Demonstra§£o de Resultados

download Demonstra§£o de Resultados

of 16

  • date post

    07-Jul-2015
  • Category

    Documents

  • view

    259
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Demonstra§£o de Resultados

DEMONSTRAO DE RESULTADOS (DR)

JORGE MANUEL QUINTANEIROAluno N 20001038

Melhorado por:

BRUNO RICARDO GOMES MARTINSAluno N 9901013

RESUMO: A Demonstrao de Resultados uma demonstrao financeira, de carcter obrigatrio, na qual se pretende dar uma viso econmico-financeira, simplificada, de uma organizao. Esta ferramenta no mais que um filme da actividade da empresa, explicando e demonstrando como foi gerado o Resultado Lquido num dado perodo contabilstico. Desenvolvem-se explicitamente os tipos de Demonstraes de Resultados existentes, efectuando uma anlise fundamentada dos modelos que constam nas normativas, assim como a relao que existe entre a Demonstrao de Resultados e o Balano. Os Custos, os Proveitos e os Resultados so os trs elementos fundamentais que constituem a Demonstrao de Resultados, razo pela qual estes conceitos da contabilidade so tratados com algum nfase neste trabalho.

INSTITUT0 POLITCNICO DE COIMBRAINSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRADEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL MAIO DE 2007

NDICE1. Introduo...3 2. Demonstrao de Resultados.....4 2.1. Custos....4 2.2. Proveitos....6 2.3. Resultados..7 3. Demonstrao de Resultados por natureza..........8 4. Demonstrao de Resultados por funes...11 5. Interrelacionamento entre Balano e Demonstrao de Resultados14 6. Conceitos Chave........................................................................................................15 7. Concluso...15 8. Bibliografia.16

2

1. INTRODUOA Contabilidade como processo de recolha, anlise, registo e interpretao de tudo o que afecta a riqueza das unidades econmicas , sem dvida, um dos mais poderosos suportes de informao para a gesto. A contabilidade uma actividade que proporciona informao, geralmente quantitativa, para tomadas de decises, planeamento, controlo das fontes e operaes, avaliaes do desempenho e relato financeiro a investidores, credores, autoridades reguladores e ao pblico em geral. O apuramento e acompanhamento dos resultados constituem pois uma absoluta necessidade dentro das organizaes, pois permitem uma correcta e objectiva implantao de medidas correctivas, que visam um melhor desempenho das unidades. Nesta rea operou-se uma mudana gradativa e de simples elemento de recolha de dados passou a instrumento base de gesto. [1] [2] Uma necessidade bsica para uma boa contabilidade de custos a existncia de quantificaes fsicas para todos os valores monetrios. Numa economia globalizada os gestores das empresas necessitam pois, cada vez mais, de informaes para poderem administrar e tomar decises acerca de seu negcio. [2] Nesse sentido, as Demonstraes Financeiras tomam um papel preponderante quando se pretende informaes acerca da posio financeira, do desempenho e das alteraes na posio financeira de uma empresa. As demonstraes financeiras so instrumentos contabilsticos que reflectem a situao econmico-financeira da empresa, evidenciando quantitativamente os respectivos pontos fortes e fracos, permitindo ainda estabelecer comparaes claras relativamente ao passado, aos competidores mais directos e a objectivos pr-definidos. Detectar eventuais desvios entre o desempenho estimado e o real e servir de base a projeces sobre o seu desempenho futuro. Um conjunto completo de demonstraes financeiras inclui, balano, demonstrao de resultados, demonstrao das contas de capitais prprios, demonstrao dos fluxos de caixa e polticas contabilsticas e notas explicativas. [3] Neste documento vai-se tratar pormenorizadamente da Demonstrao de Resultados, com o objectivo de sensibilizar os leitores para a importncia deste mapa financeiro como instrumento fundamental de gesto e organizao de uma empresa. A Demonstrao de Resultados fornece informao acerca do desempenho de uma empresa, em particular a sua lucrabilidade, e necessria a fim de determinar as alteraes potenciais nos recursos econmicos que sejam provveis que ela controle no futuro. O conhecimento da variabilidade do desempenho , a este respeito, importante. A informao sobre o desempenho tambm til para a realizao de um prognstico da capacidade da empresa em gerar fluxos de caixa, a partir dos recursos bsicos existentes, assim como na formao de juzos quanto eficcia com que a empresa pode empregar recursos adicionais. Como evidente, devem existir normas consistentes, caso contrrio seria necessrio indicar em cada demonstrao financeira os pressupostos especficos utilizados na sua elaborao. Ao longo dos anos, foram sendo desenvolvidos alguns princpios com base na experincia, na razo, no hbito e na necessidade prtica. Este documento baseia-se nesses pressupostos e nas normas que lhe so especificamente endereadas.

3

2. DEMONSTRAO DE RESULTADOSA Demonstrao de Resultados um documento contabilstico que fornece um resumo financeiro dos resultados das operaes financeiras da empresa durante um determinado perodo especfico, o qual pretende retratar os proveitos e custos desse mesmo perodo de exerccio. Em suma, trata-se de um mapa financeiro que permite a avaliao do desempenho da empresa no ano e face ao ano anterior. Ao somatrio da facturao do perodo, isto , ao valor total das vendas do perodo, e de outros eventuais proveitos, relativos ao mesmo perodo, subtraem-se todos os custos imputveis ao mesmo perodo. Assim, o saldo final desta aritmtica contabilstica o Resultado Lquido do Exerccio, no caso de se terem tambm deduzido os custos com os impostos. [4] Normalmente, a demonstrao do resultado cobre o perodo de um ano, encerrado numa data especfica, geralmente o dia 31 de Dezembro do ano de calendrio. Algumas grandes empresas, no entanto, podem operar com um ciclo financeiro de 12 meses, ou ano fiscal, que se encerra numa outra data, diferente de 31 de Dezembro. Em muitas empresas h centenas ou talvez at milhares de transaces, todos os meses, envolvendo proveitos e custos. Subordinar todas essas transaces a uma nica conta seria incorrecto e, alm disso, impossibilitaria que se estabelecessem certas relaes entre as vrias rubricas, o que originou um conjunto temporrio de contas de receitas e despesas ao longo do mapa financeiro. [1] Qualquer tipo de empresa, independentemente de seu porte, seja microempresa, empresa de pequeno, mdio, ou grande porte, de qualquer natureza jurdica, seja sociedade, associao, cooperativa, fundao, ou sindicato, etc., necessita manter escriturao contabilstica e consequente elaborao da Demonstrao de Resultados. O Plano Oficial de Contabilidade (POC) contempla duas variantes, a Demonstrao de Resultados por natureza, em que os elementos so descritos pela sua natureza, e a Demonstrao de Resultados por funes, em que as verbas so agrupadas segundo as funes a que respeitam. Uma empresa suporta custos com vista obteno de proveitos, que por sua vez concorrem a formao de resultados. Na Demonstrao de Resultados tudo anda volta destes trs conceitos, tornando-se portanto necessrio familiarizar-se com estes elementos importantes. Seguidamente so desenvolvidos de modo explcito as partes constituintes da demonstrao de Resultados. [5] [6]

2.1 CustosA contabilidade de custos tem por finalidade ltima a prestao de informaes de custos para auxiliar os gerentes a administrar as parcelas da actividade empresarial que estaro a seu cargo. [2] A contabilidade de custos tem duas funes relevantes: no auxilio ao Controle e na ajuda s tomadas de decises. [2] Os custos que uma organizao tem que suportar so factores chaves quanto a uma boa gesto interna e por isso so elementos que compem a Demonstrao de Resultados. Segundo Contabilidade Financeira os custos so diminuies nos benefcios econmicos futuros, durante o perodo contabilstico, na forma de exfluxos ou de redues de activos, ou na incorrncia de passivos que resultam em diminuio do capital prprio, que no seja as relacionadas com as distribuio aos scios. [3]

4

O Plano Oficial de Contabilidade (POC) no faz distino ntida entre custos e perdas, agrupando-os pela sua idntica natureza, na classe 6. A definio de custos engloba quer as perdas, quer os custos que resultam da actividade normal da empresa, tais como o custo das mercadorias vendidas e das matrias consumidas, os salrios e as amortizaes. Nas perdas incluem-se as situaes resultantes de tragdias naturais (incndios e inundaes, bem como as que resultam da alienao de activos no correntes). Um Custo reconhecido como tal na Demonstrao de Resultados quando tenha surgido uma diminuio nos benefcios econmicos futuros relacionados com uma diminuio num activo ou com o aumento de um passivo e que o mesmo possa ser mensurado com fiabilidade. Ou seja, o reconhecimento de um custo ocorre em simultneo com o reconhecimento de aumentos de passivos ou com o reconhecimento de diminuio de activos. Em Elementos de Contabilidade Geral, consideram-se custos e perdas, os que comprovadamente forem indispensveis para a realizao dos proveitos ou ganhos sujeitos a imposto, ou para a manuteno da fonte produtora, nomeadamente os seguintes: Encargos relativos produo ou aquisio de quaisquer bens ou servios, tais como matrias utilizadas, mo-de-obra, energia e outros gastos gerais de fabricao, conservao e reparao; Encargos de distribuio e venda, abrangendo os transportes, publicidade e colocao de mercadorias; Encargos de natureza financeira, como juros de capitais alheios aplicados na explorao, descontos, gios, transferncias, diferenas de cmbio, gastos com operaes de crdito, cobrana de dvidas e emisso de aces, obrigaes e outros ttulos e prmios de reembolso; Encargos de natureza administrativa, tais como remuneraes, ajudas de custos, penses ou complementos de reforma, material de consumo corrente, transportes e comunicaes, rendas, contencioso e seguros incluindo de vida e operaes do ramo vida, contribuies para fundos de poupana reforma, contribuies para fundos de penses e para quaisquer regimes complementares da Segurana Social; Encargos com anlise, racionalizao e consulta; Encargos fiscais e parafiscais; Reintegrao e