Estudo de caso

download Estudo de caso

of 15

  • date post

    22-Jul-2016
  • Category

    Documents

  • view

    219
  • download

    0

Embed Size (px)

description

 

Transcript of Estudo de caso

  • Estudo de caso:

    Centro universitrio UNA

    Setor :

    NSM(Ncleo de servios gerais e

    Manuteno)

    QUALIDADE DE VIDA

    NO

    TRABALHO

  • Integrantes

    Amanda Borges Souza,

    Fabiola Pontes Viera Pires,

    Jair Eduardo Oliveira,

    Lucileila Pires Perreira,

    Pricila Arajo Rodrigues,

    Victor Gabriel Gonalves Faria,

  • Introduo

    Atualmente com a globalizao e a competitividade no mercado

    de trabalho, o maior desafio das organizaes tem sido a busca

    por resultados quantitativos e qualitativos em um mercado onde

    se faz necessrio haver um equilbrio entre os interesses

    empresariais e dos trabalhadores. Se por um lado o trabalhador

    tem que estar preparado para viver sob constantes cobranas

    por parte dos interesses empresariais, por outro lado, as

    empresas precisam reconhecer o valor do capital humano e

    investir em programas de qualidade de vida no trabalho.

    Pensando na necessidade de ter um programa estratgico de

    qualidade de vida no trabalho que iremos analisar a influncia de

    dimenses da qualidade de vida ocupacional.

  • Problematizao Como est o nvel de qualidade de vida no

    ambiente de trabalho dos funcionrios do setor

    NSM (Ncleo de Servio e Manunteno),

    responsvel pela operao de limpeza e

    manunteno do campus Barro Preto da

    Universidade UNA?

  • Objetivo geral:

    Identificar como os funcionrios da NSM (Ncleo de

    servios gerais e Manuteno) percebem a

    qualidade de vida.

    Objetivos Especficos:

    Identificar o nvel de qualidade de vida dos funcionrios

    do NSM (especificamente dos auxiliares de servios

    gerais) do Campus UNA BARRO PRETO.

    Analisar os fatores psicolgicos e fsicos que

    interferem no ambiente de trabalho.

    Propor uma ao de melhoria na qualidade

    de vida dos funcionrios.

  • Fundamentao terica

    As primeiras pesquisas de QVT

    De acordo com as ideias da escritora Eda Conte Fernandes, a relao do

    trabalho entre o homem e a sociedade marcada por vrios acontecimentos

    histricos, que inicialmente tiveram suas primeiras manifestaes para suprir

    as necessidades bsicas de subsistncia. Entretanto, a Revoluo Industrial,

    considerada como ponto marcante para construo de novos paradigmas nas

    relaes de trabalho principalmente pelas condies no local de trabalho,

    forando as empresas a se adequarem com o surgimento de um trabalhador

    com senso crtico que passa a exigir melhores condies no ambiente de

    trabalho. Foi atravs dessa nova realidade, que pesquisas relacionadas ao

    programa de qualidade de vida no trabalho, tem nos mostrado um alto

    crescimento do lucro e valorizao das empresas que utilizam mtodos QVT

    como meio de incentivar seus colaboradores oferecendo conforto, respeito,

    segurana e bem estar.

    A importncia da QVT no Trabalho

    A falta de qualidade no trabalho leva a alienao, a insatisfao, ao declnio da

    produtividade e a comportamentos negativos. Empresas que tem elevado nvel

    de qualidade de vida entre seus funcionrios conduz um clima agradvel de

    considerao recproca, na qual as pessoas tendem a aumentar suas

    contribuies e elevar suas oportunidades de xitos psicolgicos

    gradativamente.

    O uso de Benefcios como meio equivocado de proporcionar QVT

    De acordo com o site significado, benefcio se trata de uma forma de

    remunerao indireta oferecida pelos colaboradores com o objetivo de

    satisfazer s necessidades pessoais, proporcionando um ambiente mais

    harmonioso possvel e produtivo para toda a empresa. Os benefcios

    oferecidos pelas empresas pode ser um grande fator capaz de motivar e

    melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores, principalmente quando se

    trata de um beneficio voluntrio.

  • Conceito de qualidade de vida no trabalho:

    Hoje se fala muito em qualidade total e isso remete a outro tema que a

    qualidade de vida no trabalho como fonte de obter qualidade total.

    A qualidade de vida, determina aspectos da nossa vida como a felicidade,

    amor, e liberdade, mesmo expressando sentimentos e valores difceis de

    serem compreendidos, no se tm duvida de sua relevncia, trata se de um

    conceito para qual para qual ate mesmo uma definio operacional difcil de

    ser elaborada.

    COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL:

    Com advento da globalizao, as empresas tem sido pressionadas por

    acirradas disputa de mercado. Nesse contexto, uma organizao deve ser

    compreendida como unidade social artificialmente criada e estruturada,

    continuadamente alterada para se manter no tempo, e com funo de atingir

    metas especifica que satisfaam as necessidades se seus participantes e da

    sociedade.

    Sade

    A sade no Brasil est entre um dos principais problemas da sociedade,

    superando at a criminalidade entre outras coisas ruins. Infelizmente o que

    prega a lei no o que presenciamos no dia-a-dia, no Art. 196 da Constituio

    da Repblica Federativa do Brasil de 1988, diz que, A sade direito de todos

    e dever do Estado, garantido mediante polticas sociais e econmicas que

    visem reduo do risco de doena e de outros agravos e ao acesso universal

    e igualitrio s aes e servios para sua promoo, proteo e recuperao.

    Sendo assim existe um grande abismo entre a constituio e a realidade do

    povo.

  • Liderana:

    A palavra liderana usada de duas maneiras bsicas na conversa do dia a

    dia:

    Para se referir ao processo de mover um grupo (ou grupos) de pessoas

    em alguma direo atravs de meios (principalmente) no coercitivos.

    Para se referir a pessoas que ocupam posies onde se espera

    liderana (na primeira definio).

    Felicidade

    Felicidade no est ligada aos prazeres ou as riquezas, mas a atividade prtica

    da razo. Em sua opinio, a capacidade de pensar o que h de melhor no ser

    humano, uma vez que a razo nosso melhor guia e dirigente natural. Se o

    que caracteriza o homem o pensar, ento esta e sua maior virtude e,

    portanto, reside nela felicidade humana.

    Principais problemas emocionais da atualidade

    O maior problema que ocorre nos dias atuais que as empresas tm

    pressa, muita pressa. Querem resultados rapidamente para ontem se possvel.

    Quando o indivduo se v sob tanta presso, comea a se sentir preocupado,

    duvida se realmente vai conseguir atingir o que deseja, fica agitado,

    desconcentrado, ansioso. Comprometendo sua sade mental e o seu estilo de

    vida.

  • Metodologia:

    Pesquisa de campo

    Pesquisa quantitativa e qualitativa

    Pesquisas bibliogrficas

  • Anlise de dados

    Para analisar a qualidade de vida no centro universitrio UNA, foi realizada

    uma pesquisa no setor NSM (Nucleo de servios gerais e manuteno e

    Manuteno), onde possui 22 funcionarios e foi utilizado uma amostragem de 8

    funcionarios foi aplicado o questionario de qualidade de vida SF-36. Que foram

    coletados dados tais como: Capacidade funcional, aspectos fisicos, dor, estado

    geral da saude, vitalidade, aspectos sociais, aspectos emocionais e sade

    emocional.

    Tabela de amostragem de sexo.

    De acordo com a tabela1 ,100% da amostragem so do sexo feminino, por

    realizarem tarefas de limpeza, percebesse uma tendncia grande de mercado

    em contratar pessoas do sexo feminino.

    Idade

    Conforme a tabela e grfico 2, a idade foi distribuida da seguinte forma 33 a 41,

    41 a 49 e 49 a 57 anos, Com base nos dados coletatos a idade dos

    funcionarios varia entre 33 a 57 anos, onde 75% delas tem idade entre 33 a 49

    anos, e 25% da amostragem possui idade entre 49 a 57 anos.

    Tabela 2 - Valores referente idade (em anos) da amostra.

    IDADE (em anos) Frequncia %

    33 41 3 37,50%

    41 49 3 37,50%

    49 57 2 25,00%

    Tabela 1 Valores Referente ao sexo da amostra

    SEXO FREQUNCIA %

    FEMININO 8 100%

    MASCULINO 0 0%

    TOTAL 8 100%

    fonte: Protocolo da pesquisa

  • TOTAL 8 100%

    Fonte: Dados da pesquisa

    Tempo de servio Podemos perceber que a rotatividade dos funcionrios e

    baixa, pois 75% possuem entre 3 a 9 anos de empresa,

    sendo assim podemos perceber que existe um alto nivel

    de satisfao de qualidade de vida no setor.

    Tabela 3 - Valores referentes ao tempo de servio (em anos) da amostra

    TP DE SERVIO (em anos) Frequncia %

    1 a 3 anos 2 25,00%

    3 a 6 anos 2 25,00%

    6 a 9 anos 4 50,00%

    TOTAL 8 100%

  • Aspectos quantitativos de qualidade de vida

    0

    0,5

    1

    1,5

    2

    2,5

    3

    3,5

    4

    4,5

    1 a 3 anos 3 a 6 anos 6 a 9 anos

    Grfico 3 - Valores referentes ao tempo de servio (em anos) da amostra

    Fonte: Dados da pesquisa

  • Mediante a anlise, observamos que a mdia do estado geral da sade foi de

    95,75 em uma escala de 0 a 100, devido ao tipo de trabalho e levando em

    conta a idade dos funcionrios podemos concluir que o resultado foi muito bom.

    Outro aspecto que teve um resultado relevante sade mental, que teve uma

    mdia de 76,50 que pode se considerar um resultado bom, pois revela como o

    individuo esta bem psicologicamente. A capacidade funcional obteve um

    resultado excelente com mdia de 79,37 com coeficiente de variao de 15%

    onde o menor valor obtido foi de 65 e o maior valor 100