Tga clássica

of 18 /18
Prof. Charles Benigno 1 Abordagem Clássica Escola da Administração Científica Frederick Winslow Taylor (1856-1915) - Engenheiro americano Teoria Clássica Henri Fayol(1841-1925) - Engenheiro francês Fordismo Henry Ford (1863-1947) - mecânico

Embed Size (px)

description

Slides da abordagem clássica da administração

Transcript of Tga clássica

  • 1. Abordagem Clssica Escola da Administrao CientficaFrederick Winslow Taylor (1856-1915) - Engenheiroamericano Fordismo Henry Ford (1863-1947) - mecnico Teoria ClssicaHenri Fayol(1841-1925) - Engenheiro francs Prof. Charles Benigno1

2. Abordagem Clssica Escola da Administrao Cientfica(engenheiros) Frederick Winslow Taylor Henry Lawrence Gantt Henry Ford Teoria Clssica(anatomistas e fisiologistas) Henri Fayol James D. MooneyProf. Charles Benigno 2 3. Escola da Administrao CientficaObjetivos: Buscar eficincia atravs da racionalizao do trabalho enfase nas tarefas; Aplicao dos mtodos da cincia na Administrao; Mtodos principais: observao e mensurao; Eliminar os desperdcios e com isso aumentar aprodutividade das indstrias americanas atravs daEngenharia Industrial; Assegurar a mxima prosperidade do empregador por meioda mxima prosperidade do empregado. Prof. Charles Benigno3 4. Primeiro Perodo de Taylor - 1903 Administrao de Oficinas:1. O objetivo de toda administrao pagar altos salrios e ter baixos custos de produo;2. A Administrao deve aplicar mtodos cientficos de pesquisa e experimentos a fim de formular princpios padronizados que permitam o controle das operaes da empresa;3. Os empregados devem ser colocados cientificamente em servios ou postos com os materiais e condies adequados para que as normas sejam cumpridas;4. Os empregados devem ser treinados em suas atividades para aperfeioar sua aptido e mtodo de trabalho;5. Uma atmosfera de ntima e cordial cooperao deve ser cultivada entre a Administrao e os trabalhadores.Prof. Charles Benigno 4 5. Segundo Perodo de Taylor - 1911 Causas da Vadiagem no Trabalho Desconhecimento, por parte da gerncia, dasrotinas de trabalho e do tempo necessriopara sua realizao; Falta de uniformidade das tcnicas oumtodos de trabalho. Prof. Charles Benigno5 6. Elementos da Administrao Cientfica (Taylor) Estudo dos tempos e padres de produo; Superviso funcional; Padronizao de ferramentas e instrumentos; Planejamento de tarefas e cargos; Princpio da exceo; Utilizao da rgua de clculo e de instrumentos paraeconomizar tempo; Fichas de instruo de servio; Prmios de produo pela execuo eficiente das tarefas; Definio de rotina de trabalho. Prof. Charles Benigno 6 7. Organizao Racional do Trabalho (ORT) - Taylor Anlise do trabalho e estudo dos tempos e movimentos; Estudo da fadiga humana; Diviso do trabalho e especializao do operrio; Desenho de cargos e tarefas; Incentivos salariais e prmios de produo; Conceito de homo economicus; Condies ambientais de trabalho; Padronizao de mtodos e mquinas; Superviso funcional.Prof. Charles Benigno 7 8. Princpios da AdministraoCientfica de Taylor1. Princpio do Planejamento - substituir o empirismo do operrio pelos mtodos baseados em procedimentos cientficos2. Princpio do Preparo - selecionar cientificamente o operrio e trein-lo3. Princpio do Controle - controlar o trabalho para que seja realizado de acordo com o planejado4. Princpio da Execuo - distribuir adequadamente o trabalho e a responsabilidadeProf. Charles Benigno8 9. Apreciao Crtica da Escola da Administrao Cientfica Mecanicismo da Administrao Cientfica Superespecializao do operrio Viso microscpica do homem Ausncia de comprovao cientfica Abordagem incompleta da organizao Limitao do campo de aplicao Abordagem prescritiva e normativa Abordagem de sistema fechado Prof. Charles Benigno9 10. Teoria Clssica (Henri Fayol)As Funes Bsicas da Empresa:1. Funes Tcnicas- Prever2. Funes Comerciais - Organizar3. Funes Administrativas- Comandar- Coordenar4. Funes de Segurana- Controlar5. Funes Contbeis6. Funes FinanceirasProf. Charles Benigno 10 11. Proporcionalidade dasFunes AdministrativasNveis HierrquicosMais altosFunes Administrativas- prever- organizar- comandar- coordenar- controlar Outras FunesNo-AdministrativasMais baixosProf. Charles Benigno 11 12. Princpios Gerais da Administrao, segundo Fayol Diviso do trabalho; Remunerao do pessoal; Autoridade e Centralizao daresponsabilidade;autoridade; Disciplina; Cadeia escalar; Unidade de comando; Ordem; Unidade de direo; Eqidade; Subordinao dos Estabilidade do pessoal;interesses individuais aos Iniciativa;interesses gerais; Esprito de equipe.Prof. Charles Benigno 12 13. Principais Caractersticas da Teoria Clssica (Fayol) Superviso linear - Verticalmente(segundo os nveis de autoridadee responsabilidade) Diviso do trabalho- Horizontalmente nfase na estrutura (segundo os diferentes tipos de atividade) Conceito de linha e staff Estudo da organizao de cima para baixo Conceito de homo economicusProf. Charles Benigno13 14. Teoria ClssicaProf. Charles Benigno 14 15. Princpios Gerais daAdministrao segundo Fayol Diviso do trabalho Remunerao do pessoal Autoridade eCentralizaoresponsabilidade Cadeia escalar Disciplina Ordem Unidade de comando Eqidade Unidade de direo Estabilidade do pessoal Subordinao dos Iniciativainteresses individuais aos Espirto de equipeinteresses geraisProf. Charles Benigno 15 16. Princpios da Administrao na Du Pont(1909 a 1914)a) procure a melhor maneira de fazer o trabalhob) torne essa maneira um padro em termos demtodo e tempoc) ensine os empregados como atingir o padrod) d-lhes o incentivo certo para faz-loProf. Charles Benigno 16 17. Critrios da Du Pont Primeiro: coordenao do esforo econmico relacionado com o mercado Segundo: responsabilidade no dividida Terceiro: relaes claramente definidas entre superiores e subordinados Quarto: as vantagens econmicas da especializao dos servios deassessoria centralizados Quinto: retorno sobre o investimento para avaliar o desempenho de cadaunidade Sexto: controle final pela Direo do grupo Stimo: o conhecimento dos princpios gerais da administrao um pr-requisito para os gerentes gerais de cada ramo de atividade Oitavo: as mltiplas verdades da administrao Nono: adaptao mudana Dcimo: a organizao idealProf. Charles Benigno 17 18. Apreciao Crtica da Teoria Clssica Abordagem simplificada da organizao formal; Ausncia de trabalhos experimentais; Extremo racionalismo na concepo daAdministrao; Teoria da Mquina; Abordagem incompleta da organizao; Abordagem de sistema fechado.Prof. Charles Benigno 18