Jesuítas - Informação aos Amigos Jan/Mar 2012

Click here to load reader

  • date post

    15-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    219
  • download

    2

Embed Size (px)

description

boletim informativo dos jesuítas portugueses

Transcript of Jesuítas - Informação aos Amigos Jan/Mar 2012

  • Comunidade de Vida Crist

    Informao aos amigosBoletim . n344 Janeiro/Maro 2012

    A Colaborao no Centro da Misso

    Projeto Casa Velha

    JESUTAS

  • Ficha Tcnica

    Jesutas Informao aos Amigos Boletim; N 344; Janeiro/Maro 2012Diretor: Domingos de Freitas, SJ Coordenao: Ana Guimares Redao: Ana Guimares; Antnio Amaral, SJ; Avelino Ribeiro, SJ Propriedade: Provncia Portuguesa da Companhia de Jesus Sede, Redao e Administrao: Estrada da Torre, 26, 1750-296 LISBOA(Portugal) Telef.: 217 543 060; Fax: 217 543 071 Impresso: Grafilinha Trabalhos Grficos e Publicitrios; Rua Abel Santos, 83Caparide - 2775-031 PAREDE Depsito Legal: N 7378/84 Endereo Internet: www.jesuitas.pt E-mail: [email protected] Foto:Projeto Casa Velha.

    bole

    tim

    da

    PR

    OV

    NC

    IA P

    OR

    TU

    GU

    ES

    A J

    anei

    ro/M

    aro

    201

    2

    2

    A colaborao no centro da misso

    Em Outubro de 2011, o P. Geral, AdolfoNicols, nomeou o P. Anthony da Silva, SJ, daProvncia de Goa, Secretrio do novo Secretariadopara a colaborao com outros. A criao destenovo Secretariado est em linha com as orientaese recomendaes do Decreto 6 da CG35 A cola-borao no centro da misso e pretende ajudar adinamizar os diferentes tipos de colaborao quejesutas e outros estabelecem para levarem a cabouma determinada misso. J Santo Incio no seutempo procurou colaboradores e com eles estabe-leceu organizaes e redes para poder prestar ajudas muitas necessidades de ento. Hoje, aCompanhia de Jesus continua esta dinmica, cola-borando com muitos outros em atividades e obrasque, no sendo da Companhia, visam alcanar obje-tivos de promoo da justia, de crescimento huma-no e espiritual. Neste Boletim e nos prximos, pro-curaremos realar algumas destas colaboraes,dando a conhecer movimentos, instituies e ativi-dades em que os jesutas esto presentes de formaativa.

    P. Domingos de Freitas, SJ

    JESUTAS

    BREVES DA PROVNCIA ........................................ 3

    DA COMPANHIA DE JESUS EM RESUMO ........... 6

    JRS - 20 ANOS DE ATIVIDADE EM PORTUGAL . 7

    FUNDAO GONALO DA SILVEIRA ................ 8

    CVX - COMUNIDADE DE VIDA CRIST ............. 9

    PROJETO CASA VELHA .......................................... 12

    MEIOS QUE UNEM O INSTRUMENTO COM DEUS................................... 15

    Informao aos amigos

    LISBOABoletim | n 344

    Janeiro/Maro 2012

    editorial

  • Breves da PROVNCIA

    bole

    tim

    da

    PR

    OV

    NC

    IA P

    OR

    TU

    GU

    ES

    A J

    anei

    ro/M

    aro

    201

    2

    3

    Nomeao do Cardeal PatriarcaO Cardeal-Patriarca de Lisboa, D. Jos

    Policarpo, nomeou o P. Rafael Mouro Defensor doVnculo do Tribunal Patriarcal.

    Nomeao O P. Provincial nomeou

    - o Ir. Jos da Silva Almeida, Ministro daComunidade do Colgio das Caldinhas, continuando, porinerncia de cargo, a ser Consultor da Casa.

    - o P. Antnio Jlio Trigueiros, Coordenadordo Jubileu 2014 em Portugal;

    - o E. Joo Manuel Silva, Delegado do EJIF.

    Oraes- pelo P. Antnio Maria Cabral Ferreira

    (Comunidade do Porto); - pelo Ir. Armando TomazAcrsio (Comunidade do Colgio de Cernache); - por umirmo do P. Antnio Vaz Pinto (Comunidade da Brotria- Lisboa); - por um irmo do P. Carlos Vasconcelos e porum irmo do P. Joo Caria (ambos da Comunidade do CIL- Lisboa), recentemente falecidos.

    34 Congregao Provincial De 26 a 29 de Dezembro de 2011, decorreu em

    Soutelo, no Centro de Espiritualidade e Cultura, a 34Congregao Provincial, preparatria da 70 Congregaode Procuradores, que ter lugar a partir de 9 de Julho de2012, em Nairobi, Qunia.

    Foram trs os objectivos desta CongregaoProvincial: eleger o Procurador e seu Substituto Congregao de Procuradores; analisar e discutir os pos-tulados; e responder s perguntas que o P. Geral, AdolfoNicols, SJ, tinha formulado quando convocou aCongregao de Procuradores.

    Foram eleitos Procurador e Substituto, respecti-vamente, os PP. Hermnio Rico e Nuno da SilvaGonalves. O Procurador apresentar ao Padre Geral um

    relatrio sobre o estado da Provncia. A Congregao deProcuradores decidir se dever ser convocada umaCongregao Geral.

    A Congregao Provincial decorreu numambiente fraterno e descontrado, e constituiu uma verda-deira experincia de Companhia para os 54 jesutas parti-cipantes.

    Passo-a-Rezar faz dois anosNo dia 17 de Fevereiro de 2010, quarta-feira de

    cinzas, tinha incio o projecto www.passo-a-rezar.net,uma pgina que disponibiliza gratuitamente todos os diasuma orao em formato mp3 para ser descarregada eouvida em qualquer aparelho que suporte este formato.Desde o incio, o passo-a-rezar.net afirmou-se como ummeio privilegiado de orao pessoal, a partir dos textos daliturgia do dia, e usado diariamente por mais de 9000pessoas. O objectivo deste projecto levar a orao parao quotidiano das pessoas, que podero assim rezar emqualquer tempo e em qualquer lugar.

    Para celebrar o segundo aniversrio, as vozesescolhidas para esta semana foram o P. Vasco Pinto deMagalhes, SJ e a atriz Susana Arrais. Tambm foramintroduzidas algumas funcionalidades no site, desde umnovo grafismo at seco passo-a-ouvir onde se pode-r ouvir a orao diretamente no computador, com umaimagem que ajude a rezar. O passo-a-rezar.net resulta dotrabalho voluntrio de um grande nmero de pessoas,desde a equipa de 30 leitores que, em Lisboa e no Porto,do voz aos textos, escritos por uma equipa de 15 escrito-res. Os contedos so gravados e editados nos estdios daRdio Renascena, com a qual existe um protocolo decolaborao, garantindo assim a qualidade do projeto e aajuda extraordinria que se faz aos milhares de portugue-ses que usam o passo-a-rezar.

    Escola secundria S. Incio de LoiolaA Regio Moambicana da Companhia de Jesus

    vai dar incio construo de uma nova escola secundria,em Msaladzi, no Planalto da Angnia, Distrito de Tsangano.

    A populao deste distrito maioritariamentejovem, com cerca de 50% das pessoas com idades entre os11 e os 15 anos. Apenas menos de um tero dos jovens temacesso ao ensino secundrio e s uma minoria o conclui. Asdesistncias ocorrem maioritariamente entre as raparigas.

    O projeto integral prev a construo de 12 salasde aulas, salas de professores, internato masculino e femi-nino e casas para os professores, para alm de salas demsica, informtica, biblioteca, laboratrios, auditrio,salo desportivo e instalaes administrativas.

    A construo ser executada por gesto direta e deforma faseada, estando previsto iniciar em Abril a constru-o da primeira fase: trs salas de aula, uma sala de profes-

  • sores, casas de banho e trs casas de professores, de modoa que a escola comece a funcionar em Fevereiro de 2013.

    Peregrinao a Oriyur (ndia)Promovida pela revista Amar e Servir e tendo o

    P. Joo Canio como impulsionador e assistente espiritual,realizou-se, de 28 de Janeiro a 15 de Fevereiro, mais umaperegrinao a Oriyur e a outros lugares da ndia. O seu fimprincipal era visitar os santurios de quatro santos: SoJoo de Brito, em Oriyur; So Francisco Xavier, em Goa;So Tom Apstolo, em Chennai (Maddras - Meliapor); eSanta Afonsa Muttathupadathu, em Kudamaloor eBharananganam. Os 27 participantes vieram, na sua maio-ria, da regio de Lisboa. Mas Marinha Grande, Aveiro,Carrazeda e Mirandela tambm se fizeram representar.

    O Santurio de So Joo de Brito, em Oriyur, fimprimordial da peregrinao, est a passar por obras de res-tauro e de modernizao, como alis j se sabia desde oano passado, aquando da visita a Portugal do seu reitor edo bispo da diocese de Sivagangai, onde se situa o santu-rio. Ali, depois do reconhecimento do conjunto dos edif-cios e da celebrao eucarstica, festiva e emocionante, nafesta de So Joo de Brito, houve tempo para convivercom os alunos do colgio e com a comunidade jesuta quebrindou o grupo com um belo almoo. Os peregrinos dei-xaram uma oferta, que, junta a outro donativo, coligido emLisboa pelo Padre Joo Canio, antes da partida, deve terrondado os cinco mil euros.

    Emoo especial foi vivida tambm na Igreja doBom Jesus, em Velha Goa, durante a Eucaristia celebradaaos ps de So Francisco Xavier, o grande apstolo doOriente. A Igreja do Bom Jesus, monumental e viva, nomeio da Velha Goa abandonada, respira ainda hoje a gran-diosa epopeia missionria de vrios sculos.

    Embora no se faa uma meno pormenorizadadas visitas aos Santurios de So Tom e de Santa Afonsa,no deixar de realar-se a f das muitas pessoas que alirezavam e a sensibilizao que as visitas e as celebraestransmitiram aos peregrinos.

    Joo Canio, SJ

    Deixou de pertencer Companhia de Jesus oEsc. Filipe de Noronha (Comunidade Pedro Arrupe -Braga).

    Encontro de juniores ibricosPessoas com diferentes antecedentes e talentos

    diversos podem viver juntas como verdadeiros amigos

    no Senhor. A identidade jesuta relacional; cresce em

    e atravs da nossa diversidade de cultura, nacionalidades

    e lnguas, enriquecendo-nos e desafiando-nos. Este um

    processo que encetamos ao entrar na Companhia e nele

    crescemos cada dia. CG XXXV, Dec. 2, 19

    O Encontro de Juniores Ibricos no existia. Foiesperado durante bastantes meses e tornou-se realidade nofim-de-semana, de 17 a 19 de fevereiro, em Braga. Ojuniorado portugus recebeu o de Salamanca (Espanha).Conhecer a cidade, visitar as obras da Companhia que nelaexistem, descansar, conviver, celebrar Isto tudo, e mais,foi vivido durante estes dias por estes juniores que se reco-nhecem e sabem companheiros, situados em lados diferen-tes da fronteira, mas imersos na mesma etapa de formao.

    Foi bem antes da chegada dos Companheirosde Salamanca que comemos a preparar o fim-de-sema-na que passmos juntos. Preparar um programa e a casa eviver a expectativa de quem esper