Cartilha - eerp.usp.br§ão.pdf · notifica ção do primeiro caso de ... temos no Brasil 62...

of 41/41
  • date post

    07-Dec-2018
  • Category

    Documents

  • view

    213
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Cartilha - eerp.usp.br§ão.pdf · notifica ção do primeiro caso de ... temos no Brasil 62...

CartilhaCartilha

Gripe SuGripe Sunana

DDVIDASVIDAS

Desde 24 de abril, data do primeiro alerta dado pel a OMS Desde 24 de abril, data do primeiro alerta dado pel a OMS

(Organiza(Organiza o Mundial da Sao Mundial da Sa de) sobre o surgimento da nova doende) sobre o surgimento da nova doen a, ata, at

o dia 15 de julho, o Ministo dia 15 de julho, o Minist rio da Sario da Sa de sde s havia registrado casos no pahavia registrado casos no pa s s

de pessoas que tinham contrade pessoas que tinham contra do a doendo a doen a no exterior ou pego de quem a no exterior ou pego de quem

esteve fora. No dia 16 de julho, o Ministesteve fora. No dia 16 de julho, o Minist rio da Sario da Sa de recebeu a de recebeu a

notificanotifica o do primeiro caso de transmisso da Influenza A ( H1N1) no o do primeiro caso de transmisso da Influenza A ( H1N1) no

Brasil sem esse tipo de vBrasil sem esse tipo de v nculo. Tratanculo. Trata --se de paciente do Estado de So se de paciente do Estado de So

Paulo, que morreu no Paulo, que morreu no ltimo dia 30 de junho. Esse caso nos dltimo dia 30 de junho. Esse caso nos d a a

primeira primeira evidncia de que o novo vevidncia de que o novo v rus estrus est em circulaem circula o em territo em territ rio rio

nacionalnacional . Todas as estrat. Todas as estrat gias que o MS deveria adotar numa situagias que o MS deveria adotar numa situa o o

como esta jcomo esta j foram tomadas hforam tomadas h quase trs semanas. O Brasil se quase trs semanas. O Brasil se

antecipou. A atualizaantecipou. A atualiza o constante de nossas ao constante de nossas a es contra a nova gripe es contra a nova gripe

permitiu que, neste momento, toda a rede de sapermitiu que, neste momento, toda a rede de sa de esteja integrada para de esteja integrada para

manter e reformanter e refor ar as medidas de atenar as medidas de aten o o populapopula o.o.

Existe transmisso sustentada do vrus da Influenza A (H1N1) no Brasil?

Elas so causadas por diferentes subtipos do vElas so causadas por diferentes subtipos do v rus Influenza. rus Influenza. Os Os

sintomas so muito parecidos e se confundem: febre repentina, tosintomas so muito parecidos e se confundem: febre repentina, to sse, dor sse, dor

de cabede cabe a, dores musculares, dores nas articulaa, dores musculares, dores nas articula es e coriza. es e coriza. Por isso, no Por isso, no

importa, neste momento, saber se o que se tem importa, neste momento, saber se o que se tem gripe comum ou a nova gripe comum ou a nova

gripe. A orientagripe. A orienta o o , ao ter alguns desses sintomas, procure seu m, ao ter alguns desses sintomas, procure seu m dico dico

ou vou v a um posto de saa um posto de sa de. de. importante frisar que, na gripe comum, a importante frisar que, na gripe comum, a

maioria dos casos apresenta quadro clmaioria dos casos apresenta quadro cl nico leve e quase 100% evoluem nico leve e quase 100% evoluem

para a cura. Isso tambpara a cura. Isso tamb m ocorre na nova gripe. m ocorre na nova gripe. Em ambos os casos, o total Em ambos os casos, o total

de pessoas que morrem apde pessoas que morrem ap s contras contra rem o vrem o v rus em todo o mundo rus em todo o mundo , em , em

mmdia, de 0,5%.dia, de 0,5%.

Qual a diferena entre a gripe comum e a Influenza A (H1N1)?

Se voc tiver sintomas como febre repentina, tosse, dor de Se voc tiver sintomas como febre repentina, tosse, dor de

cabecabe a, dores musculares, dores nas articulaa, dores musculares, dores nas articula es e coriza, procure es e coriza, procure

um mum m dico ou um servidico ou um servi o de sao de sa de, como jde, como j se faz com a gripe se faz com a gripe

comum. comum.

Quando eu devo procurar um mdico?

Qualquer pessoa que apresente sintomas de gripe dev e Qualquer pessoa que apresente sintomas de gripe dev e

procurar seu mprocurar seu m dico de confiandico de confian a ou o servia ou o servi o de sao de sa de mais prde mais pr ximoximo , ,

para receber o tratamento adequado. Nos casos de ag ravamento ou para receber o tratamento adequado. Nos casos de ag ravamento ou de de

pessoas que fapessoas que fa am parte do grupo de risco, os pacientes sero am parte do grupo de risco, os pacientes sero

encaminhados a um dos 68 hospitais de referncia.encaminhados a um dos 68 hospitais de referncia.

O que fazer em caso de surgimento de sintomas?

Essa mudanEssa mudan a ocorreu porque um percentual significativo a ocorreu porque um percentual significativo

mais de 70% mais de 70% das amostras de casos suspeitos analisadas em das amostras de casos suspeitos analisadas em

laboratlaborat rios de referncia, antes dessa mudanrios de referncia, antes dessa mudan a, no era da nova a, no era da nova

gripe, mas de outros vgripe, mas de outros v rus respiratrus respirat riosrios . Com o aumento do n. Com o aumento do n mero mero

de casos no pade casos no pa s, a prioridade do sistema ps, a prioridade do sistema p blico de sablico de sa de de

detectar e tratar com a mdetectar e tratar com a m xima agilidade os casos graves e evitar xima agilidade os casos graves e evitar

mortes. mortes.

Por que o exame laboratorial parou de ser realizado em todos os casos suspeitos?

importante ficar claro que vimportante ficar claro que v rios parios pa ses esto adotando a mesma ses esto adotando a mesma

prpr tica, por recomendatica, por recomenda o da Organizao da Organiza o Mundial da Sao Mundial da Sa de. Vamos continuar de. Vamos continuar

a registrar o na registrar o n mero de casos. Como jmero de casos. Como j ocorre com surtos de gripe comum, ocorre com surtos de gripe comum,

vamos confirmar uma amostra de casos e todos os out ros que tivervamos confirmar uma amostra de casos e todos os out ros que tiver em os em os

mesmos sintomas e no mesmo ambiente, seja em casa, na escola, nomesmos sintomas e no mesmo ambiente, seja em casa, na escola, no trabalho, trabalho,

na igreja ou no clube, sero confirmados por vna igreja ou no clube, sero confirmados por v nculo epidemiolnculo epidemiol gico. Algico. Al m m

disso, temos no Brasil disso, temos no Brasil 62 unidades de 62 unidades de Rede SentinelaRede Sentinela em todos os estados, em todos os estados,

com a funcom a fun o o de monitorar a circulade monitorar a circula o do vo do v rus influenza e ocorrncia de rus influenza e ocorrncia de

surtossurtos . Essa rede permite que as autoridades sanit. Essa rede permite que as autoridades sanit rias monitorem a ocorrncia rias monitorem a ocorrncia

de surtos devido ao vde surtos devido ao v rus da gripe comum rus da gripe comum e, agora, do novo ve, agora, do novo v rus rus por meio por meio

da coleta sistemda coleta sistem tica de amostras e envio aos laborattica de amostras e envio aos laborat rios de referncia. rios de referncia.

importante ficar claro que, a partir de agora, o ob jetivo no importante ficar claro que, a partir de agora, o ob jetivo no saber se todos os saber se todos os

que tm gripe foram infectados por vque tm gripe foram infectados por v rus da influenza sazonal ou pelo novo rus da influenza sazonal ou pelo novo

vvrus. Com o aumento no nrus. Com o aumento no n mero de casos, passamos agora a trabalhar com o mero de casos, passamos agora a trabalhar com o

diagndiagn stico coletivo, exceto para aqueles que podem desen volver a formstico coletivo, exceto para aqueles que podem desen volver a form a grave a grave

da doenda doen a, seja gripe comum ou gripe A.a, seja gripe comum ou gripe A.

Se o exame no realizado em todas as pessoas, isso significa que o nmero de casos registrados ser subnotificado?

Apenas os pacientes com agravamento do estado de saApenas os pacientes com agravamento do estado de sa de nas de nas

primeiras 48 horas, desde o inprimeiras 48 horas, desde o in cio dos sintomas, e as pessoas com maior risco cio dos sintomas, e as pessoas com maior risco

de apresentar quadro clde apresentar quadro cl nico grave sero medicados com o Tamiflu. nico grave sero medicados com o Tamiflu. Os demais Os demais

tero os sintomas tratados, de acordo com indicatero os sintomas tratados, de acordo com indica o mo m dica. O objetivo dica. O objetivo

evitar o uso desnecessevitar o uso desnecess rio e uma possrio e uma poss vel resistncia ao medicamentovel resistncia ao medicamento , assim , assim

como jcomo j foi registrado no Reino Unido, Japo e Hong Kong. foi registrado no Reino Unido, Japo e Hong Kong. importante importante

lembrar, tamblembrar, tamb m, que todas as pessoas que compem o grupo de risc o para m, que todas as pessoas que compem o grupo de risc o para

complicacomplica es de influenza requerem avaliaes de influenza requerem avalia o e monitoramento clo e monitoramento cl nico nico

constante de seu mconstante de seu m dico, para indicadico, para indica o ou no de tratamento com o Tamiflu. o ou no de tratamento com o Tamiflu.

Esse grupo de risco Esse grupo de risco composto por: idosos acima de 60 anos, criancomposto por: idosos acima de 60 anos, crian as as

menores de dois anos, gestantes, pessoas com diabet es, doenmenores de dois anos, gestantes, pessoas com diabet es, doen a carda card aca, aca,

pulmonar ou renal crnica, deficincia imunolpulmonar ou renal crnica, deficincia imunol gica (como pacientes com gica (como pacientes com

cncer, em tratamento para AIDS), e tambcncer, em tratamento para AIDS), e tamb m pessoas com doenm pessoas com doen as as

provocadas por alteraprovocadas por altera es da hemoglobina, como anemia falciforme.es da hemoglobina, como anemia falciforme.

Quais os critrios de utilizao para o Tamiflu?

No. O MinistNo. O Minist rio da Sario da Sa de possui estoque suficiente de possui estoque suficiente

de medicamento para tratamento dos casos indicados. Alde medicamento para tratamento dos casos indicados. Al m de m de

comprimidos para uso imediato, temos matcomprimidos para uso imediato, temos mat riaria --prima para prima para

produzir mais nove milhes de tratamentos.produzir mais nove milhes de tratamentos.

O medicamento est em falta?

Atualmente, o Brasil possui Atualmente, o Brasil possui 68 hospitais de referncia68 hospitais de referncia

para tratamento de pacientes graves infectados pelo novo vpara tratamento de pacientes graves infectados pelo novo v rus. rus.

Nestas unidades, existem Nestas unidades, existem 900 leitos com isolamento900 leitos com isolamento adequado adequado

para atender aos casos que necessitem de internapara atender aos casos que necessitem de interna o. o. Todos os Todos os

outros hospitais esto preparados para receber paci entes com outros hospitais esto preparados para receber paci entes com

sintomas leves de gripesintomas leves de gripe ..

Os hospitais esto preparados para atender pacientes com a Influenza A (H1N1)?

Alguns cuidados bAlguns cuidados b sicos de higiene sicos de higiene podem ser tomados, podem ser tomados,

como: como: lavar bem as mos frequentemente com lavar bem as mos frequentemente com gua e sabo, evitar gua e sabo, evitar

tocar os olhos, boca e nariz aptocar os olhos, boca e nariz ap s contato com superfs contato com superf cies, no cies, no

compartilhar objetos de uso pessoal e cobrir a boca e o nariz cocompartilhar objetos de uso pessoal e cobrir a boca e o nariz co m m

lenlen o descarto descart vel ao tossir ou espirrar.vel ao tossir ou espirrar.

Como eu posso me prevenir da doena?

PERGUNTASPERGUNTAS

EE

RESPOSTASRESPOSTAS

A influenza suA influenza su na (gripe suna (gripe su na) na) uma doenuma doen a a

respiratrespirat ria dos porcos causada por um vria dos porcos causada por um v rus de influenza rus de influenza

do tipo A, que do tipo A, que motivo de surtos regulares em porcos. As motivo de surtos regulares em porcos. As

pessoas, normalmente, no contraem a gripe supessoas, normalmente, no contraem a gripe su na, porna, por m m

infecinfec es em seres humanos podem acontecer e de fato es em seres humanos podem acontecer e de fato

acontecem. acontecem. Estudos mostraram que os vEstudos mostraram que os v rus da gripe surus da gripe su na na

podem se disseminar de pessoa para pessoa; porpodem se disseminar de pessoa para pessoa; por m, no m, no

passado, essa transmisso era limitada e no susten tada passado, essa transmisso era limitada e no susten tada

para alpara al m de trs pessoasm de trs pessoas . .

O que a Influenza A/H1N1?

No final de marNo final de mar o e no comeo e no come o de abril de 2009, foram o de abril de 2009, foram

notificados os primeiros casos de infecnotificados os primeiros casos de infec o humana causada pela o humana causada pela

influenza suinfluenza su na A (H1N1) no sul da Califna A (H1N1) no sul da Calif rnia e prrnia e pr ximo de San ximo de San

Antonio, no Texas. Outros estados americanos notifi caram casos Antonio, no Texas. Outros estados americanos notifi caram casos

de influenza sude influenza su na em seres humanos e tambna em seres humanos e tamb m foram notificados m foram notificados

casos internacionais. Uma contagem atualizada de in feccasos internacionais. Uma contagem atualizada de in fec es es

confirmadas de gripe suconfirmadas de gripe su na estna est dispondispon vel no site vel no site

HTTP://www.cdc.gov/swineflu/investigation/htmHTTP://www.cdc.gov/swineflu/investigation/htm . O CDC e . O CDC e

agncias locais de saagncias locais de sa de esto trabalhando em conjunto para de esto trabalhando em conjunto para

investigar essa situainvestigar essa situa o.o.

Existem infeces humanas pela Influenza A/H1N1 nos Estados Unidos?

O CDC concluiu que esse vO CDC concluiu que esse v rus da influenza surus da influenza su na na

tipo A (H1N1) tipo A (H1N1) contagioso e estcontagioso e est se disseminando de pessoa se disseminando de pessoa

para pessoa. Neste momento, porpara pessoa. Neste momento, por m, no se sabe com que m, no se sabe com que

facilidade o vfacilidade o v rus se transmite entre as pessoas. rus se transmite entre as pessoas.

Esse vrus contagioso?

Os sintomas da gripe suOs sintomas da gripe su na nos seres humanos so na nos seres humanos so

similares aos sintomas da influenza humana comum, e similares aos sintomas da influenza humana comum, e

incluem febre, tosse, garganta inflamada, dores no corpo, dor incluem febre, tosse, garganta inflamada, dores no corpo, dor

de cabede cabe a, calafrios e fadiga. a, calafrios e fadiga. Algumas pessoas relatam Algumas pessoas relatam

diarrdiarr ia e vmitos associados ia e vmitos associados gripe sugripe su na. No passado, na. No passado,

formas graves da doenformas graves da doen a (pneumonia e falncia respirata (pneumonia e falncia respirat ria) ria)

e mortes foram relatadas com a infece mortes foram relatadas com a infec o pela gripe suo pela gripe su na em na em

seres humanos. A exemplo da influenza sazonal, a gr ipe suseres humanos. A exemplo da influenza sazonal, a gr ipe su na na

pode causar uma piora de doenpode causar uma piora de doen as crnicas jas crnicas j existentes. existentes.

Quais so os sinais e sintomas da Influenza A/H1N1 nos seres humanos?

AcreditaAcredita --se que a se que a transmisso do vtransmisso do v rus da gripe rus da gripe

susu na tipo A (H1N1) acontena tipo A (H1N1) aconte a da mesma maneira pela qual se a da mesma maneira pela qual se

transmite a influenza sazonaltransmite a influenza sazonal . Os v. Os v rus da influenza se rus da influenza se

disseminam de pessoa para pessoa especialmente disseminam de pessoa para pessoa especialmente atravatrav s s

de tosse ou espirros das pessoas infectadasde tosse ou espirros das pessoas infectadas . . Algumas vezes, Algumas vezes,

as pessoas podem se infectar tocando objetos que es to as pessoas podem se infectar tocando objetos que es to

contaminados com os vcontaminados com os v rus da influenza e depois tocando rus da influenza e depois tocando

sua boca ou seu narizsua boca ou seu nariz ..

Como se transmite a Influenza A/H1N1?

Como algum que est com a gripe pode infectar outras pessoas?

As pessoas infectadas podem infectar outras a As pessoas infectadas podem infectar outras a

partir do primeiro dia antes do desenvolvimento dos partir do primeiro dia antes do desenvolvimento dos

sintomas e atsintomas e at sete dias ou mais depois de adoecer. Isso sete dias ou mais depois de adoecer. Isso

quer dizer que voc pode transmitir o vquer dizer que voc pode transmitir o v rus para outra rus para outra

pessoa antes de saber que estpessoa antes de saber que est doente, bem como depois doente, bem como depois

de adoecer.de adoecer.

Primeira medida e a mais importante: Primeira medida e a mais importante: lave as mos. lave as mos.

Tente permanecer saudTente permanecer saud vel. Durma bem, pratique atividade vel. Durma bem, pratique atividade

ff sica, controle seu stress, beba muito lsica, controle seu stress, beba muito l quido e prefira quido e prefira

alimentos nutritivos. Tente no tocar superfalimentos nutritivos. Tente no tocar superf cies que podem cies que podem

estar contaminadas com o vestar contaminadas com o v rus da gripe. Evite contato rus da gripe. Evite contato

prpr ximo com pessoas doentes.ximo com pessoas doentes.

O que eu devo fazer para evitar contrair a gripe?

Sim. O CDC recomenda o uso do oseltamivir ou do Sim. O CDC recomenda o uso do oseltamivir ou do

zanamivir para tratamento e/ou prevenzanamivir para tratamento e/ou preven o da infeco da infec o por esses o por esses

vvrus da influenza surus da influenza su na. Medicamentos antivirais so drogas na. Medicamentos antivirais so drogas

(comprimidos, l(comprimidos, l quidos ou inalquidos ou inal veis) que combatem a gripe veis) que combatem a gripe

evitando que os vevitando que os v rus se reproduzam em seu corpo. Se voc rus se reproduzam em seu corpo. Se voc

adoecer, os medicamentos antivirais podem tornar su a doenadoecer, os medicamentos antivirais podem tornar su a doen a mais a mais

branda e fazer com que voc se recupere mais depres sa. Eles branda e fazer com que voc se recupere mais depres sa. Eles

tambtamb m evitam complicam evitam complica es graves da influenza. Para o es graves da influenza. Para o

tratamento, os medicamentos antivirais funcionam me lhor se foremtratamento, os medicamentos antivirais funcionam me lhor se forem

administrados logo apadministrados logo ap s a pessoa adoecer (em ats a pessoa adoecer (em at dois dias depois dois dias depois

do indo in cio dos sintomas). cio dos sintomas).

Existem medicamentos para tratar a Influenza A/H1N1 ?

As pessoas infectadas pela influenza suAs pessoas infectadas pela influenza su na podem ser na podem ser

consideradas potencialmente contagiantes durante to do o perconsideradas potencialmente contagiantes durante to do o per odo odo

em que manifestarem os sintomas e possivelmente por em que manifestarem os sintomas e possivelmente por atat 7 dias 7 dias

depois do indepois do in cio da doencio da doen a. a. As crianAs crian as, particularmente as as, particularmente as

menores, podem ser potencialmente contagiantes por permenores, podem ser potencialmente contagiantes por per odos odos

mais longos.mais longos.

Durante quanto tempo a pessoa doente pode transmitir a Influenza A/H1N1 para outras pessoas?

Os germes podem ser transmitidos quando uma pessoa Os germes podem ser transmitidos quando uma pessoa

toca algum objeto contaminado e depois toca seus ol hos, nariz outoca algum objeto contaminado e depois toca seus ol hos, nariz ou

boca. Gotboca. Got culas de tosse ou espirro de pessoas infectadas se culas de tosse ou espirro de pessoas infectadas se

movem pelo ar. Os germes podem ser transmitidos qua ndo uma movem pelo ar. Os germes podem ser transmitidos qua ndo uma

pessoa toca gotpessoa toca got culas da respiraculas da respira o de outras pessoas ou uma o de outras pessoas ou uma

superfsuperf cie, como uma mesa, e ento toca seus olhos, boca o u cie, como uma mesa, e ento toca seus olhos, boca o u

nariz sem lavar as mos. nariz sem lavar as mos.

Quais superfcies podem ser fontes mais provveis de infeco?

Quanto tempo os vrus sobrevivem fora do corpo?

Sabemos que alguns vSabemos que alguns v rus ou bactrus ou bact rias vivem por 2 rias vivem por 2

horas ou mais em superfhoras ou mais em superf cies como mesas de cafeterias, cies como mesas de cafeterias,

mamaanetas de portas e mesas de escritanetas de portas e mesas de escrit rio. rio. Lavar as mos com Lavar as mos com

freqfreq ncia ajuda voc a reduzir as chances de se contami nar a ncia ajuda voc a reduzir as chances de se contami nar a

partir dessas superfpartir dessas superf cies.cies.

No momento, no existe vacina para proteger contra a gripe suNo momento, no existe vacina para proteger contra a gripe su na.na.

Existem aExistem a es cotidianas que podem ajudar a prevenir a dissem inaes cotidianas que podem ajudar a prevenir a dissem ina o dos o dos

germes que causam doengermes que causam doen as respiratas respirat rias tais como a influenza. Para proteger rias tais como a influenza. Para proteger

sua sasua sa de voc deve: de voc deve:

Cubra o nariz e a boca com um lenCubra o nariz e a boca com um len o de papel quando tossir ou o de papel quando tossir ou

espirrar, jogando o lenespirrar, jogando o len o no lixo apo no lixo ap s o uso. s o uso.

Lave as mos com freqLave as mos com freq ncia, usando ncia, usando gua e sabo, especialmente gua e sabo, especialmente

apaps tossir ou espirrar. Produtos para desinfecs tossir ou espirrar. Produtos para desinfec o das mos o das mos base de base de lcool lcool

tambtamb m so eficientes. m so eficientes.

Evite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se transmitem dEvite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se transmitem d essa essa

maneira. maneira.

Tente evitar contato prTente evitar contato pr ximo com pessoas doentes. ximo com pessoas doentes.

Se voc contrair a influenza, o CDC recomenda que f ique em casa,Se voc contrair a influenza, o CDC recomenda que f ique em casa,

evitando ir ao trabalho ou evitando ir ao trabalho ou escola. Evite contato com outras pessoas, para no escola. Evite contato com outras pessoas, para no

infectinfect --las. las.

O que posso fazer para no ficar doente?

Qual o melhor meio para evitar transmitir o vrus pela tosse ou pelo espirro?

Se voc estiver doente, Se voc estiver doente, limite ao mlimite ao m ximo ximo

possposs vel o contato com outras pessoas.vel o contato com outras pessoas. No vNo v ao ao

trabalho ou trabalho ou escola se estiver doentescola se estiver doent Cubra a boca e o Cubra a boca e o

nariz com um lennariz com um len o de papel quando tossir ou espirrar. o de papel quando tossir ou espirrar. e. e.

Isso pode evitar que as pessoas que esto perto de voc Isso pode evitar que as pessoas que esto perto de voc

adoeadoe am. am. Jogue seus lenJogue seus len os de papel usados no lixo. os de papel usados no lixo. Se Se

no tiver lenno tiver len os de papel, cubra com a mo a boca e o os de papel, cubra com a mo a boca e o

nariz, ao tossir ou espirrar e, em seguida, lave as mos. nariz, ao tossir ou espirrar e, em seguida, lave as mos.

FaFaa isso a cada vez que tossir ou espirrar.a isso a cada vez que tossir ou espirrar.

Lavar as mos com freqLavar as mos com freq ncia ajuda voc a se proteger dos ncia ajuda voc a se proteger dos

germes. Lave com germes. Lave com gua e sabo, ou limpe com solugua e sabo, ou limpe com solu es contendo es contendo

lcool. lcool. Recomendamos que, ao lavar as mos Recomendamos que, ao lavar as mos com sabo e com sabo e gua gua

quente quente lave durante 15 a 20 segundos. Quando no houver lave durante 15 a 20 segundos. Quando no houver gua e gua e

sabo disponsabo dispon veis, use lenveis, use len os descartos descart veis contendo veis contendo lcool ou lcool ou

sanitizantes em gel. Voc os encontra em supermerca dos ou sanitizantes em gel. Voc os encontra em supermerca dos ou

farmfarm cias. cias. Quando estiver usando o gel, esfregue as mos atQuando estiver usando o gel, esfregue as mos at que o que o

produto seque. O gel no precisa de produto seque. O gel no precisa de gua para sua agua para sua a o o

desinfetante, uma vez que o desinfetante, uma vez que o lcool que ele contlcool que ele cont m mata os germes m mata os germes

das suas mos. das suas mos.

Qual a melhor tcnica para lavar as mos e evitar contrair a gripe?

Se voc reside em Se voc reside em reas nas quais foram identificados casos de influen za sureas nas quais foram identificados casos de influen za su na e adoecer com sintomas similares na e adoecer com sintomas similares aos da influenza, incluindo febre, dores no corpo, coriza, gargaaos da influenza, incluindo febre, dores no corpo, coriza, garga nta inflamada, nnta inflamada, n useas ou vmitos ou diarruseas ou vmitos ou diarr ia, ia, voc voc deve entrar em contato com seu mdeve entrar em contato com seu m dicodico , particularmente se estiver preocupado com tais si ntomas. Seu m, particularmente se estiver preocupado com tais si ntomas. Seu m dico vai dico vai determinar se so necessdeterminar se so necess rios testes ou tratamentos para influenza. rios testes ou tratamentos para influenza.

Se voc estiver doente, deve ficar em casa e evitar ao mSe voc estiver doente, deve ficar em casa e evitar ao m ximo possximo poss vel o contato com outras pessoas, para evitar vel o contato com outras pessoas, para evitar transmitir sua doentransmitir sua doen a para os outros. a para os outros.

Se voc adoecer e tiver qualquer um dos seguintes s inais de alerSe voc adoecer e tiver qualquer um dos seguintes s inais de aler ta, procure servita, procure servi os mos m dicos de emergncia. dicos de emergncia.

Em crianEm crian as, os sinais de alerta que necessitam de urgente a tenas, os sinais de alerta que necessitam de urgente a ten o mo m dica so os seguintes: dica so os seguintes:

RespiraRespira o acelerada ou difo acelerada ou dif cil cil

ColoraColora o azulada da pele o azulada da pele

No ingerir lNo ingerir l quidos em quantidade suficiente quidos em quantidade suficiente

No acordar ou no interagir No acordar ou no interagir

Estar to irritada que no quer ser carregada ao co lo Estar to irritada que no quer ser carregada ao co lo

Sintomas similares aos da influenza melhoram, porSintomas similares aos da influenza melhoram, por m retornam com febre e piora da tosse m retornam com febre e piora da tosse

Febre com manchas vermelhas Febre com manchas vermelhas

Em adultos, os sinais de alerta que exigem urgente atenEm adultos, os sinais de alerta que exigem urgente aten o mo m dica so os seguintes: dica so os seguintes:

Dificuldade em respirar ou falta de ar Dificuldade em respirar ou falta de ar

Dor ou presso no peito ou no abdmen Dor ou presso no peito ou no abdmen

Tontura repentina Tontura repentina

Confuso mental Confuso mental

Vmitos intensos ou persistentes. Vmitos intensos ou persistentes.

O que devo fazer se eu adoecer?

Como a influenza sazonal, a gripe suComo a influenza sazonal, a gripe su na nos seres na nos seres

humanos pode variar em intensidade de branda a grav e. De 2005 humanos pode variar em intensidade de branda a grav e. De 2005

atat janeiro de 2009, 12 casos humanos da gripe sujaneiro de 2009, 12 casos humanos da gripe su na foram na foram

detectados nos Estados Unidos, sem registro de ocor rncia de detectados nos Estados Unidos, sem registro de ocor rncia de

bitos. A infecbitos. A infec o pela gripe suo pela gripe su na, porna, por m, pode ser grave. Em m, pode ser grave. Em

setembro de 1988, em Wisconsin, uma grsetembro de 1988, em Wisconsin, uma gr vida de 32 anos, que atvida de 32 anos, que at

ento estava saudento estava saud vel, foi internada por causa de pneumonia, vel, foi internada por causa de pneumonia,

depois de ter contradepois de ter contra do a gripe sudo a gripe su na, e morreu oito dias depois. Em na, e morreu oito dias depois. Em

um surto de gripe suum surto de gripe su na ocorrido em Fort Dix , Nova Jersey, em na ocorrido em Fort Dix , Nova Jersey, em

1976, houve mais de 200 casos, com a forma grave da doen1976, houve mais de 200 casos, com a forma grave da doen a a

sendo registrada em muitas pessoas e causando uma m orte.sendo registrada em muitas pessoas e causando uma m orte.

A Influenza A/H1N1 grave?

No. No. Os vOs v rus da influenza surus da influenza su na no se na no se

transmitem pela comida.transmitem pela comida. Voc no vai contrair a gripe Voc no vai contrair a gripe

ingerindo carne de porco ou seus derivados. ingerindo carne de porco ou seus derivados. seguro seguro

consumir carne de porco e seus derivados, desde que consumir carne de porco e seus derivados, desde que

adequadamente manuseados e cozidos. adequadamente manuseados e cozidos.

Eu posso pegar a gripe ingerindo ou preparando carne de porco?

Fonte:Fonte:http://www.cdc.gov/swineflu/investigatihttp://www.cdc.gov/swineflu/investigation/htmon/htm

MinistMinist rio da Sario da Sa dede

Centro de Vigilncia EpidemiolCentro de Vigilncia Epidemiol gica da gica da SecretSecret ria da Saria da Sa de do Estado de So de do Estado de So PauloPaulo

Cartilha da Gripe SuCartilha da Gripe Su nana-- Jornal O Jornal O Estado de So PauloEstado de So Paulo

Imagens:Imagens: InternetInternet

DiagramaDiagrama ooFormataFormata oo

FIMFIM