Gaia Aprende Mais - fedapagaia.pt · Distinção AEC -CAF AEC (1º ciclo) 16,30H – 17,30H Modelo...

of 19/19
Pelouro da EDUCAÇÃO Pelouro da EDUCAÇÃO Ano lectivo 2014/15 Gaia Aprende Mais
  • date post

    16-Sep-2018
  • Category

    Documents

  • view

    216
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Gaia Aprende Mais - fedapagaia.pt · Distinção AEC -CAF AEC (1º ciclo) 16,30H – 17,30H Modelo...

  • Pelouro da EDUCAO Pelouro da EDUCAO

    Ano lectivo 2014/15

    Gaia Aprende Mais

  • Distino AEC - CAF

    AEC (1 ciclo)

    16,30H 17,30H

    Modelo tradicional

    Gratuito

    CAF (1 ciclo)

    17,30H 19,30H Modelo complementar Comparticipado pelos Enc. Educ. Democratizao de experincias e

    saberes

    CAF extenso (Pr-escolar)

    18,30H 19,30H Modelo complementar Comparticipado pelos Enc. Educ.

    CAF normal (Pr-escolar)

    15,30H 18,30H

    Modelo tradicional

    Gaia Aprende Mais

  • Modelo institucional

    Criao de Conselho Consultivo local.

    Na ausncia de IPSS: a Cmara assume ou contratualiza com IPSS de freguesia vizinha.

    Nas escolas onde haja qualquer servio das AP tentar-se- uma sequncia do mesmo, sob o novo modelo, mas tentando salvaguardar as pessoas e actividades envolvidas.

    Cmara: coordenao geral

    Juntas de Freguesia: acompanhamento local

    AP: acompanhamento local

    IPSS: gesto local

    Gaia Aprende Mais

  • Actividades das AEC (1 ciclo) Carga horria diria 16,30h-17,30h

    Actividades propostas:

    Actividade fsica e desportiva (1 vez por semana)

    Ensino da msica (1 vez por semana)

    Ensino de ingls

    Turmas de 1 ao 4 ano - 1 vez por semana

    2 actividades a seleccionar pelos agrupamentos:

    Cincia Viva

    Literacia Infantil

    Educao Cvica e Patrimnio Local

    Artes Plsticas

    Expresso Dramtica

    Capoeira

    Preveno Rodoviria

    Gaia Aprende Mais

  • Notas gerais

    Nmero mnimo de alunos para a CAF - 10 alunos

    A contratao de tcnicos dever obedecer a um rcio:

    CAF manh (7,30h-9,00h)

    (acolhimento)

    CAF tarde (17,30h-19,30h)

    (actividades)

    n alunos Tcnicos AEC Assistentes operacionais

    at 10 1 1

    entre 11 e 20 2 1

    entre 21 e 30 3 1

    entre 31 e 40 4 1

    entre 41 e 50 5 1

    n alunos Assistentes operacionais

    at 20 1

    entre 20 e 30 2

    mais de 30 3

    Gaia Aprende Mais

  • Actividades da CAF (tarde) Contratao dos professores AEC necessrios, de acordo com o rcio proposto, por 2 horas, que

    desenvolvero actividades no perodo entre as 17h30 e as 19h30.

    A CAF da tarde ter actividades orientadas, desenvolvidas por tcnicos habilitados e/ou porAssociaes especializadas. partida, no se prev recurso a empresas.

    Devero ser considerados semanalmente 2 dias destinados ao apoio ao estudo (preferencialmente2 e 4 ou 3 e 5); nos restantes dias ser considerado um perodo para realizao de trabalhos decasa (entre as 17h45 e as 18h15) e ser ainda proporcionada uma actividade a escolher entre:

    Actividade desportiva (Capoeira, Taekwondo, Karat, Voleibol, Basquetebol, Andebol, Patinagem)

    Expresso dramtica

    Francs

    Xadrez

    Educao Cvica e Patrimnio

    Expresso plstica

    Mandarim

    Literacia infantil

    Educao Ambiental

    Gaia Aprende Mais

  • Actividades da CAF (tarde)

    Respeitando os rcios estabelecidos, os tcnicos AEC a contratar deveroter a licenciatura, preferencialmente, em professores do 1 ciclo; seroestes que desenvolvero o atelier de apoio ao estudo e outros para osquais a licenciatura de base referida seja suficiente;

    Dever ser definido, em cada escola, um coordenador local (professor deAEC), que ser responsvel por toda a logstica inerente ao projeto,nomeadamente abertura e encerramento das instalaes, contacto com ospais, controlo da assiduidade, controlo de pagamento, etc.;

    Competir ao coordenador local estabelecer o elo com a autarquia e comos encarregados de educao, informando de quaisquer constrangimentos;dever igualmente ser este coordenador local a fazer o levantamento detodos os materiais e equipamentos;

    Para as atividades que caream de recursos humanos com habilitaoespecfica, dever ser contratado um tcnico por um perodo a definir parao desenvolver ou uma instituio habilitada.

    Gaia Aprende Mais

  • E x e m p l o d e f u n c i o n a m e n t o s e m a n a l 1 c i c l o

    HORRIO 2 F 3 F 4 F 5 F 6 F OBSERVAES

    7h30 09hOO Actividades de Apoio Famlia - recepo e acolhimento aos alunos At 1h30

    09h00 12h30 Actividades letivas3h letivas + 30de intervalo

    12h30 14h00 Espao para almoo 1h30

    14h00 16h00 Actividades letivas 2h

    16h00 16h30 Intervalo e lanche 30

    16h30 - 17h30 Actividades de Enriquecimento Curricular1h (servio gratuito)

    17h30 19h30

    1. Reforo alimentar;2. Apoio ao

    Estudo; 3. Activ. ldicas.

    1. Reforo alimentar;2. Activ. culturais e desportivas

    1. Reforo alimentar;2. Apoio ao Estudo; 3. Activ. ldicas.

    1. Reforo alimentar;2. Activ. culturais e desportivas

    1. Reforo alimentar;2. Activ. culturais e desportivas

    At 2h (serviocomparticipado)

    Gaia Aprende Mais

  • Implementao do projecto

    - As entidades que j prestam o servio CAF nas escolas EB1 do concelho podero estabelecer

    parceria com a autarquia, devendo aceitar os pressupostos :

    Horrio definido e actividades propostas;

    Rcio de n de crianas/adulto definido

    Comparticipaes familiares definidas.

    A Cmara Municipal ficar encarregue das comparticipaes familiares da CAF.

    A Cmara Municipal poder transferir pontualmente para as entidades parceiras um valor,

    previamente definido, para viabilizao do projeto, em funo do balano.

    Verificando-se a necessidade de reforar os recursos humanos afectos CAF,

    nomeadamente na interrupo de Vero, durante a qual os tcnicos AEC no estaro ao

    servio da autarquia, dever ser prevista uma verba a transferir para cada entidade,

    visando cobrir estes custos.

    No caso das pausas lectivas: manuteno do projecto para o dia todo.

    Gaia Aprende Mais

  • Actividades do projecto

    Oficinas anuais Oficinas sazonais

    Atividade desportiva Preveno rodoviria

    Expresso dramtica Xadrez

    Expresso plstica Mandarim

    Literacia infantil Educao para a sade

    Francs Informtica

    Educao para os nmeros Educao Ambiental

    Sala de estudo Filosofia para crianas

    Cincias e experincias Cincias e experincias

    Msica Sabores

    Educao Cvica e Patrimnio Falas e posturas

    Brincar Brincar

    Gaia Aprende Mais

  • E x e m p l o d e f u n c i o n a m e n t o d i r i o p r - e s c o l a r

    HORRIO ACTIVIDADE OBSERVAES

    7h30 09h00 Actividades de Apoio Famlia recepo e acompanhamento dos alunos At 1h30

    09h00 12h00 Actividades lectivas 3h

    12h00 13h30 Espao para almoo 1h30

    13h30 15h30 Actividades lectivas 2h

    15h30 16h00 Intervalo e lanche 30

    16h00 - 19h30Componente de Apoio Famlia (com

    Assistentes tcnicos)Actividade Ldico-Desportiva 3h30

    Gaia Aprende Mais

  • Cmara

    Municipal de Vila

    Nova de Gaia

    IPSSS

    COMPLEMENTO

    DE APOIO FAMLIA

    (CAF)

    Jardim de Infncia

    7h30 09hOO

    Actividades de Apoio Famlia Recepo e acompanhamento dos alunos

    16h00 19h30

    CAF com Assistentes Tcnicos ou Actividades Ldico-Desportivas

    1 Ciclo

    7h30 09hOO

    Actividades de Apoio Famlia

    Recepo e acompanhamento dosalunos

    17h30 19h30

    Reforo alimentarApoio ao Estudo

    Actividades Ldicas

    Gaia Aprende Mais

  • Comparticipaes no projecto

    Comparticipao familiar (mensal)

    CAF manh e tarde (1

    ciclo)

    CAF Manh (acolhimento

    pr-escolar e 1 ciclo)

    Manhs isoladas (pr-

    escolar e 1 ciclo)

    Extenso com 2 actividades

    semanais (pr-escolar)

    Escalo A 22,50 5,00 1,00 10,00

    Escalo B 27,50 7,50 2,00 15,00

    Sem escalo 45,00 10,00 3,00 20,00

    Gaia Aprende Mais

  • Comparticipaes no projecto

    Comparticipao (semanal) familiar/ interrupes lectivas (Natal e

    Pscoa)

    Comparticipao semanal nas frias de vero (pr-escolar e EB1)

    CAF manh e tarde

    escalo A 12,50

    Escalo B 17,50

    Sem escalo 25,00

    CAF manh e tarde

    escalo A 7,50

    Escalo B 12,50

    Sem escalo 20,00

    Gaia Aprende Mais

  • Comparticipaes nas frias de Vero

    Taxa de inscrio (anual): 5,00

    Em caso de frequncia de irmos: reduo de 20% a partir do 2 irmo.

    Comparticipao nas frias de vero (ms integral): 70,00

    Estatuto de frequncia ocasional da CAF da manh (exclusivamente uma vez por

    semana): 1,00 por cada manh

    Projecto Gaia Educa a Brincar (pr-escolar): gratuito at final do projecto.

    Gaia Aprende Mais

  • Financiamento municipal

    Oramento total do projecto [email protected]+: 5,4 milhes de euros.

    Financiamento directo da Cmara Municipal: 3 milhes de euros (CAF).

    Apoio do Ministrio da Educao: 1,5 milhes de euros (AEC).

    Comparticipaes dos Encarregados de Educao: 900 mil euros.

    Acresce a este montante o valor do programa da fruta escolar (250 mil euros),

    comparticipao nas refeies escolares (3,6 milhes de euros), transportes

    escolares (500 mil euros), apoio a actividades e visitas de estudo (150 mil euros),

    materiais pedaggicos (100 mil euros), livros escolares (850 mil euros), quadros

    interactivos e software (400 mil euros), apoio aos estudantes NEE (150 mil euros),

    entre outros.

    Total: 11.400.000,00 (11 milhes e 400 mil euros).

    Gaia Aprende Mais

  • Notas gerais do projecto

    A Cmara disponibiliza os professores das AEC durante o vnculo dos mesmos, que

    contabilizam no oramento do programa.

    As IPSS asseguram as contrataes de actividades suplementares (pessoas

    individuais e/ou colectivas).

    As IPSS recrutaro preferencialmente os Professores das AEC que leccionam no ano

    lectivo em curso, dando continuidade lgica ao projecto.

    Gaia Aprende Mais

  • Gaia Aprende Mais

    FREGUESIA INSTITUIO RESPONSVEL

    ARCOZELOESCOLA SUPERIOR DE EDUCAO JEAN PIAGET

    Orqudea Campos

    AVINTESABRIGO SEGURO

    FUNDAO JOAQUIM OLIVEIRA LOPES

    Fernanda Silva

    Maria Emlia Lopes

    CANELAS ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAO JEAN PIAGET Dra. Orqudea Campos

    CANIDELOCENTRO SOCIAL PAROQUIAL SR. DA VERA CRUZ

    UNAPAPS

    Pe. Antnio Barbosa

    GRIJCENTRO SOCIAL PAROQUIAL S. SALV. DE GRIJ

    Pe. Antnio Coelho

    GULPILHARES FORUM CULTURAL DE GULPILHARES Ramiro Lopes

    MADALENACOOPERATIVA SOCIAL-SOL MAIOR

    ASSOCIAO DE SOLIDARIEDADE DA MADALENA

    Joaquim Cardoso

    Vnia Rocha

    MAFAMUDE COOPERATIVA SOCIAL-SOL MAIOR Joaquim Cardoso

    OLIVEIRA DO DOUROCOOPERATIVA SOCIAL-SOL MAIOR

    FUNDAO OBRA DO PADRE LUS (EB1 OUTEIRO)

    Joaquim Cardoso

    Menezes de Figueiredo

    OLIVAL / CRESTUMA OLIVAL SOCIAL Sara Ramos

    PEDROSO / SEIXEZELOASSOCIAO MUSICAL DE PEDROSO Joaquim Oliveira Claro; Mrio Claro

    PEROSINHO ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAO JEAN PIAGET Dra. Orqudea Campos

    SANDIM / LEVER CENTRO SOCIAL DE SANDIM Manuel Couto

    SANTA MARINHA / AFURADACENTRO SOCIAL PAROQUIAL SR. DA VERA CRUZ

    CENTRO SOCIAL DE COIMBRES (EB1 DAS MATAS)

    Pe. Antnio Barbosa

    Conceio Osrio

    SO FLIX DA MARINHA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAO JEAN PIAGET

    Orqudea Campos

    SERMONDE CENTRO DE SOLIDAR. TENDA DO ENCONTRO Pe. Bernardino Queirs

    SERZEDO ASSOCIAO RECREATIVA E CULT. DE SERZEDOAntnio Lucas

    VALADARES ACADEMIA DE MSICA DE VILAR DO PARASO Hugo Berto Coelho

    VILAR DE ANDORINHO CENTRO DE DIA SALV. CAETANO E ANA CAETANOManuel Monteiro

    VILAR DO PARASO ACADEMIA DE MSICA DE VILAR DO PARASO Hugo Berto Coelho

  • Pelouro da EDUCAO Pelouro da EDUCAO

    Ano lectivo 2014/15

    Gaia Aprende Mais