APOSTILA SOLUCAO- EXERCICIOS

download APOSTILA  SOLUCAO- EXERCICIOS

of 26

  • date post

    03-Jul-2015
  • Category

    Documents

  • view

    418
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of APOSTILA SOLUCAO- EXERCICIOS

Tiago,por favor, acrescentar (Antes do final da apostila) SUPER DICAS DE COMO ELABORAR QUESTES DISSERTATIVAS EM CONCURSOS EDUCACIONAIS Orientaes : Profa. Alzira Pereira da Silva Profa. e Capacitadora da Fbrica de Idias Pedaggicas ( rea Lngua Portuguesa)

Cuidados com a dissertao: I Estrutura e Contedo idias coerentes, claras e objetivas. II -Preocupao com o tema nunca fugir do tema proposto. III- Usar a pessoa gramtica correta - utilizar a 1a. pessoa do plural, a 3a pessoa do singular ou 3a pessoa do plural ao invs da 1a pessoa do singular. Em outras palavras, voc deve escrever "acreditamos", "sabemos", "entendem", ao invs de "acredito", "sei","entendo". IV- Procure sempre se manter informado sobre diversos assuntos, pois maiores,condies ter de redigir sobre qualquer tema. V- No usar grias nem estrangeirismo. Quando se fizer necessrio, deve-se usar aspas. VI- No utilizar provrbios ou ditos populares. VII- No utilizar exemplos contando fatos ocorridos com terceiros, que no sejam domnio pblico. VIII- No utilizar abreviaes nem algarismos. I X- Evitar rasuras ou outros tipos de danos. X- Evitar emprego repetitivo de idias, palavras e expresses. XI- No cometer erros na diviso de silbicas. XII- No cometer vcios de linguagem: cacofonia, pleonasmo, ambigidades. XIII- Indeterminao inadequada do sujeito Isto ocorre, geralmente, usando-se o vocbulo voc, Ex: "Em qualquer lugar existe misria. Voc encontra mendigos em toda parte.

A EDITORA SOLUO, sugere os seguintes temas para treinamento organizados pelos professores Valdo e Duarte. Por ser uma sugesto de treinamento,no teria sentido a elaborao de resposta para cada item,pois estaramos dirigindo a forma que cada candidato elaboraria a sua escrita. 1 Faa uma anlise da avaliao proposta pelos PCNs com a avaliao proposta por Perrenoud. 2 De acordo com Perrenoud "A competncia requerida hoje em dia o domnio dos contedos com suficiente fluncia e distncia para constru-los em situaes abertas e tarefas complexas, aproveitando ocasies, partindo dos interesses dos alunos, explorando os acontecimentos, em suma, favorecendo a apropriao ativa e a transferncia dos saberes, sem passar necessariamente por sua exposio metdica, na ordem prescrita por um sumrio." (10 Novas Competncias para Ensinar p. 27). Sendo assim, relacione a(s) competncia(s) que mais se referem a afirmao acima. 3 Como passar da simples informao (sociedade da informao) e atingir a sabedoria na sociedade da aprendizagem? Discorra sobre esse caminho de acordo com as idias de Alarco e Hargreaves. 4 Paulo Freire em seu livro Pedagogia da Autonomia discorre sobre as exigncias do ato de ensinar. Descreva algumas delas em um contexto de incluso. 5 MORAN/MASSETO/BREHNS e HARGREAVES/ALARCO dissertam sobre as novas tecnologias usadas na educao, tais como: comunicao e aprendizagem com o computador). Elabore um projeto utilizando-se dessas idias e o PCN da sua rea. 6 "No sculo XXI, a profisso docente deve abandonar a concepo dominante no sculo anterior de mera transmisso de conhecimento acadmico, por ter se tornado obsoleta para cidados em uma sociedade democrtica, plural, participativa, solidria e integradora". Disserte sobre essa afirmao. (lembre-se dos autores pedaggicos que tratam desse tema) 7 Tendo como base a LDB(lei 9.394/96) artigos 12, 13,58, 59 e 60 e o PCN da sua rea, ELABORE UM PROJETO para as classes de alfabetizao com baixo rendimento escolar lembre-se do TOF. 8 Com base nas DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS da EJA e das Relaes tnicos Raciais, considerando o PCN da sua rea, Elabore um Projeto Para o ciclo II do Ensino Fuudamental. 9 O Tema Transversal que mais aproxima-se da minha disciplina de atuao :____________________________________ Por isso, em minhas aulas, tendo como base os trs aspectos do CURRCULO (formal/em ao/oculto),sempre trabalho as seguintes questes: (mnimo 5)

10 O ENEM avalia Competncias/Habilidades. Em sua disciplina,como voc trabalha pedagogicamente para preparar seus alunos? (mximo dez 10 linhas) 11 Quais os objetivos dos Referenciais Curriculares Base: Elba de S Barreto 12 Enumere cinco aes/temas do Projeto TIC . 13 A partir da sua disciplina,elabore uma aula para a 7. Srie,tendo como base a DIRETRIZ CURRICULAR PARA AS RELAES TNICO-RACIAIS 14-Perrenoud,Alarco,Freire...so unnimes em afirmar que a profisso docente tem que ter muita COMPETNCIA. Descreva competncia para cada um desses autores/as. 15 -Caracterize AVALIAO na LDB (lei 9.394/96) e no ECA (lei 8.069/90, artigos 53 ao 59). 16 -Uma novela da Rede Globo Pginas da Vida - tratou alguns temas que a escola historicamente tenta discutir. Incluso (necessidades especiais), racismo, Aids , Arte, etc... Escolha um desses temas e elabore uma aula para a 6a.srie do Ensino Fundamental, Tendo como base os Temas Transversais. 17- "ENSINAR EXIGE..." ( Paulo Freire) Com base na sua disciplina,quais exigncias em Paulo Freire so mais pertinentes ? (mnimo cinco) 18 -A Construo da Proposta Pedaggica da Escola um ato coletivo e como tal pressupe: (base: LDB art. 12 e 13,ECA arts. 53/59) E A Proposta Curricular do Estado de So Paulo. 19 -Transformar o educando em um cidado (crtico,participativo,possuidor de valores,etc...). COMO FAZER ISSO (em um mundo e um pas to desiguais)? 20 Cite e explique CINCO qualidades que voc possui como Professor(a). mximo dez linhas.

21-GARDNER,MARZANO e TARDIF escrevem sobre o ensino (para a compreenso, que funciona e para a formao profissional). Descreva em no mximo dez linhas sobre O ENSINO QUE FUNCIONA PARA A COMPREENSO,descritos por esses autores. 22- Carcaterize em Edgar Morin ,o 5. Saber. 23-Segundo TEDESCO,qual o novo pacto educativo que o educador precisa aderir ? 24- Segundo Celso Vasconcelos, AVALIA-se para qu ? 25- Cite trs metforas necessrias,segundo Assmann, para voltarmos a reencantar a educao.

PROVA SIMULADA 1 ( final da apostila) 1. parte

1. "Em muitas sociedades grave a crise da escola pblica e a crescente fragmentao do sistema de ensino _ grupos sociais, em geral os mais pobres, s tm acesso a determinadas escolas pblicas, e outras faixas da populao, de maior poder aquisitivo, freqentam as melhores escolas pblicas e escolas particulares consideradas de excelncia." Segundo alguns autores/as, esta crescente diferenciao do sistema traduz tambm uma equao de menor a maior qualidade e visibiliza a tendncia: a) insero da educao na lgica do mercado, como um produto que se compra, segundo as possibilidades econmicas de cada um. b) dos profissionais da educao a descomprometerem-se com uma escola de qualidade na rede pblica, privilegiando seu trabalho na rede privada. c) equivocada de procurar responsabilizar a falta da qualidade do ensino na formao dos educadores. d) de responsabilizao somente aos rgos centrais da oferta de uma educao de qualidade a todos. e) atuao dos rgos administrativos centrais no estabelecimento de polticas educacionais que priorizam o acesso e no a qualidade de ensino.

2. Letramento, um fenmeno: a) infantil; b) da educao bsica; c) do ensino fundamental; d) da alfabetizao de jovens e adultos; e) cultural. 3. ponto de partida para alfabetizao, para o movimento so: a) livros; b) cartilhas; c) as experincias de vida narradas pelo educandos e educadores; d) cadernos; e) jornais. 4. Segundo A proposta curricular do Estado de So Paulo, a educao continuada : a) a que tem continuidade em casa; b) aquela que, durante toda a vida, de forma contnua, encontra-se ligada construo do ser; c) feita por professores; d) que continua no trabalho; e) integrada. 5. O novo conceito de alfabetizao prope quantos anos de estudo, para considerar um indivduo alfabetizado? a) 2 anos de estudo; b) 1 ano bsico, e um ano de estudo avanado; c) 4 a 5 anos; d) o indivduo considerado alfabetizado ao entrar na escola;

e) n.d.a.

6. Uma das abordagens apresentadas pela literatura especializada na educao de jovens e adultos : a) afirmar a existncia da diferena entre membros de diferentes grupos; b) ajudar os adultos que deixaram a escola; c) uma nova escola; d) nova metodologia de ensino; e) professores qualificados. 7. A problemtica dos nveis de analfabetismo gerou o termo: a) alfabetismo parcial; b) analfabetismo funcional; c) letrismo inicial; d) prtica de ensino para adultos; e) ensino educacional para jovens e adultos. 8. Para a educao, a televiso pode ser defendida como: a) malfica; b) benfica para os estudantes; c) recurso educativo; d) recurso didtico; e) apenas televiso. 9. A igualdade de oportunidades significa: a) mais oportunidades para quem nunca as teve; b) sair da escola; c) questo cultural; d) questo multicultural;

e) aprendizado de qualidade. 10. A leitura compartilhada de um texto literrio possibilita: a) a leitura apenas; b) a inveno; c) a mentira inventada; d) apenas escrever novo texto; e) ensaios de um livro. 11. No Brasil, h a distino entre: a) alfabetizao bsica e alfabetizao funcional; b) educao bsica e educao funcional; c) primeira srie e primeiro grau; d) ensino mdio e ensino superior; e) matemtica e escrita.

12. A expanso da leitura, na Europa comea com: a) a Revoluo Industrial; b) os Marinheiros na Frana; c) a Revoluo Francesa; d) os alunos de escolas internas; e) o saber do povo. 13. Os desafios da virada do sculo apresentados a partir da pesquisas Nacional por Amostra de Domiclios _ PNAD, mostra-nos que "nos cinco primeiros anos da dcada de 90, ocorreu uma forte desacelerao da oferta de empregos em So Paulo (...) e que h trs fatores principais que comprometem a possibilidade de absoro, pelo mercado de trabalho, de nova gerao nos prximos anos: o baixo dinamismo da oferta de emprego no perodo recente; o envelhecimento da estrutura etria dos ocupados e a forte presso exercida pela entrada da mulher de todas as idades no mercado de trabalho". Como conseqncia principal destes processos, a tendncia mais provvel a ser absorvida :

a) uma diminuio na gerao de jovens desempregados e um aumento de postos de trabalho. b)