Revista Made-On

Click here to load reader

  • date post

    23-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    218
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Entretenimento. Cultura. Qualidade de vida. Humor.

Transcript of Revista Made-On

  • A NOVA MANIA DO

    YOUTUBE

    CONFIRA O QUE ROLOU EM UM DOS MAIORES FESTIVAIS DO BRASIL

    CULTURADICAS PARA UMA

    BOA LEITURA

    QUALIDADE DE VIDASAIBA COMO SE MANTER SAUDVEL

    NA CORRERIA DO DIA A DIA

    made - onmade - onABRIL | 2013 - 1 EDIO

    Up

    !Ed

    itora

    R$15,90

    Foto: Divulgao

  • SUMRIO

    A maioria dos u n i v e r s i t r i o s , atualmente, se interessa em fazer um intercmbio ou esta-giar fora do pas. A ASSIM (Assessoria para Assuntos I n t e r n a c i o n a i s da UFSJ) o r-go da UFSJ que trabalha para promover a insero internacional da Universidade. Em 2013, a UFSJ est integrada a instituies de educao superior estrangeiras e interna-cionais nas Amricas, frica e Europa, desenvolvendo programas de intercmbio aca-dmico, projetos integrados de pesquisa, eventos e publicaes conjuntas.

    O Cincia sem Fronteiras um programa que busca promover a consolidao, expanso e internacionalizao da cincia e tecnologia, da inovao e da competitividade brasileira por meio do intercmbio e da mobilidade internacional. Ou seja, visa dar a oportunidade para ns universitrios de passarmos uma temporada em alguma Universidade estrangeira. O projeto prev a utilizao de at 101 mil bolsas em quatro anos para promover inter-cmbio, de forma que alunos de graduao e ps-graduao faam estgio no exterior.A oportunidade est a, mais informaes no site da UFSJ (http://w w w . u f s j . e d u . b r / a s s i n / p a r c e i r o s . p h p ) .

    E D I T O R I A L

    Ei! Oportunidade de intercmbio!

    PORTA DOS FUNTOS, NOVO FENMENO DA WEB

    Entretenimento

    P. 04-05

    Literatura e Programao cultural

    P. 06-07

    Qualidade de vida e dicas

    P. 08-09

    Humor e Redes Sociais

    P. 10-11

    YOUNg ADULTS: BOA LITERATURA E DIVERTIDA

    DEIXANDO A PREgUIA DE LADO: PROgRAMA SEgUNTO TEMPO

    LOLLAPALOOZA 2013

    Fonte: http://www.behance.net/gallery/COMPACTOR-Baquetas-%28dia-do-Rock%29/4517835 Fonte texto e imagens: http://www.ufsj.edu.br/assin/parceiros.php).

    Coordenao: Alessandra de Falco Marcius Barcelos

    Diretor de Ncleo: Laila Zin (Literatura e Progamao Cultural)

    Editor Geral: Jssyca Resende (Humor e Redes Sociais)

    Diretor de Arte: Jordana Leijto (Capa, Contra Capa, Editorial e Sumrio)

    Coordenador Administrativo: Tatiane Lobo (Qualidade de Vida)

    Editor de Arte: Tulio Moura (Entretenimento)

    Planejamento Visual Grfico - UFSJCurso de Jornalismo - 2013

    E X P E D I E N T E

    Up!Editora

  • Mas o grande problema foi a lama que tomou conta do Jockey Club. A rpida chuva que caiu no comeo da tarde foi suficiente para deixar al-guns pontos do lugar praticamente intransitveis. Durante o show do The Killers, era possvel ver alguns clares na plateia, exatamente nos lugares onde as pessoas no conse-guiam pisar por causa do barro.Outro problema foi a interferncia entre os udios de artistas que se apresentavam simul-taneamente. Muitos fs do Cake reclamaram que a apresentao de Porter Robinsonno pal-co do Perry atrapalhou o show dos america-nos. Alm disso, houve problemas com o udio do Of Monsters and Men e do Crystal Cas-tles.Na parte musical, os destaques ficaram por conta de Passion Pit, Of Monsters e The Killers. O The Flaming Lips no empolgou o pblico em sua bizarra apresen-tao.O segundo dia do Lol-lapalooza atraiu cerca de 55 mil pessoas para o Jockey Club. Com um excelente line-up fechado pelo The Black Keys, o sbado foi mais movimentado do que a sexta-feira, mas alguns problemas do dia ante-rior ainda persistiram. O problema da lama parecia parcialmente re-solvido, mas ao longo do dia mui-tos pontos ficaram intransitveis, mesmo sem chuva. Os lugares mais crticos eram uma rea ao lado do palco Alternativo e um espao logo atrs da tenda de TV do mesmo palco. Os arredores dos banheiros tambm viraram lamaais e, para

    O Lollapalooza chegou em 2012 conquistando o pblico brasileiro e levando um pblico de cerca de 60 mil pessoas

    para So Paulo. Com a fama j existente, aps a segunda edio o festival j garantiu a estabilidade da marca no pas e

    j tem uma 4 edio marcada para Abril de 2014.

    Com o crescimento do mer-cado de entretenimento nos ltimos anos pde-se notar a vinda de muitos festivais para o Brasil. o caso do Rock in Rio que voltou para o pas de origem de-pois de uma temporada fora, Pla-neta Terra Festival que acontecia no Playcenter, e do Lollapalooza que j tem suas verses no Chile e em Chicago.O Lollapalooza surgiu como uma turn da banda Janes Addiction em 1990 e acabou ganhando edies anuais com a colaborao de outras bandas. O nome signifi-ca coisa grande e extraordinria mas tambm significa pirulito gi-

    gante. Cerca de 50 mil pessoas encar-aram a lama do Jockey Club para ver um enrgico show do The Killers encerrar o primeiro dia de festival. Alm dos americanos, bandas como Cake, The Flaming Lips, Passion Pit e Of Monsters and Men passaram pelos palcos do evento.Mas nem tudo foram flores no primeiro dia de Lolla. Os perren-gues comearam logo na retirada dos ingressos. Quem deixou para retirar as entradas na hora sofreu com uma quilomtrica fila, que chegou a provocar mais de uma hora de espera, principalmente

    no perodo da tarde. No houve maiores problemas na entrada do festival nem na compra de in-gressos, j que havia trs pontos de venda ao longo da Av. Lineu de Paula Machado.As filas para comprar fichas e pegar bebidas e comidas estavam grandes em certos horrios e al-guns pontos, mas no geral a situ-ao estava bastante amena. As opes de comida eram variadas e iam desde nachos a temakis, passando por pastis e sanduch-es. O preo variava entre 1 e 3 Pil-lapaloozas (R$ 4,00 e R$ 12,00), enquanto a cerveja custava 2 Pil-lapaloozas (R$ 8,00).

    piorar, era possvel sentir um forte cheiro de estrume.

    Os problemas tcnicos continuaram e houve muitas falhas no som, principal-mente nos shows de Franz Ferdinand e The Black Keys.O festival estava visivel-mente mais cheio do que o dia anteri-or, mas as filas no estavam maiores.

    Alguns caixas estavam cheios, mas out-ras tendas que vendiam fichas h cer-ca de 20 metros de distncia estavam vazias. A impresso era de que as pes-soas pareciam meio perdidas na rea do evento, mesmo com a organizao distribuindo mapas logo na entrada do festival.Em relao a parte musical, o segundo dia de Lollapalooza Brasil 2013 contou com um excelente line-up e shows em-polgantes de Two Door Cinema Club,

    Franz Ferdinand e The Black Keys, apesar de algumas falhas no som. O destaque ficou por conta do timo show do Queens of the Stone Age, com direito a uma msica indita no setlist.O domingo de Pscoa marcou o ltimo dia do Lollapalooza Brasil 2013. Com os ingressos esgota-

    dos, 60 mil pes-soas viram o Pearl Jam encerrar o festival com chave de ouro em um show de mais de duas horas de du-rao.Mas com a lotao mxima, prob-lemas que no tinham aparecido nos dias anteri-ores surgiram no terceiro dia. O espao do festi-val estava visivel-mente bem mais congestionado do que nos outros dias, o que dificul-tou a locomoo em algumas reas. O proble-ma da lama per-sistiu, junto com o forte cheiro de esterco, e por isso os espaos para circulao eram mais limitados do que deveriam ser.

    A maior concentrao de pessoas gerou maiores filas. O problema da interferncia entre os sons do palco do Perry e do palco Butant tambm parece ter sido amenizado e quase nenhum show sofreu com falhas tcnicas.Na parte musical, o dia teve grandes shows de Foals, Kaiser Chiefs e The Hives. Planet Hemp e Pearl Jam encerraram o festival com muita propriedade.

    Lollapalooza 2013

    O pblico entrou no clima do festival que apesar da lama e das filas, manteve um pblico animado.

    Crd

    itos:

    Text

    o: w

    ww.

    rock

    nbea

    ts.co

    m.b

    r Im

    agen

    s: w

    ww.

    ihat

    eflas

    h.ne

    tCrditos: Texto: w

    ww.rocknbeats.com

    .br Imagens: w

    ww.ihateflash.net

    Entretenimento Entretenimento

    04 Made-on Abril/2013 Made-onAbril/2013 05

  • O gnero no exatamente uma novidade, mas est conquistando seu reconhecimento nos ltimos anos, e ganhando um cantinho especial nas livrarias e no corao de muitos leitores pelo mundo. As sagas Harry Potter, de J.K. Rowling, e Jogos Vorazes, de Suzanne Collins so exemplos do gnero, mas no

    YOUNg ADULTS: bOA LITERATURA. E DIVERTIDA.

    A Culpa das Estrelas (The fault in our stars - 2012) Hazel uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante o que lhe d a promessa de viver mais alguns anos , o ltimo captulo de sua histria foi escrito no momento do diagnstico. Mas em todo bom enredo h uma

    reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no grupo de Apoio a Crianas com Cncer. Juntos, os dois vo preencher o pequeno infinito das pginas em branco de suas vidas.

    2013 vai ser um bom ano para os amantes de fico, no prximo dia 26 temos a estria de Homem de Ferro 3, e as espectativas esto muito altas. Nesse filme, Tony Stark (Robert Downey Jr.) vai enfrentar o vilo Mandarim (Ben Kingsley), e precisar ressurgir dos destroos de sua manso para salvar Pepper (gwyneth Paltrow). Alm das cenas de ao e efeitos grficos incrveis, o pblico tambm vai receber Tony Stark lutando contra seus prprios medos.

    Nesse nosso mundo moderno, onde os jovens passam cada vez mais tempo na internet e nem lembram qual a cara de uma biblioteca, surpreendente que um gnero de literatura esteja crescendo sem previso nenhuma de parar. Para quem ainda no sabe, Young Adults (YA, para os ntimos) uma faixa etria que representa pessoas de 15 a 29 anos: os adolescentes que no se sentem mais crianas e os jovens adultos que gostam de se divertir enquanto leem.

    Vampiros em Nova