Palestra germano

of 20 /20
www.csn.com.br Companhia Siderúrgica Nacional

Embed Size (px)

Transcript of Palestra germano

  • www.csn.com.br

    Companhia Siderrgica Nacional

  • AOS ELTRICOS

    - GRO ORIENTADO - GO Eq. Estticos (Transformadores)

    - GRO NO ORIENTADO - GNO Eq. Rotativos (Motores)

    - TOTALMENTE PROCESSADO: A principal funo do tratamento de alvio de tenses que permite uma reduo das perdas de at 10 % e aumento da permeabilidade em at 50 %.

    - SEMI-PROCESSADO:A otimizao das propriedades magnticas obtida com a realizao do TT (Termo-qumico) que permite uma reduo das perdas em 50 % e aumento da permeabilidade em at 300 %.

  • Ao Eltrico GNO SEMI-PROCESSADO

    Aplicao

    Ncleos de equipamentos eltricos

    Compressor

    Motor

    lamelas de estator e rotor

  • Ao Eltrico

    Tendncia e Desenvolvimento

    - Minimizao do consumo energtico;

    - Conscientizao do mercado consumidor;

    - Sofisticao de equipamentos - maior eficincia e vida til;

    - Busca de competitividade no mercado mundial dos fabricantes nacionais de compressores e motores.

    Preocupao nacional com o consumo de energia eltrica

    Aumento do uso de aos de mdia e alta eficincia

    Aplicao de ao

  • PROPOSTA INMETRO

    Motores Eficientes com Custo Competitivo

    DESAFIOS:

    PRODUTORES DE MOTORES:

    - Otimizao do Projeto do Motor

    - Otimizao do Processo (Estampagem, Trat. Trmico, etc...)

    PRODUTORES DE INSUMOS:

    - Otimizao dos Materiais (Cobre, Ao, etc...)AO:

    - Composio Qumica adequada (Aciaria)

    - Processo Otimizado (LQ, LF, Recozimento, Encruamento)

  • FLUXO DE PRODUO DE AO ELTRICO NA CSN

    BF de Ao

    Eltrico

  • ACIARIA (Custo)Composio Qumica: Propr. Eltricas, Desgaste de Ferramental, etc...Baixo Nvel de Impurezas: Propr. Eltricas

    LAMINAO A QUENTETemperatura de Acabamento e Bobinamento: Textura

    LAMINAO A FRIOTaxa de reduo

    RECOZIMENTOCiclo de recozimento: Propr. Eltricas e mecnicas, Uniformidade das propr.

    ENCRUAMENTOTaxa de encruamento: Tamanho de gro final, Propr. Eltricas

  • RHRH RH

    FORNO RH

    Descarbonizao, Acerto da CQ, Desoxidao

    Produo:230 t (~40 min)

  • Mquina de Lingotamento ContnuoLimpeza Interna, Homogenidade de CQ, Qualidade Superficial, etc...

    Produo: 225 t (~40 min)

  • LAMINAO A QUENTE

    -Temperaturas de Laminao:

    Otimizadas para o produto final

    (Acabamento e Bobinamento)

    -Espessura a quente

    Planicidade

    - Isotropia das prop. Eltricas

  • Principais caractersticas bom acabamento superficial

    estreitas tolerncias de espessura

    perfil transversal controlado

    planicidade

    rugosidade

  • Principais variveis processo: Ciclo Trmico - Temperatura - Velocidade - taxa de encruamento Propriedades eltricas otimizadasPrincipais caractersticas do material : Composio qumica - cond. laminao a quente - taxa de reduo a frio - dimenses

    Limpeza Encru-amento

  • Essa etapa fundamental para a otimizao das propriedades eltricas, principalmente, devido a descarbonetao e recristalizao (crescimento do tamanho de gro), com os quais podemos reduzir as perdas pela metade e ter um aumento da permeabilidade de 100 a 300 %.

    Principais Objetivos do Recozimento Final

    Reduo do teor de Carbono

    Alvio de tenses

    Recristalizao (crescimento de gro)

    Formao de camada isolante (azulamento)

    Processo de Recozimento Finaldos Aos Semi-processados

  • Recristalizao - crescimento de gro

    Antes do Recozimento

    Aps Recozimento

  • AO ELTRICO CSN: CSN CORE 55700 II

    Perda no Ncleo (1,5 T/60 Hz) = 5,0 / 5,5 W/kg (0,5 mm de esp.)

    Permeabilidade Magntica (1,5 T/60 Hz) = ~2500 G/Oe

    Composio Qumica (%): C=

  • CONCLUSOPara o desafio do INMETRO MOTORES ELTRICOS MAIS EFICIENTES QUALIDADE COM CUSTO COMPETITIVO, no que tange a ao para fins eltricos, temos que ter uma viso geral no fluxo de produo do ao, focando sempre na aplicao final do produto no cliente, a um custo competitivo.

  • Fuel efficiency

    CO2 emissions

    ComfortDrivingperformance

    AoCost

    Equipamentos Eletro

    Eletrnicos

    Automobilstico

    Construo Civil

    TubosPerfilao

    Mquinas eImplementos

    Agrcolas

    Linha Branca e Utilidades Domsticas

    Embalagem

    Segmentos de Mercado

  • Balano 2005 Produo de ao bruto: 5.200.000 t

    Volume vendido: 4.860.000 t

    Lucro lquido de R$ 2 bilhes

    Receita lquida de R$ 10 bilhes

    Investimentos de US$ 5,1 bi at 2011 expanso da capacidade produtiva da mina de Casa de Pedra, instalao de quatro altos-fornos, para a produo de mais seis milhes de toneladas de placas de ao e aquisio de ativos de laminao nos mercados americano e europeu )

  • CSN CORE 50900alta perda

    CSN CORE 55700mdia perda

    CSN CORE 50450baixa perda

    (no disponvel)

    0

    2

    4

    6

    8

    10

    CSN MOT

    w

    /

    k

    g

    1,0/60

    1,0/50

    1,5/60

    1,5/50

    Especificaes CSN - 0,50 mm

  • CARREGAMENTO DE GUSA

    CARREGAMENTO DE CARREGAMENTO DE GUSAGUSA

    Conversor LD: Comp. Qumica inicialProduo: 230 t (~40 min)