Gest£o do Conhecimento

download Gest£o do Conhecimento

of 17

  • date post

    02-Nov-2014
  • Category

    Travel

  • view

    696
  • download

    1

Embed Size (px)

description

 

Transcript of Gest£o do Conhecimento

  • 1. Criando a cultura do Conhecimento

2. Facilitador Bruno BragaEspecialista em Gerenciamento de Projetos pela FGV Fundao Getlio Vargas, certificado profissional em gerenciamento de projetos - PMP, pelo PMI. Filiado ao PMI internacional e voluntrio da vice presidncia de filiaes do PMI-RJ. Com anos de experincia em diferentes segmentos como Tecnologia da Informao, Telecomunicaes, Aviao Civil (logstica) e Instituies Sindicais, em empresas como EMBRATEL S/A, IBGE, Marinha do Brasil, VARIGLOG, PMI-RJ e Sistema Fecomrcio-RJ. Atualmente dirige o escritrio de projetos estratgicos para o sistema Fecomrcio-RJ, SESC-RJ e SENAC-RJ. 3. Se perguntarmos a um grupo de executivos snior se eles consideramimportante a Gesto do Conhecimento como um dos caminhos parao sucesso de suas organizaes, muitos deles respondero que SIM!!! Uma resposta conveniente, dado a presena cada vez mais frequentedo assunto nas esferas de gerenciamento. 4. AGesto do Conhecimentoest tornando-se crucial, e reconhecerisso um fato. Mas o que fazer para tratar a questo? E como faz-la? Para consolidarmos nosso entendimento, segue uma pesquisa apresentada pela McKinsey em 2000 e realizada entre 1995 e 1998 sobre o assunto. 5. A base para a pesquisa: 40 organizaes na Europa, Japo e Estados Unidos A pesquisa da McKinsey

  • As empresas, quase em sua maioria, acreditam que, para se trabalhar a
  • Gesto do Conhecimento, necessria a implementao de um sofisticado
  • sistema de tecnologia da informao!
  • Somente algumas poucas empresas entendem que a verdadeira Gesto do
  • conhecimento requer:
  • O desenvolvimento de meios que tornem seus empregados cientes do funcionamento
  • da organizao;
  • Ultrapassar os limites da infra-estrutura para abordar quase todos os aspectos
  • do negcio;

A unanimidade 6.

  • A McKinsey baseou-se em dois pilares para detalhamento da pesquisa:
  • Desenvolvimento de Produtos e Gerao de Valor
  • Realizao da Gesto do Conhecimento
  • Estes dois tpicos so os que mais contribuem para a gerao de
  • valor nas organizaes.

7. Atravs de indicadores financeiros e de performance criteriosamenteselecionados, categorizou-se as empresas da pesquisa em dois gruposdistintos: As 15 com mais sucesso e as 15 com menos sucesso. Medio: De 1995 a 1998 As 15 + As 15 - Tempo de Produo Caiu em mdia 11% Caiu em mdia 1,6% Tempo de Desenvolvimento Caiu em mdia 4,6% Caiu em mdia 0,7% Concluses Construiram um ambiente corporativo promovendo o desejo por conhecimento entre seus empregados. Certificaram-se de sua aplicao contnua,distribuio e criao. No se detiveram a questo da Gesto do conhecimento 8. Mas afinal, o que Gesto do Conhecimento?

  • A gesto do conhecimento tem como objetivos:
  • Tornar acessveis grandes quantidades de informao corporativa, compartilhando as
  • melhores prticas e tecnologias;
  • Permitir a identificao e mapeamento dos ativos de conhecimento e informaes
  • ligados a qualquer organizao, seja ela com ou sem fins lucrativos
  • (Memria Organizacional);
  • Apoiar a gerao de novos conhecimentos, propiciando o estabelecimento de
  • vantagens competitivas.
  • Dar vida aos dados tornando-os utilizveis e teis, transformando-os em informao
  • essencial ao nosso desenvolvimento pessoal e comunitrio.
  • Organiza e acrescenta lgica aos dados de forma a torn-los compreensveis.

9. Em uma definio resumida pode-se dizer que Gesto do Conhecimento umprocesso sistemtico, articulado e intencional, apoiado na gerao, codificao,disseminao e apropriao de conhecimentos, com o propsito de atingir aexcelncia organizacional. 10. Criando o desejo pelo conhecimento o paradoxo.A pesquisa da McKinsey dividiu o grupo de 40 empresas pesquisadas em dois grupos: As 15 + e as 15 - quanto ao uso / aplicao da Gesto do Conhecimento. Nas 15 -, a abordagem ao assunto de cima para baixo, empurrando oConhecimento para onde necessrio. Nas 15 +, estabelecem-se meios que promovem o desenvolvimento do conhecimento pelo desejo de seus empregados em superar suas prprias metas. 11. Utilizando a Gesto do Conhecimento Deve-se iniciar a partir da vontade da organizao em utilizar e difundir a gesto doconhecimento como ferramenta de criao e distribuio do conhecimento. A estruturao se d atravs de trs pilares: Aplicao, Distribuio e Criao 12. Aplicao A aplicao do conhecimento j est disponvel, dado as organizaesconterem um acervo vasto de informaes, ainda que sub-utilizadas. Alm disso, se a organizao falhar na sua aplicao, os impactos sero mnimos. Parte do problema da aplicao da gesto do conhecimento se d pelo conceito de que a informao um fato, enquanto o conhecimento - que se consolida atravs dos relacionamentos e ligaes - subjetivo. Um exemplo claro da maneira a qual as empresas podem aplicar a gesto doconhecimento a busca por inovaes. A aplicao foca em usar o conhecimento para obteno de resultados imediatos. 13. Distribuio Tcnicas que beneficiam a aplicao, frequentemente beneficiam a distribuio,dado que os dois pilares esto intrinsecamente ligados. A distribuio posiciona o conhecimento onde ele poder ser melhor utilizado. A utilizao de bases de dados em sistemas informatizados agilizam a distribuiodas informaes mas no so determinantes para o seu sucesso. Capturam conhecimento Tcito atravs de 14. Criao De todas as tarefas envolvidas na gesto do conhecimento, a criao a maisdelicada, pois a criatividade deve ser estimulada e no ordenada! Para manter o seu diferencial, as empresas precisam de novos conhecimentos.Escrever seus processos de trabalho de forma clara e legvel, bem comodesenvolver novos produtos e servios, o melhor caminho para tal. O novo conhecimento o material necessrio para a inovao. E o meio para issoso as pessoas. 15. O Capital Humano nas Organizaes A economia da sociedade globalizada e interdependente traz mudanas radicaisem termos do surgimento de uma nova sociedade.A sociedade daEra da Informao , que coloca o conhecimento como o ativo deproduo mais importante do Terceiro Milnio.Companhias que comeam a agir cedo na identificao e na medio dos fatores importantes de capital humano, e no ajuste fino da estratgia de capital humanopodem delinear vantagens competitivas significativas e duradouras s vezes, emquesto de meses. 16. Concluses A maior distino entre as 15 + e as 15 pode ser descrita como o esforo para fazer Melhor, Mais Barato e Mais Rpido. Com a dinmica da economia, a chavepara se tornar melhor, mais rpido e fazer mais barato fazer com que aorganizao envide esforos em conhecimento, que passou a ser o carro-chefe nas organizaes de hoje. 17. Obrigado! Bruno Braga [email_address] www.linkedin.com/in/brunobastosbraga