01 - Informacoes Gerais

of 31/31
Algumas palavras sobre segurança Informações de Serviço As informações de serviços e reparos contidas neste manual destinam-se ao uso de técnicos profissionais qualificados. A tentativa de execução de serviços ou reparos sem o treinamento, ferramentas e equipamentos adequados pode causar ferimentos a você e a outras pessoas. Também pode danificar o veículo ou criar situações inseguras. Este manual descreve os métodos e procedimentos adequados para a realização de serviços, manutenções e reparos. Alguns procedimentos requerem a utilização de ferramentas especialmente desenvolvidas e equipamentos específicos. Qualquer pessoa que planeja utilizar uma peça de substituição, ferramenta ou executar procedimento de serviço que não sejam recomendados pela Honda deve determinar os riscos à sua própria segurança e ao seguro funcionamento do veículo. Se você necessita substituir algum componente, utilize peças genuínas Honda, com o correto código da peça ou componente equivalente. Nós não recomendamos a utilização de peças de reposição de inferior qualidade. Para a segurança do consumidor Serviços e manutenção adequados são essenciais para a segurança do consumidor e confiabilidade do veículo. Qualquer erro ou descuido durante a execução de serviços em um veículo pode resultar em operação defeituosa, danos ao veículo ou ferimentos a outras pessoas. c Para a sua segurança Como este manual destina-se ao uso de técnicos de serviços profissionais, não fornecemos advertências sobre várias práticas de seguranças básicas de serviços (por exemplo, para peças quentes - utilizar luvas). Se você não recebeu treinamento de segurança para execução de serviços ou não se sente seguro em relação ao seu conhecimento sobre segurança durante a execução de serviços, recomendamos que não tente executar os procedimentos descritos neste manual. Algumas das mais importantes precauções de segurança de serviços gerais estão descritas a seguir. Entretanto, não podemos advertir sobre todos os riscos concebíveis que podem surgir durante a execução de serviços ou procedimentos de reparo. Somente você pode decidir quando deve ou não executar determinada tarefa. c Precauções de Segurança Importantes Certifique-se de conhecer todas as práticas de segurança de serviços, de vestir roupas adequadas e utilizar equipamentos de segurança. Sempre que realizar serviços, seja especialmente cuidadoso com os seguintes pontos: • Leia todas as instruções antes de começar, e certifique-se de ter todas as ferramentas, as peças de substituição ou reparo e o conhecimento necessário para realizar as tarefas de maneira segura e completa. • Proteja seus olhos, usando óculos de segurança adequados, protetores para os olhos ou protetores para o rosto, sempre que martelar, perfurar, amolar, alavancar, trabalhar próximo a ar ou líquidos pressurizados e molas ou outros componentes que possam armazenar energia. • Vista roupas protetoras quando necessário, como por exemplo, luvas ou sapatos de segurança. Manusear peças quentes ou cortantes pode provocar queimaduras ou cortes graves. Antes de segurar algo que pareça poder machucá- lo, pare e vista luvas de segurança. • Proteja-se e a outras pessoas sempre que o veículo estiver suspenso. Sempre que levantar o veículo do solo, mesmo que utilizando um macaco ou guindaste, certifique-se de que está seguramente apoiado. Sempre utilize cavaletes. Certifique-se de que o motor esteja desligado sempre que iniciar procedimentos de serviços, a menos que as instruções ditem o contrário. Isso ajudará a eliminar vários riscos em potencial. • O monóxido de carbono liberado pelo motor é venenoso. Certifique-se de que o lugar possui ventilação adequada sempre que ligar o motor. • Líquidos de arrefecimento ou peças quentes podem provocar queimaduras sérias. Espere o motor e o escapamento esfriarem sempre que for trabalhar nestas partes da motocicleta. • As peças móveis da motocicleta podem provocar ferimentos. Se as instruções ditarem para ligar o motor, certifique-se de que suas mãos, dedos ou roupas estejam fora da área de movimento destas peças. Os vapores de gasolina e gases de hidrogênio emitidos pela bateria são explosivos. Para reduzir a possibilidade de incêndio ou explosões, tenha cuidado ao trabalhar próximo a gasolina ou baterias. • Sempre utilize solventes não-inflamáveis, nunca gasolina, para limpar componentes. • Nunca drene ou armazene gasolina em recipientes abertos. • Mantenha cigarros, faíscas e chamas longe da bateria e de todos os componentes relacionados a combustível. • O não acompanhamento dos procedimentos e precauções deste manual pode causar acidentes graves ou fatais. • Siga cuidadosamente os procedimentos e precauções deste manual. • Serviços ou reparos realizados de maneira inadequada podem criar condições inseguras de utilização, que podem levar o consumidor ou outras pessoas a acidentes graves ou fatais. • Siga cuidadosamente os procedimentos e precauções deste manual e outros catálogos de serviço.
  • date post

    31-Jan-2016
  • Category

    Documents

  • view

    260
  • download

    18

Embed Size (px)

description

cg 125 fun

Transcript of 01 - Informacoes Gerais

  • Algumas palavras sobre segurana

    Informaes de ServioAs informaes de servios e reparos contidas neste manual destinam-se ao uso de tcnicos profissionais qualificados.A tentativa de execuo de servios ou reparos sem o treinamento, ferramentas e equipamentos adequados podecausar ferimentos a voc e a outras pessoas. Tambm pode danificar o veculo ou criar situaes inseguras.

    Este manual descreve os mtodos e procedimentos adequados para a realizao de servios, manutenes e reparos.Alguns procedimentos requerem a utilizao de ferramentas especialmente desenvolvidas e equipamentos especficos.Qualquer pessoa que planeja utilizar uma pea de substituio, ferramenta ou executar procedimento de servio que nosejam recomendados pela Honda deve determinar os riscos sua prpria segurana e ao seguro funcionamento do veculo.

    Se voc necessita substituir algum componente, utilize peas genunas Honda, com o correto cdigo da pea oucomponente equivalente. Ns no recomendamos a utilizao de peas de reposio de inferior qualidade.

    Para a segurana do consumidor

    Servios e manuteno adequados so essenciais para a segurana do consumidor e confiabilidade do veculo.Qualquer erro ou descuido durante a execuo de servios em um veculo pode resultar em operao defeituosa, danosao veculo ou ferimentos a outras pessoas.

    c

    Para a sua segurana

    Como este manual destina-se ao uso de tcnicos de servios profissionais, no fornecemos advertncias sobre vrias prticasde seguranas bsicas de servios (por exemplo, para peas quentes - utilizar luvas). Se voc no recebeu treinamento desegurana para execuo de servios ou no se sente seguro em relao ao seu conhecimento sobre segurana durante aexecuo de servios, recomendamos que no tente executar os procedimentos descritos neste manual.

    Algumas das mais importantes precaues de segurana de servios gerais esto descritas a seguir. Entretanto, nopodemos advertir sobre todos os riscos concebveis que podem surgir durante a execuo de servios ouprocedimentos de reparo. Somente voc pode decidir quando deve ou no executar determinada tarefa.

    c

    Precaues de Segurana Importantes

    Certifique-se de conhecer todas as prticas de segurana de servios, de vestir roupas adequadas e utilizarequipamentos de segurana. Sempre que realizar servios, seja especialmente cuidadoso com os seguintes pontos:

    Leia todas as instrues antes de comear, e certifique-se de ter todas as ferramentas, as peas de substituio oureparo e o conhecimento necessrio para realizar as tarefas de maneira segura e completa.

    Proteja seus olhos, usando culos de segurana adequados, protetores para os olhos ou protetores para o rosto,sempre que martelar, perfurar, amolar, alavancar, trabalhar prximo a ar ou lquidos pressurizados e molas ou outroscomponentes que possam armazenar energia.

    Vista roupas protetoras quando necessrio, como por exemplo, luvas ou sapatos de segurana. Manusear peasquentes ou cortantes pode provocar queimaduras ou cortes graves. Antes de segurar algo que parea poder machuc-lo, pare e vista luvas de segurana.

    Proteja-se e a outras pessoas sempre que o veculo estiver suspenso. Sempre que levantar o veculo do solo, mesmoque utilizando um macaco ou guindaste, certifique-se de que est seguramente apoiado. Sempre utilize cavaletes.

    Certifique-se de que o motor esteja desligado sempre que iniciar procedimentos de servios, a menos que as instruesditem o contrrio. Isso ajudar a eliminar vrios riscos em potencial.

    O monxido de carbono liberado pelo motor venenoso. Certifique-se de que o lugar possui ventilao adequadasempre que ligar o motor.

    Lquidos de arrefecimento ou peas quentes podem provocar queimaduras srias. Espere o motor e o escapamentoesfriarem sempre que for trabalhar nestas partes da motocicleta.

    As peas mveis da motocicleta podem provocar ferimentos. Se as instrues ditarem para ligar o motor, certifique-sede que suas mos, dedos ou roupas estejam fora da rea de movimento destas peas.

    Os vapores de gasolina e gases de hidrognio emitidos pela bateria so explosivos. Para reduzir a possibilidade deincndio ou exploses, tenha cuidado ao trabalhar prximo a gasolina ou baterias.

    Sempre utilize solventes no-inflamveis, nunca gasolina, para limpar componentes. Nunca drene ou armazene gasolina em recipientes abertos. Mantenha cigarros, fascas e chamas longe da bateria e de todos os componentes relacionados a combustvel.

    O no acompanhamento dos procedimentos e precaues deste manual pode causar acidentes graves ou fatais. Siga cuidadosamente os procedimentos e precaues deste manual.

    Servios ou reparos realizados de maneira inadequada podem criar condies inseguras de utilizao, que podemlevar o consumidor ou outras pessoas a acidentes graves ou fatais.

    Siga cuidadosamente os procedimentos e precaues deste manual e outros catlogos de servio.

  • 23

    SIS

    TE

    MA

    EL

    TR

    ICO

    CH

    AS

    SI

    MO

    TO

    R E

    TR

    AN

    SM

    ISS

    O

    1

    COMO USAR ESTE MANUALEste manual descreve os procedimentos de servio para amotocicleta CG125 FAN KSES e CG125 CARGO CKSCES.Siga as recomendaes da Tabela de Manuteno(Captulo 3) para garantir perfeitas condies defuncionamento e nveis de emisses dentro dasespecificaes.A execuo das manutenes iniciais de grandeimportncia, pois compensa o desgaste inicial que ocorredurante o perodo de amaciamento.

    Os captulos 1 e 3 aplicam-se motocicleta inteira. Ocaptulo 2 apresenta os procedimentos deremoo/instalao de componentes que podem sernecessrios para a execuo de servios descritos noscaptulos seguintes.Os captulos 4 a 17 apresentam os componentes damotocicleta, agrupados de acordo com sua localizao.Localize o captulo desejado nesta pgina e, em seguida,consulte o ndice apresentado na primeira pgina docaptulo selecionado.

    A maioria dos captulos inicia-se com uma ilustrao dosistema ou conjunto, informaes de servio e diagnosede defeitos. As pginas subsequentes apresentamprocedimentos detalhados.Se a causa do problema for desconhecida, consulte ocaptulo 19, Diagnose de Defeitos.

    Neste manual, voc encontrar informaes precedidasdo smbolo de NOTA. O propsito desta mensagem alertar a fim de evitar danos ao veculo, outraspropriedades ou ao meio-ambiente.

    MOTO HONDA DA AMAZNIA LTDA.Departamento de Servios TcnicosSetor de Publicaes Tcnicas

    Sua segurana e a segurana de outras pessoas so degrande importncia. Para mant-lo informado, inclumosmensagens de segurana e outras informaes nestemanual. Infelizmente, impossvel alertar sobre todos osriscos associados realizao de servios neste veculo.Voc deve utilizar seu prprio bom-senso.Voc encontrar informaes de segurana de vriasmaneiras, tais como: Etiquetas de segurana - localizadas no veculo. Mensagens de segurana - precedida por um smbolo de

    alerta de segurana ! e uma das trs palavras,PERIGO, CUIDADO ou ATENO.Esta palavra tem o seguinte significado:

    p : Caso as instrues no sejam seguidas,voc sofrer ferimentos srios ou fatais.

    c : Caso as instrues no sejam seguidas,voc poder sofrer ferimentos srios oufatais.

    a : Caso as instrues no sejam seguidas,voc poder sofrer ferimentos.

    Instrues: Como executar servios neste veculo demaneira correta e segura.

    INFORMAES GERAIS

    2CHASSI/CARENAGENS/SISTEMA DE ESCAPAMENTO

    3MANUTENO

    4SISTEMA DE LUBRIFICAO

    5SISTEMA DE ALIMENTAO

    6REMOO/INSTALAO DO MOTOR

    7CABEOTE/VLVULAS

    8CILINDRO/PISTO

    9EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS/CONJUNTO DE PARTIDA

    10ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA

    11CARCAA DO MOTOR/TRANSMISSO

    12RODA DIANTEIRA/SUSPENSO/SISTEMA DE DIREO

    13RODA TRASEIRA/FREIO/SUSPENSO

    14BATERIA/SISTEMA DE CARGA

    15SISTEMA DE IGNIO

    16PARTIDA ELTRICA (TIPOS ESCES)

    17LUZES/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES

    18DIAGRAMA ELTRICO

    19DIAGNOSE DE DEFEITOS

    20SUPLEMENTO CG125 CSKCES

    21SUPLEMENTO CG125 CSK-A

    22SUPLEMENTO CG125 KSESCKSCES-B CAMPANHAS DE SERVIO/BOLETINS TCNICOS/CIRCULARES

    NDICE GERAL

    Manual de Servios: 00X6B-KWG-003Derivado dos Drafts: 62KWGB0, 62KWGB0Z,

    62KWGB0Y, 62KWGB0X Data de Emisso: Outubro/2010Cdigo do Fornecedor: 2#7AG

  • SMBOLOSOs smbolos utilizados neste manual indicam procedimentos especficos de servio. Se houver necessidade de informaesadicionais referentes a estes smbolos, estas sero explicadas especificamente no texto, sem a utilizao dos smbolos.

    Substitua a(s) pea(s) por uma nova antes da montagem.

    Utilize leo para motor recomendado, a menos que especificado de outra forma.

    Utilize soluo recomendada de leo e molibdnio (mistura de leo para motor com graxa demolibdnio na proporo de 1:1).

    Utilize graxa para uso geral (graxa para uso geral base de sabo de ltio NLGI n 2 ou equivalente).

    Utilize graxa base de bissulfeto de molibdnio (contendo mais de 3% de bissulfeto demolibdnio, NLGI n 2 ou equivalente).Exemplo: Molykote BR-2 plus fabricada por Dow Corning, EUA

    Graxa para uso geral M-2, produzida pela Mitsubishi Oil, Japo

    Utilize pasta base de bissulfeto de molibdnio (contendo mais de 40% de bissulfeto demolibdnio, NLGI n 2 ou equivalente).Exemplo: Molykote G-n Paste fabricada por Dow Corning, EUA

    Honda Moly 60 (somente para USA)Rocol ASP, produzida pela Rocol Ltda., UKPasta Rocol, produzida pela Sumico Lubricant, Japo

    Utilize graxa base de silicone.

    Utilize trava qumica. Utilize trava qumica com resistncia a torque mdio, a menos queespecificado de outra forma.

    Aplique junta-lquida.

    Utilize fluido de freio DOT-3 ou DOT4. Utilize o fluido de freio recomendado, a menos queespecificado de outra forma.

    Utilize fluido para amortecedor ou suspenso.

  • 1. INFORMAES GERAISNORMAS DE SERVIO 1-2

    IDENTIFICAO DO MODELO 1-2

    ESPECIFICAES GERAIS 1-4

    ESPECIFICAES DO SISTEMA DELUBRIFICAO 1-5

    ESPECIFICAES DO SISTEMA DEALIMENTAO 1-5

    ESPECIFICAES DOCABEOTE/VLVULAS 1-5

    ESPECIFICAES DO CILINDRO/PISTO 1-6

    ESPECIFICAES DA EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS/CONJUNTO DE PARTIDA 1-6

    ESPECIFICAES DO ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA 1-6

    ESPECIFICAES DA RVORE DEMANIVELAS/TRANSMISSO 1-7

    ESPECIFICAES DA RODADIANTEIRA/SUSPENSO/SISTEMA DE DIREO 1-8

    ESPECIFICAES DA RODATRASEIRA/FREIO/SUSPENSO 1-8

    ESPECIFICAES DA BATERIA/SISTEMA DE CARGA 1-9

    ESPECIFICAES DO SISTEMADE IGNIO 1-9

    ESPECIFICAES DA PARTIDA ELTRICA(Somente tipos ESCES) 1-9

    ESPECIFICAES DE LUZES/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES 1-9

    VALORES DE TORQUE PADRO 1-10

    VALORES DE TORQUEDE MOTOR E CHASSI 1-10

    LUBRIFICAO E PONTOS DE VEDAO 1-14

    PASSAGEM DE CABOS E FIAO 1-16

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSES 1-26

    ETIQUETA INFORMATIVA DECONTROLE DE EMISSES 1-28

    1-1

    CG125 FAN/CARGO

  • INFORMAES GERAIS

    1-2

    CG125 FAN/CARGO

    NORMAS DE SERVIO1. Utilize somente peas, leos e lubrificantes genunos HONDA, recomendados pela HONDA ou seus equivalentes.

    Peas que no atendam s especificaes HONDA podem causar danos motocicleta.2. Utilize as ferramentas especiais desenvolvidas para este produto a fim de evitar danos ou montagem incorreta.3. Utilize somente ferramentas mtricas ao efetuar reparos na motocicleta. Porcas e parafusos mtricos no podem ser

    substitudos por fixadores Ingleses.4. Instale novas juntas, anis de vedao, cupilhas e placas de fixao durante a montagem.5. Ao apertar as porcas e parafusos, inicie pelos de maior dimetro ou pelos parafusos internos. Em seguida, aperte-os,

    diagonalmente e em diversas etapas, at o torque especificado, a menos que especificado de outra forma.6. Limpe as peas com solvente de limpeza aps a desmontagem. Lubrifique as superfcies deslizantes antes da

    montagem.7. Aps a montagem, inspecione todas as peas quanto a sua correta instalao e funcionamento adequado.8. Passe as fiaes eltricas como ilustrado em "Passagem de Cabos Fiao" (pagina 1-16).

    ABREVIAES

    Neste manual, sero utilizadas as seguintes abreviaes para identificar os respectivos componentes ou sistema.

    Abreviao Nome completoCG125 KS CG125 FAN sem partida eltricaCG125 ES CG125 FAN equipada com partida eltricaCG125 CKS CG125 CARGO sem partida eltricaCG125 CES CG125 CARGO equipada com partida eltricaICM Mdulo de Controle de Ignio

    IDENTIFICAO DO MODELO

    CDIGOS UTILIZADOS

    Neste manual, sero utilizadas as seguintes abreviaes para identificar os respectivos modelos.

    CG125 ES CG125 CES

    Cdigo RegioBR Brasil

  • INFORMAES GERAIS

    1-3

    CG125 FAN/CARGO

    NMEROS DE SRIE

    O Nmero de Identificao do Veculo (VIN) est gravado nolado direito da coluna de direo, como mostra a ilustrao.

    O nmero de srie do motor est gravado no lado esquerdoinferior da carcaa do motor, como mostra a ilustrao.

    O nmero de identificao do carburador est gravado nolado direito do corpo do carburador, como mostra ailustrao.

    NMERO DE IDENTIFICAO DO VECULO

    NMERO DE SRIE DO MOTORNMERO DE IDENTIFICAO DO CARBURADOR

  • INFORMAES GERAIS

    1-4

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES GERAISItem Especificao

    Dimenses Comprimento total Tipos KSES 1.978 mmTipos CKSCES 2.031 mm

    Largura total 731 mmAltura total 1.053 mmDistncia entre os eixos 1.307 mmAltura do assento 780 mmAltura do pedal de apoio 293 mmAltura mnima do solo 170 mmPeso seco Tipo KS 108,9 kg

    Tipo ES 110,0 kgTipo CKS 111,1 kgTipo CES 112,2 kg

    Chassi Tipo DiamondSuspenso dianteira Garfo telescpicoCurso do eixo dianteiro 103 mmSuspenso traseira Brao oscilanteCurso do eixo traseiro 82 mmMedida do pneu dianteiro 80/100 18M/C 47 PMedida do pneu traseiro 90/90 18M/C 57 PModelo do pneu dianteiro Tipos KSES CITY DEMON (PIRELLI)

    Tipos CKSCES MATRIX (LEVORIN)Modelo do pneu traseiro Tipos KSES CITY DEMON (PIRELLI)

    Tipos CKSCES MATRIX (LEVORIN)Freio dianteiro Tambor mecnicoFreio traseiro Tambor mecnicongulo do cster 2700Trail 91 mmCapacidade do tanque de combustvel 15,1 lCapacidade da reserva de combustvel 2,5 l

    Motor Disposio dos cilindros Monocilndrico, inclinado 15 em relao verticalDimetro e curso 52,4 x 57,84 mmCilindrada 124,7 cm3Comando de vlvulas Acionado por corrente, OHC com balancimRazo de compresso 9,2:1Vlvula de Abre 5 APMS, a 1 mmadmisso Fecha 30 DPMI, a 1 mmVlvula de Abre 30 APMI, a 1 mmescapamento Fecha 0 APMS, a 1 mmSistema de lubrificao Forada por bomba de leo e crter midoTipo de bomba de leo TrocoidalSistema de arrefecimento Arrefecido a arSistema de filtragem de ar Elemento de papelPeso seco do motor Tipos KSCKS 26,2 kg

    Tipos ESCES 27,2 kgTransmisso Sistema de embreagem Multi-disco em banho de leo

    Sistema de acionamento da embreagem Acionada por caboTransmisso 5 marchas constantemente engrenadasReduo primria 3,350 (67/20)Reduo final 3,071 (43/14)Relao de transmisso 1 2,785 (39/14)

    2 1,789 (34/19)3 1,350 (27/20)4 1,120 (28/25)5 0,958 (23/24)

    Sistema de mudana de marchas Sistema de retorno operado pelop esquerdo, 1 N 2 3 4 5

    Sistema Sistema de ignio CDIeltrico Sistema de partida Tipos KSCKS Partida via pedal

    Tipos ESCES Motor de partida eltricoSistema de carga Alternador de sada monofsicaRegulador/retificador Monofsico, retificao de meia onda e SCR em curtoSistema de iluminao Alternador

  • INFORMAES GERAIS

    1-5

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES DO SISTEMA DE LUBRIFICAO Unidade: mm

    ESPECIFICAES DO CABEOTE/VLVULAS Unidade: mm

    ESPECIFICAES DO SISTEMA DE ALIMENTAO

    Item Padro Limite de UsoCapacidade de leo Aps a drenagem 1,0 l do motor Aps a desmontagem 1,2 l leo recomendado para motor Mobil Super Moto 4T

    Multiviscoso Classificao de servio API: SF

    Viscosidade: 20W-50Rotor da bomba Folga entre os rotores 0,15 0,20de leo interno e externo

    Folga entre o rotor externo 0,18 0,23 0,28e a carcaa da bombaFolga entre os rotores 0,05 0,10 0,15e a face da carcaa da bomba

    Item EspecificaoNmero de identificao do carburador PDC9PGicl principal #110Gicl de marcha-lenta #38Parafuso da mistura Abertura inicial Consulte a pgina 5-19.Nvel da bia 13,8 mmMarcha-lenta 1.400 100 rpmFolga da manopla do acelerador 2 6 mmVcuo da vlvula de controle PAIR 60 kPa (450 mmHg)

    Item Padro Limite de UsoCompresso do cilindro a 500 rpm 1.402 kPa (14,3 kgf/cm2, 203 psi) Folga das vlvulas ADM 0,08 0,02

    ESC 0,12 0,02 Vlvula, guia D.E. da haste da vlvula ADM 4,975 4,990 4,92da vlvula ESC 4,955 4,970 4,90

    D.I. da guia da vlvula ADM/ESC 5,000 5,012 5,04Folga entre a ADM 0,010 0,037 0,07haste e a guia ESC 0,030 0,057 0,09Altura da guia da vlvula ADM/ESC 16,8 17,0 Largura da sede da vlvula ADM/ESC 0,90 1,10 1,5

    Mola da vlvula Comprimento livre da mola 37,78 37,0Balancim D.I. do balancim ADM/ESC 10,000 10,015 10,10

    D.E. do eixo ADM/ESC 9,972 9,987 9,91Folga entre o ADM/ESC 0,013 0,043 0,10balancim e o eixo

    rvore de Altura do ressalto ADM 33,0735 33,1535 32,96comando ESC 32,9604 33,0404 32,85Empenamento do cabeote 0,05

  • INFORMAES GERAIS

    1-6

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES DO CILINDRO/PISTO Unidade: mm

    ESPECIFICAES DO ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDA Unidade: mm

    ESPECIFICAES DA EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS/CONJUNTO DE PARTIDA Unidade: mm

    Item Padro Limite de UsoCilindro D.I. 52,400 52,410 52,445

    Ovalizao 0,10Conicidade 0,10Empenamento 0,10

    Pisto, D.E. do pisto a 10 mm de sua base 52,37 52,39 52,30pino do pisto D.I. da cavidade do pino do pisto 13,002 13,008 13,03

    D.E. do pino do pisto 12,994 13,000 12,98Folga entre o pisto e o pino do pisto 0,002 0,014 0,04Folga entre os anis 1 anel 0,10 0,25 0,40do pisto 2 anel 0,10 0,15 0,40

    Anel do leo 0,20 0,70 0,85(Anel lateral)

    Folga entre o anel 1 anel 0,045 0,050 0,10e a canaleta 2 anel 0,015 0,050 0,09

    Folga entre o cilindro e o pisto 0,010 0,040 0,10D.I. da cabea da biela 13,016 13,034 13,05Folga entre a cabea da biela e o pino do pisto 0,010 0,034 0,10

    Item Padro Limite de UsoFolga da alavanca da embreagem 10 20 Embreagem Comprimento livre da mola 40,5 39,6

    Espessura do disco A 2,92 3,08 2,6B 2,92 3,08 2,6

    Empenamento do separador 0,20D.I. da carcaa da embreagem 23,000 23,021 23,08Guia da carcaa da D.E. 22,959 22,980 22,93embreagem D.I. 16,991 17,009 17,04D.E. da rvore primria na guia da carcaa da embreagem 16,966 16,984 16,95D.I. da engrenagem intermediria de partida(Somente tipos KSCKS) 20,500 20,521 20,58Bucha da engrenagem D.E. 20,459 20,480 20,43Intermediria de partida

    D.I. 17,000 17,018 17,04(Somente tipos KSCKS)

    D.E. da rvore secundria na guia da engrenagem 16,966 16,984 16,94

    intermediria de partida (Somente tipos KSCKS)

    Item Padro Limite de UsoD.E. da guia da engrenagem movida de partida

    45,660 45,673 45,60(Somente tipos ESCES)

  • INFORMAES GERAIS

    1-7

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES DA RVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSO Unidade: mmItem Padro Limite de Uso

    rvore de Empenamento 0,03 0,08manivelas Folga radial do colo 0 0,008 0,05

    da bielaFolga lateral do colo 0,10 0,35 0,50da biela

    Transmisso D.I. da engrenagem M4 20,000 20,018 20,04M5 17,000 17,018 17,04C1 20,500 20,521 20,55C2 23,020 23,041 23,07 C3 20,000 20,028 20,038

    D.E. da bucha C1 20,459 20,480 20,41C2 22,984 23,005 22,95

    Folga entre a C1 0,020 0,062 0,10engrenagem e a bucha C2 0,0195 0,0570 0,10D.I. da bucha C1 17,000 17,018 17,04

    C2 20,020 20,041 20,07D.E. da rvore primria/ M4 19,968 19,980 19,93secundria M5 16,968 16,980 16,93

    C1 16,966 16,984 16,93C2 19,978 19,989 19,94C3 19,988 20,000 19,95

    Folga entre a bucha C1 0,016 0,052 0,10e o eixo C2 0,031 0,063 0,10Folga entre a M4 0,020 0,050 0,10engrenagem e o eixo M5 0,020 0,050 0,10

    C3 0,040 0,09Garfo seletor, D.E. do eixo do garfo seletor 9,986 9,995 9,93eixo do garfo D.I. do garfo seletor 10,024 10,042 10,07seletor Espessura da garra do garfo seletor 4,93 5,00 4,50

  • INFORMAES GERAIS

    1-8

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES DA RODA DIANTEIRA/SUSPENSO/SISTEMA DE DIREO Unidade: mm

    ESPECIFICAES DA RODA TRASEIRA/FREIO/SUSPENSO Unidade: mm

    Item Padro Limite de UsoProfundidade mnima da banda de rodagem do pneu 1,5Presso do pneu frio Somente CG125 FAN 175 kPa (1,75 kgf/cm2, 25 psi)

    piloto CG125 CARGO 175 kPa (1,75 kgf/cm2, 25 psi) Piloto e CG125 FAN 175 kPa (1,75 kgf/cm2, 25 psi) passageiro CG125 CARGO

    Empenamento do eixo 0,2Excentricidade do aro Radial 1,0da roda Axial 1,0Distncia entre o cubo e o aro da roda 8 1 mm Freio Folga da alavanca 10 20

    D.I. do tambor 130,0 130,3 131,0Garfo da suspenso Comprimento livre da mola 462 452,8

    Empenamento do cilindro 0,20Fluido recomendado Fluido Honda Ultra Cushion 10 W

    ou equivalenteNvel de fluido 178,0 Capacidade de fluido 72,0 1,0 cm3

    Pr-carga do rolamento da coluna de direo 13,24 19,91 N (1,35 2,03 kgf)

    Item Padro Limite de UsoProfundidade mnima da banda de rodagem do pneu 2,0Presso do pneu frio Somente CG125 FAN 200 kPa (2,00 kgf/cm2, 29 psi)

    piloto CG125 CARGO 200 kPa (2,00 kgf/cm2, 29 psi) Piloto e CG125 FAN 225 kPa (2,25 kgf/cm2, 33 psi) passageiro CG125 CARGO

    Empenamento do eixo 0,2Excentricidade do aro Radial 1,0da roda Axial 1,0Corrente de transmisso Medida/elos DID 428MX-116RB

    Folga 10 20 Freio Folga do pedal 20 30

    D.I. do tambor 130,0 130,3 131,0

  • INFORMAES GERAIS

    1-9

    CG125 FAN/CARGO

    ESPECIFICAES DO SISTEMA DE IGNIO

    ESPECIFICAES DA PARTIDA ELTRICA (Somente tipos ESCES) Unidade: mm

    ESPECIFICAES DE LUZES/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORES

    ESPECIFICAES DA BATERIA/SISTEMA DE CARGAItem Especificao

    Bateria Capacidade Tipos KSCKS 12 V / 4 AhTipos ESCES 12 V / 5 Ah

    Fuga de corrente Mximo de 0,1 mAVoltagem Completamente carregada 13,0 13,2 V(a 20C) Necessitando carga Abaixo de 12,4 VCorrente de carga Normal 0,5 A / 5 10 h

    Rpida 5,0 A / 0,5 hAlternador Capacidade 0,12 kW a 5.000 rpm

    Resistncia da bobina de carga (a 20C) 0,2 1,0 Resistncia da bobina de iluminao (a 20C) 0,1 0,8

    Voltagem regulada pelo regulador/retificador (iluminao) 12,0 13,0 V a 5.000 rpm

    Item EspecificaoVelas de ignio Padro CPR8EA-9 (NGK)

    Para longos percursos em alta rotao CPR9EA-9 (NGK)Folga entre os eletrodos da vela de ignio 0,80 0,90 mmPico de voltagem primria da bobina de ignio Mnimo de 100 VPico de voltagem do gerador de pulsos de ignio Mnimo de 0,7 VPonto de ignio (Marca F) 10 APMS em marcha-lenta

    Item Padro Limite de UsoComprimento das escovas do motor de partida 10,00 10,05 6,50

    Item EspecificaoFarol Lmpada Farol alto 12 V 35 W

    Farol baixo 12 V 35 WLanterna/luz de freio 12 V 21/5 WSinaleiras dianteiras 12 V 16 W x 2Sinaleiras traseiras 12 V 16 W x 2Lmpada do velocmetro 12 V 2 WIndicador da sinaleira 12 V 3 WIndicador de farol alto 12 V 3 WIndicador de ponto-morto 12 V 3 W

    Fusvel Fusvel principal 15 AFusvel secundrio 5 A, 10 A

  • INFORMAES GERAIS

    1-10

    CG125 FAN/CARGO

    VALORES DE TORQUE PADROTipo de fixador Torque Tipo de fixador Torque

    N.m (kgf.m) N.m (kgf.m)Parafuso e porca sextavados, 5 mm 5,2 (0,5) Parafuso, 5 mm 4,2 (0,4)Parafuso e porca sextavados, 6 mm 10 (1,0) Parafuso, 6 mm 9,0 (1,0)Parafuso e porca sextavados, 8 mm 22 (2,2) Parafuso flange, 6 mm 10 (1,0)Parafuso e porca sextavados, 10 mm 34 (3,5) (cabea de 8 mm, flange menor)Parafuso e porca sextavados, 12 mm 54 (5,5) Parafuso flange, 6 mm 12 (1,2)

    (cabea de 8 mm, flange maior)Parafuso flange e porca, 6 mm 12 (1,2)(cabea de 10 mm)Parafuso flange e porca, 8 mm 27 (2,8)Parafuso flange e porca, 10 mm 39 (4,0)

    VALORES DE TORQUE DE MOTOR E CHASSI As especificaes de torque abaixo listadas referem-se a fixadores importantes. Outros fixadores devem ser apertados nos valores de torque padro acima listados.

    MOTOR

    Item Qtde. Dim. da Torque ObservaoRosca (mm) N.m (kgf.m)

    ManutenoParafuso/arruela da tampa da carcaa do filtro de ar 4 5 1,2 (0,1)Vela de ignio 1 10 16 (1,6)Contraporca de ajuste da vlvula 2 6 14 (1,4) Aplique leo para motor

    nas roscas e superfciesde assentamento.

    Tampa do orifcio de sincronizao 1 14 10 (1,0)Tampa do orifcio da rvore de manivelas 1 32 15 (1,5) Aplique graxa nas roscas.Parafuso de drenagem do leo do motor 1 12 30 (3,1)Parafuso da tampa do rotor do filtro de leo 3 5 4,0 (0,4)

    Sistema de LubrificaoParafuso da placa da bomba de leo 1 4 3,0 (0,3)

    Sistema de AlimentaoParafuso de fixao do ressonador 1 5 1,2 (0,1)Parafuso da alavanca do afogador 1 5 3,4 (0,35)Parafuso de drenagem do carburador 1 6 1,5 (0,2)Gicl de marcha-lenta 1 6 1,8 (0,2)Pulverizador 1 7 2,5 (0,3)Gicl principal 1 5 2,1 (0,2)Parafuso da cuba da bia 3 4 2,1 (0,2)Parafuso da braadeira do isolante do coletor de admisso 1 5 1,0 (0,1) Consulte a pgina 5-17.

  • INFORMAES GERAIS

    1-11

    CG125 FAN/CARGO

    Item Qtde. Dim. da Torque ObservaoRosca (mm) N.m (kgf.m)

    Cabeote/VlvulasParafuso da tampa do cabeote 2 6 10 (1,0)Parafuso do eixo do balancim 2 5 5,0 (0,5)Parafuso da engrenagem da rvore de comando 2 5 9,0 (0,9)Porca especial do suporte da rvore de comando 4 8 32 (3,3) Aplique leo para motor

    nas roscas e superfciesde assentamento.

    Parafuso do isolante do carburador 2 6 12 (1,2)Prisioneiro do tubo de escapamento 2 8 11 (1,1) Consulte a pgina 2-10.Bujo de acionamento do tensor da corrente dedistribuio 1 6 4,0 (0,4)

    Cilindro/PistoPrisioneiro do cilindro 4 8 11 (1,1) Consulte a pgina 8-4.

    Embreagem/Seletor de Marchas/Conjunto de PartidaContraporca do cubo da embreagem 1 14 74 (7,5) Aplique leo para motor

    nas roscas e superfciesde assentamento.

    Parafuso da placa de acionamento da embreagem 4 6 12 (1,2)Contraporca do rotor do filtro de leo 1 14 64 (6,5) Aplique leo para motor

    nas roscas e superfciesde assentamento.

    Parafuso do excntrico seletor de marchas 1 6 12 (1,2) Aplique trava-qumicanas roscas.

    Parafuso do posicionador do tambor seletor 1 6 12 (1,2) Aplique leo para motornas roscas e superfciesde assentamento.

    Alternador/Embreagem de PartidaParafuso da embreagem de partida 6 6 16 (1,6) Aplique trava-qumica(Somente tipos ESCES) nas roscas.Contraporca do volante do motor 1 14 74 (7,5) Aplique leo para motor

    nas roscas e superfciesde assentamento.

    Parafuso de fixao do sensor de pulsos 2 6 12 (1,2) Aplique trava-qumicanas roscas.

    Parafuso da guia da fiao 1 6 12 (1,2) Aplique trava-qumicanas roscas.

    Carcaa do Motor/TransmissoParafuso da placa de fixao do rolamento da rvoreprimria 2 6 12 (1,2) Aplique trava-qumica

    nas roscas.Parafuso da placa de reteno do rolamento da rvorede manivelas 3 6 12 (1,2)Parafuso do pino de empuxo 1 6 10 (1,0) Aplique trava-qumica

    nas roscas.

  • INFORMAES GERAIS

    1-12

    CG125 FAN/CARGO

    Item Qtde. Dim. da Torque ObservaoRosca (mm) N.m (kgf.m)

    Chassi/Carenagens/Sistema de EscapamentoParafuso do suporte do silencioso 1 8 31 (3,2)Parafuso central da rabeta 2 6 0,55 (0,1)Parafuso da articulao do cavalete lateral 1 10 18 (1,8) Aplique graxa na

    superfcie deslizante.Porca da articulao do cavalete lateral 1 10 45 (4,6) Porca-U.

    ManutenoParafuso/arruela da tampa do alojamento do filtro de ar 4 5 1,2 (0,1)Porca do eixo dianteiro 1 12 62 (6,3) Porca-U.Porca do eixo traseiro 1 14 88 (9,0) Porca-U.Raios das rodas dianteira/traseira 72 BC3,2 3,7 (0,4)

    Remoo/Instalao do MotorPorca do suporte de fixao dianteiro do motor(lado do motor) 2 10 32 (3,3)Porca de fixao dianteira do motor (lado do chassi) 2 8 44 (4,5)Porca de fixao traseira do motor 4 8 45 (4,6)Parafuso de fixao da placa lateral de articulaoesquerda 1 8 31 (3,2)Parafuso da placa de fixao do pinho de transmisso 2 6 12 (1,2)

    Roda Dianteira/Suspenso/Sistema de DireoPorca da coluna de direo 1 24 74 (7,5)Porca de ajuste da coluna de direo 1 26 Consulte a pgina 12-31.Parafuso de fixao da mesa superior 2 10 44 (4,5)Parafuso de fixao da mesa inferior 2 8 32 (3,3)Parafuso superior do garfo da suspenso 2 27 22 (2,2)Parafuso Allen do garfo da suspenso 2 8 20 (2,0) Aplique trava-qumica

    nas roscas.Porca do eixo dianteiro 1 12 62 (6,3) Porca-U.Porca do brao do freio dianteiro 1 6 10 (1,0)Porca da articulao do freio dianteiro 1 6 5,9 (0,6)Parafuso da articulao do freio dianteiro 1 6 1,0 (0,1)Porca da articulao da alavanca da embreagem 1 6 5,9 (0,6)Parafuso da articulao da alavanca da embreagem 1 6 1,0 (0,1)Raios da roda dianteira 36 BC3,2 3,7 (0,4)

    Roda Traseira/SuspensoPorca do eixo traseiro 1 14 88 (9,0) Porca-U.Porca da coroa de transmisso 4 10 64 (6,5) Porca-U.Parafuso da coroa de transmisso 4 10 28 (2,9) Aplique trava-qumica

    nas roscas.Porca da articulao do brao oscilante 1 14 55 (5,6) Porca-U.Porca de fixao do amortecedor (superior) 2 10 34 (3,5)Porca de fixao do amortecedor (inferior) 2 10 34 (3,5)Raios da roda traseira 36 BC3,2 3,7 (0,4)Porca do limitador do brao do freio 2 8 22 (2,2)Porca do brao do freio traseiro 1 6 10 (1,0) Porca-U.

    CHASSI

  • INFORMAES GERAIS

    1-13

    CG125 FAN/CARGO

    OUTROS

    Item Qtde. Dim. da Torque ObservaoRosca (mm) N.m (kgf.m)

    Parafuso de fixao do pedal de partida(Somente tipos KSCKS) 1 8 27 (2,8)

    Parafuso de fixao do pedal seletor de marchas 1 6 12 (1,2)Parafuso do fixador da bateria 1 6 0,55 (0,1)Parafuso de fixao do pedal de apoio 4 8 27 (2,7)

  • INFORMAES GERAIS

    1-14

    CG125 FAN/CARGO

    Material Localizao NotasJunta-lquida Superfcies de contato da carcaa do motor Consulte a pgina 11-19.(Three Bond1207B ouequivalente) Superfcie de assentamento da borracha da fiao do alternadorleo para Rotores da bomba de leomotor Regio deslizante do injetor de leo

    Dentes da engrenagem de acionamento da bomba de leoSuperfcie do eixo do balancimRoscas e superfcie de assentamento do parafuso do suporte da rvorede comandoSuperfcie da corrente de distribuioRoscas da contraporca de ajuste da vlvulaSuperfcie interna do cilindroSuperfcie externa do pisto e anis do pistoRoscas e superfcie de assentamento da contraporca do rotor do filtro de leoSuperfcie deslizante do brao de acionamento da embreagemSuperfcie do disco da embreagemRoscas e superfcie de assentamento da contraporca do cubo da embreagemDentes da engrenagem motora primriaDentes da engrenagem movida primriaDentes da engrenagem intermediria de partida (Somente tipos KSCKS)Dentes da engrenagem movida de partida (Somente tipos KSCKS)Superfcie deslizante do acionador da embreagemRegio rotativa de mancal do eixo seletor de marchasSuperfcie do eixo da engrenagem intermediria de partida eltrica(Somente tipos ESCES)Dentes da engrenagem intermediria de partida eltrica (Somente tipos ESCES)Dentes da engrenagem movida de partida eltrica (Somente tipos ESCES)Regio deslizante e ranhuras da guia do eixo do garfo seletorRegio rotativa de mancal do tambor seletorRoscas e superfcie de assentamento da contraporca do cubo da embreagemRoscas do prisioneiro do cilindro (lado do cabeote)Superfcies de rolamento da embreagem de partida (Somente tipos ESCES)Dentes das engrenagens da transmissoRegio de movimento dos rolamentosAnis de vedao

    Graxa para Lbios dos retentores de leouso geral Roscas da tampa do orifcio da rvore de manivelasleo de Superfcie deslizante e extremidade da haste da vlvulaBissulfeto de Superfcie do ressalto da rvore de comandoMolibdnio Superfcie do pino do pisto(Mistura de Superfcie deslizante da guia da carcaa da embreagem50% de leo Superfcie interna da engrenagem motora de partida (Somente tipos KSCKS)para motor e Superfcie da bucha da engrenagem intermediria de partida50% de graxa (Somente tipos KSCKS)de bissulfeto Rolamento de agulhas do colo da bielade molibdnio) Superfcie interna da cabea da biela

    Superfcie do pino de empuxo do rolamento da rvore de manivelasSuperfcie rotativa das engrenagens M4, M5, C1, C2 e C3Bucha da engrenagem C1 e superfcie do espaador da engrenagem C2Ranhuras do garfo seletor das engrenagens M3, C4 e C5Superfcie rotativa dos roletes da rvore de manivelas

    LUBRIFICAO E PONTOS DE VEDAOMOTOR

  • INFORMAES GERAIS

    1-15

    CG125 FAN/CARGO

    Material Localizao NotasTrava-qumica Roscas do parafuso do posicionador do tambor seletor rea de cobertura: 6,5 1 mm

    Roscas do parafuso do excntrico seletor de marchasRoscas do parafuso da embreagem de partida (Somente tipos ESCES) rea de cobertura: 6,5 1 mmRoscas do parafuso de fixao do sensor de pulsos rea de cobertura: 6,5 1 mmRoscas do parafuso da guia da fiao do estator do alternador rea de cobertura: 6,5 1 mmRoscas do parafuso da placa de fixao do rolamento da rvore primria rea de cobertura: 6,5 1 mmRoscas do parafuso do pino de empuxo do rolamento da rvore de manivelas rea de cobertura: 6,5 1 mm

    CHASSI

    Material Localizao NotasGraxa para Rolamentos da coluna de direo Aplique 3 g.uso geral com Pista cnica da coluna de direo Aplique 3 g.agente de ex- Lbios do retentor de p do rolamento da coluna de direotrema presso(Excelite EP2,Shell Alvaniaou equivalente)Graxa para Regio de contato entre a superfcie de rotao do excntrico do freio Aplique de 0,2 a 0,3 g.uso geral dianteiro e a sapata

    Regio de contato entre a superfcie de rotao do excntrico do freio Aplique de 0,2 a 0,3 g.traseiro e a sapataPino de ancoragem do espelho do freio dianteiro Aplique de 0,2 a 0,3 g.Pino de ancoragem do espelho do freio traseiro Aplique de 0,2 a 0,3 g.Lbios do retentor de p do espelho do freio dianteiroLbios do retentor de p da roda traseiraSuperfcie do parafuso da articulao do brao oscilante Aplique 1 g.Superfcie do espaador da articulao do brao oscilanteLbios da capa do retentor de p da articulao do brao oscilanteSuperfcie deslizante do parafuso da articulao do brao oscilanteSuperfcie deslizante do eixo de articulao do pedal do freio traseiroInterior da carcaa do cabo do velocmetroSuperfcie interna e dentes da engrenagem do velocmetroRegio de rotao da articulao do pedal do freio traseiroRegio de rotao do tubo da manopla do aceleradorArticulao da alavanca da embreagemRegio deslizante do brao do conjunto de partida (Somente tipos KSCKS)Articulao do cavalete lateralLbios dos retentores de pRegio rotativa dos rolamentos

    leo para Retentor de feltro do excntrico do freio dianteiroengrenagens Retentor de feltro do excntrico do freio traseiro(IdemitsuAutolub 30,leo mecnico44 ouequivalente) leo para Corrente de transmissoengrenagem(SAE 80 90)Graxa de Extremidade do cabo do aceleradorsilicone Interior do protetor e regio de conexo do cabo da embreagem

    Interior do protetor e regio de conexo do cabo do freio a tambor dianteiroTrava-qumica Roscas do parafuso Allen do garfo da suspensoFluido para Anel de vedao do parafuso superior do garfo da suspensosuspenso Lbios do retentor de leo do garfo da suspensoAdesivo Superfcie interna das manoplas do guidoHonda Bond A

  • INFORMAES GERAIS

    1-16

    CG125 FAN/CARGO

    PASSAGEM DE CABOS E FIAO

    CINTA DA FIAO

    FIAO DO INTERRUPTORDIREITO DO GUIDO(Somente tipos ESCES)

    CABO DO ACELERADOR

    FIAO DA SINALEIRADIANTEIRA DIREITA

    CABO DO VELOCMETRO

    FIAO DA SINALEIRADIANTEIRA ESQUERDA

    CINTA DA FIAO

    FIAO DOS INTERRUPTORESESQUERDO DO GUIDO

    FIAO DO INTERRUPTORDA EMBREAGEM(Somente tipos ESCES)CABO DA EMBREAGEM

    CABO DO FREIO DIANTEIROFIAO DO INTERRUPTOR DELUZ DO FREIO DIANTEIRO

  • INFORMAES GERAIS

    1-17

    CG125 FAN/CARGO

    CABO DO ACELERADOR

    CONECTOR 9P (Transparente)DO PAINEL DE INSTRUMENTOS

    CONECTOR 9P (Preto)DOS INTERRUPTORESESQUERDO DO GUIDO

    CONECTOR 3P (Preto) DO FAROL

    FIAO DA BUZINA

    CONECTOR 2P (Transparente)DO INTERRUPTOR DE IGNIO

    CONECTORES DASSINALEIRAS DIANTEIRAS

    FIAO DOSINTERRUPTORESESQUERDO DO GUIDO

    CINTA DA FIAO

    CONECTOR 3P (Preto) DOINTERRUPTOR DIREITO DO GUIDO(Somente tipos ESCES)

    CONECTORES DO INTERRUPTORDE LUZ DO FREIO DIANTEIRO

    FIAO DO INTERRUPTORDE LUZ DO FREIO DIANTEIRO

    CINTA DA FIAO

    FIAO DO INTERRUPTORDIREITO DO GUIDO(Somente tipos ESCES)

  • INFORMAES GERAIS

    1-18

    CG125 FAN/CARGO

    CABO DO VELOCMETRO

    CABO DO FREIO DIANTEIRO

    CABO DA EMBREAGEM

    TUBO DE SUPRIMENTO DE AR(Para o cabeote)

    MODULO DECONTROLE DEIGNIO (ICM)

    REGULADOR/RETIFICADOR

    FIAO PRIMRIA DABOBINA DE IGNIO

    FILTRO DE AR DA VLVULA DECONTROLE PAIR (SECUNDRIO)

    FIAO PRINCIPAL

    CABO DO ACELERADOR

    FIAO DO INTERRUPTOR DIREITODO GUIDO (Somente tipos ESCES)

    FIAO DO INTERRUPTORDE LUZ DO FREIO DIANTEIROFIAO DO INTERRUPTOR DA

    EMBREAGEM (Somente tipos ESCES)

  • INFORMAES GERAIS

    1-19

    CG125 FAN/CARGO

    FIAO DOS INTERRUPTORESESQUERDO DO GUIDO

    REGULADOR/RETIFICADOR

    FIAO PRIMRIA DABOBINA DE IGNIOFILTRO DE AR DA VLVULA DE

    CONTROLE PAIR (SECUNDRIO)

    MODULO DE CONTROLEDE IGNIO (ICM)

    MANGUEIRA DESUPRIMENTO DE AR(Para o filtro de ar)

    MANGUEIRA DESUPRIMENTO DE AR(Para o cabeote)

    CABO DA VELADE IGNIO

    CABO DO MOTORDE PARTIDA(Somente tiposESCES)

    MANGUEIRA DE DRENAGEMDO CARBURADOR

    CABO DO TERRA (Somente tipos ESCES)

    CABO DA EMBREAGEM

    VLVULA DECONTROLE PAIR

    CABO DO FREIO DIANTEIRO

    CABO DO VELOCMETRO

    CABO DO ACELERADOR

    CABO DA EMBREAGEMFIAO DO INTERRUPTOR DAEMBREAGEM (Somente tipos ESCES)

  • INFORMAES GERAIS

    1-20

    CG125 FAN/CARGO

    TIPOS KSCKS:

    FIAO DO INTERRUPTORDE LUZ DO FREIO TRASEIRO

    MANGUEIRA DE DRENAGEMDO CARBURADOR

    CABO DA EMBREAGEM

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o cabeote)

    MANGUEIRA DEVCUO DA VLVULADE CONTROLE PAIR

    VLVULA DECONTROLE PAIR

    CABO DO ACELERADOR

    BOBINA DE IGNIO

    CABO DA VELA DE IGNIO

    REGULADOR/RETIFICADOR

    MODULO DE CONTROLEDE IGNIO (ICM)

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o filtro de ar)

    MANGUEIRA DE VENTILAODO CARBURADOR

  • INFORMAES GERAIS

    1-21

    CG125 FAN/CARGO

    TIPOS ESCES:

    CABO DO MOTOR DE PARTIDA

    CABO DO TERRA

    FIAO DO INTERRUPTORDE LUZ DO FREIO TRASEIRO

    MANGUEIRA DE DRENAGEMDO CARBURADOR

    CABO DA EMBREAGEM

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o cabeote)

    MANGUEIRA DEVCUO DA VLVULADE CONTROLE PAIR

    VLVULA DECONTROLE PAIR

    CABO DO ACELERADOR

    BOBINA DE IGNIO

    CABO DA VELA DE IGNIO

    REGULADOR/RETIFICADOR

    MODULO DE CONTROLEDE IGNIO (ICM)

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o filtro de ar)

    MANGUEIRA DE VENTILAODO CARBURADOR

  • INFORMAES GERAIS

    1-22

    CG125 FAN/CARGO

    TIPOS KSCKS:

    TUBO DE SUPRIMENTO DE AR(Para o cabeote)

    MANGUEIRA DE RESPIRODA CARCAA DO MOTOR

    INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO PROTETOR DOS CONECTORES: CONECTOR 4P (Transparente) DO ALTERNADOR CONECTOR DO INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO CONECTOR 2P (Transparente) DO INTERRUPTOR DE

    LUZ DO FREIO TRASEIRO

    CABO NEGATIVO (-) DA BATERIA

    CABO POSITIVO (+) DA BATERIA

    CAIXA DE FUSVEIS

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o filtro de ar)

    CONECTOR 4P (Transparente) DO ICM

    CONECTOR 4P (Verde) DO REGULADOR/RETIFICADOR

    FILTRO DE AR DA VLVULA DECONTROLE PAIR (SECUNDRIO)

    FIAO PRIMRIA DABOBINA DE IGNIO

    FIAO PRINCIPAL

  • INFORMAES GERAIS

    1-23

    CG125 FAN/CARGO

    TIPOS ESCES:

    CABO DO MOTORDE PARTIDA

    DIODO

    REL DE PARTIDA

    TUBO DE SUPRIMENTO DE AR(Para o cabeote)

    MANGUEIRA DE RESPIRODA CARCAA DO MOTOR

    INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO PROTETOR DOS CONECTORES: CONECTOR 4P (Transparente) DO ALTERNADOR CONECTOR DO INTERRUPTOR DE PONTO-MORTO CONECTOR 2P (Transparente) DO INTERRUPTOR DE

    LUZ DO FREIO TRASEIRO

    CABO NEGATIVO (-) DA BATERIA

    CABO POSITIVO (+) DA BATERIA

    CAIXA DE FUSVEIS

    MANGUEIRA DE SUPRIMENTODE AR (Para o filtro de ar)

    CONECTOR 4P (Transparente) DO ICM

    CONECTOR 4P (Verde) DO REGULADOR/RETIFICADOR

    FILTRO DE AR DA VLVULA DECONTROLE PAIR (SECUNDRIO)

    FIAO PRIMRIA DABOBINA DE IGNIO

    FIAO PRINCIPAL

  • INFORMAES GERAIS

    1-24

    CG125 FAN/CARGO

    FIAO PRINCIPAL REL DA SINALEIRA

    FIAO DA SINALEIRATRASEIRA ESQUERDA

    FIAO DA LANTERNA/LUZ DE FREIOFIAO DA SINALEIRATRASEIRA DIREITA

    PROTETOR DOS CONECTORES: CONECTOR 3P (Transparente) DA LANTERNA/LUZ DE FREIO CONECTOR DA SINALEIRA TRASEIRA DIREITA CONECTOR DA SINALEIRA TRASEIRA ESQUERDA CONECTOR DO TERRA DAS SINALEIRAS TRASEIRAS

    DIREITA/ESQUERDA

    CG125 FAN

  • INFORMAES GERAIS

    1-25

    CG125 FAN/CARGO

    FIAO PRINCIPAL

    REL DA SINALEIRA

    FIAO DA SINALEIRA TRASEIRA ESQUERDA

    FIAO DA LANTERNA/LUZ DE FREIO

    FIAO DA SINALEIRA TRASEIRA DIREITA

    PROTETOR DOS CONECTORES: CONECTOR 3P (Transparente) DA

    LANTERNA/LUZ DE FREIO CONECTOR DA SINALEIRA DIREITA CONECTOR DA SINALEIRA ESQUERDA CONECTOR DO TERRA DAS SINALEIRAS

    DIREITA/ESQUERDA

    CG125 CARGO

  • INFORMAES GERAIS

    1-26

    CG125 FAN/CARGO

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSESFONTE DE EMISSES

    O processo de combusto produz monxido de carbono (CO), hidrocarbonetos (HC) e xidos de nitrognio (NOx). Ocontrole do monxido de carbono, dos hidrocarbonetos e dos xidos de nitrognio de grande importncia pois, sobcertas condies, estes reagem fotoquimicamente para produzir fumaa txica quando expostos luz solar. Omonxido de carbono no reage da mesma forma, mas tambm txico.

    A Moto Honda da Amaznia Ltda. utiliza diversos sistemas para reduzir os ndices de emisses de monxido de carbono(CO), hidrocarbonetos (HC) e xidos de nitrognio (NOx).

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSES DO ESCAPAMENTO

    O sistema de controle de emisses do escapamento feito atravs de um acerto pobre do carburador, e nenhum ajustedeve ser realizado exceto o de marcha-lenta, por meio do parafuso de acelerao. O sistema de controle de emisses doescapamento separado do sistema de controle de emisses da carcaa do motor.

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSES DA CARCAA DO MOTOR

    O motor equipado com um sistema de carcaa fechada, a fim de evitar a descarga de gases na atmosfera. Os gases expelidos retornam cmara de combusto atravs do filtro de ar e do carburador.

    CARBURADOR

    FILTRO DE AR

    TUBO DE RESPIRO

    AR FRESCO

    GASES EXPELIDOS

  • INFORMAES GERAIS

    1-27

    CG125 FAN/CARGO

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSES DO ESCAPAMENTO (SISTEMA DE SUPRIMENTO DE ARSECUNDRIO)

    O sistema de controle de emisses do escapamento feito atravs de um acerto pobre do carburador, e nenhum ajustedeve ser realizado exceto o de marcha-lenta, por meio do parafuso de acelerao. O sistema de controle de emisses doescapamento separado do sistema de controle de emisses da carcaa do motor.

    O sistema de suprimento de ar secundrio pulsativo introduz ar filtrado nos gases de escapamento, atravs da porta deescape. O ar fresco sugado para dentro da porta de escape atravs da vlvula de controle PAIR.

    Esta carga de ar fresco promove a queima dos gases no-queimados e altera consideravelmente a quantidade dehidrocarbonetos e monxido de carbono em dixido de carbono relativamente inofensivo e vapor de gua.

    A vlvula de inspeo PAIR evita o fluxo inverso de ar atravs do sistema. A vlvula de controle PAIR acionada pormeio do vcuo do coletor de admisso, eliminando desta forma o suprimento de ar fresco ao motor durantedesaceleraes, evitando assim estouros no sistema de escapamento.

    Nenhum ajuste no sistema de suprimento de ar secundrio deve ser feito, a no ser inspees peridicas noscomponentes recomendados.

    CATALISADOR DE OXIDAO

    Esta motocicleta equipada com um catalisador de oxidao.

    O catalisador de oxidao est localizado no sistema de escapamento. Atravs de reaes qumicas, este converte oshidrocarbonetos (HC) e monxido de carbono (CO) em dixido de carbono (CO2) e vapor de gua.

    AR FRESCO

    GASES EXPELIDOS

    VLVULA DEINSPEO PAIR

    VLVULA DE CONTROLE PAIR FILTRO DE AR DA VLVULADE CONTROLE PAIR

    PORTA DE ESCAPE

  • INFORMAES GERAIS

    1-28

    CG125 FAN/CARGO

    SISTEMA DE CONTROLE DE EMISSO DE RUDOS

    So proibidas adulteraes no sistema de controle de emisso de rudos: a lei de cada regio probe os seguintes atosou suas conseqncias: (1) a remoo ou alterao ineficaz por qualquer pessoa, a no ser por propsitos demanuteno, reparo ou substituio, de qualquer dispositivo ou elemento de projeto incorporado a qualquer novoveculo com o propsito prvio de controle de rudos, para venda ou entrega ao comprador final ou enquanto em uso;(2) a utilizao do veculo aps a remoo de qualquer elemento ou dispositivo do projeto ou alterao ineficaz porqualquer pessoa.

    Entre estes atos, presumimos a constituio de adulterao os seguintes listados abaixo:1. Remoo ou perfurao do silencioso, defletores, tubos de escapamento ou qualquer outro componente que conduz

    os gases de escapamento.2. Remoo ou perfurao de qualquer componente do sistema de admisso.3. Falta de manuteno adequada.4. Substituio de qualquer componente do veculo ou componentes do sistema de admisso e escape, por

    componentes que no os especificados pelo fabricante.

    ETIQUETA INFORMATIVA DE CONTROLEDE EMISSES

    A etiqueta informativa de controle de emisses est fixada naparte dianteira da coluna de direo.

    Para assegurar que esta motocicleta esteja em conformidadecom as regulamentaes locais, certifique-se de que osndices de emisso de hidrocarbonetos (HC) e monxido decarbono (CO) em marcha-lenta estejam de acordo com osvalores recomendados.

    ETIQUETA INFORMATIVA DE CONTROLE DE EMISSES

    COMO USAR ESTE MANUALNDICE GERALSMBOLOS1. INFORMAES GERAISNORMAS DE SERVIOIDENTIFICAO DO MODELOESPECIFICAES GERAISESPECIFICAES DO SISTEMA DE LUBRIFICAOESPECIFICAES DO SISTEMA DE ALIMENTAOESPECIFICAES DO CABEOTE/VLVULASESPECIFICAES DO CILINDRO/PISTOESPECIFICAES DA EMBREAGEM/SELETOR DE MARCHAS/CONJUNTO DE PARTIDAESPECIFICAES DO ALTERNADOR/EMBREAGEM DE PARTIDAESPECIFICAES DA RVORE DE MANIVELAS/TRANSMISSOESPECIFICAES DA RODA DIANTEIRA/SUSPENSO/SISTEMA DE DIREOESPECIFICAES DA RODA TRASEIRA/FREIO/SUSPENSOESPECIFICAES DA BATERIA/SISTEMA DE CARGAESPECIFICAES DO SISTEMA DE IGNIOESPECIFICAES DA PARTIDA ELTRICA (Somente tipos ESCES)ESPECIFICAES DE LUZES/INSTRUMENTOS/INTERRUPTORESVALORES DE TORQUE PADROVALORES DE TORQUE DE MOTOR E CHASSILUBRIFICAO E PONTOS DE VEDAOPASSAGEM DE CABOS E FIAOSISTEMA DE CONTROLE DE EMISSESETIQUETA INFORMATIVA DE CONTROLEDE EMISSES

    /ColorImageDict > /JPEG2000ColorACSImageDict > /JPEG2000ColorImageDict > /AntiAliasGrayImages false /CropGrayImages true /GrayImageMinResolution 300 /GrayImageMinResolutionPolicy /OK /DownsampleGrayImages true /GrayImageDownsampleType /Bicubic /GrayImageResolution 150 /GrayImageDepth -1 /GrayImageMinDownsampleDepth 2 /GrayImageDownsampleThreshold 1.50000 /EncodeGrayImages true /GrayImageFilter /DCTEncode /AutoFilterGrayImages true /GrayImageAutoFilterStrategy /JPEG /GrayACSImageDict > /GrayImageDict > /JPEG2000GrayACSImageDict > /JPEG2000GrayImageDict > /AntiAliasMonoImages false /CropMonoImages true /MonoImageMinResolution 1200 /MonoImageMinResolutionPolicy /OK /DownsampleMonoImages true /MonoImageDownsampleType /Bicubic /MonoImageResolution 1200 /MonoImageDepth -1 /MonoImageDownsampleThreshold 1.50000 /EncodeMonoImages true /MonoImageFilter /CCITTFaxEncode /MonoImageDict > /AllowPSXObjects false /CheckCompliance [ /None ] /PDFX1aCheck false /PDFX3Check false /PDFXCompliantPDFOnly false /PDFXNoTrimBoxError true /PDFXTrimBoxToMediaBoxOffset [ 0.00000 0.00000 0.00000 0.00000 ] /PDFXSetBleedBoxToMediaBox true /PDFXBleedBoxToTrimBoxOffset [ 0.00000 0.00000 0.00000 0.00000 ] /PDFXOutputIntentProfile (None) /PDFXOutputConditionIdentifier () /PDFXOutputCondition () /PDFXRegistryName () /PDFXTrapped /False

    /CreateJDFFile false /Description > /Namespace [ (Adobe) (Common) (1.0) ] /OtherNamespaces [ > /FormElements false /GenerateStructure false /IncludeBookmarks false /IncludeHyperlinks false /IncludeInteractive false /IncludeLayers false /IncludeProfiles false /MultimediaHandling /UseObjectSettings /Namespace [ (Adobe) (CreativeSuite) (2.0) ] /PDFXOutputIntentProfileSelector /DocumentCMYK /PreserveEditing true /UntaggedCMYKHandling /LeaveUntagged /UntaggedRGBHandling /UseDocumentProfile /UseDocumentBleed false >> ]>> setdistillerparams> setpagedevice