diz poder implica dominao, via Estado, ou no, em relaes de assimetria, enfim, que podem ser culturais, sexuais, econmicas, repressivas e/ou militares, etc.), no exclusivo da Geografia.

    Jos W. Vesentini. Geografia Geral

    A nova ordem mundial oferece uma reflexo acerca da disputa por novos espaos, criados e abandonados pela bipolarizao no perodo da guerra fria. Acerca desse assunto, assinale a opo correta.

    (A) No perodo da Guerra Fria, pases como Mxico, Brasil e China apresentavam-se como emergentes, assim como os chamados Tigres Asiticos.

    (B) Com o fim da bipolarizao, surgem novos dominantes, como Japo, China e Unio Europeia, que, juntamente com os Estados Unidos da Amrica, formam o bloco multipolar, cujo interesse mtuo pela globalizao os deixa como os principais mercados econmicos do mundo, no havendo espao para novas frentes capitalistas, como o Brasil e a ndia.

    (C) Atualmente, pode ser comparado aos Tigres Asiticos o novo bloco econmico constitudo de Brasil, Rssia, ndia e China, conhecidos como BRICs.

    (D) Ao final dos anos 80, a ex-Unio Sovitica entrou em crise ideolgica e econmica, sofrendo mudanas radicais. Teve o nome alterado para Rssia e aderiu ao capitalismo, mas no abriu mo dos armamentos blicos adquiridos no perodo da guerra fria.

    QUESTO 32

    O conceito Domnio Morfoclimtico foi criado pelo gegrafo Aziz AbSber para identificar os domnios paisagsticos brasileiros.

    Com base nesse assunto, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    ( ) O Domnio Amaznico corresponde a uma superfcie que engloba tanto a plancie do rio Amazonas como as depresses e os baixos planaltos sobre os quais ela est encaixada. Com tanta variedade, esse domnio uma das principais reservas de biodiversidade do mundo.

    ( ) O pantanal mato-grossense ocupa cerca de 110 mil quilmetros quadrados e corresponde poro brasileira do chaco sul-americano, com uma vegetao extremamente heterognea. No entanto, o pantanal no considerado um domnio morfoclimtico e, sim, uma faixa de transio.

    ( ) O domnio do cerrado abrange mais de um quinto da rea do Brasil e tem como ncleo os planaltos e os chapades. Contudo, manchas isoladas de cerrados ocorrem nos domnios amaznicos e nos mares de morros.

    ( ) Com vegetao peculiar dos tipos lenhosas e herbceas de pequeno porte, geralmente dotadas de espinhos, o domnio das pradarias abrange cerca de 11% do territrio nacional, onde, devido ao dficit hdrico, predominam rios intermitentes que permanecem secos por cerca de cinco a sete meses durante o ano.

    A sequncia correta :

    (A) V, F, V, F.(B) F, V, F, F.(C) V, F, F, V.(D) V, V, V, F.

    QUESTO 33

    Em 1798, Thomas Malthus publicou seu Ensaio sobre a populao, no qual desenvolveu uma teoria demogrfica. Acerca dessa teoria, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A prtica da castidade e a sujeio moral de retardar o casamento seriam para Malthus uma das solues para diminuir a fome no mundo causada pela superpopulao.

    II A fome, para esse autor, seria uma realidade a menos se houvesse um controle eficaz da populao.

    III Malthus afirma que o crescimento ficar sem controle at que surjam predadores, como, por exemplo, parasitas, e, caso isso no acontea, o descontrole continuar at que acabe o alimento disponvel no ambiente.

    Esto certos os itens

    (A) I e III, apenas.(B) I e II, apenas.(C) I, II e III.(D) II e III, apenas.

    QUESTO 34

    Desde os anos 80, o lder seringueiro acreano Chico Mendes, assassinado em 1988, fazia seguidas denncias sobre a atuao de fazendeiros e especuladores na regio. Segundo Chico Mendes, eles eram a ponta de lana do grande capital, que vinham em busca de madeira, minrios e produtos medicinais. A partir dessas denncias, surgiu a ideia de se criarem as chamadas reservas extrativistas.

    Acerca de tais reservas, assinale a opo INCORRETA.

    (A) As chamadas reservas extrativistas visam alcanar o que se chama hoje de desenvolvimento sustentvel.

    (B) As reservas extrativistas no Brasil so conhecidas hoje como reas silvcolas, nas quais o plantio de rvores, como eucaliptos e pinheiros, garante a sustentabilidade das florestas.

    (C) As reservas garantem a explorao dos recursos florestais para as populaes locais, que conhecem e respeitam o ritmo de regenerao das plantas.

    (D) O desenvolvimento sustentvel abrange os aspectos econmicos, social e de ambiente.

    QUESTO 35

    A Geografia a cincia responsvel pelo estudo da organizao social cujo planeta o palco das realizaes humanas. Sendo assim, a um docente faz-se necessria a compreenso das dimenses do espao. Dentro desse contexto, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Para a representao de diferentes regies poltico-administrativas recorre-se ao mapa fsico.

    (B) Para a representao de fenmenos populacionais, como a diferena das taxas de natalidade e mortalidade, utiliza-se o mapa demogrfico.

    (C) Denomina-se Escala a relao entre o espao representado no mapa e o espao real.

    (D) Em um mapa de escala 1:150.000, 5 centmetros no mapa representa uma distncia real de 7 quilmetros e 5 hectmetros.

    RASCUNHO

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 11

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 36

    No que se refere dos aspectos fsicos do Japo, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A pennsula do Japo composta de quatro ilhas principais Hokkaido, Honshu, Shikoku e Kyuushu , alm de milhares de pequenas ilhas.

    II O relevo japons constitudo de dobramentos modernos e, pelo menos, 75% do territrio montanhoso.

    III Devido sua formao vulcnica, o Japo sofre com a escassez de minrios em seu territrio, tendo que recorrer importao, tornando-se dependente de outros pases.

    Esto certos os itens

    (A) I, II e III.(B) I e III, apenas.(C) II e III, apenas.(D) I e II, apenas.

    QUESTO 37

    Acerca da economia japonesa, correto afirmar que

    (A) seu grande avano se deu com a sada do Imperador Mitsushito, para dar incio ao domnio dos Samurais, na chamada Era Meiji.

    (B) ao final da Segunda Guerra Mundial, o pas estava falido, vindo a receber apoio financeiro da China e da ex-Unio Sovitica.

    (C) a intensa concentrao industrial desempenhou um papel crucial na reconstruo do ps-guerra, principalmente nas proximidades de Tquio, Osaka, Kobe, Nagoya e Kyoto.

    (D) o crescimento econmico do Japo foi objeto de esforo dos Estados Unidos, com planos econmicos de bilhes de dlares oferecidos a esse pas asitico.

    QUESTO 38

    A Muralha da China Grande Muralha da China ou simplesmente Grande Muralha uma impressionante estrutura de arquitetura militar construda durante a China Imperial. Embora seja comum a ideia de que se trata de uma nica estrutura, na realidade consiste de diversas muralhas, construdas por vrias dinastias ao longo de, aproximadamente, dois milnios. Se, no passado, a sua funo foi essencialmente defensiva, no presente constitui um smbolo da China e uma procurada atrao turstica.

    Marcos Amorim Coelho. Geografia Geral.

    A respeito da China, assinale a opo correta.

    (A) A acelerada expanso econmica das derradeiras dcadas resultado do modelo de planificao central e do processo de estatizao dos meios de produo.

    (B) As diversas reformas econmicas, iniciadas na dcada de 70, combinaram com a abertura de investimentos estrangeiros.

    (C) O grande crescimento econmico gerou reduo das disparidades de renda entre as cidades e o campo.

    (D) O enclave Hong Kong e a provncia insurgente de Taiwan foram decisivos na abertura da economia chinesa, estimulando os fluxos comerciais e investimentos com o exterior.

    QUESTO 39

    A respeito do continente africano, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Somente aps 1945, a descolonizao europeia tornou-se possvel devido exausto nas quais as antigas potncias coloniais se encontravam.

    (B) Angola, Cabo Verde, Guin-Bissau, Moambique, So Tom e Prncipe so pases cuja lngua oficial a Lngua Portuguesa.

    (C) Descoberta por navegadores portugueses no sc. XV, a Repblica da frica do Sul foi colonizada pelo Reino Unido.

    (D) No h registro de influncia muulmana na frica, devido a retaliaes de potncias europeias a territrios coloniais, nos quais a religiosidade dos seus povos foi desrespeitada, havendo a imposio do cristianismo.

    QUESTO 40

    Acerca de suas caractersticas fsicas, o continente africano

    (A) ao norte, banhado pelo Oceano Atlntico na costa ocidental e, pelo Oceano Pacfico, na costa oriental.

    (B) o maior continente do mundo.(C) cortado pelos trpicos de Cncer e de Capricrnio.(D) no apresenta cadeias de montanhas por estar

    localizado em uma nica placa tectnica.

    QUESTO 41

    A sociedade civil segue desenvolvendo importante papel na luta contra o racismo. Mediante propostas e dispositivos legais, as Leis n.os 10.639/2003 e 11.645/2008 vm por meio das aes afirmativas fundamentar e desconstruir o racismo no Brasil.

    Conforme as leis citadas, assinale a opo correta.

    (A) O trabalho, com a implantao da Lei n. 11.645/08, excede o espao escolar, pois estudar sociedades historicamente excludas requer um olhar crtico no somente para os livros didticos, mas tambm para os valores religiosos, as relaes sociais dentro e fora da escola e, principalmente, como estar diante dessa sociedade excludente.

    (B) A escola um espao privilegiado, pois nela que a sociedade se forma e se informa de conhecimentos universais. Por isso que a irresponsabilidade da escola para com a definio ou a redefinio da ancestralidade da comunidade em sua volta deve nortear as suas aes.

    (C) A identificao da origem dos diferentes grupos tnicos que compem a matriz tnica brasileira j vem sendo alvo das orientaes curriculares desde a Lei n. 8.112/1972, que trata das diretrizes e bases da educao, na qual assuntos relacionados ao negro e ao indgena devem ser criticamente discutidos no que diz respeito democracia, compreendendo a diferena entre etnia e raa.

    (D) A Lei n. 11.645/08 atribui famlia, no escola, o dever de combater o racismo.

    QUESTO 42

    A superfcie da Terra, de 510 milhes de km2, est constituda de terras emersas, oceanos e mares. O ponto mais elevado do planeta tem mais de 8.800m acima do nvel mdio dos oceanos e a fossa mais profunda tem 11.516m.

    O ponto mais elevado e a fossa mais profunda, acima mencionados, so identificados, respectivamente, como

    (A) Cordilheira dos Andes e Falha de San Andreas.(B) Cordilheira das Rochosas e Fossa das Filipinas.(C) Cordilheira dos Andes e Fossa da Califrnia.(D) Monte Everest, na Cordilheira do Himalaia, e Fossa das

    Filipinas.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 12

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 43

    Observe os mapas abaixo.

    12 974.6996 709.8911 157.268

    29.489

    36 969.47617 866.4023 439.344

    324.152

    36 969.476

    10 000.000

    1 000.000

    12 974.69910 000.000

    1 000.000

    Nmero habitantes

    Nmero habitantes

    habitantes

    habitantes

    2000

    1960

    BRASIL: NMERO DE HABITANTES POR ESTADO, 1960 E 2000

    IBGE, SIDRA. Malha Digital 2007, internet: www.ibge.gov.br. Acesso Maio 2010. Realizado com Philcarto (http://perso.club-internet.fr/philgeo) e Scape Toad (http://scapetoad.choros.ch/download.php). A. C. Panizza, 2010 Geocarto.org.

    Com relao s caractersticas econmicas das regies do Brasil, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A regio geoeconmica Centro-Sul responsvel pelo maior movimento migratrio no perodo de 1960 a 2000, sendo o Estado de So Paulo responsvel pela maior parte desse movimento, devido sua privilegiada colocao no ndice de Desenvolvimento Humano (IDH), medido na dcada de 70 e 80, perodo em que So Paulo continuava despontando no ranking nacional.

    II Observa-se na regio Centro-Oeste, mais especificamente no Distrito Federal, um forte crescimento populacional, ocasionado pela oferta de trabalho, principalmente no ramo da construo civil.

    III Na regio Sudeste, pode-se afirmar que os Estados de Minas Gerais, Esprito Santo e Rio de Janeiro apresentaram-se como estveis no movimento populacional.

    Esto certos os itens

    (A) II e III, apenas.(B) I, apenas.(C) I, II e III.(D) I e II, apenas.

    QUESTO 44

    Palestinos protestaram nesta sexta-feira (30/3/2007)... A manifestao marca o Dia da Terra, que lembra a morte de 6 rabes em 1976.

    Internet: www.g1.com.br/mundo/notcias

    Acerca do protesto palestino, assinale a opo correta.

    (A) Eles protestavam contra a expropriao de terra pelos israelenses quando foram mortos.

    (B) O protesto se dava pela ocupao do Iraque pelos EUA.

    (C) Os palestinos protestavam pela maneira como o premi de Israel se referia ao primeiro-ministro palestino.

    (D) O protesto palestino vem de encontro ao que os israelenses chamam de Jihad, que , na verdade, a opo palestina ao direito Guerra Santa e Israel questiona como inconstitucional em seu pas.

    QUESTO 45

    A visita do Presidente de Israel, Shimom Perez, ao Brasil revelou

    (A) uma preocupao com o apoio de alguns pases ao Ir.

    (B) a tentativa de incluso de Israel ao mercado BRICs como portal de acesso do Oriente Mdio s economias emergentes ocidentais.

    (C) que o Brasil apoia, declaradamente, a questo judaica na Palestina e abre assim o mercado latino americano via Mercosul aos interesses de Perez.

    (D) que o Brasil vai compor a Assembleia Geral da ONU, para decidir sobre a questo rabe-judia, com a desocupao da Faixa de Gaza, sendo, portanto, interesse de Perez que o Brasil vote a seu favor.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 13

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 46

    Observe as imagens abaixo.

    Chuvas orogrficas

    Fonte: Adaptado de Manual de meteorologia para aeronavegantes, Ministrop da Aeronutica, 1969

    Chuvas convectivas

    Com relao aos tipos de chuva, assinale a opo correta.

    (A) As chuvas convectivas geralmente so intensas, acompanhadas de ventos e raios; ocorrem pela ascenso do ar aquecido pelo sol. Ao subir, o vapor dgua contido no ar d origem s nuvens em formato de cogumelo, que podem ter dezenas de quilmetros de dimetro e de altura.

    (B) As chuvas frontais, tambm chamadas de precipitao nival ou, ainda, ciclnicas, geralmente so longas e podem durar dias, apresentando intermitncia com pancadas mais fortes e at algumas pausas.

    (C) As chuvas orogrficas so formadas quando nuvens do tipo Cirros descem at se depararem com o relevo, quase sempre montanhoso, ocasionando chuvas torrenciais.

    (D) As chuvas de conveco ocorrem apenas no hemisfrio sul, em especial no Brasil, onde so intensas e acompanhadas de raios e ventos.

    QUESTO 47

    Ao tentar conhecer a origem do mundo e do ser humano, filsofos gregos propuseram um enunciado simples: A gua como essncia, literalmente, a fonte de todas as coisas. Sendo essa afirmao algo plausvel, e tomadas as devidas referncias histricas, tal ideia pode metaforizar o papel simples, vital e cultural do elemento qumico capaz de fazer brotar e florescer civilizaes, ditar limites geogrficos e protagonizar conflitos.

    Internet: http://www.webartigos.com

    De acordo com os recursos hdricos no Brasil, assinale a opo correta.

    (A) O Pas conta com a maior bacia hidrogrfica do planeta a Amaznica , que tem como principal abastecedor o rio Amazonas e que nasce em terras tupiniquins.

    (B) A bacia Tocantins-Araguaia tem como principal formador o rio Tocantins, que nasce no Estado de Gois, no Planalto Central.

    (C) A bacia do rio So Francisco localiza-se, em grande parte, em territrio do Nordeste, entre os Estados da Bahia, Sergipe e Alagoas. Porm, o trecho inicial da bacia est localizado no sul do Estado de Gois.

    (D) A bacia do rio Paraguai tem sua nascente no Paraguai e, em terras brasileiras, estende-se at a regio do pantanal mato-grossense.

    QUESTO 48

    O processo de degradao ambiental no Brasil ocorre desde o perodo colonial com a substituio do espao natural pelo espao geogrfico. Como consequncia desse impacto ambiental, ocorre

    (A) o fenmeno fsico conhecido como ilha de calor.(B) a diminuio de animais nas florestas e o proporcional

    aumento da populao de animais silvestres nas cidades em busca de alimentos.

    (C) a diminuio do fluxo de gua nos canais durante as chuvas.

    (D) a formao do fenmeno La nia que se origina na regio central do Brasil, causando aquecimento nas demais regies do Pas.

    QUESTO 49

    As sementes transgnicas so um controvertido produto da agroindstria. Em geral, essas sementes pertencem a empresas transnacionais. Tais sementes foram desenvolvidas sob o pretexto de garantir ganhos de produtividade.

    Acerca desse assunto, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    I As sementes acarretam monoplio do setor, uma vez que, por serem estreis, obrigam o agricultor a compr-las a cada novo plantio, mantendo-o em dependncia crnica.

    II Como as sementes contm um gene resistente a agrotxicos, a tendncia usar grandes quantidades desses venenos na plantao, o que pode ser malfico ao meio ambiente.

    III Est previsto para at o ano 2015 um incremento de 225% da rea ocupada pela soja no Brasil. Essa expanso agrcola dever ocorrer no norte do Estado de Mato Grosso e nas bordas das reas florestadas da Amaznia.

    IV Apesar dos prejuzos que podem advir do uso dos transgnicos, o Brasil no pressionado pelas empresas produtoras a liberar seu uso comercial.

    A sequncia correta :

    (A) V, F, V, V.(B) V, V, F, F.(C) F, V, V, V.(D) V, V, V, F.

    QUESTO 50

    O fenmeno de unificao fsica e/ou funcional entre duas ou mais cidades contguas ocorre devido ao grande crescimento demogrfico.

    A definio acima relacionada a

    (A) commodities.(B) crescimento vegetativo. (C) domnios subnormais.(D) conurbao.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 14

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    Leia o texto abaixo e responda s questes de 51 a 54.

    O aquecimento global um fenmeno climtico de larga extenso um aumento da temperatura mdia superficial global que vem acontecendo nos ltimos 150 anos. Entretanto, o significado deste aumento de temperatura ainda objeto de muitos debates entre os cientistas. Causas naturais ou antropognicas (provocadas pelo homem) tm sido propostas para explicar o fenmeno.

    QUESTO 51

    Sobre o Protocolo de Kyoto, assinale a opo correta.

    (A) Esse Protocolo tem como objetivo estabelecer metas de reduo na emisso de gases-estufa na atmosfera, principalmente por parte dos pases em desenvolvimento.

    (B) As metas de reduo de gases no so homogneas a todos os pases, colocando nveis diferenciados de reduo, para os que mais emitem gases, como, EUA, China, Unio Europeia, Brasil e ndia.

    (C) Diante das metas estabelecidas, o maior emissor de gases do mundo se desligou do Protocolo, alegando que a reduo iria comprometer o desenvolvimento econmico do pas.

    (D) Na reunio de Kyoto, 84 pases se dispuseram a aderir ao Protocolo, que estabelecia metas de reduo, exceto EUA, Canad e Mxico.

    QUESTO 52

    O oznio existe tanto na troposfera quanto na estratosfera. um gs azul claro que funciona como filtro para os raios ultravioletas do sol. O gs clorofluorcarboneto (CFC) o grande responsvel pela destruio do oznio.

    Acerca desse assunto, assinale a opo INCORRETA.

    (A) A utilizao do gs CFC no causa problemas superfcie terrestre, pois ele no txico.

    (B) A diminuio da camada de oznio acarretar doenas de pele, doenas nos olhos e enfraquecimento das defesas imunolgicas, alm de alterao na reproduo das plantas.

    (C) O aquecimento global pode ser explicado pela emisso de gases poluentes na atmosfera, como o CO2 e o CFC, que podem ocasionar desastres ambientais dos mais variados, como furaces, ciclones, tectonismos, degelo dos plos entre outros.

    (D) A camada de oznio ameaada tambm pelos efeitos da utilizao, na agricultura, do brometo de metila, um inseticida que protege plantaes de tomate e morango.

    QUESTO 53

    A Agenda 21 foi um dos principais resultados da Conferncia Eco-92 ou Rio-92, realizada no Rio de Janeiro, em 1992, e esteve relacionada aos problemas socioambientais. Cada pas desenvolve a sua Agenda 21 e, no Brasil, as discusses so coordenadas pela Comisso de Polticas de Desenvolvimento Sustentvel (CPDS) e pela Agenda 21 Nacional.

    Sobre a Agenda 21 brasileira, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Atua de baixo para cima e pretende criar interaes entre grupos que participam da vida pblica, colocando desta vez objetos maiores (globais).

    (B) Incentiva uma cincia cidad ativa e propositiva, que visa a um modelo de desenvolvimento mundial.

    (C) A agenda prope resgatar a capacidade de planejamento de cada pas, no que tange auto-organizao.

    (D) Promove aes de planejamento regional, especialmente em bacias hidrogrficas, de acordo com as quais a gua deixa de ser um bem pblico para ser um bem individual.

    QUESTO 54

    Acerca do efeito estufa, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Os clorofluorcarbonos (CFCs) produzidos pela indstria qumica so poderosos gases com efeito estufa. Eles tambm reagem com o oznio troposfrico, destruindo, dessa forma, a camada de oznio.

    II Alguns gases da atmosfera, principalmente o dixido de carbono (CO2), funcionam como uma capa protetora que impede que o calor absorvido da irradiao solar escape para o espao exterior, mantendo uma situao de equilbrio trmico sobre o planeta, tanto durante o dia como durante a noite. Sem o carbono na atmosfera, a superfcie da Terra seria coberta de gelo.

    III O efeito estufa na Terra garantido pela presena do dixido de carbono, vapor de gua e outros gases raros. Esses gases so chamados raros porque constituem uma parcela muito pequena na composio atmosfrica, formada, em sua maior parte, por nitrognio (75%) e oxignio (23%).

    Esto certos os itens

    (A) I e II, apenas. (B) I e III, apenas. (C) II e III, apenas.(D) I, II e III.

    QUESTO 55

    As indstrias que geralmente dependem mais de matrias-primas so as de base, sobretudo as de beneficiamento e transformao, cujas instalaes mais comuns esto nas proximidades das prprias provncias mineralgicas.

    No que se refere s proximidades e ao Quadriltero Ferrfero, assinale a opo correta.

    (A) Constitui a rea delimitada pela estrada de ferro administrada pela Rede Frrea Federal (RFFSA), que cobre os municpios mineiros de Belo Horizonte, Santa Brbara, Mariana e Congonhas.

    (B) Representa a rea de escoamento de minrios por estradas de ferro que ligam os Estados de Minas Gerais, So Paulo, Mato Grosso e Gois.

    (C) a regio de estrutura geolgica formada por rochas do perodo pr-cambriano (Era Proterozica), que concentra vastas reservas de minrio de ferro e mangans, localizada entre os municpios mineiros de Belo Horizonte, Santa Brbara, Mariana e Congonhas.

    (D) Representa a rea de escoamento de matrias-primas do Mercosul (Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina) que est sendo construda em parceria entre pases.

    QUESTO 56

    A reciclagem de resduos slidos urbanos apresenta grandes vantagens. Com relao a esse assunto, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Uma das vantagens da reciclagem a reduo dos custos de alguns produtos e do consumo de matrias-primas.

    II Com a reciclagem, so gerados trabalho e renda, principalmente para a populao mais desfavorecida e para os pequenos e microempresrios.

    III H reduo dos impactos ambientais sanitrios e sociais devido tanto ao lanamento indiscriminado de resduos no ambiente quanto implantao de instalaes para o seu tratamento e destinao final.

    Esto certos os itens

    (A) I e II, apenas.(B) I e III, apenas.(C) II e III, apenas.(D) I, II e III.

  • Concurso Pblico da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM 15

    CARGO 8: PROFESSOR ESPECIALIDADE: GEOGRAFIAb u a 5 g W

    QUESTO 57

    Desde o incio da dcada de 1970, registra-se forte aumento da parcela da populao rural empregada em atividades no agrcolas.

    Acerca desse assunto, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Atualmente, os empregos no agrcolas na rea rural esto em crescimento, com o surgimento de novas vagas de prestao de servios, como vigias, motoristas, caseiros, etc.

    (B) Assim como nos pases desenvolvidos, no Brasil j se observa o campo como uma extenso da cidade, uma vez que a maioria dos moradores de reas rurais est ocupada em atividades no agrcolas.

    (C) No Brasil, o processo de urbanizao do campo apresenta diferenas em relao aos pases desenvolvidos. Aqui, metade da populao rural no tem acesso a servios, como, por exemplo, saneamento bsico, escolas e atendimento mdico-hospitalar.

    (D) O movimento formado por trabalhadores rurais sem-terra tem conseguido, com o apoio do Instituto Nacional de Colonizao e Reforma Agrria (Incra), uma diminuio nos conflitos no campo e, consequentemente, na disputa das relaes de trabalho entre patres e empregados.

    QUESTO 58

    A respeito dos agentes modeladores e esculpidores do relevo terrestre, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou Falsos (F) e, em seguida, assinale a opo correta.

    I Os abalos ssmicos so gerados por violentos movimentos de massas em profundidades variveis da crosta inferior ou do manto, e resultam em rpidas reacomodaes das camadas rochosas da crosta.

    II Como agente modelador da crosta terrestre, a ao dos ventos provoca eroso, transporte e sedimentao de materiais, como as dunas dos desertos, por exemplo.

    III So exemplos de agentes esculpidores o tectonismo e o vulcanismo.

    A sequncia correta :

    (A) V, V, V.(B) V, F, V.(C) F, F, F.(D) V, F, F.

    QUESTO 59

    Sobre a crise entre os pases sul-americanos, assinale a opo INCORRETA.

    (A) Para Hugo Chaves e Juan Manoel Santos, os dois pases ganharam com a reaproximao, uma vez que, at bem pouco tempo, a Venezuela era o segundo maior parceiro comercial da Colmbia.

    (B) Lderes da Amrica Latina pressionavam Chaves para que parasse com as ameaas, normalizasse as relaes e evitasse um conflito maior envolvendo a regio.

    (C) Chaves sabe que mais barato comprar produtos alimentcios da Colmbia do que importar do Brasil e da Argentina e, alm disso, o bloqueio econmico colombiano representou para a Venezuela uma perda da ordem de 70% do volume de vendas para o mercado de hidrocarbonetos.

    (D) Aps a ameaa dos pases do Mercosul de romper com a Colmbia e a Venezuela, os presidentes dos dois pases encontraram razes fortes para uma reaproximao.

    QUESTO 60

    Ao longo da histria, a humanidade passou por transformaes mais ou menos profundas, as quais refletiram na formao do pensamento geogrfico, uma vez que, sendo a Geografia uma cincia essencialmente social, deve responder aos anseios e s novas realidades.

    Quanto evoluo do pensamento geogrfico, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opo correta.

    I A Geografia Clssica, nascida com os primeiros gegrafos modernos importantes como Ritter, Humboldt, Brun e seguida pelos fundadores da cincia geogrfica La Blache, Ratzel, Brunhes , tinha em comum o fato de todos os seus grandes nomes serem principistas, isto , procuravam princpios gerais que dessem cientificidade Geografia como ponto de partida de seus trabalhos.

    II Milton Santos trabalha com categorias geogrficas, e seu processo consiste na anlise, reflexo, sntese e crtica sobre os temas ou objetos estudados. , sobretudo, uma anlise do espao que ele realiza, tendo em mente o objeto da geografia como espao total ou totalidade social.

    III Segundo Milton Santos, a sociedade que promove suas prprias mudanas fora motriz que interage com as condies preexistentes atravs de uma variedade de processos polticos, econmicos, culturais, ideolgicos, etc.

    Esto certos os itens

    (A) I, II e III.(B) I e II, apenas.(C) I e III, apenas.(D) II e III, apenas.