O Carnaval de Itabirito conquistou de vez o coração dos foliões! O … · 2019-05-03 · O...

of 24 /24
INFORMATIVO OFICIAL DA PREFEITURA DE ITABIRITO | NúMERO 46 | JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 BOLSA ATLETA Projeto é mais uma iniciativa para ampliar o apoio aos atletas da cidade. 2 8 12 7 NOVA AMBULÂNCIA Veículo com capacidade para se tornar UTI Móvel integra frota da Saúde, amplia recursos e melhora ainda mais o serviço. O Carnaval de Itabirito conquistou de vez o coração dos foliões! O evento atraiu milhares de turistas e encantou ainda mais os moradores. Valorização local, artística e cultural, além de muito batuque, foram os pontos fortes da folia. DESPOLUIÇÃO DOS RIOS Com as obras, 12 milhões de litros de esgoto ao mês serão tratados antes de serem lançados no rio.

Embed Size (px)

Transcript of O Carnaval de Itabirito conquistou de vez o coração dos foliões! O … · 2019-05-03 · O...

  • informativo oficial da prefeitura de itabirito | número 46 | Janeiro e fevereiro de 2018

    BOLSA ATLETA projeto é mais uma iniciativa para ampliar o apoio aos atletas da cidade.

    2 8

    127

    NOVA AMBULÂNCIA Veículo com capacidade para se tornar UTI Móvel integra frota da Saúde, amplia recursos e melhora ainda mais o serviço.

    O Carnaval de Itabirito conquistou de vez o coração dos foliões! O evento atraiu milhares de turistas e encantou ainda mais os moradores. Valorização local, artística e cultural,

    além de muito batuque, foram os pontos fortes da folia.

    DESPOLUIÇÃO DOS RIOS Com as obras, 12 milhões de litros de esgoto ao mês serão tratados antes de serem lançados no rio.

  • EDITORIALItabirito já começou o ano em ritmo inten-

    so! 2018 chegou recheado de atrações para cur-

    tir o melhor do verão, como o Samba de Bote-

    co, que atraiu mais de 25 mil pessoas, e, claro,

    o Itabirito Folia. Foram mais de 60 atrações em

    seis circuitos, exclusivamente pensados para

    que o Carnaval se transformasse em uma expe-

    riência intensa, democrática, descentralizada,

    que deu voz à diversidade e aos talentos locais.

    A participação popular e a ocupação do espaço pú-

    blico só reforçaram a importância da valorização

    da arte, cultura, turismo e comércio locais. Isso ge-

    rou uma explosão de ritmos, brilho, cores e luzes,

    em um evento feito pelo povo e para o povo.

    Contamos com o trabalho intenso de toda uma

    equipe para fazer deste Carnaval inesquecível.

    Mas se engana quem pensa que a Prefeitura parou:

    obras, despoluição de rios, capacitações e pesquisa

    de demanda habitacional, entre outros assun-

    tos que você verá aqui, demonstram a aptidão

    de Itabirito para festas, mas, também, para

    muito trabalho!

    Aqui, você pode ficar por dentro de todo

    esse trabalho! Tenha uma ótima leitura!

    Alex SalvadorPrefeito de Itabirito

    Pensar em quem mais precisa e

    valorizar você, cidadão itabiriten-

    se: esse tem sido, acertadamente,

    o foco da administração munici-

    pal. Um ótimo exemplo disso foi

    o bairro Padre Adelmo, totalmente regularizado no

    ano passado. Com a escritura nas mãos, os morado-

    res têm uma vida mais tranquila. Sem custo algum!

    Também vale exaltar o programa habitacional Morada

    a partir desta edição, o na ativa abre espaço para a câmara municipal dialogar com você!

    Renê Américo

    FALA, VEREADOR!

    CÂMARA

    Viva. A entrega dos apartamentos é uma promessa já

    cumprida, beneficiando 165 famílias.

    Por falar em promessas cumpridas, o Bolsa Atleta é

    mais um destaque da gestão. O projeto foi aprovado pela

    Câmara Municipal, fazendo jus ao seu dever de colabo-

    rar para o desenvolvimento de Itabirito. Essa iniciati-

    va para ampliar o apoio aos atletas locais representará

    não apenas resultados esportivos, mas também a divul-

    gação da cidade além das nossas fronteiras. Retrato de

    uma gestão que trabalha pelo futuro, obviamente,

    Itabirito escreve uma nova página na história do

    agronegócio nacional. Foi inaugurada, no dia 20 de

    fevereiro, uma unidade da Agroceres PIC, na região

    rural da cidade. Referência em Genética Líquida no

    Brasil, a nova Unidade de Disseminação de Genes

    (UDG) Itabirito conta com alto padrão tecnológico e

    completa automação de processos e controles para

    a coleta de sêmen suíno de excelência.

    Para o prefeito Alex Salvador, a Unidade é im-

    portantíssima para a cidade, em âmbito estadual,

    nacional e até mundial. “A instalação da empresa

    em Itabirito significa maior abertura para a diver-

    sificação econômica do município, bem como um

    maior investimento em setores promissores, como

    o agronegócio. Além disso, a empresa gerará 20

    empregos diretos e 50 indiretos. Pode parecer pou-

    co, mas é preciso lembrar que a Agroceres insere o

    nome de Itabirito no mercado nacional e interna-

    cional, com tecnologia de ponta e referência nos

    serviços realizados, além gerar tributos e impostos

    que serão pagos à cidade”. Durante a implantação,

    Agroceres inaugura unidade em ItabiritoGABINETE

    informativo da prefeitura de itabiritoproduzido pela Secretaria de comunicaçãoprefeito: Alexander Silva Salvador de Oliveiravice-prefeito: Wolney Pinto de OliveiraSecretária de comunicação: Nathália LopesJornalistas responsáveis: Bruna Fontes, Marcelo Rebelo, Paulo Souza, Sabrina Carvalho e Vinicius Dias projeto gráfico: Secretaria de Comunicaçãodiagramação: André Pimenta impressão: Sempre Editora

    #equipe tiragem: 20 mil • Periodicidade: bimestralfotos: Acervo da Secretaria de Comunicação, Arthur Seabra e Sanderson Pereira

    Prefeito Alex Salvador foi convidado para descerrar a placa em solenidade de inauguração

    A Prefeitura de Itabirito conquistou uma

    nova ambulância-van Ducato, adquirida por

    meio de emenda parlamentar do deputado es-

    tadual Ricardo Faria, para atendimento das ne-

    cessidades da Saúde. A entrega aconteceu no

    dia 20 de fevereiro, em solenidade no Palácio

    Tiradentes.

    “Essa ambulância será extremamente im-

    portante para o seguimento do desenvolvi-

    mento e investimento na nossa saúde. Será

    um benefício gigantesco para Itabirito. Até

    então, não tínhamos uma ambulância com

    essa estrutura”, exaltou o vice-prefeito e se-

    cretário de Saúde de Itabirito, Wolney Pinto

    de Oliveira.

    Nova ambulância para Itabirito!

    Entrega da chave da ambulância pelas mãos do deputado estadual Ricardo Faria

    a Prefeitura de Itabirito deu todo o apoio logís-

    tico à empresa, que estabelece diálogo com a

    gestão desde 2015, por meio de reuniões e corpo

    técnico especializado na área.

    Com capacidade para alojar cerca de 500

    reprodutores suínos de alto valor genético e

    potencial para produzir cerca de um milhão de

    doses inseminantes por ano, a UDG Itabirito con-

    tou com um investimento privado de R$ 15 mi-

    lhões. O local foi escolhido devido à localização:

    a cidade oferece estratégico posicionamento em

    relação à capital mineira e principais polos no

    setor do agronegócio.

    sem se esquecer do presente.

    A população também tem motivos para comemo-

    rar quando o assunto é transporte coletivo. Temos pre-

    zado pela transparência e fiscalizado as ações na área,

    sempre pensando no bem-estar dos cidadãos e já vimos

    resultados. O papel do vereador no poder legislativo é,

    acima de tudo, fiscalizar. Quando isso é feito de forma

    saudável, como neste mandato, o resultado é uma

    parceria que faz a cidade funcionar. O que está dando

    certo deve ser mantido.

    endereço: av. queiroz Júnior, nº 635 - praiatelefone: 3561-4030e-mail: [email protected] Site: www.itabirito.mg.gov.brfacebook: prefeituraitabiritoinstagram: @prefeituraitabiritotwiter: @itabirito_pmiYoutube: prefeitura de itabirito oficial

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    O asfalto da rua Engenheiro Simão Lacerda, no quilômetro 71, próxi-

    mo ao Frigo Ita, no bairro Padre Eustáquio, foi revitalizado, proporcionan-

    do mais segurança para moradores e motoristas que trafegam pelo local.

    Além do novo asfaltamento, foi realizada a construção de uma ala de

    contenção feita em muro de gabião nas laterais e no fundo do córrego,

    além de nova drenagem. As melhorias possibilitam maior escoamen-

    to de água, evitando a possibilidade de erosão, que colocava em risco

    Obras proporcionam mais segurança para moradores e motoristas Obras proporcionam mais segurança para moradores e motoristas

    OBRAS

    Trecho da rua Engenheiro Simão Lacerda é revitalizado

    Ação traz melhorias para moradores

    a estrada e a moradia localizada no entorno.

    As obras foram realizadas pelo Departamento de Estradas e Roda-

    gem (DER), responsável pela manutenção do local, a pedido da Secreta-

    ria de Obras e em parceria com a Prefeitura de Itabirito, que forneceu

    apoio para a sinalização, intermediação do contato com os moradores e

    fornecimento de local para a retirada da terra necessária para o

    fechamento do buraco.

    CIDADE EM OBRAS

    A primeira etapa da construção da Avenida José Farid Rahme continua em

    andamento. Estão sendo realizadas as obras de infraestrutura, que incluem a

    terraplanagem, drenagem, construção de muros de contenção das vias e do

    aterro controlado. O novo sistema de drenagem atenderá também parte dos

    moradores do bairro São Geraldo.

    Avenida José Farid Rahme Creche do Quinta dos Inconfidentes As obras da nova creche do bairro Quinta dos Inconfidentes estão em

    ritmo acelerado. As instalações elétricas e anti-incêndio já foram finalizadas.

    As paredes estão sendo levantadas e já estão na fase de instalação do telhado.

  • Asfaltamento do Bota

    Pintura viária acontecendo em Itabirito

    Sinalização em Dia

    Repetidores de TV

    O asfaltamento da comunidade do Bota foi retomado. Estão sendo reali-

    zadas as obras de terraplanagem e meio-fio do trecho final. Em breve, será

    realizado o asfaltamento. A obra foi paralisada devido à interrupção de forne-

    cimento de canga de minério pela Vale. Após várias tentativas e reuniões com

    a empresa, em um processo desgastante, a secretaria conseguiu transportar

    12 viagens de caminhão de canga de minério em fevereiro deste ano. “Es-

    peramos que este fornecimento não seja interrompido para que possamos

    concluir o asfaltamento tão sonhado pela comunidade”, disse o secretário de

    Obras, Octávio João Baêta.

    Desde a aquisição da máquina de pintura viária, a Secretaria de Seguran-

    ça e Trânsito já realizou melhorias na sinalização da cidade. Pinturas foram

    realizadas na Quinta dos Inconfidentes, na Avenida dos Inconfidentes e no

    bairro de Lourdes. Serviços como pintura de faixa de pedestres e quebra-mo-

    las foram realizados.

    A Secretaria de Segurança e Trânsito vem trabalhando para que a sinalização

    da cidade esteja sempre em dia. Somente nesses primeiros dois meses, mais de

    300 placas de sinalização foram adquiridas. A instalação já começou a ser feita

    em vários pontos da cidade.

    A Secretaria de Obras está finalizando a construção da sala que

    abriga os aparelhos repetidores de sinal de TV da cidade. O contêiner

    que antes tinha esta função foi vandalizado em outubro. A instalação

    das antenas será realizada pelas próprias emissoras de TV.

    Passarela da escola Laura Queiroz

    Quadra da escola Natália Donada Melillo

    A reforma da passarela que dá acesso à escola Laura Queiroz foi finaliza-

    da. A estrutura foi toda revitalizada, proporcionando mais segurança para

    quem passa pelo local. Trata-se de uma revitalização para corrigir os

    danos causados pelo tempo.

    A Secretaria de Obras está realizando a cobertura da quadra da escola

    Natália Donada Melillo. As instalações metálicas, como pilares e colunas,

    já foram concluídas.

    SEGURANÇA E TRÂNSITO

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    AGROPECUáRIA

    O carnaval chegou mais

    cedo no Parque Ecológico

    com a realização de uma

    Oficina de Máscaras de

    papel reciclado seguida de um

    animado bailinho de carna-

    val no dia 7 de fevereiro.

    Nem mesmo o forte calor foi capaz de esfriar

    os ânimos e a alegria da garotada que participou

    das atividades do Programa Férias No Parque 2018.

    O evento, promovido pela Secretaria Municipal de

    Meio Ambiente, aconteceu de 22 a 26 de janeiro e

    reuniu cerca de 100 pessoas por dia entre adultos

    e crianças, que se divertiram a valer com as

    variadas atrações lúdicas com enfoque ecológico.

    Durante cinco dias, o Parque Ecológico foi

    palco de animadas oficinas de arte, conta-

    ção de histórias, gincanas, atividades esporti-

    vas, sessões de cinema e aulas de zumba, que

    Pé de manga na UPA

    Férias no Parque garantiu a diversão da garotada

    Agricultura promove o plantio de frutíferas no centro urbano

    Oficina de máscaras e bailinho animam as crianças no Parque

    tornaram as férias das crianças mais divertidas.

    Assistente de Divisão da Secretaria de Meio Am-

    biente, Aparecida Rocha Castro contou que a pro-

    gramação do evento tem o intuito de sensibilizar

    as pessoas, principalmente as crianças, para a pre-

    servação do meio ambiente, além de transformar

    o Parque em um espaço de convivência familiar.

    MEIO AMBIENTE

    Secretaria de Agricultura recebe doação de livros

    A Secretaria Municipal de Agricultura e Abasteci-

    mento recebeu a doação de cerca de 150 livros técnicos

    das mãos do ex-presidente do Sindicato Rural de Itabi-

    rito, Alexandre Ferreira. O material, de acordo com o

    secretário Antônio Avelar, vai para o acervo do órgão e

    servirá para consulta da equipe e da população.

    A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuá-

    ria e Abastecimento promoveu de janeiro até fe-

    vereiro o plantio de árvores frutíferas no centro

    urbano de Itabirito. Foram plantadas 50 mudas

    de manga, carambola, amora, jambo, acerola e

    pitanga, em frente à UPA, nas duas praças do

    Bairro Santo Antônio e no conjunto IAPI.

    As árvores frutíferas são comuns em nossas

    matas e campos, mas raramente plantadas nas

    áreas públicas das cidades, como calçadas e pra-

    ças. Caso dê certo, o plantio desse tipo de mudas

    será frequente em Itabirito, o que vai contribuir

    para aumentar a biodiversidade do meio urbano

    e melhorar a qualidade de vida dos moradores.

    “todo ano eu participo do férias do parque e amo as oficinas de artes, pois adoro pintar e criar coisas com o papel”ISABELA CRISTINA, 9 anos

  • CULTURA

    Mais de 25 mil pessoas participaram nos três fins de semana

    “O SAmbA DE bOtEcO FOi um gAnhO muitO

    gRAnDE PARA A ciDADE. É um EVEntO gRAtuitO,

    DE quALiDADE, SEm tumuLtOS, quE PODE SER

    APROVEitADO POR tODA A FAmíLiA. PARticiPO

    tODOS OS AnOS E VOu SEmPRE quE POSSO”.

    bEAtRiz AmORim, mORADORA DE itAbiRitO

    “O EVEntO FOi ótimO E muitO bEm

    ORgAnizADO. É umA ExcELEntE OPçãO

    PARA ESquEntAR PARA O cARnAVAL”.

    LEtíciA PEtRuS, mORADORA DE itAbiRitO

    “itAbiRitO EStá DE PARAbÉnS PELA iniciAtiVA DE VALORizAR A cuLtuRA DO cARnAVAL, RESgAtAnDO A tRADiçãO DAS mARchinhAS E DAnDO ESPAçO PARA VáRiOS tiPOS DE múSicAS. EStOu EncAntADO cOm O bAnDãO E FELiz DE PARticiPAR tAmbÉm”. JOãOzitO, VOcALiStA DA bAnDA JOãOzitO E A PARcERiA

    “O mOVimEntO É bEm SuPERiOR AO DE um Fim DE SEmAnA nORmAL. PARticiPAmOS DOS cincO AnOS E O SALDO É muitO bOm”. mARiLEnE cARVALhO, PROPRiEtáRiA DO bAR cASA VELhA, DE SãO gOnçALO DO bAçãO

    O Samba de Boteco animou o pré-carna-

    val itabiritense e aqueceu o público, comér-

    cio e turismo nos fins de semana que ante-

    cederam a época carnavalesca. Pelo quinto

    ano consecutivo, a edição contou com nove

    eventos, nove locais participantes na sede do mu-

    nicípio e nos dois distritos, além de uma edição

    especial de fechamento no Mercado Municipal,

    realizada pela primeira vez. Os eventos reuniram

    mais de 25 mil pessoas e representaram uma

    movimentação de mais de R$ 500 mil na econo-

    mia de Itabirito.

    SucESSO DE PúbLicO Para o secretário de Patrimônio Cultural e Turismo, Ubiraney Figueiredo, o volume de público

    mostra a adesão da população ao projeto. “Durante as cinco edições, nos surpreendemos positiva-

    mente com o número de participantes. O projeto nasceu com o objetivo de descentralizar as co-

    memorações do carnaval, levando movimentação econômica também para os bairros, mas acabou

    tomando grandes proporções. Em cinco anos, o Samba conseguiu garantir um fluxo de turismo

    que o Julifest só conquistou após 10 anos”, explica.

    mOVimEntAçãO EcOnômicA Além de proporcionar entretenimento gratui-

    to e de qualidade para a população, o Samba

    de Boteco representa também um saldo posi-

    tivo para os bares que participaram do evento.

    Silvana Damas, proprietária do Artesanato da

    Carne, localizado no Mercado Municipal, parti-

    cipou do projeto pela primeira vez e gostou do

    resultado. “É muito interessante participar do

    Samba, principalmente porque domingo é um

    dia que normalmente não funcionamos. Por

    mim, o projeto pode acontecer aqui todos os

    anos”, comemorou.

    AtRAçõES DE quALiDADE Em 2018, oito bandas, além do tradicional

    bandão da Bandalheira, foram responsá-

    veis por animar o público. Para os músicos,

    o projeto é uma oportunidade de melhorar

    a preparação para o carnaval. “É muito bom

    participar do Samba de Boteco, porque nos

    deixa prontos e ainda mais animados para

    o carnaval. Já virou uma tradição para nós”,

    afirmou o trombonista do bandão, Antônio

    Dutra, o Téia.

    2018

    2018

    2018

    2018

    2018

    SAmbA DE bOtEcOPRÉ-cARnAVAL AgitOu mAiS DE 25 miL PESSOAS Encarte Especial

  • Encarte Especial

  • O Itabirito Folia conquistou de vez o coração dos foliões. De 7 a 13 de fevereiro, o Carnaval da cidade atraiu centenas de turistas e encantou ainda mais os moradores com atrações diversificadas, espaços exclusivos e, claro, muita música!

    O Itabirito Folia 2018 teve várias novidades. Do cinema itinerante, no estacionamento do Parque Ecológico, à Carreta da Alegria, que fez a festa das crianças nas matinês, não faltaram atrações.

    Consagrado como um dos mais representativos car-navais do interior de Minas Gerais, o Itabirito Folia 2018 contou com seis circuitos dedicados a garantir inclusão e diversão para todos os tipos de públicos. Para o prefeito de Itabirito, Alex Salvador, este foi um momento memorável para a cidade. “Ouso dizer que este foi o melhor carna-val de Itabirito. Todo mundo sabe o quanto sou apaixo-nado por esta festa. Por isso, faço questão de oferecer ao povo o melhor em estrutura, segurança e diversão. Estou muito feliz por este resgate artístico, cultural e histórico para a nossa Itabirito”.

    2

    ITABIRITO FOLIA 2018

    Da decoração às atrações, Prefeitura de Itabirito investiu na valorização local, fomentando a arte, cultura e turismo na cidade.

    Novidades de tirar o fôlego

    BEM BOLADO DA ALEGRIAC ARNAVAL MAMBEMBE

    Inovação da programação, a Caravana Bem Bolado da Alegria percor-reu quatro bairros (São José, Santo Antônio, Santa Rita e Padre Adelmo) entre sábado e terça-feira. A alegria foi compartilhada com as bandas que animaram a folia itinerante. No Padre Adelmo, por exemplo, os morado-res se mostraram entusiasmados pela possibilidade de curtir o carnaval, literalmente, na porta de casa. “Gostei muito. Os pais às vezes não podem levar os filhos ao Centro, sendo no bairro facilita para eles brincarem”, destacou Rogério Pereira Lima, que curtiu com os filhos Lucas e Letícia. “Foi a primeira vez. Uma ideia legal”, completou Jusceia Pereira de Mou-ra, que foi à Praça da Família com o filho Yago e o sobrinho Davi.

    “A proposta desse projeto era exatamente de levar o carnaval para os bairros. Foi muito bacana ver senhoras

    nas ruas, dançando, curtindo as marchinhas, relembrando o Carnaval. As crianças gostaram

    bastante. A semente foi plantada” ALOÍSIO FONSECA, UM DOS FUNDADORES

    DO BLOCO BEM BOLADO

    Programação foi encerrada no Padre Adelmo, na terça-feira

    Caravana animou o sábado de Carnaval na pracinha do Santo Antônio

    No domingo, população do São José teve Carnaval na porta de casa

    População encheu as ruas de Itabirito com muito brilho e alegria

    CARNAVAL FEITO PELO POVOE CONSAGRADO PELOS FOLIÕES

  • O folião pôde desfrutar, ainda, de muito cinema e diversão de qualidade durante o Carnaval! Entre os dias 8 e 10 de fevereiro, a carreta de cinema itinerante da Caixa Seguradora ofereceu à população 15 sessões de filmes com pipoca e refrigerante gratuitos, no estacionamento do Parque Ecológico de Itabirito. Cerca de 1200 pessoas participaram da atração inédita.

    Itabirito investiu, em diversas frentes, na valorização local. Um grande ponto positivo deste Carnaval foi a parceria com a Associação de Artistas e Artesãos de Itabirito, realizada por meio de edital no final de 2017, para confeccionar a decoração do Carnaval. A ação incentivou, valorizou e remu-nerou profissionais locais, que tiveram a chance de divulgar o trabalho.

    3ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    #DECORAÇÃO

    Valorizando o que a cidade tem de melhor

    CINEMA É PRA VOCÊ, SIM!

    “Para nós foi um prazer estar à frente do projeto do Carnaval de Itabirito. Além de expor nosso trabalho, a oportunidade foi uma importante fonte de renda que beneficiou a comunidade

    local. Sermos valorizadas como artesãs e ter reconhecimento na cidade é uma grande conquista para a gente”

    TEREZINHA APARECIDA LOPES, PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO ITABIRITENSE DE ARTISTAS E ARTESÃOS

    Programação foi encerrada no Padre Adelmo, na terça-feira

  • 4

    Blocos ganharam as ruas e os corações de Itabirito

    “Nossa intenção é resgatar a tradição do carnaval de rua, a exemplo de Belo Horizonte, e fortalecer a ocupação do espaço público pelo povo, com um repertório de cunho político, que

    ressalte a diversidade, as minorias, a cultura, a etnia... O Urucum transmite uma mensagem de amor que atrai jovens, adultos, crianças. Nossa missão é manter este encantamento

    não somente no carnaval, mas durante todo o ano” NATALIE GONÇALVES, COFUNDADORA DO BLOCO URUCUM

    “O Ivete não Veio tem a pro-posta de fazer axés clássicos nessa pegada de resgatar o envolvimento da população com o carnaval, de construir o carnaval coletivamente”.

    JONAS BATISTA, UM DOS FUNDADORES DO IVETE NÃO VEIO

    “Fundamos esse bloco na quinta-feira, pós-quarta-feira de cinzas de 2017, sentados chorando pelo término do Carnaval. A ideia era trazer o Carnaval alegria, do amor, brincar com situações da cidade, do bairro e da nossa própria história, passando por locais importantes, a Rua Sete de Setembro, tocar um pouco em frente ao Maestro Dungas e chegar à concentração da Bandalheira"

    BIANO BATISTA, UM DOS FUNDADORES DO UNIDOS DA BOA VIAGEM

    “O Minabloco é especificamente composto por mulhe-

    res, o que é motivo de muito orgulho para nós. No Car-

    naval, tivemos a oportunidade de atingir cada vez mais

    pessoas e mostrar a junção de vozes, danças, ritmos e

    lutas. Tivemos a maravilhosa experiência de estar em

    conjunção ao público, sentindo, curtindo e vivendo –

    de corpo e alma – uma data tão alegre e festiva"

    JOICE SANTOS, UMA DAS PARTICIPANTES DO MINABLOCO

    A valorização dos blocos locais foi outro ponto forte do Itabirito Folia 2018. O crescente número dos grupos a cada ano confirmou o compromis-so da Prefeitura de Itabirito em destacar atrações da cidade, promovendo o fortalecimento da arte e cultura locais. A programação contou com estre-antes como Minabloco, Ivete não Veio, Kinta Louca e Unidos da Boa Viagem, além dos já conhecidos Cordões da Nova e da Velha, Ubuntu, Gaiola das Loucas, Esquina do Golo, Tropa de Elite, Urucum, Zé Pereira, Sensação, Sem Limite, Banda Ré 100 Dó, Bandinha do Santo Antônio e Axé Igbá.

    os blocos esquinado golo, correfolia e ré sem dótambém participaramda folia.

    #VALORIZAÇÃOLOCAL

    A valorização dos blocos de Itabirito foram o foco deste ano

    Banda Ré 100 Dó completou 43 anos na folia itabiritense

    Bloco Corre Folia levou às ruas a

    busca por qualidade de vida

  • 4

    Blocos ganharam as ruas e os corações de Itabirito

    “Nossa intenção é resgatar a tradição do carnaval de rua, a exemplo de Belo Horizonte, e fortalecer a ocupação do espaço público pelo povo, com um repertório de cunho político, que

    ressalte a diversidade, as minorias, a cultura, a etnia... O Urucum transmite uma mensagem de amor que atrai jovens, adultos, crianças. Nossa missão é manter este encantamento

    não somente no carnaval, mas durante todo o ano” NATALIE GONÇALVES, COFUNDADORA DO BLOCO URUCUM

    “O Ivete não Veio tem a pro-posta de fazer axés clássicos nessa pegada de resgatar o envolvimento da população com o carnaval, de construir o carnaval coletivamente”.

    JONAS BATISTA, UM DOS FUNDADORES DO IVETE NÃO VEIO

    “Fundamos esse bloco na quinta-feira, pós-quarta-feira de cinzas de 2017, sentados chorando pelo término do Carnaval. A ideia era trazer o Carnaval alegria, do amor, brincar com situações da cidade, do bairro e da nossa própria história, passando por locais importantes, a Rua Sete de Setembro, tocar um pouco em frente ao Maestro Dungas e chegar à concentração da Bandalheira"

    BIANO BATISTA, UM DOS FUNDADORES DO UNIDOS DA BOA VIAGEM

    “O Minabloco é especificamente composto por mulhe-

    res, o que é motivo de muito orgulho para nós. No Car-

    naval, tivemos a oportunidade de atingir cada vez mais

    pessoas e mostrar a junção de vozes, danças, ritmos e

    lutas. Tivemos a maravilhosa experiência de estar em

    conjunção ao público, sentindo, curtindo e vivendo –

    de corpo e alma – uma data tão alegre e festiva"

    JOICE SANTOS, UMA DAS PARTICIPANTES DO MINABLOCO

    A valorização dos blocos locais foi outro ponto forte do Itabirito Folia 2018. O crescente número dos grupos a cada ano confirmou o compromis-so da Prefeitura de Itabirito em destacar atrações da cidade, promovendo o fortalecimento da arte e cultura locais. A programação contou com estre-antes como Minabloco, Ivete não Veio, Kinta Louca e Unidos da Boa Viagem, além dos já conhecidos Cordões da Nova e da Velha, Ubuntu, Gaiola das Loucas, Esquina do Golo, Tropa de Elite, Urucum, Zé Pereira, Sensação, Sem Limite, Banda Ré 100 Dó, Bandinha do Santo Antônio e Axé Igbá.

    os blocos esquinado golo, correfolia e ré sem dótambém participaramda folia.

    #VALORIZAÇÃOLOCAL

    A valorização dos blocos de Itabirito foram o foco deste ano

    Banda Ré 100 Dó completou 43 anos na folia itabiritense

    Bloco Corre Folia levou às ruas a

    busca por qualidade de vida

    5

    O batuque que encantoua cidade

    #GRANDESBLOCOS

    Uma das iniciativas mais elogiadas foi a participação de blocos con-sagrados de Belo Horizonte, que estrearam e abrilhantaram o evento itabiritense: Havayanas Usadas, Chama o Síndico, Volta Belchior, Lindo Bloco do Amor, Toca Raul, Sagrada Profana e Bloco da Calixto.

    “Itabirito tem uma tradição muito grande no Carnaval, de uma boa festa de rua. É muito bom poder fazer parte

    disso e contribuir para animar o público” HELENO AUGUSTO, VOCALISTA E ORGANIZADOR DO BLOCO

    HAVAYANAS USADAS

    “Muito honrado em poder participar deste Carnaval. Sinto que o Carnaval de Minas está ressurgindo e se fortalecendo a cada ano. Foi muito bacana vir a Itabirito e mostrar um pouco do meu trabalho,

    dividindo muita música com o público” FLAVIO RENEGADO, PARTICIPOU DOS BLOCOS “VOLTA BEL-

    CHIOR”, “TOCA RAUL” E “LINDO BLOCO DO AMOR”

    "O carnaval de Itabirito é muito gostoso, com um clima bem familiar, que relembra muito os antigos carnavais. Estamos felizes de poder participar e trazer nosso som

    para quem não conhece" MATHEUS ROCHA, VOCALISTA DO BLOCO CHAMA O SÍNDICO

    "Trouxemos para Itabirito músicas de mulheres que falam sobre as mulheres. A gente sempre traz essa luta contra o assédio. Nossa banda é formada apenas por mulheres e trazemos uma pegada diferente, somente com sopro e

    percussão. Em cada cidade é uma energia" NATHÁLIA PORTO COIMBRA, INTEGRANTE

    DO BLOCO SAGRADA PROFANA

    ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    A valorização dos blocos de Itabirito foram o foco deste ano

    Bloco Corre Folia levou às ruas a

    busca por qualidade de vida

  • 6

    CIRCUITO HISTÓRICOTradição nas ladeiras históricas da cidade

    A paixão pela tradição momesca reinou no Centro Histórico. Envolto por ruas e casarios que contam a história da cidade, o local recebeu com alegria o Cortejo do Zé Pereira, o Instituto de Se-resta Descendo a Ladeira e o Bloco Candonguêro, de Ouro Preto.

    “A Rua Sete de setembro já foi

    a rua principal de Itabirito. Então, quando há um

    movimento como este de renovar e

    reambientar o carna-val de rua, a gestão

    está fazendo um verdadeiro resgate histórico de 200,

    300 anos da cidade.”

    JOSÉ ANTÔNIO BRAGA, MORADOR DO BAIRRO

    BOA VIAGEM

    “Itabirito está jogando certíssimo ao valorizar a tradição local, já que

    o carnaval está am-parado nos braços da cultura popular. Quan-do se valoriza a cultura local, a gestão conse-guir ir ao encontro dos anseios da população e o carnaval nada mais é do que isso: liberdade de expressão. Isso in-

    centiva que as pessoas continuem contribuin-

    do culturalmente” FRANCISCO DE ASSIS, VOCALISTA DO BLOCO

    CANDONGUÊRO, DE OURO PRETO.

    Folia momesca encantou o público no Centro Histórico

    Rock e alta gastronomia também tiveram vez durante o Carnaval

    CIRCUITO CERVEJEIROCerveja e música boa para foliões refinados

    Até quem não curte os tradicionais ritmos car-navalescos se rendeu à programação do Itabirito Folia 2018. É que a festa contou com um espaço exclusivo para agradar até ao mais exigente dos foliões. Conforto, alta gastronomia e muito rock’n roll foram os ingredientes perfeitos para mais uma edição de sucesso do Circuito Cervejeiro, que contou pela segunda vez com a Feira Experimen-te, uma das maiores feiras mineiras especializadas em cerveja artesanal. Com nove cervejarias e seis restaurantes, o espaço recebeu ainda DJs e quatro shows todos os dias.

    “Achei muito bom, porque deu

    espaço para a gente ter uma se-

    gunda opção, tanto de cerveja e

    chopp artesanais, como também

    uma banda de rock tocando no

    Carnaval. Tem que prevalecer"

    ÉDER NETO

    “Foi a primeira vez que vim. Espetacular! Quem não gosta

    muito do Carnaval de rua tem a oportunidade de curtir

    de outra forma" LEONARDO MEDEIROS CAMPOS

    “É a segunda vez que a gente toca no Carnaval. O espaço é

    de alta qualidade. É bom que o Carnaval deste ano proporcio-nou vários espaços diferentes,

    ritmos, ficou bem bacana" EZEQUIEL MARQUES, VOCALISTA DA

    BANDA POLICROMÁTICO

  • 7ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    Criançada feliz em um espaço dedicado inteiramente a elas

    Quem gosta de aproveitar a folia durante toda a madrugada pôde curtir uma ótima programação no Circuito de Trios. Este ano, além da estrutura completa e muita segurança, os foliões curtiram shows variados de artistas reconhecidos pelo grande público, como Alexandre Peixe, Tainá Felipe, Os Baianeiros, Rick e Ricardo e Sakasamba.

    O Carnaval de Itabirito teve espaços para todos os públicos, e as crianças não ficaram de fora desta folia em 2018! O espa-ço Kids, montado na Praça da Estação, proporcionou muita di-versão para os baixinhos. Pintura facial, oficina de máscaras, recreação e shows agitaram o espaço entre sábado e terça-feira de Carnaval.

    O local atraiu várias crianças que, acompanhadas dos pais ou responsáveis, puderam desfrutar das atividades ofertadas. Além do espaço montado na Praça, as crianças puderam também curtir a Carreta da Alegria, que percorreu o Circui-to Central levando muita música para o Itabirito Folia.

    “Foi uma alegria muito grande trazer o nosso som, o nosso carnaval, aqui para Itabirito. Só recebemos energia

    positiva e muita vibração" LELO LOBÃO E DANNIEL MESTRI,

    VOCALISTAS DA BANDA BAIANEIROS

    “É a primeira vez que participei, mas amei muito. Vou voltar mais vezes"

    LILIAN DE SOUZA RIBEIRO, FOLIÃ

    “Gostei muito da festa. O espaço estava muito seguro.

    Estava em Ouro Preto e não curti muito, mas aqui em

    Itabirito foi tudo ótimo"

    LUCINEIDE DE ALMEIDA, FOLIÃ

    CIRCUITO DE TRIOS

    Com shows ao vivo, trios fizeram a festa dos foliões

    ESPAÇO KIDS

    “No espaço Kids, a Prefeitura mandou bem, é muito interessante. Cada um aproveitou o carnaval da melhor forma, mas a criança, além de tudo, teve um incentivo maior no local, já que puderam se divertir da melhor

    forma possível, junto aos pais” JOZIMAR PEIXOTO, DE CACHOEIRA DO CAMPO,

    LEVOU FILHOS E SOBRINHOS

    Espaço Kids fez a alegria do público infantil durante o Carnaval

    Carreta da alegria aniimou a criançada

  • 8

    CIRCUITO RURALFOLIA NOS DISTRITOS

    O Circuito Rural proporcionou aos foliões diversidade nas atrações e muita empolgação nos distritos de Acuruí e São Gonçalo do Bação. Shows e blocos locais agitaram a programação de sábado a terça-feira de carna-val. Durante a segunda-feira de Carnaval o tradicional bloco “As Virgens do Beco” fizeram o seu desfile por São Gonçalo do Bação, levando a alegria e irreverência para moradores e turistas com homens se vestindo de mu-lher. Para o folião que preferiu sair do Centro e prestigiar o carnaval no Circuito Rural, a tranquilidade dos distritos pesou muito.

    Criatividade nas fantasias, sorrisos nos rostos e muita folia: assim foi o desfile da tradicional Ban-dalheira. No segundo ano sem a presença do pai Odely, um dos fundadores, o filho Roberto Moran-dini fez uma sátira a Pabllo Vittar. “Ele era a rai-nha. Tento, mas pena que a gente não o substitui. Mas é fazer o melhor para manter o carnaval, a Bandalheira. Todos olham para mim e se lembram do meu pai”, disse.

    “Aqui é um ambiente bem tranquilo, seguro e familiar,

    por isso o distrito foi a melhor opção”

    PATRÍCIA MOREIRA GUERRA, FOLIÃ

    Carnaval animou os distritos de Itabirito

    TRADIÇÃO E DIVERSÃO GARANTIDAS

    Desfile da tradicional Bandalheira lotou asruas no domingo e na terça-feira

    “Gosto muito do Michael, o rei do pop, várias pessoas são fãs. Desde 2010, tirei para homena-geá-lo no carnaval de Itabirito, que sempre é um dos melhores"

    ANTÔNIO DONATO DA SILVA SE TRANSFORMOU EM MICHAEL JACKSON NA BANDALHEIRA

    Bloco Gongo em Acuruí

    9ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    A VOLTA DOIMPERIO DA SAUDADE

    Volta da Escola de Samba Império da Saudade foi um dos destaques do Itabirito Folia 2018

    “Ô abram alas que eu quero passar”. Nesse ritmo, a volta da Império da Saudade contagiou as noites de domingo e terça-feira. Um verdadeiro show na área central, que se transformou em passarela do samba. “Emo-ção muito grande. O mais importante de tudo é reviver a Escola. Ela tem uma história muito importante, sólida e, de agora para frente, ela vai cres-cer cada vez mais”, exaltou Sílvio Eduardo de Oliveira, mais conhecido como Sílvio Bernardão, histórico ritmista da Escola de Samba.

    “A Escola de Samba voltou após oito anos. Com o apoio da Apae, que nos emprestou os instrumentos, tivemos a oportu-nidade de desfilar. Nossa ideia era sair apenas com a bateria. Além de cumprir esse objetivo, desfilamos com mais alguns destaques. No ano que vem, pretendemos fazer um desfile ainda mais completo. A luta pela volta da Escola teve como

    objetivo reforçar o Carnaval de rua" GILBERTO TURUM, UM DOS ENTUSIASTAS DA ESCOLA

    “Nós tivemos, praticamente, um mês e meio de trabalho. Pelo tempo curto, foi sensacional. Todo mundo colaborou, todo mundo incentivou. A gente fica engrandecido pelo

    esforço de todo o pessoal da bateria" VANDER LUIZ DE SOUZA, O ZULU, MESTRE DE BATERIA

    TRANQUILIDADE E SEGURANÇA: MAIS UM ATRATIVO DO ITABIRITO FOLIA

    A segurança foi um dos carros chefes do Itabirito folia 2018. De acordo com a Polícia Militar, que atuou em todos os dias do even-to, não houve ocorrências de grande relevância durante os dias do Carnaval. Durante o evento, 80 policiais trabalharam diariamente para garantir a segurança de foliões e turistas.

    A Guarda Civil Municipal realizou a “Operação Carnaval 2018”, entre a quinta- feira de folia e a quarta-feira de cinzas. Os traba-lhos aconteceram ininterruptamente empregando diariamente 22 agentes em seis viaturas, realizando 74 atendimentos.

    “Reforçamos o policiamento em toda área central da cidade, com o objetivo de garantir mais segurança ao

    folião durante o Carnaval. Foram seis dias de operação onde a Instituição desenvolveu funções como blitz educa-tiva, patrulhamento preventivo na cidade e nos distritos, fiscalização de trânsito com entrega de cartilhas do tema

    ‘Se beber não dirija’, entre outras ações" COMANDANTE OLIVEIRA DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

  • 8

    CIRCUITO RURALFOLIA NOS DISTRITOS

    O Circuito Rural proporcionou aos foliões diversidade nas atrações e muita empolgação nos distritos de Acuruí e São Gonçalo do Bação. Shows e blocos locais agitaram a programação de sábado a terça-feira de carna-val. Durante a segunda-feira de Carnaval o tradicional bloco “As Virgens do Beco” fizeram o seu desfile por São Gonçalo do Bação, levando a alegria e irreverência para moradores e turistas com homens se vestindo de mu-lher. Para o folião que preferiu sair do Centro e prestigiar o carnaval no Circuito Rural, a tranquilidade dos distritos pesou muito.

    Criatividade nas fantasias, sorrisos nos rostos e muita folia: assim foi o desfile da tradicional Ban-dalheira. No segundo ano sem a presença do pai Odely, um dos fundadores, o filho Roberto Moran-dini fez uma sátira a Pabllo Vittar. “Ele era a rai-nha. Tento, mas pena que a gente não o substitui. Mas é fazer o melhor para manter o carnaval, a Bandalheira. Todos olham para mim e se lembram do meu pai”, disse.

    “Aqui é um ambiente bem tranquilo, seguro e familiar,

    por isso o distrito foi a melhor opção”

    PATRÍCIA MOREIRA GUERRA, FOLIÃ

    Carnaval animou os distritos de Itabirito

    TRADIÇÃO E DIVERSÃO GARANTIDAS

    Desfile da tradicional Bandalheira lotou asruas no domingo e na terça-feira

    “Gosto muito do Michael, o rei do pop, várias pessoas são fãs. Desde 2010, tirei para homena-geá-lo no carnaval de Itabirito, que sempre é um dos melhores"

    ANTÔNIO DONATO DA SILVA SE TRANSFORMOU EM MICHAEL JACKSON NA BANDALHEIRA

    Bloco Gongo em Acuruí

    9ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    A VOLTA DOIMPERIO DA SAUDADE

    Volta da Escola de Samba Império da Saudade foi um dos destaques do Itabirito Folia 2018

    “Ô abram alas que eu quero passar”. Nesse ritmo, a volta da Império da Saudade contagiou as noites de domingo e terça-feira. Um verdadeiro show na área central, que se transformou em passarela do samba. “Emo-ção muito grande. O mais importante de tudo é reviver a Escola. Ela tem uma história muito importante, sólida e, de agora para frente, ela vai cres-cer cada vez mais”, exaltou Sílvio Eduardo de Oliveira, mais conhecido como Sílvio Bernardão, histórico ritmista da Escola de Samba.

    “A Escola de Samba voltou após oito anos. Com o apoio da Apae, que nos emprestou os instrumentos, tivemos a oportu-nidade de desfilar. Nossa ideia era sair apenas com a bateria. Além de cumprir esse objetivo, desfilamos com mais alguns destaques. No ano que vem, pretendemos fazer um desfile ainda mais completo. A luta pela volta da Escola teve como

    objetivo reforçar o Carnaval de rua" GILBERTO TURUM, UM DOS ENTUSIASTAS DA ESCOLA

    “Nós tivemos, praticamente, um mês e meio de trabalho. Pelo tempo curto, foi sensacional. Todo mundo colaborou, todo mundo incentivou. A gente fica engrandecido pelo

    esforço de todo o pessoal da bateria" VANDER LUIZ DE SOUZA, O ZULU, MESTRE DE BATERIA

    TRANQUILIDADE E SEGURANÇA: MAIS UM ATRATIVO DO ITABIRITO FOLIA

    A segurança foi um dos carros chefes do Itabirito folia 2018. De acordo com a Polícia Militar, que atuou em todos os dias do even-to, não houve ocorrências de grande relevância durante os dias do Carnaval. Durante o evento, 80 policiais trabalharam diariamente para garantir a segurança de foliões e turistas.

    A Guarda Civil Municipal realizou a “Operação Carnaval 2018”, entre a quinta- feira de folia e a quarta-feira de cinzas. Os traba-lhos aconteceram ininterruptamente empregando diariamente 22 agentes em seis viaturas, realizando 74 atendimentos.

    “Reforçamos o policiamento em toda área central da cidade, com o objetivo de garantir mais segurança ao

    folião durante o Carnaval. Foram seis dias de operação onde a Instituição desenvolveu funções como blitz educa-tiva, patrulhamento preventivo na cidade e nos distritos, fiscalização de trânsito com entrega de cartilhas do tema

    ‘Se beber não dirija’, entre outras ações" COMANDANTE OLIVEIRA DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

  • 10

    Não foi só o morador de Itabirito que se encantou pelo Itabirito Folia 2018. Os turistas puderam declarar todo seu amor ao Carnaval Itabiritense.

    “Sou de Itabirito e, há 20 anos, não passava o Carna-

    val aqui. Tive uma enorme surpresa. No Centro, estava

    muito bem estruturado, com segurança, vários tipos de

    sons e pessoas se divertindo. A ideia do Carnaval nos

    bairros é maravilhosa. Foi uma oportunidade de pesso-

    as como minha mãe, de 87 anos, curtirem uma música

    de qualidade fora da agitação do Centro”

    TERESA BASTOS, MORADORA DO RIO DE JANEIRO

    “O Carnaval de Itabirito é aprovado por todos, seja

    jovem, adulto, criança ou idoso. A organização da Pre-

    feitura está cada ano melhor e nós só temos elogios!

    Há nove anos, saímos pelas ruas da cidade e adora-

    mos toda esta festa!”

    GLAUBER MOURA, REPRESENTANTE DO BLOCO ESQUINA DO GOLO

    “É o quinto ano que venho aqui. Gosto demais, o carnaval de Itabirito é ótimo, o melhor carnaval que eu conheci... Até hoje, não deixo de vir. Blocos animados,

    segurança, tudo beleza”

    EVALDO FONSECA, DE BELO HORIZONTE.

    “A descentralização foi muito interessante. Nós acompanhamos esse movimento nas grandes cidades,

    e Itabirito está seguindo esse modelo, que é muito impor-tante para difundir a cultura e para todos acompanharem mais perto de casa, com mais tranquilidade e segurança”

    LIDIANE HIPÓLITO, VOCALISTA DO BLOCO AXÉ IGBÁ, QUE PARTICI-POU DA CARAVANA NO DOMINGO E TERÇA-FEIRA DE CARNAVAL

    “O grupo nasceu a partir do programa da Secretaria de Esportes e Lazer, Medida Exata. Então, há dois anos, aproveitamos o

    fechamento das ruas durante as quartas e quintas de Carnaval para fazer uma corrida em grupo no circuito. Este ano,

    decidimos formar um bloco e em duas semanas, vendemos cerca de 170 abadás!”

    THIONLLENEY DE ARMANDO, PRESIDENTE DO BLOCO CORRE FOLIA

    “A decisão de participar no domingo e na terça-feira foi tomada a quatro dias do Carnaval. Com a ajuda incansável de

    alguns antigos integrantes, conseguimos fazer com que o ciclo de 43 anos não fosse quebrado. A participação,

    inclusive, superou nossas expectativas!”TEOMAR WILSON, INTEGRANTE DA BANDA RÉ 100 DÓ

    “Duas paixões em minha vida – O Zé Pereira e o Instituto de Serestas Descendo a Ladeira – que se casa-ram para somar à nova proposta para o carnaval de Itabirito. Desde 2017 tenho a oportunidade de criar

    espetáculos para a abertura do nosso carnaval. Em Itabirito, sabemos que a tradição relacionada ao canto coral, atividades de musicalização, profissionalização dos músicos ou mesmo artistas autônomos e

    autodidatas nos confirmam sempre a possibilidade de criar espetáculos com qualidade, técnica, efici-ência e muita diversão. Outra coisa interessante, é que este ano a bateria se fundiu com meus alunos

    e amigos da FANFEB (Fanfarra da Escola Municipal José Ferreira Bastos). É uma futura ideia para uma possível parceria entre bloco, escola e um possível incentivo para que a cada ano, mais pessoas possam

    participar do nosso carnaval, tocando, dançando, se fazendo presente" FLÁVIO BASTOS, DIRETOR ARTÍSTICO E REGENTE DO ZÉ PEREIRA E DO INSTITUTO DE SERESTAS DESCENDO A LADEIRA

    11ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    “Adorei a novidade e meus filhos também!

    O carnaval deste ano superou o do ano passado,

    Itabirito esta de parabéns”

    DANIELE CRISTINA DE SOUZA, DE 39 ANOS,

    LEVOU SEUS FILHOS AO ESPAÇO KIDS E ACHOU SUPER INTERESSANTE

    “Fiquei muito feliz de cantar para esse povo que me recebeu

    tão bem no Samba de Boteco. Poder estar aqui fazendo a

    alegria do Carnaval deles foi um grande presente"

    LETÍCIA GARCIA, CANTORA

    “Gostei muito da Bandalheira, é bem divertida, cheia de gente. Eu já tinha vindo no ano passado,

    só que neste ano foi até melhor" MARCOS PAULO SANTOS DA SILVA, DE CONTAGEM

  • 11ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    “Adorei a novidade e meus filhos também!

    O carnaval deste ano superou o do ano passado,

    Itabirito esta de parabéns”

    DANIELE CRISTINA DE SOUZA, DE 39 ANOS,

    LEVOU SEUS FILHOS AO ESPAÇO KIDS E ACHOU SUPER INTERESSANTE

    “Fiquei muito feliz de cantar para esse povo que me recebeu

    tão bem no Samba de Boteco. Poder estar aqui fazendo a

    alegria do Carnaval deles foi um grande presente"

    LETÍCIA GARCIA, CANTORA

    “Gostei muito da Bandalheira, é bem divertida, cheia de gente. Eu já tinha vindo no ano passado,

    só que neste ano foi até melhor" MARCOS PAULO SANTOS DA SILVA, DE CONTAGEM

  • [email protected]@

    facebook.com/prefeituraitabirito

    www.itabirito.mg.gov.br

    12 ENCARTE ESPECIAL DO ITABIRITO FOLIA • FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ITABIRITO.MG.GOV.BR

    Enlaçados pelo Cordão da Velha e da Nova

    Os apaixonados pelas marchinhas de car-naval cantaram, junto ao Cordão da Velha e Cordão da Nova, os clássicos que embalaram gerações e animam até hoje a folia.

    “É muito diferente tocar no carnaval. Podemos mostrar mais criatividade e conheci-mento, pois é um momento mais informal. Além disso, o contato direto com o público

    é muito gostoso" RINALDO ROCHA, MÚSICO DO

    CORDÃO DA VELHA

    “É uma tradição muito boa e importante para nós. O clima no carnaval é sempre mais animado e podemos tocar de uma forma mais livre. Gostamos muito de

    participar" SANDRA DE OLIVEIRA, INTEGRANTE

    DO CORDÃO DA NOVA.

    Desfile do Cordão da Velha foi um dos destaques da programação de sexta-feira

    Cordão da Nova contagiou itabiritenses e turistas na noite de sábado

    #MOMENTOSDAFOLIA

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    URBANISMO

    Durante o período do Itabirito Folia

    2018, as equipes de limpeza não deixa-

    ram a cidade suja. Com o acúmulo de

    lixo nas ruas durante o Carnaval, assim

    que o som parava e os foliões iam para

    casa descansar de mais um dia de festa,

    nas madrugadas dos sete dias do evento

    entrava na avenida o bloco da limpeza

    urbana. Vassoura nas mãos e muito en-

    tusiasmo para deixar tudo limpo: esse foi

    o principal objetivo das funcionárias e

    funcionários que não mediram esforços

    para deixar as ruas do Centro da cidade

    pronta para mais um dia de festa como

    se nenhum folião tivesse desfilado

    na avenida.

    Foram 120 profissionais envolvidos

    para que o serviço saísse da melhor

    forma, sempre no menor tempo pos-

    sível. Ao todo, mais de 50 caminhões

    de lixo produzido no Carnaval foram

    recolhidos em todos os seis circuitos

    de folia.

    FOLIA COM A CIDADE LIMPA: DURANTE O CARNAVAL 2018 A LIMPEzA DOS CIRCUITOS FOI NOTA 10

    “Sabemos das difi-culdades enfrenta-das pelos servido-res. trabalhar em um momento de festa, em que todos estão curtindo, é

    muito difícil. contudo, sempre com muita satisfação e compromisso, toda a equipe de limpeza realizou o seu serviço e proporcionou à popu-lação de itabirito mais um carnaval de festa e alegria”.MARCO AURéLIO ROChA, secretário de Urbanismo

    “não medimos esforços para deixar a cidade limpa. con-seguimos fazer a varrição e lavação das ruas em tem-po recorde. limpamos todos os circuitos do carnaval na área urbana e rural da cidade.

    todos trabalharam incansavelmente com o sorriso no rosto mostrando o carinho pela cidade e pelos turistas que vieram curtir a folia”. ELCI VASCONCELOS, Coordenador de limpeza urbana

    A limpeza foi destaque durante os dias de folia

    Servidores deixaram a cidade limpa durante o carnaval

    tEmPO DE FEStA E DE gERAçãO DE REnDA Em itAbiRitOAlém de festa, o Carnaval foi sinônimo de

    geração de renda. Durante a folia, a comercia-

    lização de alimentos no Circuito Central ficou

    a cargo da Associação do Comércio Ambulan-

    te e de Barraqueiros de Itabirito - Acomabi. Ao

    todo, foram 18 comerciantes envolvidos, sendo

    14 barracas e quatro food trucks, sob o geren-

    ciamento da Secretaria de Desenvolvimento

    Econômico.

    Neste ano, a Praça de Alimentação foi insta-

    lada na Rua Belmiro Martins Paranhos, trazen-

    do mais conforto para os foliões. Os ambulantes

    também passaram por um treinamento para

    melhor atender a quem esteve em Itabirito e, no

    combate ao comércio irregular, contaram com

    o trabalho da fiscalização de posturas, que atou

    efetivamente ao longo do evento.

    DESENVOLVIMENTO ECONôMICO

    “o movimento para a acomabi foi bom. acreditava que esse novo formato não seria viável em termos de economia, mas superou minhas expectativas. em conversas com clientes, tive feedbacks positivos do novo formato, por exemplo, por volta de meia-noite havia muitas crianças na rua, o que não víamos antes”. NILSON CARVALhO, presidente da Acomabi

  • Saae continua obras para despoluir os córregos e o Rio Itabirito

    Nova rede de drenagem na Rua Capitão Serafim

    Saae recebe visita do Grupo águas do Brasil

    O SAAE vai realizar em breve a interligação do-

    méstica nas redes de esgoto de Itabirito e com isso os

    córregos locais e o Rio Itabirito estarão praticamente

    despoluídos. Isso será possível após as obras de cons-

    trução dos interceptores de esgoto nas margens dos

    córregos Carioca, Criminoso e São José, que permi-

    tem levar o esgoto para tratamento na ETE- Estação

    de Tratamento de Esgoto, localizada no Marzagão.

    Essas ações fazem parte do Programa Cór-

    rego Limpo, que contempla, além das obras

    interceptoras, o monitoramento da qualidade das

    águas e a conscientização da população sobre a

    O Saae de Itabirito realizou a obra de

    drenagem da Rua Capitão Serafim, com a

    implantação de 120 metros de manilha de

    concreto de 600 mm. A obra, já foi concluída e

    teve a função de dar mais agilidade no escoamen-

    to de águas pluviais na região, já que a rede antiga

    não suportava o volume de água das chuvas.

    No dia 21 de fevereiro, técnicos da empre-

    sa de saneamaneto do Grupo Águas do Brasil

    (Campos dos Goitacazes/RJ, Niterói/RJ e Pará de

    Minas) visitaram o Saae de Itabirito para conhe-

    cer o sistema de tratamento do logo – Wetland.

    Esse sistema é pioneiro no país e consiste

    no tratamento de resíduos de forma simples

    e eficaz, com baixo custo de instalação e

    operação e mais “sustentável”.

    Na ocasião, os visitantes conheceram a

    ETE e também o CCO – Centro de Controle

    Operacional, que foi premiado no evento

    nacional da Assemae pelas melhores experiên-

    cias de sucesso em saneamento básico entre

    os municípios brasileiros.

    SAAE

    importância de se preservar os córregos.

    Para agilizar esses trabalhos de despoluição, o

    Saae contratou uma empresa para fazer as interli-

    gações de esgoto domésticas, construindo redes

    secundárias e PVs (posto de visita). E os resultados

    já podem ser vistos nos bairros Recanto da Mata, Li-

    berdade, São Mateus, Adão Lopes e Calçadas, que ti-

    veram o lançamento do esgoto retirado do Córrego.

    Além disso, novas redes de esgotos estão sendo cons-

    truídas. Um exemplo disso aconteceu na Rua da Pe-

    dreira, no São José, onde os moradores não tinham o

    benefício do serviço de esgotamento sanitário.

    Essas ações fazem parte do Programa Córrego Limpo

    Técnicos de saneamaneto do Grupo Águas do Brasil em visita ao Saae

    Obra de drenagem na rua Capitão Serafim

    A próxima etapa será recolher o esgoto dos bair-

    ros Floresta, Novo Itabirito, Itaubira e São José. ‘‘Com

    a finalização dessa etapa, poderemos dizer que todos

    os esgotos domésticos estarão conectados na rede

    interceptora, sendo retirada uma grande concen-

    tração dos esgotos no Córrego São José’’, afirma

    Wagner Melillo, diretor presidente do Saae

    de Itabirito.

    Segundo Melillo, mais de 12 milhões de litros de

    esgoto/mês que eram lançados nos córregos que de-

    sembocam no Rio Itabirito passaram a ser coletados

    e tratados antes de serem lançados no rio.

    “Mais de 12 milhões de

    litros de esgoto deixam de

    ser lançados nos rios”

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    Com o objetivo de evitar a proliferação da

    esporotricose na cidade, a Secretaria de Saúde vem

    realizando uma série de ações. No dia 2 de

    fevereiro, funcionários da Vigilância Ambiental

    participaram de uma capacitação sobre esporo-

    tricose com a médica veterinária e vereadora de

    Conselheiro Lafaiete, Carla Sássi. O encontro teve

    como objetivo preparar os agentes de endemias

    para identificar os possíveis casos da doença em

    animais, encaminhando-os para tratamento.

    balaio de gatoEm dezembro, o SCA idealizou uma ação deno-

    minada “Balaio de Gato – Itabirito contra a espo-

    rotricose”. A iniciativa, realizada em São Gonça-

    lo do Bação, área com maior incidência de casos,

    consistiu no atendimento clínico aos gatos do

    distrito para identificar os animais com suspeita

    da doença. As consultas foram feitas pelos alunos

    da Escola da Veterinária da UFMG. Encontro teve por objetivo preparar os agentes de endemias

    SAúDE

    açõeS São realIzadaS para elIMInar doença Itabirito contra a esporotricose:

    “a melhor solução para evitar que a doen-ça se espalhe é cuidar dos animais doentes, adotando, para isso, algumas precauções simples, como o uso de luvas e a lavagem cuidadosa das mãos. os tutores não devem abandonar, maltratar ou sacrificar o animal com suspeita”

    ANA LIz BASTOS, coordenadora do Serviço de Controle Animal (SCA)

    “É importante conhecermos os traba-lhos bem sucedidos, como o realizado em conselheiro lafaiete, para utilizar-mos os mesmos métodos. no encontro também tivemos acesso a mais infor-mações para, assim, sabermos orientar melhor toda a população”

    VIVIANE CASTRO, agente de endemias

    FEBRE AMARELA itabirito segue firme no combate

    Itabirito está trabalhando duro para com-

    bater o avanço da febre amarela na cidade. Só

    em 2018, cerca de cinco mil pessoas já foram

    vacinadas. Para facilitar o acesso da população

    à vacina, foram realizadas ações de mobiliza-

    ção nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) no

    sábado, mutirões e vacinação porta a porta

    na zona rural.

    Seguindo a orientação da Secretaria Esta-

    dual de Saúde e do Ministério da Saúde, a va-

    cinação é administrada para pessoas a partir

    de nove meses de idade. Idosos e gestantes

    somente não são vacinados se tiverem algu-

    ma contraindicação. Pessoas com imunidade

    comprometida, como em tratamento com

    corticóides, radioterapia ou quimioterapia,

    não podem tomar a vacina. Quem possui gra-

    ve alergia a ovo também não deve receber a

    imunização.

    • Se você ainda não está imunizado, procure a UBS mais próxima e vacine-se;• utilize repelente conforme a instrução do fabricante do produto;• utilize cortinados sobre as camas e telas em janelas e portas;• utilize roupas de manga e calça comprida;• Evite entrada na mata, visita a sítios, fazendas, clubes rurais, cachoeiras, etc.

    PREVINA-SE:

    Apenas uma dose é suficiente para prote-

    ger o indivíduo durante toda a vida. Portanto,

    é importante que as pessoas que ainda não toma-

    ram a vacina compareçam à UBS de referência,

    portanto cartão de vacina, para receber a dose.

    É importante lembrar que o aparecimento de

    macacos mortos alerta o serviço de saúde para

    o próximo local onde a doença pode aparecer,

    sendo um indicador de onde o serviço de

    saúde deve atuar naquele momento. Desta forma,

    sempre que avistar um macaco morto entre em

    contato pelo telefone 3561-4033.

    A ESPOROTRICOSE A esporotricose é uma micose causa-

    da pelo fungo Sporothrixschenckii e, por

    afetar animais, especialmente os gatos, e

    humanos, é considerada uma zoonose. No

    homem, a esporotricose se manifesta na

    forma de lesões na pele, que geralmente

    aparecem nos braços, pernas ou rosto.

    Nos gatos, as manifestações clínicas são

    variadas. Os sinais mais observados são as

    lesões ulceradas na pele, ou seja, feridas

    profundas, geralmente com pus, que não

    cicatrizam e costumam evoluir rapida-

    mente. Nos dois casos, ela é tratável.

    Em caso de suspeita de contaminação

    do seu gato, entre em contato com o Ser-

    viço de Controle Animal pelo telefone

    98897-1659.

    Não mate macacos, eles não transmitem a febre amarela!

  • Volta às aulasAs escolas municipais de Itabirito estão de

    portas abertas para mais um ano letivo!

    De volta às salas de aula no dia 19 de fevereiro,

    a rede de ensino unificou o calendário à agenda

    estadual para otimizar a logística da Secretaria de

    Educação e do Transporte Escolar Municipal.

    Natália Donada

    Laura Queiroz

    Acuruí

    Natália Donada

    Creches

    Ribeirão Eixo

    Guilherme Hallais França Marzagão

    EDUCAÇÃOrede de ensino está de portas abertas para receber os alunos!

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    SOCIALPrefeitura realiza pesquisa de demanda habitacional

    Violência doméstica é tema da primeira reunião do Fórum dos Direitos da Criança e do Adolescente

    A Prefeitura de Itabirito está realizando uma pes-

    quisa para avaliar o desenvolvimento de um novo

    empreendimento habitacional na cidade. A análise

    tem como objetivo identificar o perfil do público que

    pretende adquirir um imóvel por financiamento na

    cidade.

    Por se tratar de uma pesquisa e não de uma inscri-

    ção, qualquer pessoa, independente da renda, pode

    participar. O preenchimento do questionário não

    garante o atendimento com o financiamento

    habitacional. Não é necessário apresentar qualquer

    documento na entrega da pesquisa.

    Como participar O questionário está disponível no site da Prefei-

    tura, no Departamento de Protocolo da Prefeitura,

    na Secretaria de Assistência Social, nos Centros de

    No dia 7 de fevereiro foi realizado o primeiro

    encontro do Fórum dos Direitos da Criança e do

    Adolescente de Itabirito em 2018. A reunião teve

    como tema violência doméstica e familiar contra

    criança e adolescente – construindo alternativas

    e reuniu representantes do poder público, orga-

    nização da sociedade civil, Polícia Civil, Conselho

    Tutelar, Comissariado da Infância e Juventude,

    Judiciário e Ministério Público, compondo toda a

    rede de atendimento do Sistema de Garantia de

    Direitos que atuam no município referente a

    crianças e adolescentes.

    Foram discutidos assuntos como violações de

    direitos, os diversos tipos de violência, negligência,

    abandono, maus-tratos, medidas e programas de

    proteção e medidas protetivas.

    Encontro reuniu representantes de toda a rede de atendimento à criança e adolescente

    Levantamento tem o objetivo de identificar perfil do público que pretende adquirir imóvel por financiamento

    Referências de Assistência Social (Cras) e nas uni-

    dades de Saúde como Unidades Básicas de Saúde

    (UBSs), Caps Adulto e Infantil, UPA 24 horas, Centro

    de Reabilitação de Fisioterapia, Centro de Especia-

    lidades Médicas, CEAE (antigo Viva Vida Hiperdia),

    Centro Especializado de Odontologia e CER/APAE.

    A pesquisa deve ser respondida de acordo com as

    orientações no verso do formulário e entregue até 15

    de março. O recolhimento acontece de segunda a sex-

    ta-feira, das 12h às 18h, somente nos locais abaixo:

    Sede da Secretaria de Assistência Social:

    Rua Artur Bernardes, 11, Centro;

    Cras - Padre Adelmo:

    Rua Ana Maria Teixeira, 453, bairro Santa Efigênia;

    Cras - Maria Loura:

    Rua Francisco Marques Júnior, 69, bairro Nossa

    Senhora de Fátima.

    “a violência, de uma forma geral, é um assunto que demanda ações em conjunto. e o objetivo do fórum é justamente reunir as pessoas que atuam na rede para buscar soluções efetivas”KLéBER DE SOUzA, voluntário da Ong Pró-Bem e responsável pela palestra

    “os encontros são muito positivos. É um aprendizado que tem ajudado muito as enti-dades que estão participando. as discussões são sempre muito úteis e esclarecedoras” MARIA LUíSA ROSA, coordenadora da Fanpaz

    Fórum dos Direitos da Criança e do Adolescente

    O Fórum dos Direitos da Criança e do Adoles-

    cente foi criado em agosto de 2017 com o objetivo

    de promover a integração entre os diversos segmen-

    tos que atuam na rede de atendimento às crianças e

    adolescentes, otimizando e fortalecendo os serviços

    prestados. Os encontros são realizados mensalmen-

    te, nas primeiras quartas-feiras de cada mês.

    Mais informações podem ser obtidas na Secretaria de Assistência Social pelos telefones 3561-4147, 3561-4010 e 98894-3189.

  • JANEIRO E FEVEREIRO DE 2018 | WWW.ItABIRItO.Mg.gOV.BR

    Bolsa Atleta: Prefeitura de Itabirito apoiará talentos do esporte

    ESPORTES E LAzER

    A Prefeitura de Itabirito lançará ainda neste

    semestre o programa municipal Bolsa Atleta. O

    projeto é mais uma iniciativa para ampliar o

    apoio aos atletas da cidade.

    O público-alvo são atletas que já treinam de

    RECORDE! Futsal para todas as idades

    Golden Biker: lançamento da quinta temporada

    A Prefeitura contemplará, de forma inédita, sete

    categorias na Taça Cidade Ativa de futsal deste ano:

    de sub-7 a adulto. As disputas terão início em abril,

    com as categorias sub-7 a sub-13, se estendendo até o

    segundo semestre.

    A Secretaria de Esportes e Lazer lançou,

    no dia 26 de janeiro, na Praça da Estação, a

    quinta temporada do Golden Biker.

    A principal novidade é a homologação

    do circuito junto à Federação Mineira de

    Ciclismo - FMC. Com isso, além do ranking

    específico do Golden Biker, os ciclistas

    pontuarão no ranking estadual.

    As provas válidas pelo circuito aconte-

    cerão nos dias 25/03, 6/05 e 29/07. A edi-

    ção Premium será disputada em 9/09, en-

    quanto a Extreme, que fecha o calendário,

    acontecerá em 28/10. O evento é fruto de

    Disputas da Taça Cidade Ativa terão início em abril

    #SóDelas: prova feminina de ciclismo movimenta Itabirito

    Itabiritense disputará Brasileiro de vôlei de praia

    O primeiro fim de

    semana de março foi de

    adrenalina sobre duas

    rodas em Itabirito. O dia

    4 marcou a abertura da

    temporada do Golden

    Biker #SóDelas. A com-

    O itabiritense Victor

    Dantas, de 17 anos, dis-

    puta a primeira etapa do

    Campeonato Brasileiro

    de vôlei de praia sub-19,

    neste mês, em Maceió. Na

    Prova de Fogo: parceria com o Bombeiro

    Representantes das Secretarias de Esportes e Lazer e de Segurança e Trânsito

    Victor (à direita) ao lado do treinador Marcos

    Ciclistas pontuarão no ranking estadual

    A equipe do Bombeiro Municipal participará,

    entre março e setembro, do desafio Prova de Fogo -

    projeto Vida Saudável em 180 dias. Fruto de parceria

    entre as secretarias de Esportes e Lazer e de Seguran-

    ça e Trânsito, o projeto contemplará 29 integrantes,

    entre bombeiros, atendentes e serventes.

    “Nesses 180 dias, os participantes terão orienta-

    ções de profissionais da área da saúde para aprimorar o

    desempenho físico e emocional, garantindo também

    a melhoria da qualidade de vida. A integração entre

    as secretarias mostra a preocupação com a satisfação

    do servidor”, destaca o educador físico e coordenador

    Nélio Santos.

    A equipe do Bombeiro será dividida em três gru-

    pos - azul, vermelho e verde. A partir de dados como

    o IMC serão definidas metas individuais e coletivas.

    A cada mês, o participante de melhor pontuação em

    cada grupo será premiado. Ao fim do projeto, será a

    vez dos grupos e dos três melhores no geral.

    “É um incentivo para que nossa equipe atinja um

    condicionamento físico ainda melhor. A parceria co-

    meçou há um ano, com os treinamentos, e já temos

    resultados. Agora, esse projeto se alia ao interesse

    de prestar um serviço ainda mais qualificado à po-

    pulação”, exalta Leidiana de Fátima, comandante do

    Bombeiro Municipal.

    forma regular com o objetivo de representar Itabi-

    rito em competições de alto rendimento. Haverá

    critérios específicos para definição dos beneficia-

    dos e dos valores a serem repassados.

    Este será o primeiro ano do projeto Bolsa Atle-

    ta. De acordo com a secretaria de Esportes e

    Lazer, a ideia é ampliá-lo e também aprimorá

    -lo cada vez mais, demonstrando a preocupação

    da Prefeitura de Itabirito com as novas

    gerações do esporte.

    petição exclusiva para

    mulheres teve dois per-

    cursos: um completo,

    com 18 quilômetros, e

    outro reduzido, com dez

    quilômetros.

    A prova reuniu cerca

    capital alagoana, o jovem

    atleta representará Minas

    Gerais ao lado de Juan Pe-

    terson, de Betim.

    A convocação para a

    seleção mineira é um dos

    pontos altos da trajetória

    iniciada aos seis anos. Des-

    de então, Victor acumula

    duas participações em es-

    taduais, com um título e

    um terceiro lugar, e agora

    se prepara para disputar

    o Campeonato Brasileiro

    de 50 atletas, de Ita-

    birito e região, além

    de cidades como Sete

    Lagoas e Carmópo-

    lis de Minas. As dez

    primeiras colocadas de

    cada percurso subiram

    ao pódio para a pre-

    miação individual.

    No reduzido, o pri-

    meiro lugar ficou com

    Maria Aparecida de Sou-

    za. No completo, a cam-

    peã foi Tamires Cecote.

    pela segunda vez.

    “A Prefeitura de Itabiri-

    to e o Marcos, meu treina-

    dor, sempre me apoiaram.

    Desde pequeno, só traba-

    lhei com ele, que também

    vem me preparando psi-

    cologicamente. Isso me

    ajuda demais”, destaca o

    versátil atleta, que, após

    12 anos de parceria, se

    mudará para Limeira. No

    interior paulista, ele atua-

    rá em torneios de quadra.

    parceria entre a Prefeitura e a Liga Despor-

    tiva Municipal de Itabirito (LDMI).